Avaliações Hatches Nissan Populares

Avaliação NA – Nissan March 3 – Comportamento e consumo na cidade

nissan-march-cidade Avaliação NA - Nissan March 3 - Comportamento e consumo na cidade

Foi necessário pedir repetidamente um March para a Nissan, por vários meses, até conseguirmos essa unidade 1.0 para avaliação. Algumas marcas tem frotas de imprensa pequenas, então fica claro que blogs são atendidos muito depois de revistas, jornais e outros meios de comunicação. Mas o que importa é que conseguimos, e aqui mostramos nossas impressões do carrinho na cidade.



O desempenho do March é similar ao de qualquer outro modelo 1.0, não fica devendo neste ponto. Ele usa o mesmo motor 1.0 16v do Renault Clio, que é bem conhecido de muitos. O câmbio tem engates um pouco melhores do que no popular da Renault, e a primeira marcha é bem curta, entregando aquele ganho rápido inicial de velocidade que é necessário para um veículo com motor 1.0.

O peso reduzido do Nissan March, de 930 quilos, ajuda no quesito agilidade. Andando na cidade vemos um comportamento típico de carro 16 válvulas, temos aquele desempenho mais fraco até 3.000 rotações, a partir daí o motor começa a acordar e acima de 3.000 rotações ele fica bem esperto. Para conseguir um desempenho interessante com o March na cidade, basta trocar as marchas acima de 3.000 rotações.

A suspensão do March é um pouco macia, se comparamos com outros populares. Não chega a ser aquele comportamento de carro importado, com suspensão mole demais, mas vejo um bom compromisso entre estabilidade e conforto.

Em momentos onde você exige um pouco mais do March em curvas, nota-se que os pneus não ajudam muito neste ponto, pois eles são finos e tem borracha macia, cantando com facilidade e deixando o carro sair de frente em velocidades um pouco maiores. Por outro lado, são pneus adequados para quem busca conforto de rodagem.

Os bancos do popular são confortáveis, com espuma não muito dura, e sem muito apoio lateral. No assento, temos aquele problema de qualquer popular, ou seja, boa parte das pernas ficam para fora do banco, o que pode trazer desconforto depois de andar muito tempo na cidade.

A direção do March é bem leve ao estacionar e também quando estamos andando em velocidades baixas, o que é um ponto positivo no uso urbano e também para mulheres, sem dúvida.

E o consumo? Vamos falar dele. Sempre usando o ar-condicionado 50% do tempo, conseguimos 7,1 km/l com álcool e 11,5 km/l com gasolina. São números bem inferiores ao que a Nissan divulga, ela fala em 9 e 14 km/l. Mas aí nada de surpreendente, pois se você analisar avaliações da imprensa, o consumo do March sempre foi pior do que o consumo oficial.

Em tempos de álcool tão caro, sem dúvida o interessante é usar gasolina, a diferença está em mais de 30% entre os dois combustíveis. Mas foi um consumo alto para um carro 1.0, ainda mais levando em conta que esse March em questão está com mais de 14.000 quilômetros rodados, já não sofrendo do consumo alto verificado em carros muito novos.

  • mottervictor

    Com questão ao consumo , nunca é igual o divulgado . Os testes feitos pelas montadoras , sao em circuito ideal , sem ar ligado e sem pisar muito.
    Até que está bom para um 1.0 com ar 50% do tempo ligado . Espero para ver o consumo na estrada , ai vou tecer comentarios mais a fundo .
    Eber e equipe NA . Parabens pelo blog , sucesso!

    • bauboni

      O Clio, que tem o mesmo motor e quase o mesmo peso, faz 14km/l na cidade com gasolina

      • Tripa-Seca

        Mas no mesmo percurso? De repente, nesse percurso que o Clio fez 14, nas mesmas condições o March faz 15

        • Archimedes

          Deve fazer 15 não porque é mais pesado, e usa o mesmo motor… mas deve ser parecido mesmo. Eee o clio faz 14km/l, se a pessoa tiver o pé leve, mas sem precisar ficar lerdando.

          • X11auto

            Lembre que o consumo ai foi com ar condicionado a 50%, sem ar o consumo deve ser outro!

            • Paulo_T

              vou falar do meu abastecido com gasolina:
              faço fácil mais de 14km/l na cidade… e nem é com o ar 100% do tempo desligado não…
              só em estrada é muito fácil fazer mais de 17km/l… sendo q andando direitinho, já fiz muitas vezes mais de 18km/l… sendo q 3 delas bateram nos 18,5km/l… dá pra fazer mais, mas aí vai do condutor tbm…
              lembrando q o meu tem ar e o teste foi na bomba… consumo real…

              acho engraçado muita gente falar q ele é mais do mesmo sem nem ter passado perto de um…
              meu march tá com 23 mil km… outro dia um amigo q tem um Ka andou nele com um pouco mais de quilometragem e falou "nossa, não bate nada. O meu chacoalha tudo."
              Apenas vendo o consumo e esses barulhos inexistentes já o considero diferenciado… além de outras vantagens que vejo.
              o problema é q tem muito fieteiro de plantão por aqui…

              • leosilvano

                Eu tenho um 1.6 SV e acho ele um excelente carro. Saí de um Celta, que tive por 5 anos. E ele é muito, mas muito superior, inclusive no espaço interno, apesar de as dimensões não serem muito diferentes, além de ter as "frescurinhas" de carros mais caros, como computador de bordo, espelhos elétricos, porta malas acarpetado até na tampa, direção elétrica, etc.E olha que a diferença entre a direção elétrica e a hidráulica normal é gritante.

                • Paulo_T

                  seu carro é um foguete… fiz o test-drive no 1.6…
                  um ponto fraco dele é o porta-malas… mas pra minha necessidade é mais do q suficiente…
                  o espaço pra quem vai atrás acho ótimo… e acho os bancos muito confortáveis…
                  gostei bastante da suspensão tbm… e a direção é top mesmo… levíssima…

                  • blindzector

                    o March 1.6 e um Kart rs…

                    Carro leve, suspensão certinha…

                • Oba_

                  Parabéns pelo carro, só quem já teve outro compacto e tem agora o March pode dizer com propriedade se é melhor ou não, teve uma pessoa que disse que prefere um Celta do que um March os dois básico sem opcionais, você que já teve o Celta acha que o Chevrolet pode ser comparado ao March exceto pelo mesmo tamanho?

                  • leosilvano

                    Cara. Eu tive o Celta por 5 anos. O meu era o básico, apenas com roda 14 e kit esportivo. Eu tenho o March desde Novembro de 2011. Acho que o meu celta não se compara ao meu March. É o básico de um contra o completo do outro. O meu march, apesar de ter tamanho, design e acabamento de popular (tirando o porta-malas), tem mimos que nem no top do celta tem. Isso, além de ser mais estável, ter a direção levíssima, etc. Não faz barulhos internos. Não arrependo nem um segundo da compra. Quem já dirigiu o march 1.6 sabe do que eu to falando.

                    • Oba_

                      Nossa se aquela pessoa que disse que prefere Celta que oferece a mesma coisa por 8 mil a menos ler o seu comentário é capaz dele achar que você é vendedor da Nissan, brasileiro merece carroça tipo Celta mesmo, duro, barulhento, bate tudo por dentro, desconfortável, sem mimos, enfim projeto especifico para brasileiro mesmo.

                • marcosldesouza

                  Meu pai tinha um celta pra andar na cidade…Celta é sinônimo de pé-de-boi. Até a fiação aparece por baixo do painel do carro. aquele banco inteiriço me dava um nervoso só de ver. Eu tive um ka 2009 e ele batia muito mesmo…

              • Oba_

                Na verdadeiro o problema não é ser fiateiro, o problema é ser cego, fanático, irracional e ser movido apenas pela paixão, pena que o ser humano é assim em muitos casos.

              • Oba_

                Eu falei que não bate nada por dentro, diferente dos concorrentes e teve gente que disse que estava enganado, pior que o cara nunca deve ter visto um ao vivo, fantasia e fala besteira.

    • richard_sousa

      Esse carro tem taxa de compressão de motor a gasolina, daí o consumo ridículo no Alcool.
      Na gasolina ele faz 12 km/l tranquilamente.

      • YoOdEx

        Fato! Os motores Nissan de forma geral tem rendimento superior na gasolina devido a taxa de compressão mais adequada a gasolina!

        Ps.: rendimento não é melhor desempenho, é o quanto a gasolina "rende".

      • Alex_cps

        Por isso que é bom! Pelo menos para quem pretende usar sempre gasolina. Pois dessa forma ele não vai ter problemas de grilar, nem ficar manco por conta de ponto de ignição super-atrasado com a gasolina…

        Em tempo: Os Nissan também são compativeis com a gasolina pura do resto do Mercosul, assim como os Renault?

        • Acport

          Todos os motores Nissan podem rodar com gasolina pura (sem álcool), que é vendida nos demais países, da mesma forma que a Renault.

    • josenum

      Esse consumo eu tiro com meu gol 1.6 VHT…

    • macumba_online

      Fiat 500, esse final de semana indo pro litoral – 18,5 km/l – ar condicionado ligado o tempo todo.
      Na volta com o trânsito mais complicado deu 17.6 km/l…
      BR 470 e Br 101 – sempre no limite das vias, até porque tá lotado de pardal, e o transito não permite mais do que isso… (na 101 andei mais um pouco)

      • marcosldesouza

        é o 1.4 evo ou o 1.4 multiair?

        • macumba_online

          Evo. estávamos em 2 pessoas, e porta malas (miniatura) lotado…

  • ctnmartins

    Esse resultado apenas reforça que o March é "mais do mesmo"… a única novidade é ser japonês.

    • Tripa-Seca

      heheh…Nem isso ele é!

    • mottervictor

      Mexicano com mecanica francesa , e dna japones . Um verdadeiro frankenstien , literalmente

    • xam72

      Não se iluda…… uma coisa é origem da marca/filosofia de construção. a outra é MADE IN! e nesse caso é MADE IN MEXICO!!! Arriba mutchacho!!

  • bauboni

    Não gostei de duas coisas referente à avaliação do consumo.
    1 – Utilizaram etanol. Além de não ser mais vantajoso pra ninguem, motores Renault/Nissan trabalham e tem autonomia muito melhor com gasolina.
    2 – Rodando com o carro sempre acima de 3000 Rpm, é óbvio que o consumo será mais alto.

    Se fosse abastecido com gasolina, e utilizado com tranquilidade (trocas na faixa de 2500 Rpm) o consumo teria sido bem inferior, aproximando-se da média da montadora.

    • Tripa-Seca

      Mas acredito que o objetivo seja rodar o mais próximo possível do deslocamento real do carro, não da forma mais econômica possível…

      • Archimedes

        Cara… não sei em outros lugares, mas aqui em salvador, com o clio, ando sempre mais rápido que o transito, precisando trocar bastante de faixas (cortando, mesmo, mas sem "pilotagem"), sempre arranco mais rapido nos semaforos, mas nunca preciso esticar tanto as marchas… raramento passando de 2.800, quanto mais rodando acima de 3000 o tempo todo. Esse é UM exemplo de deslocamento real, claro que as pessoas podem pilotar acima de 3000 o tempo todo. Mas quando se mde consumo, acredito que se deva medir pelo que é indicado no manual como ideal para trocas… Mais ou menos que isso, acho que ja não da pra comprar com dados de fabrica.

        Outra coisa que acho também é que as pessoas tem certo receio de esticar as marchas como está no texto, pra andar um pouco mais agil, a impressão q tenho é que as pessoas acham que isso estraga o motor, sei lá. Vai ver por isso que eu ando mais rápido que a média, também… mesmo sem esticar marchas. Li em um certo site que confio bastante, que aceleraçoes firmes e cosntantes, e não bruscas, mas não lentas, deixando o carro o menor tempo possível nas marchas 1 e 2, ajuda a economizar bastante combustível. Eu sempre faço isso, arrancando ligeiramente forte, mas sem esticar, e rapidinho ja estou na terceira, olhando todo mundo pelo retrovisor, e fazendo até 14km/l(13,5 está mais próximo da minha média). Vale a dica pra quem quiser testar…

        • Tenho um Clio 1.o e a media de consumo fica entre 12 e 14km/l. O melhor segredo desse motorzinho é saber trabalhar com os giros em vez de exigir no acelerador, dificilmente uso mais que metade do curso do acelerador, nas ultrapassagens e subidas prefiro deixar o giro subir do que acelerar mais (normalmente troco marcha antes dos 3mil RPM, quando preciso de mais potencia diexo os giro subir até os 5 a 6 mil RPM), mesmo sem usar todo o curso do acelerador consigo acompanhar o transito de Curitiba normalmente.
          Então o consumo pode melhorar se a pessoa pisar menos e trocar a marcha mais tarde, uma vez vi um dono de Clio que relatou uma melhora de 2km/ quando ele começou a trocar as marchas depois dos 3mil rpm…
          O motor pode até ser o mesmo, mas pode existir muita diferença entre o motor Renault e o Nissan, principalmente o mapeamento. Vale lembrar lá na terra do Eber tem muita ladeira e isso prejudica bastante o consumo…

          • josenum

            Nao me lembro onde eu vi, mas, era mais economico usar mais carga no acelerador( pisar mais) do que pisar menos e esticar mais a rotação do motor. Isso é pesquisa, nao é achismo…

            • marcosldesouza

              Eu li isso numa matéria. Eles fizeram testes com 3 carros, dois eu me lembro um era o astra e o outro era o polo. A teoria é de que ao colocar uma marcha mais alta e pesar fundo no acelerador, todo o combustivel que entra é queimado pq o acelerador abre a entrada de ar do carro e o carro fica mais economico…detalhe…a idéia era fazer o menor consumo…os caras a 60 por hora já estavam em quinta marcha e pisando tudo no acelerador até chegar na velocidade ideal. o carro demorava pra embalar, mas gastava bem menos combustivel.

              • Dragoniten

                60km/h "já estavam" na quinta? Amigo, isso é relativo. Meu Ka 1.6, por ser leve e ter um motor 8v, tem um torque absurdo em baixa. Posso jogar a quinta a 40km/h no plano, 45~50km/h que o bichinho vai até em subidas bem leves.

          • Na mesma cidade, meu anterior Citroen C3 1.4 fazia 12,5 com gasolina. Agora estou com um Fiat 500 que por ser zero está fazendo apenas 10.

            • Oba_

              Opa, o 500 é manual ou Dual Éber?

              • Dualtranco.

                • Oba_

                  KKKKK, depois que você pegar o jeito que não é nem um pouco difícil você não vai mais querer voltar num manual, começa a tirar o pé quando sentir que está começando a desacelerar porque a embreagem está sendo acoplada, dá tempo tranquilo e não vai mais sentir nenhum tranco.

                  • Que nada, estou acostumado com carro automático faz tempo, meus carros maiores são automáticos já por mais de 5 anos, e o Dualogic é bem ruim perto dos automáticos de verdade.

                    • Stark

                      Eu achei um Azera de P.A. no WebMotors! É o seu?
                      Tá novinho!!!!

                    • Oba_

                      Poxa Eber, não da pra querer comparar cambio automático ainda mais de Azera com automatizado né Eber.
                      Para pessoas que estão acostumadas com automático com conversor o robotizado a primeira vista com certeza não agrada para grande maioria mas Eber mesmo que este tipo de cambio não tivesse modo automático e tivesse que trocar sequencialmente você não acha melhor no sentido de ser mais confortável, divertido e prazeroso do que um carro manual com embreagem?
                      Eu alterno modo automático e manual e gosto muito.
                      Faz um teste dirige uns dias no modo manual e tirando o pé no automático, garanto que não vai mais reclamar com trancos.

                  • GuiBashop

                    Ou seja o motorista tem que se adaptar a transmissão e não ela a forma de condução do motorista ??

                    • Archimedes

                      O dual plus, supostamente, vai mudar isso… Esse novo controle que ta aí no Punto, eu acho.

                    • Oba_

                      Bom, todo carro manual tem diferenças de cambio, embreagem, resposta do motor e temos que nos readaptar de qualquer forma mesmo num carro manual, garanto que se dirigir um robotizado um dia inteiro vai se adaptar tranquilamente e não vai mais querer ter que controlar acelerador, embreagem e movimento de engate de marcha a cada troca.
                      Não venha me dizer que deu uma volta no quarteirão e não gostou porque com certeza ninguém consegue perceber o comportamento do carro com este tipo de cambio andando 5 minutos.

                • macumba_online

                  Meu 500 não baixa de 15 nem ferrando… (EVo – Manual). Se for na cidade, 100% do tempo, e com ar ligado, até não duvido que caia pra perto desses 10 do teu, pois nunca testei… mas nas médias que tenho feito, a única vez que baixou de 15 foi um 14,3, e foi um final de semana que passei andando estilo mano vida loka…… Faço sempre médias do abastecimento, e comparadas com a do computador de bordo a diferença deu pouca…. nosso 500 tá com 5 mil km…
                  Esse final de semana fiz uns 400 km com ele, indo pro litoral, e consegui 18,5 na ida e 17,6 na volta com o pequenino…

            • Leandro1978

              Legal Eber, parabéns pela aquisição. Vai ser feita a avaliação pelo NA?

              • Vai sim, o único problema é que temos uns 5 carros para a avaliação ser publicada antes dele.

                • Archimedes

                  Que problemão, hein? Hehehe Por isso que eu entro no NA todos os dias, umas 3 vezes por dia.

          • jonathan1985

            Concordo, eu tenho um também e muito, mas muito raramente troco depois de 3.000, na verdade, só utilizo uma rotação dessas na estrada ou em grandes aclives…
            Faço média entre 13 e 14 na cidade, usando o ar condicionado bem eventualmente, usando "direto" fiz media 12,7, e na estrada usando o ar condicionado em uns 40 50% do tempo faço uma média de 16, já cheguei aos 17 sem o AC.

            Apesar de falarem do torque dos 16v em baixa ser ruim, o Clio que tenho oferece uma ótima resposta em baixa rotação, diga-se de passagem, melhor que do gol g5 que temos aqui em casa (que na estrada é show de bola em economia).

            Aí fica a pergunta pro Avaliador, o March tambem oferece bom torque em baixas rotações? você diz que ele acorda mesmo é depois dos 3.000, mas e antes? fica relativamente "manco"? pq meu clio anda legal abaixo dos 3.000. Não tem uma "condução esportiva", mas pra cidade vai tranquilo.

          • flesha

            Tenho um vectra 97 2.0 8v e seguia o que o manual dizia que para ter uma condução economica, era pisar pouco e trocar as marchas entre 2000~2200rpm e conseguia uma autonomia de 200 km na cidade, sem ar… Ok, carro 2.0 com motor antigo, GM ainda, beberrão mesmo. Comecei a trocar as marchas entre 2500~3200rpm, pronto, o desgraçado fez agora 310 km com um tanque no mesmo trajeto, me dando um prazer de dirigir maior e entregar respostas mais rápidas…

            • Stark

              200km de autonomia é pouco né não? Isso é Consumo do 2.4 16V no Álcool! Apesar que não sei quantos litros tem o tanque do seu, mas o C tem 52L e quando abastecido com Gasolina aponta no PC de Bordo 380km de Autonomia na Cidade e se pegar estrada dá pra rodar 600~630km com 1 tanque. #gasolina

              • flesha

                Creio que são 60 litros com a reserva. O meu percurso diario pra ir e voltar da faculdade é de 5km, metade do tempo é em engarrafado e o resto é plano. O motor não chega nem a esquentar direito, aí não há consumo bom hehe. O siena que usei por um bom tempo, fazia 8km/l na gasolina e 6 km/l no alcool, mas tava a 500 metros de casa o motor praticamente quente…

          • Archimedes

            Você fez uma observação muito válida… existem outros fatores, além do motor em si. Muito bem lembrado.

          • LuccasVillela

            Também fico impressionado como aqui no NA tudo gasta tanto. Meu antigo Clio 1.0 16V com esse motor fazia 10km/h com alcool na cidade. Era raro fazer 9km/l.

          • Oba_

            Tira uma duvida se for possivel, no etanol esse motor rende menos que os 1.0 da concorrencia? Quanto faz na cana?

    • Leandro1978

      Não concordo. Mesmo que ele seja melhor com a gasolina, deve-se testá-lo com o álcool, pois é uma opção que o consumidor hora ou outra usará. Então saber como se comporta com o "bio-combustível" não só é interessante quanto necessário. Se há tal opção, deve ser usada, ou perde-se o sentido a avaliação. Rodar acima de 3.000 rpm para torná-lo mais esperto é uma característica do motor, por ser 16v. Se fosse 8v certamente o conduziriam de forma distinta. Obviamente que não é todo consumidor que o conduzirá com as rotações elevadas. Além disso, o fato do NA ter atingido estas marcas não quer dizer que todos conseguirão isso. Pode ser que alguns gastem ainda mais, outros menos, varia conforme a forma com que cada motorista o dirige, características da cidade em questão e do trânsito. Pessoalmente, achei a marca boa para um 1.0. Tive um Classic monocombustível no qual não conseguia mais de 10km/l na cidade. Já com um Ka (1ª geração, 1º motor) passava facilmente desta marca.

      • marciors01

        Na verdade não é uma característica do carro mas do motorista, eu tive clio e tentava manter 2000rpm, trocava em 2500rpm, nunca tive falta de agilidade do carro nesta faixa de rotação, fazia 12.5 na cidade, um amigo com clio sem ar e sem direção faz 14 trocando as marchas um pouco antes.
        O clio já é bem ágil nesta faixa de 2000rpm e 2500rpm, acampanha o trãnsito sem problemas, esticar sempre até 3000rpm só se a intenção for realmente obter um desempenho mais forte, mas isso não é necessário na maior parte do tempo.
        Outro ponto, lamentável a colocação do Eber sobre o desempenho, esta de "tão bom quanto qualquer 1.0" é inaceitável em um site sério, nas revistas o 0 a 100 do march ficou entre 13.4s e 14s, um uno varia de 16.7s a 18s, o teste que tenho do palio fala em 18s na autoesporte, gol g5 na faixa de 16s, ka acima dos 16s e fiesta acima dos 17s.
        Ou seja, ele está MUITO distante em desempenho dos 1.0 mais lentos, nunca se deve generalizar uma informação desta forma.

    • BlueGopher

      Leia novamente, testaram com etanol (7,1km/l) E com gasolina (11,5km/l).
      Também entendi que apenas comentaram que o carro fica esperto só acima de 3.000 rpm, o que não quer dizer que andaram acima desta rotação o tempo todo.

      • bauboni

        É verdade, na hora li por cima como se fosse medida na estrada.

        Mesmo assim, 11,5 tá muito pouco. Consigo mais que isso no Fox 1.6 da minha noiva hehe

        • BlueGopher

          Sem dúvida é muito comum motores maiores gastarem menos que os 1.0, além de andar muito mais e garantir mais segurança em ultrapassagens.
          Se nosso governo usasse a lógica, deveria calcular as alíquotas de impostos em função do consumo, e não da cilindrada.

          • ven020dez

            100% de acordo. Pagar proporcionalmente 'a poluicao.

    • Renato_Valente

      Eu tenho um corsa VHC e te digo com toda certeza que o rendimento dele é melhor quando se esta acima dos 3500 rpm, abaixo disso o consumo dele so aumenta.

    • Fizemos o teste com alcool e também gasolina, não leu o texto direito?

    • mho

      Cada motor tem uma faixa de rotação em que o motor possui o seu melhor rendimento e consequentemente conseguirá irá fazer mais km/l.
      Por exemplo, o Fire 1.4 8v tem rendimento máximo por volta dos 3500rpm (graças ao variador de fase) e o 2.0 TSI é por volta dos 2500rpm.
      Nesse 1.0 Renault eu não sei, mas pelo fato de ser 16v SOHC deve ser elevado, talvez 3500rpm.

      • bauboni

        acho que uma coisa não está ligada a outra
        o melhor rendimento dos Renault 16v é acima de 5mil rpm

        mas sempre, qto maior a rotação, maior o consumo

        então se o kra dirige feito velhinha, passando as marchas nas 2 mil rpm, vai ter um consumo bem inferior doq trocando acima de 3 mil.

        • ven020dez

          Em quase todos os motores o maior rendimento e' a cerca de 80% da rotacao do torque maximo com o acelerador aberto a cerca de 3/4.

          • Dragoniten

            Rendimento não significa melhor consumo.

            • ven020dez

              Rendimento significa a relacao entre a energia restituida e a energia consumida. Acaba por ser o regime onde e' maximizada a distancia percorrida com uma quantidade de combustivel fixa.
              Concorda comigo?

              • Dragoniten

                Sim, concordo, mas da mesma forma que a potência medida é um pico, esse momento de melhor rendimento dura alguns centésimos de segundo, e até chegar lá, você tem que passar por muitas rotações que tem um baixo rendimento. Ou seja, pra ter um melhor consumo, não necessariamente temos que usar sempre o ponto de maior rendimento. Me entende? :)

                • ven020dez

                  Entendo e concordo, logo num motor com torque maximo a 3500 rpm, a forma mais economica de se deslocar na cidade sera' de usar o motor em torno de 2800 rpm, ou seja passando as marchas a cerca de 3000 rpm e colocando o pedal a cerca de 3/4.

                  Vejam a imagem em: http://img140.imageshack.us/img140/6009/1352m.jpg

                  Estava a responder a quem defende que o melhor rendimento e' acima de 5000 rpm (o que e' completamente falso).

                  E' pena que o torque maximo desse motor 1.0 venha so' a 4300 rpm, nao foi concebido com a economia de combustivel como prioridade mas debitar potencia maxima (marketing). Se em vez disso otimizassem o motor para os regimes medios seriam mais inteligentes (mas venderiam menos).

                  • Dragoniten

                    Interessante a imagem :o

                    Eu queria tentar fazer um gráfico desse tipo, com a linha de potência em relação à rotação e quantidade de combustível injetado no motor. Acho que é possível com o dinamômetro e algum aparelho para medir a quantidade de combustível pelo módulo de injeção ^^
                    Faço Engenharia Mecânica e acho muito interessante o funcionamento do motor, rendimento, etc. Porém algumas coisas são tão teóricas, que eu precisaria fazer na prática pra entender direito, hahaha.

                    Meu Ka tem torque máx de 15kgfm na gasolina, a 4250, porém a partir de 2k rpm já tenho mais de 85% do torque máximo ^^
                    Infelizmente isso não garante que ele seja mais econômico, por isso pretendo reprogramar a injeção logo, otimizando para gasolina. Maldito seja quem inventou o sistema Flex…

                    • ven020dez

                      Ainda se pode melhorar o rendimento mexendo na relacao ar/combustivel. Para otimizar o rendimento a mistura deve estar ligeiramente pobre (15:1), para maximizar a potencia e' melhor mistura rica (12:1), como na imagem: http://metrohog.com/images/Stoichiometric%20Graph

                      Se quiser ser um especialista na materia recomendo-lhe este livro: http://www.sciencedirect.com/science/article/pii/

                    • Dragoniten

                      Pô cara, valeu mesmo, você não sabe como fico feliz em ter tal material em mãos :D

                      Você trabalha/estuda com isso ou o que?

                      Edit-
                      Você recomenda o livro inteiro, ou somente essas 7 páginas? Achei no Amazon somente essas 7 páginas por um preço mais em conta, hahaha
                      http://www.amazon.com/influence-air-fuel-performa

                    • ven020dez

                      Estudei motores termicos.

                      Tudo depende do conhecimento que pretende na area. Pelo que vi, no site da amazon o livro inteiro e' a 9usd.

                    • ven020dez

                      E ai?
                      O consumo melhorou?

                    • Dragoniten

                      Fiz um orçamento numa oficina, infelizmente fica muito longe do meu bolso pra comprar um módulo, instalar todos os sensores e remapear a injeção, hahaha.

                      Esperando a confirmação do Paypal pra comprar o artigo :)

        • Archimedes

          Não sei os outros motores, mas o 1.0 16v da renault tem uma curva de torque bem plana, e disponível desde relativamente cedo, tão cedo quanto qualquer 8v, e sempre em maior número (por isso que eu digo que ´o melhor 1.0 do mercado, mais torque em todas as faixas de giro, e mais potencia até próximo do limite do motor, quando, se não me engano, o VHC e algum outro tem 2 ou 3 cavalos a mais)… E não é necessario andar igual uma velhinha para se ter bons numeros de consumo. Eu digo isso porque ando "com pressa", na visão dos velhinhos, mas consigo consumo de 13, ou 14km/l com certa facilidade. E olhe que estou sempre ultrapassando, e raaaaramente sendo ultrapassado. BEM raramente mesmo.

      • marciors01

        A faixa de maior rendimento dificilmente será a faixa mais econômica em motores com torque máximo em rotações mais altas, isto é uma bobagem divulgada por aquela anta do vrum.
        Em um old new civic que tem torque máximo próximo dos 5000rpm seria um absurdo fazer as trocas de marcha nesta faixa de rotação esperando um bom consumo, isso não existe, este motor do clio tem ótimo consumo trocando marchas na caixa de 2500rpm.

  • Renato_Valente

    Caramba, se fosse um GM que tivesse esse consumo, os cara já iam descer a lenha, agora como é Nissan (carrinho japones) o pessoal fala que o consumo ta bom………… Esse consumo tá ridiculo para um carro 1.0 leve igual ao March. Isso ai é consumo de carro 1.4 ou 1.6

    • mauricar20

      Caramba, esse carrinho com motor 1.0 gasta mais que meu Punto 1.6 16v na cidade com álcool nas mesmas condições. Aff…..

      • Archimedes

        Esse motor é meio ruinzinho com alcool mesmo, mas na gasolina ele compensa. Garantido.

    • Dragoniten

      Na minha realidade, tá consumo de carro 1.0 mesmo. Meu Ka 1.6 2009 na cidade não passa de 10km/l na cidade hahaha.

      PS.: Eu sei que o motor é velho 8v e tal, é só uma piada :p

  • Tripa-Seca

    Só lembrando aos mais apressadinhos, que esse consumo tem que ser comparado com o consumo obtido pelo mesmo motorista, no mesmo percurso, nas mesmas condições de rodagem. Éber, acho que o único concorrente direto do March que foi testado foi o Palio. Quando o Fiat conseguiu no mesmo percurso? Ou está usando percursos diferentes?
    Bem, na verdade, encontrei: https://www.noticiasautomotivas.com.br/avaliacao-n… . Só que a avaliação é da versão 1.4. Mas o percurso é o mesmo?

    • Sim, o percurso é o mesmo. Quando estou com o carro de avaliação uso ele na minha rotina, então os lugares onde eu e minha esposa vamos com o carro são os mesmos.

      • marciors01

        O problema é que no caso deste 1.0 tentaste extrair mais desempenho que o necessário para o fluxo normal de trãnsito, sempre trocava marchas do meu clio na faixa de 2500rpm e fazia 12.5km/l, onde moro um c3 não faz mais de 10km/l, um fiesta 1.6 faz 9km/l, considerando conduções tranquilas.
        Claro, um carro 1.0 trafegando por ruas com muitas subidas fortes irá consumir mais mesmo, até porque será necessário elevar mais o giro, não sei se é este o caso, se for te dou uma sugestão, faça dois testes de consumo, um trafegando por ruas com muitas subidas e outra apenas no plano, que é a situação da maior parte das cidades do pais.
        Nestas condições te garanto que march/clio podem trafegar tranquilamente mantendo 2000rpm e fazendo trocas em 2500rpm.

  • allanfrz

    Se aceita uma sugestão, eu acho que as medições de consumo entre os carros testados no NA deveriam ser padronizadas, para termos uma base boa de comparação. Como sabemos, o consumo de um carro varia por inúmeros fatores. Por favor, adote um padrão, trafegando como um usuário comum pela sua cidade. Você tem uma oportunidade de ouro de testar os carros em condições normais de uso, e conseguiria trazer dados muito mais úteis para nós leitores se padronizasse os testes de consumo, por exemplo:
    – Usar sempre o mesmo combustível (independente de qual é mais vantajoso no momento do teste)
    – Usar sempre a mesma rota e mesma distância percorrida
    – Mesma condição de carregamento do carro (número de passageiros e bagagens)
    – Mesmo uso de equipamentos como Ar Condicionado, faróis, etc
    – Até o período em que o teste é realizado poderia padronizado (manhã ou tarde), pois assim tende a enfrentar um trânsito parecido pelas vias de sua cidade.

    • Mas o percurso de teste deveria ser de que tamanho? 10 km? 20, 30? Como vou fazer uma média de consumo rodando tão pouco? É muito melhor usar o carro por uma semana, como fazemos, gastando um tanque inteiro ou quase isso, e no final ver a média.

      • allanfrz

        Boa pergunta, nunca fiz uma média de consumo rodando pouco. Talvez você pudesse testar no seu carro de uso, complete o tanque e roda uns 50km e veja se a medição fica próximo da sua média com o tanque todo. Se ficar próximo, já conseguiu definir um percurso para o teste de consumo…
        Se achar que vale a pena, estude um método para padronizar, eu acho que seria muito interessante. Aí realmente estaríamos comparando banana com banana.
        Valeu Eber!
        Ótimo trabalho.

      • macumba_online

        AAHahaha… Ou então você vai ter que abrir uma pista de testes, e chamar os vizinhos pra simular o tráfego ahahahahah

  • ambrosio1974

    Tenho feito 14,08 km/l com meu New Fiesta aqui em Brasília. Não uso o ar, mas não alivio o pé. Média de 51 km/h. Estou muito satisfeito. Já consegui média de 15 andando na tranquilidade.

    • Archimedes

      Por isso que eu su doido pra botar as mãos num carro desse. Só ouço boas historias desse consumo. Você pega muito transito, ou só anad em horários mais tranquilos?

      • ambrosio1974

        Para ir ao trabalho não pego orário de pico, o trânsito está tranquilo, mas a volta já pego um pouco de congestionamento. Com pucos sinais. Só a título de comparação, tenho um Astra 2.0 (123 cv – gasolina) e ele faz nas mesmas condições 10,5 km/l. Sempre com gasolina, pois o alcóol aqui não compensa.

        • Stark

          No Astra se você conseguir manter 5ª marcha vai assustar com o excelente consumo! Faça o teste uma hora!

    • mauricar20

      Rapaz, esquece Brasilia… é como andar praticamente na estrada, e não serve de referencia para consumo urbano.

    • Brasília é a utopia do consumo de combustível…

      • mho

        Verdade.
        Esse consumo que você conseguiu com o Nissan, é o que fazia com o meu Vectra quando era 0km.

      • blindzector

        Eber, isso e meio relativo. Pois quem e um trabalhador, que sai no horario de pico e volta no horario de pico, se enrola grandao!

        Vantagem de Brasilia, pistas geralmente livres e velocidade media d 70km/h. E como tudo a ligação e por rodovia, confere-se resultados assim, Porem, nao e pra todas as pessoas q aqui se torna uma utopia!

        Utopia e falar do transporte… qe e melhor falar, Miopia! kkkkkkkkkkkk… algo qe nem se encherga direito!

    • thales_sr

      Belo consumo, a cidade ajuda mas mesmo assim está muito bom. Se eu fosse comprar um carro nessa faixa de preços, 90% de chances de ser um NF.

  • aebublitz

    Média de consumo do NA sempre é inferior a dos carros em geral. A cidade que o Eber testa os carros não é padrão para a maioria das cidades do Brasil. Em Brasilia o mesmo carro vai fazer 15km/L na gasolina…

  • gui_cds

    Lixo de carro.
    Lixo de consumo.
    Nem japonês é
    Mais do mesmo.
    Blá, blá, blá.

    • MecanicoDigital

      Pensei a mesma coisa …. Este carro é apenas mais um … mais do mesmo… vai do gosto de cada um, pq na prática, não tem nada de mais.

    • k3p13r

      O Jetta e o Tiguan vem de onde mesmo ? Da Alemanha ?

      • RicLuthor

        Você não quer comparar a qualidade construtiva de um Jetta mexicano (incluindo aí a geração anterior) e de um Tiguan mexicano com a qualidade construtiva de um March mexicano e não adianta dizer que são produtos de categorias (preços) diferentes, afinal, na Europa o March é carro de entrada e o modelo lá tem qualidade construtiva muito boa, em especial contra colisões.

        Já vi pelo no Brasil alguns Sentras envolvidos em colisões e a impressão não foi nada boa.

        • k3p13r

          Quem falou em categorias? de onde vem, ou melhor, onde são fabricados ?
          Tanto esse como aquele são fabricados no méxico.
          Não sou defensor da Nissan, mas acho que o Sentra teve quatro estrelas no NCAP e atende o mercado americano, assim como o Fusion, que também é fábricado no México.
          Pra terminar, avarias em colisões dependem de N variáveis físicas, porém, pergunto : Qual acidente nos dá uma boa impressão?

    • Stark

      Perfeito! O carro é um horror de feio também..

  • mmcinza

    Pois é, mesmo sendo um carro japonês, de projeto recente, ainda sofre por ter um motor ultrapassado, que só tem boa potência, mas é gastam e sofre como todo multiválvulas sem comando variável.

    O que pode valer a pena nele é no motor 1.6, que realmente é um motor feito para este carro.

    • Motor ultrapassado onde? Esse motor apesar da idade é um dos mais modernos de nosso mercado…

      • andre_0102

        Nossa é triste, acho que esse motor esta ai desde 1999, se não falha a memória vinha no twingo, tendo recebido a gambiarra flex lá por 95, mas se compararmos com alguns que temos por aqui, "é pura novidade".

      • mmcinza

        Este motor tem mais de 1 década só de Brasil…..fora o tempo que foi concebido fora do Brasil.

        Como vc disse, no nosso mercado…..jurássico.

        • marciors01

          Pois é, mas vejam que ainda é o melhor 1.0 do mercado.
          Um bom comparativo temos com o novo uno, a potência do motor do uno é semelhante, o peso do carro também, o march faz 0 a 100 em menos de 14s e o uno na volta dos 17s, isso mostra o quanto o motor 1.0 do uno é ruim.

  • RicLuthor

    O March é um carro "japonês", com motor francês, feito no México para tentar fazer o brasileiro acreditar que é melhor que os nacionais vendidos aqui. Pode não ser o pior, mas com certeza não é o melhor do segmento.

    Quando eu me lembro da presepada da Nissan, digo, da propaganda relatando os milhares de testes pelos quais o carro passou e logo depois vi o fiasco no crash-test, fica evidente que esse negócio de qualidade japonesa, no caso do March, é algo nivelado aos concorrentes, e não algo superior a eles.

    • Everton_O_S

      Sem dúvida o crash test também me decepcionou muito. Acho q se quisessem se destacar da concorrência deveriam ter oferecido o ABS a um preço convidativo e nao apenas na versão "esportiva" que será a menos vendida.

      • Dragoniten

        Se o item for importante pro consumidor, vai vender. Não existe essa de "versão esportiva será a menos vendida". Se o cara deixar de comprar porque é a versão topo de linha, ele não iria comprar de um jeito ou de outro como opcional, porque não é sua prioridade.

        • Everton_O_S

          Ok, qual carro desse segmento tem a versão esportiva/esportivada com maior volume de vendas entre as opçoes oferecidas? Além disso, ao encarecer o preço do produto, comum nessas versoes, entra-se em segmentos superiores, o que complica ainda mais o cenário…

  • MecanicoDigital

    Carro feito baseado na concorrência, com forte propaganda e apelo de "carro japonês". Comprar este carro é uma questão de gosto, ou de oportunidade. Só isso.

    • marciors01

      Ele anda mais do que os concorrentes, na gasolina tem consumo muito bom, custa pouco, dá três anos de garantia, tem o menor preço da cesta de peças e revisões, além disso é o 1.0 melhor equipado, com tudo isso vocês consideram mais do mesmo…
      Eem praticamente todos os pontos ele leva vantagem sobre a concorrência

  • Absinthe666

    acho que vale mais a pena comprar logo um clio então, tudo bem que é menor mas aqui em fortaleza da para pegar um com ar por 24mil ou menos dependendo da chorada

    • marciors01

      O march custa mais ou menos isso na versão básica, que além do airbag vem mais bem equipado.

      • Absinthe666

        AB2 em um carro feito de papel não adianta de nada, se tivesse ABS quem sabe
        e na versão básica ele vem sem AC, e em fortaleza esse é um item básico para sobrevivência hehe
        sem falar que o march com AC custa R$ 28.790 e bem mais difícil conseguir algum desconto

        • k3p13r

          Em Fortaleza um Clio (zero) com AR e DH não sai a 29 mil ?

          • Absinthe666

            completo eu não sei, mas não ligo para direção hidráulica, somente o ar é necessário, e dessa forma o clio sai nos 24mil ou abaixo, sem falar que o clio é bem mais fácil de arrumar peças, tem mais CSS renault na minha cidade e apesar da mão de obra cara deve ser mais em conta que march sendo lançamento

        • marciors01

          Gostarias então de comprar qual carro na faixa de preço do march?
          O "novo" uno obteve resultado bem pior, o novo palio ninguém sabe mas se seguir a tendência do uno pode também ser desastroso, um gol G5 se equipado custa muito mais, não estão na mesma categoria, celta, classic e ka são também inferiores ao march.
          Dentre as opções entre populares é o menos pior em segurança.

          • Absinthe666

            creio que todos os populares possuem estrutura de papel, Ab2 não vai salvar ninguém nessa categoria, o ABS sim faz diferença não importa a qualidade do carro, agora bateu meu amigo, boa sorte

            • marciors01

              Claro que salta, sempre é melhor ter airbag do que não ter, muitas pessoas morrem em colisões em que o carro não é destruído, apenas porque se chorou contra o painel ou o volante.
              A diferença entre ter e não ter airbag nestes carros é pode ser de uma estrela com pontuação baixa para duas estrelas com pontuaçãob alta.
              Isso significa que dentro do que a estrutura do carro suporta é possivel que a pessoa morra ou se fira com gravidade sem airbag e saia ilesa com airbag, mesmo em carros frágeis, sempre é melhor ter airbag.
              Entre uma batida com dois unos, um com e outro sem airbag o motorista do uno com airbag pode sair ileso e o motorista do carro sem airbag acabar morto, por outro lado se um uno com airbag bate de frente com um fluence a maior probabilidade é de que o cara morra com ou sem airbag.
              Não considero o abs mais importante que airbag em nenhum carro, são complementares, isso porque o abs evita acidentes mas muitos são inevitáveis e de nada irá adianter o abs, já o airbag estará lá sempre para proteger os ocupantes, então na minha opinião são igualmente importantes.

  • Leco222

    Cada vez mais me alegro de ter pego meu Clio ano passado por 23,5 com AC. Até hoje estou com média geral de 15,8 no fuelly, sem pegar estrada.

  • JulienAvril

    bem levinho.. deve ser agil.. um pouco mais lento que o clio.. que tem apenas 880kg.. e seus 77cv …

    • marciors01

      Não sei como mas é mais rápido, em todos os testes de revistas ficou entre 13.4s e 14s no 0 a 100, é o 1.0 mais rápido do pais.

  • CharlesAle

    O consumo ficou ruim para um 1.0,pela matéria,não compre o 1.0 pensando em consumo..se faz questão de um march,vá direto para o 1.6..

  • PauloPGomes

    Lembrando que apesar de aparentar ser um "péssimo" consumo.
    Ele é o 2º com melhor consumo na cidade em testes do NA (excetuando o Prius)
    Acima dele somente:o Jac J3, com média de 11,7 km/l
    E pouco abaixo, New Fiesta Sedan: 10,5 km/l
    e Novo Palio 1.4: 10,3 km/l

    Esse trajeto que o Eber testa se mostrou bem sinuoso, exigindo mais do motor mesmo, basicamente esse numero seria um numero de stress. Consegue-se certamente médias bem menores.

    • Apenas lembrando que nossa média de consumo é usando o carro por uma semana, em vários trajetos, não é feita apenas no trajeto do vídeo.

      • PauloPGomes

        Estranho então, mas a maioria dos lugares pelos quais você roda são planos?

        Então basicamente essa é a Média das Médias?
        Conseguiu alguma média melhor na gasolina ao longo da semana?

        • Eu diria que 60% dos lugares aqui na cidade são planos e 40% são subida e descida.

  • Allan9898

    Achei o consumo bem alto para um 1.0 e compacto.
    Meu pai tem um Polo sedan, 1.6 que faz melhores medias..
    E o polo é muito mais pesado..
    Porem tem muito a ver tmb com o percurso, mas mesmo assim achei alto..

  • MaverickV81974

    Tive Clio 1.0 de 8v que fazia direto 16km/l na cidade e certa vez fiz 20km/l na estrada. Mas andando forte na estrada fazia 16km/l também. Depois comprei um 1.0 16v com 70cv, (antes de virar Hi-power/Hi-flex), e fazia 11,5km/l mas sempre em congestionamento. Mas o normal é 12,5 a 13km/l.

  • nightwishjp

    Não foi um consumo alto pra cidade. 11,5Km/l é um bom consumo.

    • Allan9898

      não para um carro 1.0 e pequeno como o March

      • marciors01

        Considerando que foi o segunda melhor média de consumo de um 1.0 obtida nos teste do NA está ótimo, o único carro testado pelo Eber com melhor consumo foi o jac j3, então pode-se considerar que é um percurso muito exigente.

      • nightwishjp

        Meu clio faz mais ou menos isso. Não tenho do que reclamar. Na estrada faz 16, 17km/l. É a média do segmento. Tirando um uno, celta faz mais ou menos isso tbm…

  • Rafa222

    Creio que a opinião do pessoal sobre o consumo do carro está bem equivocada. Basta analisarmos outros testes realizados pela NA. Na verdade a questão é outra, ou seja, para melhorar o consumo dos automóveis aqui no Brasil a petrobras deveria fornecer combustível de qualidade. Do contrário, quem quiser mais economia deve andar de bicicleta ou a pé.

    • Roms

      Qual o problema com o combustível da Petrobrás? Não tem qualidade?

      • Rafa222

        Sim amigo, não tem qualidade, baixa octanagem, baixa performance, alto ter de enxofre tudo de ruim. Isso faz o motor consumir e poluir mais e andar menos, além de causar combustão ineficiente, criando acúmulo de carvão nos pistões e nas válvulas de admissão.

        O problema não é só com a petrobrás e sim com as outras distribuidoras, haja vista que o refino do petróleo é exclusividade da BR. As coisas começam ficar um pouco diferentes com a Podium.

  • SonataRio

    Bebe mais que o Gol e mais que o Uno. Na real, esse carro não tem nada demais.

    • LucianoRN

      o meu 1.6 faz 12.5km/l com gasolina. Ele tem tudo demais sim…..com certeza!

  • Carlos_58

    Tenho um March 1.o com 4.000 Km rodados. Só uso gasolina especial (supra), ando quase sempre com ar ligado e o computador mostra, no máximo, 9.9 km/l. Acho pouco. Também os bancos me parecem menores que o do MIlle, que eu tinha. No banco do carona o extintor atrapalha o espaco das pernas. Enfim, um carro com boa montagem, mas sem maiores atrativos.

  • Oba_

    Estranho sempre leio comentário de proprietários que é super econômico na gasolina.

  • Jason

    É um carro com um apetite alto para seu porte… Esperemos o resultado da estrada pra ver se compensa.

  • ChalMust

    Estou com um March 1.0S com 300km rodados e está dando uma média de 11,5 km/l na cidade.
    Rodei um pequeno trecho na estrada (em media 110km/h) e o computador de bordo ficava em torno de 15 a 16 km/l.
    Na minha opiniao o carro é economico sim, ainda mais em se tratando de motor zero.
    Valeu.

    • Carlos_58

      Com álcool ou gasolina. Ar-condicionado sempre ligado?

    • Carlos_58

      Com álcool ou gasolina? Ar ligado ou desligado?

  • Acport

    Não entendo essa perseguição com o March, dizendo que é fabricado em tal lugar, vendido no Brasil e etc. O carro é da Nissan, uma marca japonsesa, da mesma forma que Toyota e Honda. O CRV é feito no México da mesma forma que o March, então eles são mexicanos? Eu acho que existe muita perseguição em relação ao March, sem necessidade. Ele está no mesmo nível dos concorrentes e em alguns aspectos é até melhor, caso da direção elétrica.

    • k3p13r

      Também não entendo preferir sempre o "gol quadrado" motor "ap" e etc… Acorda povo! por isso que os carros nacionais daqui estão, há, pelo menos 20 anos de atraso com a realidade atual. Já pensou ? Se esses japoneses não chegam aqui desbancando os Vectras, Astras, omegas e etc … ? Não teria vindo o CRUZE o SONIC e etc … etc … O astra teria ficado mais doze anos com o mesmo motor do MONZA !

    • marciors01

      Exatamente, corolla e civic fabricados aqui são vendidos como "japoneses", seria interessante saber por qual motivo os nossos japoneses são japoneses e os produzidos no México são mexicanos, é um conceito interessante.

      • Oba_

        Nem adianta tentar entender porque para certas mentes para alguns fatos não existe logica.

  • comminga

    Tira esse motor desse carro, leve e pequeno, deveria ter um ótimo consumo!!!!!!!!!
    Celta bem mais econômico!

  • macaense

    Onde fica o estepe desse carro? Porta-malas ou embaixo do carro?

    • comminga

      Fica no porta – malas.

  • zamariolli

    Também discordo dos resultados obtidos pelo NA. Também possuo um MARCH 1.0 S, está com 4000 Km, e entre cidade e estrada tenho uma média de 16 Km/L, e isso no verão com ar ligado. Na estrada, andando a 100 Km/h, ele faz 18 Km/L. É o automóvel mais econômico que já dirigi. E olha que tenho uma autoescola, com FORD KA, UNO MILLE, CELTA, e nenhum fez média igual. Claro que tudo depende da forma com que se dirige, mas já pude testar com meu pé outros veículos da categoria, e obtive resultados excelentes com este. Destaque: ele não apresenta aquele soco típico de carros 1.0 quando se liga o ar condicionado. Discordo dos dados de fábrica: 21 Km/L na estrada (só se dor andando a 70 Km/h).

    • Oba_

      Que ótimo um proprietário de vários concorrentes postar a sua experiencia real, poderia por gentileza informar se já tirou media no etanol e em mesmas condições quanto fazem Ka, Mille e Celta apenas para ter referencia real de diferença de consumo entre eles dirigido pela mesma pessoa?

  • marciomvo

    Sim, Eber, cade o teste?
    Demoraram tanto para receber o carro para o teste e se resumiu a isto?
    Acho que deveria ser um teste mais completo, digamos, ao nível dos testes realizados por 4Rodas. Sem ofensas, claro!

  • March10S

    Pesquisei bastante para adquirir um segundo carro. Deveria ser o mais em conta possível com 4 portas, porém com o máximo de opcionais que pudesse adquirir com aproximadamente R$ 30.000,00. tenho um Renault Grand Tour 2012 e precisava de outro carro para a esposa. No final das pesquisas, fiquei entre o Fiesta Rocam 1.6 completo por R$ 31.400,00 (sem air bags), o KA por R$ 25.800,00 (porém com apenas duas portas!). Esses dois últimos da Ford descartei porque me informaram que logo sairiam de linha. O Fiat uno antigo (mile) me foi oferecido por R$ 29.990,00 completo (sem air bags e com vidros elétricos apenas nas portas dianteiras, além de ter uma direção mais "dura" que o March). Optei pelo March 1.0S e tanto eu quanto minha esposa estamos bastante satisfeitos com o carrinho da Nissan até o presente momento. Quanto ao motor ser o mesmo do Clio, achei até bom porque creio q manutenção será barata, pois esse motor já foi mais que testado e aprovado no Brasil. Em situação de aperto econômico se encontra peças para esse motor até no mercado paralelo (casas de auto peças). Além de que o Nissan veio com 3 anos de garantia! Recomendo como carro compacto!

  • allanfrz

    Cada um vai obter um consumo diferente…. Por isso a necessidade de se padronizar o consumo em teste, pois aí consegue comparar um carro com outro no mesmo teste… Se hj um March faz 7,1 km/l de álcool na cidade no teste do Eber, e amanhã ou depois pintar um outro popular para teste e nas mesmas condições fizer 8km/l, já é uma ótima base de comparação…
    Agora, comparar o consumo que cada um obtem com seu carro com o de outra pessoa, com outro uso, outra forma de dirigir, etc etc, não dá em nada….

  • tatilandim

    Bom dia!
    qdo vou a concerssionaria onde comprei meu march 1.0 completo, sempre ouço a mesma coisa: meu carro consome mt para 1.0, qq eu faço?
    olha, na gasolina, na estrada eu faço(pasmem) 18 por litro!!!!!!!!!!!!!!!!! como ar ligado 50% da viagem! na cidade com certeza é diferente, faço 14 por litro com o ar ligado. o negócio é ficar ligado no computador de bordo( q ajuda mt no consumo e potencia), troco de marcha qdo chega em 2.500. o negocio é o motorista e nao o carro. detalhe: já frodei 14.000 km nesse brasil de meu Deus. e outra: ano q vem ponho meu carro a venda e compro outro march!!! fica a dica!!!!!!!

  • tatilandim

    eskeci de comentar a velocidade a q ando…. na estrada vario de 100 a 120 para fazer 18 por litro com o ar ligado. na cidade ando a 50(pois nao tem como andar + rapido, senaum seria meu sonho!!) e faco de 13 a 14 por litro com o ar. detalhe: deixo todos pra tras! o negocio tah no motorista…. aprender a esticar a marcha….

  • Heisenberg

    O March 1,6 S da minha mãe surgiu recentemente um barulho de "marcha ré" na primeira marcha quando sai com o carro. Muito estranho e já vi relatos de outros proprietários do Nissan March e Versa com o mesmo problema.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend