Chevrolet

Alta procura: Chevrolet anuncia produção dobrada do Novo Onix Plus

Alta procura: Chevrolet anuncia produção dobrada do Novo Onix Plus

O novo Onix Plus foi lançado oficialmente há duas semanas e a procura pelo carro está grande. Segundo a Chevrolet, a busca está elevada tanto nas concessionárias da marca como no site, que, em consequência, bateu recorde de visitas (1,3 milhão de visitantes durante o período).


Em decorrência disso, a General Motors anunciou que irá dobrar a produção do Onix Plus para 10 mil unidades a partir de outubro. Assim, o tempo de espera daqueles que reservaram o carro tende a cair, explica Carlos Zarlenga, presidente da GM América do Sul.

O novo Onix Plus é produzido na fábrica de General Motors em Gravataí, no Rio de Grande do Sul. O empreendimento passou por uma transformação para receber o novo carro. A Chevrolet explica que a linha de montagem ainda não terminou, uma vez que a versão hatch do novo Onix começará a ser produzida em novembro.

Embora isso, a montadora acredita que a fábrica de Gravataí conseguirá atingir a capacidade plena de produção só em dezembro.


Alta procura: Chevrolet anuncia produção dobrada do Novo Onix Plus

Com os lançamentos, a Chevrolet teve que fazer mudanças em suas fábricas e modelos. A partir de agora, o Prisma passa a se chamar Joy Plus. Além disso, ele passa a ser produzido na fábrica da GM de São Caetano do Sul, em São Paulo.

De São Caetano do Sul, o modelo sairá com mudanças estéticas, bem como na nomenclatura. O “novo” Joy Plus começará a ser distribuído nas concessionárias da Chevrolet nas próximas semanas.

Alta procura: Chevrolet anuncia produção dobrada do Novo Onix Plus

A Chevrolet ainda anunciou que a procura está alta pelas versões mais caras do Onix Plus. Os preços começam em R$ 58.790 na opção 1.0 Turbo MT 2020 e chega a R$ 76.190 na versão Premier 1.0 Turbo AT 2020 + pacote opcional (topo de linha).

No Brasil, o Onix Plus disputará espaço com Volkswagen Virtus, Fiat Cronos, Ford Ka Sedan, Honda City, Toyota Yaris Sedan e Hyundai HB20S.

 

Alta procura: Chevrolet anuncia produção dobrada do Novo Onix Plus
Nota média 3.6 de 16 votos

Darlan Helder

Darlan Helder

Darlan Helder, natural de São Paulo, é jornalista e fotógrafo. Escreve na internet sobre o universo automotivo desde 2011. Além disso, atua com produção de conteúdo para plataformas digitais em agências de comunicação.

  • Evandro Ramazotti Rodrigues

    Vai vender igual pão quente!

  • Franklin Diego

    O que será que as demais montadoras com seu “portifólio” deve pensar a respeito disso?
    A Volks, por exemplo, quando vendia igual água o Gol por vários anos, deve tá pensando: poderia ser nós, mas o Onix não deixa… hehehe

    • Raul Cotrim de Mattos

      Cara, eu não entendo… as vezes eles não enxergam o óbvio! Basta ver a Hyundai com o novo HB20. Um sucesso de vendas desde o lançamento, parte devido ao belo design, dai lançam um novo design que ficou ridículo, ninguém gostou, mas mesmo assim eles mantém uma postura arrogante. Não era nem para ter saído do papel!

      • Matafuego

        Me pergunto quais clientes eles chamam para essas clínicas de produto. A Chevrolet, pelo visto, tem chamado clientes reais.

        • Filipe Augustus

          Pior se mostraram aquele concept na clinica de produto e o pessoal aprovou o conceito prata lá! hahahahha

        • Sino Weibo

          A Chevrolet desenvolveu este modelo na China, portanto, os clientes deles estão lá, ou seja, são e pensam globalmente. Talvez seja isso que outras montadoras evitam perceber, brasileiro quer carro global, pois hoje na internet se tem acesso a tudo que se vende em qualquer parte do mundo.

          • Alaor

            Não necessariamente quer carros globais, o sucesso do primeiro HB20 mostra isso, mas quer carros que sigam a tendência global em termos visuais e de tecnologias, conciliando isso com resistência às condições daqui. Não pode ter cara de remendo porco pra país pobre e, se tiver, tem que custar barato pra fazer sucesso (como o Kwid e o Argo, que teve que ser depenado pra começar a vender bem). Vamos ver no que vai dar o novo HB20, mas o histórico diz que carros feios e/ou fruto de teimosia da fabricante, costumam queimar o filme. Lembra do Peugeot 207?

          • Mr Tony

            Sou mais simplista: o carro ficou bonito, harmonioso, agradou aos olhos. Simples. E ainda com os diferenciais em segurança como 6 Airbags e a nota do NCAP.

            • E veio com preço relativamente atrativo. No valor que estão pedindo, não há nada no mercado que se aproxime em proposta e oferta de equipamentos.

          • Djalma

            Quer mais global do que o Polo, que é vendido até no mercado mais exigente do mundo, a Europa! O Onix, como a própria montadora chinesa informa, é um projeto barato, para países emergentes.

        • 4lex5andro

          Vendas de autos por ano, mais ou menos.
          Chn, Ind e outros países do SE asiático: 15-20 milhões/ano, enquanto Brasil e vizinhos do Mercosul: 2-3 milhões/ano, daí se tem uma ideia do perfil do potencial “cliente” que a GM quer vender.

        • Mr Tony

          Imagino na FIAT, devem chamar cegos, pois tirando a Toro, Mobi, Uno, Cronos e Argo… Pelo amor… Em tempo, tenho FIAT em casa, antes do mi mi mi.

      • Roxxton

        As montadoras conhecem o seu gado.
        Elas sabem que o consumidor superficial gosta de ostentar a marca. A Toyota lançou o Etios faz um tempão, e o carro não mudou quase nada pq vende relativamente bem, só pq é um Toyota.
        Um iphone também não vale metade do que cobram, mas tem um monte de trouxas que compram só pra mostrar status.

        • Djalma

          Essa do I-PHONE é a pura verdade. Os celulares mais modernos da Samsung e mesmo marcas chinesas como Huawei e Xiaomi, tem mais recursos do que ele.

          • Ernesto

            Eu tenho um Zenfone e perguntei para um amigo qual a vantagem do iPhone. Ele disse que os aplicativos que a Apple disponibilizam para ele são todos testados e não podem solicitar dados do usuário, coisa que qualquer app de android pede. Ou seja, em termos de segurança, o iPhone é muito mais seguro que um celular com android.

            • Paulo Júnior

              Vamos lá, sou usuário do Android desde a versão 2.1 (Motorola Spice) e usei o iPhone pela primeira vez na versão 3GS, agora novamente voltei a utilizar o iPhone após o uso de um Xiaomi Redmi Note 4X de 2016.

              – O software (iOS) é otimizado para o hardware, sem remendos como existe no Android para suportar N modelos diferentes de processador, memória, GPU e etc… Portanto que o meu iPhone com 2GB de memória tem um desempenho melhor que o telefone da minha esposa que tem o dobro de memória e processador.

              – Não existe fragmentação de versão igual existe no Android, onde nem todos os modelos mais recentes necessariamente terão a versão mais recente do Android.

              – App Store é mais controlada contra apps de devs mal-intencionados, tem problemas de segurança sim! Mas por ser um sistema mais fechado, os problemas são corrigidos mais rápidos.

              – Não é fator decisivo para algumas pessoas, mas os telefones com Android desvalorizam absurdamente após um ou dois anos de uso, hoje em dia com smarts custando mais de 4 mil reais, ninguém fica guardando o modelo antigo na gaveta para comprar o mais recente.

              – Onde tiver um representante da Apple você terá suporte garantido, em qualquer país.

          • Murilo Assis

            É só entender um pouco de tecnologia e história que vai entender porque um iPhone custa a mais. Além da grife de ter sido a marca que inventou o celular como usamos hoje (em partes, mas foi a primeira que conseguiu fazer sucesso), tem sistema operacional próprio, muito mais estável que Android, consegue entregar desempenho melhor com menos hardware. E em comparação de preços, um iPhone topo de linha custa tanto quanto um Samsung topo de linha. Não adianta comparar preço de iPhone com preço de Samsung Galaxy J6.

            No mais, sim, as montadoras ainda surfam na onda do nome bem visto, como Honda, Toyota e afins, com a velha história do “japonês” não quebra, muito pelo fato de serem carros espartanos comparados com outras marcas.

          • Paulo Lustosa

            Eu depois de usar celular com Android por anos, fui dar uma chance pra Apple esse ano pela primeira vez só pra ver como de fato é o iPhone pra ver se o que eu falava que o aparelho não vale nem metade do que é pedido pela Apple, e o que tenho que dizer é o seguinte:

            – O sistema é infinitamente mais estável que o Android, sem nenhum tipo de remendo para suportar trocentas versões
            – Existe controle contra desenvolvedores mal-intencionados na App Store, o que não existe com a Google, já que um app pra Android, você mal desenvolveu e em menos de 30s já fica no ar na Play Store, enquanto um aplicativo pra Apple demora meses conseguindo homologação pra por no ar (eu fiz parte da equipe de desenvolvimento do aplicativo do PROCON da cidade onde moro na época que trabalhei para o mesmo órgão e vi a enorme burocracia que era em relação ao Android, tudo para não colocar o usuário do iOS em vulnerabilidade).
            – Possui a menor desvalorização do mercado, e é fato.
            – Sistema de microfone da Apple é infinitamente superior na captação e filtragem de ruídos que o celular que possuí anteriormente (Redmi Note 7).
            – Câmera não tem maquiagem de cores forçadas como existem em certos aparelhos com sistema Android (olá Asus)
            – Sistema de manutenção caso quebre alguma peça do celular é a coisa mais fácil que existe pra substituir um iPhone por ser tudo na base de encaixe e a tela aparafusada na carcaça do aparelho (os Android que usam carcaça de ferro são todos colados e aparafusados apenas os que usam carcaça de plástico), enquanto celulares como o da Motorola e outros que não preciso citar o nome precisa mexer com a solda pra substituir a peça, tornando a mão-de-obra para substituir a peça muito mais barata que a de um Android.
            -Garantia e RMA da Apple, ao contrário da Samsung, LG, Asus e Motorola, funcionam de fato, ao contrário dessas que citei, que nunca resolvem nada, e os consumidores das mesmas precisam acioná-las por meio administrativo por intermédio do PROCON e não conseguem resolver, não restando o acionamento por meio judicial, e sendo assim, afugentando esses mesmos clientes e migrando para a Apple pelo fato do suporte, e aí é o segredo da Apple vender muito.

      • Djalma

        A Hyundai enxerga o óbvio, ela tem lucro,não lhe interessa volume; a GM ao contrário está no prejuízo a vários anos aqui, por querer ser líder a qualquer preço. Até ameaçou sair do Brasil se o governo não ajudasse, chantagem pura. Conseguiram subsídios do governo paulista e do governo gaúcho. Vamos ver, mas é fato que nenhuma outra montadora dá descontos nos níveis da GM. Lembro que quando o Gol era o queridinho do mercado, tirei 3 Gols Zero KM em anos e versões diferentes, e em nenhum deles eu consegui nem a metade dos descontos que a GM dá hoje em dia.

  • Matthew

    Queria entender da onde sai tanta gente endinheirada num país quebrado como o Brasil. Hoje fui tirar um documento no centro da cidade, metade dos imóveis estão pra alugar.

    • André Palmeira

      o Brasil ”quebrado” ainda é um dos países que mais crescem no continente

      • Marco

        Nao sei de onde tirou esse dado. A economia do Brasil em 2018-2019 só cresceu mais que Venezuela e Argentina nas Américas.

        • LL

          Do twitter…hahhaa

          • Davi da Rocha (Phius)

            Do Twitter do Bozo

    • Fanjos

      Brasil tem cerca de 10% de “ricos” (coloca muitas aspas ai), que da umas 20 milhões de pessoas, são esses que compram

      • Eduardo Andrade

        Em 2018 foram 2.566.235 automóveis vendidos. Então nem 15% desses 10% de “ricos” compraram carro zero.

      • Leonardo

        Rico não compra Onix.

        • Eduardo Andrade

          Pobre que é pobre não compra carro não…rs… Se comprou um Onix eu já acho rico.

          • El Gato!

            Eu acho esses “conceitos econômicos” meio furados, sabe? Pra mim, é facil: quem precisa trabalhar para ter o que comer, onde morar, o que dirigir, e tudo mais, é pobre. Quem não precisa trabalhar, é rico. Simples assim.

            • Matthew

              Não são conceitos econômicos, é estatística. Ao contrário do que muitas pessoas pensam, não é o governo ou o IBGE que determina por decreto qual faixa de rendimento é rico ou não. Simplesmente contam os 1%, os 5%, os 10% mais ricos da população e os valores saem. Se 5 mil reais de salário já é o suficiente pra colocar o cidadão entre os 10% mais “ricos” não é por uma arbitrariedade do governo, mas sim porquê somos um país de renda média falido mesmo. A época em que o país cresceu de verdade foi da década de 1930 até 1980. Desde então só administramos o resultado. Nem a transição da renda baixa pra média (em termos agregados) foi plenamente alcançada.

              • El Gato!

                Como um conceito é elaborado, criado, balizado e referenciado, é outra coisa. Perceba, você acabou de explicar um conceito econômico.

                • Matthew

                  Elaborei conceito nenhum. Só descrevi o período no qual a economia brasileira teve maior crescimento e morreu na praia. Sobre a estratificação dos salários é um procedimento puramente estatístico, serve pra qualquer coisa, salários, peso, altura, temperatura…

        • Fanjos

          Por isso que coloquei rico entre aspas, aqui no Brasil qualquer salario mais ou menos já é considerado “rico” já que a maior parte da população é considerada miserável se levar em conta o padrão internacional

          • Eduardo Papa

            Não não não, o Lula moslusco tirou a população da miséria. Então na sua frase aí acima seria ou pobre ou classe média. Não se esquecendo que durante a governança petista os paramentos de riqueza foram alterados…

          • 4lex5andro

            Pois então, geral esquece de se ligar nas aspas, mas pra quê né…

            E o tal ”rico” brasileiro que compra Onix, geralmente (se não é herdeiro de barão) tem emprego estável, entende pouco de mercado e não se incomoda com um carnê bíblico pra pagar enquanto puder ostentar um auto com ”cheiro de novo” na garagem.

        • Luiz Felipe S. Silva

          Acho que compra sim, pros filhos, sobrinhos e pra empresa

        • Fabão Rocky

          N sei se é apenas na região onde eu moro mas tem mta gente leiga c/ akele conceito de q, comprou carro é rico.

          • Mr Tony

            Na região onde moro o que tem de gente devendo condomínio com ASX na garagem….

            • Ernesto

              ASX? Então deve ter no máximo 1 ou 2. Rsrsrsrs

      • Marcello Gois

        Acho que não são ricos coisa nenhuma! Apenas são sujeitos que nem eu por exemplo, que fica 6 anos com um carro , e junta uma grana e compra o carro a vista, minha renda , somada com a da minha esposa, fica em média 8,200 líquido! Sou um sujeito controlado e não tenho filho, tenho casa própria, aí dá para juntar grana e viajar, trocar de carro. Tenho um polo TSI, e minha esposa um Onix 1.4 automático, ela já reservou novo Onix dela. ( O dela é ano 2013) De lá para cá vem fazendo economia.

        • cepereira2006

          Parabéns, pessoas com educação financeira como você são raríssimas no Brasil.

    • Antonio_Brust

      Bíblia de prestações, meu amigo… aquele carnezâo volumoso de 60 parcelas.

    • Daniel

      Eu só acessei o site de curioso…

      • Davidsandro18

        😂

      • Magnamox

        Eu acessei umas 20 mas só pra confirmar se era verdade os preços…..rsrs.

        Fora os Haters das outras marcas que tambem entraram varias vezes pra ver se era verdade…kkkk

    • Mas e a outra metade dos imóveis que está alugada? Por mais que tenha muita gente desempregada também tem muita gente empregada , e o Brasil tem uma legião de profissionais liberais e pequenos e médios empresários que estão ganhando dinheiro. Soma a esses profissionais uma enorme quantidade de funcionarios públicos com estabilidade e você verá de onde vem o público consumidor. O Brasil tem 200 milhões de habitantes, se 20 por cento desse público tiver uma renda mais ou menos boa significa 40 milhões de consumidores, acho eu que isso é maior que a população de qualquer país vizinho.

    • Cesar

      E a outra está sendo vendida.

    • Zé Mundico

      Só esqueceu de dizer que praticamente 95% das vendas de carro zero são feitas através de financiamentos em 36, 48, 50 e até 60 prestações. Vai depender da entrada e da capacidade de endividamento da pessoa.
      Brasileiro não olha preço e sim a prestação. No fim o consumidor vai ter pago 2 carros, mas aí é problema dele.

    • Djalma

      No prédio onde tenho escritório, de 8 salas, 4 estão vazias.

    • Murilo Assis

      Ou estariam para alugar porque o país está quebrado e não há inquilinos?

      Sempre há o outro lado da moeda…

      PS.: Enquanto tiver nome limpo e renda de R$ 1.500,00, sempre vai ter banco pra financiar carro.

    • Alexandre du 52

      O país pode estar quebrado, mas ainda tem no mínimo umas 50 milhões de pessoas com capacidade de consumir. É só observar. Dá um feriadão, é praia e estradas lotadas, shoppings cheios, GM vendendo carro feito água. A crise não é pra todos…

    • Emanuel Schott

      Num país com 210 milhões de habitantes, não vendem 2 milhões de carros, ou seja, menos de 1% da população.

      Além disso, 40% das vendas são para empresas, produtores rurais e PCD, com descontos altos.

      O restante compra parcelado. Se você tem um carro mais antigo, com valor de uns R$25.000, compra carro de R$50.000 pagando seus R$700/mês, o que não é muito pra quem ganha por volta de R$3000 a R$4000.

      Ou seja, análise os números e verá que o negócio não passa nem perto do que tentou insinuar aí.

      • Matthew

        Os dados que você apresentou corroboram com o que eu tentei insinuar, demonstram a fragilidade da recuperação do setor e da economia de uma forma geral, embora o potencial de crescimento do mercado brasileiro seja muito grande ainda. Só de capacidade instalada no país dá mais de 4 milhões de unidades produzidas por ano, mas a ociosidade no parque industrial ainda é elevado.

        Se formos considerar que ainda há 13 milhões de desempregados no país, outro tanto subempregado e/ou desalentado, e o elevado índice de endividamento das famílias não é de todo absurdo o que eu insinuei. Muito gente só tem carro no Brasil porque tem modelos com mais de 20 anos que não pagam mais IPVA e a galera usa até acabar. Na minha rua mesmo tá cheio de vizinhos com Corsa, Uno da década de 90, aí a mesma família tem um Etios novo como o melhor carro. Só assim pra ter dois ou três carros na grande quem é classe média.

  • Felipe S. Rangel

    Testei o carro e gostei. Porém, apesar de possuir muitos recursos inéditos, achei que ele é mais simples ou menos refinado que o Polo. Mas tenho grande interesse em adquirir a versão hatch.

    • Vinicius Mello Lima

      Meu amigo, se ele é pior que o Polo então estamos ferrados, por que por dentro o Polo é plástico puro kkkk

      • Fanjos

        Alias o Polo finalmente ganhou a cobertura dos trilhos dos bancos ou ainda parece carro de mendigo?

        • dallebu

          Não ganhou, e nem no GTS de quase 100k… Até o Kwid e o Mobi tem acabamento ao redor dos bancos pra esconder as ferragens.

          • Fanjos

            Na boa, isso é coisa que chega a dar até nojo, injustificável economia nesse nível, considero que é doença mesmo

            • Rodrigo

              Mais feio que encoxar a avó no andador. Nada justifica.

              • Geruzzus Filho

                Mais que isso só o banco com o encosto de cabeça costurado. Era lindo na VARIANT-II 1978.

              • Claudio

                Kkkk….isso é feio pacarai 🤣🤣

            • dallebu

              Eu sonho com o dia em que o Polo vai ter o acabamento dos trilhos dos bancos e que o Argo vai ter as molduras das portas decentes. No caso o Onix tem as duas coisas, entre outras.

            • Marcelo Alves

              A VW sempre depena os carros, o Polo antigo (2002 a 2014) tinha um acabamento de plástico que ficava por trás dos pedais e a VW nunca colocou aqui no Brasil… Tinha algumas espumas anti-ruído que ficavam por trás dos acabamentos das colunas e a VW também capou no Polo BR, tinha um “freio” que fazia a tampa do porta-luvas abrir suavemente, também foi capado. Tem várias outras coisas simples de acabamento que foram capadas, mas eu acabei esquecendo kkkkk…

              • Fellipe Z

                Não sei como tá o golf 7 aí no Br, aqui ele tem veludo em volta das borrachas da porta, veludo no porta luvas e veludo no porta treco das portas pra minimizar qualquer barulho..não sei como tá no Br

              • MarcioMaster

                Então Marcelo, o problema é que os “entendidos” dizem que o polo é premium desde esses antigos que voçe falou. Tive gol, tive polo são os mesmos carros. Hoje continuam alegando isso, mas não mudam quase nada, ainda vai ter gente dizendo que o Polo tem acabamento premium perante o Onix plus. A solução seria o Plus vir mais caro, aí sim o acabamento, a qualidade de construção seria melhor obviamente.

                • Marcelo Alves

                  O Gol igual ao Polo? Eu já acho o Fox bem melhor que o Gol, mas não vejo tanta diferença do Fox para o Polo… Só de abrir os carros no showroom da concessionária e entrar dentro deles já é suficiente para eu querer passar longe do Gol. Eu trocaria um Polo (do modelo antigo) por um Fox, mas por um Gol não, nem pensar, o Gol só é “novo” do pára-brisas para frente, pois do pára-brisas para trás é um Gol bolinha adaptado.

            • Eskarmory .

              Eu desistiria de comprar o Polo só pela falta da cobertura. Tosqueira da grossa mesmo

              • klaus

                quando entro no meu, evito de olhar para aquele lugar…eheh

            • Geruzzus Filho

              Senti o mesmo quando vi os encostos de cabeça costurados e fixos. Bem porca a economia. Além de serem claustrofóbicos para quem vai atrás, impedindo a visão, não podem ser regulados para a estatura de quem está na frente.

          • Cardoso (não aquele)

            Ah no GTS é compreensível. Estão reduzindo o peso para garantir AQUELE comportamento esportivo…

            • Marcelo Alves

              Comportamento esportivo com AQUELE câmbio que usa conversor de torque, top demais!!! Rsrsrs

        • Filipe Augustus

          O negócio é comprar a cobertura dos trilhos no Ebay da Alemanha, hahahahaha

      • João Silva

        Vi somente o básico MT na semana passada quando fui fazer a revisão do meu carro.
        Tirando a cor vermelha que não é de meu agrado, achei bem adequado. Interior plástico rígido sim, mas achei mais agradavél do que o Virtus de entrada (1.6 MSI). Passou a impressão de melhor qualidade e melhor construção, embora sejam de nível muito similar.
        A diferença que me faria pender para o Onix Plus de entrada em relação ao Virtus seria motorização. É um grande diferencial em preço muito próximo. Opcionais e plástico rígido por dentro estão muito próximos….

      • Felipe S. Rangel

        Referi-me à dirigibilidade e aparente montagem, mesmo vivendo inúmeras queixas de acabamentos e barulhos internos no VW. Tive a impressão e mantenho, mas não disse que ele é pior.

        • Ernesto

          Eu entendi que você se referia à dirigibilidade, mas infelizmente a galera não.

        • Paulo Lustosa

          GM é calibração de suspensão típicamente americana, eles abrem mão de um pouco de estabilidade pra absorver melhor os impactos do solo lunar brasileiro e dar mais conforto nessas condições.

    • Cardoso (não aquele)

      O que você achou dos bancos? Comparando com o Polo são melhores ou piores?

      • José Eduardo D’Acampora Guazzi

        Fiz o test drive, para mim que tenho 1,80m a questao de altura do banco, regulagens de banco + volante e conforto do banco evoluiram em tudo comparado ao antigo.

        • Leonardo

          Achou o banco do motorista alto, igual do Prisma?

          • José Eduardo D’Acampora Guazzi

            Não, arrumaram esse problema, com minha altura mesmo no mais baixo o prisma me deixava vendo metade do teto, agora isso não ocorre mais.

      • dallebu

        Fui ver o carro, e cheguei lá com um Argo. Em relação ao Argo os bancos tem um encosto pouco mais estreito e mais baixo, mas na prática não senti diferença no conforto, ao contrário do Mobi que tem bancos estreitos de mais e suas costas não “encaixam” direito no meio das abas laterais. Desci do Onix Plus e entrei no Onix antigo, e esse realmente tem bancos pequenos, com encosto bem baixo e apoio de cabeça bem pequeno, passando uma má impressão. No mais acho que os bancos do Polo devem ser um pouco melhores pois me agradam mais que os do Argo, pois “abraçam mais”.

      • Felipe S. Rangel

        Em relação ao Polo TSI Confortline (que é um dos carros que temos – o outro é um New Fiesta Titanium Plus) senti a densidade da espuma mais firme. Também tive a impressão de ser um pouco mais estreito e “abraçar” menos que o do Polo.

    • dallebu

      Fui conhecer o carro e realmente o carro tem algumas economias, mas nada que incomode, principalmente porque ele custa em média 10.000 a menos que os concorrentes, oferecendo mais. Polo e virtus são produtos de construção um pouco melhor, o que é diferente de melhor acabamento.

      • José Eduardo D’Acampora Guazzi

        Construção eu tbm acho, mas ao sentar na versão Premier x a Highline o Onix tem um desenho e impressão de ser um segmento superior ao do Virtus. Acho que ai entra a questão do desenho e ergonomia do carro. Essa sensação ja nao me ocorre entre jetta x cruze

      • Felipe S. Rangel

        Justamente. Referi-me exatamente à qualidade de construção e dirigibilidade. Tenho a mesma percepção que vc.

    • Cesar

      Realmente. Nem vem com piscina como o virtus.

      • Felipe S. Rangel

        Tem também. Passa lá e marca um mergulho 😉 só achei melhor nadar na piscina da VW. Menos simples ou refinado quis me referir à dirigibilidade e montagem. Depois os sites e revistas dirão isso e minha opinião deixará de ser polêmica.

    • Robinho

      Pior que o Polo? duvido.

      • Felipe S. Rangel

        O carro será sucesso. Também prefiro ele ao Polo. Mas a dirigibilidade do VW é mais refinada para o meu gosto e a montagem deixa a impressão de ser um carro mais simples. Essa foi a impressão que tive. Não disse que é pior. Tanto que pretendo pegar um.

  • A chevrolet está de parabens e está colhendo os frutos. Onix virou referencia de vendas, qualidade, confiabilidade e revenda.

    • Geruzzus Filho

      Não me admiro. O anterior que era uma urna, era o mais vendido.

  • dallebu

    Agora sim podemos dizer que vai ser líder merecidamente, pois de fato oferece um produto extremamente competitivo e que entrega economia, desempenho, espaço interno, segurança e design bonito, ao contrário dos antigos Onix e Prisma que vendiam por causa do preço e da baixa manutenção.

    • João Silva

      E os antigos (Joy e Joy Plus) também vão continuar vendendo por essas qualidades citadas e agora atualizados. Bola dentro para a Chevrolet realmente.

  • Fanjos

    Já solicitei aumentos correções monetárias automotivas para solucionar esse problema de oferta e demanda, fiquem tranquilos!

    • El Gato!

      Enquanto o Ônix não chegar a R$ 99.990,00 nem fala comigo!!!

      • Fanjos

        Amém!

    • Raul Cotrim de Mattos

      E digo mais: que aumentem o IPVA!

    • CanalhaRS

      Anotem esse valores: de R$ 58.790 a R$ 76.190.
      Daqui a um ano daremos risadas (ou choros) dos aumentos…

  • Carlos AM

    Fui na GM em Campinas no final de semana para conhecer o carro e consegui fazer um test-drive em um Premier.
    E não me surpreendi com a notícia, pois a todo momento apareciam pessoas para conhecer o carro e fazerem o Test Drive.

    De modo geral gostei bastante do veículo.

    Claro que tem algumas economias, bastante plástico duro, mas pelo valor me agradou.

  • CarloAndreiDiniz

    Sinto cheiro de recall no ar!!!!

  • Leonardo

    Por isso os preços são tão altos, o gado não aguenta e lá se vão mais 60x de sofrimento, ê povão véio.

    • Fernando

      Ainda bem que vão, numa economia parada como a nossa, alguém tem que impulsionar a circulação de dinheiro, mesmo que indiretamente.

      • Saulo Bezerra

        mas a longo prazo isso é ruim, se nós fossemos um país que poupa, os bancos teriam mais vontade em emprestar e diminuiriam o juros ao cliente.

        O fato de se enfiar num carnê não é um diferencial para o Brasileiro, não um diferencial positivo.

        Sou suspeito para falar, mas acho que fiz a escolha mais racional, comprei um carro usado de Fipe inflada e comprei através de consórcio, pago relativamente pouco, juros é razoável, e o carro é justo.

        • Fernando

          Digamos que não haja essa euforia para compra de 0km e que a grande maioria optasse por um usado. Seria uma bola de neve (já está ocorrendo aos poucos) para que a Economia fosse de vez a bancarrota. Infelizmente os juros no nosso País são absurdos. O Consórcio não é livre de taxas/juros e só é vantagem se pegar o carro logo ou para aquelas pessoas que não conseguem poupar e optam por uma forma obrigatória de guardar dinheiro para comprar o carro.Infelizmente, as opções são complicadíssimas, economia ruim, juros altos, não é fácil para o Brasileiro.

        • zekinha71

          Esse negócio de consórcio tem que analisar bem, pois tem uns que cobram 25% de taxa de administração, não paga juros mas paga um quarto do bem pros caras tomarem conta, fica até mais caro que o financiamento, fora a burocracia.

        • Matheus Mendes

          O necessário não é “poupador” e sim “bom pagador”

          Os bancos não conseguem(ou nem querem) abaixar os juros pois os índices de inadimplência são sempre muito altos.

          O mercado deve ser movimentado e deixar bem claro que em MUITOS casos… financiar é melhor do que fazer consórcio.
          O negócio é, se todos fazem compras saudáveis… a tendência é redução das taxas e melhora do crédito.

  • Joel Oliveira

    Na prática, o PRISMA virou ONIX (o que ele sempre foi).

  • Fabio Rovaris

    Acho que o grande mérito da GM foi ter lançado essa nova geração com preços iguais ao que praticava (LT e LTZ) e R$ 76.190,00 na Premier, isso irá ajudar algumas montadoras como a VW com o Virtus a R$89.130,00 (completo?) baixarem o preço a um patamar mais razoável, afinal são sedans compactos.

    • Ernesto

      Aqui em São Paulo vejo anúncio de Virtus Highline com painel digital por R$80.900,00.

      • Fabio Rovaris

        Mesmo assim Ernesto o Onix Plus é mais barato, com a diferença você pode pagar o seguro e todos os tramites do carro, lembrando ainda que ele com park assist e alerta de ponto cego na Premier II.

        • Ernesto

          Só quis ressaltar que a VW não tem vendido o Virtus com o preço de tabela, pelo menos aqui em São Paulo.
          E GM surpreendeu com o preço dos novos Onix e Onix Plus. A VW e os demais concorrentes nesse segmento terão que correr atrás com promoções para tentar abocanhar alguma fatia deste mercado. Claro que existem as pessoas que não gostam de GM ou mesmo aquelas que torcem o nariz pelo projeto ser chinês, mas creio que a maioria não liga para isso, inclusive eu.

          • Fabio Rovaris

            Penso da mesma maneira Ernesto.

  • Ricardo

    Os carros da GM só tem valor novo, na hora de revender é o que mais desvaloriza, deve ser por causa de muita oferta.

    • Thiago Santos

      Kkkkkkk… Já ouviu falar de peugeot e citroen?

      • João Senff

        Isso já virou quase um mito no segmento de cima pega o Valor de uma Equinox Premier e de um 3008 Griffe Pack e veja qual desvalorizou mais.

    • Matheus Mendes

      oi?

      Onix é o carro de passeio com MELHOR preço de revenda do mercado de veículos de passeio, e essa pesquisa já foi realizada inúmeras vezes!!

      Fiz esta semana um comparativo com alguns clientes e o prisma mantem vantagem de quase 2 anos de fipe encima de uma Ford KA+ e Voyage
      Quando pegamos um HB20s a tabela de um Confort Style é igual a de um Prisma LT (se pegar LTZ da até dó)

      Compativos feitos com veículos 2015-2016-2017 que já entram no maior fluxo de troca.

  • Luiz Felipe S. Silva

    A GM simplemente acabou com a concorrência. Os preços de Virtus, Yaris, Cronos e HB20S ficaram injustificáveis

    • Geruzzus Filho

      Calma. Tenha calma. Já já os preços serão ajustados para o padrão do Brasil. Esses valores são apenas para fazer o carro ser despejado nas ruas, roubar vendas dos outros concorrentes e pegar mercado que nem fizeram com Polo e Virtus, que custavam BEM menos do que custam hoje.

      • Carlos AM

        Correto.
        Na visita que fiz à GM a própria vendedora já informou que possuem a informação que os valores serão ajustados em breve.

        A estratégia da GM foi botar este valor agressivo para causar um boom e gerar marketing.

        • Mr Tony

          Acredito que pode ter reajuste, mas com certeza foi xaveco da vendedora pra te vender o carro: “corre que vai aumentar”.

        • Marcelo Martins

          Vi em uma matéria que a GM não vai aumentar os preços como fizeram a VW e a Toyota pouco tempo depois do lançamento !!!

      • Matheus Mendes

        O aumento da GM não vai acontecer tão cedo, a previsão é só para meados do 2º quadrimestre do próximo ano.

        Isso, claro, contando que o dólar não vá explodir novamente (Por ser fábrica americana o aumento do dólar bate muito na GM)
        Mas não estou tão esperançoso, já que pela primeira vez em anos o dólar ficou + de 1mês acima de R$4,00

  • vi.22

    Uma grande procura não é novidade n, já era esperando .

  • Eskarmory .

    Joy Plus? Meu deus isso ficou horrível. Deixasse Prisma mesmo, já que o novo foi rebatizado.

  • Godofredo das Neves

    Sugiro a GM aumentar o preco do ONIX todo mes. Pq o carro ta muito barato em relacao a concorrencia.

  • Jose Walter Coimbra Moreira

    As vendas estão quentes,mas o veículo não pode pegar fogo!

  • afonso200

    vi um hoje passando com placa verde, 10km antes da fabrica da GM no RS, na treeway,,,, eu tava voltando do litoral

  • Sino Weibo

    E quem disse que brasileiro não iria fazer fila para comprar carro chinês…

    • Cesar

      Neste caso, é um sino-americano.

      • Sino Weibo

        É mais chinês que americano, tenha bastante certeza.

    • Lucas Alves

      O que importa é o símbolo da frente da grade! Ou vc acha que algum tupiniquim compraria algum Etios se o próprio fosse de uma JAC da vida?

  • RicardoVW

    Mini Cobalt.

    • 4lex5andro

      Como o Argos ser um ”mini-Tipo”, o Polo ser um ”mini-Golf”, assim também o Onix ser um ”mini-Cobalt”, se bem que melhor seria caso fosse um ”mini-Cruze”.

      Mas certo faz a GMB, se vende bem né.

    • Paulo Santos

      mini? dizem que o onix plus é maior q o cobalt

  • Pedro V.

    O Corsa B de 2019. Não falo isso de forma depreciativa, pelo contrário. Isso me lembra o sucesso que o Corsinha fez em 1994.

  • Roxxton

    Se nenhuma outra unidade desse carro pegar fogo de novo, vai vender mais ainda!!!

    • Marcelo Martins

      O HB20 tb teve problema de incêndio e teve até um recall em 2016 convocando 140.000 carros produzidos entre 2013 a 2015 por por causa deste risco e vendeu bem …
      Uma cliente que o carro pegou fogo com apenas 40 dias, ganhou ação contra a Hyundai que teve que pagar indenização e ainda dar um carro novo ..

  • Rael Core

    Está fazendo o mesmo sucesso que o Corsa de 1994!

  • 4lex5andro

    Turbo com caixa AT 6, bom sinal, apesar de que poderia ser melhor. O suficiente pra se manter na ponteira de vendas..

    Os preços começam em R$ 58.790 na opção 1.0 Turbo MT 2020 e chega a R$ 76.190 na versão Premier 1.0 Turbo AT 2020 + pacote opcional (topo de linha).

    No Brasil, o Onix Plus disputará espaço com Volkswagen Virtus, Fiat Cronos, Ford Ka Sedan, Honda City, Toyota Yaris Sedan e Hyundai HB20S.

    Quase tudo certo, mas Ford Ka sedan?????

  • azardo

    Já disse em outro site e repito aqui: Eu que sequer cogitei por um Chevrolet na minha garagem estou quase mudando de ideia com esse novo Onix.

  • zekinha71

    E viviam falando que brazuca não gostava de carro chinês.

  • Milton Fabiano Camargo

    O objetivo é levar os carros de entrada para a casa dos R$ 100.000,00.
    O mercado vai testando a capacidade do tolo consumidor brasileiro dar uma vida por um carro, pois a vontade de se exibir para o vizinho fala mais alto que tudo.

  • José Oswaldo Pedrosa

    Nunca tive, não tenho, e nem terei esse tal de ONIX, mas, por ironia do destino, me caiu na mão um deles certo dia e tive que usá-lo. Deus me livre! Nunca vi um carro tão xoxo, duro, barulhento e tão mal acabado como esta desgraça. Carro pobre, produzido em um país pobre, e que deverá ser vendido exclusivamente para pobre!

    • Hector Bonilla

      Que bom que você tem grana para comprar coisa melhor. Eu como no momento não posso, sou adepto da filosofia de quem não tem cão caça com gato.

      • José Oswaldo Pedrosa

        Hector Bonilla, depois que escrevi, me arrependi, e até pensei: CARACA, PORQUE ESCREVI ISSO?? Mas foi apenas um desabafo, porque sempre tive carros CHEVROLET (atualmente, tenho dois), portanto, conheço a fundo a qualidade da marca, dai a minha decepção quando dirigi o ONIX. De qualquer modo, se lhe pudesse sugerir, eu lhe diria para optar pelo HB-20 (meu filho tem um, modelo 2014, já passou dos 100.000 km rodados e nunca lhe deu um probleminha sequer, além de ser (a meu ver) mais bonito, mais macio, sem barulho e com um acabamento interno digno de elogios!

        • Hector Bonilla

          kkk entendo. Ainda estou estudando qual carro pegarei depois do Prisma LTZ.

  • carnero

    Parabéns aos envolvidos!
    Acertaram em cheio o gosto do consumidor além de ter uma ótima leitura de mercado

  • Matheus Mendes

    Estou no mercado de veículos desde os 18 anos. Hoje com 27anos já passei por Chevrolet, Nissan, Renault, Ford e voltei para Chevrolet (onde estou atualmente)
    Lançamentos de March e Versa
    Lançamento do Duster
    Lançamento da geração 2014 de Sandero/Stepway
    Lançamento da Oroch
    Lançamento da geração atual do Sentra
    Lançamento do primeiro Onix
    Lançamento da última geração de EcoSport
    Lançamento do Mustang
    entre vários outros.

    E tenho que admitir: É a primeira vez que fico extremamente satisfeito com um lançamento e com o produto que tenho em mãos para trabalhar.

    Quando a Ford atualizou a EcoSport para ter 7airbags de série, foi ótimo de se trabalhar… oq não durou muito (atualmente perdeu até o Sync 3 e pega um Sync 2,5 porco)

    Como um traumatizado de mercado: Espero que o carro não seja ‘depenado’ com o tempo.

    Quanto a preços, a Chevrolet deve se posicionar de forma agressiva contra HB20s e Virtus… não temos dúvidas.

    • Felipe S. Rangel

      Espero que ela não aumente desesperadamente os preços.

    • cepereira2006

      Quando virá a nova geração da Equinox? Já tem boatos circulando?

  • Ernesto

    Quando será que a GM começará a vender esse carro com desconto para PJ?

    • Matheus Mendes

      Já existe.

      5% para versão LTZ e Premier.

      Só demora um pouco o faturamento.

      • Ernesto

        Obrigado pela informação.

  • G. de F.

    Sei não viu. Tomara que tal declaração não seja precedente a um aumento vindo por ai… Sabem bem como é o deus “Mercado”…

  • Marcelo Amorim

    Estive sexta na ccs aqui em Natal,impressionante a falta de boa vontade dos vendedores e desinformação sobre o carro,primeiro cheguei no show room,uns 3 vendedores ociosos nem me abordaram,eu que tive que ir até um deles fazer questionamentos e ele,pasmem,nao sabia falar quase nada do carro,disse que a GM mandou os carros antes do treinamento que segundo ele iria ocorrer no próximo dia 07,me ofereceu um ”test drive”(trajeto extremamente pequeno,coisa de menos de 1km)e foi só isso mesmo.

    Fiquei me perguntando se eles tivessem a mesma abordagem que fazem na Toyota,o quanto de vendas que seria a mais ainda.

  • Agnaldo Gastaldi

    A economia deve estar ótima, tanta gente rica com dinheiro pra comprar um carro caro desses.

  • Gran RS 78

    Vi um azul desses exposto em uma concessionária Gm e vou te falar que gostei muito do carro. E estava cheio de gente olhando, e pensei comigo mesmo, esse carro vai vender muito, pois a GM colocou um preço agressivo, seis air bags e esp de série, sem contar o motor turbo em todas as versões.

  • Fabio Marquez

    Eles estão despejando esse carro para vendas diretas… Pai do amigo meu faturou um LT turbo por 48k no plano de taxista.

  • Marlon Jean Walecheski

    Carrinho ficou top, na faixa de preço dele seria a minha escolha!

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email