BMW Lançamentos Motos

BMW S 1000 RR Tricolor estreia com preço de R$ 78,4 mil

BMW-S-1000-RR-Tricolor-1 BMW S 1000 RR Tricolor estreia com preço de R$ 78,4 mil

Pouco menos de um mês após a estreia da linha 2017 da S 1000 RR, a BMW Motorrad anunciou a chegada de uma nova versão especial para a gama da superesportiva topo de linha no Brasil. Batizada de S 1000 RR Tricolor, a nova motocicleta se diferencia pela pintura exclusiva em três tons, fazendo alusão as cores da divisão BMW Motorsport.



Na carenagem, a BMW S 1000 RR Tricolor tem grafismo totalmente renovado, que exibe as tonalidades azul lupino metálico, lightwhite individual (branco) e racingred individual (vermelho). Há ainda friso vermelho nas rodas de liga-leve. De resto, a motocicleta segue o mesmo padrão da versão convencional, sobretudo no conjunto mecânico e na lista de equipamentos de série. Até o preço é o mesmo, de R$ 78,4 mil.

BMW-S-1000-RR-Tricolor-1 BMW S 1000 RR Tricolor estreia com preço de R$ 78,4 mil

Entre os itens, se sobressai o novo painel de instrumentos (novidade na linha 2017), com display de alta resolução, exibição mais clara das configurações selecionadas, velocidade de estrada e velocidade de motor. Há também set-up para DDC e pista de corrida, DTC, tempo da volta e extensão da volta, a velocidade específica da volta, modo de pilotagem ativo, trocas de marcha por volta, entre outros.

A lista inclui também controle de tração, controle de suspensão ativa (ajusta automaticamente a suspensão conforme a situação), Assistente de Troca de Marcha Pro (funcionando para passagem de marchas acima e abaixo, sem o acionamento de embreagem) e modos de pilotagem Rain, Sport e Race. Outra novidade é a nova ponteira de escape, com novo design sem silenciador traseiro.

BMW-S-1000-RR-Tricolor-1 BMW S 1000 RR Tricolor estreia com preço de R$ 78,4 mil

Na motorização, há um quatro cilindros em linha de 999 cc, quatro tempos, com duplo comando de válvulas no cabeçote e quatro válvulas por cilindro. São 199 cv, a 13.500 rpm, ou 6 cv a mais que a linha anterior, e torque de 11,52 kgfm, a 10.500 rpm. Este propulsor trabalha juntamente com um câmbio de seis marchas.

Galeria de fotos da BMW S 1000 RR Tricolor

 

COMPARTILHAR:
  • Elfo Safadão.

    Ótima moto pra perder no trânsito pro Manos.

    • jfontes

      Pois é, uma belezinha dessas na banânia nem pensar.

      • Luciano RC

        Infelizmente isso é uma moto que só consegue usar quando sai em grupo. Se sair sozinho, volta de Uber.

  • Huang Sen

    O principal problema dessa moto é a possibilidade de cair… kkkk

    • Luciano RC

      Cair com o tiro que o bandido da… por que esse tipo de moto é mais roubada que dinheiro publico.

      • Huang Sen

        Foi uma brincadeira com Tricolor

  • Eng Turbo

    Infelizmente motos SS no Brasil são impraticaveis, principalmente por causa dos roubos. Ou vc monta uma exclusiva pra track day ou anda olhando pra todos os lados, esperando o assalto. O valor do seguro completo é proibitivo, passando fácil dos 10k. Com muita dor no coração, vendi a minha moto e todo o final de semana recebo alguma mensagem de algum colega que foi roubado (dos grupos de whatsapp)
    Pra quem quer passar raiva, procure no FaceBook (O destino de tantas motos aqui de SP)
    “Os meno problematico”

    • anonbr666

      Vi esse grupo “”Os meno problematico”

      O que é isso? É grupo de quem rouba moto se vangloriando???

      • Eng Turbo

        Isso mesmo, roubam, postam fotos e videos e…..nada acontece. Usam as motos em bailes funk, nas favelas e pra roubarem outras motos. Infelizmente os que “dominam” todo esse mercado são DELEGADOS de policia da região (Um policial me relatou isso), por isso nada acontece. Por essas e outras eu desisti….no futuro vou motar uma GSX-R 1000 SRAD pra pista, sem placa, painel, setas, etc. Andar na rua, hj em dia é uma roleta russa.

        • Luciano RC

          Eu tive uma Hornet durante um tempo e tinha hora pra sair com ela… quando não é bandido te olhar, é a Policia te enquadrando. KKKKKK

          Não da pra ter moto em SP. Infelizmente o risco de voltar de Uber pra casa é imenso.

  • Mr. Car

    Prefiro um Sandero RS e o troco, he, he, he!

    • Eng Turbo

      Gosto não se discute, porém o que uma moto dessas proporciona em aceleração, somente é encontrado em carros que custam no minimo 5x esse valor. Qualquer moto SS hj em dia atinge 0-100 km/h em menos de 3s, além de superar os 300 km/h com certa facilidade.
      Somente como referencia, essa moto passa dos 160km/h em 1º marcha, porém tem 6 ;)

      • Mr. Car

        Atingir 100 Km/h em menos de 3s e superar os 300 Km/h para quê? Para o retardado ir brincar de Valentino Rossi em uma rodovia e depois postar sua irresponsabilidade criminosa no “Youtube”? ; -)

        • Eng Turbo

          Isso tb vale pro seu Sandero RS.
          – Supera os 120km/h, mas não pode isso por lei
          – Tem ótima suspensão pra entrar forte em curvas, mas se respeitar os limites de velocidade, nunca vai exigir isso.
          Seguindo o seu raciocínio, não seria necessário nenhum carros com mais de 100cv, pois até mesmo um Carro 1.0 dos anos 90 atinge os 120 permitidos por lei, com menos de 70cv.
          Da forma como vc está definindo o perfil de quem compra uma moto dessas, tb será taxado da mesma forma ao mencionar um carro esportivo.
          Att

          • Mr. Car

            A diferença é que na prática, ainda que se abuse um pouco de um Sandero, muitas rodovias comportam facilmente velocidades maiores que 120 Km/h sem problema nenhum, isto sem falar que 140/150 Km/h não é nada astronômico, muito diferente de uma velocidade extrema, he, he!

            • Aristeu Junior

              hurr durr

              • Mr. Car

                Hurr durr para você também, he, he!

            • Luciano RC

              Estaria errado da mesma forma… o que o amigo disse acima é a verdade. A mesma lei da moto vale para o carro… a única vantagem do Sandero é que você pode usa-lo para levar a gata pra jantar… a moto você leva ela pra tomar um tiro do bandido. KKKKK

              • Mr. Car

                Até estaria, mas continua sendo muuuuuuuuuito diferente estar a 140 Km/h onde o limite é 120 Km/h, que estar a 300 Km/h. Tanto é que a própria lei pune de formas distintas as duas infrações, e de forma bem mais rígida no segundo caso, que é mais que errado, é de fato criminoso, he, he! E para não dizerem que é implicância, o mesmo vale para super carros que possam alcançar esta velocidade.

                • Luciano RC

                  Mas ambos estão cometendo uma infração. Então, seguindo sua lógica não adianta comprar um RS.

                  Porém, mais do que andar rápido, quem procura um carro com motor mais forme quer retomadas e acelerações melhores.

                  Eu tive um V8 5.7 que acelera de 0-100km/h em 5s. Nunca acelerei na rodovia buscando máxima, mas adorava fazer retomadas com força e saídas de semáforo.

                  • Mr. Car

                    Aí sim, um carro com reserva para retomadas e acelerações, tornando-o inclusive mais agradável de dirigir. Não que se precise usar isso o tempo todo, e nos lugares errados, nem postar no “Youtube” depois se gabando das c*gadas que fez. Isto quando não são aqueles vídeos tétricos onde estão catando os mil pedacinhos do sujeito espalhados pelo asfalto.

                    • Luciano RC

                      Exatamente… eu gosto de ter carro com motor dentro do porte para que consiga andar com segurança. Já tive carro com motor fraco e me sentia até inseguro nele.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email