Combustíveis Ecologia Governamental/Legal Manutenção Veículos Comerciais

Arla 32: fraude no transporte de cargas usa chip paraguaio e ureia agrícola

arla32 Arla 32: fraude no transporte de cargas usa chip paraguaio e ureia agrícola

Assim como ocorreu o Dieselgate nos EUA, onde a Volkswagen foi condenada por utilizar um dispositivo que fraudava as emissões de óxido de nitrogênio nos motores TDI, o Brasil também enfrenta algo semelhante no transporte de cargas mas, em situação pior, sem que um culpado seja condenado.



Aqui, a questão envolve o Arla 32 ou Agente Redutor Líquido Automotivo, conhecido no exterior como AdBlue, entre outros nomes. Trata-se de um reagente químico que é pulverizado no sistema de pós-tratamento de gases, a fim de reduzir as emissões de poluentes nos caminhões produzidos no Brasil. Ele possui 32% de ureia em água desmineralizada que, em contato com o óxido de nitrogênio – altamente nocivo à saúde – reduz em 85% o NOx, convertendo-o em nitrogênio e também em água, que não alteram o meio ambiente e são inofensivos ao homem.

Como se sabe, o Proconve, Programa de Controle de Poluição do Ar por Veículo, em sua sétima fase, determina que caminhões e ônibus movidos a diesel sejam abastecidos com Arla 32, que atua em conjunto com o sistema SCR (Reversão Catalítica Seletiva). Veículos com o EGR (Recirculação de Gases de Escape) não precisam utilizar o reagente, como no caso das picapes diesel, por exemplo.

Para que o caminhão ou ônibus diesel possam manter seu rendimento em termos de performance e economia, é necessário o uso constante do Arla 32, que é armazenado em um tanque separado. Quando o nível está muito baixo, um alerta é emitido no painel, onde o motorista pode verificar a quantidade de reagente a bordo. No entanto, o composto químico tem um custo e muitos transportadores não querem paga-lo, embora de forma geral, os custos com o transporte tenham subido por após a introdução do produto.

Nos postos de combustíveis, um galão de 20 litros custa entre R$ 45 e R$ 50. Para percorrer em torno de 1.000 km, um caminhão precisa utilizar em média 50 litros do produto, o que dá um custo mínimo de R$ 112,50 para percorrer essa distância com o Arla 32. Mas, alguns decidem não pagar esse valor e buscam alternativas ilegais. Uma delas é utilizar ureia agrícola em um “genérico” do reagente, inadequado para uso automotivo. Alguns são feitos em fundo de quintal, enquanto outros são feitos por empresas não certificadas. As multas por adulteração podem chegar a R$ 50 milhões.

Mas a fraude no Arla 32 não para por aí. Há quem busque os “chips paraguaios”. Trata-se de dispositivos eletrônicos – obviamente comprados do outro lado da fronteira – que emulam o controle de emissão do motor, fazendo com que o sistema entenda que o reagente está sendo pulverizado nos gases de escape, quando na verdade o produto não está sendo usado.

Além do desempenho e da economia, a ausência do Arla 32 pode acarretar custos adicionais ao transportador, especialmente em manutenção, onde um catalisador avariado pelo excesso de NOx, pode custar até R$ 20 mil. Isso sem contar a emissão de óxido de nitrogênio em enormes quantidades na atmosfera.

Segundo a Afeevas, Associação dos Fabricantes de Equipamentos para Controle de Emissões Veiculares da América do Sul, um caminhão Euro 5 (Proconve 7) sem o Arla 32 polui mais que cinco caminhões dos anos 90. A entidade apontou que o consumo do reagente caiu 50% em relação ao nível que deveria ter para mover a frota hoje em circulação no país. Onde está a fiscalização?

[Fonte: Estadão]

 

 

  • Louis

    Nunca tinha ouvido falar nesse Arla 32. É obrigatório em todos os caminhões??? Vai em um tanque separado ?

    • Cesar

      Sim. Vai em um tanque separado.

    • RRodrigo Souza

      vai em alguns modelos, modelos mais modernos,

    • th!nk.t4nk

      Eu conheço por Adblue. Só no Brasil ouvi as pessoas chamarem por “Arla”. Bem bizarro.

      • Toieya

        Bizarro é desrespeitar a língua portuguesa e inglesar tudo, como “black friday”, ou em vez de desconto colocar “50% off” ou então “out let” em vez de bota fora e por aí vai, moramos no Brasil e falamos português, quando está certo é bizarro? arla é uma sigla em português, temos mais é parar de puxar o saco dos americanos que não estão nem aí pra nós, na língua espanhola não existe isso não, lá tudo é na língua deles respeitando o idioma local, parem de achar bonito isso, se eu fosse um político tentaria uma lei proibindo isso para respeitarem nosso idioma.

        • th!nk.t4nk

          Valorizar a língua é uma coisa. Mas criar uma sigla tupiniquim pra algo que o resto do planeta inteiro chama por outro nome? Ainda mais pra algo técnico? Aí já é preciosismo, a famosa jabuticaba.

          • Zetros1833

            ARLA significa Agente Redutor Líquido Automotivo. AdBlue é só um nome bonitinho pra ARLA. Nos EUA é chamado de DEF-Diesel Exhaust Fluid.

          • Toieya

            Amigo, só aproveitei o gancho e acho certo a sigla em português, porquê devemos copiar os outros? e até estranho isso, pois já que só sabemos copiar outros países que estão c.gando e andando pra nós tupiniquins.

        • MMM

          Vc tentaria uma lei pra regular a maneira que as pessoas falam? Bem que dizem que os políticos são o reflexo do povo.

          • Toieya

            Da maneira que as pessoas falam não, vocês entendem tudo errado e acham que são intelectuais, mas no comércio e em coisas que não haveria necessidade dessa modinha que é tosca, acabei de crer que somos todos bestas mesmo, por isso não saímos do lugar, não temos personalidade própria e só copiamos (Maria vai com as outras). E outra se parasse com essa bobagem de misturar inglês com português em publicidades, com certeza mudaríamos o modo de falar também.

        • Cyro Pistola

          Concordo plenamente.

          Mas esqueça, pois a maioria dos frequentadores de comentários de sites automotivos são puxa-sacos oficiais da Alemanha e EUA.

          São pessoas que se diminuem completamente para estrangeiros, sempre repetindo a ladainha de que o Brasil é pior, o Brasil é incapaz etc.

          Temos problemas, como a própria reportagem cita, mas se não tivermos vontade de mudar (como muitos aqui não têm — só querem ir embora lavar privada nos EUA), sempre seremos esses vira-latas chorões e invejosos dos gringos.

          • Toieya

            É amigo, infelizmente é isso mesmo, e saiu uma pesquisa recentemente em que somos a terceira população mais burra do planeta, caminhando a passos largos pra ser a primeira e nos achando espertos, se o problema fosse só isso de copiar os gringos que é mínimo diante de tantos outros estaria de bom tamanho, não é só a língua portuguesa que desrespeitamos como por exemplo esta reportagem, o buraco é bem mais embaixo, tenho vergonha de nós.

            • th!nk.t4nk

              Não é “copiar gringo”, é um termo técnico, é bom que seja padronizado. Mas nao, vão criando mais jabiticabas no Brasil. É o mesmo com o padrão de tomadas que ninguém mais usa no resto do mundo, o padrão de vídeo, etc. Só se for esperteza do avesso nesse caso.

            • FocusMan

              Calma, voltaremos ao primeiro lugar ano que vem com as eleições!

        • Leandro Oliveira

          Apoiado!!!

      • mjprio

        E porque Arla e a sigla do produto.

      • FocusMan

        ARLA32 significa Agente Redutor Liquido de Óxido de Nitrogênio Automotivo – Como tudo no Brasil, decidir esse nome levou alguns meses e inúmeras reuniões entre governo e engenharia das montadoras.
        Esse é o nome do produto. É um nome genérico, criado pelo governo. As empresas poderiam criar nomes comerciais como o Adblue, mas preferiram vender como ARLA mesmo.

    • Wagner Lopes

      Vai em todos os motores que atendem (ou deveriam atender) EURO V. A maioria. Alguns VW usam recirculação de gases (EGR) e não precisam do ARLA. Pra mim é uma grande gambiarra o uso de ARLA e muito em breve, as montadoras vão colocar soluções mais inteligentes sem custo para o frotista.

      • mjprio

        Nao sei… a Euro 6 ta em vigor na Europa e obriga o uso de SCR! A solução e reduzir o custo da cadeia produtiva ou oferecer ele a granel por bombas de abastecimento como na Europa

        • HENRY ME

          Sim

        • Wagner Lopes

          As montadoras já tem tecnologia para evitar o uso do ARLA mas são ainda mais caras. Estão passando pelo ARLA apenas por uma questão de custos assim como vários outros sistemas usados nos automóveis. O ARLA já é disponibilizado por alguns postos Ipiranga na bomba como se fosse “diesel”.

      • Eng Turbo

        No EURO 6 será necessário englobar as 2 tecnologias. EGR + SCR, ou seja, recirculação de Gases + Arla

    • ricmoriah

      Na Europa ele é utilizado também nos carros de passeio, especialmente os Euro 6. junto do bocal do tanque há outro menor para o reagente. também existem modelos onde o Adblue, como é chamado lá, tem de ser colocado no cofre do motor ou no porta-malas, como no caso do Tiguan TDI.

      • th!nk.t4nk

        É, a cada 2500 km. Surge um aviso no painel quando chega a hora, daí completa direto na bomba. Bem tranquilo.

    • mjprio

      Existem dois tipos de controle de emissoes para veiculos diesel. O EGR ou recirculador de gases de exaustão
      E o SCR. Nos caminhoes em que e empregado o sistema de redução catalitica seletiva(SCR) e obrigatórioo uso do Arla32( ou AdBlue) para que seja cumpridas as normas euro5. Quando nao se usa o produto a central eletronica faz o motor operar em modo de segurança ou seja, reduzindo a potência e torque do motor a fim de fazer com o proprietario complete o sistema e nao haja poluição ainda maior.
      E ai que entra a malandragem: chips emuladores (facilmente encontrados em sites de compras ou no Paraguai) sao colocados na central enviando um sinal falso de que esta ocorrendo a reação no catalisador.
      O SCR e utilizado em caminhoes medios, pesados e em ônibus ( os da MB e Volvo euro 5 sei que usam, os da VW usam salvo maior engano o EGR dispensando o arla)
      Caminhoes compactos picapes e automoveis usam o EGR que e eficiente para os motores menores.
      Entretanto a norma euro 6 obriga o uso das duas tecnologias

      • Rafael Henrique Arruda

        Em 2019 entra em vigor o MAR-1 para todas as categorias, aí a coisa vai apertar um pouco mais.

        • mjprio

          Desculpe o que seria MAR-1, pois eu so conheço o Proconve e a norma Euro

    • Zetros1833

      Passou a ser obrigatório, desde janeiro de 2012, por conta da entrada em vigor das normas Proconve 7 aqui no Brasil, que são equivalentes às normas Euro 5, para os veículos a diesel que utilizam o sistema SCR. Para os veículos a diesel que utilizam o sistema EGR, o Arla32 não é utilizado.

    • Rafael Henrique Arruda

      Máquinas agrícolas com mais de 250cv também. Que polui mais, isso é verdade, mas achei meio absurdo dizer que polui mais que 5 caminhões dos anos 90. Na verdade é a lei que está muito mais rígida.

      • mjprio

        Segundo o relato de um amigo aqui no post,esse aumento se da pelas novas tecnologias de injeção e combustão que , se por um lado permitem o Downsizing pelo outro fazem o motor trabalhar no pleno da capacidade termica e energética, fazendo ele poluir mais. De fato, eu li uma reportagem alemã a respeito do aumento dos índices de poluição relacionados ao downsizing e o uso de recursos como turbo etc… para compensar a redução da cilindrada. Além desse aumento de poluição ,o qual gerou inclusive casos como o dieselgate, o downsizing digamos excessivo estaria trazendo danos aos motores.
        Isso teria levado a VW por exemplo a aumentar a cilindrada do 1.4 TSi para 1.5 com a mesma potência e disponibilizar um 1.0 Tsi com apenas 90CV com redução na pressao do turbo e mudanças na calibragem.

  • carroair30

    Quase tudo aqui e nessa base;FRAUDE,ROUBO,PROPINA,ACERTOS…….

    • GuiWX88

      Pois é!!! “mas não eram só os políticos os picaretas?”

      • No_Name

        Os políticos são apenas o espelho da população geral…

        • mjprio

          Excelente observação. A velha hipocrisia do brasileiro que fura fila, lesa o INSS, sonega impostos, compra produto pirata,paga suborno pra nao tomar multa e acha que esta acima do bem e do mal

          • No_Name

            Você vê uma Noruega, Dinamarca, Suíça etc com populações sérias e honestíssimas e vê os políticos como são… São igualmente bons. O problema está nessa cultura nojenta que é ser brasileiro. Isso aqui só começando de novo, não tenho mais esperanças.

            • mjprio

              Meu pai dizia. As instituições sao o retrato da sociedade que as compõem

            • Edson Fernandes

              E pensar que na Noruega se uma criança que vai para escola quase sempre sozinha ou acompanhada de amigos se perde, alguém na rua dá auxilio. Se fosse aqui…

  • Leonel

    Fiscalização + Brasil é uma equação que não “combina”. Fora a questão de multas e afins. É uma palhaçada…

    • thi

      perfeito

  • Gilson Neto

    Deixei de vender o Arla 32 na minha loja porque não havia mais procura. Os produtos falsificados dominaram o mercado e os cliente começaram a me taxar de “careiro” por tentar vender o produto por um valor duas vezes mais caro que os outros. Mas acontece que o o produto original que eu vendia já era com uma margem ridícula. A explicação de que preço muito baixo se trata de produto falsificado que prejudica o catalizador que é uma peças de 20k, entra por um ouvido e sai pelo outro.
    FISCALIZAÇÃO ZEROOO é comum achar em postos de gasolina o Arla falsificado exposto!

    • mjprio

      Padrão Brasil. Vc e culpado por ser correto

    • Zé Mundico

      Para você ver, prezado, como a fraude e a falsificação são tremendamente danosos a economia do país.
      Produtos falsificados não são apenas piores ou prejudiciais, mas prejudicam o comércio e a indústria, além de, por tabela, aumentar o desemprego e a arrecadação.
      Brasileiro se acostumou com o pouco, com o escasso, com o arranjado. Gosta de viver do lado menor da vida e se vangloria de estar “economizando” e de não estar “dando dinheiro para o governo”.
      Depois quando ferra tudo, vai fazer besteira e se enganar com produto falsificado e roubado. Entrou no ciclo vicioso e nisso vai se desmanchando.
      O povo vive mesmo é da mão prá boca, triste isso…

  • Pedro Cunha

    O quê o brasileiro “NÂO CONSEGUE” fraudar???
    Realmente somos imbatíveis. Até melhorou minha auto-estima.

  • MIN💀S

    O Brasil, não é um país.
    É ma fraude!

    • Wagner Lopes

      Cara, depois de eu ver essa semana o departamento de engenharia do exército superfaturando obras e contratos com o DNIT eu já comecei a planejar minha saída desse país…

      • No_Name

        Daí você imagina o quanto não roubaram de 1964 até o fim dos governos militares… E ninguém nunca soube de nada e quem soubesse provavelmente iria para o “paredón” para tudo continuar escondido.

        • mjprio

          Se roubaram gastaram tudo porque os presidentes militares morreram sem esbanjar riquezas, diferente de um certo sindicalista de 9 dedos que hoje e multimilionário e tem um filho que ficou riquíssimo so limpando b..sta de animal.
          Hoje o Exército esta concluindo muitas das obras que deveriam ser feitas por empresas que abasteceram os caixas dois e o propinoduto do PT/PMDB, com custos ate 5 vezes menores que o orçado.
          Aqui em Manaus a Estrada da Ponta negra foi concluida pelo GrupEng e tem otima qualidade. Eles ja se comprometeram a fazer toda a BR319 de Humaitá a Manaus. Mas esbarra em questões políticas com ambientalistas

        • Wagner Lopes

          Acredito que roubaram e roubem sim mas, nem um centésimo da classe política nojenta que infesta esse país no momento.

      • mjprio

        Infelizmente ha mau carateres em qualquer instituição. Mas por outro lado varias obras dessas construtoras bandidas tem sido concluidas pela Engenharia do EB com custos até 5 vezes menores que o orçado. Com certeza a justiça militar vai descer o cajado! Pode crer.

  • Leonardo Balieiro

    A fraude do aquecimento global defendido pelos governos só serve pra isso aí! Tem que acabar com isso.

    • Pedro Henrique

      emissão de NOx não tem nada ver com salvar os ursos polares, tem a ver com salvar seu filho de um problema respiratório ou câncer.

      • Wagner Lopes

        Não sei qual o pior, se o NOx ou os particulados/fuligem do diesel…

        • Pedro Henrique

          cara, os particulados dos diesel/gasolina turbos imagino ser piores pois eles entram no seu sistema respiratório como um “objeto” enquanto o NOx são gases que vc pode ou não acabar inalando mas eles eventualmente saem do seu corpo quando respira(eu acho). É tipo sofrer intoxicação por CO² talvez? pode acontecer se você tiver ali no meio respirando o negócio direto ou centro de cidade movimentada mas em local com vento e tal, não é tão ruim quanto as partículas que podem grudar na sua roupa, pele, comida…

      • Leonardo Balieiro

        Pedro, eu não sou da área, mas tudo isso são só estudos e teorias… Não tem nada de concreto. Se você tiver algum estudo concreto a respeito do assunto peço que me mande que irei ler com o maior prazer.

  • oloko

    Como que um caminhão com motor EURO5, novo, pode poluir mais que 5 caminhões com mais de 20 anos ?

    • AlemãoMoreira

      é fácil, só rodar sem o arla.

    • th!nk.t4nk

      Pior que Euro 5 é velho, tem quase uma década. O padrão do mercado hoje é Euro 6, e ainda assim tá longe de ser o ideal. No Brasil essa insistência em usar tecnologias com 1 década de atraso só ferra ainda mais com o povo, já que o país vira desova de maquinário velho. E sem o Adblue então, boa sorte pra quem respira esse ar todos os dias.

    • KOWALSKI

      Motor moderno; mistura estratificada, câmara de combustão mais quente, gera maior rendimento e menor consumo de combustível e por conseguinte maior emissão de NOx , gás tóxico. O caminhão novo com gerenciamento eletrônico trabalha no limite entre potência e consumo, diferente dos caminhões antigos, que hora podiam ser potentes e gastadores ou econômicos e mancos.

  • O governo gasta dinheiro para implementar algo que gere menos poluição, as empresas gastam dinheiro para burlar esse sistema. Por sua vez ao burlar o sistema as empresas provavelmente vão gastar mais com manutenção corretiva a frente e o governo gasta mais com os problemas decorrentes da poluição, em especial saúde como doenças respiratórias. Agora o governo vai gastar mais dinheiro para fiscalizar esse sistema, enquanto o dinheiro poderia ser gasto em algo mais produtivo. Enfim, é gasto e mais gasto, e quem paga tudo isso? Só jogando uma bomba mesmo kkkk.

    • mjprio

      Vc acha mesmo que as empresas vao gastar tudo isso com manutenção? Duvido. Vao colocar um catalisador meia vida ou dar um jeito de vender o veículo engatilhado pra alguem. Coisas de Brasil

    • Luiz Gustavo

      Veja, no meu entendimento, o custo do litro do Diesel S-10 deveria ser menor que o do S-500 que polui mais, juntamente com um custo menor do Arla32. Há algumas coisas inexplicáveis em termos de “poluição”. Por que o custo do Etanol sobe na mesma proporção que o da Gasolina? Infelizmente aqui neste país, é cada um por si !

      • Cesar

        Porque tu acha que o S10 tinha que ser menor que o S500 sendo que para produzir o S10 há um custo maior de tecnologia aplicada?

        • Toieya

          Para incentivar seu uso diminuindo o custo em saúde pública, perdia-se por um lado e economizaria em outro, simples assim.

          • Túlio Ribeiro

            Pelo menos não é só meia dúzia de gato pingado que pensa igual a mim…

            Chega no final do ano e começam aquelas campanhas de conscientização por todos os lados, alertando que mais uma vez X mil pessoas foram internadas e/ou morreram em decorrência de doenças ocasionadas pela poluição. Mas subsídios para combustíveis menos poluentes ou produtos/peças que diminuam a poluição, jamais…

        • Luiz Gustavo

          Por que a nossa frota é antiga e, se a preocupação real for a poluição, caminhões antigos poluem muito mais e são abastecidos em geral com o Diesel S500 simplesmente por ser mais barato na bomba. O S10 por si só já polui menos, então, logo penso que para incentivar a não poluição o preço na bomba deveria ser mais barato e não o contrário.

      • duhehe

        Por que o custo do Etanol sobe na mesma proporção que o da Gasolina?
        O brasil tem um consumo X de combustível, X litros de gasolina e Y de etanol, a produção de ambos segue um planejamento de demanda futura ( o consumo de combustível por mais caro que seja não diminui muito), se a gasolina sobe e o Etanol se mantem no mesmo valor, o consumo é transferido todo para o Etanol, porem a quantidade que esta sendo distribuída não tem como crescer na mesma ordem, logo faltaria etanol nos postos.
        No brasil, na imensa maioria dos segmentos, a oferta é sempre igual ou menor que a demanda, por isso que tudo é tão caro aqui.
        Porque a oferta é sempre menor ? Porque o núcleo da economia é fechado, ninguém pode entrar aqui e ofertar matéria prima se não for ”combinado” com o governo.

  • thi

    Desculpe na mais esse órgão perdeu o pouco q tinha de credibilidade comigo, qd quis multar a vw aqui ,aproveitando-se de uma noticia apenas e sendo q existe muito veiculos poluidores, 100 vezes mais que uns nanometros a mais nos dados da vw. só mostra q nossa raça ,de juiz ao zelador ,só querem dinheiro.

  • zekinha71

    O cara tem um caminhão que custa até meio milhão ,e pra economizar 100 contos a cada 1.000 kms, mija no tanque, e logo de cara pode ter um preju de 20K no catalisador, brasileiro precisa ser estudado pelos alienígenas.

    • Cesar

      Pior que acham que estão levando vantagem.

  • 1945_DE

    Lamentável a postura de muitas pessoas neste pais. Muitas vezes eu paro em frente a uma faixa de pedestre, ligo o alerta para o pedestre passar e o motorista que vem atras troca de faixa passa quase atropelando o pedestre achado que ele é o esperto. Não tem o minimo de respeito e compromisso com o bem da maioria. Só pensa no próprio umbigo. Sei que o país tem várias legislações e impostos injustos que expoliam o povo, mas pelo menos coisas como estas que afetam o bem de todos deveriam ser respeitadas. É uma questão de educação, mas isto também está faltando no berço de muitas famílias brasileiras na hora de educar as crianças.

    • Cyro Pistola

      Aqui ninguém se preocupa com o coletivo.
      As pessoas só querem saber das suas vantagens pessoais.

      E no meio dos “aficionados por automóveis”, infelizmente, essa é a regra principal.

      Depois os ladrões são os políticos…

  • CÁSSIO

    nossa ta certo isso um catalizador custando 20 mil , alguém sabe se isto é mesmo o preço correto deste equipamento ???

    • No_Name

      É enorme o catalisador de um caminhão moderno e mais sofisticado que o de carros. É de R$ 20 mil pra mais…

  • Rodrigo

    Se custasse menos da metade do que custa atualmente, quem sabe os frotistas não adeririam?
    E pode apostar que mais da metade desse valor é só imposto…
    Afinal produzir um líquido composto de uréia (que tem até no xixi) e água não requer nenhuma ciência aeroespacial.

  • HENRY ME

    Já conhecia trabalhei setor lubrificantes. Minha dúvida que feita fiscalização e penalidades ?

  • Ricardo Blume

    Eu não tinha a menor dúvida que essa tal de Arla seria motivo para falcatrua. Caminhoneiro nenhum quer ter seu custo de frete aumentado. Até água eu já ouvi que estão colocando no reservatório.

  • Uau!

    Só de vc pesquisar ADBLUE no Google a primeira sugestão é ADBLUE EMULATOR

  • Fiscalização? No Brasil?

  • Richard Poletto

    Nossa velho, esses “emuladores de arla” podem ser comprados pelo Aliexpress e, quanto ao resto dos dados, vale a pena pesquisar melhor antes de publicar bobagens.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend