Antigos Brasil Combustíveis EUA Governamental/Legal Manutenção

A triste relação do Jay Leno com o etanol – EUA aumentam compras do combustível no Brasil

jay-leno-etanol-1

O comediante e entusiasta de carros antigos Jay Leno está sofrendo com a adição de 10% de etanol na gasolina vendida em alguns estados americanos. Mas não é somente ele, outros colecionadores estão passando pelo mesmo problema.

A questão é que o etanol na gasolina ajuda a reduzir as emissões de CO2 na gigantesca frota americana, mas é somente benéfica para os carros mais atuais. Nos antigos, mangueiras de combustível de borracha, bicos injetores, revestimentos dos tanques de combustível e outros componentes, especialmente dos carburadores, sofrem corrosão acelerada com o derivado do milho.

Jay Leno reforça que a atual onda de incêndios em automóveis tem como causa a presença de etanol na gasolina, que provoca vazamentos de combustível devido ao aumento da corrosão, bem como a presença de água do ar ambiente, em quantidade muito maior em carros com carburador do que nos mais sofisticados com injeção eletrônica.

Velhos clássicos sofrem imediatamente com isso, sendo que não se pode mais deixar o antigo abastecido e parado por muito tempo sob pena de vazamento e possível incêndio. Leno vai precisar trocar os componentes dos carburadores e linhas de combustível a cada 12 ou 18 meses. Antes, nem se precisava fazer isso com tanta frequência.

jay-leno-etanol-2

Mais etanol brasileiro nos EUA

Mas se na terra de Jay Leno os 10% de etanol do milho na gasolina já são causa para uma moção pública contra o decreto federal, imagina então no Brasil, onde os antigos agora têm de lidar com o E27. Com 27% de etanol na gasolina, os carros brasileiros de mais idade enfrentarão problemas de desgaste no sistema de alimentação e o risco de incêndios deve aumentar.

Aqui já bateram o martelo e o proprietário de carros antigos terá de arcar com as consequências de não possuir “obrigatoriamente” um carro moderno. Para desespero de Jay Leno, os EUA deverão acelerar a importação do nosso etanol de cana-de-açúcar daqui para frente.

O motivo é que o RIN (Renewable Identification Number), que Leno odeia pessoalmente, teve os créditos disparados nas duas últimas semanas. É o maior patamar nos dois últimos anos e significa ter etanol mais barato para misturar com a gasolina. A diferença entre os etanóis de milho e cana ficou em US$ 0,30 a mais para o brasileiro.

Com metas maiores de biocombustíveis no mercado americano e do aumento da oferta de E10 e outros produtos com etanol, o consumidor americano com carros mais antigos terá de preparar o bolso para revisões periódicas mais frequentes daqui para frente. Jay Leno terá que gastar mais tempo e dinheiro para cuidar de seus clássicos.

[Fonte: Autoweek/Reuters]

Agradecimentos ao Fabrizzio Cedraz pela dica.





  • Franco da Silva

    O Jimmy Fallon já tratou de arrumar mais tempo pro Leno cuidar da coleção dele.

  • ObservadorCWB

    E de quebra aumentará o preço do biocombustível na banânia. Será que daí diminuirão o teor de álcool na mijolina ?

    • André Maia

      Vai acontecer igual a carne. Toda vez que sai a notícia que a carne de Mato Grosso passou na inspeção e vai ser vendida pra países da europa, eu fico é triste.
      na última vez a carne quase dobrou o preço por aqui.

    • Douglas

      Bem que eu gostaria que diminuissem.
      Há uns anos reduziram o teor para 20% quando os usineiros estavam mandando açúcar a rodo para o exterior.

  • Vattt

    Não duvido que o etanol vai ser exportado e vendido bem mais barato que o preço que o consumidor brasileiro paga!!! Empurra que o povo aguenta, mas quem bate leva, dilmão!!!

    • ÓQUEI

      Brasil tem muitos programas sociais, que custam muito caro para os cofres públicos, mas é muito lucrativo para os governantes. Então, acho difícil mudar alguma coisa nas próximas eleições, esses programas sociais são a maior compra de votos que existe.

    • Castle_Bravo

      Certamente será exportado mais barato, pois para chegar às bombas os governadores atocham em média 30% de ICMS.

      • Rafael_Rec

        Claro que sim. Iremos exportar etano não impostos.

      • Se não estiver enganado, São Paulo tem uma das alíquotas mais baixas de ICMS para o etanol. Outros poderiam seguir o exemplo.

        • Rodrigo

          Nesta semana nos postos Shell da cidade de SP o etanol estava R$ 1,799 e em um Shell no Rio de Janeiro R$ 2,699. A diferença só pode ser impostos

    • duhehe

      Com certeza la vai ser mais barato, a tributação sobre os combustíveis aqui é absurda, mais de 60%.

    • ObservadorCWB

      Já ocorre com Paraguai e Argentina. Os postos da BR vendem tanto gasolina como álcool mais baratos que aqui, e de melhor qualidade, tanto que comum o vai-e-vem na fronteira.

  • Maycon Farias

    Eu quero saber se meu carro sofrer com esses 27% e eu puder provar , será que posso entrar com uma ação contra alguém? Isso está errado, e existem outros milhões de carros não flex.

    • Gambaleão O Camaleão Daltônico

      Cara, por mais que você consiga provar, aí vc teria que processar o governo. Daqui a umas 3 gerações ganhará a causa e entrará na fila de precatórios. Aí tu reencarna, fica velho e talvez receba.

      Mas mesmo recebendo a grana tu não teria motivo nenhum pra comemorar pq se isso acontecer significa que vc morreu e nasceu DE NOVO brasileiro!!!!

      • Lucas

        E nem ganhará a causa.

      • ÓQUEI

        kakakakakakakka…

      • André Maia

        Kkkkkk

      • Maycon Farias

        kkkkkkk meus descendentes receberão por mim então … kkkk Vou deixar no testamento. hehe, mas quando nascer novamente tem que ser em algum país de primeiro mundo!

      • V12aero

        Boa kkkkkk…

      • Junior_Gyn

        O que podemos fazer é mudar nosso “Jeitinho Brasileiro” e sermos mais sério. Eu acredito que assim na próxima reencarnação teremos chance de nascer em um país melhor e mais honesto. Pra isso, nós temos que nos evoluir, melhorar nossos espíritos. Eu “ACREDITO” que nascemos no Brasil pq todos queiram ou não, temos esse jeitinho malandro de ser, por isso viemos parar aqui. E por isso temos que tirar isso de nossas vidas, assim significa que nós EVOLUÍMOS, pra só assim poder ir pra um lugar (país) melhor. Só minha opinião ta pessoal, sem agressão rsrs.

    • AHSOliveira

      Usamos gasolina com mais de 10% de etanol faz tempo, mesmo a frota não flex foi projetado para isso (alguns não para um percentual de 27%). Veículos com importações oficiais acabam sofrendo adaptações para o nosso mercado, as vezes, comprar alguns BMW mais antigos, por exemplo, vez outra tem alguns problemas decorrente do nosso combustível.

    • Castle_Bravo

      Improvável que o carro sofra, pois na prática, certamente ele já rodou com perto de 30% de etanol (ou até mais) vez ou outra durante a vida dele, principalmente na década de 90, onde o etanol muito barato e misturado direto pelos postos com a gasolina. Problemas aconteceriam apenas no longo prazo, impossível de provar que o combustível com um pouco mais de etanol foi o responsável.

    • Deadlock

      Usineiro manda por aqui, não temos a menor chance…

  • Gambaleão O Camaleão Daltônico

    Se essa política de exportação der certo nós vamos ter que comer pastel a seco.

    Se vc entendeu essa teu passado te condena.

  • vicegag

    Não gostou? Imagina aqui o que muitos têm de passar, onde as próprias montadoras alegam que 27% não faz mal, só se for para os carros que elas estão produzindo no ano.

  • R5GT

    17% não, 17p.p.; 170% a mais de etanol.

    • Junoba

      Você mora na França ?

      Eu iria te perguntar em outro post, mas acabei esquecendo.

      • R5GT

        Não, já morei um ano, a proximidade é pelos meus pais que já viveram lá e têm muitos conhecidos, por isso eu costumo falar sobre a França.

  • Rodrigo Souza

    Só corrigindo a matemática. A nossa gasolina atualmente tem 17 pontos percentuais a mais de álcool que a gasolina americana, ou 170% a mais de álcool.

  • afonso200

    acho uq esta entre os 5 maiores colecionadores de carros do mundo,,,,,,,,quando lança um super esportivo ele compra, ou “recebe” de brinde, ele nao anda apenas 1 mil milhas por ano, ele em 1 semana dirige ja 3-4mil milhas pra testar mesmo

  • Wendel Cerutti

    essa cara dele e impagavel .

  • Castle_Bravo

    E o EPA já acenou com a possibilidade de nos próximos anos adotar o E15 como padrão para o país. Os EUA consumirão muito mais etanol brasileiro. Sobre o Jay Leno, ele terá que adaptar os carros dele novamente, é a vida, os que ele têm hoje, se ainda roda com eles, já foram alterados anteriormente. Os modelos de antes da década de 80 tiveram que ser adaptados para rodar com uma gasolina sem chumbo (que servia também para lubrificação de válvulas) e também para a gasolina com mais octanagem de hoje, por que não adaptar as linhas de transmissão a materiais resistentes à corrosão ao invés de ficar trocando várias vezes?

  • Douglas

    Álcool como combustível é uma verdadeira praga.
    Sem ele, meu carro estaria tendo um consumo bem melhor, que inclusive compensaria o preço da gasolina pura mais cara.

  • Offline_Mode

    “Com metas maiores de biocombustíveis no mercado americano e do aumento da oferta de E10 e outros produtos com etanol, o consumidor americano com carros mais antigos terá de preparar o bolso para revisões periódicas mais frequentes daqui para frente. Jay Leno terá que gastar mais tempo e dinheiro para cuidar de seus clássicos.”

    Que nada… Segundo o Ministro/Ministerios do Brasil, vai mudar e nem precisa de manutenção… Vai entender…

  • Raul Cotrim de Mattos

    A solução aqui e lá é simples: vender gasolina pura para quem precisa, mantendo as duas opções.

  • Angelo_RSF

    Bom…Já que o Jay Leno é rico, ele pode encomendar para alguém um aparelho para retirar o álcool da gasolina….É preciso adicionar água a gasolina, misturar e deixar a mistura “decantar” .
    Depois de um tempo tem-se duas fases; uma com gasolina e outra com uma mistura de água e álcool…Drena-se a parte que interessa (gasolina) e descarta-se a que não interessa…

  • Pedro Henrique

    usineiros nos estados unidos…

  • Brenno Fernandes

    Como eu queria somente esses 10% de álcool na minha gasolina!

  • Gian

    Ao menos lá são realmente 10% de álcool de milho.
    Aqui, o E27 significa 27% de Etanol + 10% água + 5% mijo de banheiro publico e o resto é gasolina.

  • Carlos Gonzales

    esse é o motivo que estou desfazendo dos meus antigos, não é possivel sustentar regulagem de carburador, velas, tubulação, e afins com esse combustivel! o carro fica otimo por um tempo, depois regular tudo de novo, trocar e nao para! sorte aos amigos que ainda tem antigos

  • Paulo Sípoli

    Leno poderia comprar um tambor, decantar e jogar o alcool fora… já vi colecionadores bem mais pobres em terras tupiniquins fazendo isso…

  • Poperon

    [modo irônico: ligado]
    Aqui é BR seu gringo safado! hu3hu3huee
    [modo irônico: desligado]

    Welcome to Brazil, I’ll be your Guide!

  • Luccas Villela

    Sinceramente não me importa, é um bem pra 99% da população.

  • Economy

    Queniano “obama” fazendo obamices (estragos) no padrão de vida dos americanos.



Send this to friend