Avaliações Chevrolet Hatches Populares

Avaliação NA – Chevrolet Onix 1.4 (2) – Impressões do interior e qualidade de acabamento

chevrolet-onix-ltz-1.4-interior-1-620x412 Avaliação NA - Chevrolet Onix 1.4 (2) - Impressões do interior e qualidade de acabamento

Se engana quem pensa que no exterior é onde existem menos diferenças entre o Chevrolet Onix LTZ 1.4 e as versões mais simples. No interior as vantagens da versão mais cara são ainda mais fáceis de contar nos dedos.



O acabamento é exatamente o mesmo. Continuamos com o mesmo visual acertado dos componentes das outras versões do Onix, mas a qualidade de acabamento acaba não sendo condizente com um carro que custa mais de 41.000 reais, já que o acabamento continua sendo de um carro popular, mas com o preço de quase 42.000 reais da versão.

O quadro de instrumentos poderia ser mais completo, mas não é. Fora a adição do computador de bordo, que não existe nas versões 1.0, é o mesmo painel. O volante poderia contar com comandos do som, mas não tem este adicional. E o acabamento dos bancos é exatamente o mesmo.

chevrolet-onix-ltz-1.4-interior-2-620x412 Avaliação NA - Chevrolet Onix 1.4 (2) - Impressões do interior e qualidade de acabamento

Notamos que neste veículo de imprensa, os problemas de acabamento de nosso Onix 1.0 da Avaliação 365 não estão presentes: o painel se alinha perfeitamente com o acabamento das portas, e não temos rebarbas no puxador das portas dianteiras, mas isso mostra apenas uma boa seleção do modelo a ser usado para avaliações da montadora, nada mais.

As portas continuam apresentando uma minúscula área revestida de tecido, somente onde temos o contato com o cotovelo, o restante do acabamento interno das portas é feito com o mesmo plástico simples da versão mais barata.

Temos, além do computador de bordo, os espelhos com comando elétrico e também o botão dos faróis de neblina junto com os comandos de lanternas e faróis. Ah, e nas portas traseiras o acionamento dos vidros é elétrico. Só isso. No interior, fica a sensação de que o Onix LTZ 1.4 continua sendo muito caro pelo que entrega, assim como percebemos na matéria que mostra o exterior do modelo.

Nos resta encontrar grandes benefícios no motor 1.4, ao andar com o modelo na cidade e na estrada. E ainda assim, se estes benefícios realmente existirem, eles também podem ser adquiridos na versão LT 1.4, que custa quase 7.000 reais a menos que a LTZ.

4.0

  • yuri calmon

    Este painel fica bom numa MOTO , não num carro para o dia a dia !!!B)

    • AugustoSeide

      Num 1° momento tbém achava isso, mas depois que entrei no carro para conhecê-lo, mudei de ideia, é bem legal e diferente. Qdo voltei pro meu carro cheguei a ficar com saudades do painel do Onix.

    • Rodrigo

      Bonito mesmo é o painel do Palio com "Econômetro", hahahahahaha

      Haters gonna… hate. Just it!

    • bedotRJ

      Vc acostuma numa boa. Também achava ruim, mas convivendo já há alguns meses com o Cobalt, vejo até vantagens.

      • fabio_augusto

        Uma vantagem legal que achei foi da luz do sol não refletir no painel, já que é digital. Não há nada de errado nesse painel, tem tudo o que precisa, e quem geralmente reclama é pq não chegou nem sequer perto de um…

        • gabrielRohde

          O único problema é não ter o medidor de temperatura do motor.

          • SilenceBass

            Exato, de resto é quase "perfeito": conta-giros analógico e bem destacado e velocímetro digital, destacadão também. Aliás, velocímetro digital é bem melhor que o analógico em termos de visibilidade.

          • Moy

            Falo por experiência própria: É muito tenso ficar preso num congestionamento, sem monitorar a temperatura do motor.
            Nunca mais compro carro sem este pequeno "acessório".

      • Felix_S

        Nao acho ruim, só acho feio

    • Marlllon

      Tenho um há 1 mês e posso garantir que é ótimo no dia-a-dia não tem reflexo do Sol no painel além da leitura da velocidade ser bem mais precisa e fácil. Não tem a parte nostálgica de ver o ponteiro subindo mas isso é compensando por outras coisas

  • AndredeAzambuja

    É o mal de se comprar um popular mais completo. Você paga o mesmo preço de um carro de categoria superior, leva um carro com bom nível de equipamentos, mas não deixa de ser um popular. Eu acho mais negócio um hatch médio "pelado".

    • experientdriver

      Eu já vejo de forma diferente. Na verdade o contrário.

      Para mim o design e acabamento interior do Onix é condizente com a faixa de 40k.

      E quem compra as versões da faixa de 30k leva um interior muito superior ao segmento.

      • MyFault!

        É cara… vc realmente vê diferente… mas continua igual ao restante do brasileiro comprador de carro.

        • experientdriver

          E vc só mostrou ser mais um incapaz de acrescentar um comentário de valor ao blog. Parabéns.

          • Edson Roberto

            Experient,
            Na minha opinião, vc começa a entrar no mesmo nicho onde encontra C3, Punto, Polo, entre outros. Alguns vc pode dizer preferencias e até espaço interno já que o Onix nesse caso é maior. Mas de repente, os outros podem agradar em pontos em que o Onix não ajuda.

            E talvez no principal, na dirigibilidade que os "compacto premium" ofertam.

            Seria interessante é analisar se o acabamento do Onix e outras coisas valem mais que comprar esses ditos premium. Eu particularmente não vejo sentido em comprar a versão LTZ desse modelo. Entretanto, acho um absurdo esse carro não ofertar o computador de bordo de série.

      • marciors01

        Compare o interior do onix com o interior de um punto e fica claro como o acabamento é inferior, o punto 1.6 pode ser comprado por 43k,
        Se compararmos o interior do onix com o do fox ele também é claramente inferior, o interior também é bem inferior em acabamento ao do c3 e também será inferior se comparado ao 208.

        • experientdriver

          Já que vc conhece tanto de interior de carros e de tantos modelos diferentes, exponha os fatos/diferenciais/características superiores de cada carro que vc citou.

          É fácil escrever X é inferior a Y sem sequer colocar 1 único motivo. Dê argumentos, adicione valor ao blog.

          • marciors01

            Também é fácil fazer o oposto, porque achas que o interior do onix não é inferior ao dos carros citados? Responda.
            Eu te digo que estes citados são superiores pela montagem, design e qualidade de materiais, basta entrar nos carros para perceber a diferença, e nem estou entrando no mérito da qualidade geral dos carros, apenas o interior.

          • marciors01

            Outra, já li sobre outro participante reclamando da tua truculência e falta de educação, e realmente te comportas desta forma, tentas impor as tuas idéias pela intimidação, só que isso não funciona.
            Me criticaste por não colocar um único motivo, fizeste o mesmo, me atacaste sem uma linha justificando o teu ponto de vista, apenas atacaste.

  • reuelrp

    Tem até computador de bordo, mas não pode ter o bendito marcador de temperatura. Uma coisa que achei estranho… Não tem nem a cobertura do porta-malas (bagagito)????????

    • mottervictor

      verdade ! pode ser uma coisa um tanto quanto "inutil" mas que faz falta ..

    • CyborgPilot

      Já vi que Onix não dá pra mim. Não gostei de alguns detalhes do interior do carro. O modelo de roda de liga leve é feio, e o mais imperdoável foi não colocarem o termômetro do motor. Como é que eu vou confiar de andar em um carro sem monitorar o aquecimento do motor, item que eu acho muito importante? Em um carro novo que está funcionando tudo redondinho até vá lá, mas já imaginaram daqui há uns anos quando o carro estiver já bem rodado e apresentar algum defeitinho mínimo que for no sistema de arrefecimento, vazamento de água, uma ventuinha queimada ? A pessoa vai acabar tendo o motor fundido porque não saberá que o mesmo está superaquecendo.

      • TecoPadaratz

        Há uma luz que se acende em caso de superaquecimento.

        • CyborgPilot

          Mas aí já é tarde demais né amigão? Já pode ter danificado alguma peça, ainda mais se o motor já não for tão novo. Já tive carro antigo, bem rodado, e nunca fundi um m otor em minha vida. Já teve vez que queimou o sensor da ventuinha e eu percebi a tempo e e troquei , outra vez foi a válvula termostática e eu também percebi, tudo graças ao mostrador da temperatura do motor. Isso sem falar em outras vantagens de se ter esse aquipamento.

          • Rodrigo

            A luz acende bem antes da temperatura necessária para o motor fundir, justamente pra alertar o motorista para parar o carro e examinar / corrigir a situação.

            Se a luz acendesse na hora em que fosse tarde demais, pra que serviria? Concorda?

            • fabio_augusto

              E depois é raro alguém deixar o motor superaquecer. E esse indicador de temperatura está entrando em extinção, como entrou o voltímetro, amperímetro entre outros marcadores, que equipavam carros mais básicos na década de 70 e 80.
              Engraçado que tem uns carros da Honda, Nissan e Kia que não tem esse marcador e ninguém reclama…

              • marciors01

                Eu reclamo, depois de algumas dores de cabeça não compro carro sem marcador de temperatura.

            • CharlesAle

              No antigo Uno eletronic que tive,a luz acendeu depois que o radiador estava uma chaleira,misturou água com óleo e tive que fazer o cabeçote….

              • DCald

                FIAT né? Adora ferver… é só prestar atenção… qualquer congestionamento que tiver numa estrada, vc vai ver um Fiat (principalmente os mais antigos) parado no acostamento com capo aberto e vapor saindo.
                Meu BR 800 não tem termometro, uma vez a termostatica travou fechada e a luz acendeu… parei o carro e desliguei o motor, até esfriar, qdo esfriou, segui até em casa, e, no dia seguinte levei para trocar a termostatica. Não tive nenhum outro problema.

            • marciors01

              Rodrigo, isso na teoria, na prática quando a luz acende o motor á foi, isso já aconteceu comigo duas vezes.

              • Rodrigo

                Marcio,

                Na maioria dos carros atuais, a válvula termostática, o "cebolão" da ventoínha e até a bomba da d'água são monitorados pela central eletrônica do carro. Qualquer pane em um destes elementos, ou mesmo um vazamento do líquido de arrefecimento, gerará um sinal para a central de erros do carro que informará o motorista muito antes dele sobre-aquecer. Já vi isso acontecer em um Fox 1.0 2004 de uma amiga: primeiro acendeu a luz de injeção (EPC) que permaneceu acesa até a hora em que acendeu a luz da temperatura de água, foi quando paramos e vimos que o reservatório de água do radiador estava vazio.
                Na oficina, quando foi constatado um vazamento na bomba d'água, o mecânico verificou que a informação de vazamento estava registrado na central eletrônica e foi bem mais rápido o diagnóstico do problema.

                Pode ter certeza que a tecnologia empregada em veículos mais novos superam as dos mais antigos com folga, em termos de confiabilidade. Tanto que em modelos mais novos, o líquido de arrefecimento é trocado a cada 80 mil km ou mais, dependendo do modelo.
                Não desmereço o fato de vc preferir um carro com termômetro de água do motor, só acho inválido você utilizar como argumento que o carro "não presta" só pq não vem com o tal termômetro.

                • marciors01

                  Rodrigo, a coisa não é assim tão simples.
                  No verão passado meu focus 2008 rocam estava com um pequeno vazamento de água, e obviamente eu não sabia, em uma viagem percebi o marcador de temperatura quase na faixa vermelha, ainda consegui parar sem maiores danos ao motor.
                  Veja que o carro não estava sem água, estava apenas sem água suficiente para fazer uma refrigeração correta, e mais, nenhuma luz de alerta acendeu, nada, não fosse o marcador a temperatura teria entrado na faixa vermelha e teria acontecido algum dano.
                  Esta maldita luz vermelha não é preventiva, deveria ser mas não é, sei de diversos casos de carros que superaqueceram e ficaram sequelas.

            • Moy

              Já passei por isso.
              Agora imagina vc preso num engarrafamento, chovendo, e a luz acende. Vc olha para os lados e não tem espaço pra encostar, pq tá todo mundo compactado. Quantro tempo mais eu poderia tentar sair da pista, até o fumacê começar?
              O jeito foi desligar o carro e empurrar até a lateral, debaixo de chuva.
              Se tivesse o marcador, eu notaria a bronca antes dela acontecer.
              Enfim, hj não compro carro sem este "opcional".

          • experientdriver

            Como já é tarde? A luz piloto acende como alerta muito antes de danificar qualquer peça.

            Tem gente que apela para encontrar alguma coisa para criticar. Dizer que não ter termômetro é imperdoável é típico de papagaio de pirata que pouco entende do assunto.

            • CyborgPilot

              Caro "experientdriver", já é a segunda vez que vc me ofende em um comentário, coisa que nunca fiz com vc e nem farei nunca com ninguém aqui..Toda vez que digo algo vc retruca me ridicularizando. Por favor peço que me deixe em paz.

            • AMLAJD

              Apela para encontrar alguma coisa para criticar? Tá cheio de coisas para criticar nesse carro, não precisa procurar muito, a começar por esse acabamento ruim para um carro de mais de 40 Mil, inferior até mesmo ao do Gol, a esse design sem identidade, uma verdadeira mistureba de estilos,.

            • marciors01

              Tenho duas experiências com carros diferentes que indicam o contrário, a luz acendeu tarde e precisei abrir o motor.
              Quando esta luz acende já foi.

              • experientdriver

                Existem inúmeros modos de falha que podem levar o fluido de arrefecimento a superaquecer. Vc teve experiência com 2 carros. Quando uma montadora desenvolve um veículo tem experiência com centenas de carros. A função da luz de advertência é informar ao condutor para parar o veículo e desligar o motor antes que seja tarde. Porém, se esta instrução não for seguida, colocará mesmo em risco a integridade do motor.

                • Edson Roberto

                  Tá… só que essa luz indica a OBRIGAÇÃO de parar imediatamente. Diferente do mostrador de temperatura que te mostra a temperatura subindo e se necessário se antecipar a esse momento.

                  Isso faz falta sim. E isso é criticado não somente por aqui, como lá fora, já que a maioria dos modelos extinguem esse componente.

                  • Rodrigo

                    Edson,

                    Na maioria dos carros atuais, a válvula termostática, o "cebolão" da ventoínha e até a bomba da d'água são monitorados pela central eletrônica do carro. Qualquer pane em um destes elementos, ou mesmo um vazamento do líquido de arrefecimento, gerará um sinal para a central de erros do carro que informará o motorista muito antes dele sobre-aquecer. Já vi isso acontecer em um Fox 1.0 2004 de uma amiga: primeiro acendeu a luz de injeção (EPC) que permaneceu acesa até a hora em que acendeu a luz da temperatura de água, foi quando paramos e vimos que o reservatório de água do radiador estava vazio.
                    Na oficina, quando foi constatado um vazamento na bomba d'água, o mecânico verificou que a informação de vazamento estava registrado na central eletrônica e foi bem mais rápido o diagnóstico do problema.

                    Pode ter certeza que a tecnologia empregada em veículos mais novos superam as dos mais antigos com folga, em termos de confiabilidade. Tanto que em modelos mais novos, o líquido de arrefecimento é trocado a cada 80 mil km ou mais, dependendo do modelo.
                    Não desmereço o fato de vc preferir um carro com termômetro de água do motor, só acho inválido pessoas que se utilizam como argumento que o carro "não presta" só pq não vem com o tal termômetro.

                    Se for assim, Honda Fit, VW Fox, alguns Gols, Kia Picanto, BMW série 1… Nenhum deles presta pq trazem luzes ao invés de ponteiros.

                  • experientdriver

                    A luz de advertência será o primeiro indicador de superaquecimento para a maioria dos condutores que não ficam continuamente monitorando o mostrador de temperatura, mesmo que o carro o possua. Mais difícil ainda é informação nos carros que possuem somente o medidor e não possuem luz de advertência, pois entram em operação fail safe abruptamente o que pode causar acidentes.

                    A luz de advertência NÃO indica a obrigação de parar imediatamente. Ela é concebida como alerta, e todo alerta ocorre antes de ser tarde demais. Caso contrário seria uma luz de pânico. Quem prova e explica isso são os próprios fabricantes. Exemplos:

                    Ford: Stop the vehicle as soon as possible, switch off the engine and let cool.
                    Chevrolet: Saia da estrada, pare o veículo e o deixe em marcha lenta por alguns minutos. Se a luz não apagar, desligue o motor
                    Hyundai: Pull off the road and stop as soon as it is safe to do so. If there is no visible loss of engine coolant and no steam, leave the engine running. If so stop the engine and call for assistance.

                    • Rodrigo

                      Difícil convencer quem não quer enxergar, mas valeu o esforço de ter ido buscar a informação em manuais e disponibilizar aqui.

                      Melhor que a luzinha e o termômetro é o motor dos Fuscas, Brasílias, Variantes, TLs e Kombis arrefecidos a ar. Nesses não há risco de superaquecer por vazamento de fluido… xD

                    • experientdriver

                      Depende, se vc apresentar novos fatos contrários que enriqueçam a discussão, poderá convencer. Caso contrário, a opinião permanece a mesma.

                      Quanto aos motores da VW é verdade, ao menos este modo de falha não existe !

                    • reuelrp

                      Na teoria é tudo muito lindo… Até o dia que você tem uma puta dor de cabeça e tiver que chamar o guincho… Aí nunca mais vai querer ficar sem o "obsoleto" termômetro.

      • Rodrigo

        Existe a luz espia correspondente para motor aquecido que acende em vermelho ao dar a partida (para testá-la) e só volta acender caso o motor superaqueça.
        Honda Fit, Kia Picanto, Nissan March (estes são os que me lembro no momento) adotam a mesma solução e ninguém reclama.

        De forma análoga, são poucos os carros que atualmente possuem indicador gradual de pressão do óleo do motor. Arrisco em dizer que 99% dos carros oferecidos a substitui pela "luz de óleo" e ninguém reclama.

        Tudo é questão de hábito…

        • gcarlos

          Reclamam só pra ter o q falar ou colocar um defeito!? a mais no carro. Ah esse danado de termometro.

          • CharlesAle

            Pior que não,o próprio celta teve problemas com vazamento de água na bomba,o liquido simplesmente sumia,para alguns desatentos da manutenção,essa falta dágua pode causar superaquecimento,se o carro tem o termômetro você percebe a anomalia antes de atingir uma temperatura muito elevada.,eu tive um uno eletronic que a luz acende tarde demais.. .http://quatrorodas.abril.com.br/autoservico/autodefesa/vazamentos-chevrolet-celta-617815.shtml

            • ricardovsjr

              Charles, se o líquído do arrefecimento vazar, então o sensor de temperatura não será capaz de detctar que o carro está superaquecendo e, consequentemente o indicador de temperatura no painel não servirã para nada (assim como a luz, para este modo de falha em particular). Faz sentido?

              • CharlesAle

                Mas o que pega Ricardo não é tanto isso,e que,quando os ônix ficarem usadinhos,fara falta o termômetro,mesmo que esses carros não usem "cebolão"pois é o módulo,via informação do sensor de temperatura,que aciona a ventoinha,mas por exemplo,uma termostática travada em um trânsito,ocasionará super aquecimento com certeza,em um motor novo é uma coisa,mas um motor já rodado,uma fervida daquelas danifica sem dúvida,termômetro não faz falta em carro zerado,mas usado,com certeza,na minha opinião,de quem já teve trocentos carros usados e trabalhou com manutençãoo de frota Fiat e ford,pode ser que a lâmpada do ônix avise bem antes,mas nos Fiat e ford,via de regra causavam danos…..

      • reuelrp

        É exatamente o que eu penso… Parece que não estão ligando mais pra isso muito não… Nem o C3 que é um compacto "premium" tem esse termometro… Fora um monte de outros carros populares. Da linha chevrolet, todos que tem esse painel (Cobalt, Spin, Onix, Sonic e em breve Tracker). Tá difícil viu!

        • CharlesAle

          Esse termômetro pode não fazer falta quando o carro é novo,mas depois de usado,quando componentes da refrigeração estiverem desgastados,como termostática,bomba dágua,sensor de temperatura ou "cebolão",faz falta sim….

          • CyborgPilot

            Charles, é isso que eu tento explicar aqui, mas ninguém parece ter boa vontade pra entender. Fazer o que né? Deixa pra lá.

            • Edson Roberto

              Segundo alguns aqui… isso se chama dor de cotovelo. Para outros como nós são detalhes ridiculos retirados dos carros sem qualquer questionamento dos donos.

              Além disso, é um absurdo uma defesa de um carro que não muda NADA para o de entrada e quer justificar um aumento de preços absurdos para ter um motor mais forte e alguns itens a mais.

              • Rodrigo

                Ah tá… A GM, VW, Ford, Honda, BMW… Todas deveriam fazer um referendo pra saber dos atuais proprietários se elas devem ou não tirar o ponteiro do termômetro do motor nos próximos lançamentos. Como se eles fossem obrigados a continuar comprando os lançamentos da marca.

                Hahahaha, menos vai. Beeeeem menos.

  • É engraçado, que há coisa de uma década atrás, haviam ainda uma boa diferenciação no nível de acabamento dos populares.

    Lembro quando meu irmão comprou o Gol Turbo (geração 3), zero, pagou uma nota, mas o espanto (no bom sentido) que me causou o acabamento: era condizente com médios dos mais bem acabados.

    • gameshark

      O maior retrocesso entre gerações que já vi. Gol g3 para g4.

      • Põe retrocesso nisso! Não foi a toa que a 4 foi a única geração que a VW não manteve a anterior como carro de entrada.

    • marciors01

      Impressão tua, o acabamento do g3 era bom mas longe do acabamento dos médios.

      • DCald

        Exato! Aquele plastico do painel quebrava a toa… melhorou um pouco no "G3,5" qdo saiu os plasticos claros e entrou os mais escuros, mas mesmo assim, muuuuuuuuuuuuuito longe de um golf, astra, focus da epoca…

  • MuriloSoares

    O Problema maior, continua sendo preço na versão top e o design horrível da GM, a tampa traseira foi um aborto saído das pranchetas!

    • AMLAJD

      Foi mesmo. Tenho visto a traseira desse carro nas ruas e é uma aberração mesmo.

  • Lord_Hds

    Eu fui conhecer o Onix em uma css e o carrinho é bem espaçoso por dentro! Eu tenho 1,92m e me acomodei muito bem no banco traseiro e nem cheguei perto de encostar a cabeça no teto, e olha que o banco do motorista estava regulado para uma pessoa de 1,80m! Quanto à posição de dirigir, eu achei ela um pouco elevada para a minha altura (até parece que esses carros saem de fábrica com o banco do motorista adaptado para mulheres), mas nada de anormal, visto que eu sinto a mesma sensação em outros carros, devido à minha altura elevada. Outra coisa que eu não gostei foi da posição do puxador das portas dianteiras, estão numa posição muito baixa e nada ergonômica (você tem que fazer um certo contorcionismo para puxá-las). Mas no aspecto geral, o interior me agradou.

    • bedotRJ

      O espaço é bom, mas não é o top da categoria. O irmão Agile e, especialmente, o Sandero são bem mais generosos nesse aspecto.

      • luciano_sp

        Mas no conjunto o onix é bem superior aos dois

      • JoaoMartini

        Temos um Fox Prime aqui em casa e acho o espaço interno ótimo (Inclusive o espaço para as pernas é maior do que no Agile. Já na largura deve um pouco, mas não é por muito). Tenho 1,80 e com o banco da frente todo para trás me sobra quase 1 palmo para os joelhos, espaço digno de sedã médio. Aliás, é um ótimo carro. Fica a dica para o Eber, assim que todos os lançamentos forem avaliados, que avalie um Fox Prime.

  • aleneo2

    7 MIL a menos mas vem sem o my link e sem o ar condicionado se adicionar os 2 o valor fica 3800 mais caro, mas que ainda nao justifica:

    vidros traseiros 700 na Css
    retrovisor eletrico 700 na css
    jogo de roda de liga 1500 a 2000 na css
    farol de neblina 300 na css
    ar condicionado 2000 site GM
    My link 1200 site GM

    considerando isso temos uma diferença de 6900 reais o que ta dentro do valor de css, só que a ideia tinha que ser q comprar a versao de fabrica fosse mais barato que instalar os acessórios.

    • AventadorMan

      Os dispensáveis seriam roda de liga e farol de neblina R$ 2.300 a menos que já é um valor considerável (paga o seguro e ipva heheh) mas o resto acho interessante ter num carro desses

      • experientdriver

        Eu acho que da forma como o NA está colocando que a dferença é de 7mil está confundindo o leitor.

        Acredito que seja até mais interessante comparar as versões LTZ e a LT mais completa, pois a diferença de conteúdo entre ambas resume-se a rodas de liga, faróis de neblina, vidros elétricos traseiros, espelhos retrovisores elétricos e computador de bordo por uma diferença financeira de R$ 3.500.

        • bedotRJ

          Sim, se vc comparar LTZ vs LT 1.4 com My Link, a diferença é menor mesmo. Comparar LTZ vs LT 1.4 sem ar me parece mesmo incongruente. mas faz sentido comparar LTZ vs LT 1.4 sem My Link. Trata-se de um opcional dispensável. Deveria inclusive deixar de ser de série no LTZ. Se eu fosse entusiasta dessa versão, toparia economizar 1,5k e levar um LTZ c/ o conjunto de som do Cobalt a levar o LTZ com My Link.

    • Rodrigo

      Mesmo equipado com todos os itens que você destacou, na hora de vender vai continuar como Onix LT no documento. Nunca será um LTZ… ;)

      • aleneo2

        Concordo, o preço de revenda vale a pena pegar o LTZ.

        mas achei que estao destacando demais os 7 mil de diferença e esqueceram que nesse valor tambem falta o mylink e o ar condicionado, pesquisei no site da GM para ter certeza.

        e analizando pontualmente todos os itens eles estao caros por nao serem acessórios e sim item de série, mas estao no mesmo preço de que comprar o LT e rechear ele de opcionais.

      • Edson Roberto

        Eu DUVIDO que a diferença de preço do 1.4 LT com todos os itens opcionais e o LTZ será tão diferente na revenda. E já prevejo até alguns LTZ a preço de LT.

        Vai ser bonito anunciar na revenda o Mylink e rodas de liga, já que praticamente o resto o brasileiro não dá tanta atenção.

        Eu penso que, se vc paga R$36000 no 1.4 com ar condicionado e mylink (estou supondo) e R$40000 no LTZ, não acredito que os preços sejam tão diferentes na hora de revender. Pelo menos é oque sempre vi principalmente entre os carros da Chevrolet. (exceto o Celta)

    • luciano_sp

      O farol de neblina varia de 650 a 700 reais dependendo do modelo temos que incluir tambem os alto falantes que nas outras versões não possuem

  • bedotRJ

    P/ os R$ 37.290,00 da versão LT 1.4, este interior fica ajeitadinho. Prá R$ 41.990,00, aí já fica meio pobre. Mereceria algumas diferenciações, como ocorre na linha Cobalt, onde o LTZ dispõe de material aveludado de melhor qualidade nos bancos, além de algumas outras vantagens. Prá baixar o preço do carro, ao invés do My Link, poderia haver uma versão com o ótimo som do Cobalt LTZ, por uns 1,5k a menos. Tenho certeza que o mercado receberia melhor essa opção.

  • Anderson_sp

    Só faltam reclamar que o carro não tem afogador, um barômetro, um catavento e uma biruta……………é tanto mimimi que as montadoras futuramente poderiam fazer carros sob encomenda a gosto do cliente, não tem um carro que se salva hoje em dia para alguns, pelo amor !!!

    O carro está longe de ser perfeito como qualquer outro, mas se apegar a detalhes mínimos alguns que praticamente inexistem hoje em dia pra diagnosticar o carro como ruim é o cúmulo.

    • Cardoso

      Parabens Anderson, excelente seu comentário.. se Deus nao agradou a todos imagina um carro!!!! caramba, nao gostou… nao compra e pronto… procure outro que lhe agrade. O carro é perfeito apesar de ser um pouco caro, mas é isso mesmo, ter um publico diferenciado que esta disposto a pagar pelo valor. Agora querer termometro, barometro, pirometro, letrinha no painel, luizinha no saco do porco, banco com liga de elastitanio.;…. vao caçar marido viu…. fala sério… peça um carro sob encomenda… é muito mimimi…….

  • rharruda

    É bem um carro de imagem, mas por 42 k eu arriscaria um fox prime ou punto essence. Poderia ter uma acabamento melhor nessa versão.

    • AMLAJD

      Carro de imagem isso?

      • Edson Roberto

        Ele quis dizer relacionado a versão que é de topo.

        Algo que existe no Fox Prime, que tem alguns itens que o diferenciam da versão de entrada. Foi mais isso mesmo….

  • fla_shun

    Eu acho que eles se inspiraram no Civic….

  • W_Costa

    A GM está de parabéns, o Onix ficou muito bem acabado internamente, coisa que não se via a um bom tempo nos carros de entrada dessa marca, mas muitos (assim como eu) se decepcionaram com os rumos que a GM tomou aqui no Brasil, pois o design derivado dos Opel era muito bonito e marcante (Ágile e Cobalt foram os grandes precursores dessa decepção), com certeza o Ágile está com os dias contados, só falta agora o Cobalt, talvez o Onix sedan dê cabo dele, a assuma seus motores/câmbios, rsrsrsrs, apesar do Onix ser pequenino demais pra isso.

    • AF1979

      O Cobalt não sai de linha, pois usa a mesma plataforma do Onix. A versão sedã funcionaria mais ou menos como o modelo de chassi curto do Cobalt, caso ambos fossem o mesmo carro.

      • Edson Roberto

        AF, vc que fica bastante por dentro do mundo automotivo e especialmente da GM, sabe dizer se a mesma deverá trazer o Sail para ocupar o nicho de compacto e sedans de entrada?

  • Adriano_Silva

    Duas coisas básicas me intrigam nesse carro, posição do puxador da porta e do comando dos vidros.

  • diegoandrade1

    41 mil reais num acabamento chulo desses ! e esse porta trecos central um maior que o outro? sinceramente viu..

  • fabritch

    Não compensa comprar nenhum popular na versão top de linha, é ali que as montadoras têm suas maiores margens

    • Rodrigo

      Exatamente…

      Muito menos equipar (por fora) um basicão com os mesmos itens de um completo.

      • DCald

        Exatamente… o que tem de celta, gol, mille, uno por ai com trocentos mil de equipamentos e acessorios (muitos de gosto duvidoso) não está no papel! Dai, na hora de vender, perde-se tudo e alguns acessorios ainda desvalorizam mais ainda o carro…
        Eu sou muito mais "subir a categoria" do que ficar "gastando vela com defunto ruim"!

        No caso do Onix LTZ, acho que vale a pena espremer mais o porquinho e pegar um Sonic LT…

  • LS7

    O Onix pode até ser considerado um popular, mas só por conta do preço das versões mais baratas. Se for pelo tamanho, ele deixa os outros todos para trás, com exceção do Sandero, que pra mim está num nível bem abaixo em acabamento e qualidade de construção.
    Hoje vi um Onix e, ao seu lado, um Palio novo: parece que o Palio diminuiu de tamanho. Ficou bem acanhado perto do Onix.
    O preço de R$42 mil do Onix não está fora, se formos considerar o preço de seus concorrentes. Gol, Palio e até o novo Uno também têm preços semelhantes em suas versões mais equipadas. Mesmo o Polo 1.6, considerado um compacto premium, é menor e não oferece os mesmos equipamentos que o Onix tem.
    O preço está caro se formos considerar os preços dos automóveis no Brasil. Nesse ponto não tem como fugir do mercado.

    • Edson Roberto

      Então agora teremos que considerar preço por tamanho? Então deixe qualquer carro de lado… vamos comprar Logan.

      Em relação a preços, a propria GM começou dizendo que o Onix seria o substituto do Celta e depois virou substituto do Corsa. Em seguida, vemos que nele nada indica motivos para a versão LTZ chegar até os R$40000.

      Ainda que ele tenha itens que possam disputar com os carros citados, um Gol de R$42000 tem volante multifuncional, sensor de ré… ainda que sem um mylink da vida, tem outros itens de conveniencia superiores. Além disso, tem o Fox Prime também nesse mesmo valor que agrega mais itens. Isso falando de carros de entrada.

      Voce comentou do Palio… bem… o Palio Essence de R$42000 pode vir com air bag lateral e dualogic. Bem… vemos ai que… apesar de tudo… os itens a mais que os outros carros ofertam parecem deixar o Onix em uma situação não tão confortavel. E isso citando carros de entrada, sem começar a falar dos famigerados "compacto premium".

      Mas a grande questão é… vale a pena ter a versão TOPO De linha de algum compacto de entrada? na minha opinião, não.

      • LS7

        O Logan deixa muito a dever em acabamento e qualidade de construção.
        Quanto ao Palio e ao Gol, têm mesmo nível de equipamentos que o Onix. Se o Gol tem volante multifuncional (aliás quanto fica o Gol com esse equipamento?), o Onix traz uma central multimídia. O Palio pode até trazer air bag lateral, mas também não tem a central multimídia. Os equipamentos mais importantes são praticamente os mesmos.
        O que estou destacando é que Palio e Gol ficaram pequenos perto do Onix, apesar de terem preço até mais caro.
        O Palio traz uma perfumaria para disfarçar sua antiguidade de projeto. Aliás, os carros da Fiat no Brasil usam plataformas que só são mais modernas que a plataforma da Kombi. Isso se reflete na segurança. O teste de impacto do novo Uno mostrou isso.

        • Edson Roberto

          Bem… a antiguidade de projeto… Eu ainda prefiro estar num projeto de 4 air bags ao inves de 2. Para mim, as perfumarias que faltam no Onix o Palio oferece… e ainda… um motor superior em desempenho. De repente, sou eu o fresco que quero mais que o Onix não oferece.

          • LS7

            Numa colisão, não vai ser a quantidade de aig bag que vai adiantar, se a estrutura do carro compromete. Ademais, o Palio tem 2 air bag laterais a mais, e só.
            Depois de anos testando e conhecendo sobre automóveis (quase 30 anos), consigo criticar as características e origens de cada carro. Assim, não me deixo enganar por certas marcas que trabalham mais em propaganda, a fim de esconder as origens e características de seus automóveis.
            O Palio 1.6 tem um motor POUCO superior em desempenho. Trata-se de um motor que foi desenterrado de uma fábrica que havia fechado há quase uma decada. Esse motor tem consumo alto (gasta mais que o 1.8 que a GM emprestava para a Fiat), além de apresentar problemas na bomba d'água.

            • Edson Roberto

              Bem…
              Até o momento o Palio que foi testado era o modelo anterior e com apenas 2 air bags teve 3 estrelas.

              Voce quer mesmo me convencer que ter 4 air bags em contra partida de 2 só porque é um carro novo com plataforma nova é bom? Ainda que eu saiba que o Uno usa a mesma plataforma do atual Palio, acredito sim que na versão de 4 air bags isso ser diferente na concepção de segurança. Deve haver reforços estruturais.

              Pode ser apenas UM POUCO superior em desempenho, mas nada se compara a quem conhece, a aspereza do motor 1.4 entregando através de um cambio mais curto o que ele faz. Ao contrário do Palio (ou o Siena no qual eu me baseio em dizer do motor) em que o cambio é mais longo, mais gostoso de extrair potencia e não é aspero quando se quer ganhar potencia com o mesmo.

              Talvez para o Punto no qual reclamam mesmo isso pode ser, mas para o Grand Siena e Palio isso não é verdade. Vc fala de origens e caracteristicas…. mas até o Agile a GM foi o que? Inovadora? Só agora, que começou a fazer e também, sabemos que se ela é tão "boazinha" esse Onix seria o substituto do Celta e não do Corsa.

              • LS7

                Bom, em termos de aspereza de funcionamento, esses motores E.Torq não são nenhuma belezura. São tão ou mais ásperos que o 1.4 GM. Não é o câmbio mais longo ou mais curto que diminuem ou alteram a aspereza de um motor. Qualquer carro que queira andar mais rápido precisa subir de giro.
                Quanto ao Agile, usa plataforma com parte do Corsa Classic e parte do Corsa de 2ª geração no Brasil. A suspensão dianteira é do mais antigo e a traseira do mais novo. De qualquer forma, ainda mais recente que a plataforma utilizada pela Fiat nos Uno, Palio, Grand Siena (que de grande não tem nada).
                E apesar de alguns falarem mal do Agile, ele proporciona mais espaço e conforto que o "Grand" Siena.
                O Onix, até pelo preço, veio para o lugar do Corsa. No lugar do Celta deve chegar um modelo totalmente novo em 2014.
                E a Fiat, quando é que vai trazer alguma novidade de verdade? Ou será que vai continuar requentando essa plataforma antiga do Palio de 1996?

    • W_Costa

      Ainda prefiro um Palio Sporting, anda bem mais e muito mais "torcudo", que dá mais prazer ao dirigir, também custa 42 mil, pequeno por pequeno, prefiro um que ande mais, também vi o Onix ao vivo e não achei tudo isso não. E numa condução "natural" vai acabar sendo mais econômico (fato relatado pelos donos do carro), pois precisa girar bem menos que o "1.4" da GM pra "empurrar" o carro.

  • Froid_Dalton

    Eu entrei no Onix e o acabamento dele me impressionou, positivamente. Um salto enorme de qualidade em relação ao Agile, por exemplo. E esse cluster "de moto" foi uma sacada muito bacana, eu gostei.

    • Marco_Aurelio

      Realmente é melhor mesmo, mas comparar qualquer coisa com Agile é covardia. Aquela marmota daquele carro já devia ter sido descontinuado há muito tempo. Feio por dentro, pior por fora. Uma lástima realmente.

      • Froid_Dalton

        concordo

  • duduguazzi

    Um carro dito moderno como o Onix deveria ao menos ter cinto de 3 pontos para todos os ocupantes e o terceiro encosto de cabeça atrás. Mas fazer o que, vamos ter carros com abs e air-bag duplo de série por obrigação da lei mas se bater o passageiro do meio morre por falta de segurança barata e básica.

    • LS7

      Realmente a falta do cinto de 3 pontos e apoio de cabeça para o passageiro do meio faz falta, mas em vários carros do preço do Onix, simplesmente não cabe um terceiro passageiro ali.

      • duduguazzi

        Eu percebo essa falta de espaço mas creio que a partir do momento que no documento do carro consta 5 passageiros de capacidade em algum momento,por mais apertado que seja, voce pode vai levar 5 passageiros.

  • Marco_Aurelio

    Podiam ter fotografo o minúsculo porta-malas pra gente ver. O do HB-20 é maior. E é mais carro que o Onix também. Dúvidas? Um test drive resolve o problema :)

    • luciano_sp

      O hb 20 posuem suas qualidades o por malas ser maior cerca de 20 litros um motor mais moderno mais o onix o espaço interno foi mais aproveitado o cambio na minha opinião é melhor peça de reposição mais facil de encontrar e manutenção corretiva mais barata não estou falando de manutenção preventiva ja pensou quando estes motores do hb 20 começar a dar problemas não ficara barato pois estes motores são imporotados da coreia

    • Marcos Ribeiro

      Bom dia, o HB20 tem motor 1.6 o Onix tem motor 1.4, a vantagem é só no porta malas mesmo pois os valores do HB20 e e a manutenção, são bem mais salgado.

  • Rodrigo

    É bem o que o autor do texto afirmou: a versão LTZ (completa) é bem equipada, mas cobra a mais por isso, aproximando-se demais de versões básicas de "compactos premium", cujo acabamento é mais refinado.

    Digo isso pois fui ver um Onix LTZ e acabei pegando um Sonic LT, sendo que a diferença de preço foi de R$2 mil apenas. Digo apenas, porque é outro carro. Motor mais ágil, acabamento mais moderno e com mais itens de série que o Onix.

    • Edson Roberto

      Nesse caso, considerando apenas o conjunto e itens de série… o Sonic tenha sido uma melhor escolha mesmo. Ainda que, não tenha tido o mylink, eu optaria por mais motor como vc.

      • Rodrigo

        Não é só mais motor. Apesar de compartilharem a mesma plataforma e muitas peças, são completamente distintos em termos de acabamento e qualidade construtiva. E é até justificável, já que são de categorias diferentes.

        E eu não vi vantagem nenhuma nesse Mylink. Qualquer central multimídia xingling oferece mais beleza e recursos, custando menos.
        Inclusive estou vendendo uma central da Sony (XAV-W62BT) do meu antigo carro, quem tiver interesse é só avisar.

  • fabiosne

    Nunca utilizei um carro com painel digital de velocidade. Acho legal a ideia, mas só acho que eles poderiam fazer um visual mais bonito, que não deixasse um visual que as pessoas pudessem ficar comparando com moto. Teria que ter um visual que nem se passasse pela cabeça das pessoas comparar com moto, porque com todo respeito aos apreciadores de moto, mas moto é um veículo inferior a carro em quase todos os sentidos, mesmo que a moto custe 80 mil. Tirando o fator desempenho, que na moto é mais fácil ter melhor do que num carro, o restante é moto. Não tem o mesmo conforto, nem a mesma segurança, mesmo comparando até com o carro mais simples, é moto, é um veículo pra ser mais prático ou pra quem gosta da emoção de ficar ao vento ao invés de estar num carro, que é fechado por todos os lados, mesmo com as janelas abertas não é a mesma emoção de uma moto. Fora isso, moto é inferior. Os apaixonados por moto vão discordar e acharem diversos motivos pra dizer que moto é melhor, mas isso é porque eles são apaixonados por moto, e quando se é apaixonado por algo, não se vê os seus defeitos ou inferioridades em relação as outras coisas. Sendo assim, acho muito legal um mostrador digital de velocidade, só acho que o desenho teria que ser melhor. Eu não gostaria de ter um carro que me lembrasse uma moto. Fora que o formato do desenho ali que engloba o conta giro e velocímetro digital parece mais um pênis do que qualquer outra coisa, rsss. O pessoa do design pode muito bem fazer algo melhor vai…….. A impressão que dá é que na hora da escolha tinha opções melhores vindo dos designs, que obviamente veem com vários desenhos para ser escolhido um, e eles escolhem o "mais ou menos" de propósito porque não querem colocar coisas num carro de 41.000 que sejam melhores ou mais bonitas que num carro de 60.000. Claro que podem, é só um mostrador. Por que não fazer um bem bonito de verdade? Só não fazem porque não querem.

    • LS7

      Na boa, esse painel foi uma grande sacada da GM. Quem constuma usar um, sabe do que estou falando.
      As informações ficam condensadas, mas facilmente identificadas.
      Não duvido nada que num futuro próximo a maioria dos automóveis irá utilizar um painel semelhante.
      O fato de alguns dizerem que se parece com painel de moto não diminui a beleza do painel. Os paineis digitais das motos são os mais bonitos e completos.
      Por outro lado, os paineis que utilizam relógios redondos ou quadrados com ponteiros também lembram os paineis das motos mais antigas. Não é mesmo? (como diria Chico Anísio na personagem Salomé).

    • W_Costa

      Puts, é mesmo…hehehehehe, toda vez que olhar pra esse painel vou lembrar do sua "observação", rsrsrsrs……

  • DCald

    Edson, observe, conte, anote e depois faça as contas. A maioria parada no acostamento em engarrafamento é Fiat. Familia 147, uno, palio, tipo e tempra… punto, bravo e Stilo nunca vi por problema de aquecimento… mas os outros que eu citei são figurinhas carimbadas!

    • Edson Roberto

      Daniel, conte quantos Chevettes (dos poucos que rodam ainda), Kadett, Ipanema, entre outros da GM que ficam quebrados também. Um bem conhecido é o Monza e Opala.

      Ford? Escort é o que mais aparece, seguidno de Ka e Fiesta. VW? Quem não viu Gol que atire a primeira pedra…

      O que eu quero dizer é… todas as marcas tem modelos que quebram e vemos nas ruas… e os numeros são parelhos…

      • DCald

        Por superaquecimento? poucos!

        Carro velho é muito mais facil quebrar, até pq a manutenção feita é coisa exemplar nesse país em que todos fazem as revisões em dia com peças genuinas, né? hehe

        Mas, ferver em qualquer congestionamento? A maioria é FIAT! Outro que costumava ferver, mas é raro de ver nas ruas, é o Ferveclick, digo, Maverick! hehe (atiçando o odio dos Maverickeiros).

        Sério, acho o Maverick V8 muito legal, mas, definitivamente, é um carro que ferve com facilidade.

  • Mr. Car

    O Onix LTZ ia ficar bem legal com interior clarinho e em veludo do Cobalt LTZ, ou como no Agile LTZ.

  • rattrap587

    Gostei da matéria, bem "pé-no-chão" – Escreveu o que viu, sem xurumelas ou esse negócio tão comum nos blogs automotivos, que é a "puxação de sardinha" para o lado da montadora… Resumo da ópera desse Onix LTZ pra mim é: O carro não vale quanto pesa e acabou!

    • W_Costa

      Concordo com seus dois pontos de vista, por isso, gosto do NA, e esses populares requintados realmente não valem pagam 40 a 45 mil, tem coisa melhor, com certeza.

  • Vitão

    Achei ridiculo esse puxador da porta….. Está mal posicionado…..

    Eh impressão ou o carro não vem com o tampão traseiro?!

  • personalfabao

    Acho q a versão mais em conta do Onix é a LT 1.4. Já a LTZ tá mto cara p/ um carro popular, assim como as versões top de linha dos seus concorrentes. Apesar dessa matéria tá esculaxando o acabamento do Onix, eu acho q o acabamento dele não deve nada p/ a concorrência tbm, e se duvidar o acabamento de alguns concorrentes pode ser ainda pior.

  • sdrmiguez

    A versão top não vem com tapete, é isso mesmo?

    • jefersonassissoares

      uma Hyundai Santa Fé top de 120mil não vem com tapete… nada de surpreendente…

      • sdrmiguez

        Como nada de surpreendente? Geralmente isso acaba sendo uma cortesia da CSS. Agora no caso de uma versão TOP, de um lançamento, cedido para avaliação, a meu ver, torna-se quase uma obrigação.

        • jefersonassissoares

          Cara, onde você viu que está sem tapete? Toda concessionária acaba dando tapete (borracha) como cortesia, e além do mais você nem viu as fotos, pois o carro cedido ao NA tem os tapetes originais (e especiais do modelo) com o logotipo… comece a ver as fotos antes de criar tumulto….

  • W_Costa

    …comprar carros populares a preço de "premium", a maioria do "povo" age assim mesmo, sai pra comprar um carro popular de 30 mil (cai na tentação dos equipamentos a mais) e volta pra casa com um popular a preço de "Premium" ou até de médios. Eu inclusive comprei um dito Hatch "Premium" a preço de popular e o que ouvi da maioria das pessoas foi:
    "Como você vai pagar?!"
    "Esse carro é muito caaaro!!"
    "carrão hein!"
    "tá podendo"
    Me sinto orgulhoso ao ouvir essas expressões, porém se tivesse feito o inverso e investido por volta de 45 mil num popular…., com certeza ouviria também expressões de surpresa, mas que me deixariam sem graça.

  • Pacheco

    Pra valer a pena, a GM deveria ter colocado o volante da Spin LTZ com os controles no volante. Espero que o automatico tenha o Piloto automatico.
    E claro, os bancos do Cobalt tb. Ja que é pra matar o Agile, caprixa.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend