Combustíveis Governamental/Legal Mercado

Brasil: Projeto de lei quer proibir venda de veículos a gasolina e diesel em 2030

bocal-tanque-combustivel-gasolina Brasil: Projeto de lei quer proibir venda de veículos a gasolina e diesel em 2030

O Brasil deve seguir França, Reino Unido, Holanda, Noruega, Índia e China, entre outros, no que diz respeito ao fim do comércio de veículos a gasolina ou diesel. Pelo menos é isso que sugere um Projeto de Lei que visa interromper definitivamente o mercado de automóveis e comerciais leves movidos por estes dois combustíveis no país em 2030.



O PLS 304/2017 de autoria do senador Ciro Nogueira (PP-PI) quer proibir a comercialização em 2030 e a circulação em 2040. O texto, que aguarda a designação de relator na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), veda – nas datas mencionadas – a venda e o trânsito de veículos equipados com motores de combustão interna, exceto se estes forem abastecidos por combustíveis alternativos, como o etanol, por exemplo.

O projeto ainda libera a comercialização de carros elétricos no mercado nacional. Nogueira justifica que os automóveis são responsáveis por um sexto de toda a emissão de carbono do globo e que países desenvolvidos, como os mencionados, já estão buscando o mesmo caminho. Para o senador, o benefício da proibição será muito vantajoso ao Brasil. No entanto, o texto inclui outras exceções.

Além de veículos leves movidos por etanol, gás natural ou outro combustível alternativo, o projeto de lei dá direito de circulação aos automóveis de coleção, veículos oficiais e diplomáticos, ou carros de visitantes estrangeiros (mas não de residentes), ainda que usem combustíveis fósseis. O PLS 304/2017 também será examinado pela Comissão de Meio Ambiente (CMA), à qual caberá a decisão terminativa (ou seja, a decisão da comissão será definitiva no Senado).

O movimento de finalização do comércio de automóveis e comerciais leves movidos por gasolina e diesel começa a virar uma tendência mundial ao mesmo tempo em que os carros elétricos e híbridos começam a tomar mais e mais espaço nas lojas e na mídia. Os fabricantes estão aplicando bilhões de dólares no desenvolvimento de linhas exclusivamente de produtos elétricos ou mesmo anunciando as próximas gerações de seus carros movidas apenas por energia alternativa.

Com essa tendência ampliando-se, agora o Brasil já começa a discutir o futuro do automóvel no cenário nacional. Nesta PLS 304/2017, a intenção seria seguir a mesma trajetória, mas o etanol é colocado claramente como a matriz energética definitiva. Ou seja, o que se pede é o fim dos combustíveis derivados do petróleo, mas a manutenção dos motores de combustão interna que queimam álcool ou gás natural. Nesse caso, o país teria que manter a produção de certos motores quase que exclusiva por pelo menos uma década.

[Fonte: Senado via Shop Trans]

  • Ricardo

    E quando chegar 2030 será prorrogado por mais 5 anos, depois mais 5 anos, …

    • Raul Pereira

      Hahah boa

    • Rodrigo

      Em 2030, acredito que já teremos substituído a gasolina por um combustível sintético, como o produzido pela AUDI, que tira CO2 da atmosfera, Acredito também que os carros elétricos serão alimentados (preferencialmente) por células de combustível (utilizando etanol ou combustível sintético) pra gerar hidrogênio.

      • Ricardo

        Acho que não, falta pouco mais de uma década para isso!

      • th!nk.t4nk

        Combustível em 2030? Cara, vai ser tudo elétrico plug-in. Nao vale a pena colocar dinheiro em P&D pra desenvolver novas tecnologias de combustão ou de conversao quimica, como as células de H2. Isso tá morto e enterrado já.

        • Eduardo

          Concordo!

        • Igor G. Gomes

          …toda a mudança, para ser sustentável e compatível deve ser GRADUAL. Eu realmente gostaria de saber como vamos substituir 55 milhões (em números de hoje) a frota nacional que utiliza combustível líquido. Não há milagre e nem há dinheiro… tanto que o texto “livra as costas” do Governo ao abonar carros “oficiais”… no entanto quer colocar o ônus em cima do trabalhador comum? Gente… toda a evolução demanda tempo e dinheiro… não conseguimos nem fazer alunos saírem da escola – em particular as públicas – sabendo tabuada e conjugação verbal e como num passe de mágica temos 12 anos para substituir praticamente toda a frota? Sendo que em países de 1º. mundo os estudos sugerem que a frota de automóveis levam mais de 20 anos para se renovar… imaginem nós do Brasil? Olha…eu sei que o futuro é o fim dos carros com motores à combustão… mas isso deve ser sim INCENTIVADO pelos Governos, mas não IMPOSTO à população. Um Prius e um Leaf eram caros há 12 anos atrás, são caros hoje (Prius custa 120 mil reais e foi lançado mundialmente em 1997.. há 20 anos!!!) e serão caros dentro de 12 anos! Não tem como um Prius custar em 2030 o preço de um popular… sei lá… 35~40 mil reais… isso é ilusão… mesmo que com incentivos! Vejam que não é só o mercado… a fabricação… TUDO TERIA QUE MUDAR… imaginem a logística … os postos de abastecimento… as instalações eletricas em casa… AS USINAS HIDRELÉTRICAS…. sabendo que por causa de burocracia construir uma usina em terra indigena ( e quase todas as áreas com recursos hidricos suficientes no Brasil estão em “terras indígenas”) que teria que ser construida em 10 anos….leva mais de 15… . Não há tempo e nem dinheiro em 12 anos…é utopia. Dai… toma-se construir de forma emergencial termelétricas acionadas por combustível fóssil para injetar potencia na rede eletrica… de que adianta? Baterias são carissimas… custam a metade ou mais de todo o carro… e sua produção não vai aumentar suficientemente nesse curto prazo. Caminhões pesados são carissimos e por esse mesmo motivo tem espectativa de vida longa… natural isso! Imaginem um frotista/transportadora comprando cavalos mecanicos de 500 mil reais hoje e ter que “dar um jeito” de adaptar ou trocar o motor em 12 anos???? No Brasil? Esse motor que faz 1,5km/L de diesel na estrada passaria a fazer 0,5km/L… com etanol ou menos!!! Imaginaram o impacto no frete? COLOSSAL! Gente… o futuro é inevitável… mas deve-se criar cotas ou prazos mais realistas. Como nossa produção de etanol vai suprir os atuais 50% dos carros leves em circulação para quase 100% daqui a 12 anos? E o desmatamento?… pq lavoura de cana tem que ocupar ESPAÇO! Nosso passado e futuro nos diz que nunca fomos bons de Planejamento…e essa ideia do Congresso mostra que isso não mudou! O Segredo é FOCO E PRAZO! Tem que ser GRADUAL….GRA-DU-AL ! Par isso da certo a sinergia das diversas áreas do país… Energia, Logistica, Transportes…deve ser INTENSA… num país que criou a Transamazônica em 1968 e hoje, quase cinquenta anos depois, esta LONGE, MAS LONGE de ser concluída!!! Amigos estamos MUITO LONGE das Metas de Países de Primeiro Mundo. Um dia o futuro vai chegar… mas não nesse pequeno prazo.

          • Kenedy

            Ótimo texto amigo !
            Esse deputado devia ter vergonha de mostrar um projeto tão ridículo quanto esse.

            Colocar em pauta um projeto de reforma tributária nenhum deputado quer, mas apresentar projetos utópicos é moda

          • MMM

            Acho q vc não leu o texto inteiro.

            Primeiro, seriam 22 anos e não 12. 2030 iria parar a comercializacao.
            Segundo e mais importante: a lei diz gasolina e diesel. Poderia usar etanol e gnv.

            Não acho q isso vai dar certo nesse prazo mas não é tao ruim qto vc descreveu.

      • Leonardo M. G.

        Sim, tipo o motor elétrico movido a pinga (60% etanol 40% água) da NIssan…

    • zeh

      …provavelmente vendendo licença pra permitir uso de gasolina…

    • Roberto Lopes

      Que papo furado esse…Daqui 13 anos vai acabar nossa alegria? Quero V8 queimando pneu, não estou interessado em carro elétrico. Cansado desse papo de aquecimento global, camada de ozônio, derretimento de calotas polares… podem me chamar de ignorante, a vontade… esse papo, sempre tem alguém lucrando na ponta. A flatulência de todos animais terrestre, inclusive homo e woman sapiens geram mais co²… papo chato, vou beber uma cerveja…

      • zekinha71

        Quantos V8 são vendidos anualmente aqui?
        E quais seriam os carros?

    • ObservadorCWB

      Que desânimo….não viu os resultados fantástico do Inovar Auto ? Imagine nosso carro elétrico com Placa Mercosul, extintor de incêndio e Kit primeiros socorros. Show….Brazil ilil

      • 1945_DE

        Carro elétrico produzido no Brasil deve precisar mesmo de extintor de incêndio. Boa observação.

    • 1945_DE

      Quando atingir a meta, ai dobra-se a meta. Vai para 2060.

      • Douglas

        Na verdade só em 4060.

    • Dafomg

      Mais um político querendo aparecer, bancando o papagaio de pirata, criando projeto de lei sem ter a menor ideia de como vai colocar em prática. Tem regiões no Brasil que ainda estão no séc. XIX, pois nem estradas pavimentadas tem e o cara quer abolir o uso de gasolina e diesel nos próximos 13 anos? Como? É aquele velho ditado: Ouviu o galo cantar mas não sabe onde.

  • Maycon Farias

    Que surpresa. Não imaginei que veria uma noticia dessas por aqui. Não sei se comemoro ou se fico apreensivo, vai que rola uma propina lá no alto escalão para isso não acontecer, infelizmente a sujeira já foi provada estar em todo lugar. Mas de qualquer forma parabéns ao Senador.

  • Miguel

    Vou esperar sentado essa proposta vencer todo o lobby da industria do petróleo no Brasil e as automotivas… Mas torço pra que aprovem mesmo.

  • Lobão

    kkkkkkkkkkkkkkkk
    È melhor aumentar o preço da gasolina antes!!!!

  • Louis

    Gostei do projeto, mas os políticos têm tara pela PTbrás, então acho meio difícil aprovarem.
    Ademais, se estão pensando em diminuir a poluição, deveriam urgentemente retirar de circulação esses caminhões / picapes sem manutenção que despejam toneladas de fumaça preta diretamente na nossa cara, dá vontade de xingar caminhoneiro que anda com veículo em certas condições, a cada acelerada o dia vira noite.

    • Cristiano_RJ

      A Petrobras não tem nenhuma relação com o PT. Foi criada na década de 50 e se tornou uma das maiores empresas de petróleo do mundo. O PT é apenas um partido político que por ter governado o país por mais de 12 anos, exerceu forte influência em sua administração através de indicações que viabilizaram os saques aos seus cofres (não fizeram isso sozinhos. Tiveram ajuda de outros partidos…). Isso, portanto, não torna a Petrobras sua propriedade. Ela é muito maior do que isso e sua história é muito mais longa do que esse curto e negro período.

      • Louis

        Pois eu é que não confio em nenhuma empresa que tenha o governo como controlador, na minha carteira de investimentos não entra ações de estatais, muito menos PTbrás.

        • Cristiano_RJ

          As empresas as quais você confia ou não devido suas crenças políticas e/ou econômicas, assim como suas decisões de investimento são coisas completamente independentes dos fatos por mim postados anteriormente. Repito: a Petrobras nada tem a ver com o PT. É uma empresa com quase 70 anos de existência, uma das maiores companhias do mundo. Apelidá-la de PTbras é algo que não corresponde à realidade. Ao que ela de fato é.

  • HelderV6

    Incentivar os carros de ecochatos elétricos blz , mas proibir de andar os carros de verdade eh phoda.

    • MMM

      “Carros de verdade”. O dia que você tiver a oportunidade de andar em um Model S nós discutimos sobre carros de verdade.

      • HelderV6

        Eh um bonito eletrodoméstico

        • ViniciusVS

          Se o Smartphone tem 4 rodas, bancos e leva pessoas do ponto A até o ponto B já pode considerar como carro, gostando ou não.

        • MMM

          É o que devem ter dito os donos de carroças quando viram os primeiros veiculos movidos a motor a combustao. De qqr maneira, esse eletrodomestico é mais rapido que a grande maioria dos “carros de verdade”. Chato , não?

          • tiago

            Mais rápido? só na arrancada…
            Ainda é muito caro pra produzir, quando colocam no preço que o mercado está disposto a pagar dá prejuízo.
            O carro elétrico se mostra como o futuro, mas, no momento, ainda não é viável.
            Talvez daqui uns anos, nesse interim, devemos tornar o sistema elétrico mais robusto com mais energia eólica, solar, nuclear e quiçá até termoelétricas de última geração.

  • wesley souza

    Se a Petrobrás fosse privada eu acreditaria!

    • ObservadorCWB

      Ela já é UMA privada amigo…kkkkkk

      • Cristiano_RJ

        Não é não. Você não sabe o que está falando.

        • ObservadorCWB

          Eu não sei ? O que ela tem: Você, LuLLa e DiLLma defendem…… maior queda de valor dentre as petrolíferas mundiais. É MONOPÓLIO no Brasil para o REFINO, o que a torna quase “dona dos preços” . Vende Aqui combustível a R$ 5,00, e continua vendendo para o Boliviano a R$ 2,00. Uma super propaganda do pré sal para ABSOLUTAMENTE nada. E vc como carioca está acompanhando a questão dos royalties para cidades do seu estado. É como o Eike Batista….baseado na mídia e na propaganda o “pessoal acha” que é grande coisa. Das estatais a única que eu não privatizaria seriam os correios (pois nenhuma empresa iria querer abrir banco postal e agência no interiorzão do Brasil – onde NÃO haveria lucro). Mas as outras Merdobras, BB, Caixa etc etc e tals… é só cabide de emprego para Cargos de Confiança e uma fonte Inesgotável de desvios de verbas públicas. São cânceres que corroem o Brasil de dentro para fora.

          • Cristiano_RJ

            Observador, observo em seu comentário muito ranço político, recheado de clichês batidos e muita confusão com meias verdades qu você deve ouvir e propagar por aí. Primeiro, sim, a Petrobras é a única refinadora ativa no país, mas não existe monopólio. Há anos que o mercado está aberto, só que nenhuma empresa se interessa em investir no Brasil nessa área. Segundo, a importação de derivados é livre, e acontece rotineiramente. O mercado não pertence a uma empresa só; quer seja na distribuição, quer seja no varejo. Terceiro, para falar de preços você deveria conhecer melhor a estrutura tributária do combustível no Brasil. Talvez você não tenha percebido, e nem é sua culpa, já que não dá notícia na imprensa e nem reflexo nas bombas de combustível quando a Petrobras abaixa o preço da gasolina e / ou do diesel. Só quando aumenta. E quando vende para a Bolívia? Será que os impostos são os mesmos? Falando em propaganda, fico imaginando como uma empresa com quase 70 anos de existência, bilhões de faturamento anual e ativos, detentora e desenvolvedora de tecnologia e respeitada em seu meio pelos maiores players mundiais, pode ser isso tudo e realizar tudo o que realizou apenas com propaganda e servindo de cabide de empregos. Como empresa pode ter gerado tanto lucro para o Brasil sendo isso que você afirma ser. Sim, LUCRO sim. Os últimos balanço foram negativos do ponto de vista financeiro devido a apropriação dos prejuízos do roubo a que foi submetida e pagamento de juros por estar altamente alavancada. Mas se você deixar de olhar curto e buscar os últimos 10, 20, 30 anos ou mais, verá que o saldo foi positivo E MUITO para o país. Aliás, você fala em “desvio de verbas públicas”? Que verbas públicas cara pálida?! A Petrobras é uma entidade de cunho privado com ações na bolsa, inclusive em NY. O governo detém menos de 40% de suas ações totais. Por ter a maior parte das ações ordinárias é o controlador. Mas o caixa da empresa não é verba pública. Nem vou me alongar mais nesse tópico. Espero que você seja capaz de entender. Voltando ao assunto de cabide de emprego, pergunto, o quanto você conhece da estrutura organizacional da empresa para afirmar isso?

            Bem, vou encerrar por aqui porque já me alonguei demais. Não tenho interesse em discussões políticas e nem em troca de ofensas. Apenas repito o que afirmei antes, quando afirmas que a Petrobras é uma privada, estás falando uma grande bobagem. Fui!

            • ObservadorCWB

              Legal. Gosto de trocar ideias. Ainda mais sem “abaixar o nível”. Pela sua postura, imagino que pertença ao quadro da estatal. Entendo o seu ponto de vista mas não posso deixar de salientar: “Primeiro, sim, a Petrobras é a única refinadora ativa no país, mas não existe monopólio” – do grego Monopólio é a exploração sem concorrente de um negócio ou indústria. É a posse ou o direito em caráter exclusivo…….O interesse (ou a falta dele), é que aqui fatiaram o processo produtivo. E justamente o REFINO consta com saldo negativo até na própria Petrobrás. Talvez a ideia seja justamente, no futuro, uma privatização por valores baixos. (O que seria bom de qualquer maneira no médio e longo prazo). O petrolão surrupiou R$ 21 bilhões da estatal. O último PDV objetivava demitir 12 mil (Li em algum lugar que 30 mil outras demissões ocorreram sem estar treladas ao PDV). Mesmo após os desligamentos, a estatal ainda é a petroleira que mais emprega no mundo, à frente das gigantes Shell, Exxon Mobile e British Petroleum SOMADAS. E muito atrás delas em desempenho e lucros. E não é pouca diferença não. Shell lucra anualmente quase 10X mais. Exxon é hiper lucrativa, quase 20X mais, e a BP umas 10X mais. REPITO – as três SOMADAS não dão um cabide Petrobrás. Obrigado pelo nível. Acho louvável a defesa da empresa. Mas continuo não concordando. Entendo a questão “preço-bomba”, a derivação de valores para tapar outros rombos etc e tal….. Mas fora a tecnologia de exploração em águas profundas (atualmente ou sem verbas, ou sem resultados – não sei onde se enquadra), não vejo solução melhor que abrir totalmente este mercado. TUDO o que vc citou de anos de idade, patrimônio, ativos, patrimônio etc e tals…servia também para Telebrás e outras. Só espero que não estejam investindo zilhões na tecnologia de estocar vento.

            • Offshore LLC

              Ofendendo e saindo de fininho?
              Típico seu…

  • jfontes

    HAHAHHAHAHAH

  • durango

    Com nossa “infra” e capacidade de investimentos, Poderemos por vela e andar com o tal do “vento estocado”
    É nóiz

    • ObservadorCWB

      E lasca bandeira vermelha na tarifa da energia…isso se não criarem uma bandeira ROXA…kkkk

  • ale123

    Infelizmente em se tratando de Brasil, não dá pra levar a sério. Parece mais aqueles projetos que os parlamentares apresentam para mostrarem que estão “antenados” com o resto do mundo, mas que na prática são engavetados e esquecidos.

  • Freaky Boss

    Projeto de lei tem aos montes…mas daí a ser aprovado e efetivado são outros quinhentos!
    Não acredito nisso para 2030.

  • Marcelo Nascimento

    Digamos que isso seja aprovado em 2020. Em 10 anos, meu prédio terá que instalar tomadas em cada vaga nos 3 andares de garagem e provavelmente a Light terá que aprovar a instalação de medidores independentes para cada vaga. Isso ainda vai gerar muito questionamento…

  • Pedro Henrique

    eita, só eu que não gostei do projeto?
    pensem gente, não temos nem sequer 10% do que os países mencionados ali tem de frota de elétrico ou de investimento no setor, e nós somos um dos maiores players… a china nem deu prazo pra algo assim acontecer ainda, porque sabe que sendo um player grande o negócio demora mais…
    vai chega 2030 e vai ser uma empurrada de guela baixo que os pobres mortais não vão poder comprar carro 0km por mais de uma década porque convenhamos, etanol não supre nem 1/3 do país

    • ViniciusVS

      Em 2030 o pobre pode andar no Leaf, BYD e outros carros que vão aparecer na próxima década e serão os “usados” do futuro…

      Acredito que soluções como o Renault Twizy tem chances de ganhar uma boa parcela do mercado também, isso tudo claro falando de veículos de uso particular… não podemos esquecer dos autônomos que vão substituir uma grande parcela de motoristas de taxi/aplicativos e outros veículos compartilhados que também tem forte tendencia a se popularizar, sendo uma “evolução” das locadoras tradicionais.

      É uma decisão arbitrária para quem gosta de motores a explosão e quer dirigir o seu veículo antigo, acontece que essa será uma parcela muito pequena. Eu acredito que em 2030 praticamente todo mundo já terá migrado…

      • Eduardo

        Só há benefícios no elétrico. A gente é que tem restrições a mudança mesmo.

        • ViniciusVS

          Sim, em 13 anos muita coisa vai mudar… basta ver como era o mundo 13 anos atrás em 2004.

          Lembro que ainda era comum internet discada, internet móvel era uma lenda, os celulares eram aqueles tijolo padrão nokia e se tivesse câmera então era o máximo da tecnologia, no mercado automotivo os motores flex estavam engatinhando ainda, tudo nos carros eram opcionais… lembro que tinha carro médio com manivela nos vidros.

          A evolução tende cada vez ser mais rápida, então sem dúvidas em 5 anos muita coisa vai mudar…

          • ale123

            Espero que você esteja certo. Não vejo a hora dessa mudança acontecer.

  • Mr. Car

    Fico só imaginando o tamanho do pixuleco que este m*rda está levando dos usineiros.

  • NaoFaloComBandeirantes

    o senador Ciro Nogueira está mexendo em ninho de vespa…
    Ta cutucando a galinha de ovos de ouro dos coleguinhas.

  • Dreidecker

    A imbecilidade abunda neste país, e o Congresso não poderia ficar para trás nisto.

  • Zé Mundico

    A proposta é boa mas colocar isso em prática será o verdadeiro problema.
    Vamos falar como gente grande: nosso país é lascado e a maioria da população é formada por lisos e lisas. O povo mal tem grana para pagar 500 parcelas de um carrinho popular 1.0 ou mesmo de um mini-micro-suv-sub-compacto. E nada me faz crer que daqui a 15 anos a coisa vá melhorar, e se melhorar será muito pouco.
    O que estamos falando aqui é de uma renovação da frota, praticamente compulsória. Claro que carro elétrico é inevitável mas falta muito para chegarmos a esse nível de simplesmente extinguir carro com motor a explosão.
    E tem outro probleminha: o que vamos fazer do famoso pré-sal, no qual o país jogou todas as fichas e investiu bilhões para extrair o petróleo mais caro do mundo?

  • Ericson Seren

    Acho difícil. Estrutura p/ elétricos não tem. Pelo menos nos grandes centros como SP, Rio, BH e Porto Alegre vcs imaginam a instalação de tomadas 220V nas vagas dos prédios? Acho pouco provável que isso aconteça nos próximos 10 anos. Tão pouco a criação de bancos de abastecimento de energia. Caso exista, e asfilas?!

    • cepereira2006

      Tem prédio que nem garagem tem.

  • Tochio

    Foi a melhor piada que eu li na net, desde a invenção da mesma !!!!….

  • zeh

    PLS 304/2017 de autoria do senador Ciro Nogueira (PP-PI) ..brasileiro não desiste nunca,…

  • Max Neves

    Sou completamente favorável ao projeto desde o etanol como combustível se torne mais eficiente. Mesmo nessa gasolina E27 (kkk) que temos aqui, a gasolina ainda é bem mais eficiente. Quanto aos elétricos, num país continental, mesmo um Tesla com 500 km de autonomia é pouco, visto o tempo de recarga. Imagina uma viagem pro nordeste (partido de SP), o tormento que seria num carro elétrico?!?!

  • klaus

    Assim, no canetaço?

  • MIN💀S

    A esquerda mundial celebra as decisões de abolir os veículos de combustão interna.
    Gritam: “Bem vindos carros elétricos!”
    Mas se esquecem de que eletricidade não dá em árvores.
    Os países da Europa, que estão avançados em carros elétricos, parte da eletricidade é fornecida por usinas nucleares.
    Se o Brasil não fosse tão…. mortadela, talvez teríamos também usinas nucleares.

    • IRA

      Mas o PP (Partido Progressista) é de esquerda? A Alemanha de Angela Merkel (União Democrata Cristã – direita conservadora) fez um pronunciamento parecido com este e está desativando suas usinas nucleares. Talvez essas questões não tem a ver propriamente com esquerda ou direita…https://oglobo.globo.com/mundo/alemanha-da-passo-rumo-sistema-livre-de-energia-nuclear-16858634

      • MIN💀S

        A Alemanha está desativando usinas antigas e fechando acordos para comprar eletricidade de outros países.
        Eles não vão conseguir suprir a demanda com usinas… de que mesmo?

        Todo “progressista” é de esquerda, se fosse CONSERVADOR… seria de direita.
        Mas a única certeza é que não se falam em como atender a demanda que vai crescer com os carros elétricos.

        • IRA

          Confirma, por favor, a notícia de que Alemanha esteja construindo novas usinas nucleares, pois a crítica é justamente sobre o abandono desse tipo energético. Quanto ao PP, próprio partido se denomina de direita.

          • MIN💀S

            Vc acredita nas declarações do PP???
            Tsc… Tsc..

      • Cristiano_RJ

        “talvez essas questões não tem a ver propriamente com esquerda ou direita…” [2].

        Pois é. Muito bem dito. Não entendo essa mania de tudo levar para essa discussão pseudopolítica simplória e dualista.

    • Cristiano_RJ

      Por que toda discussão tem que acabar em esquerda x direita?

  • Ainnem Agon

    AH NAO PORA GLOBALISTAS DESGRAÇADOS!!!!! DEIXEM-ME EM PAZ!!!

  • Lyn

    Na pratica vamos ficar refens do etanol ja que a rota 2030 não tem nenhuma politica que diga respeito aos eletricos

  • tiago

    Governo estúpido inescrupuloso, os países que vão dar BAN no motor a combustível já estão se mexendo, o Brasil não e acha que tudo vai acontecer num toque de mágica.

  • Wagner Lopes

    Será que esse idiota não tem coisa melhor pra fazer não?

  • Ricardo Santos

    A roubalheira da Petrobras vai passar para a Eletrobras, basicamente.

    • Cristiano_RJ

      Felizmente essa roubalheira não existe mais. E se as investigações e punições forem até o fim, tenho esperança de que surta algum efeito concreto e duradouro no país, fazendo com que não reapareça nunca mais, em empresa nenhuma, não importa o governo.

      • Ricardo Santos

        Se você acredita de fato nisso, eu tenho uma ponte linda pra te vender.

  • zekinha71

    Então somente em 2040 que não veremos mais nas ruas Kombis e 1113.

  • Danilo

    eh pra rir neh? Brazil ta 20 anos atrasado em relacao a outros mercados, malemá tem eletrico a venda (que seja acessivel) e quer arrotar grosso.
    o Governo acabou com as linhas ferroviarias, que poderiam ter sido modernizadas com o tempo, evitando o transtorno de caminhoes principalmente na cidade de sao paulo. Linhas essas que poderiam dar lugar a trens eletricos.

    Ate 2030 acabar com diesel e gasolina? DU VI DO.
    Brasil nao tem estrutura nenhuma, e muito menos o governo tem inteligencia suficiente pra fazer isso.
    Sem contar o impacto que isso vai gerar em empresas, transportes e na vida do cidadao.

    2030 sao apenas 12 anos, se levar em conta que 2017 ja era. Se voltar a 12 anos atrás a unica mudança significativa na industria automotiva brasileira foi adiçao de AirBag e ABS obrigatorio.

    Entao duvido que em 12 anos, no Brazil principalmente, vão extinguir a venda de carros diesel e gasolina.

  • Eduardo

    Brasil, o país da piada pronta!

  • SDS SP

    Quero só ver…
    Aqui não tem nem coleta de esgoto para 100% da população, quiça algo na linha dessa proposta…

    Primeiro construa uma infraestrutura decente para depois pensar nisso.

  • 1945_DE

    O o que a Petrobras vai fazer com o pre-sal? A reserva que nos faria auto-suficientes. KKKKKKKK

    • Cristiano_RJ

      O que a Petrobras vai fazer não. O que o BRASIL vai fazer com o pré-sal, que é uma riqueza nacional. Não pertence a nenhuma empresa. No momento a Petrobras e várias outras petrolíferas o exploram sob concessão, pagando royalties. Se um bem natural do país perde seu valor, o Brasil inteiro só tem a lamentar. Mas, anyway, o petróleo não serve para produzir apenas gasolina e diesel. Esse celular ou computador que você utiliza, é fabricado com vários materiais derivados do petróleo. A parafina que o surfista coloca na prancha ou que é utilizada para fazer velas, o óleo lubrificante que os carros utilizam, o querosene de aviação, o gás de cozinha, etc. Fora que usinas termoelétricas também queimam óleo diesel.

  • Daniel

    hahahahahahahahahahaha…. esses arroubos de país desenvolvido que os políticos brasileiros tem me causam risos

  • Milton Quadros

    Deve ser o projeto compatível com quem recebeu 500 do Joesley da JBS, que por sinal investe forte no ramo de termoelétricas. Deve querer alimentar os veículos com a eletricidade que ele gera….. a partir do diesel :-) http://noblat.oglobo.globo.com/geral/noticia/2017/09/joesley-e-saud-dizem-ter-dado-mala-de-r-500-mil-ao-senador-ciro-nogueira.html

  • Milton Quadros

    Não levem a sério. Conheçam antes o autor do projeto, recebedor de propina da JBS que tem várias termoelétricas. http://noblat.oglobo.globo.com/geral/noticia/2017/09/joesley-e-saud-dizem-ter-dado-mala-de-r-500-mil-ao-senador-ciro-nogueira.html

    • Maycon Farias

      Pois é, infelizmente vi essa reportagem hoje também, quando vi o nome, lembrei que tinha visto essa matéria aqui, é lamentável.

  • gregory

    Simplesmente uma meta impossível, com esse prazo então, beira a utopia, ou o ridículo…

  • Natán Barreto

    KKKKKKKK EU QUERO VER É A CORJA DO PETRÓLEO APROVAR ISSO

    • Maycon Farias

      Existe uma mafia muito grande aqui enraizada em tudo quanto é lugar, os recentes desdobramentos de investigações prova isso.

      • viOlator

        O monopólio da exploração e refino de petróleo no Brasil acabou em 1997.

      • Cristiano_RJ

        “Já começa errado em ser a unica que pode explorar, no EUA por exemplo são dezenas delas”

        Velho, é sério que estou lendo isso? Você está precisando se atualizar viu.

        • Maycon Farias

          Me fala por favor. Nunca é demais aprender.

          • Cristiano_RJ

            Bem, você editou o seu comentário retirando essa frase. Já é um bom começo. Como o colega viOlator aí em cima postou, o monopólio do petróleo terminou ainda no governo FHC, no final dos anos 90. Hoje, dezenas de empresas atuam na exploração de petróleo. Shell, Exxon Mobil, Chevron, dentre outras tantas. Basta para tanto participar de um leilão para exploração de determinado campo e a empresa que ganhar passa a ter os direitos sobre tal, tendo, obviamente regras e prazos a cumprir, assim como royalties a pagar, etc. Dê uma pesquisada para maiores informações.

            • Maycon Farias

              obrigado, juro para vc, assisti um vídeo gringo de um youtuber dizendo que aqui só quem pode explorar é a Petrobras, inclusive a foto que estampa o vídeo mostra umas 30 bandeiras de empresas lá, e na nossa só a Petrobras. Realmente é uma desinformação levando as pessoas a acreditar em coisas que não são totalmente corretas.

              • Cristiano_RJ

                Verdade. Temos que tomar muito cuidado com o que vendem por aí.

    • Cristiano_RJ

      Quem é a corja do petróleo?

  • Luis Burro

    Seria uma boa,mas querer se comparar com a europa não dá!Não tem nem legislação específica pros elétricos ainda.Primeiro se organize,depois tome as medidas cabíveis.

  • Jackson Willian dos Santos Jac

    Esse país é uma piada msm, querem acabar com a venda de carros à combustíveis fosseis e cadê o incentivo à hibridos e eletricos??? Em 2030 vamos voltar a andar à cavalo….

  • afonso200

    putz, como fazer com os 3 de coleção mais os 2 do dia a dia ?? V6

  • Esse projeto é inviavel, na vdd o que vai ocorrer é que o Rota 2030 nao contemplou nada em relação a carros eletricos, e pelas ultimas noticias nem mesmo a cobrança de imposto por eficiencia energetica ao inves de cilindrada passou, ou seja, continuaremos iguais, por mais 13 anos pelo menos, carro eletrico se tiver incentivo é por MP e olhe lá, depende de quem entrar em 2019. É provável que em 2030 o Brasil ainda estara discutindo estas questões, enquanto o resto do mundo estará já abandonando os carros a combustão e já popularizando os carros autonomos 100% limpos.

  • awatenor

    Mas quando, pequeno…..

  • octavio cesar godoy

    Kkkkkkkkkkkk, só dando risada de um país como esse nosso, e pior dos politicos loucos que temos por aqui

  • Compro Vidro de Perfume Vaziou

    Por mais que ache o projeto ótimo ele nunca vai ser aprovado no Brasil, no máximo o que vamos ter é redução de Ipi para carros 100% eletricos !!

  • Adriano Lius II

    Quero ver o tiozinho que vende melancia vender sua kombi 75 , o caminhão de laranja ser elétrico, nessa País aqui onde poucos tem chance , acredito que precisa-se de 30 anos ou mais.

  • Milton Fabiano Camargo

    Etanol é caro, gastão (gasta-se o dobro), o carro não funciona direito… Uma porcaria de combustível. Dependendo do carro a gasolina ele é mais ecológico, pois rende mais. Isso aí é palhaçada. Fosse sério, se o país fosse sério, os elétricos deveriam ser liberados já.

  • Marcos Mattevi

    Aqui vai voltar as charretes , pois já não tem estrutura para veículos a combustão interna, elétricos, vai ser uma gambiara só.
    O Brasil não consegue se estruturar antes de um fdp querer fazer leis que não condizem com a realidade nossa.

  • Romulo Moreira

    Kkkkkkkk Sim, aí carro vai ser coisa de rico mesmo, porquê o Br mostra “MUITO” interesse em dissminar o uso do carro elétrico….Carro elétrico no BR é caríssimo, vão proibir pra quê? Diferentemente da mentalidade de países de PRIMEIRO mundo, onde há um plano para se guiar, aqui é tudo feito nas coxas,e por consequência, não dá muito certo!!!!!!!

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend