Ecologia Europa Finanças Governamental/Legal Mercado Montadoras/Fábricas

Alemanha: diesel gera incertezas quanto ao futuro

bmw-diesel-xdrive-1 Alemanha: diesel gera incertezas quanto ao futuro

A Alemanha está em uma luta interna. De um lado, os fabricantes de veículos e a indústria sustentada pelo diesel. Do outro, o governo federal e as principais cidades do país, que querem proibir a circulação de carros com o óleo combustível em seus centros, a fim de reduzir a poluição.



Munique, Stuttgart e Hamburgo são grandes cidades germânicas que querem reduzir a influência do diesel na poluição atmosférica. Mas a questão vai muito além da simples restrição na Alemanha. O país teve 46% das vendas em carros diesel no ano passado e possui uma indústria fortemente voltada para o combustível.

Só a Robert Bosch, por exemplo, teria cerca de 50 mil pessoas trabalhando diretamente na produção de peças e componentes para motores diesel. Audi, Volkswagen, Ford, BMW, Mercedes e Opel possuem gamas completas de carros movidos por diesel e dependem muito dele para manter suas vendas.

A atualização de motores Euro 5 e 6 é vista como uma medida mais imediata para reduzir as emissões de NOx, mas a estimativa é que seriam envolvidos 13 milhões de carros só no país. Recentemente, a Mercedes-Benz anunciou um recall de 3 milhões de carros, mas em toda a Europa. O custo para a atualização apenas do Euro 5 é tida como muito alta para os fabricantes, que já estão gastando bilhões de euros em investimentos nos carros elétricos. Ainda assim, Audi e BMW disseram que pouco mais de 50% de seus carros Euro 5 poderão ser atualizados.

Diante do grande impacto na indústria e na economia germânica, já se fala em “indulto” para o carro diesel nos grandes centros. As cidades que querem limitar o acesso destes veículos às áreas urbanas já apoiam a atualização dos carros Euro 5 como medida para reduzir a poluição. No entanto, se as administrações municipais e até estaduais baixam a guarda diante da atualização, que permitira aos veículos diesel circularem nas cidades, os tribunais alemães não parecem seguir na mesma direção.

Em Stuttgart, por exemplo, o tribunal local vai realizar uma audiência pública para debater a denúncia de que a poluição urbana está sendo provocada por carros diesel. Em Munique, outro tribunal obrigou a cidade à iniciar um programa para reduzir a poluição com restrições em carro diesel, fato ocorrido no mês de março. Para a Alemanha, o debate agora é como promover o mobilidade no futuro.

[Fonte: Automotive News Europe]

 

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Send this to a friend