Japão Mercado Mitsubishi SUVs

Ainda em estudo, próximo Mitsubishi Pajero Full será híbrido plug-in

mitsubishi pajero full 2017 br 21 - Ainda em estudo, próximo Mitsubishi Pajero Full será híbrido plug-in

Ele já tem 12 anos de mercado internacional e ainda custa caro. Original em seu nome, o Mitsubishi Pajero Full é mais velho que o Lancer, mas ainda se mantém como topo de linha da marca japonesa, sempre em duas configurações de tamanho e acesso: duas portas (3D) curta e quatro portas longa.


O SUV é muito importante para a Mitsubishi, pois é seu modelo clássico, nascido em 1982. Desde 2006, a atual geração vem cumprindo com o prometido, mas já passou do prazo de substituição. Agora, esperava-se pela nova geração em 2018, porém, uma entrevista ao site australiano Motoring, parece indicar dúvidas sobre o futuro do modelo.

mitsubishi pajero full 2017 br 13 - Ainda em estudo, próximo Mitsubishi Pajero Full será híbrido plug-in


Segundo Trevor Mann, diretor de operações da Mitsubishi, existe a intenção de fazer do próximo Pajero Full um híbrido plug-in. Isso, no entanto, não é novidade, visto que a marca divulgou esse objetivo ao apresentar o conceito GC-PHEV em 2014. Mas,de lá para cá, não houve evolução nesse sentido.

Aliás, o que pode ter alterado os planos da Mitsubishi para o Pajero Full é a aquisição do controle da empresa por parte da aliança Renault-Nissan. Isso teria motivado o desenvolvimento de uma variante do modelo baseado nos modelos Nissan Patrol e Armada. Porém, estes dois são veículos 4×4 que utilizam chassi de longarinas, enquanto o SUV da Mitsubishi tem estrutura monobloco.

De acordo com Trevor, o compartilhamento com estes dois modelos da Nissan ainda está em estudo, mas revelou: “Eles são dois veículos muito diferentes, mas também gostaríamos de manter um nível de DNA próprio no que fazemos”. Mann disse também que é difícil projetar um veículo grande com nível de emissão aceitável, por isso o sistema híbrido plug-in entra como solução.

mitsubishi pajero full 2017 br 24 - Ainda em estudo, próximo Mitsubishi Pajero Full será híbrido plug-in

A ideia principal para o próximo Pajero Full é utilizar a mesma tecnologia empregada no Outlander PHEV, recentemente atualizado e em exposição no Salão de Genebra. Ele utiliza dois motores elétricos no eixo traseiro e provê tração nas quatro rodas com melhor gestão de força e torque que num diesel comum, por exemplo. Mann diz que a eletrificação não garante apenas redução das emissões, mas também melhor experiência ao volante, com aceleração, desempenho e sensação superiores.

De qualquer forma, a Mitsubishi ainda não fechou sobre o futuro do modelo. A próxima geração existirá, mas como ela será feita, ainda não teria sido decidido. Trevor Mann diz que existem várias opções para a empresa e todas estão sendo estudadas. Se de fato for, isso significa que o próximo Pajero Full não surgirá em 2018 e, pela indefinição, talvez lá para 2020.

[Fonte: Motoring]

 

COMPARTILHAR:
  • Matthew

    Ah não, cara. Um dos últimos SUVs de verdade vão colocar motor elétrico? Vai perder de vez seu espírito off road.

    • Baetatrip

      Concordo pois e um dos únicos das antigas (Full, Grand Cherokee) que estão na linha off road!

    • NYC_Man

      Ai o cara no off road, pega uma poça leve de agua e vai dar pane no carro por ser elétrico

      • Guilherme Batista

        Nem é bem assim, é bem fácil impermeabilizar um motor elétrico, já que não precisa de entrada de ar.

    • Martini Stripes

      Motor elétrico tem torque sempre, imagino que um utilitário híbrido seja melhor que um só a combustão.
      Honestamente, a idade da pedra não acabou por falta de pedra. Motor a combustão é obsoleto desde que nasceu. O lobby falou mais forte.

      • Matthew

        Entendo seu argumento, mas não há nada mais retrógrado do que um SUV, carro que originalmente era montado sobre chassi e que por mais tempo insistiu nesse arranjo “obsoleto” em 90% das condições de uso que as pessoas fazem deles. Inclusive, foi uma inovação da Pajero a adoção da estrutura monobloco. Portanto, o critério para abandonar uma ou outra tecnologia não é de todo racional como você diz. Motores Diesel sempre deram conta no fora de estrada. Mesmo os de ciclo Otto como o 4 cilindros de Opala usados em Jeep Wellys atende. Vão transformar a Pajero num Crossover de Shopping, tal como aconteceu com o Kia Sportage e o Suzuki Vitara, ambos eram mais utilitários do que suas respectivas gerações atuais.

  • Baetatrip

    Nao mate esse carro!
    Acho belíssimo…. Superior ao Dakar!
    Estilo único off road!
    Pajero 3D e linda d+!

    • Luciano RC

      Foi durante muitos anos o símbolo de Status e Riqueza… hoje está apagada. Uma pena o que a Mit fez por aqui.

  • Louis

    Aguardando ansiosamente para ver o Nine-fingers ser carregado em uma Pajero preta, com luzes piscantes.

    • Esau Silva

      Essa é a unica pajero que ninguem quer pegar uma carona

    • Alvaro

      Não só ele, mas toda a turma + uma cambada que tem foro privilegiado (já que uns inclusive continuam ainda no poder) indo em um balaio só. Afinal, um monstro sozinho não surge sozinho. Nem se mantém vivo.
      Leva em um ônibus escolar de uma vez.

    • Natán Barreto

      Incrível como vcs não conseguem comentar algo saudável sobre carros num site de carros. O q vc acabou de dizer tem a ver com a matéria?

      • Fernando W

        Também o quero ver ser carregado nela (embora duvide muuuito), mas entendo e concordo com o que tu disse, Natán. Realmente…

      • Nicolas_RS

        Se quer uma coisa saudável, vai para um site de comida!

      • Louis

        Pajero preta não é carro?

    • Felippe2010

      não é só você não kkkkk

    • Nicolas_RS

      Caramba, demorei para entender…

  • Hoffmann

    Pajero Full híbrido plug-in é o fim da picada.

  • Fernando Bento Chaves Santana

    Taí um carro que merece renascer. É inacreditável como a Mitsubishi deixou esse carro cair justo na época de ouro dos SUV. No inicio dos anos 90, antes da sigla SUV ter emprego generalizado, o Pajero compunha, ao lado do Cherokee de o Range Rover o triunvirato dos Todo Terreno de Luxo. A MB começa engatinhar com o ML, a BMW nem cogitava um produto do tipo em sua gama e o Cayenne era um sonho cabeça do Ferdnand Piëch.

    • Hoffmann

      Só uma observação, a Mercedes já tinha antes do ML o Classe G. A partir de 1990 ele se tornou de fato um jipão de luxo.

    • FearWRX

      Em matéria de off road de fato a Mitsubishi sempre foi um nome bem forte. Uma pena que hoje em dia está no bico do corvo e não tem quase mais nada que atraia o consumidor… E pensar que a década de 80 e 90 ela tinha belíssimos modelos para as ruas e para a terra.
      Muito triste.

      • Luciano RC

        Hoje em dia, pelo menos no Brasil, comprar um MIT é ser louco. Não tem nada de diferencial. Nem a capacidade off-road que era magnifica eles tem mais acima da concorrência.

  • Natán Barreto

    Desde q não matem o carro, q seja híbrido. O planeta agradece.

    • Nicolas_RS

      Como que o planeta agradece? Procura ai como é a mineração de lítio….

      • Luciano RC

        Acho interessante essa questão de salvar o planeta. Toda geração de energia e peças para seu funcionamento são tão terríveis quanto a Extração do Petróleo e seu uso como combustível. KKKKK

        • Thiago

          É ingênuo o menino ainda… ou não.

        • Nicolas_RS

          Parece aquela historia na escola, não jogue oleo na pia da cozinha, enquanto as fabricas jogam milhões de toneladas de esgoto sem tratamento. Tem um na China que quem entra, pega cancer.

          • Luciano RC

            Não existe industrialização sem destruição do meio ambiente. Todo processo causa alguma coisa.

    • Bruno Alves

      Que pena que o NA não deixa mais postar imagens, ia mostrar o belíssimo rio pintado de azul-turquesa devido aos rejeitos e em meio a destruição de uma área enorme.

      Isso é preocupante, não sei porque ninguém leva a sério. Trocar gasolina por lítio, se não é pior, é trocar 6 por meia dúzia.

    • foratemer globo

      eu gosto Mitsubishi

  • NYC_Man

    Quem tem esse carro na versão diesel fala muito bem.
    Mesmo ele não sendo renovado.
    Falam tão bem quanto falam da Pathfinder (2008-2009) aquela geração quadrada.

    • Luciano RC

      O carro é excelente… todos sabemos. O problema é que está defasado e o público gosta de novidades. Tem interior com cara de anos 90 ainda.

  • sigma7777777

    Bora Mit, se atualize! É isso aí!

  • Erivelton Freitas

    Esse carro ainda existe?! Faz tanto tempo que não vejo um na rua e que não ouço falar que pensei que já tinha caído no limbo do esquecimento!

  • Notícias Automotivas

    Belo automóvel.

  • Por coincidência hoje entrei numa Pajero Full 2011 e numa 0km, que estavam numa concessionária Mit da minha cidade. Incrível como 7 anos depois o carro ainda é quase idêntico. Mitsubishi totalmente parada no tempo, justamente hoje em dia que SUV virou modinha. Uma pena, pois era uma marca que eu admirava muito.

    • Audi a5

      Mitsubishi=modelos velhos. Falta investimento na marca.

    • REDDINGTON

      Só ver as fotos dessa dá pra perceber, imagino vc que viu ao vivo. Hoje qualquer carro da Mitsubishi é casamento, ela não tem nem um carro chefe, nada que atrai, um modelo que venda bem, nada. Uma pena uma marca que já foi ícone estar assim.

      • Sim, é lamentável. Hoje, com a febre dos carros altinhos, a Mit tinha tudo para estar no seu auge. Infelizmente parou no tempo, e aí o mercado não perdoa. Se pelo menos tivesse bons preços, abaixo da concorrência, mas longe disso.

        • REDDINGTON

          Vc resumiu tudo!

    • Zé Mundico

      Rapaz, pois eu dou graças a Deus não ter mudado nada e ter se mantido um excelente carro. Além do mais, não precisa ter essa obsessão em mudar só por mudar, pois a Pajero Full não é carrinho para shoping nem para álbum de figurinhas, é um Suv “clássico” para aguentar o tranco mesmo.

      • Bom, cada um com sua opinião. Claro que a Pajero Full é um carro robusto, que “aguenta o tranco”. Mas para mim pelo menos, considerando os avanços tecnológicos dos últimos anos, passar 7 anos sem mudar nada, é um absurdo. Ela ainda tem câmbio automático de 5 marchas e direção hidráulica, por exemplo, o que já demonstra ser um carro datado. No interior, um ar-condicionado mono-zona, apesar de ter dutos de saída para as fileiras de bancos traseiros. E o preço? Esse sim atualizou: 250 mil reais numa diesel. Enfim, o que para uns pode ser considerado “frescura”, eu considero falta de inovação. Não é mudar por mudar. Por esse valor cobrado, faltam, sim, atualizações necessárias que o mercado de hoje em dia pede. Se um carro de determinada marca não tem, o concorrente com certeza tem.

        • REDDINGTON

          Explica pra ele o que a Land Rover (MUITO mais tradicional que a Mitsubishi) fez em 7 anos…ou mostre as vendas dos modelos dela. Detalhe MUITO mais caros…Enfim, cada um com seu cada um. Mas se analisarmos onde a Mitsubishi está a nível mundial, não precisa ter mais de 2 neurônios pra ver que a coisa está preta pro lado dela.

  • Lucas086

    Full é um ícone ,classuda demais, e a 3 doors então… se tivesse dinheiro, teria uma 4D com certeza

  • Luiz camurça neto

    Merece sim nova geração! e bem vinda a nova tecnologia que garantirá uma sobrevivencia do modelo. em minha opinião, deve sim receber a Hibrida e tambem manter uma tecnologia normal, assim a normal sairia de linha “canibalizada”pela mais nova. o mercado mostraria isso a Mitsubishi.

  • Mauro Banqueiro

    Em monobloco ele tem uma condução próxima a de um carro de passeios. Duvido que o patrol tenha a mesma sensação. De esquebra vão colocar no pajero câmbio xtronic aí morreu para sempre.

  • Luciano RC

    A MIT matou esse SUV por aqui… era o desejo e sonho de qualquer pessoa e está morto.

  • Zé Mundico

    A Pajero Full é o Land Rover Defender da Mitsubishi, só que muito melhor. É o melhor carro da Mitsubishi e seu cartão de visitas e atestado de qualidade e competência.
    Conheço 2 proprietários de Pajero Full, uma 2008 e outra 2010 e nenhum pretende se desfazer do carro tão cedo. Simplesmente é um tanque, não dá trabalho e usando racionalmente e de forma responsável, é carro para usar 20 anos sem mêdo, remorso nem vergonha do vizinho. Dependendo do caso, pode passar até para o filho…rsrsrsr.
    E não se acha uma usada por menos de 70 ou 80 mil….

    • Bruno Alves

      As mais antigas dessa geração, 2007, 2008, se acha por menos de R$ 50.000,00…

    • Bruno_Mgá

      Fato. A Full merecia uma atualização, porém, ainda hoje é um carro sem concorrentes. Não existe outro SUV com ´´7 Lugares de verdade“, plataforma monobloco e com a capacidade de rodar 300.000km sem dor de cabeça. Land Rover Discovery 4 (ou a nova) pode até ser superior, porém tem baixa durabilidade / confiabilidade e manutenção caríssima. Além do mais, Discovery custa pelo menos R$ 80 a 100mil a mais.

  • Lucas

    Que mantenha o DNA do atual, assim como o monobloco.

  • Edson Fernandes

    Aí tirou o TR4 que ao menos no Brasil, vendia muito bem.

    Aí me coloca o ASx. Agora é o Pajero Full se modernizando, porém perdendo as referencias dos seus principais atributos…. vai entender. Eu entendo que a evolução é inevitavel, mas não podem tirar os atributos que fizeram o sucesso no produto.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email