Cupês Esportivos Europa Renault

Alpine A110S surge na França com 292 cavalos

Alpine A110S surge na França com 292 cavalos

O cupê esportivo da submarca francesa de propriedade da Renault, agora tem uma terceira versão no mercado europeu. Com potencial de ir além do velho continente, o Alpine A110S chega com mais potência e se junta às opções Pure e Legend, já disponíveis por lá.


Mas, antes do acréscimo de potência, o Alpine A110S passou pela engenharia da divisão Renaultsport para cortar alguns quilos. O trabalho resultou num peso de apenas 1.114 kg. Mesmo no visual, o esportivo francês – herdeiro daquele que originou nosso Willys Interlagos – trocou algumas partes metálicas por materiais compostos.

Alpine A110S surge na França com 292 cavalos

Foram inseridas partes em fibra de carbono nas colunas C. O Alpine A110S tem ainda pinças de freio de cor amarela e rodas de liga leve exclusivas. Por dentro, foram adicionados mais itens em alumínio, assim como mais fibra de carbono. Para ficar ainda mais leve, o cliente pode optar até por teto nesse material composto, assim como bancos especiais da Sabelt. Até as rodas de alumínio forjado da Fuchs estão disponíveis.


Mesmo assim, os bancos em alumínio da Sabelt, de série no Alpine A110S, cortam 13,1 kg de peso. Com ambiente escurecido, o esportivo tem ainda volante em couro especial com marcador 12h. O bólido ainda dispõe de telemetria da Alpina e sistema de som da Focal.

Alpine A110S surge na França com 292 cavalos

Com linhas elegantes e ao mesmo tempo esportivas, o Alpine A110S remete totalmente ao passado, mas com tudo o que pode se esperar de um carro atual. O propulsor 1.8 Turbo teve a potência aumentada em 40 cavalos apenas com o aumento da pressão do turbocompressor em 0,4 bar, permitindo assim alcançar 292 cavalos a 6.400 rpm.

Alpine A110S surge na França com 292 cavalos

Foi verificado um aumento de 400 rpm na potência máxima em relação à opção de 252 cavalos. O bom mesmo é que o torque de 32,6 kgfm vai de 2.000 rpm até 6.400 rpm, fazendo uma curva de força que permite ao 1.8 Turbo ser extramente elástico.

Com câmbio de dupla embreagem de sete marchas da Getrag, o A110S vai de 0 a 100 km/h em 4,4 segundos e atinge máxima de 260 km/h. Chega por € 66.500.

 

Alpine A110S surge na França com 292 cavalos
Nota média 5 de 3 votos

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • millemiglia

    Só um detalhe: não foi o A110 que serviu de base para o Willys Interlagos mas o A108. Embora a dianteira dos dois modelos fosse muito parecida, a traseira era bem diferente. Basta olhar as lanternas traseiras e a tampa do capô do motor.

    • Fabricio

      Lembra muito.. pra mim um dos carros mais colecionáveis do Brasil atualmente…

  • dallebu

    Único Renault que eu teria. Lindo e interessante

  • Piston head

    Pq fizeram essa traseira tão murcha, pq??

  • Rbs

    Faz uma versão para mim com cambio manual e painel analógico!

  • 4lex5andro

    Lindo esportivo, lembrando e honrando o velho Alpine da década de 60, com os faróis auxiliares redondos, os nichos laterais nas portas, e motor/tração traseiras.

  • Gabriel

    Parece ser um carro muito legal, boa potencia mas nada de mais, porem bem leve, o que é muito bom pra tocada.
    É tração traseira? ou integral?
    Se tiver um cambio manual e tração traseira deve ser extremamente divertido.

    So não curti pequenos detalhe como as lanternas dianteiras (sei que é uma releitura mas não me agrada tanto quanto o antigo), saida unica do escape e a ausência da alavanca do cambio, mesmo sendo automático, e não passando de um botão da um charme.

    Um spoiler (sem extravagâncias obviamente) poderia cair bem na traseira.

    • MonHoe

      Ele é tração traseira e o câmbio foi escolhido apenas por questão de ser mais rápido que um manual

  • oscar.fr

    Eu não curto carros esportivos, mas esse Alpine está sensacional.

  • CanalhaRS

    Essa traseira tem muita vontade de ser Porsche…hehehe.

    • 4lex5andro

      Não deixam de ser Porsche, se a inspiração é exatamente os Karmann-Ghia e Fusca e nem Alpine, se a inspiração for o Willys Interlagos.

  • Felipe Borges

    Seria legal se a Renault vendesse aki.

  • Ricardo

    Esses carros tração traseira mais acessíveis deveriam começar a vir para o Brasil, devem ser muito divertidos e poderiam ser mais baratos que o Golf GTi.

  • Marcus Vinicius

    Podia ser vendido no Japão, China e Oriente Médio

  • Rogério R.

    A Renault Sport deveria colocar o motor a combustão V6 1.6 turbo do RS19 no A110S. ;)

  • what_the_hell??

    Achei que os designers do carro tiveram uma leve inspiração nos veículos da McLaren quando foram desenhar o interior desse Renault!

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email