Avaliações Citroen Minivans

Avaliação NA – Citroen C4 Picasso 3 – Comportamento e consumo na cidade

citroen-c4-picasso-cidade Avaliação NA - Citroen C4 Picasso 3 - Comportamento e consumo na cidade

Você pode até ter estranhado que nas duas primeiras matérias que fizemos sobre a minivan Citroen C4 Picasso, apenas tecemos elogios ao modelo, sem criticar nada. Mas é que o visual e também a vida a bordo da C4 Picasso são realmente muito elogiáveis. Só que isso não se estende muito aos momentos depois que giramos a chave e damos a partida.



A minivan tem um bom comportamento, isso temos que admitir. Sua suspensão é bem macia, os bancos são confortáveis, do jeito que um carro familiar tem de ser. Temos um bom espaço interno tanto na frente como atrás e seus equipamentos de série trazem um bom conforto.

Aliás, um detalhe pequeno, mas que me agradou demais foi o freio de estacionamento elétrico que liga e desliga sozinho. Como assim sozinho? Bem, digamos que você acabou de ligar o carro. Engatou o D e acelerou. Não precisa desligar o freio de estacionamento, ele percebe que você está acelerando e desliga sozinho.

A mesma coisa acontece quando você para o carro e desliga a chave. O freio é acionado sozinho. Estes detalhes são muito bons para quem entra e sai do carro toda hora. É uma mão na roda. Só que depois de falar do lado bom, temos na hora de acelerar temos aquele velho problema dos modelos atuais da Citroen.

Estamos falando da mistura desagradável de peso de mais e motor de menos. Acontece em quase toda a linha da Citroen. O C3 tem um bom desempenho com motor 1.6 16v, mas C3 Picasso, C4 e Xsara Picasso ficam lentos com o mesmo propulsor.

E no topo da linha, temos modelos como C4 Picasso, Grand C4 Picasso e C5 com um motor 2.0 16v que não dá conta de seu peso. A minivan que estamos avaliando pesa 1.511 quilos, sua versão de sete lugares pesa 1.560 quilos, e o C5 também passa dos 1.500 quilos. Números que deveriam ser acompanhados de um motor maior, V6, ou pelo menos um 2.4 com uns 170 cavalos, mais ou menos.

Em todas as avaliações da imprensa voltadas para estes modelos da Citroen, os comentários são de que o desempenho é fraco ou apenas satisfatório. Poderia ser melhor, se o câmbio automático instalado tivesse pelo menos cinco marchas, mas continuamos com o velho câmbio de quatro marchas.

Ele reduz ainda mais o desempenho do motor, e aí acabamos precisando de uma certa paciência ao guiar a C4 Picasso. Se você não tiver pressa, tudo bem, as coisas melhoram e você curte o passeio, que fica interessante graças ao parabrisa panorâmico.

E por falar em desempenho fraco, quando temos um carro com essa característica, o consumo não consegue ser bom. Com o C4 Picasso, ficamos com uma média de 6,0 km/l na cidade, alternando momentos com o ar-condicionado ligado e outros com ele desligado.

Você tem que forçar mais o motor em subidas e outros momentos, além de que o câmbio automático da minivan insiste em manter marchas mais baixas quando poderia soltar um pouco mais o carro e engatar a próxima marcha.

Consegui resolver isso por sempre selecionar a próxima marcha através da borboleta para trocas de marcha que existe atrás do volante, mas mesmo assim o consumo ficou ruim.

5.0

  • shdn2010

    Como disse no post anterior, não existe nenhuma razão para investirem em motores novos e caixas novas, o que tem por aqui vende e da lucro. Agora acho incrivel como alguem pode comprar um carro com uma porcaria de cambio com 4 marchas e um motor tao fraco para este tipo de carro. O carro so nao é perfeito por causa do conjunto mecanico.

    • JPaulo10

      Enquanto vender a quantidade que for importada, por que mudar o motor/câmbio?
      Mas gostaria muito de saber sobre as vendas desse modelo na Espanha e França. O motor é diferente?

      • geoshina

        Na Espanha:

        Gasolina: 1.6 120cv de potência ou 1.6 Turbo 156cv
        Diesel: 1.6 com 112cv de potência ou 2.0 HDI com 150 ou 163cv

        – o câmbio pode ser manual de 5 e pelo que entendi automatizada de 6 ou automática de 6 marchas também, sendo estas 2 últimas para as versões diesel de maior potência

    • imagemdigitalcv

      Estou respondendo para você, nada pessoal, apenas aproveitando o post… Acredito que está na hora do pessoal passar a experimentar e parar de acreditar apenas em uma visão unilateral. Já tive toyota, nunca tive honda, estou pensando seriamente em comprar um nissan. Concordo plenamente que o câmbio automático de quatro marchas da citroen é ruim, foi por isto que optei pelo manual, C4 Pallas manual 2.0 GLX. Média na última viagem (740 Km com 50 litros de gasolina, o que dá uns quase 15 por litro a 120 km/h) ( média na cidade 6 km/l alcool – A ecosporte da minha sogra faz a mesma coisa, o que diz que não é só carro da citroen que gasta). Estrada, não sou de racha, mas se precisar dirijo bem e posso passar dos 200, o meu cortou a 211 km/h no velocimentro o que comprova que ele pode passar de 200 e bem rápido, corolas e civics 1.8 ja passaram vergonha, 2.0 ainda não tive a chance, mas gostaria). Agora pergunto, o meu carro não pesa tão menos assim e tem o mesmo mortor, que na maioria dos casos parece sempre estar sobrando. Saí da mesmice e não arrependo, paguei 49000 mil no meu a um ano e 3 meses atrás, estava com 13000 rodados, a pouco recusei 43000 mil. perca 7 mil em mais de um ano. Um colega meu comprou um corolla no mesmo tempo pagou quase 70000, hoje esta pedindo 52000 mil, mais ou menos 18 paus a menos, quem desvaloriza mais, melhor pagar menos e perder menos não acha, e em conforto sem comentários. só quem teve os dois para comparar, o corolla fica parecendo um gol….

  • BlueGopher

    Interessante o freio de estacionamento elétrico que liga e desliga sozinho.
    O cara se acostuma com ele, aí vai passear com o carro do amigo, estaciona numa ladeira e desce, sem puxar o arcaico freio de mão, claro (freio de mão? o que é isso?).
    Vai dar cada acidente…

    • DCald

      Cara, e a DH? e o retorno automatico da seta? (meu BR800 nao tem! hehe)… e as travas eletricas? (o golzinho da empresa nao tinha, dai acabava esquecendo alguma porta aberta) e os vidros eletricos que sobem sozinhos? E farois que desligam com a chave? E cambio automatico?

      Só sei que as comodidades sao muito bem vindas! aos poucos vamos nos acostumando com elas e dai nunca mais queremos carros com o sistema antigo…

      • BlueGopher

        Sabe que o meu X-12 também não tem nada disso, e eu o curto mais do que meu outro carro com tudo elétrico, mesmo no trânsito!
        Temos que tomar cuidado com as comodidades excessivas, hoje em dia a gente é mais pensada pelo meio ambiente moderno do que pensa, até o carro virou nossa babá, está ficando mais inteligente do que o motorista…rsrs.
        Abs pro BR800 & dono.

        • DCald

          Parabens pelo X12! brinquedo bem legal! (principalmente na terra! hehe)

          Entao, esses dias eu estava vendo… meu smartphone sabe mais coisas que eu! hauhauhau… numeros de telefone, e-mails, etc nem consigo guardar mais (e eu tinha extrema facilidade para isso!) Sem contar que qualquer coisa digita ali na busca do google e pronto… dai o cerebro vai se acomodando e para de gravar informacoes! hehe…

  • YoOdEx

    O fator mais importante que considero em uma compra é o conjunto motor/câmbio/peso. Gosto de carro que responde ao acelerador. Não precisa ser uma máquina de corrida, mas um carro que atenda o que você precise é o suficiente! Não suporto acelerar um carro e não acontecer nada. Ou você acelera e o cambio automático reduz a marcha, sobe o giro e nada de resposta. Logo esse Citroen é um carro que não me atenderia 100%

  • Henrique de Campos

    Se a Citroen sempre fez questão de se mostrar a marca "top" , reservando o posto de marca "popular" para a Peugeot (ou pelo menos ela assim gostaria que o público enxergasse), o mesmo não se aplicou à parte técnica desta van.
    Não entendo como a PSA não disponibilzou um C4 Picasso com o THP 1.6 para o Brasil, afinal, opção lá fora já existe lá fora.
    Burrice tremenda, ou falta de interesse com o consumidor brasileiro. Não é preciso de um motor 2.4 com 170 cavalos e maior apetite de combustível.. a solução está pronta… vai entender!

  • Daniel, dá uma olhada na nossa última postagem, que foi o vídeo de detalhes do modelo, lá comentamos sobre isso.
    https://www.noticiasautomotivas.com.br/video-avali

    • DCald

      Entao Eber, já tinha visto o video…
      é que o problema que eu vejo é principalmente a altura entre o assento e o piso… nesse caso, para pessoas mais altas, vc fica com o joelho muito levantado, o que é desconfortavel em longas viagens… Se pudesse tirar as medidas ficaria mais facil de explicar o que acontece…

      • O problema é que avaliei esse carro no final do ano passado. Nós não publicamos no NA a avaliação simultaneamente com o carro que estamos no momento, pois precisamos produzir avaliações com antecedência para nunca ficar sem avaliações para publicar.

        Além disso, temos o problema é que em certos momentos do ano, conseguimos vários carros diferentes para testar, já cheguei a ficar com três carros de avaliação de uma só vez aqui na minha garagem.

        Então, como cada avaliação demora uns 20 dias para ser publicada no NA, temos que ir jogando pra frente. Por exemplo, depois da C4 Picasso e do Palio, eu já avaliei uns 5 carros diferentes.

        Está tudo agendado aqui para ir sendo publicado no NA.

  • Acelerando

    Bonitinha mas ordinária.
    Um motor fraco além de tirar o prazer de dirigir torna o carro mais inseguro, na minha opinião.

  • WorthWRT

    Eber,
    por falar em desempenho agora fiquei com uma dúvida.
    Você testou o CR-V, e assim como a picasso, possui um motor 2.0, cerca de 150cv, cerca de 19kgfm de torque e cerca de 1500kg. Ou seja, em termos de mecânica e peso são praticamente os mesmos. O desempenho ficaria por conta do câmbio de 5 marchas do crv contra 4 da C4 Picasso. Eu sei que são categorias diferentes e etc, mas em termo de resposta na cidade, são bem parecidos? As aceleradas são equivalentes?

    att

    • Ah sim, eu diria que os dois modelos são fracos, para aquele tipo de pessoa que não tem muita pressa. O CR-V é melhor na parte do câmbio mesmo, mas o rendimento dos dois é fraco.

      • Edson Roberto

        Eber, mas ainda nessa questão, qual anda melhor? o Honda com 5 marchas ou o que possui um pouco mais de torque mas tem 4 marchas?

        • Eu diria que o desempenho dos dois é bem parecido.

  • Marcelo_Machado

    Consumo de Etanol só que com Gasolina.
    Realmente é um excelente carro, com muita tecnologia e itens de conveniencia para o condutor e a família, muitos até inéditos no segmento. Tudo isso por um bom preço.
    Mas a verdadeira conta e custo real do carro vc paga no posto de gasolina.

    • É, basicamente eu postei a mesma "reclamação" abaixo: um excelente carro que peca onde é mais importante, motor e câmbio.

    • DCald

      Dai vem os exxxxpertos dizer que com 50mil vale mais a pena comprar uma C4 Picasso 2009 do que uma Meriva 0km, por exemplo… hehehe…

      Dai na hora de pagar a conta do dia-a-dia vc ve o que é bom negocio

      • Marcelo_Machado

        Aí tb depende do espaço que a pessoa precisa. Às vezes não tem como ela fugir de um modelo maior e mais gastão.

        • DCald

          Mas dai a C4 picasso só ganha da meriva de 50mil por ter um portamalas um pouco maior…nada muito significativo… Se pegar um Cobalt ou Logan por exemplo… tem espaco para 5 confortavelmente e portamalas "mais maior de grande"

  • Eu amo esse carro de paixão… mas não dá pra encarar com esse motor.
    Acabei ficando com a jurrásica Zafira Elite, semi nova. Se você comparar o interior de ambas, sem comentários, C4 Picasso está uns cem anos na frente.
    Mas aí entra custo de manutenção, consumo (6.5 na Zafira automática), e conjunto motor/câmbio. A Zafira ainda usa a velha caixa Aisin de 4 marchas, mas conta com um motor de torque abundante. É uma maravilha pra viajar com a família.

    • DCald

      Na Zafira, pode ter certeza que vc tem mais conforto para os passageiros (principalmente no banco traseiro – intermediario, no caso)…

      Eu gosto muito da Zafira, mas gostei mais da Zafira II hehehe… pena que nao tenho grana pra pegar (e manter) uma Elegance 0km… se tivesse, comprava mesmo sabendo que esta saindo de linha (alias, acho que até correria pra comprar antes de sair de linha! hehe – o futuro parece sombrio!)

      • É, dizem a bocas miúdas que a Zafira atual vai deixar muita saudades.
        E uma semi-nova, com uns 20 mil? Eu peguei a minha com quase 50 mil, fiz uma boa revisão, e depois disso, só troca de óleo e o alto consumo.

        • DCald

          nao existe semi-novo… ou é novo ou é usado… o duro é saber COMO foi usado! Já vi cada carro ai com baixa km e todo zuado que tenho até medo… sem contar que eu sou chato pra caramba… entao, qualquer risquinho ou defeitinho já me desanima… Alem disso tem o lance da garantia e tal…

          Alias, sobre carros com baixa km… quem compra carro e troca logo nao faz manutenção, pois sabe que já vai trocar… e dai é bucha… já vi nego comprar Civic e rodar 50mil km sem trocar oleo… sem contar que nao fez as manutenções e tal… imagina a beleza que tá o motor?

          • Sim, sim, só falei o termo "semi-novo" porque é o que o mercado usa. Mas usam pra qualquer carro, até com 20 anos.

            Realmente, é BASTANTE trabalhoso comprar um usado. Depois de eu separar os melhores, levei eles num mecânico de confiança. Todos tinham um risquinho, ou outro, e também sou super chato com isso. Mas vejo o fundalmental: se o cara cuidou bem, fez manutenção, etc. E depois os risquinhos eu arrumo.

            Mas sabe um conselho bastante idiota que faz todo sentido que um amigo me deu (e eu usei pra comprar a Zafira)? Comprar pela placa. Geralmente caras mais exigentes, como a gente, exigem até a numeração da placa. Por coincidência, minha Zafira é 0707, Elite, com TODOS opcionais. O cara cuidou dela como um filho.

            Mas você tem TODA razão, é MUITO trabalhoso comprar um usado, além de precisar de um pingo de sorte. Por isso não posso dizer "um A" contra seus argumentos.

            • DCald

              Sobre a dica da placa… conheco um exemplo que joga essa teoria por terra… hauahuhau…
              Um amigo meu comprou um carro para a esposa, ela escolheu uma placa (cheia de significados)… mas sao bem distraidos qto a manutenção e forma de guiar o carro…

              Mas, concordo, em geral, quem escolhe placa pretende ficar um tempinho a mais com o carro, e, teoricamente, seria alguem mais cuidadoso…

              • DCald, claro, concordo que minha frase "comprar pela placa" foi infeliz. Mas quis dizer, em alguns casos, um carro usado, geralmente com todos opcionais, bem cuidado tanto esteticamente, quanto mecanicamente, traz uma placa escolhida a dedo.

                Claro que muita gente não liga pra placa (eu mesmo não ligo).

                Se quiser, nem precisa ler mais. Se quiser, senta que lá em história: foi uma constatação que meu vizinho fez, e eu notei depois. A gente começou a procurar junto, por um carro maior, pra viajar com os bebês (ele também teve filhos na mesma época). Também queríamos que fosse automático. Procuramos com calma, e nenhum de nós achou algo que valesse a pena aqui nas cidades pequenas do interior de São Paulo. Ele achou na grande São Paulo, e eu em outra cidade grande do interior. Eu peguei a Zafira Elite, e ele um Focus Sedan Guia, extremamente impecável. Depois que ele comentou o lance da placa (o carro dele também tinha estas combinações escolhidas).

                Como você bem apontou, não é uma regra pra seguir, talvez apenas uma curiosidade.

      • _Lex_

        Eu não acho mais conforto no banco intermediário da Zafira que da C4P, os da C4P são individuais e semi-rebatíveis, o que dá uma sensação muito boa principalmente em viagens.

        Quanto ao motor, creio ser compatível com a finalidade de um carro familiar, não é lá grande coisa mas dá uma segurança em ultrapassagens, principalmente com a facilidade de reduzir a marcha rápido pela borboleta.

        Consumo realmente é alto, mas é o preço do conforto, para quem não roda muito não sente tanto.

        Agora falando em manutenção, sem comentários….

  • Quanto ao teto panorâmico: minha Zafira tem teto solar. No começo foi pura empolgação. Depois notei o seguinte: durante a manhãzinha, é um pouco frio você usar ele aberto. Ao meio dia, não dá pra usar nem como teto panorâmico (fechado mas com a cobertura aberta), pois queima a cabeça demais. A noite, também geralmente é frio. Só em dias MUITO quentes que dá pra usar no amanhecer ou anoitecer.

    Em dias de chuva ou nublados, é maravilhoso. Acredito que por isso seja tão popular na Europa: dá uma iluminada muito boa no ambiente, não fica depressivo nestes dias.

    O teto panorâmico da C4 tem proteção de "tecido"? Senão, fujam dela como o diabo da cruz, caso morem em locais quentes.

    • Adriano_Silva

      O para-brisa conta com para-sol gigante e regulável, de resto recomendo película.

      • Opa Adriano, obrigado pela informação! :)

      • DCald

        Pelicula não! Por favor!

        • Adriano_Silva

          Realmente é um carro que fica muito estranho com película, devido à grande área envidraçada fica meio disco voador rsrsrsrs, mas o conjunto para-sol e rede nos vidros laterais traseiros amenizam bem a incidência de luz sem falar no show que é o ar condicionado.

    • DCald

      Na verdade, o teto SOLAR… é justamente para lugares frios… onde, no inverno, o sol é raro e deve ser aproveitado ao maximo! Mas muita gente compra apenas "de bonito"…

      Com a proteção de tecido do C4 acaba ficando igual um parabrisas convencional…

  • lucaomc

    Realmente Eber, mais perguntei isso na concessionaria qdo eu tinha minha c4, e eles disseram que é por causa do controle de estabilidade, ele com a marcha mais baixa e giro mais alto, vc esta sempre com o carro preso pra entra em curvas fechadas com mais segurança, ou ate mesmo ter que desviar de um obstaculo derrepente. Mais realmente o consumo dela piora por conta disso….

  • Jr_Jr

    Sou bem alto(1.95m), então sei do que você esta falando, senti isso no C4 Picasso e também no Aircross. Realmente uma falha!

    • DCald

      Já na Meriva e Zafira isso não acontece… e viajar nelas é muito confortavel… Acho que nesse segmento é uma das coisas que mais conta! Dai a gente não ve ninguem falar isso em comparativo nenhum, dai qdo lancam novos modelos, nem se preocupam com isso!

  • MM_

    Esse motor é imperdoável para o C5, mas não vejo nada de errado para a C4 Picasso.

    Como o Eber falou, se vc não tiver pressa, é um carro bom. No meu ponto de vista, se vc tiver pressa, não deveria estar de Minivan. rs.

    De qqr maneira, é um absurdo a Citroen ainda comercilizar veículos com esse cambio de 4 marchas.

  • SergioMe

    Picasso C4 e Gran Picasso C4 são estoques velhos. Conforme informado acima em outro comentário, não existe mais este motor e câmbio na Europa (Espanha) onde ela é montada.
    Já corre no mercado notícia que a Citroen está tomando providências para quebrar o monopólio do Sérgio dono das concessionárias CITROEN. Assim como Hyundai, veremos até o final de 2013 alterações nestas empresas referente a venda e comercialização dos seus veículos.
    Enquanto houver pessoas que compram sem avaliar o câmbio/consumo/desempenho do veículo teremos produtos como este sendo vendidos. Ocorre que nós brasileiros precisamos realmente é dar um basta, ficar 1 a 2 meses sem comprar nenhum veículo e protestar.
    Também temos que começar a protestar contra ruas e estradas cheio de buracos. Algumas cidades já estão pintando os buracos da rua, colocando no google o mapeamento, já é uma iniciativa.

  • EFA21

    olá, gostaria de uma opinião: Um amigo me vende um grand c4 2011 por 60.000,00. O carro é grande para meu uso diário, mas analiso pela oportunidade de negócio, pois depois de alguns meses consigo vender bem acima desse preço.

    O que acham?

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend