Audi Elétricos Lançamentos Preços SUVs

Audi e-tron é lançado com preço promocional de R$ 459.990

Audi e-tron é lançado com preço promocional de R$ 459.990

UPDATE: Audi e-tron Performance Black tem preço sugerido de R$ 539.990, mas tem a mesma promoção da Performance com R$ 499.990. 


O Audi e-tron chega oficialmente ao mercado brasileiro com preços a partir de R$ 499.990, mas a alemã está oferecendo um preço promocional de R$ 459.990.

Disponível nas versões Performance e Performance Black, o Audi e-tron mede 4,901 m de comprimento, 2,043 m de largura, 1,629 m de altura e 2,928 m de entre eixos, tendo 600 no bagageiro traseiro e outros 60 no dianteiro.

Audi e-tron é lançado com preço promocional de R$ 459.990

Com dois motores elétricos de 408 cavalos e 67,5 kgfm, o Audi e-tron possui 183 cavalos na frente e 225 atrás, além de 31,5 kgfm na dianteira e 36 kgfm na traseira. Esse conjunto permite ao SUV ir de 0 a 100 km/h em 5,7 segundos e ter máxima limitada em 200 km/h.

As baterias de lítio sob o assoalho garantem 436 km de autonomia no ciclo WLTP, podendo ser carregadas em 80% numa estação de 150 kW num período de 30 minutos. O Audi e-tron tem garantia de 4 anos e 8 anos para as baterias.

Audi e-tron é lançado com preço promocional de R$ 459.990

O Audi e-tron vem com faróis full LED e lanternas em LED, bem como com rodas aro 21 polegadas em dois estilos e calçadas com pneus 265/45 ZR21.

O SUV traz opcionalmente câmeras de alta resolução, que reproduzem as imagens das laterais em telas OLED junto às portas dianteiras. No Audi e-tron, o pacote inclui iluminação interna em 30 cores, cluster digital com tela de 12,3 polegadas, multimídia MMI Plus e tela para climatização.

Audi e-tron é lançado com preço promocional de R$ 459.990

Ele oferece também monitoramento em 360 graus, bancos dianteiros elétricos, detalhes em alumínio, revestimento geral em couro, suspensão a ar, tampa do bagageiro com acionamento elétrico, ar condicionado quadri zone, teto solar panorâmico, controle de cruzeiro adaptativo com leitor de faixa, entre outros.

Na versão Performance Black, o Audi e-tron traz o pacote esportivo S line, acabamento interno cinza, bancos esportivos em Alcantara, sistema de som Bang&Olufsen, pinças de freio em laranja, detalhes em preto brilhante, interior e retrovisores pretos e rodas exclusivas aro 21.

Audi e-tron é lançado com preço promocional de R$ 459.990

Visor noturno, alerta de colisão com frenagem autônoma e HUD são opcionais na Performance, enquanto a Performance Black oferece à parte os retrovisores por câmeras, Audi Side Assist (alerta de tráfego traseiro com frenagem, aviso de aproximação de veículo ao sair, alerta de ponto cego e preparação para colisão traseira) e faróis Matrix LED.

Audi e-tron 2020 – Galeria de fotos

 

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • CanalhaRS

    Agora virou moda, tudo que é importado custa 500 mil…Brasil virou Mônaco.

    • Raimundo A.

      Não virou Mônaco ou eu e você seríamos endieirados. Mas os bem de vida daqui aceitam pagar ou a Porsche, que não tem veículo barato, em três meses cresceu bastante em vendas.

      • G E O

        Ou seja, a desigualdade aumentou

        • Thiago

          ??

        • MarcosGojira

          Que bom, antigamente era todo mundo pobre por igual

          • G E O

            Acho que só você e sua família, pobres de espírito mesmo.
            Agora deve ter melhorado de vida e já se acha no topo da elite econômica brasileira.
            Ancapzinho detected.

            • MarcosGojira

              “Não, cara, que loucura.. como vc é burro”

              • G E O

                “Tarde solitária esta, né minha filha?”

    • Bandit

      Pois é, com o dolar nas alturas + altos impostos só tende a aumentar.

  • Romualdo Vieira

    Top demais. Mas se o motoboy quebrar o retrovisor, fu…

    • radiobrasil

      Nada que com uns 20k não se resolva hahaha

  • Guilherme Melo

    ficou baixa a posição da tela do retrovisor…

    • cobaiao

      Pois é, mas é a concessão para torná-lo mais harmônico, considerando que a versão standard vêm com retrovisor convencional, fica mais fácil “tampar” essa tela. Caso contrário, ia fica uma gambiarra igual o Lexus ES300h que vem com 2 GPS foston pendurados rs rs…

      • MarcosGojira

        kkkk po primeira coisa q pensei! Foston ou Buster

  • Piston head

    Bonito hein.

  • leomix leo

    Promocional 459k, é brincadeira isso…

    • 1 Raul

      Considerando que uma sw4 custa quase 300k, fazendo as contas não fica tão caro assim….

      • Gran RS 78

        Mas a Sw4 não é parâmetro para nada nesse sentindo.

  • th!nk.t4nk

    Bom, esse é um dos carros mais sofisticados da Audi e tem um porte bem considerável. Não tem como ser barato mesmo. No mais, eu diria que pro Brasil mais vale pegar um híbrido por enquanto, ainda mais que com essa crise os investimentos em infra-estrutura de carregamento devem andar a passos de tartaruga.

    • radiobrasil

      A única vantagem do híbrido pode ser a autonomia/não necessidade de recarga elétrica. Agora, pensando em “problemas”, um hibrido teria mais chances de incomodar seu proprietário por ter MUITO mais componentes/peças, ja que tem toda parte de motorização elétrica + combustão (e todos os seus sistemas), não?

      • th!nk.t4nk

        Sem dúvida. Tô pensando no curto prazo mesmo, enquanto a infra-estrutura tá capenga. Se tivesse carregador por toda parte, iria no 100% elétrico sem dúvidas.

  • João Marcio

    Mais de 30 fotos e não tem uma foto do motor e do porta-malas

  • Jeanphil

    Top… pena que é tão caro…

  • Gran RS 78

    Muito barato, vou aproveitar essa promoção para levar dois de uma vez.

    • radiobrasil

      Em 2 anos dá pra comprar com um belo desconto um “seminovo”… e em 4, 5 a preço realmente convidativo como “resto de rico” rss

  • oscar.fr

    Apesar de lindo, o AC não parece ter os comandos acessíveis. Todo mundo que tem um carro que perdeu comandos físicos por teclas em LCD sabe do que estou falando.

    • Davi Millan

      Não cheguei a perder, mas sei como é. Tem alguns carros que não compraria exatamente por isso.

    • th!nk.t4nk

      Nao é ruim nao. Tem feedback vibratório e tudo mais. Fora que hoje em dia deixa-se o sistema em Auto e pode esquecer, ele controla muito bem a temperatura. O mesmo acontece com os botoes dos faróis: no meu carro toquei nisso umas 2x na vida apenas. Deixo em Auto e funciona incrivelmente bem (incluindo a luz alta automática). Tudo depende da implementaçao.

    • Ⓜ️arcelo

      Ar condicionado na multimídia é simplesmente a coisa mais imbecil que já inventaram.

      O que antes em apenas um toque você consegui mudar agora vc precisa de no mínimos uns 3 toques, ou seja o desvio da atenção ao transito é muito maior

  • Fabão Rocky

    É por isso que digo que as montadoras superfaturam vendendo Suv, não é a toa que algumas querem chegar ao ponto de até deixarem de fabricar carros de passeio para fabricarem apenas Suv. Imagina pagar 500 pila num carro desses? Se fosse um sedã aposto como não passaria de 300k. É por isso que não querem mais vender hatches nem sedãs, pq faturam mto mais na venda de Suvs.

    • th!nk.t4nk

      Bom, meu carro é um sedã e custa justamente na faixa dos 300k, mas não chega aos pés desse e-tron em tecnologia embarcada e nem em espaço interno. Caro ele é, mas esse modelo especificamente é “compreensível” por ser realmente um dos veículos mais sofisticados da marca. Lembre-se de que ele se posiciona mais próximo do Model X do que do Model Y.

  • Luís Paulo

    Audi é Audi! Belo carro!

  • Gabriel Vescovi

    500 mil.

    Tu tem que arrumar um financiamento de 30 anos para comprar uma casa nesse preço.

    Ê meu Brasil

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email