Avaliações Chevrolet Sedãs

Avaliação NA – Chevrolet Cruze 3 – Comportamento e consumo na cidade

chevrolet-cruze-cidade Avaliação NA - Chevrolet Cruze 3 - Comportamento e consumo na cidade

O Chevrolet Cruze se mostra um sedã bem interessante para quem quer uma condução mais esportiva e gosta de estabilidade. E por outro lado ele peca no consumo e em alguns detalhes de seu câmbio automático de seis marchas. Durante os dias em que andamos com o Cruze na cidade, notamos estes aspectos principais. Explico abaixo.



Ele tem uma condução esportiva pois tem um bom motor 1.8 de até 144 cavalos de potência, que empurra tranquilamente o peso um tanto exagerado do Cruze, de 1.399 quilos. Isso é feito também em parte pelo câmbio automático, que logicamente tem um espaçamento menor entre as marchas do que acontece com câmbios automáticos de quatro ou cinco marchas.

Outro detalhe que faz com que o Cruze agrade quem gosta de um sedã mais esportivo é sua suspensão, juntamente com os conjuntos de pneus e rodas. A suspensão dele é firme, parecida com o conjunto de um Jetta TSI ou de um Civic da geração que se vai. Isso é legal para quem quer uma boa estabilidade, mas faz com que os ocupantes sofram em percursos de piso ruim, e desagrada quem prefere conforto.

Ainda se os pneus fossem mais altos, teríamos mais conforto, mas eles são de medida 225/50 R17, da marca Kumho, ou seja, pneus largos e com perfil razoavelmente baixo. Eles também não se interessam em filtrar o que o piso ruim passa para a carroceria.

Fica a conclusão de que o Cruze foi feito para andar em asfalto perfeito, e portanto, em poucas cidades do Brasil. O outro lado da moeda é que você faz curvas com mais velocidade e nem precisa se preocupar com coisas como inclinação da carroceria ou cantar de pneus.

Afinal, pneus de largura 225 são mais largos que vários dos sedãs médios que temos a nossa disposição. Para se ter uma idéia, o Hyundai Azera vendido no Brasil entre 2007 e 2011 tem pneus 235/55 R17, e o Fusion V6 atualmente vendido aqui tem pneus iguais aos do Cruze, 225/50 R17.

Ainda sobre outro detalhe que privilegia esportividade e não conforto: os bancos dianteiros. Eles tem bom apoio lateral mas apertam o corpo. E não tem uma espuma muito macia não.

Entrando nos dois outros pontos negativos do modelo, podemos detalhar o que não gostamos no consumo urbano e no câmbio automático. Digo consumo urbano pois o rodoviário foi bem melhor. Na cidade, conseguimos no máximo 7,1 km/l com gasolina e ar-condicionado ligado.

Imaginavamos que o carro estava com álcool, até porque isso nos foi informado na GM. Mas ele estava com gasolina mesmo, pois quando o primeiro tanque foi esvaziado, completamos outro com gasolina em um posto de confiança, e o consumo foi ainda pior. Se fosse álcool no primeiro tanque, seria um consumo razoável para um sedã médio com motor 1.8, mas com gasolina, é um tanto alto.

Pode ser que a pequena quilometragem rodada do carro em questão (2.300 quilômetros) tenha jogado contra essa média? Pode ser que sim, mas isso não faz muita diferença, pois a grande maioria dos carros que testamos está pouco rodada, e revistas/jornais também testam carros bem novos.

E no câmbio automático notamos alguns problemas nas trocas de marcha. Quando o câmbio aumenta de marcha, ele eleva muito as rotações no processo, e acaba berrando demais. Algo como se você estivesse deixando a embreagem deslizar mais que o correto, em um carro com câmbio manual.

E em certos momentos, quando você está em segunda marcha e chega a um cruzamento, reduzindo a velocidade, o câmbio de repente faz uma redução brusca para a primeira, dando um tranco nos ocupantes.

Acreditamos que este câmbio deveria ter um funcionamento mais suave, até mesmo por se tratar de uma caixa mais moderna, com seis marchas. Mas, não se preocupe com o desempenho, pois quando você pisa pra valer, ele troca as marchas corretamente, e o Cruze eleva a velocidade com facilidade.

Nas descidas bem inclinadas dentro da cidade, o câmbio automático do Cruze aplica freio-motor, mantendo a marcha engatada e evitando o uso do freio. Isso pode ser visto como bom, mas quando a descida é pouco inclinada, este detalhe incomoda, pois o carro acaba perdendo velocidade. Você tem que acelerar para ele manter o passo. Esquisito. Outra coisa: na estrada, saiba que as seis marchas foram muito bem-vindas. Explicaremos nas próximas matérias.

Resumindo: embora eu tenha citado deficiências no câmbio automático, no consumo e uma suspensão um tanto firme, o Cruze revela ter muitas qualidades andando na cidade. Se você gosta de um carro firme, na mão, com boa disposição, faça um test-drive que irá gostar.

4.0

  • Brazillian

    Belo carro, tem seus defeitos como todos tem !

    • clock31

      Comecei a ver alguns pelas ruas, junto com o Cocobalt.

      O Cobalt é feio, mas a traseira do Cruze não é lá essas coisas não… tenho confundido os dois no dia a dia, pois ambos são grandes…

      Ja de lateral e de frente (e por dentro), o Cruze é muito bonito.

      • thezum

        é verdade a traseira do cruze nao é muito bonita,é tao feia quanto o civic 2012.porem como tinha faaldo antes, o civic 2012 esta mais economico,o melhor seria o elantra porem contudo esta muito caro por causa do aumento do ipi.

      • TecoPadaratz

        Você confunde cobalt com cruze ?

        Tá parecendo minha esposa que não sabe diferenciar uma lambo de uma ferrari…….kkkkkk

        • Brazillian

          rs. Nossa, na minha OPNIAO, o cobalt nao é tao feio pessoalmente..

    • HORTA

      Gostei do carro, mas acho inaceitável um carro com performance semelhante ao meu (civic 2008, automático) beber tanto. O meu civic (em Brasília) faz 10,5 km/litro com gasolina. Estava esperando os dados da avaliação para comprar um cruze ltz branco. Mas desisti, pois é consumo de carro acima de 200 cv!

    • AutoIng

      Estranho… Teve uma forte crítica ao câmbio automático dele aí, falando inclusive de trancos (que tanta gente aqui no NA tem pavor), de ruído do motor, de bancos duros, consumo elevado, etc, e mesmo assim só se lê elogios nos comentários… Sei não, mas me parece que há um certo deslumbramento exagerado com o Cruze. Defeito todo sedã nessa faixa tem sim, mas os outros são duramente criticados por eles, enquanto o Cruze parece ser blindado contra isso nos comentários o.0

      • MM_

        A questão é que muita gente já andou no carro ou tem o carro, portanto tem opinião própria.

        O Eber tem um Azera e provavelmente entrou no Cruze e achou a suspensão dura. Eu tinha um C4 hatch, quando entrei no Cruze achei bem macia. Meu C4 tinha o famigerado cambio AL4(que nunca deu problemas por sinal), enquanto o Cruze tem 6 marchas, muito bem escalonados no meu ponto de vista (inclusive comparando com meu Acura V6 de 5 marchas).

        Questão de percepção de cada um.

        • Nós também temos opinião própria. Você dizendo isso (já por várias vezes) passa a impressão de que quem anda no Cruze por uma semana não consegue formar uma opinião nesse período. Só que aí você se esquece que toda a imprensa automotiva fica uma semana ou menos com o carro, salvo testes mais longos de revistas.

          Aliás, quando o Cruze foi lançado e ficou nas mãos de Quatro Rodas e Auto Esporte por alguns dias antes do lançamento para o resto da imprensa, eles ficaram ainda menos que uma semana com ele.

          Seu comentário dá a entender que minha experiência com carros se resume ao modelo que tenho na garagem. Dá a entender também que o modelo que eu tenho influencia o que falo de outros carros, o que não é verdade.

          Jornalista (blogueiro) automotivo, formado em jornalismo ou não, tem de ser isento e não se basear em nada do que tem na garagem. É assim que faço.

          Já testei dezenas de modelos, de todos os segmentos, e sempre falo dos defeitos e qualidades de cada um. Não espero que algum sedã médio seja macio como um Azera, ou como o meu próximo sedã grande, já que trocarei este ano por um Fusion V6 ou Cadenza.

          Testei outros modelos médios e em alguns não achei a suspensão tão dura quanto a do Cruze. O Corolla tem suspensão mais macia. Aliás, no Cruze, é uma soma de suspensão firme com pneus baixos, que deixam ele um pouco duro.

          Abs

          • MM_

            Boa tarde Eber

            Não sei se me expressei mal, entretanto não questionei sua parcialidade em momento algum.

            Um dos motivos que sempre achei suas avaliações interessantes é pelo tempo que você fica com o carro, além da riqueza dos detalhes. Dessa maneira, os seus relatos sempre são mais apurados do que das revistas especializadas.

            Por outro lado, como você também concorda, todos temos opinião própria e as pessoas tem necessidades diferentes, assim consequentemente terão percepções diferentes sobre o mesmo assunto.

            O meu intuito era enriquecer os comentários contando a minha experiência com o carro nestes 40 dias que estou com ele e colocar uma contra partida dos itens que eu tive percepção diferente da sua.

            Abs.

            • Sim, é verdade, o ponto de vista de cada um é sempre diferente do outro.
              Abs

            • benelaux

              MM, eu que já tive new Civic achei bem duro o Cruze quando andei também.
              Primeiro são os bancos de pedra e segundo a suspensão firme.

      • OKPotter

        E malham um monte os automatizados. Na Idea da minha mãe tb notei isso, principalmente em descidas que ele fica com freio motor, e as vezes em subidas, que qndo termina ele demora um pouco pra passar para segunda, mais de resto é super suave, vc sente muito pouco as trocas.
        Já no caso de reduzir em cruzamento, tu não sente nadinha ele reduzir pra primeira, nem parece que reduziu, vc sempre acaba olhando no painel pra ter certeza!!

        • DCald

          Esses lances de freio motor e trancos nas reducoes acontecem em varios automaticos e automatizados… é questao de se acostumar e "domar" o cambio…
          O freio motor antes incomodava… hoje nao, pois basta dar um leve toque no acelerador que ele sobe uma marcha e vai fazer o freio-motor em velocidade mais alta…
          Sobre o tranco na redução para a primeira, só vejo acontecer qdo a redução é mais brusca dai o cambio "entende"que vc quer frear mais rapido e reduz marcha mais bruscamente…
          Qdo piso forte no freio da Meriva, o cambio reduz até 2 marchas de uma vez só e dá aquela segurada no carro… o mesmo acontece em outros cambios automaticos (o 4marchas do astra/vectra/zafira) fazia isso tbm…
          Em frenagens suaves, normalmente, o cambio reduz até a 2a marcha e só engata a primeira com o carro praticamente parado…

        • Marcelo_Machado

          Nos 1º Dualogic esse tranco em 1ª marcha era mais sentido como no Cruze, em cruzamentos e lombadas. Principalmente para quem tem o pé pesado e gosta de sair forte nessas situações. Mas isso foi corrigidos nos novos e os antigos receberam atualização do software.

          Já no freio motor em descidas, sempre tem a opção de trocar uma marcha, mesmo no modo automatico, pela alavanca, já que o Dualogic aceita trocas manuais mesmo no modo automatico.

      • Jr_Jr

        Mas AutoIng, você odeia a GM, qualquer coisa relacionada é uma chuva de críticas, e agora que esta desacompanhado pela maioria critica a conduta destes.
        É tão dificil aceitar que o Cruze é um bom carro?? Tem seus defeitos assim como todos os demais concorrentes, mas para muitos, como disse o MM é uma questão pessoal.
        É aceitar diversas opiniões, e não só meter o pau porque é GM.
        Eu curto alguns dos seus comentários, mas falou em GM você perde completamente a imparcialidade.

        • AutoIng

          Não odeio, embora eu admita pra você que eu goste mesmo é dos Opel. Claro que o Cruze é um bom carro, só acho estranho que ele não receba críticas como os outros, mesmo tendo defeitos igualmente. Essa questão do câmbio mesmo, quantas vezes já li aqui que o câmbio de 6 marchas do Cruze seria muito superior aos antiguinhos de 4, e agora que na avaliação ele não se sai bem, ninguém comenta nada negativo. É isso que acho suspeito entende. Outra coisa é o banco duro, reparei nisso também e me desagradou muito, porém ninguém tem coragem de citar isso (e quando citam, sempre se joga panos quentes rapidamente).

          • Mas o texto do NA falando dos defeitos do carro já é o suficiente para você ver que aqui temos isenção no que escrevemos. Faz poucos meses que começamos a receber carros da GM e ir até os eventos dela, e mesmo assim não estamos pagando pau e só falando bem, como outros blogs por aí fazem. Se os comentaristas só falam bem, isso é porque muitas vezes tem um certo amor à GM envolvido. Coisa que é difícil a pessoa largar. Eu era fã de GM até 2001, 2002, não suportava quem falava mal, mas agora não estou nem aí para marcas, o que importa é avaliar aquele carro em si, naquele momento, e ver como ele é.

            • experientdriver

              autoing inúmeros leitores já perceberam sua birra com GM

              em toda reportagem vc faz criticas subjetivas, sem pesquisa ou experiência própria com o produto

              seus comentários cansam

              • AutoIng

                experientdriver eu gosto de parte dos carros da GM (em especial os Opel) e acho o Cruze um ótimo carro, só questiono a forma como o consumidor às vezes recebe certos produtos, blindando-os contra críticas (não estou louco nisso, veja a quantidade de positivos que recebi naquele post, muita gente pensa igual). Só pra você saber, eu trabalho em desenvolvimento de produto na área automotiva e não me considero fanático por marca alguma (embora admita gostar muito da Renault, Nissan, Opel e dos Ford americanos), assim como não me considero anti-marca alguma (se você me vê fazendo críticas a produtos GMB, são coisas óbvias como Agile e Cobalt). Do Cruze em si não estou fazendo crítica alguma, apenas apontando o comportamento curioso das pessoas em relação a certas marcas. Quanto ao carro em si, está no nível dos concorrentes e eu consideraria fortemente como compra. Ou seja, você está totalmente enganado a meu respeito. De resto, eu respeito a sua opinião sobre quaisquer carros e espero que faça o mesmo comigo, ao invés de apontar dedos.

                • experientdriver

                  "não estou fazendo crítica alguma, apenas apontando o comportamento curioso das pessoas em relação a certas marcas"

                  se vc continuar vendo primeiro a marca e depois o produto, suas opiniões serão sempre parciais

                  se vc não dedicar tempo experimentando os produtos de diversas marcas, suas opiniões serão sempre subjetivas e/ou achismos baseado no que outros falaram

                  sugestão (siga se quiser): põe uma venda imaginária nos emblemas dos carros e vai visitar concessionários e revendedores para poder formar uma opinião construtiva

            • AutoIng

              Concordo Eber, as avaliações têm melhorado muito e o NA está bastante imparcial, parabéns pela postura. Quisera outras publicações tivessem esse mesmo posicionamento no mercado. Eu sou chato e questiono os coisas mesmo, tento não passar do limite, mas é porque gosto de ver o assunto destrinchado mesmo.

        • Corvo

          Jr_Jr, não querendo defender o Autolng mas isso aqui no forum é muito comúm. Inclusive até voce critica uma determinada marca e elogia outras, assim como outros usúarios. Tem pessoas ou fanboys (muitas vezes até adolescentes que nem CNH possuem) que elogiam marcas e criticam outras como times de futebol, as vezes sem sentido ou as vezes porque são propietários de ditas marcas. Precisa se usar argumentos válidos para criticar ou elogiar um determinado carro e sempre com respeito, pelo menos é minha humilde opinião. Abraço

      • TecoPadaratz

        Campeão, acho que o mais correto é você dirigir um pra depois tirar as conclusões. Não vá acreditando somente no que é escrito aqui.

        Acho mais correto.

        • AutoIng

          Tá corretíssimo Teco. Acho que você resumiu tudo. O melhor é cada um fazer o test-drive e tirar as próprias conclusões. A avalição do NA mostra um caminho, que facilita porque aí no teste já ficamos de olho naqueles pontos, mas cada um dá valor a coisas diferentes no fim das contas.

  • DOUGLAS_DANIEL

    E o novo Civic tem a suspensão mais mole que o anterior?

    • Leandro1978

      Sim, o novo Civic privilegia o conforto. Não chega a ser uma suspensão molenga, mas o anterior era mais "esportivo" (a direção também é menos direta).

  • marcio233

    7 Km/l na gasolina em um motor 1.8… o posto vai ter que vir junto…

    A concorrência está fazendo melhor. Isto é um ponto crucial nos dias de hoje, até para os mais abonados.

    • DCald

      tbm estou achando exagerado esse consumo…o 2.0 do Vectra com cambio automatico de 4 marchas fazia 8km/l na cidade com gasolina…

      • Carros mais rodados e andando em cidades grandes com avenidas longas deverão ter uma média ligeiramente melhor na cidade.

    • Clovis_Junior

      Concordo plenamente… e digo mais, onde já se viu, um carro com projeto novo, em pleno 2012, fazer uma média dessas… brincadeira hein GM, vc decepciona. Vou de peugeot THP sem dúvidas apesar de gostar muito do interior do cruze

      • osmar_jose

        Pois é… olhando para o último Vectra (geração defasada do Astra europeu), com um motor 2.0 (140cv) de concepção de 20 anos atrás e com um câmbio de concepção antiga de 4 marchas, parece que a evolução está sendo pequena. Ou seja, bastante tecnologia, muito custo e pouco resultado.

    • simoloko

      O meu faz 5.5 km/l no alcool. Aqui em SP, transito pesado… Na estrada, faço 10km/l no etanol também, e 14 na gasolina. Meu Civic anterior fazia 6km/l NA GASOLINA NA CIDADE, e o Cruze faz 7km/l na gasolina.

    • luiz

      Cara consumo não é problema, coloquei GNV de 5º geração no meu e, está perfeito, não perdeu muita potência e está com um custo benefício muito bom.

  • Angelo_Silva

    Infelizmente era o que eu imaginava: altíssimo consumo, devido principalmente ao peso do carro. Para quem não tem essa preocupação com consumo ($$), é uma excelente escolha.

    • simoloko

      Meu new Civic bebia mais na gasolina na cidade. Então, vai saber…

  • Jr_Jr

    Perfeito para mim, gosto de carros mais firmes e com uma condução mais direta, mesmo que isso prive um pouco o conforto. Por exemplo, me sinto meio inseguro com a direção elétrica do Bravo, me passa uma certa instabilidade.
    Quanto ao consumo, apesar de alto, esta na média dos demais, o que não jutifica, mas é aceitável.

    • vitimsl

      Concordo quanto ao consumo… E como o texto mesmo diz, é um dos poucos sedans MEDIOS a usar pneus 225. Civic, Focus, Corolla, Fluence usam pneus 205…
      Quanto ao cambio, achei ele muito bom durante o test drive que fiz… Não andei muito, cerca de 10 km… talvez foi isso…
      Quanto a suspensão, realmente ela é bem firme…

      • DCald

        O alto peso e os pneus exagerados influenciam muito no consumo… tem que ver tambem qual a calibragem recomendada…

        • vitimsl

          Realmente pode ser a calibragem. O Vestra elegance do meu pai, 2011, com rodas 16, pede pra colocar 27 da dianteira e 24 na traseira quando carregado com até 3 pessoas sem bagagem. Acho muito baixo e sempre falei com ele pra colocar, no mínimo, 2 libras a mais.

          • mho

            Vectra com aro 17" tem 30 na frente e 27 atrás, mas se encher a traseira de tralhas e ou de pessoas o manual fala para colocar 34 na traseira.

      • Sobre os pneus 225, eu achei bom, é legal ver sedãs médios deixando de ter pneus finos (horríveis).

        • vitimsl

          Também acho que a GM acertou na medida…

    • Marciomaster

      perfeito para min tambem, chega de carros amarrados, o cruze é esperto, agil e não faz sentir o peso, e quanto ao consumo é a média do segmento, nenhum carro nessa categoria faz milagres.

      • Corvo

        Sim..até o Fluence ou Sentra que possuem cambio cvt (supostamente mais económicos) o promedio deles não superam os 7-8 km litro em cidade (gasolina)

    • Pedro_Rocha

      Fico feliz de saber que meu Corolla 1.8 está acima da média então. Nunca vi ele fazendo menos que 8.8 Km/l (acho que foi da css até minha casa) e só uso gasolina aditivada. Hoje com 5.000km não faz menos de 10.4 Km/l.

  • MM_

    Achei as impressões bem coerentes com as que estou tendo no meu Cruze.

    Só um detalhe para o meu, que após 1.200km rodados, continua com média de 8,4km/l na cidade de SP rodando com gasolina aditivada BR.

    • epicentro01

      8,4 de média na cidade? Tá legal a média. O meu Vectra faz 8,0 e moro em cidade pequena, nem pego engarrafamento. Obrigado pela informação e parabéns pelo carro.

      • Rud

        Meu old Vecra fazia 5km na cidade no alcool, to rindo a toa com o Voyage fazendo 12.5 na gasolina…rs…

        • DCald

          Por outro lado… qdo vc ve que saiu de um Vectra e foi para um Voyage, vc chora, né? hehehe…

          • Rud

            Não, muito pelo contrário, o Voyage sofre muito menos depreciação que o Vectra, sem falar que o dinheiro que economizo em seguro, manutenção (muito) e gasolina, tá dando pra juntar uma grana legal.

            Quanto comprei o Vectra eu era muleque, não andava muito com ele, eu era doente por carro…agora sou casado, tenho filho e rodo de 20 a 40 km por dia e a minha paixão é a minha família, eu diria que foi uma compra bem mais racional.

            Depois que perdi meu avô eu decidi que a prioridade na minha vida são as pessoas, por isso quando mais dinheiro sobrar pra eu invesir nelas, melhor, é aí que entra carro mais econômico.

            • Brisa_Omega

              Bacana seu jeito de pensar, um abraço!

        • pedro_bh

          Compre uma Honda Bizz entao…rsss verá o que é economia…rssss

          mas conforto… e segurança…rsss já era…rsss

        • O C3 da minha esposa faz 12,5 de gasolina na cidade, nos mesmos percursos que fiz menos de 8 com o Cruze.

    • SP capital é um caso à parte…. em outras cidades não temos locais como as Marginais, onde você anda a 90 por hora por vários quilômetros seguidos. O resultado é um consumo parcialmente urbano e parcialmente rodoviário, já que 90 por hora vc gasta ainda menos que em estrada, onde anda a 110, 120.

      • Marcelo_Machado

        Isso que vc escreveu esta correto, pode até explicar a diferença de consumo obtida por vc e a do MM_.
        Mas tb existe o outro lado da moeda, nos horários de pico as Marginais ficam um verdadeiro anda e para e o consumo fica altissimo.

        SP Capital tem os dois lados da moeda.

        • Não sei… cidade pequena é anda e para o tempo todo, percursos pequenos com motor frio, não tem como SP capital competir muito…

          • Marcelo_Machado

            Pra mim o mais importante disso tudo é que nos testes do NA é sempre vc quem dirige e nos mesmos lugares, então podemos comparar o consumo dos carros testados por vc pois estão nas mesmas condições.

            Só não quer dizer que terei o mesmo consumo onde moro com o mesmo carro.

            Mas muita gente não consegue ver isso e utiliza o resultado de determinada revista ou blog conforme sua conveniencia. Elogiar ou criticar determinado carro.

            Só para completar. Na minha opnião seus testes são os melhores e mais completos da internet. Bem detalhados e com excelentes vídeos tb.

  • Luiz

    Realmente os pontos negativos citados pelo Eber também senti ao fazer um test drive.

    Suspensão muito dura que transmite todas as irregularidades das ruas e um câmbio automático, apesar de ser 6 marchas, está mal escalonado.

    • Obrigado Luiz. É bom leitores comentarem que sentiram o mesmo, isso dá credibilidade ao que falamos aqui e mostra que não temos preferência por nenhuma marca.

    • TecoPadaratz

      Anda de i30 que voce vai ver o que é um carro "seco", ou seja, passou em péssimas ruas o carro fica um lixo e bate tudo.

      Acho que a grande culpa é do perfil super baixo dos pneus.

  • Alec_T

    Enquanto isso o tao mal-falado "monzatech" do vectra do meu pai faz 9 km/l… Vai entender…

    • vitimsl

      Meu pai tem um vectra mecanico e realmente da 9 na cidade!!!!!!

    • Leandro1978

      Me parece que o problema é o peso do carro, o novo Civic, por exemplo, pesa por volta dos 100kg a menos, possui motor com potência e cilindrada semelhantes e consome menos. Talvez se a GM reduzisse o peso do Cruze ou colocasse um motor mais potente, isto seria resolvido. Se bem que o consumo nunca foi motivo para os que gostam da marca, optarem por outros modelos. Quem não se lembra do consumo dos Opala, Omega, Monza?

      • MM_

        Não acho que 100kg dá muita diferença no consumo.

        Meu carro tá fazendo 8,4km/l, mas só coloco no mesmo posto BR que abasteço desde sempre com gasolina aditivada. Isso é a mesma ladainha que teve com o C4 que a 4rodas dizia que fazia 5,5km/l e o meu sempre fez entre 8-9km/l.

        No final das contas, entre 8-9 para um Sedan médio automático, rodando em SP, sempre com ar ligado, para mim está ótimo. Principalmente pq rodo cerca de 1.000km/mês, portanto nada que vai mudar minha vida.

        • DCald

          Dizem que cada 45Kg extras aumentam o consumo em torno de 4%…

          Mas, consumo muda muito de motorista pra motorista… afinal, ninguem dirige igual…
          Eu normalmente, tenho as melhores medias de consumo com os carros que dirijo… Poderiamos tirar a prova do Cruze com o Eber deixando ele 1 semana aqui comigo, depois a gente confronta os dados… hehehe…

        • pedro_bh

          acho que o modo de dirigir tb influencia mto no consumo.

          no meu antigo vectra 2.2.. mec… eu conseguia com mto custo… 8,5 km/l…. (geriatric mode on).

          hje no NCivic 08; mec. a media é 9,6 km/l ar ligado.. em BH. Mas se pisar cai pra 8,5. facil….

          agora esse cruze é pesado mesmo… 1400 kg. a CR-v pesa 1520….. e tem 10 cv a mais…

      • O Cruze pesar 1.400 quilos é complicado mesmo. Fica entre 1.200 e 1.300 de sedãs médios e 1.500 a 1.600 de grandes. Imagina um carro com apenas 200 quilos a menos que um sedã com motor V6, e com motor 1.8… fica um pouco gastão.

        • zeuslinux

          Meu Corolla XEi 2011, que tem motor 2.0 de 153 cv (c/ álcool) faz uns 8,5 km/l com gasolina na cidade em média, tendendo a 8 km/l quando ando com o pé mais nervoso. E tem uns 115 kg a menos (pesa 1285 kg).

          115 kg é uma pessoa bem gorda ou umas 2 mulheres magras. É bastante peso a mais sim que um Corolla ou Civic, as referências nacionais para sedãs médios.

    • Stark

      O meu faz 8.3km/l na Cidade com Gasosa, porém aqui é muito morro!!!!

  • erickluuh

    O que está chegando no Uruguai faz 15km litro, e esse 7? OLOKO BICHO!!!

    • Jr_Jr

      Gasolina brasileira!!!

      • leoboltendahl

        gasolina??? achei que fosse água batizada com petróleo…… hahah

      • Sias

        Alcoolina… E o uruguaio não deve ser flex.

      • andre_0102

        A desculpa é sempre a gasolina Brasileira, já viajei p/ Argentina de Punto e senti muito pouca diferença no consumo, creio que o problema é o Flex mesmo…

  • Absinthe666

    Nossa aposentaram o Monzatech em pro desse ecotech 6 e o consumo ficou pior? era melhor ter mantido o motor então, pelo menos ficaria com uma mão de obra barata.
    7km/l de gasolina em um motor 1.8 é vergonhoso, quero nem ver o consumo no alcool se esse carro for flex, deve ficar no maximo uns 4km/l

    • simoloko

      Eu acho meu atual cruze automático mais econômico que meu new Civic anterior. Enfim… Civic também tem fama de beberrão, né?

  • brunobicudo

    O cambio já tem uma atualização que corrige os trancos, qualquer dúvida ligue na ccs primarca de sao caetano do sul. Eles sabem explicar certinho.
    Apenas introduzindo, a atualização meche na pressão de óleo do câmbio…

  • miudinho

    Vão lfalar mal ainda do vectra 2010?? não troco o meu por esta imitação barata de civic. Carro duro da p**ra. roda gigantesca, parece DUB de fábrica. apertado pra caramba, e moderninho. Um monte de gente que não olha detalhes dos carros estão comprando, e já está pipocando semi-novos com baixa km pra passar pra frente, porque o cara coloca a família dentro (se conseguir) e vê a bobagem que fez. Ele é bom? é, se vc tiver rodovias norueguesas de asfalto impecável, gasolina decente e preço ao redor de 40 mil reais, que acho o justo para um carro 1.8, farol de parábola simples e menor que o vectra….

    • radiobrasilcombr

      Eu tinha um Vectra 2010 Expression… queria um carro mais completo… fui ver o Cruze, achei bem mais apertado para a familia mesmo. E por menos $$$ comprei uma Captiva Ecotec 2010 da dona da concessionaria e tenho o MELHOR CONSUMO do que do Cruze… entre 8 a 9 Km/l na cidade.

      • miudinho

        pegastes uma captiva? legal, é motor 2.4 né? cara, tbm tinha essa vontade.. de conhecer mais de perto a captiva. Mas pelo meu dinheiro, tbm vejo um omega… mas é muito difícil achar um não blindado.. Acho que sua troca foi muito feliz. Tbm tenho essa vontade por um carro mais completo. O meu é 2010 e expression tbm.

        • radiobrasilcombr

          2.4 Ecotec, aquele de 171 cv. Paguei nela o preço de um Cruze LT automatico zero e até agora estou muuuuuuuuuuuuuuito satisfeito. É um carro que ja sofreu a violenta desvalorização de carro zero, seguro na faixa de 1500,00 (barato).
          Carro confortável e seguro, muuuuuuuuuuuuuuito superior ao Vectra Expression que só me deu dor de cabeça.

          • miudinho

            deu dor éh? poxa o meu é só alegria, gozado isso. Ele é um pouco gastão em ciclos urbanos, mas na estrada é um canhão, e nunca me deu problemas. Mas suspeito que a qualidade geral e principalmente de acabamento tenha diminuído nestes últimos GM. Como dizia um antigo amigo meu.." "os carros de verdade, bons e duráveis, estão todos na década de 80 e 90" " ..depois disso é morro a baixo, carro pra primeiro dono e 30mil km…..
            …gostei do que vc falou sobre o seguro. pago 1280 pelo vectra

            • radiobrasilcombr

              Vectra "zero" veio sem o ar funcionando (trocaram mangueiras com problemas). Depois os bancos começaram a desfiar (trocaram as capas), então problemas nas velas e bicos injetores, aí mais 1 surpresa quebrou a trava do volante do nada (tiveram q guinchar o carro até a css). Bancos NOVAMENTE desfiando… e pra finalizar (no dia q resolvi me desfazer de vez) a central ficou maluca e reconhecia gasolina como alcool. Detalhe: 17 mil km TUDO ISSO DE PROBLEMAS… e carro beeeeem cuidado!

              • DCald

                Eh… acho que seu carro foi fabricado numa segunda, apos derrota do curintias… hehehe

                • radiobrasilcombr

                  Pior… tenho um amigo que comprou o mesmo carro 2 semanas após, e os defeitos foram quase os mesmos: o ar NAO FUNCIONOU quando saiu da css, bancos desfiaram e foram trocadas as capas, a trava de volante quebrou TAMBÉM (e deixou o cara a pé longe de casa em pleno domingo).

                  • MM_

                    Acho que o cara que trabalhava no controle de qualidade do teu carro era o mesmo que trabalhava na Nissan quando o Tiida que eu tive foi fabricado. xD

                  • DCald

                    Comprou só 2 semanas depois? provavelmente foram fabricado no mesmo dia, pelo mesmo corintiano… hehehe… ou entao o corinthians perdeu denovo! huahau

                  • arianoneves

                    Meu sogro comprou um vectra assim que foi lançado em 2006, pagou 73mil, veio com tudo que tinha direito, airbag lateral, roda 16, etc. Nunca vi carro tão problemático, quebrava tudo, e ele fazia todas as revisões na concessionária, deixava ele na rua com frequencia, com dois anos quebou o cambio e com 3 bateu o motor! Do nada o vidro elétrico deixava de funcionar, num outra ora o botao da seta quebrava, ai entrava agua, era TODO mês uma coisa nova! desistiu e comprou um magentis da KIA, tem ele a dois anos e nunca deu nada! não troca por nada (até pq deve ter desvalorizado muito)! Problemas todos dão (apesar de eu ter tido 2 corollas que nunca deram nada), mas sei também que o dele foi o premiado, pois tem pessoas que adoram o vectra. Para ele GM nunca mais, mostrei o Cruze e ele nem deu bola! ficou com trauma da marca!

            • Brisa_Omega

              Li acima você pensando em um Omega, se vc não liga para desvalorização grande e não liga de dirigir um carro pesado, faça igual a mim e compre um, você não vai se arrepender. (Ruim é o IPI alto agora né?)

              • miudinho

                poisé. Procuro um aloytec, 3.6, mas o bixo e achar sem blindagem… o carro em si, é show. Vou usar mais na estrada mesmo.. pra cidade tenho outro

                • Brisa_Omega

                  Ah bom amigo, para a estrada é sensacional, agora para a cidade… Cansa bastante hein, já vou te avisando…
                  Pra cidade também tenho outro ainda bem…

                  Um abração e boa sorte na sua procura!

                  • miudinho

                    na cidade tô de FACE, show de bola.

      • Rud

        MAs o Cruze é maior que o Vectra em todas as dimensões, co mo assism menor, não entendi?

        • radiobrasilcombr

          Espaço interno eu achei mais apertado e porta malas beeem menor

        • DCald

          Entreeixos do vectra é maior… mas, a diferença esta mesmo é no posicionamento do banco dianteiro e na curvatura do teto…

          • radiobrasilcombr

            é.. talvez isso dê a impressão que o Vectra é bem maior por dentro.

            • DCald

              Mas, na pratica, ele é bem maior e confortavel mesmo…

          • Rud

            Entre eixos do Vectra é menor´!

            • DCald

              Entreeixos Cruze + 268cm
              Entreeixos Vectra = 270cm…

              até onde eu lembro… 270>268…

      • Felix_S

        Eu até já pensei no Captiva 2.4, mas SUV não é minha praia mesmo. Mas acho o carro bem bonito. Embora preço por preço, achei o velho Malibu mais espaçoso e bem acabado… mas hoje já não sei se vale a pena. Isso foi ano passado antes do IPI.

        • radiobrasilcombr

          Eu queria um carro mais seguro, confortável e equipado. E na minha cidade só tem GM, Fiat e VW. Como não gosto de Fiat e VW, a Captiva seminova foi a única opção que tive para ter um carro melhor. O Malibu também é seguro, equipado mas na minha região só tem 1 (do dono da CSS) e acho que é um carro que vai ter maior desvalorização se comparado a Captiva. Mas estou muito satisfeito MESMO!

        • Pedro_Rocha

          Na época que ele estava em 79K pensei em comprar um Malibu, mas li críticas muito semelhantes às feitas sobre o Cruze nessa matéria: câmbio "indeciso" e consumo exagerado.

          No momento estou com um Corolla, que faz mais com menos (marchas) e aguardando o Novo Malibu e o Peugeot 508.

    • MM_

      O Vectra C é terrível. Meu pai tem um e dá até desgosto de entrar no carro.

      O Cruze é meu primeiro GM, porque não tem nada a ver com o Vectra, que na verdade é um Astra.

      Note que muitos compradores de Sedans Médios são solteiros ou recém casados, por isso não precisam de espaço para família, cachorro e papagaio. Aliás, Minivans e SUV´s servem muito melhor a esse propósito.

      Sobre "rodovias norueguesas" é por esse raciocínio que nosso mercado vende bem os carros "altinhos". Não fazem curvas mas são muito bons pra passar em buracos.

      Resumindo: pra mim, quem não gostou do Cruze é fã da Opel ou ficou bravinho que seu carro saiu de linha e foi substituído por um infinitamente melhor.

      PS: tá cheio de Vectra com menos de 10.000km pra vender. Será que os caras entraram no carro, andaram e viram a bobagem que fizeram? Não. Como qualquer carro, existe uma quantidade enorme a venda. Principalmente gente que não consegue pagar o financiamento.
      http://www.webmotors.com.br/Webmotors/Compra/carr

      • gui_cds

        "Resumindo: pra mim, quem não gostou do Cruze é fã da Opel ou ficou bravinho que seu carro saiu de linha e foi substituído por um infinitamente melhor. "

        Pois pra mim, você está defendendo o Cruze (não só neste comentário) só porque ele é o novo queridinho da galera, o carro da moda. Além, é claro, porque você tem um.

        • MM_

          Não estou defendendo o Cruze pq tenho um. A relação das coisas é inversa.
          Eu tenho um Cruze pq testei todos os outros e achei esse GM a melhor opção.
          Na verdade não é tão difícil de entender isso.

          • Sias

            Carro da moda é Corolla e Civic…

            Já dirigi o Cruze e achei ele com a suspensão na medida. A única coisa que poderia melhorar e o consumo.

        • 3ic

          concordo, o cruze não representa o que foi o vectra e o monza. ele está mais para um astra / kadett tvz

  • Rodrigo

    Acho engraçado os elogios rasgados para o desempenho do Cruze e as críticas duras ao 1.6 da Kia. Sendo que os dois tem o mesmo desempenho considerando peso/potência e o segundo é muito mais econômico.
    Tenho dirigido ambos, um pouco menos o GM, e acho o Cerato até mais dinâmico nas retomadas.

    • Rud

      Concordo pelnamente, pra mim o Cerato é muito mais negócio que qualque Sedã nacional, incusive o Cruze

      • _Ernesto_

        O Cerato é um bom negócio até vc precisar de alguma peça.

        • Rud

          É por pessoas que pensam assim que temos os carros NACIONAIS mais caro do mundo!

          • 3ic

            é por isso que taxista não compra kia / hyundai. taxista vai atras de cust obeneficio, se o cerato é um deste, pq não é vendido para frotista heim?????

        • Rodrigo

          Qualquer peça da Kia você consegue em até 5 dias úteis. Se desejar já existe o mercado paralelo.

          A título de curiosidade:
          preço do farol de neblina do Cerato na cc: R$ 416,00
          Mais barato que o vectra que tive que substituir.
          A revisão de 20 mil do Cerato custou-me R$ 320,00, consulte do Cruze.
          Não quero dizer que um é melhor que o outro, mas quero dizer que temos preconceito forte com os Coreanos e isso vai mudar, como aconteceu com os japoneses lá por 95…
          Abraços…

  • Avantimes

    Eu fiz um test drive pois o vendedor insistiu bastante, mas ADOREI! Já ao dar a partida e ouvir o ronco do motor (sim, o Cruze não é um morto-vivo ou carro de tiozão definitivamente!). A direção elétrica é muito muito deliciosa, mas firme e se você se distrair logo estará muito acima do limite de velocidade. Firme para quem gosta, um Golf em estabilidade. Ou seja, quem gosta de conduzir mais esportivamente e com emoção, mas com segurança e com uma marca que tem mais de 500 concessionários Brasil e Mercosul afora estará fazendo um ótimo negócio. Chevrolets daeueles que não se via há muito tempo!!!! E o Chevrolet mais vendido DO MUNDO (Hyundai me perdoe hahaha)

  • marmota2

    Infelizmente não conheço nenhum sedan médio que tenha bom consumo no Brasil.

    Culpa do combustível. Fato!

    • Rodrigo

      Kia Cerato.

      • harfangdneiges

        Faz quanto?

        De qualquer forma, o preço deve aumentar…

      • hyundaielantra

        No teste da autoesporte o Elantra marcou 10,0km na cidade e 15,9 na estrada com gasolina, já que o carro não é flex. Os Cerato também num teste marcou em torno de 15 km na estrada.

        • _Ernesto_

          Tenho um Focus 2.0 MT e faz 9km/l (gasolina) em Sao Paulo (mes de férias?) com ar ligado em 50% do tempo.

          • simoloko

            Verdade. O meu Focus, automático, só à gasolina, faz 16km/l na estrada.

            Eu odeio automoveis flex.

            A resposta do vendedor é sempre a mesma: "Use só gasolina, então!".

            • BSBDriver

              Eu tenho um Maverick que faz 32 km/l na cidade.

        • DCald

          Vectra 2.0 fazia 15km/l na estrada…

          • Rud

            o meu nunca fez mais que 12.3 na gaqsosa sem ar ligado.

        • andre_0102

          Concordo, acho que o problema é flex mesmo, os Japa mono estão ai p/ confirmar isso, mesmo os motores sofrendo reajustes e melhorias não conseguem alcançar o consumo dos "antigos" mono.

    • eduardogege

      Os que tem um bom consumo:

      Corolla 1.8, Elantra, talvez Jetta 2.0 e muito provavelmente o 408 1.6 turbo.

      • Leandro1978

        O Elantra e o 408 por usarem somente gasolina, são mais econômicos. O Corolla 1.8 gasta mais que Jetta e Civic. O Jetta Tiptronic anda o mesmo e consome menos que o 408 2.0 automático.

        • eduardogege

          Qual Civic? Se for o de 2006~2011 tenho absoluta certeza que o Corolla é consideravelmente mais econômico. (Atualmente tenho um Civic e já tive um Corolla 1.8 Flex)

          • Leandro1978

            Eu já andei um tempo em ambos (Civic 2009 e Corolla 2011) e o Corolla me pareceu gastar mais. Além disso, um comparativo feito pelo BestCars no ano passado (havia também o Jetta Comfortline), o Corolla foi quem mais gastou combustível.

            http://bestcars.uol.com.br/comp4/honda-civic-toyo

            • eduardogege

              Realmente não sei como conseguiram 9,8 km/l com o Civic na cidade. Eu faço entre 8 e 8,5 km/l andando bem tranquilo e se for para andar mais forte faz 6,5 facilmente. Acompanho a comunidade do Civic no orkut já faz um bom tempo e lá muita gente tem consumo igual ou pior que o meu.
              Já em relação ao Corolla na maioria dos comparativos que vi ele era mais econômico e quando tinha um ele fazia andando de leve 10~10,5 km/l e "pisando" 8 km/l, porém ele era MT já o Civic é AT.

      • Stark

        Fiquei bobo de ver uma avaliação da Coluna Quarentena de um outro site lá onde fizeram consumo de 10.9 km/l na Estrada com Álcool e ainda com TipTronic! Depois testaram o Jetta manual e obtiveram 10.6 km/l! Sempre em 120 km/l! Descarto comparações com consumo na cidade pois cada cidade é uma, mas velocidade fixa em rodovia sempre é comparavel.
        Aliás, a Própria VW também divulga que o TipTronic é mais economico em rodovia que o manual.

        Mas a cabeça nossa fica até embaralhada com essa bagunça toda desses Motores mais novos bebendo mais que os antigos. Não era pra ser o inverso?
        Aguardando uma boa avaliação do Jetta Comfortline!

        • DCald

          No caso do cruze… peso exagerado e pneus muito largos… isso influencia bastante…

  • PNS70

    Dá pra fazer um desenho agressivo sem ser feio. A prova tá ai no Cruze que é da mesma marca dos horrorozos Cobalt e Agile.

  • harfangdneiges

    "Embora eu tenha citado deficiências no câmbio automático, no consumo e uma suspensão um tanto firme, o Cruze revela ter muitas qualidades andando na cidade". Poutz! oO

    Que qualidades restaram pra se andar na cidade? Falar do porta-malas ou do aspecto estético não vale… Dizer que é bom pra pegas (pela esportividade) por favor, né!?

    Andar na cidade o que importa é consumo e conforto do carro. Parece-me que o Cruze não tem nenhum dos dois. E quando falo conforto, incluo a suspensão, os bancos, passagem "suave" das marchas, painel de bordo com boa usabilidade…

    Estou curioso para ver que qualidades hors-concours são essas… =/

    • Carro moderno, com visual interessante tanto no interior quanto exterior, boa posição de dirigir, componentes de qualidade no interior, etc….

      Não é que ele não tenha conforto, sua suspensão é firme, mas não é super-dura também.

      • harfangdneiges

        Ao contrário de muita gente, desde que vi a primeira foto do Cruze achei um carrão! Alguns só agora ao verem ao vivo é que mudaram de opinião.

        Eu, estou indo no caminho inverso. Embora eu goste muito dele. O reajuste absurdo que deram nele, com estes pontos negativos estão me fazendo mudar de idéia e voltar a procurar outro do mesmo segmento.

        Quantos aos pontos citados (carro moderno, com visual interessante tanto no interior quanto exterior, boa posição de dirigir, componentes de qualidade no interior) estas são características que independem de andar na cidade ou estrada, com exceção, talvez, do painel de bordo que trás conforto indireto.

        Com todo o respeito, mas um banco que é "apertado" e "que não tem uma espuma muito macia" com certeza compromete a posição de dirigir. Meio paradoxal, não?

        No mais, parabéns pelo site e pela avaliação do carro. Sou visitante antigo, mas só agora resolvi virar "usuário".

  • Rud

    Por esse preço, cavalaria e principalemnte consumo eu iria de KIA CERATO fácil, pra mim o mais belo dos sedãs de todas as categorias.

    É muito mais econômico que o Cruze e tem 5 anos de garantia.

    • MM_

      Gosto bastante do Cerato, entretanto se vc pegar um Top de linha, que vai custar o mesmo que um Cruze LT, ainda vai deixar de levar 2 air bags, ESP e ISOFIX.

  • Marcelo_Machado

    O engraçado é que não vi ninguém criticando o cambio pelos trancos, alguns até concordaram que os trancos existem, mas chamar o cambio de Trancologic, não vi ninguém. O que o preconceito faz…….

    Os primeiros Dualogic do Stilo faziam a mesma coisa que esse Cruze. Em reduções de cruzamento e lombadas o cambio colocava 1ª marcha e o tranco vinha. Essa era a única situação que dava tranco, mas isso já foi resolvido nos modelos mais novos,mas até hj descem o porrete no Dualogic.

    A mesma coisa acontece em descidas, o carro usa o freio motor e se for pouco ingreme vc tem a opção de trocar a marcha manualmente para "soltar" mais o carro.

    • MM_

      Marcelo, definitivamente o cambio não dá trancos. E desse assunto eu entendo bem pq eu tinha um C4 automático.

      O carro tem um freio motor que funciona mais do que eu estava acostumado no C4, além disso acho que o Eber se enganou, pois fiz uns testes em declives mais suaves e ao tirar o pé o carro muda para 2a e não para 1a. A diferença está na aplicação do freio motor.

      O mais engraçado é que a crítica da Car and Driver Brasil sobre o cambio e a suspensão do Cruze foi exatamente oposta: eles alegam que o carro não reduz muito, ficando solto e consequentemente exigindo mais do freio, além de "A suspensão nem faz caso de piso ruim, como tivemos a chance de provar numa pista da GM especialmente criada para reproduzir nossos piores tipos de piso".

      Por isso que eu digo: são percepções.

      • Marcelo_Machado

        MM_ nem escrevi esse comentário como crítica ao Cruze. Só acho engraçado como os comentários variam de acordo com o emblema do carro. Na Fiat um pequeno defeito vira sentença de morte, nos outros carros é um defeito como todo carro tem.

        O Eber citou que a redução para 1ª e o tranco são ao reduzir a velocidade em cruzamentos. Eu acredito no seu relato e no Eber tb. Na verdade acho que seja o caso de adaptação ao sistema. Cada cambio tem o seu e às vezes a diferença esta na pressão do pedal, no pé de cada um.

        Tive um Stilo Dualogic assim que lançaram e essa caracteristica que o Eber citou me incomodava tb, mas logo me adaptei, tive que deixar o pé mais leve nas saídas em cruzamentos.

      • "Definitivamente" em nossos testes ele deu trancos. Por favor não contradiga o que dissemos dessa maneira. Se é o caso de percepções, então eu poderia dizer que minhas percepções são imparciais, ao passo que as suas, por ter o carro, não são. Mas não disse isso.

        Você tem sua opinião e nós do NA temos a nossa. Apenas acho que ninguém pode dizer que "definitivamente" o outro está errado.

        • MM_

          Eber, não disse que você está errado. Uma coisa que estranhei no Cruze foi o freio motor, que faz o carro reduzir para 2a marcha, que é bem curta. É completamente diferente do C4, que o carro ia solto até reduzir para 1a e dar um baita de um tranco.

          Volto a lher dizer que não questionei sua parcialidade e quanto ao não dar trancos, estava conversando com o Marcelo sobre a comparação com o Dualogic do Stilo.

          Sobre a minha parcialidade… Nunca tive um GM na vida e nunca gostei da marca. Comprei o Cruze pq andei em todos os médios que me interessavam e achei ele o melhor. Dessa maneira, só comprei o carro pq achei ele bom e não acho bom só pq comprei um. São coisas completamente diferentes.

          Abs

          • BSBDriver

            O mundo automotivo é mesmo curioso. O 307SW da minha mulher que tem o mesmo câmbio do C4, apesar de não ter um funcionamento, digamos, muito suave, nunca deu esse tipo de tranco quando se reduz em um cruzamento.

          • Eu tenho certeza que você não questionou nossa parcialidade, fica tranquilo…. eu apenas comentei que não gostei de você dizer que uma coisa que comentamos que acontece, "definitivamente não acontece".

  • Marcelo_Machado

    Qto a traseira do Cruze eu achei boa, não tenho críticas como a maioria que não gostou. Achei a traseira harmonica e bela como o resto do carro. A traseira se parece muito com a do Cerato.

    Eu não gostei da traseira do Cruze hatch, essa sim ficou estranha e parecere ser de outro carro que foi emprestada.

  • Marcelo_Machado

    Já o consumo apurado pelo Eber tá meio alto, mas como temos um proprietário nos comentários e ele faz 8,5 com gasolina em SP parece ser mais aceitável.

    Até pq na primeira semana vc esta se habituando com o carro e o consumo acaba sendo maior, talves por isso o do Eber seja maior de quem já esta com o carro a mais tempo.

    • Então se for assim toda a imprensa automotiva publica consumos errados.

      • Marcelo_Machado

        Não diria consumo errado. É o consumo certo para aquela situação, com aquele motorista.
        Vc pode ver que existe diferença, muitas vezes consideráveis, entre as revistas no consumo do mesmo carro.

  • Stark

    Ainda aguardando pra descobrir o "ECO" do Ecotec e também tentando ver cadê a grande revolução que a GMB tanto divulgou naqueles comerciais, pois de consumo…

    Concordo se a Chevrolet lançasse o mesmo Cruze LT por 59.900, mantendo todos os equipamentos, porém com o Motor 2.0 de 140cv, que com certeza aliado ao câmbio de 6 marchas iria quem sabe até beber menos, devido ao alto torque em baixas rotações. Creio também que o Monzatech deve ser mais barato tanto pra GM, como para os consumidores. Eu concordaria numa versão assim. (sonhei?) Se o Consumo em Rodovia 120km/h na Gasolina for abaixo dos 11 km/l, ficaria com vergonha de compartilhar um consumo desse.

    Mas aqui estamos discutindo sobre o motor, pois em termos de interior, equipamentos, controle de estabilidade, câmbio, modernidade do interior, sem sombra de dúvidas o Cruze foi uma evolução total e uma das melhores opções, senão a melhor, e ainda tudo isso por 65mil?
    (na realidade brasileiro é um preço bom)

    Boa avaliação

    • DCald

      Emissions Control Optimisation TEChnology

      • Stark

        Mas eu penso que o Controle de Emissões era pra consumir menos. A lei é ao contrário ou eu que não entendi o Ironic Mode?

        • DCald

          Nao é ironic mode nao… é o nome da tecnologia do motor…

          Nem sempre o controle de emissoes privilegia o consumo…

    • radiobrasilcombr

      Meu "ex" Vectra C Next Edition fazia 11,5 na gasosa na estrada, com o jurássico Monzatech (será q era um motor tão ruim assim?)

      • DCald

        Pois eh… eu sempre elogiei o "monzatech"… mesmo de concepcao antiga, tinha excelente desempenhoxconsumo…
        Agora, 11,5 na estrada ainda esta ruim… dá pra melhorar isso pra qse 15km/l!

        • Rud

          Dá sim andando a 60 por hora….de vidro fechado, ar desligado,sem bancos e estepe, com penus com 35 libra de !Classic…..ah e sem retrovies….

          Não venha com cara, não pra um ex-dono de Vectra!

          • DCald

            a 60 por hora deve fazer bem mais… eu fazia 14,5-15 andando entre 110 e 130… com alguns picos de 150… calibragem 33d e 31t 4 pessoas + bagagem

    • Marciomaster

      Voçe não sonhou não, é uma boa opção sim, o velho e bom motor aliado ao cambio de 6 marchas, mas quanto ao consumo de combustivel não faço criticas, pois ja li tanta bobagem, tipo, vectra faz 4km\l, palio 1.0 fiasa faz 12,5 na cidade, elantra faz 11 na cidade (essa é das mais novas besteiras). Consumo é consumo, é pagar pelo conforto e não existe formula magica, todos consomem o que devem. Pode ter certeza que esse consumo do cruze no teste não é veridico, deve ficar em torno de 8\9 na cidade, conforme alguns proprietarios ja afirmaram aqui. Abçs

  • granrs78

    O Cruze irá agradar principalmente aqueles que ficaram "orfãos" do antigo Civic, tanto pelo visual como pelo conjunto suspensão e direção mais esportiva. Com certeza muitos dos antigos donos dos Civics irão pelo menos fazer um teste drive no Cruze, antes de tomar uma decisão na hora de trocar seu sedan médio.

    • Pedro_Rocha

      No que tange a visual, o Lancer é bem mais chamativo, embora falte muita coisa nele que o torna economicamente questionável.

      • granrs78

        Realmente Pedro, o Lancer é muito bonito e esportivo também, mas eu acho o que está "matando"as vendas do Lancer é seu preço e conteúdo, pois hj, com 64.000,00 vc compra um Cruze Lt aut. completo inclusive com 4 air bags e controle de tração e estabilidade. No caso do Lancer, seu preço está muito mais caro, um aut. está sendo vendido por salgados 73.000,00, isso só com 2 air bags e abs. Então são quase 10.000,00 de diferença em favor do Cruze. Acho que a Mitsubishi poderia rever sua estrategia, pois o Lancer é um carrão, mas com esse preço dificilmente irá vender bem. Abs.

  • Nightrainbr

    GM ainda tentou dar o golpe que seria alcool ou foi um equívoco inocente? Hummm… De qualquer forma … feliz Monza 2012 7,1km/l na cidade

  • andre_0102

    Concordo quanto a "todo mundo chingar, e tal"
    Mas essa história que vai melhorar, não dá mais p/ engolir, quem já comprou então que se exploda, os próximos serão melhores, mancada da GM, chega de carro cachaceiro, consumidor quer opção….

    • DCald

      Andre, nao estou dizendo que vao melhorar essa semana… mas, provavelmente em 1 ou 2 anos eles mudem sim alguma coisa no motor…
      Quem comprou, tem o que foi anunciado e o que pode ser testado e avaliado… Todos os produtos estao sujeito a evolucao!

  • Homemvolvo

    ô Eber, deixa eu te perguntar…
    Acabei de vender minha BMW 118 sport e estou interessado nesse cruze…
    fiz um test drive e achei o carro bem acertado…
    Mas não sei se foi impressão minha, mas achei o carro apertado para um sedan, é confortavel e tudo mais, mas o banco do passageiro parece muito proximo do motorista, bem como as portas ficam encostando nas pernas…deu a impressão de ser igual ou até menor que a minha 118 (na frente, claro), e olha que era um hatch de duas portas.
    Tem como vc ou alguem dizer se estou louco?
    Abraço

    • DOUGLAS_DANIEL

      Eu também achei o Cruze apertado demais, lhe recomendo o Línea, é espaçoso e pode vir com bancos em couro bege.

    • Sim, é um pouco apertado…. comparando até com o Vectra que saiu de linha, é mais apertado em alguns aspectos.

  • Jose_Floripa

    Eu fui um dos primeiros que fez o teste drive no CRUZE LTZ, relatei as impressões aqui, quase levei uma surra por dizer que o carro fazia muito barulho nas acelerações e pelo fato do mesmo ser beberrão! Quando testei o mesmo aqui em Florianópolis, zerei o consumo médio e consegui a média de 5,5 km/l, mas o carro não tinha 100km rodados! Com esse teste aqui deu pra ver que o carro realmente bebe. O pessoal tem que parar com essa história que quem tem dinheiro para comprar Cruze tem dinheiro para viver no posto, não tem nada a ver. Cruze é carro de classe média, e classe média não anda rasgando dinheiro, sem falar que vivemos em um momento de conscientização ambiental, ou seja, carros mais econômicos. Enquanto o resto do mundo iniciou politicas de economia de combustível, nós simplesmente estamos adorando os nossos FLEX que a cada dia bebe mais. Façam o teste, SPORTAGE 2011 com essa nova FLEX 2012, vão cair o queixo.

  • landocar

    alguem sabe me dizer se existe um modo de "desflexibilizar" um motor flex? algum lugar q faça? sem ser gambiarra, até pq o flex ja é uma.

  • ManuMessi

    Como já registrei aqui, meu Cruze está com 3.800km rodados e tem feito a média de 5,3km/l com etanol e 7,8km/l com gasolina ambos na cidade. Na estrada já fez 9,8 a 10km/l com etanol e surpreendentes 12,8km/l com gasolina na estrada com velocidade média de 110/120km. Não vejo muita diferença dos meus Corollas que já tive: cidade: 5,5 etanol e 8,0 gas. Estrada: 10 a 10,3 etanol e 12,8 a 13,2 gasolina. Resumo, gosto muito do meu Cruze e acho interessante outros consumidores que compraram um se manifestarem também. Outros sedans irão fazer na mesma média apresentada, não duvidem disso! Meu irmão tem civic 2010 e faz consumo um pouco piores que estes. É o nosso combustivel que não presta mesmo.

    • benelaux

      Caracass, o pior tanque do meu Elantra fez 12km/l, kkkkkkkkk
      No melhor, 14.5km/l

      Marcados no lápis, pois no computador o erro foi de uns 2% para mais.

      O meu tá com 4000km rodados.

      • Pedro_Rocha

        Você poderia fazer um texto sobre o carro e compartilhar conosco aqui no NA.

    • MM_

      Olha, não vou entrar na discussão sobre consumo, até pq é uma coisa muito relativa ou então eu que dirijo como um tiozão.

      Meu Cruze está com 1300km e registrando média de 9,1km/l. Estava em 8,4, agora deu uma subidinha.

      Só pra ilustrar, moro em SP e minha velocidade média registrada foi de 27,5km/h,
      http://img59.imageshack.us/img59/2345/capturarxr….

  • PauloPGomes

    Por isso que eu não gosto de Câmbio AT! É dificil ter um câmbio AT inteligente! Câmbio AT pra mim só de Dupla Embreagem ou CVT!

  • Felix_S

    Alguém mais confirma os trancos do câmbio? No test-drive não consegui perceber isso, mas o percurso não foi lá essas coisas pra testar o carro. Mas se for pelo menos tão bom como o do Civic pra mim já tá de bom tamanho. Comparar com o DSG do Jetta seria uma covardia (que tem que ser MUITO chato pra achar um defeito).

  • Sinceramente, a GM pode colocar a tecnologia que for, na essencia seus carros permanecerão iguais: motores fortes com potência alta (em Cv), bom torque em baixa, beberrões, bancos bons, acabamento médio ou ruim e suspensão firme e "carro na mão".
    Quando digo isso, entenda-se carros médios e grandes da marca.

  • AmmmmmP

    Olhem os joelhos do motorista enterrados ali no painel? esse carro é muito apertado! mas tem gente que diz "aconchegante"… rsrsrs

    Mas eu to pegando no pé… dá pra dirigir assim por horas sem cansar. Pra ser exato, 7 horas. rs depois disso a buzanfa começa a perder todo o sentido.. rsrsr

    E eu detesto esse câmbio automático no Cruze 1.4 turbo que dirigi no exterior. Se você precisar de agilidade num cruzamento de semáforos na hora que surge o amarelo…. ele arranca suave demais e pula no meio do caminho de repente… um saco.

  • BrunoMulsane

    Eu andei na versão LT manual e achei o desempenho aquém do focus sedan, alem da suspensão dura do gm. O ford é muito confortável é mais estável. Bom, vai entender… Se o focus sedan não fosse tão sem graça, seria minha escolha.

  • GABRIELJC

    Como todo veículo o CRUZE tem lá seus defeitos, mas COROLLA, FOCUS, CIVIC também, mas a GM sempre estara com suas qualidades de fabrica, não lembram do CHEVROLET OPALA , em 1991 não existia carro que se comparasse com o controle de estabilidade dele, suspenção macia e suave, tem la seus defeitos 4cc no máximo 8 KM na cidade, mas é só pisar meio pedal do acelerador que a nave parece que vai decolar.
    podem falar o que for GM SEMPRE será GM.
    Não é atoa que na enquete dos sedãs que acham que será mais vendido, está ele lá no topo CHEVROLET CRUZE.

  • Marco Antonio de Souza

    Comprei LT AT 2013/2013, consumo na cidade de Sao Jose dos Campos em torno de 8km com Alcool. com 1400 KM.

  • Peace

    Comprei um mais pelo estilo e pacote tecnológico. Quanto ao consume, depende de uma série de condições, quais sejam, qualidade da gasoline, ambiente de uso, peso do pé…

  • Jorge

    Comprei um cruze 2014 ltz dia 03/01/2014 é muito muito ótimo lindo charmoso onde passa deixa alguém babando.E quanto ao consumo é surpreendente chega a 14km por hora a 108kmh a gasolina com ar ligado é uma nave da xicote em qualquer um destes modelos novos que andan por ai parabens gm…..

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend