Audi Combustíveis Cupês Ecologia Europa Peruas

Audi A4 Avant e A5 Sportback ganham versão g-tron na Europa

audi-a4-a5-sportback-g-tron-1 Audi A4 Avant e A5 Sportback ganham versão g-tron na Europa

A Audi lançou no mercado europeu a versão g-tron para os modelos Audi A4 Avant e A5 Sportback na linha 2018. A perua e o fastback de luxo passam a integrar um grupo de produtos da marca com tecnologia que mescla o uso de gasolina com gás natural. Mas, não se trata simplesmente de uma conversão, pois a dupla recebeu um pacote tecnológico bastante avançado para ampliar a eficiência energética.



A mecânica é composta por um motor 2.0 TFSI específico para uso dos dois combustíveis, que entrega 170 cv e 27,5 kgfm. Os Audi A4 Avant e A5 Sportback g-tron, que oferecem transmissão manual de seis velocidades ou S tronic com dupla embreagem de sete marchas, possuem autonomia total de 950 km, sendo que 500 km são fornecidos pelos tanques pressurizados de gás natural.

audi-a4-a5-sportback-g-tron-4 Audi A4 Avant e A5 Sportback ganham versão g-tron na Europa

O consumo médio da Audi A4 Avant g-tron é de 3,8 kg de GNV a cada 100 km, com emissões de CO2 de 102 gramas por quilômetro, enquanto o consumo de gasolina é de 18,2 km/litro com 126 gramas por quilômetro. O A5 Sportback g-tron tem o mesmo consumo da perua com GNV, mas na gasolina, faz 17,9 km/litro com as mesmas 126 gramas por quilômetro. 

De acordo com a Audi, os A4 Avant e A5 Sportback g-tron são mais eficientes quando utilizam o e-gas, uma gasolina sintética produzida pela montadora utilizando como matriz CO2 capturado da atmosfera, água e energia elétrica proveniente de estação eólica. Em performance, a empresa divulga que, em conjunto com a transmissão manual de seis velocidades, o A5 Sportback  g-tron vai de 10 a 100 km/h em apenas 8,5 segundos, enquanto a perua A4 Avant g-tron o faz em 8,5 segundos. A velocidade máxima é de 226 km/h no fastback e de 223 km/h no modelo familiar. 

audi-a4-a5-sportback-g-tron-2 Audi A4 Avant e A5 Sportback ganham versão g-tron na Europa

Para integrar com eficiência os dois combustíveis nestes dois modelos, a Audi introduziu tanques pressurizados feitos de polímero reforçado com fibra de carbono (CFRP) e fibra de vidro (GFRP), que são montados em uma nova estrutura na traseira do veículo. A pressão é de 200 bar e garantem abastecimento de 19 quilos de gás natural veicular. Mas, quando a pressão cai para menos de 10 bar, quando há pelo menos cerca de 0,6 quilograma ( 1,3 libras) de gás restante, o sistema automaticamente muda o fluxo de combustível para a gasolina.

Com toda a estrutura montada e voltada para o uso prioritário de GNV, os Audi A4 Avant e A5 Sportback g-tron ainda apresentam 415 e 390 litros em seus porta-malas (até a altura dos vidros na perua), respectivamente. A empresa diz que os custos de abastecimento e operação do GNV são bastante vantajosos na Europa, sendo que na Alemanha gasta-se apenas quatro euros para rodar 100 km. 

Audi A4 Avant e A5 Sportback g-tron – Galeria de fotos

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend