Governamental/Legal

A nova Lei Seca e os limites de tolerância

Lei-Seca-1_-620x412 A nova Lei Seca e os limites de tolerância

A Resolução 432, de 23/01/13, do Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN), publicada no Diário Oficial da União de 29/01/13, tornou mais rigorosa ainda a chamada Lei Seca. Agora, a configuração da infração de trânsito, prevista no Artigo 165 do CTB, com relação ao teste do etilômetro (bafômetro), se dá quando a medição realizada alcançar quantidade igual ou superior a 0,05 miligramas de álcool por litro de ar expelido dos pulmões,a metade da quantidade anterior, que era de 0,1 mg/L, descontado o erro máximo admissível do aparelho (0,04mg/L), conforme estabelecido pelo INMETRO, na Portaria 006/02. Portanto a margem de tolerância é o erro máximo admissível. Para o crime previsto no Artigo 306 do CTB, a infringência se dá quando a medição realizada no bafômetro for igual ou superior a 0,34mg/L, também descontado o erro máximo admissível de 0,04mg/L.



No entanto, para caracterização da infração, através de exame de sangue, qualquer concentração de sangue registrada tipifica a infração. Ou seja, no exame de sangue a tolerância é zero.para a infração administrativa. Já para a configuração do crime, através do exame de sangue, a dosagem alcoólica encontrada terá que ser igual ou superior a 6 (seis) decigramas de álcool por litro de sangue (6dg/L), mantendo-se como anteriormente. Registre-se que a nova resolução do CONTRAN estabelece, em seu Artigo 6o (sexto), parágrafo único.que ” serão aplicadas as penalidades e medidas administrativas previstas no Artigo 165 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) ao condutor que RECUSAR a se submeter a qualquer um dos procedimentos previstos na presente resolução, sem prejuízo da incidência do crime previsto no Artigo 306 do CTB caso o condutor apresente os sinais de alteração da capacidade psicomotora”.

Os procedimentos previstos na Resolução 432/13 para enquadrar motoristas na infração ou crime de direção alcoolizada são: exame de sangue; exame clínico com laudo conclusivo firmado por médico perito; exame de laboratório especializado (especialmente em casos de consumo de outras substâncias psicoativas que determinem dependência); teste do etilômetro (bafômetro), além da constatação, pelo agente de trânsito,com relato de informações dos sinais de alteração da capacidade psicomotora observados, devendo citar, quando for o caso, a identificação de testemunhas e a anexação de fotos, vídeos ou outro meio de prova complementar.

O cerco, portanto, está apertando para os que insistem em beber e dirigir. É bom lembrar que a perigosa mistura álcool e direção tem sido causa de inúmeras tragédias no trânsito brasileiro. Quando for beber, deixe o carro na garagem. Se for enquadrado na Lei Seca, a multa é de R$ 1,915, 40 tendo ainda o motorista o direito de dirigir suspenso por um ano, sem falar na possibilidade de responder também a processo criminal, com pena de detenção que varia de seis meses a três anos, conforme o estabelecido no Artigo 306 do CTB.. Preserve a sua vida e a dos demais usuários da via pública. No trânsito, quanto mais se aprende, mais se vive.

Milton Corrêa da Costa é tenente coronel da reserva da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro

  • Juniorfillingam

    Rapaz para ir em festa agora só de Táxi. OU tem alguém q vai só para olhar o movimento "tirando repórteres etc desse tipo"
    Mas tem uma via só de uma mão ai?
    pq a lei funciona para condutores . PONTO Bebeu agora Sr. se quebrou e pronto.
    mas as montadoras q fabricam carros com vidros elétricos todos já deveriam vir com ante – esmagamento, no entanto tem poucos modelos, e pq não fiscalização nisso tb?

    • andre_ribeiro

      Minha nossa, o que tem a ver álcool x direção com vidro anti-esmagamento? Tudo bem que vidros com essa tecnologia traz segurança, principalmente para filhos no banco de trás, mas acho que não tem nada a ver com esse tópico.

      • Juniorfillingam

        pois tenho filhos e lei e para ser cumprida. O que queria mostrar q a lei só vai em uma mão á da população, foi isso. EU não vou mais beber nem socialmente quanto tiver no volante. Limpamos a cara q nunca bebeu e saiu dirigindo, mas não mais esse aqui.

        • bandaxadibar

          com eta lei seca, eu estou bebendo até mais que antes, pois agora vou e volto de taxi e nem me preocupo com a quantidade que bebo….

          • Juniorfillingam

            dois….

          • rgmmelo

            uahuahuahuahauhauahuahuh. Bom seria se todos pensassem assim. Conheço uns que colocaram o wise no Smartphone so pra desviar da Lei seca aqui no recife.

  • frederichdiniz

    Conscientizem-se: álcool e direção NÃO combinam.

    • bedotRJ

      Conscientize-se: circulação de carros e estradas construídas por brasileiros corruptos NÃO combinam.

  • AndredeAzambuja

    Só eu não aguento mais falar desse negócio de Lei Seca? Em resumo: O Brasil é um lixo de país que não fornece transporte público eficaz e 24 horas, em que os taxis são super caros e em que as capitais são enormes, onde as pessoas vão a lugares distantes de suas residências para sair. Tinha que fornecer alternativas para a população antes de adotar medidas tão rigorosas. Criou-se um mito de que o alcool é a principal causa de acidentes nos grandes centros urbanos, quanto na verdade, é a babaquisse e falta de capacidade de certas pessoas para dirigir. Os exames do DETRAN para fornecer uma CNH beiram o ridículo, qualquer macaco passa. Já repeti diversas vezes que não estou defendendo a soma de "bebida e direção", mas me revolta como todo mundo esquece dos problemas que são de responsabilidade do Governo pra apoiar essa medida, que é um paliativo, uma atitude preguiçosa de um Governo preguiçoso de um país preguiçoso, em que resolver o problema pela raiz é muito mais difícil do que colocar um monte de blitz na rua pra pegar gente que só bebeu uma cerveja e tá indo pra casa.

    • MyFault!

      É como eu digo: no Brasil tudo se resolve pela metade e usando meios ruins para concertar situações ruins.

      • CeloSurf_

        Neste país cria-se dificuldade para vender facilidade. Imagina quanta gente não está tirando uma grana por fora as custas desta lei seca? Enquanto um monte de policial estão nas blits para fiscalizar e PUNIR o cidadão comum que comeu um bombom de licor e que paga todos os impostos em dia, os bandidos estão nas ruas para roubar e matar sua família sem piedade E SEM PUNIÇÃO. Isso ninguém fala, por que será???

        Nos EUA a tolerância de alcool no sangue não é zero igual aqui, as pessoas respeitam e os policiais não precisam se mobilizar para fazer blitz; Por que será que a lei lá funciona e aqui não funciona, Será que o brasil é o país da impunidade???

    • andre_ribeiro

      Em primeiro lugar, ninguém está impedindo ninguém de ir e vir com o carro que tem. A lei não te obriga a usar "transporte público ineficiente", como vc citou. Ela só proteje o restante dos motoristas que não quer compartilhar a imprudência dos que bebem estando ao volante. Quer usar seu carro que use, mas sem arriscar a vida dos outros. Concordo com vc quando diz que o problema dos acidentes envolve outras coisas, como os exames fracos pra CNH, entre outros. Porém, minimizar o álcool como vc fez é, no mínimo, uma insanidade. Muitos aqui reclamam que nosso país não tem leis corretas, leis eficazes como os países desenvolvidos. Daí quando vem uma que tenta se equiparar, aparece uns caras como vc pra dizer que não tem nada de errado com um cara que "só bebeu uma cerveja e tá indo pra casa". Vá fazer isso em outros países sérios aí pra vc ver o que leva. Ah não, peraí, agora aqui também né, ainda bem. Um viva pra essa lei seca e que seja daí pra mais.

      • AndredeAzambuja

        País sério tem transporte público sério, por isso as pessoas não precisam pegar o carro se quiserem beber…quem bebe nesses países e depois dirige é babaca mesmo. Aqui nem todo mundo é milionário pra ficar pegando taxi, nem todo mundo tem amigo que mora perto pra dar carona e ser o "motorista da rodada", nem todo mundo mora perto dos amigos pra poder sair sem precisar do próprio veículo. Na medida em que você tem que limitar seu próprio livre arbítrio por ineficiência do Poder Público, as coisas estão erradas.

        • andre_ribeiro

          Olha, um taxi de vez em quando acho que não mata ninguém. A não ser que o cara queira beber 05 vezes por semana, daí realmente fica caro. Mas aí vai de cada um, se quer beber com tanta frequência assim que não consegue nem pagar um táxi, que arque com o ônus. O fato é que ninguém é obrigado a cruzar com pessoas bêbadas pelo caminho. Agora, como eu disse, ninguém está te privando do livre arbítrio, afinal livre arbítrio é fazer suas próprias escolhas, e isso vc pode continuar fazendo, assim como fazia antes, com lei ou sem lei. O que ela diz é que, dependendo do que fizer, terá uma consequência. Se vc está disposto a pagar por ela, vá em frente. Mas o seu livre arbítrio, continua o mesmo.

          • Rmx_ch

            O cara tem grana pra manter um carro e não tem pra pagar um taxi! Sacanagem.
            Prefere dirigir bebado fazendo um monte de merda igualzinho os meia rodas que saem do DETRAM. So que nem se da conta.
            E no fim a culpa e dos politicos!!!¨¨ AFFF.

            • andre_ribeiro

              Pois é né, aparece tanto argumento furado aqui como esse do taxi que a gente fica de cara!

              • visanpai

                Argumento furado?! Eu que moro em Brasília e moro em cidade satélite, se for participar de um Happy Hour com a galera do trabalho e pegar um Táxi para casa gastarei mais de R$80,00!
                Não estou dizendo que é correto beber e dirigir, mas transporte público de qualidade é o mínimo que deveria ser garantido após adoção dessas medidas!
                Fora que nos casos de acidentes os caras estão muuito bebados e não com 2 latinhas na cabeça…

                • pauloreis

                  ainda que o cara beba o suficiente, não justifica ficar dirigindo a mil "porque esta de estado alterado". Quando eu bebo um pouco a mais e estou dirigindo, eu simplesmente o faço muuuuito devagar, presto atenção em todos os detalhes, quer dizer, pode ser que dirijo até melhor do que quando faço sóbrio rs Tem muita gente irresponsável que nem precisa de uma latinha pra justificar a direção perigosa…. concordo que ficar dependente de táxi e transporte público neste país não justifica. Ainda que nem todos os lugares vão te atender de imediato. Uma latinha não é o suficiente para alterar a direção das pessoas mais sensatas e responsáveis.

                • vi0lator

                  O que você chama de transporte público de qualidade? Um que te pegue no bar e te deixe na porta de casa? Que eu saiba em Brasília tem ônibus para todos os lugares.

                  • GuiCastro

                    Em Campinas não. Não tem em qualquer horário e a conta do táxi não sai menos de R$50,00: mais caro que o jantar na churrascaria que vc bebeu dois copos de cerveja e virou um assassino por isso.

        • GuiCastro

          Andre, concordo planamente em todos os pontos com o que você disse.

          Mas isso é guerra perdida, assuma: você virou um assassino agora. Não pode mais ir jantar com a patroa e beber uma taça de vinho sem pagar o valor do jantar em um táxi.

      • CyborgPilot

        Concordo com vc André _ribeiro, que seja daí pra mais rigoroso ainda. E que os agentes da lei façam cumprir à risca, sem fazer acepção de pessoas.

      • jcperes

        Eu entendi o que o AndredeAzambuja quis dizer. Aqui vc não pode mais ir a um restaurante com sua namorada ou esposa e beber uma taça de vinho (uma quantidade que não é suficiente pra embebedar a maioria das pessoas). O problema é que quem bebe o suficiente pra ser considerado um "perigo no volante" não vai parar de beber por causa dessa lei até ser pego numa blitz ou até provocar um acidente. E aqueles que bebem uma quantia inofensiva é que pagam por isso. É algo como: "agora vc colocou uma gota de álcool na boca, PRONTO. Vc tá bêbado. Vc é criminoso." Não é bem assim. Em muitos países europeus a quantidade limite de miligramas de álcool por ar expelido dos pulmões é maior que a nossa (não me lembro o valor exato, mas é maior). E existem pessoas com tolerância maior aos efeitos do álcool e que mesmo tendo bebido pouco, ainda dirigem muito melhor que muitas pessoas sóbrias, pois nosso sistema de formação de condutores é uma piada, não forma motoristas.. tá mais pra tutorial de como passar nas provas teórica e prática. Além do fato de que pessoas sóbrias também cometem imprudências que resultam em acidentes, como por exemplo: se distrair com o celular, desrespeitar a sinalização da via, fazer manobras perigosas, dirigir a velocidades muito acima da permitida, etc.

        Mas também entendo a posição do andre_ribeiro, pois muitas pessoas não conhecem seus limites e não sabem a quantidade segura que podem ingerir de uma bebida alcoólica. E nesse sentido a lei seca é eficaz, pois pode disciplinar uma porcentagem muito maior de pessoas que se enquadram nesse perfil (ao contrário daquelas que sabem beber pouco o suficiente para não representar perigo ao volante, que são minoria).
        Se as pessoas fossem conscientes, não precisaríamos de uma lei seca tão rigorosa, mas como infelizmente a grande maioria não é, acho que ela é necessária sim.

        • temNao

          Quer sair com a esposa/namorada e beber uma taça de vinho? Faça o seguinte: vc bebe e ela não, aí ela pode levar o carro ou ela bebe e vc não e vc leva o carro, pode ser? Como vc mesmo falou no final do texto ,falta consciência e eu completo que falta principalmente bom senso, esse ultimo é o que mais falta nos motoristas brasileiros.

          Caso ela não ou ele não tenha CNH aí é melhor não beber.

        • caique313131

          Não existe quantidade segura de ingestão de bebida alcoólica. Um gole e você já tem sua capacidade de raciocínio e coordenação motora afetados, mas não o suficiente para que aumente em alguma porcentagem, não desprezível, a chance de acidentes. Esse negócio de o cara tomar algumas, "não ficar bêbado" e achar que esta tudo certo para ir ao volante está mais para o pensamento de um criminoso em potencial. Se você está bêbado, fica óbvio. Se você não está bêbado mas ingeriu alguma quantidade de álcool, você provavelmente só ira perceber a diferença que isso fez na hora de um acidente.

          • dr_782

            Existe sim quantidade segura, tudo depende da eficiência dos Complexos Golgienses do teu fígado. Se vc beber dentro do limite deles, nada chega ao teu cérebro e nada será afetado. A grande maioria tem sim um fígado capaz de metabolizar uma taça de vinho.

            temNao: difícil é achar graça em tomar vinho sozinho..isso é justamente daquelas coisas de se curtir em 2, como um cinema, por exemplo.

            Assino em baixo no comentário do jcperes…esta lei se faz necessária porque tem muita gente que não vai lá e toma uma taça..vai pra terminar a garrafa – o que com certeza ultrapassa o limite de metabolismo de quase todos, mesmo sem se sentir bêbado – e quem bebe certo tem que se limitar pra tentar "educar" quem não tem educação de berço.

          • Thiago_Rabello

            Cara, estude um pouco sobre um assunto, meio copo de cerveja não deixa ninguem alterado, UM gole como vc falou, de vinho nao te deixa alterado…

            Vamos parar de falar M%$$A aqui né…

      • Armando_Perez

        Primeiro, nenhum país desenvolvido que eu tenho conhecimento existe a tal da lei seca, todas elas tem o seu limite, alguns o limite beira a 0.8 como o Estados Unidos, e se você for pego abaixo desse limite você está legal.
        E antes de o país querer me exigir que eu faça algo, por exemplo beber e depois dirigir, me ofereça alternativas EFICIENTES, SEGURAS E DECENTES de como eu posso voltar para minha casa em segurança, AFINAL PAGO IMPOSTOS ABSURDOS PARA TER TUDO ISTO. e como você vê os absurdos cometidos no transito no dia-a-dia em "horário comercial". quantas vezes vc escapa de bater seu carro por dia?
        Então quer dizer que agora eu tomei uma cerveja numa janta e pego o carro para ir pra casa eu sou imprudente, sou assassino? ou um monstro? E o que dizer daqueles infelizes que descumprem inúmeras regras de trânsitos que trazem consequências muito mais graves, como o motorista que não da a simples seta para dobrar ou trocar de faixa? ou aquele motorista que está ultrapassando numa curva, ou aqueles monstroqueiros que fazem o dito corredor? E aí.. porque esses não são condenados pela sociedade como são condenados aqueles que tomam uma cerveja ou um vinho? A mídia fala que tantos acidentes são causados por motoristas bêbados (vem cá se 0.6 você se considera bêbado, Parabéns você sofreu lavagem cerebral)e porque ela não noticia os outros? mais um exemplo, porque só os acidentes com carros esportivos e "potentes" como diz a midia, aparece? e os outros que estão em RIDICULO estado de situação que não tem CONDIÇÃO nenhuma e muito menos SEGURANÇA não são noticiados? mais um exemplo que assombra a nossa sociedade é o tal do desarmamento, vem cá. ele serviu para alguma coisa? ou SÓ PARA DESARMAR AS PESSOAS DE BEM E DEIXAR A CERTEZA QUE POSSAM FAZER QUALQUER COISA COM VOCÊ PORQUE SABE QUE VC NAO TEM ARMA? porque para os bandidos A LEI não tem efeito nenhum. muito pelo ao contrário, os homicídios por armas de fogos no brasil aumento depois do desarmamento, e porque isso?
        Porque é muito mais fácil penalizar as pessoas de bens tentando proibir (que com certeza serão SÓ as pessoas de bens que irão respeitar) do que atacar a raiz do problema, que é investir em educação, em carros melhores e mais seguros investir principalmente em segurança para o pedestres, fazendo ter o minimo contato com veiculos, investir em transportes com qualidade e segurança, eu adoraria voltar para casa de apé caminhando por ai sem ter o que me preocupar, mas posso fazer isso? NÃO pois nem sei que chegarei. então por favor vamos parar com hipocrisia sobre esse assunto, e comecem a tirar conclusões sem a interferência de reportagens, dados e números tendenciosos, e façam sua parte, conhecendo seus candidatos, parando de oferecer votos em troca de gasolina, coloquem gente que você sabe que fez algo de bom na sua sociedade, comecando a exigir do seu vereador as mudanças para o BEM da sociedade. parar com egoismo de pedir troca de favores particulares, Parando de da seu voto para uma determinada legenda ou partido, dê seu voto para quem você saiba que se preste.

        • bedotRJ

          Cara, não tente explicar essas coisas pros amantes da Lei Seca. Eles não têm esse alcance. Quando eles vêem um balão da Lei Seca, quase ovulam de satisfação, pouco importando se a poucos metros dali algum irresponsável não alcoolizado está fazendo besteiras ou se a via em que circulam é suficientemente segura a ponto de evitar a ocorrência de acidentes fatais, mesmo que imperitos e imprudentes circulem por ali.

          Na cabeça dessa gente, tudo se resolve quando outorgamos poderes ao Estado. Pode ser corrupto e pode não nos entregar nada de volta pelos impostos que pagamos: ainda assim, o Estado resolve tudo. É muito atraso mental!

      • rgmmelo

        O marido de uma colega minha, que era alemão dizia que gostava do Brazil, pois além de fornecer a esposa, ele bebia e dirigia a vontade, coisa que não fazia na Alemanha.

    • paranaiba

      Fui na Europa (Portugal e França) no fim do ano passado a passeio, saia pra tomar quase todo dia a noite, só pegava Metro ou Taxi, em Portugal Metro é 1,50 euros e na França 1,75, funcionam até 1 da manha se não me engano, Taxi em Lisboa pagava no Máximo 5 euros,e na França o mais caro que paguei foi 10 euros, tudo depende da distancia claro, enfim, alternativas eficazes, ah, e pra finalizar, só de lembrar das Cervejas que eu tomava dá saudade, Leffe, Erdinger, 8.6, Sagres, huuuum!

    • bedotRJ

      Outro dia, houve um acidente na Via Lagos, trecho de 80km, privatizado, da rodovia que liga o Rio de Janeiro à Região dos Lagos (Cabo Frio, Búzios etc.). Um Corsa Sedan pegou um caminhão de frente. Seis pessoas morreram. Alguns minutos antes, o motorista desse Corsa pagou o pedágio mais caro do Brasil prá circular naquela via. No começo do ano passado, o dono desse Corsa pagou o escorchante IPVA anual para ter direito à propriedade regular daquele carro. Fora o que ele paga de tributos na gasolina, no IR, em tudo. Mas ninguém se comoveu com sua morte, nem de sua família. Eles eram uns "sem-álcool", então não havia vilão prá culpar. Foi apenas uma "fatalidade", embora aquela pista de asfalto relativamente bom, mas escorregadio, não tenha divisória entre os dois sentidos.

      Prá esse pessoalzinho que baba essa porra dessa Lei Seca, mortes como essas não chocam. Se devem ao mero acaso. Eu tenho ASCO dessa postura. Os governos gastam os tubos com propaganda de Lei Seca, mas não nos entregam transporte público e nem condições seguras de rodagem. E as pessoas, iguais um bando de patos, caem nessa estratégia sub-reptícia e passam a só falar de álcool, esquecendo todo o resto. Bem se vê o quanto isso aqui ainda é uma republiqueta de atrasados.

      • caique313131

        Concordo com você. Essa budega de Lei Seca é uma inutilidade. Deveriam aumentar bastante a tolerância dela, ou até tirar ela de circulação, por que ai eu vou poder enxer bastante a cara e ir correndo atropelar você, afinal, é só botar a culpa no álcool.

        • bedotRJ

          Fazer ironia exige uma boa escrita e ausência de problemas cognitivos.

          Ser contra a Lei Seca é uma questão de cidadania. É dizer a esses corruptos que nos governam que NÃO, não permitimos que eles nos fichem criminalmente, de maneira PREVENTIVA, enquanto não desempenharem adequadamente sua função pública, nos entregando alternativa em transporte público.

          É inaceitável que uma pessoa sofra sanções penais sem ter praticado o ato culposo. O cara que toma seu vinho com a namorada, sua cerveja com a família e volta pra casa de maneira segura, sem ter causado acidentes, não é um safado e sem vergonha que mereça ser punido com prisão. Só mesmo os desonestos intelectuais defensores dessa lei igualam esses casos aos acidentes efetivos ou dizem que quem é contra a Lei Seca é favorável à impunidade de irresponsáveis. Quero todas as sanções cabíveis a quem efetivamente causou acidente, com agravante pela presença do álcool e culpa concorrente para a Administração Pública se observada sua desídia. Mas não quero nenhuma sanção não administrativa a quem não causar acidentes, mesmo que extrapole qualquer limite de consumo. Tem que ser assim até os governantes fazerem sua parte.

          • edubarbosa

            "Ser contra a Lei Seca é uma questão de cidadania."

            HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA!!!!!

            Mas que falácia, bedotRJ?!?

            Se você tem problema com políticos corruptos, faça protestos. Se você for muito radical, vire um justiceiro… vá caçar políticos corruptos.

            Como você é adepto à desobediência civil, sugiro que pare de pagar impostos: IPVA, IPTU, IR e outros que você consiga "não pagar". E boa sorte!

            • bedotRJ

              Eu e 100% dos brasileiros de bem temos problemas com políticos corruptos. Já os defensores da Lei Seca não têm esse problema: confiam cegamente nas instituições de um Estado comprovadamente corrupto e aceitam restringir direitos de pessoas de bem, que nada fizeram, para conferir poderes a esse mesmo Estado.

              Outro aspecto dos amantes da Lei Seca, reiteradamente verificado em suas argumentações, são os problemas cognitivos. Se nos colocamos contra a Lei Seca, seus defensores vêm com baboseiras como essa de dizer que somos adeptos da desobediência civil. Quando esta flagrante desonestidade intelectual está presente num mesmo arrazoado junto com gargalhadas de hiena, a gente percebe que a continuidade do debate nos levará inexoravelmente ao consumo de capim.

      • rgmmelo

        Uma semana antes do natal, um motorista pai de família, bom homem, pegou o seu caminho carregado de gesso, do polo gesseiro do sertão Pernambucano e Invadiu a pista contrária, Matou 11 pessoas num minuto: Trabalhadores que iam de SP ao Pi passar o natal com a família. Ele estava bebado. Então não diminua ou não chame de pessoalzinho esses, que acham que a lei seca é util. Lembro que no seu estado, a lei seca reduziu os acidentes em 20% no primeiro ano. Não se trata so de alcool, mas ele é um problema que mata e mata muito e deve ser tratado;Pelo seu pensamento ou tratamos tudo ou não tratamos nada? Perfect.

        • bedotRJ

          Chamo de pessoalzinho sim. Não enxergam além do óbvio. Não percebem que a queda se deu, não pela lei em si, mas pelo aumento da fiscalização. E comemoram os tais 20% de queda sem se dar conta dos demais 80%, contingente muito maior, gente que vai continuar morrendo porque os satanizadores do álcool não movem uma palha prá cobrar das autoridades condições seguras de rodagem, redução da carga tributária e transporte público de qualidade.

          A lei não atingiu um bacana global. Vai continuar não atingindo. Eles têm dinheiro prá pagar os R$ 2mil de multa. Eles têm bons advogados, são amigos de políticos, juízes e promotores. A lei vai infernizar a vida do cidadão comum que ingeriu suas 3 latinhas de cerveja e, mesmo não tendo causado acidente, será fichado criminalmente. Essa pessoa não merece ser tratada como bandida. Se, porventura, causar um acidente, aí sim, deve ter no consumo de álcool um agravante penal, sem prejuízo da culpa concorrente do Poder Público por eventualmente não entregar uma via segura.

      • O_Corsario

        Falou tudo. Falam muito dos acidentes causados pelo álcool, mas não falam nada dos acidentes causados pela incompetência e descaso do poder público que são a grande maioria. Pode botar neste saco aí a droga do CFC que não ensina, as estradas e ruas que tem traçados errados, sinalização pífia e condições de rodagem absurdas.
        Mas isso não rende multa, então não tem problema!

    • Sabidao

      Concordo, e como se reduzir um índice de alcool no sangue que já era praticamente zero pra metade de zero fosse mudar alguma coisa. É o que eu disse em outro post, no Brasil as pessoas querem resolver todos os problemas criando leis, é muito mais fácil e "mostra mais serviço do governo" do que atacar a raiz do problema. Muitos desses motoristas babacas e mentecaptos que estão na rua poderiam ter sido facilmente identificados durante a fase de habilitação. Tem que arrochar lá atrás, se o cara não tiver condições psicológicas e intelectuais não pode receber habilitação. Que peneira é essa que passa todo mundo?

    • thiagolamim

      +1000 amigo!
      Triste ler os argumentos acima
      .

  • yuri calmon

    Agora nem mais receber a Ostia sagrada se for embebida em vinho!!!!B)KKKK

    • andre_ribeiro

      Pior que o vinho fica só pro padre kkkkk

  • Edson Roberto

    Legal, se essa operação considerar os primeiros horários de trabalho, muita gente tem o risco de se dar mal. Um dos produtos que usamos para limpar nossa boca tem alcool. Nesse caso será assim mesmo?

    Pegará a pessoa para multar? Prevejo que balas de licor e outros com alcool, deixarão de serem ofertados, afinal essa medição é para pegar tudo, mesmo quem sequer está "alegre".

    E ainda fará do policial que ele decida talvez nem sempre sendo correto. Parabens! E assim caminha a humanidade, enquanto tem louco andando a 30km/h em RODOVIA, nego andando a mais de 160km/h NA CIDADE E RUA DE BAIRRO, vamos pensar na punição da bebida! Boa!

    • andre_ribeiro

      Para bombons com licor e anti-sépticos com álcool, a solução é fácil. O efeito passa em 20 minutos, no máximo. Se achar que ainda pode acusar alguma coisa, no caso de ser parado, é só se recusar a fazer o teste naquele momento e pedir para aguardar alguns minutos. Afinal, se o cara não tiver bebido realmente, não apresentará nenhum outro indício e não o porque de ter medo. É só fazer o teste depois que não acusará nada. Não tem desculpa.

      • Edson Roberto

        Bom saber que é assim. Pois eu não bebo, mas ficaria com medo de ser pego sem sequer botar uma gota de alcool na minha boca (quer dizer, de bebidas alcoolicas ou até mesmo bombons com alcool, não gosto do saber que deixa).

        • Archimedes

          Se soprar, e der positivo, vale a mesma coisa. Pede pra soprar outra vez, pra servir cmo contra-prova. dificilmente vai acontecer falso-positivo outra vez. Eles dão tipo meia hora, ou coisa do tipo. Precisa de medo não, é só não ser mal-educado com os autoridades que eles colaboram.

      • Fabio D.

        Viu Jornal Nacional, né? ahuhuahua brincadeira, bro!

      • Thiago_Rabello

        O jovem, vai conversar com o policial.. Ele não quer nem saber, não tem segunda chance não.. Se não eu falo que comi um bombom e que é pra ele esperar o efeito passar, ele vai rir da sua cara e continuar com os procedimentos…

        ESSSA NOVA "REFORMA" FOI EXAGERADA….

    • Rmx_ch

      Ja parou pra pensar que muitos desse que vão a 30 na estrada ou a 160 nas estradas estão bebados ou drogados!!!!!!!!!

      • Edson Roberto

        Eu posso estar doido, mas na vinda a Vinhedo toda a semana, o que eu mais vejo é um bando de gente com Captiva, Pajero (todas as versões), BMW (Serie 3 principalmente), Celta, Mille entre outros acima da velocidade. Tenho certeza que muitos estão indo a trabalho e não são bebados ou drogados.

        E sim, pego com frequencia quem anda em estrada (Via anchieta é bem frequente) com velocidades totalmente incompativeis. Por conta uma vez de um individuo com seu carro entrando em minha frente a 40km/h na Castelo Branco, quase me matei ao desviar dele. E sim, não era nenhum desses citados.

        Pessoas sobrias fazem muito mais cagadas do que vc imagina.

        • Rmx_ch

          Concordo, tenho carteira desde 1996 e sempre dirigi muito e em varios paises, e esse modelo tem em todo planeta. Fora a galera que dirige, escreve, telefona etc.. é foda !!

      • Thiago_Rabello

        Qtos aninhos vc tem meu amigo?

        Te garanto que 99% não estão, é um péssimo habito que o brasileiro tem

    • Tem remédios e problemas no estomago que podem causar o mesmo efeito… Sem falar que mesmo aquele que bebeu um copo de cerveja ou uma taça de vinho, não é um potencial assassino… Desde que se ande dentro da lei, respeitando a velocidade, sinais e etc…. baixos níveis de álcool não são um problema e é algo tão perigoso quanto conversar com alguém ou mexer no rádio…

    • andre_ribeiro

      Mas concordo que o correto seria dar ênfase também em excesso de velocidade e também pegar aqueles que andam a 30km/h como vc disse, mas acho que, mesmo que ainda faltando muito para melhorar no Brasil, qualquer tentativa real de avanço é válida. Alguém aí se lembra das críticas que choveram quando houve a obrigatoriedade do cinto de segurança? Que incomodava, que apertava e tal? E hoje, alguém defenderia neste blog que o certo é deixar de usá-lo? Acho que não. Vamos esperar pra ver o resultado dessa nova lei seca

  • arzanette

    Outra coisa tamben deveria ser igual na inglaterra nos postos das motorways nao existe bebidas alcoolicas somente refris , sucos ,agua e outros creio que tamben ajudaria so que la a lei funciona e muito bem esta ea minha opniao.

    • rgmmelo

      Não teve algo parecido aqui? a proibição de bebidas nas Br's, ou coisa parecida? Mas o lobby derrubou.

  • '' 0,05 miligramas de álcool por litro de ar expelido dos pulmões''

    Mais fácil ser intolerante logo e nao permitir nada . porque 0,05 e nada é a mesma coisa ¬¬

  • Tejolo

    Tanta discussão e gente ainda defende que querem beber (um pouco só…) e dirigir. Pegou bêbado (0,000001) tem que ser cadeia e inafiançável. Resolveremos dois problemas: álcool e direção, e também o absenteísmo que existe, pois brasileiro é preguiçoso e troca o trabalho por balada.

    • Thiago_Rabello

      Ta ok então, é quase o mesmo sentido do que vc andar com uma faca na mão, vc pode matar alguém, então vamos te colocar na cadeia como potencial assassino…..

      Velho para de falar bobagem, se for falar algo, fale algo que preste..

      • Tejolo

        Dirigir após ter ingerido bebida álcoolica passa longe dessa sua tese… acho que o que mais se aproxima seria eu estar com um revolver atirando cegamente…. tem grandes chances de não acertar ninguém, ou se atingir não ser fatal, mas pode acontecer de matar alguém. E neste caso certamente eu seria preso, mesmo sem acertar ninguém…. Portanto, cadeia em quem bebe e dirige. Todo mundo acha que não vai acontecer nada, mas quando acontece fica lamentando….

  • Sabe aquela mãe que não dá atenção a criança, que não educa, que não cuida dos estudos das crianças… Mas quando o moleque apronta chega e dá uma surra de cinco minutos.

    É mais ou menos isso que o governo está fazendo, não educa, não fiscaliza, não oferece alternativas… mas quando você bebe uma taça é punido com toda a rigorosidade possível. Lei sempre existiu, porém nunca ouve fiscalização decente para fiscalizar os motorista, o que estão tentando fazer com essa lei é compensar a falta de educação e fiscalização com o rigor excessivo e exemplar…

    Essa lei está colocando todos no mesmo barco, desde você que saiu com a família e tomou uma taça de vinho, até aquele assassino que encheu a cara e saiu dirigindo, não existe tolerância ou diferença.

    O pessoal gosta de falar do “primeiro mundo”, mas lá existe tolerância (em geral dois copos de cerveja), e punições condizentes com o nível de alcoolismo do infeliz que ultrapassa o limite.

    Sou contra a forma que essa lei está escrita e como está sendo aplicada, é um exagero desnecessário. E antes de qualquer coisa, não sou a favor de beber e dirigir, eu mesmo não bebo quando estou ao volante, porém esse exagero que está acontecendo é ridículo.

    • arzanette

      la e um Pint de cerveja,uma dose de destilado whisky,vodka etc, ou uma taca de vinho morei 17 anos em londres mas so que la fuciona como falei acima.

  • bedotRJ

    Lei babaca e apoiada por uma sociedade atrasada, que não sabe exercer sua liberdade, nem exigir de seus governantes o bom desempenho de suas funções antes de outorgar-lhes a prerrogativa de limitar os nossos direitos.

    Essa lei só vai pegar mesmo o pessoal do copo de vinho, do licor e das duas taças de cerveja. A bebaiada que causa acidentes vai continuar por aí porque o que mata não é o álcool, mas a irresponsabilidade. Inclusive a do Poder Público, que recebe TRILHÕES em impostos e não devolve ruas e estradas seguras, capazes de evitar mortes mesmo com a existência inevitável de motoristas irresponsáveis.

    • Rmx_ch

      ???????????Em muitas sociedades evoluidas, nem se fuma na calçada porque é lugar publico!!!
      As multas são bem mais altas!
      O seus direitos terminam quando começa o dos outros!!
      Nunca vi nenhum estudo que mostrasse que em estradas e ruas perfeitas um bebado na perdece o controle!
      Acidentes acontecem mesmo em retas não só em curvas cheias de buracos!

      • bedotRJ

        Pois é, os amantes da Lei Seca sempre recorrem a clichês ("seus direitos terminam quando começam o dos outros") ou sofismas ("nunca vi nenhum estudo que mostrasse que em estradas e ruas perfeitas um bebado na perdece (sic) o controle"). Não tem outro jeito.

        Caro colega, eu não disse que uma estrada perfeita impeça bêbados de perderem o controle. O que eu sugeri, e parece que vc não entendeu, é que uma estrada perfeita impede ou minimiza a ocorrência de mortes mesmo que haja bêbados irresponsáveis circulando por ali. É o contrário do que ocorre no Brasil, onde as vias oferecidas por governantes que nos roubam com uma carga tributária de 40% do PIB representam um risco à vida mesmo para os motoristas mais prudentes.

        Logo, o que eu cobro é o seguinte: ofereçam ANTES as condições seguras e a alternativas em transporte público. Assim, E SÓ ASSIM, restará provado que os acidentes ocorridos terão no álcool o componente determinante. Entendeu agora?

        • Rmx_ch

          Ok entendi!
          Mais num pais onde a cultura de mostrar pra todo mundo o carro novo (mesmo que financiado em 100X), provavelmente faria muita gente continuar usando o carro pra não ser ridicularizado por todos.
          Triste mais é assim, muitos poderiam ir de taxi, nem morão tão distante da balada! Mais….

    • É que uma dose te tira toda a coordenação e torna um assassino em potencial né?
      Quem enchia a cara e dirige continua fazendo a mesma coisa, essa lei só afetou quem sai com a família ou amigos e toma uma dose. Os irresponsáveis continuam por aí, enchendo a cara e dirigindo… conheço diversos casos e mais casos…

      É igual quando esse povo diz: "60km/h é muito rápido para as vidas, 40km/h já está muito bom!" . Como se os acidentes fossem causados por quem anda no limite de velocidade, você pode diminuir o limite para 10km/h, os irresponsáveis irão continuar abusando dos limites de velocidade, os únicos afetados serão aqueles que andam dentro da lei.

      • O_Corsario

        Tem um LUNÁTICO de um cicloativista que prega, repetidamente, que todas as avenidas de SP deveriam ter limite de 40km/h.

  • oliveirajc

    Dois pontos

    1) o limite original do CTB era usado em vários países do mundo, era até mais baixo que em alguns (Alemanha (0,5 g/L); Estados Unidos, Canadá e Reino Unido (0,8 g/L; Brasil (0,6 g/L)): pegava quem realmente estava embriagado, não apenas quem ingeriu álcool.

    2) os idiotas estão comemorando os bons resultados da lei seca, quando na verdade os bons resultados devem-se à fiscalização. O código é de 1997, a fiscalização só começou em julho de 2008…

    • Colocação perfeita, os resultados se devem muito mais ao aumento na fiscalização do que no aperto da lei…

    • LuisCarlosCosta

      Concordo com você, geralmente aos domingos vou a praia com minha família, tomamos algumas cervejas, poxa moro em Salvador/Bahia, praia, calor não da para resistir sem tomar umas cervejas (três ou quatro acompanhada de tira-gostos), geralmente retornamos por base de uma ou duas horas, vamos para casa para almoçar ou mesmo vamos para a piscina do condomínio, tenho mais de quarenta anos, a praia que frequentamos fica a 25 Km de nossa residencia, minha esposa bebe muito pouco, um ou dois copos, geralmente é ela quem vem dirigindo o carro, agora me diga se fomos pego em uma blitz, ela vai ser acusada de ter cometido o crime de direção alcoolizada, porquê como disse um colega lá em cima (Lei babaca, criada por hipócritas e apoiada por uma sociedade atrasada, que não sabe exercer sua liberdade).

      • oliveirajc

        Essa história toda da "lei seca" só vem provar o quando somos míopes para descobrir e resolver os reias problemas. Como mostrei nos limites acima, são feitos para pegar bêbados, pessoas embriagadas, e não quem está confraternizando. Quem apoia esse nosso regime legal sobre álcool é, no mínimo, ignorante sobre o assunto, vai com a maré, vai com a boiada, vai no embalo de quem não sabe o que fala. Nem sei o que é pior, quem fala o que não sabe, ou quem vai no vácuo desses.

      • rgmmelo

        Eu por exemplo, com um copo de cerveja, já fico mareado, mas não bebo. Tem outros amigos que mesmo bebendo, perdem o sentido rapidamente. Como o legislador vai trabalhar com metabolismo? tem que ser pra todos, não há jeito. Acho que a tolerância zero é muito mais porque somos brasileiros, pois se o cara sabe que pode tomar uma, no geral,não vai tomar somente uma.

        • zemarreta

          Camarada, não interessa quanto vc bebeu, o que interessa é quanto de álcool tem no seu sangue. Até uns 0,5-0,6 g/L te garanto que afeta menos seus reflexos do que vc estando com sono (por que então também não proibir quem está com sono??). A questão é que uns podem atingir esse limite com muito menos bebida do que os outros. O que a lei nova fez foi dizer que uma bala de licor faz o cara merecer uma multa de mais 1000 reais e perder a carteira, o que é nonsense total.
          Quanto a não tomar somente uma, discordo também. Eu costumava tomar minha tacinha de vinho quando jantava com a patroa. Agora não posso mais, embora não tenha nenhuma sentido nisso. De todo modo, que cada um arque com as consequências do que fizer. O que não é para punir os que conseguem beber apenas uma taça de vinho por causa dos bebuns profissionais.

          • Roms

            Zé, só corrigindo, a multa é de quase 2.000,00 . =(

          • rgmmelo

            Concordo que um cara pagar uma multa porque chupou um bombom de licor é deveras nonsense, ou mesmo usar um enxaguante bucal com alcool. Em comentários acima, já disseram como evitar isso. Agora me diga como o legislador vai quantificar o metabolismo de cada um?! Há ferramentas pra isso?Hoje mesmo estava lendo um artigo da UFRJ onde cerca de 37% dos mortos em acidentes de transito mortos e alcoolizados tinha doses dentro da legalidade. É uma questão muito mais complexa do que parece. E duvido que por trás desse valor não haja a quem entenda do assunto.

            • zemarreta

              Sim, claro que há ferramentas para isso. Quando vc diz que não pode ter X g de álcool em 1litro de sangue, é isso que o bafômetro vai apurar. O problema na verdade é de quem bebeu, para saber quanto de álcool tem no sangue, não do Estado, que usa o bafômetro para isso.
              Quanto ao artigo não entendo como, já que a redação atual do Código de Trânsito diz que o limite é ZERO, logo quem tem qualquer concentração está fora da lei.

    • zemarreta

      Perfeito oliveira. É impressionante como essa discussão foi toda colocada de forma errada, como se fosse tudo ou nada, em que uns defendem q se possa beber o que se quiser e os outros defendem a multa de mil reais para quem comer um bombom de licor.

      Nosso texto do CTB já era muito bom, parecido com o da Europa Ocidental, que tem índices baixíssimos de acidentes de trânsito. O que faltava, sempre faltou e ainda continua faltando é FISCALIZAÇÃO. A grande verdade é que os governadores não gostam de apertar em cima de quem está errado porque temem perder votos, e só fazem umas blitze pra mostrar que é durão na reportagem da globo, e depois deixam tudo como estava antes.

  • PERICLES_EDU

    Inadimissível o cara falar que o outro bebe apenas uma cerveja. A Lei seca deveria ter R$10.000,00 de multa para qualquer índice. Não espere alguém morrer na sua família para você bancar o moralista. Quando alguém da sua família morrer por causa de apenas uma cerveja do alheio quero ver você bater palmas para ele, ou seja, você irá para a TV pedir justiça, né? Santa hipocrisia. Papo de país atrasado, imaturo e com um monte de pessoinhas que não tem nem sequer experiência de vida para falar de algo que eles não conhecem. Vá conversar com o médico do pronto socorro ,com o Bombeiro do Curso de primeiros socorros ou com um agente de trânsito. Procure a realidade, os profissionais que trabalham com a morte e a invalidez de apenas uma cervejinha do alheio. E lembre-se do seu parente morrendo por causa da cerveja do alheio. Acha que nunca acontecerá com você, né? Não espere a realidade bater a sua porta…

  • Evil_Kelevra

    O povo reclama que esta lei é dura demais perto de todas as outras que são frouxas! Já pararam para pensar que se vão endurecer as leis de todo ordenamento jurídico para realmente coibir o errado, tem que começar por UMA lei? Que esta será diferente das já existentes até que outras sejam editadas com o mesmo rigor???? Tomara que esta seja a primeira de muitas leis DURAS que realmente punam quem coloca em risco qualquer direito dos outros indivíduos da sociedade!

    Sonho com o dia em que elejamos deputados com capacidade para reformar nossos Códigos Penais para um ordenamento que realmente puna o infrator. Mas o pessoal só vota em quem dá casa superfaturada, artista e os "carteirinha carimbada", vai continuar sendo um sonho…

    Imagina Tiririca, ACM Neto, Renan Calheiros, Romário, Danrlei (Goleiro Gremio) se reunindo para discutir progressão de regime, Lei de Execuções Penais, Causas de extinção de punibilidade, concurso de pessoas, dentre outros? kkkkkkkkkkk só rindo mesmo!

    • Ano passado aliviaram as condições para que um sujeito seja preso, procura aí sobre o novo Código Penal e você vai ver que hoje é muito mais difícil de se prender um bandido…

      • Evil_Kelevra

        E eu não sei? Por isso no final digo que é sonho….

        Sou PM, minha profissão é enxugar gelo até perder as mãos ou implodirem Brasília, o que vier primeiro =/

    • rgmmelo

      é Evi, tem que começar por uma mesmo. Não sei de onde o pessoal tira que todos os problemas tem que ser resolvidos.

    • zemarreta

      Na Alemanha, o limite da bebida era quase igual ao nosso, e morria muito menos gente no trânsito.
      Agora nosso limite é igual ao Arábia Saudita e continua morrendo gente do mesmo jeito que antes.
      Será que o problema é a lei? Ou é falta de fiscalização?
      Aliás, porque não se fiscaliza a enormidade de motociclistas que anda (morrendo) sem capacete por aí?

  • bedotRJ

    Qual é o respeito que você tem pelas famílias dos mortos por desídia do Poder Público? O mesmo Poder Público corrupto e ineficiente que cria e aplica a Lei Seca?

    Uma estrada mal iluminada e esburacada, o que mais tem por aí, causa muito mais mortes do que o álcool. Eu me solidarizo com essas vítimas. Os amantes da Lei Seca pouco estão se lixando prá elas. São uns relativistas morais.

    • rgmmelo

      O que eu acho engraçado é que você opina pelos outros! Quem disse a você que os que defendem a lei seca, que na sua opinião não sabem exercer o seu direito a liberdade, e fazem parte de uma sociedade atrasada, ou fazendo dela atrasada, não se solidariza com tal? Você sabe o que eu penso por exemplo? Você que tanto defende o exercício da liberdade parece não se conter quando eu ou outros exercemos o nosso direito e assim opinamos a favor da lei seca. E assim nos combate com suas opiniões pois fatos e/ou estudos são clichês…

      • bedotRJ

        Acho que vc está confundindo as coisas. Desde quando vc pode associar restrição à liberdade de opinião com combate veemente a argumentos contrários? Não é por aí.

        Não defendo que os amantes da Lei Seca parem de dar suas opiniões. Diria que é até risível extrair essa conclusão de minhas falas. Prefiro até que eles falem bastante, prá deixar clara a limitação de seus argumentos. E, aí sim, não abdico nem por um 1 átimo do meu direito de combater com veemência a existência da lei e os argumentos que a justificam.

        • rgmmelo

          Ok no outro tópico você fala de fiscalização, e que foi tal que fez a redução dos acidentes. Mas haveria fiscalização se não houvesse o objeto a ser fiscalizado? Você fala da falta de argumento ou da limitação deles, mas quais são os seus e em que base são tomados? Eu vejo achismo. Eu diria que é risível também a sua falta de argumento, pois não os vejo, como falei. Vejo opiniões flambadas com AR de superioridade e só. Pois quando se exige algo de concreto como um estudo ou coiso do tipo, é por você chamado de clichê. Achismo, como a maioria de nós que opina sobre tudo, sem saber ou estudar sobre o que opina. Não quero dizer com isso que ninguém pode opinar, pode e deve! Mas poucos são aqueles que tem realmente conhecimento de causa e esses não tentam, ao menos não vejo, impor suas verdades.
          Abraços… rgmmelo

          • CyborgPilot

            Perfeito. Joinha pra vc rgmmelo! Sou 100% a favor desta lei seca.

    • Tejolo

      Um erro não anula outro…. nunca, jamais. Se o governo erra de não aplicar direito os recursos, então eu posso beber e matar alguém? Se não dá para salvar dois, salvemos um.

  • O_Corsario

    Idéia genial jogar no mesmo saco o cara que bebeu uma lata de cerveja e o que tomou duas garrafas de uísque!
    Esta histeria na realidade tem apenas um fim: arrecadar MUITO dinheiro em multa. Pois se o governo estivesse preocupado com as mortes no trânsito, nossas estradas não seriam o lixo que são, e os CFCs seriam levados à sério.
    O legal mesmo é tentar achar taxista de madrugada em SP… DIfícil de achar, quando acha demora horas e muitas vezes dirigem pior que você embriagado!
    E vale perguntar de novo: porque é que não temos ônibus e metrô 24horas, em especial em SP??

    • zemarreta

      Cara, e o monte de motociclista sem capacete que passa na frente dos postos policiais e ninguém faz nada? Precisa de uma nova lei pra isso, ou já basta o CTB dizer que tem de andar com capacete?
      O nosso problema é esse, como não se fiscaliza nada nesse país, vão endurecendo as leis pra mostrar que não estão parados diante do problema, pra dar ibope, mas sem resolver nada.

      • O_Corsario

        O pior é ver carro lacrado no G5 ou com aquele xenão desregulado passar iselo no comando da lei seca, pois SÓ fiscalizam álcool. Melhor ainda, a noite o pessoal agora só usa droga, pois não pega no bafÔmetro.

        • Roms

          kkkkkkkkkkk genial.

  • Felipe_Henrique

    Não é por falta de aviso, não é por falta de publicidade e nem por falta de conciência, por que quem ingere álcool e vai dirigir depois disso, tem plena noção do que está fazendo. O que faz aumentar a irresponsabilidade das pessoas é a impunidade… E isso, não só no caso da Lei Seca.
    O que me deixa muito indignado é que normalmente o infeliz que causa o acidente fica imune e impune (ou punido à brandas penas). Já repararam que na maioria dos acidentes provocados por condutores alcoolizados, eles se salvam mas acabam fazendo vítimas fatais? E normalmente, não causam acidentes sem envolver inocentes (não batem o carro contra uma árvore, poste ou muro, não caem de uma ponte…)

    Aumentar o valor da multa não adianta: Alguns vão parcelá-la (em municípios onde for possível o parcelamento de multas) e quem pode, paga integralmente o valor… E pergunta se vão evitar dirigir depois de beber?

    • Diego

      O problema é moral, de berço, o brasileiro médio é de uma perversidade e de uma ignorância que não têm tamanho. O governo esquisito e explorador que temos é apenas reflexo da massa de malandros e ignorantes (o povão). Quando o povo enxerga o governo, enxerga a si mesmo. O povão não tem raiva dos políticos, tem inveja (olha a maluquice).

      A pessoa sabe que não pode beber mas bebe. Sabe que tem que parar na placa PARE mas não para. Sabe que tem que andar a 40 km/h mas anda a 70 km/h.
      O jovem insensato é igualzinho nos outros países, só que vários desses países não negligenciaram a formação moral do indivíduo. E as leis de trânsito são mais rígidas do que a moleza que temos por aqui.

      • Felipe_Henrique

        Justamente! "Somos" reflexo do que "escolhemos" para assumir o poder de "nos governar" e vice versa.
        Penso que pra acabar com a desobediência infantil dessa galera "oportunista", só na base de um bom castigo (seja reclusão, multa, prestação de serviços, etc)
        Essa turma tinha era que temer as consequências dos seus atos, já que medir as consequências sem temê-las não tem adiantado muita coisa…

  • Fabio D.

    Não conheço um americano que dirija bem, sério! TODOS que conheço são barbeiros e lá vi mta cagada! hahahaha

  • Franciscochagas

    Não sou contra o valor da multa, sou contra a tal "TOLERÂNCIA ZERO". Acho sim que deveria ter um nível alcólico aceitável até para evitar futuros constrangimentos que alguns guardas vão proporcionar a condutores que possam ter ingerido algo como remédios, enchaguantes bucais, e outras pequenas coisas. Imagina você apressado ser pego por uma blitz dessas e ter de esperar 15 ou 20 minutos para o efeito sair??? e se o guarda não tiver paciência mete a canetada sem cuspe. Dai lá vai o cidadão constrangido em público e com uma dívida acima do seu salário ou equivalente pra pagar!!! Me desculpem aqueles que perderam alguns entes queridos dessa forma, mas pode ter certeza que se um deputado matar alguém não vai dar em nada, por que vai ter mais alguns milhões de brasileiros pagando essa multa altíssima para bancar essa hipocrisia de lei e a impunidade de alguns.

  • birchip

    Tolerância zero: um simples bombom com licor pode levar motorista para a cadeia ? :o
    <img src="http://www.docebeijo.com.br/produtos/m_imagem564.jpg"&gt;

    • edy_caceres

      Não é bem assim, depois de 15 minutos o efeito do alcool do licor some diferente de qualquer outra bebida é so conferir http://globotv.globo.com/rede-globo/jornal-hoje/v

      • Thiago_Rabello

        O policial não vai esperar 15min para vc fazer outro bafometro nao amigo.

        • edy_caceres

          Se o policial tiver bom senso por que não?

    • JeffersonBsb

      Assiste jornal?

  • ClaudioX70

    Essa Lei é um incentivo, ou proteção á vida! Só deve ter aplausos! No entanto, nossas vidas têm sido perdidas de várias maneiras! E tudo que tire vidas deve ser combatido da mesma forma, com a mesma perseverança, disciplina e rigor que vem tendo a Lei Seca. O que mais tem me "revoltado" é ver aparatos policiais espalhados,por toda a cidade em busca de R$ 2.000,00 advindos da multa, enquanto verdadeiros bandidos, roubam, matam e seqüestram e ficam impunes. "Revolta" ver nosso sistema de saúde, instituição que mais deveria privar pela vida, não ter a mínima atenção de nossas autoridades. "Revolta" ver um transporte público simplesmente inexistente! "Revolta" ver a educação deste país! Enfim, Revolta (agora sem aspas) ver o governo deste país! Antes que alguns critiquem, eu nao quero acabar com a Lei Seca! E nem a critico, ou sou contra. Só gostaria que tudo que fosse contra a vida, como é a combinação direção + alcool, TIVESSE A MESMA ATENÇÃO.Talvez devessem colocar multa de r$ 2.000,00 ou mais pra quem rouba, mata, seqüestra… ( Ainda assim é mais fácil pro policial ir atras do estudante/ trabalhador do que atras do bandido) Pro médico que não atende paciente com dor, pra quem constrói estrada que se esburaca 6 meses depois ou prédio que cai…pro governante que nao resolve essas coisas… E policia no cangote de todos, com o balãozinho de Lei da Vida!

  • Dragoniten

    “serão aplicadas as penalidades e medidas administrativas previstas no Artigo 165 do Código de Trânsito Brasileiro (CT B) ao condutor que RECUSAR a se submeter a qualquer um dos procedimentos previstos na presente resolução, sem prejuízo da incidência do crime previsto no Artigo 306 do CTB caso o condutor apresente os sinais de alteração da capacidade psicomotora

    Isso quer dizer que se eu tomar um copinho de cerveja, indo com calma, for parado numa blitz, sem a certeza de que a % de álcool está abaixo do máximo, e eu me recusar a fazer o teste, não poderão ser aplicadas as penalidades caso eu não apresente sinais de alteração? Porque seria o certo…

    Se alguém puder me esclarecer bem essa parte, ficaria agradecido :)

    Eles fazem uma só frase gigante, fica difícil entender onde está cada condição…

    • edubarbosa

      Se você se recusar a fazer o teste, leva a multa e tem a carteira retida (como era antes). Agora eles podem te prender mesmo sem o bafômetro se você apresentar sinais de embriaguez.

      • Dragoniten

        Que lindo. Lei escrota feita por um governo escroto…

        Valeu a ajuda :)

  • duhehe

    Se tem algo que eu não concordo nisso tudo é a aplicação dela.

    Eu só vejo blitz em cidade grande, depois da quarta feira e em região nobre ( ou seja é para pegar os mais abastados que ou rende uma caixinha pro seu guarda ou recolhe a multa e o delegado ainda leva uma boa grana pra casa para deixar quieto o assunto, conheço varios casos em SP que a pessoa foi pega bebassa e com R$ 20.000 tudo se resolveu)

    Agora no interior, em regiões onde ha varias chácaras e sitios, é absurdamente comum ver nas tardes de domingos pessoas voltando completamente embriagadas para casa, colocando a vida de muitos em risco.
    Em regiões perifericas também, fiscalização 0. Ocorrem absurdos, mas como a chance de correr uma graninha é baixa. Então ninguem da bola.

    O proposito dessa lei é para arrecadar mais dinheiro, isso sim. Quando não vai para o Estado, fica na mão da policia que é absurdamente mal remunerada.

    • rgmmelo

      Perfeito. Ando muito pelo sertão, uma vez comentando com um colega meu ele me disse:" Isso aqui é o Brasil, em recife vivemos uma ilusão. Todas as mazelas pela ausência do estado afloram por aqui"

  • kensueth

    Graças a deus meu tio não está mais aqui entre nós para ver a que ponto chegamos ! diga-se de passagem morreu de câncer !
    o homem bebia a tarde toda sua cerveja e sua "meiota" (cachaça) era daqueles de fechar o pé sujo e voltava para casa com seu carro, a 10km/h bêbado… nunca atropelou nem um mosquito… ponto!
    minha mãe, se bebe 2 latinhas de cerveja já sobe em cima da mesa e começa a achar que a madonna, não sabe nem qual pedal é o acelerador… se pegar um carro é óbvio que ira fazer merda…
    então lei ? como é que funciona ? para mim isso é uma GRANDE BABAQUICE… lei seca, bla bla bla…
    olha quantas pessoas morrem nos morros com tráfico e etc.. e qnts pessoas morrem ao dirigir dentro dos grandes centros… e os policiais estão aonde ? dando blitz de lei seca…
    sabe pq ? pq morro meu amigo não gera lucro, vai multar o que ? o barraco caído ?
    ai fica esse monte de cegueta achando que o país está indo mt bem, tirou 4 bêbados da rua…
    mas continua 999 bandidos traficantes sequestradores a solta por aí….
    uma salva de palmas para o brasil !

  • Castle_Bravo

    Se as blitzes em outras cidades forem iguais às daqui de Porto Alegre, todos os "festeiros" já sabem como escapar e apenas os que não bebem terão que perder tempo fazendo testes de bafômetro.

    As blitzes daqui são feitas apenas em algumas grandes avenidas e há inúmeras "rotas alternativas" já sabidas por todos os motoristas, por ruas menos movimentadas que escapam da blitzes.

    Vejo muito barulho por esta lei e na prática continuará sendo como sempre foi, depois do acidente é que pegarão os bebuns ou apenas se o cara estiver fazendo muita besteira ao volante para ser parado.

    • O_Corsario

      Inclusive no Twitter e cia já divulgam. E ninguém se importa. Lógico: colocaram no mesmo saco o carinha comum que bebia normalmente e aquele quie abusava. É o mesmo que tratar igualmente um cara que assassinou uma pessoa e outro que discutiu com ela…

  • Armando_Perez

    Para isso já existe o limite de 0.6 ou 0.8 conforme o país considera que esse limite é o razoavel para se guiar sem alterar os reflexos, o que a maioria das pessoas acham, é que o limite de 0.6 irá ser alcançado por QUALQUER um com 6 latinhas por exemplo, e o correto é, você tomar uma latinha possa alcançar logo de cara os 0.6 por questões fisiológicas, e eu alcançar esse limite 0.6 com 4 latinhas de cervejas, logo o reflexo de uma latinha para você será igualmente o meu ingerido 4 latinhas.

  • tbc_

    Ninguém morre por causa de apenas UMA cerveja do alheio. Isso é LENDA, MITO, BALELA.

    Quem provoca acidente na direção por causa da bebida, ingeriu SIM, com TODA CERTEZA, MAIS que uma cerveja. Não seja hipócrita e pare com esse discurso moralista repetitivo.

    • JeffersonBsb

      Agora me diz que uma pessoa que bebe vai em um bar para tomar apenas meio copo de cerveja, larga vc de ser ipocrita, a pessoa que sai para beber vai beber muito mais que meio copo, acompanho isso de perto.

  • zeuslinux

    Eu tenho mais de 20 anos de carteira e nunca me envolvi em acidentes com outros carros. O único acidente que tive foi porque rodei numa curva em uma estrada porque havia uma poça de óleo deixada por algum caminhão ou ônibus. Era de dia, não tinha bebido nada e, mesmo que tivesse, não teria influenciado em nada. Além de mim, rodaram mais outros 2 carros que vieram logo depois e só parou porque coloquei um galho bem antes da curva para avisar.

    Gosto de vinhos e cerveja e muitas vezes tomei uma bebida dessas nos restaurantes e festas. Tenho boa resistência a álcool e sei bem que os efeitos do álcool dependem muito do que se come junto com a bebida, do seu peso, do sexo e até da sua etnia. Sou a favor de operações para prender quem dirige bêbado mas defendo que tolerância zero é absurda e não tem nenhum critério científico. Ontem vi uma reportagem na TV que mostrava que com um simples bochecho de Cepacol você já é pego na lei seca.

    Sabem o que eu acho ? A verdadeira intenção da Lei seca é aplicar multas altas, que vão gerar muita arrecadação para os políticos. Mais uma forma de arrancar dinheiro do otário de classe média que tem um carro neste país.

    Como minha mulher não dirige, não bebo mais nada na rua. Compro garrafas de vinho e cerveja e bebo em casa. Acabo bebendo mais e mais barato.

    Ainda acho que usar celular enquanto dirige e dirigir em estradas de mão dupla sem divisórias, por si só, são fatores de risco muito maiores do que beber tendo tomado um copo de cerveja. Quem enche a cara com cachaça (fica bêbado mesmo) e vai dirigir à noite ou em estradas é que deve ser pego e preso logo. Multa só serve para aumentar a arrecadação.

  • Roms

    Bandidos, podem cometer seus crimes entre 19h e 04h nos fins de semana. Vocês não serão presos. Todos os policiais estarão prendendo bêbados em blitz. Parabéns Brasil!

    • zeuslinux

      E o pior é que essas blitzes só funcionam à noite, nos dias de balada e nos locais mais abastados, onde podem pegar motoristas que podem pagar a multa. Em compensação, na periferia o pessoal bebe cachaça vagabunda e depois vai dirigir suas brasílias e fuscas à noite com as luzes todas apagadas, os pneus carecas e fazendo barbaridades na rua.

  • Luiz Alberto

    Sou Motorista de Onibus, Vivo Do Meu trabalho Sou bom no que faço, Trabalho a 13 anos Nunca me envolvi num acidente nunca perdi ponto na minha carteira, trabalho numa empresa severa que faz bafometro nos motorista antes de sair, Fui Comer Uma pizza com minha esposa essa semana, tomei uma taça de vinho e fui abordado na lei seca! E Agora Vivo Da Minha Carteira, tenho uma Filha Pra criar, Uma Falmilia Pra sustentar, Vou ter que virar ladrão durante essa suspenção da minha carteira? Porque So sei Dirigir E sou muito Bom Nisso… Mas o governo fez o favor de me tirar isso por uma taça De vinho… E Agora?

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend