Audi Esportivos

Audi S3: detalhes, equipamentos e motores (das 3 gerações)

O Audi S3, chegou três anos depois do emblemático A3 como uma versão esportiva do mesmo.

Visualmente, era fácil confundir os dois modelos, mas também dava para notar algumas diferenciações sutis, principalmente na dianteira.


Audi S3: detalhes, equipamentos e motores (das 3 gerações)

Para contar essa história de clássicos da montadora alemã, incluindo o Audi S3, é preciso voltar no tempo, em 1995, especificamente em 18 de setembro, quando a Audi fabricou o primeiro A3.

Produzido a partir da plataforma do Volkswagen Golf — quarta geração — o A3 foi apresentado oficialmente no Salão do Automóvel de Paris de 1996.


No evento europeu, o carro foi lançado com opção de apenas duas portas, quatro motores à sua escolha e em três versões de acabamento.

Audi S3: detalhes, equipamentos e motores (das 3 gerações)
Audi A3

Em 1999, ano em que o modelo chegou ao nosso país, a Audi lançou a versão quatro portas. Debaixo do capô, o hatch oferecia motorizações: três variantes de 1.8, sendo 180 cv, turbo de 150 cv e 125 cv de potência; e um aspirado de 125 cv; por último, a opção 1.6, de 101 cv, sim, o mesmo que era usado no VW Polo.

Em 2000, algumas atualizações foram feitas no A3, ainda ganhou algumas novidades, como o câmbio manual para a motorização de 180 cavalos.

Detalhes do Audi S3

Audi S3: detalhes, equipamentos e motores (das 3 gerações)

No mesmo ano, a Audi apresentou oficialmente o Audi S3, considerado a versão esportiva do A3.

O primeiro da linha S com quatro cilindros, algo sagrado para a Audi. Seu lançamento foi essencial para abrir caminho a outras gerações da família esportiva.

Primeiro, o Audi S3 chegou com tração Quattro, motor de 210 cv e fazia de 0 a 100 km/h em 6,8 segundos. Em setembro de 2001, o esportivo ganhou uma versão com 225 cv.

Não só isso, a Audi ainda o equipou com o Drive By Wire, um acelerador eletrônico com o mesmo sistema utilizado na Fórmula 1 — dispensando cabos.

Se o comprador não estivesse a fim de adquirir um A3 turbo, com 78% a mais, ele poderia optar pelo superesportivo S3 de tração integral de 225 cavalos de potência.

Há quem considere o Audi S3 outro veículo na mesma plataforma do irmão “mais barato”, iniciando pela sua tração integral (Quattro).

O sistema atua enviando torque para as rodas traseiras quando é identificado perda de aderência em seu eixo dianteiro.

Na pista, só elogios. O Audi S3 conquistava por estabilidade e força em curvas, independente da inclinação.

O carro contava com ESP (Electronic Stability Program) e os freios ainda dispõem de discos dianteiros de 312 milímetros de diâmetro; os traseiros eram ventilados.

Em 2006, a Audi anuncia a nova geração do Audi S3, desta vez, com três e cinco portas e uma opção de motor turbo de 2,0 litros e 265 cv. Mas, ele não chegou a ser comercializado na América do Sul e Norte, exceto no México.

Audi S3: detalhes, equipamentos e motores (das 3 gerações)

Em dezembro de 2009, com outro esportivo, o TTS, a Audi anunciou para o Brasil o Audi S3 Sportback (2010), com motor de 256 cv, com tração integral e câmbio sequencial de seis marchas com dupla embreagem. Importado da Alemanha, por aqui, chegou custando R$ 208 mil.

No final de 2013 para o início de 2014, a montadora amplia sua gama e atualiza a linha Sportback: um conversível e um sedã de quatro portas. A motorização disponível: turbo, 300 cv de potência e tração integral.

Em 2011, a Audi apresentou a versão ainda mais apimentada do A3, o RS3, um sportback com 2,5 litros, turbo e 340 cv de potência. Em seu menu atual para o Brasil, está disponível: RS 3 Sportback, RS Sedan, RS 6 Avant, RS 7 Sportback, RS Q3 e TT RS Coupé.

Conheça mais a história e todas as gerações do Audi S3:

Audi S3: primeira geração (1999)

Audi S3: detalhes, equipamentos e motores (das 3 gerações)

Após três anos do lançamento do A3, Audi apresentou a então versão esportiva dele, o Audi S3. Em seu comercial, a fabricante descrevia que o S3 é um carro para um piloto de corrida que quer ter 364 dias de sossego no trânsito.

A opção apimentada do A3 era oferecida em cores interessantes como o clássico amarelo, vermelho, além de preto e prata.

Embora muito parecido com o irmão, nos detalhes é possível perceber o que habita debaixo do capô: seu motor 1.8 de quatro cilindros gera 225 cavalos de potência. Faz de 0 a 100 km/h em 6,9 segundos.

Audi S3: detalhes, equipamentos e motores (das 3 gerações)

Para ficar ainda melhor, a fabricante incluiu intercooler, aumentando mais a refrigeração do ar que é introduzido no motor. Para deixar a brincadeira mais divertida, a Audi adicionou o câmbio manual de seis velocidades – as relações foram mais curtas do que o outro câmbio de cinco marchas que equipava o A3.

Por fora, o esportivo possui na grade a identificação com o logotipo “S3”, os para-choques dianteiros foram redesenhados e para ajudar na ventilação do motor, houve adaptação para grande entrada de ar (logo abaixo).

Audi S3: detalhes, equipamentos e motores (das 3 gerações)

Já nas laterais, há minissaias pretas dando um ar de mais esportividade; aerofólio, outro logotipo na tampa traseira do porta-malas e ponteira dupla.

O Audi S3 oferecia detalhes no interior em fibra de carbono no painel e nas portas, bancos dianteiros envolventes para facilitar o acesso, rodas exclusivas para pneus 225/45, banco de couro com ajuste elétrico e desenvolvido pela Recaro, porém, apenas ficou faltando a regulagem de distância.

Audi S3: detalhes, equipamentos e motores (das 3 gerações)

O pacote ainda entregava: freios ABS e EBD, ar condicionado, espelhos elétricos, computador de bordo, direção hidráulica, rádio com CD Player, teto solar elétrico, volante ajustável em altura e profundidade, além de travas elétricas.

O porta-luvas é refrigerado pelo ar condicionado, o porta-trecos na porta é prático e bem localizado, porém, alguns itens acabam dificultando no dia a dia, a alavanca que dobra o encosto do banco fica escondida e o apoio de braço atrapalha o condutor na hora de puxar o freio de mão.

Audi S3: detalhes, equipamentos e motores (das 3 gerações)

No Brasil, o Audi S3 chegou custando R$ 110.800 — com 2 anos de garantia.

Audi S3: segunda geração (2006)

Projetado no estúdio quattro GmbH, assim como toda a linha S, a segunda geração do Audi S3 não chegou a ser vendido oficialmente no Brasil, assim como em outros países da América do Sul e do Norte. Ainda assim, no México houve comercialização.

Audi S3: detalhes, equipamentos e motores (das 3 gerações)

O esportivo foi produzido com motor redesenhado, passando a ter 2.0 de 265 cavalos – fazendo de 0 a 100 km/h em 5,7 segundos e 35,7 kgfm a partir de 2.500 rpm. O sistema foi desenvolvido para suportar motor de toque alto.

O turbo do motor atua bem com a transmissão manual de seis marchas.

Por dentro, os bancos proporcionam conforto, pois, são largos nas laterais, o encosto de cabeça era oferecido em grafite ou preto, rodas de 18 polegadas, tração permanente quattro e suspensão esportiva.

A segunda geração do Audi S3 também foi vendida na versão três portas (conversível), com motorização 265 cv do motor turbo de 2,0 litros.

Audi S3 Sportback (2009)

Audi S3: detalhes, equipamentos e motores (das 3 gerações)

Com o TTS, nas versões coupé e roadster, a Audi apresentou o Audi S3 Sportback 2010 de 265 cv, chegando aos 100 km/h em 6s – 33,6 kgfm, trabalhando entre 2.500 e 5.000 rpm.

Com a mesma transmissão que equipa o TTS, ao comprador do Audi S3 Sportback 2009 era oferecido de série com o sistema de tração integral quattro e rodas de liga leve de 18 polegadas.

Audi S3: detalhes, equipamentos e motores (das 3 gerações)

O S3 foi disponibilizado com computador de bordo com funções de tempo de viagem, consumo de combustível, autonomia, velocidade máx., aviso de abertura das portas e porta-malas, velocidade média, ar condicionado dual zone e temperatura externa.

Em consumo, o carro registra, em média, 15 km por litro de combustível no ciclo rodoviário e 8,4 km/l no urbano. Resultando 11,7 km/l no uso misto (média).

A chegada do S3 Sportback no Brasil gerou bastante expectativa da fabricante para o segmento luxo.

Os executivos disseram que os carros luxuosos por aqui representam apenas 0,5% do total de veículos vendidos no país; no México, 1,2%; e na Argentina, 0,9%, ou seja, em 2009, a Audi deseja expandir e investir no segmento dos carros mais sofisticados no Brasil.

Audi S3: terceira geração (2014)

Audi S3: detalhes, equipamentos e motores (das 3 gerações)

Há 5 anos, a Audi anunciava mais uma atualização no Audi S3 e, desta vez, em versão única.

Em carroceria sedan e vindo diretamente da Alemanha, o veículo chegou ao mercado brasileiro custando R$ 207.980. Seu motor chegou esbanjando com 2.0 turbo proporcionando 280 cavalos de potência, com 5.500 e 6.200 rpm (rotação por minuto) e 38,7 kgfm de torque máximo (disponível entre 1.800 e 5.000).

Com câmbio automatizado de seis velocidades, o super sedan permite fazer de 0 a 100 km/h em apenas 4,9 segundos. Também proporciona alcance máximo de 250 km/h.

Audi S3: detalhes, equipamentos e motores (das 3 gerações)

Entre os equipamentos, Audi entregava: teto solar panorâmico, faróis de xênonio rodas de liga leve de 18 polegadas (pneus 225/40 R18), sistema de som com 13 alto-falantes acompanhado de um subwoofer, multimídia com tela sensível ao toque, borboletas no volante para troca de marchas (shift paddles), freios com controle de estabilidade (ESC), faróis com regulagem de altura, comando interno do porta-malas.

E a cereja do bolo fica para o Audi Drive Select, permitindo o controle de funcionamento do câmbio S tronic, acelerador e da direção assistida. O próprio motorista pode escolher entre os modos de condução: comfort, dynamic, auto, efficiency.

Audi S3: detalhes, equipamentos e motores (das 3 gerações)

Outra opção é o modo individual, onde o próprio condutor pode personalizar deixando ao seu perfil com as suas configurações preferidas.

O superesportivo ainda conta com o sistema Launch Control, que concede arrancada mais agressiva.

Já a configuração de recuperação KERS faz com que haja a transformação da energia cinética em elétrica quando o acelerador é aliviado, consequentemente, isso proporciona que o carro tenha mais rendimento do combustível.

Ficha técnica Audi S3 sedan:

Motor
2.0 Turbo FSI
Cilindros: 4 em linha
Cilindrada (cm3) / Nº válvulas por cilindro: 1.984 / 4
Potência (cv): 280 entre 5.500 – 6.200
Torque (Nm) 380 entre 1.800 – 5.000

Transmissão
Tração quattro®
Câmbio S tronic 6 velocidades/marchas

Performance
Aceleração 0-100 km/h em 4,9 segundos
Velocidade máxima: 250 km/h (limitada eletronicamente)

Dimensões
Comprimento (mm) 4.469
Largura (mm) 1.796
Altura (mm) 1.392
Distância entre eixos (mm) 2.631

Antes de o sedã chegar, a Audi já tinha lançado Audi S3 Sportback (hatch) aqui no Brasil — a opção mais veloz do A3 — para concorrer com o Mercedes-Benz A45 AMG.

Audi S3: detalhes, equipamentos e motores (das 3 gerações)

O motor ganhou 15 cavalos a mais do que na versão anterior, portanto, passou a ser comercializado com 280 cv de potência (265 antes), segundo a montadora, o sistema foi reprojetado por completo.

O peso foi outra novidade, para aqueles que gostam de acelerar, o modelo ficou 70 kg mais leve, passando a ter 1.445 km – se comparado com o anterior.

A transmissão é a S Tronic, de seis velocidades e tração quattro. Assim como no sedã, o Audi S3 Sportback faz de 0 a 100 km/h em apenas 4,9 segundos. Sua velocidade máxima também é de 250 km/h (limitada eletronicamente).

Audi S3: detalhes, equipamentos e motores (das 3 gerações)

Com três opções de operação (M) Manual, (D) Automático e (S) Esportivo o carro propicia autonomia ao condutor na hora de dirigir. Para quem gosta de andar, a “S” troca de marcha com muita eficiência, tendo relação mais rápida e também em rotações mais altas.

Já a configuração de largada conhecida como Launch Control, evita que as rodas girem erroneamente, logo, ajudando a não ter prejuízos à aderência.

O controle Audi Drive Select estava presente.

Desenvolvida pela própria Audi e anteriormente disponibilizado no irmão A3, o Audi S3 hatch possui um sistema interessante de injeção de combustível dupla. A tecnologia permite assumir a injeção direta em alguns momentos e a indireta em outros.

Na prática, quando seu motor está operando em cargas baixas, como, por exemplo, em viagens em rodovias, ou naqueles momentos onde o condutor pisa devagar no acelerador, a indireta trabalha sozinha, pois, nesse momento há o melhor consumo e baixas emissões.

Quando o motorista exige mais do motor, como em fortes arrancadas de subidas e ultrapassagens, o veículo está em cargas altas ou médias e, nesse momento, entra em ação a injeção indireta, que oferece o melhor desempenho.

Audi S3: detalhes, equipamentos e motores (das 3 gerações)

Airbags laterais para motorista e passageiro, airbags de joelho para o motorista, faróis bi-xenônio, bancos de couro napa com a regulagem elétrica, sensor de estacionamento, volante em couro multifuncional, borboletas para fazer troca de marchas, teto solar panorâmico, Bluetooth, sistema multimídia de navegação, sistema de som Bang & Olufsen e rádio MMI Plus era o pacote oferecido.

Embora tenha sido apresentado em 2014, a Audi resolveu manter as tradições e fez pouquíssimas mudanças no visual, ou seja, pouca coisa mudou do A3.

O Audi S3 chegou 3 cm mais baixo e 1 cm mais comprido, além de rodas de 18 polegadas, logotipo S3 na grande de alumínio, soleiras das portas também em alumínio e rack de teto.

Por dentro, a identificação Audi S3 fez-se presente no conta-giros e volante. No painel tem o nome “quattro”, os bancos com encosto de cabeça tem costura colorida.

Ficha técnica Audi S3 Sportback (hatch)
Motor
2.0 TFSI
Cilindros: 4 em linha
Cilindrada (cm3) / Nº válvulas por cilindro: 1.984 / 4
Potência Máxima: 280 cv a 5.500
Torque Máximo: 38,7 kgfm a 1.800 rpm

Transmissão
Tração quattro®
Câmbio S tronic 6 velocidades/marchas

Performance
Aceleração 0-100 km/h em 4,9 segundos
Velocidade máxima: 250 km/h (limitada eletronicamente)

Dimensões
Comprimento (mm) 4.324
Largura (mm) 1.785
Altura (mm) 1.404
Distância entre eixos (mm) 2.631

Audi S3: detalhes, equipamentos e motores (das 3 gerações)
Nota média 5 de 1 votos

Darlan Helder

Darlan Helder

Darlan Helder, natural de São Paulo, é jornalista e fotógrafo. Escreve na internet sobre o universo automotivo desde 2011. Além disso, atua com produção de conteúdo para plataformas digitais em agências de comunicação.

  • Sempre gostei demais dos A3 (a versão S3 então, nem se fale). Acho bonito até hoje os da primeira geração. Pena que os manos das rodas grandes e carro rebaixado começaram a comprar ele em peso, já há alguns anos.

    • cobaiao

      É um pesar mesmo, depois do Golf sapão, A3 é uma grande alvo da manolização hahaha
      Mas esses dias vi um A3 da 1ª geração, 3 portas, pré-facelift (farol e lanterna traseira sem lente transparente), até com as rodas originais… coisa mais linda!

      • zekinha71

        Quase todo dia vejo uma aberração que um Manolo fez num Jetta 2.5, precisa de uma rodovia pra poder fazer uma simples curva, e se passar em cima de uma formiga parece que o carro está saltando sobre um canion.

      • Aqui na minha cidade o Fusion e o New Civic também são grandes candidatos ao top manolização.
        Eu também fico babando quando vejo um A3 1ª geração todo original.

    • Aires Jone

      Eu já prefiro a Segunda geração e com duas/três portas.

      • Já eu nunca gostei tanto da segunda geração. Fizeram uma mistura de perua (sw) com hatch… achei que ficou estranho.

  • Jr

    Esse carro é tão Zona Leste

  • Danilo

    “Em 1999, ano em que o modelo chegou ao nosso país, a Audi lançou a versão quatro portas.”

    foi mal escrito isso, em 1999 chegou a versao de quatro portas no Brasil, mas o A3 2P começou a ser vendido no Brasil em 1997. Meu avô teve 2…. comprou os primeiros, com cambio manual e logo 3 meses depois buscou um automatico que ainda não havia chegado na epoca.

    E o S3 ano 2000…. ah o S3!!! Primeiro carro que dirigi na vida. Preto, chipado com 265cv (pra epoca era o Golf GTi stage 3 de hoje em dia, rsrs)

    bons tempos.

  • Ricardo

    Carro massa, mas sempre achei o Golf mais bonito.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email