Mercado

Carro 1.0 tem 40% de seu preço em imposto!

No Brasil paga-se muito por quase tudo o que é feito por aqui. As vezes, se torna mais barato adquirir produtos importados do que nacionais. A culpa? Os altos impostos cobrados pelo governo federal. brasileiro! Um dos mais altos do mundo!







No setor automotivo então, nem se fala. calcula-se em até 37,5% a carga tributária que incide sobre os preços ao consumidor(PIS, Cofins, ICMS, IPI e por aí vai!). Uma verdadeira cascata de impostos que nunca retornam para o contribuinte.

No caso dos automóveis com motor 1.0, os chamados “populares”, o índice de tributos chega à 37,5% do preço do automóvel! Um verdadeiro absurdo! As montadoras dizem que o governo cobra estes impostos deles e os mesmos são obrigados a repassar aos consumidores. Será?

Com os também altos percentuais de lucro obtidos pelas mesmas em nosso país, será que a culpa pelos altos preços é somente do governo federal? Com lucros tamanhos, realmente fica difícil acreditar. Mas vamos “pensar” que o governo é o causador de tais preços elevados por aqui…

Nos últimos sete anos os preços dos carros subiram 75%! As alíquotas de IPI se mantiveram as mesmas. Então, se o percentual de imposto não subiu, porque os preços subiram então? Suspeito não é?

Por último, vamos comparar para ver o quanto custa um “popular” 1.0 para os brasileiros: Partindo-se do mais barato(modo de dizer) Uno que custa R$23.240,00. Em dólares, esse valor chega a US$12.525,00.

Com o valor acima, você adquire um Kia Rio na versão sedã por US$12.145,00! Ainda dá para economizar quase 500 dólares! Mas, se comparar um sedã com um hatch não é justo, então lá você pode comprar um Hyundai Accent com 3 portas por US$11.070,00!

Bom, mas se nos 1.0 mais baratos a situação já é ruim, imagina nos mais caros. Um Tucson custa US$17.420,00 nos EUA. Aqui seu equivalente custa a bagatela de US$44.700,00!

Com isso lá dá para levar um Genesis V8 completo por US$41.250,00, cerca de US$3.500,00 mais barato que um Tucson aqui!

Bom, o que você achou de tais preços? A carga tributária é das piores, mas o governo sempre acena com a possibilidade de unificação de tributos.

Será que um dia isso irá acontecer de fato e o percentual irá diminuir? Se isso acontecer, as montadoras irão baixar os seus preços? Perguntas, ainda sem uma resposta concreta.

Fonte: Uol Carros.



  • Filipe Augustus

    Eu não duvido nem um pouco se abaixarem os impostos e a margem de lucro automáticamente subir na mesma porcentagem em que os impostos cairam!!!!
    Se isso acontecer,não vai ser de se adimirar!!!!!

    =D

  • IGAUM

    Quase 40% nos 1.0 e ate 50% modelos com cilindrada acima.

    NOSSO PAIS É UMA PIADA…de mal gosto! A classe media e quem compra carro sustenta o bolsa esmola!

    O Mulla ta com 92% (!!!) de aprovação no N/Ne do país…

    Já coloquei na mina cabeça. Vou comprar carro usado daqui pra frente. Usado em excelente estado com pelo menos 4~5 anos de uso… dai já desvalorizou bem.

    Ainda bem q tem internet e dá pra fuçar bastante carro por ai.

  • danielpa

    Se os impostos cairem o preço não vai cair junto não, isso sempre aconteceu aqui, infelizmente :clown:

  • Leopoldo Motta

    Essa mansão aí da foto é de um “funcionário” público nomeado em cargo de confiança comprada com os 40% de impostos… (custo Brasil)

    ***Qualquer semelhança com a realidade não é mera coincidência.

  • Luis.J.R.

    E o pior que o povão continua comprando?Vamos ver com a unificação das taxas o impostos pode abaixar!Bom espero! :bate:

  • martto

    [Comentario #105965 sera citado aqui]
    :cool:
    È isso ai ! … ainda por cima voce leva um carro muito melhor do que um zero

  • fabiojose

    Os carro brasileiros só vão ficar baratos no dia 1º de Abril!!!!
    :banana: :banana: :banana: :banana: :banana: :banana:
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  • Gustavo Souza

    “Nos últimos sete anos os preços dos carros subiram 75%! As alíquotas de IPI se mantiveram as mesmas. Então, se o percentual de imposto não subiu, porque os preços subiram então? Suspeito não é?”

    Não Moriah… nada de suspeito! O aumento de preços tem a ver com o aumento da demanda de aço e outros materias pela china, e consequente aumento de preços. Bem como a Inflação no Brasil, e outros diversos fatores que podem influenciar o preço de carros.

    Outra coisa que o preço do carro é feito a partir do custo de produçao. Sobre esse custo de produção temos impostos! Imposto no ferro que vai produzir o motor, imposto sobre o salario do trabalhador, imposto na energia eletrica que é gasta na fabrica… imposto pra tudo… e como no Brasil é tudo um grande circo, sobre isso tudo temos impostos MUITO ALTOS!
    Assim o preço do carro não é feito so pelo imposto da hora de vender, que aidna assim e 40% do preço de venda! E sim do custo de produçao, que nos ultimos 7 anos aumentou o suficiente pra justificar essa inflacionada no preço dos carros.

    Portanto, não é unificaçao de imposto que vai resolver. É REDUÇAO DE IMPOSTOS COMO UM TODO!

    Não é so carro não… no açucar refinado que vc compra, café, arroz, feijão, eletronicos, tudo tem imposto na media de 30-40%. Dinheiro que vc nunca mais ve!

    E ainda não entramos nos meritos do IPVA, seguro obrigatorio, emplacamento, imposto sobre a gasolina… que é outra historia ridicula!

  • velocidade

    :censor: :censor: :censor: :censor: :censor:

    Margem de lucro da fábrica e da concessionária.

    Como é caro o carro no Brasil

    No post passado mostramos quanto custa um carro no Brasil e o mesmo modelo no México ou na Argentina. E daí vem a seguinte pergunta: o que explica essa diferença tão grande?

    Margens de lucro à parte, o Brasil é mesmo cruel quando se fala de cobrança de imposto. Aliás, diz-se que o carro brasileiro é o que tem a maior carga tributária do mundo. Num automóvel com motor acima de 2.000 cm3, o imposto representa 36,4% do valor do veículo (num 1.0 esse número é de 27,1%).

    Significa que, se um carro custa 50.000 reais, cerca de 13.000 são impostos. O restante (37.000 reais) é matéria-prima, custo de desenvolvimento e fabricação, transporte e margem de lucro da fábrica e da concessionária.

    Essa é uma velha reclamação das montadoras e concessionárias — e eles têm razão. Com um imposto tão alto, não há como ter um carro razoavelmente barato. Quando se compara com outros países, a diferença é enorme: na Europa é média é de 16%, enquanto os Estados Unidos ficam em 6,1%. E no México? Também é muito baixo: 15%. Quer dizer que num carro de 50.000 reais apenas 7.500 reais são de imposto. Bem, isso já ajuda a explicar por que os automóveis são tão baratos no México.

    Agora falemos da Argentina. Lá o valor do imposto é menor, mas não tanto assim: 21,5%. Vamos usar o caso do Renault Logan 1.6 8V. No Brasil ele custa 37.550 reais na versão com ar-condicionado e direção hidráulica (que são itens de série lá na Argentina). Para veículos com motor de 1.0 flex a 2.0 flex, a tributação aqui representa 29,2% do valor do veículo. Portanto, o nosso Logan tem 10.965 reais só de imposto. Esse mesmo modelo custa na Argentina 25.500 reais, sendo 5.483 reais de tributação.

    Assim, ao eliminarmos a carga de impostos, o Logan brasileiro custa 26.585 reais e o argentino, 20.017 reais. E vale lembrar que o Logan vendido lá é produzido no Brasil e exportado para lá, o que teria um custo extra de transporte nessa história.

    E de onde vem essa diferença de 6.500 reais? :espar:

    :espar: :espar: :espar: :espar:

    FONTE : http://quatrorodas.abril.com.br/blog/zeca/111552_p.shtml?comentarios

    :banana: :banana: :banana: :banana:

  • LFSP2

    Que ódio desse país de comunistóides, e os impostos só sobem, pior que como o povo brasileiro é otário nunca sabe aonde eles estão, estão embutidos, eles são majoritariamente indiretos aqui, quando se fala de reforma tributária é sempre a mesma coisa, nunca uma reforma tributária pensou em reduzir a carga tributária e tornar mais fácil o pagamento dos impostos, por isso que as empresas brasileiras gastam 2000 horas por ano pagando impostos e quase 150 dias do salário do trabalhador brasileiro vão para o ralo com os impostos, pior que no Brasil o preço é maior, a renda é menor o produto é sempre inferior aos sdsimilares mundiais.
    Comparando Brasil e EUA, com 13 mil dólares nos EUA você leva um Fit, no Brasil leva um Uno.
    Por 15 mil dólares leva um Civic ou um Corlla, aqui você leva um corsa 1.0.
    Por 20 mil dólares você leva um Mustang lá, aqui um Punto 1.4.
    Por 30 mil dóalres você leva uma Picape completa lá, com motor V8 e tudo, no Brasil você sai com um Linea.
    Por 40 mil dóalres você leva um Hyundai Genesis, aqui um Fusion.
    E por fim, por 50 mil dóalres você compra uma extragrande pickup F-450, e o que você leva no Brasil? Uma S-10 ou uma Ranger totalmente defasadas.
    Enfuim, somos o país dos palhaços. :clown:

  • LFSP2

    E acrescento, impostos são o maior problema, mas não são o único, há também um governo ineficiente e montadoras ávidas por lucrarem num mercado onde qualquer porcaria vende.
    E as medidas que o governo tomam surtem efeito contrário do que prometiam, quando reduziram o IPI dos 1.0 queriam fortalecer a indústria, mas esta se tornou depdente desses modelos pelados e depenados com motores pouco potentes e nada eficientes, que alardeiam economia de combustível mas são mais beberrões que as versões 1.4 ou 1.6 destes carros. Tanto é que o Gol e o Fiesta bebem menos em suas versões 1.6.

  • LFSP2

    Mias uma coisa, o custo de um motor 1.0 e o de um motor 1.4 ou 1.6 é o mesmo ou então o 1.0 é só um pouco mais barato, ou seja, poderíamos ter investido em maiores motores que empurrariam os carros com mais eficiência, já que tirando o mille, os 1.0 se arrastam e não termos a desastrosa idéia de abaixar os imposto dos carros mil, tudo culpa da Gurgel, lançou um carro de 800 cil., as outras montadoras protestaram e começou essa fase de atraso no aspecto dos motores com a desição do senhor Collor Desastre de Mello de reduzir o IPI de carros com menos de 1000cm3.

  • fernando bento

    Sim os impostos no Brasil são altos, isto é um fato, infelizmente também é fato que não recebemos em serviços os valores cobrados pelo governo, aí é que está a gravidade desta qquestão. Mas há mais de um vilão nesta história, pois todos atores da economia brasileira (produtores, industriais, funcionários, etc) estão sujeitos à mesma carga tributária, se quarenta por cento do preço do carro popular são impostos, os salários também o são assim como o pão o leite e o bilhete dop cinema. Assim a industria automobilística nãó é acoitadinha que que quer apareentar ser. Se por acaso os impostos fossem reduzidos em toda economia, vocês acreditam que veríamos benefícios? Acredito que não… ou alguém aqui viu reduções de preço em algum produto ou serviço após o fim da CPMF.
    Os produtos (de quaisquer espécie) custam caro no Brasil também porque as margens de lucro de produtores, fabricantes e revendores são mais altas do que as praticadas em outros paíese. A concorreñcia pelo oferecimento do melhores produtos pelo menor preço, é um instituição que não vingou no nosso país, nestre sentido (quanto a lei da oferta e da demanda) o Brasil não é um país capitalista. Quando temos mais de uma empresa disputando um segmento de mercado ao invés de termos uma briga para ver quem oferece mais vantágens para conquistar o cliente, o que termos são cartéis, mais ou menos dissimulados, é por isto que os ditos carro populares custam mais ou menos o mesmo preço (alto) e tem a mesma qualidade (baixa). Observamos isto no nivelamento dos preços dos combustíveis ou na homogeneidade das taxas de juros e nos valores cobrados pelo bancos em suas taxas de serviço. Ou até mesmo nos preços de jornais e revistas (porque será que a Folha custa o mesmo que o Estão…)

    Voltando às montadoras:
    Todos sabemos os vlaores que são cobrados em impostos, mas alguém tem um estudo que acompanhe as margens de lucro praticadas por todas as empreas envolvidas no processo de produção e venda de um automóvel? Desde o preço do aço até a margem praticada pela conccessinária?
    A 4 rodas de outubro fala de maneira tímida sobre este assunto, assim como o jornalista João Leite: http://www.webmotors.com.br/wmpublicador/Colunistas_Conteudo.vxlpub?hnid=40513

    Mas precisamos buscar mais informações sobre esta questão.
    Vai aqui a última frase do artido citado anteriormente:

    “O imposto ainda é muito alto; mas é menor hoje do que há sete anos, período em que o carro subiu até 120%.”

  • fl4v10r04l

    realmente, no Brasil, pagar imposto é jogar grana no ralo!

  • Lamb0

    É ‘sempre bom’ lembrar.. :asner:
    Eu cheguei a ver uma campanha que comentaram faz um tempin… ‘Nao compre carro em novembro’ Numa materia aqui no NA.. Era serio isso?

    Outra coisa.. eu tenho uma revista antiga de Autoesporte 2004 se nao me engano.. Me lembro tinha uma materia com os carros medios e dizia.. “tamanho medio, desejo intenso” Mas nao foi por isso que ela me marcou foi pq os preços dos Carros(Golf, Focus, Astra, Stilo) eram todos menores que 40 mil :clown: E hoje.. eu prefiro nem olhar que se nao eu me assusto! Dava pra fazer uma materia comparando.. Seria interessante.. Pq agente sempre fala em porcentagem.. ou compara com os EUA.. so que se agente fizer a comparaçao com o Brasil mesmo a 4-5 anos atras é assustador!

  • Alexandre

    A questão de imposto alto é muito relativo. O imposto é medido através dos benefícios que retornam para vc, ou seja, no Brasil é muito alto pois se paga pela saúde, educação, conserto de carro por causa das estradas grotescas quando não é pedágio…além de todos os impostos que comem nosso salário

    Se não me engano na Suécia ou Noruega o desconto de imposto sobre o salario do trabalhor é 50% do total, porém eles não gastam com saúde, escola e etc…Então para eles a carga trinutária não é alta.

    Acho que ninguém ligaria de pagar tanto se houvesse um retorno que justificasse. Se acham que abaixar o preço vai aumentar mt as vendas e vai inundar as estradas brasileiras, obrigue a produção de carros com maiores itens de conforto e segurança e qualidade e abaixe o imposto para que eles venham aos msm preço dos nosso dignissimos populares. Se o preço não cai, as vendas não aumentaram mt de vez e trará um grade beneficio a população seja pelo conforto ou pela segurança.

  • Jango

    Desde que eu me entendo por gente que se fala em Reforma Tributária e NADA acontece! :asner:

  • pelas_xr3

    qndo surgiram os 1.0 eram pra ser carros de baixo custo e deveraim custar na faixa de 7mil dolares, hj ja tao o dobro do preço =/
    e como dito os impostos n aumentaram e nao acredito q a inflaçao cresceu tanto assim…

    em 2004 tinha um conhecido q tinha um parente trabalhando na FIAT e SE eu NAO ME ENGANO, ele havia dito q o custo para se produzir um MAREA TURBO era de 25mil +ou-, e era vendido por cerca de 70mil na epoca se minha memoria n falha,

    mtos vao falar q a FIAT explora mas a culpa n eh dela, nem da GM,VW e qlqr outra, o prblema sao nossos impostos altissimos q n condizem ao q vemos nas estradas q fode os caminhoes-cegonha tudo

  • tiago brito

    Eber saiu uma materia bem interesante sobre esse assunto na 4rodas, em quanto o nosso crevrolet captiva e 92.990 reais o mexicano paga 48.800 reais, isso pq a renda per capita deles e 20% maior que a nossa, Brasileiro e tratado como burro mesmo :pao: :pao:

  • [Comentario #105979 sera citado aqui]

    Realmente existem muitas variaveis que influenciaram nos preços, mas isso de modo geral tb ocorreu em outros paises. Hj a China enfrenta isso com o preço do aço…a Vale que o diga…

  • ThiagoLana

    Dá Nôjo desse nosso governo!!!!!!!!!!

    Estamos vendo um absurdo acontecer na nossa frente e infelismente não conseguimos fazer nada!

    É uma decepção atras da outra!
    Cada vez mais sinto enganado pelo meu próprio país!
    É por isso que brasileiro é louco pra morar em outros países!

    Sinceramente… eu tenho vergonha do governo brasilero!

    BRASIL – Um país “desgovernado”!

    Estou com uma vontade imensa de falar palavrões!

    :censor: :censor: :down: :evil2: :evil2: :evil2: :cry: :cry: :cry:

  • yasu

    [Comentario #106012 sera citado aqui]

    Exato, todo mundo fala da margem de lucro das empresas mas nessa conta aí você não tá pondo o custo operacional da empresa.

    No Brasil não são só os impostos dos produtos que são caros, existem uma série de impostos para a carteira de trabalho, para cada 1 real que uma empresa paga ao empregado, 1 real vai parar nas contas da união.

    Ou seja se o Fulano ganha R$1.000,00 a empresa paga quase R$1.000,00 de impostos, isso só em termos de folha de pagamento, descontando os impostos prediais que a empresa paga por suas instalações, imposto de renda, e uma série de impostos.

    Ou seja se você tirar o Custo operacional desse valor bruto do produto eu acho que não devem ter lucros tão altos assim.

    Hoje em dia o mercado tá bom, esperemos que continue assim mas a 2 anos atrás estavam tendo uma série de demissões no Brasil, não sei se é do consentimento de todo mundo mas para se demitir no Brasil o custo é bem alto também.

    Se realmente elas trabalhassem com o lucro tão alto acho que eles poderiam segurar um pouco mais a ficar tomando prejuízo ao demitir e recontratar novos funcionários.

  • wotan

    O que se pode esperar com:
    SENADORES a R$600.000,00 por mês
    DEPUTADOS FEDERAIS a R$200.000,00 por mês
    DEPUTADOS ESTADUAIS SP a R$120.000,00 por mês
    VEREADORES a R$70.000,00 por mês
    FARRA de CARTÕES CORPORATIVOS
    Fora o STF, STJ, Ministérios, prefeituras, governos de estado, etc, etc.
    Algúem tem que pagar essa conta né, “é nóis”. fora o IPVA, DPVAT e alguma multinha.

  • wotan

    BRASIL um PAÍS DE TOLOS

  • wotan

    Por isso dia 5 de outubro vote NULO.
    Para não sustentar PARASITAS.

  • wotan

    Gente, o país tá ótimo para 80% dos brasileiros, segundo pesquisa divulgada ontem.

  • Gustavo Miranda

    Pois é… praticamente todas as empresas brasileiras ou com subsidiárias aqui não só estão importando mais da China como também estão transferindo suas linhas para lá, tirando o emprego daqui, grandes empresas tradicionais do Brasil, como a Arno, a Walita, Britânia, Lorenzetti, que sempre tiveram toda a cúpula de criação e desenvolvimento de novos produtos por aqui também estão se debandando para a Europa ou China, a Philips tinha no Brasil um dos cinco principais centros de excelêcia de criação de eletrodomésticos para a Walita aqui, coisa desenhada e fabricada aqui no Brasil e exportada como Philips para Holanda, Alemanha, Argentina, Espanha, por exemplo, agora, só linha de montagem de produtos chineses. Os profissionais criativos agora estão sendo encaminhados para fora daqui, a GM também está perdendo seu centro de estilo em favor da unificação com o da Coréia do Sul…
    Nossos impostos são absurdamente surreais, deveríamos ter tratamento de realeza pelos serviços públicos se fossem proporcionais ao que pagamos.
    Mediante esses fatos, conclui-se que a pirataria não vai acabar, a corrupção idem e, de país criativo e ousado, estamos cada vez mais nos tornando apenas um membro para trabalho braçal. :cool: :cool: :cool:

  • Gustavo Miranda

    oops :down: :down: :down:

  • Thiago07

    Que o preço dos carros aqui tá caro isto é verdade, mas, não para de vender carros aqui, é uma locura cada mes sai milhares e milhares de carro. porque uma empresa vai baixar o preço de seu produto se ele tá vendendo bem???É meio sem lógica não é? O governo cobra impostos altos pode ser, mas axo que não é esse o erro, mas sim a forma que é usado esse dinheiro, se nós tivessemos um governo eficiente ninguém estaria reclamando de nada, axo um absurdo os gastos que se tem com um politico, fora o salario dele tem diversos beneficios, assistentes e tals. Pra que senadores?????????? oque eles fazem??? quantos km de asfalto poderiamos fazer com o dinheiro destinado aos senadore??? quantos salários minimos poderiamos dar para os mais necessitados??? E outra questão: Será que os impostos são pagos certinho?(vide grupo PSA).
    E sobre um comentario que fala que a cada 1R$ pago pro trabalhador vai mais 1R$ pro governo, é mentira na verdade é assim a cada fora o salario do trabalhador a empresa gasta mais 65% todo mês, e nesses 65% estão incluido férias e 13° e FGTS, pro governo vais cerca de 20%.

  • Thiago07

    Postaro essa noticia só pra vê o pal pega :hauhau: :banana:

  • JULIO875

    Viva o socialismo!!!!!!
    ahuahuahuahuahuahuahuahua

    :banana:

    Lula só faz sucesso entre os socialistas e os que recebem o bolsa familia e usam o dinheiro pra tomar cachaça…
    e essa conversa de que aqui no Nordeste e lá no Norte ele ta com 92% de aprovação é mentira, conversa pra boi durmir…puro marketing político.

    O problema não são os impostos. O brasileiro não vê pra onde ta indo o dinheiro arrecadado(pra não dizer roubado). A suécia tem uma das mais altas cargas tributarias do mundo, a diferença é que o dinheiro dos impostos é empregado em favor da população, e não dos politicos corruptos. Ninguem lá, seja rico ou “pobre” precisa pagar por educação de qualidade, saúde e infraestrutura básica, isso é oferecido pelo governo, no que eles chamam de Estado do bem estar social: vc paga impostos, mas o governo manda tudo de volta, na saúde, educação e etc. Coisa que no Brasil não acontece. Lula inventou esses programas sociais, a população menos favorecida adorou pq recebe cento e poucos reais por mês e não precisam trabalhar pq estão com a vida ganha. Vejo isso todos os dias, faço trabalho voluntário em uma cidade próxima aqui de Natal, na zona metropolitana, e as vezes fico indignado com o estado de inércia do povo, ja ouvi muitas pessoas dizerem que “tenho o bolsa familia e o vale gas, pra q vô trabalhar???”
    E o pior é que o dinheiro que recebem não é convertido em beneficios pra família, muitos torram todo em cachaça e em drogas, e os filhos ficam passando fome por aí.
    É a famosa política do Pão e Circo, enquanto o povo continuar sendo passivo e acomodado o Brasil, que já não era lá muita coisa, vai ficar ainda pior…
    Foi um desabafo.

  • Thiagu

    Como um governo desses pode ter 80% de aprovação… ta errado isso!!!

    Além de pagarmos um monte de impostos, valores abusivos pelos nossos
    Carros (carroças) ainda têm o IPVA, seguro obrigatório e o outro seguro para roubos e colisões que é uma absurdo, mais tantos de impostos abusivos, os
    licenciamentos, documentação, pedágios… enfim é tanta coisa que sai mais caro manter um carro hoje no Brasil, do que uma família. O brasileiro está sendo assaltado a anos e não faz nada, como um governo que prometeu a reforma tributária não fazer nada. As estradas estão em péssimas condições e as boa estradas você tem pagar pedágios abusivos. Gente eu não acredito nesse pais, melhor acredito no país, mas não acredito nos brasileiros. Porque um povo que é explorado como nós somos e coloca um governo que esfola a classe media para dar “bolsa esmola” e favorece os ricos com mais de 80% de aprovação? Isso é palhaçadaaa!!

    ACORDAAAAAAA BRASILL!!

  • Thiago07

    Falam do LULA mas sabemos que a culpa não é só dele, tem muita gente por traz, ele é só o testa de ferro. Mas olha o LULA sendo um ex-torneiro macânico boto o FHC que é formado em não dei oque e bla bla no bolso. :banana:. botar a culpa em alguém é fácil.

  • Thiagu

    Concordo que a culpa não é só do Mula! Mas ele já está na metade do 2° mandato e ainda estamos esperando a prometida à reforma tributária!! E nos últimos anos teve bastante aumento de impostos… Nunca o Brasil arrecadou tanto, claro que tem o fato, que o brasileiro estar gastando mais e se endividando, pagando juros absurdos.

  • Diguinho

    :down: :asner: :angre: unicas imagens referente a minha indignação :hauhau:

  • Hodney Souza

    [Comentario #105965 sera citado aqui]

    Você falou certissimo. O Eber disse que o Brasil possui uma das maiores taxas de impostos do mundo mas digo pessoalmente que é a mais alta do mundo.
    Em todos os países o carro ficou mais acessível. No Brasil vivemos uma farsa. Tudo que antes era acessível para poucos como notebook, TV de Plasma e até mesmo celular conseguiu romper a barreira dos privilégiados para cobrir as massas e hoje com a evolução tecnológica na produção estas mesmas coisas com a diminuição nos custos de produção estas mesmas coisas ficaram mais fáceis obter .
    Agora com o automóvel a coisa é bem diferente; preços altissimos e altas taxas de juro no financiamento não conseguiu seguir a tendência de outros bens e continuou sendo objeto para poucos. Mesmo com tais “facilidades” de crédito, obter um automóvel é um verdadeiro suplício. Tipica politica comunista de restrição a compra do bem através de impostos absurdamente altos e com a “depenação” da qualidade dos “carros”.
    Mas fazer o que? O Mullinha continua com 80% de aprovação. Ele não se transforma em “imperador” se não quiser. Com um povo desses! :bate:

  • Hodney Souza

    [Comentario #106093 sera citado aqui]

    Na época do desafeto FHC um Fiat Mille custava R$ 12.000,00. Hoje com o Mulla esse mesmo carro custa R$ 24.000,00. É um absurdo um aumento de 100% em 6 anos.

  • Osmar Amaro

    Na semana passada o CONFAZ esteve reunido para discutir um aumento na alíquota do ICMS de 12% para 18% para carros. Segundo alguns órgãos de imprensa, o secretário de fazenda do Paraná (Governado pelo aiatolá Roberto Requião) pronunciou a preciosidade:

    “Não só defendo o aumento do imposto de 12% para 18% como elevaria a alíquota, se possível, para 25%”

    Da pra Acreditar?

  • Gagliotti

    Os impostos não subiram, mas os preços do aço e plásticos tiveram aumento,as montadoras têm de enviar capital para suas matrizes e muitas delas principalmente nos EUA com dificuldades financeiras, e utilizam de mercados aquecidos como o nosso para buscar estabilizar os prejuízos, elas nos dão empregos e salários razoáveis, o grande culpado a meu ver é um governo incompetente que só pensa em arrecadar sem saber administrar o que foi arrecadado dando margem para desvios e corrupção, administrar um país com os cofres cheios e com o mundo tudo crescendo é fácil (desde 2003 a economia mundial cresce) por isso este presidente tem esta aprovação de 80% ele não tão competente e sim um espertalhão de sorte, devemos ao votar verificar a posição do candidato no que se refere a impostos e posteriormente cobrar os compromissos assumidos.
    Também não adianta comprar carros seminovos, pois eles também tem um custo elevado devido aos preços dos 0k, bom é nos EUA, quando morei lá em 1999 comprei um Toyota Tercel 1983 1.5 de um amigo por Us$70,00.

  • Jassa Murtab

    [Comentario #105982 sera citado aqui]

    O Fusion no Brasil não custa US$ 40 mil dolares. Seu preço mesmo em dolares é de US$ 44750. Lá este carro custa US$ 20 mil dolares na versão SEL.

  • Jassa Murtab

    [Comentario #106140 sera citado aqui]

    Ninguém sabe mas o barbudo não fez nada. É impressionante como a besta é sortuda. A riqueza do brasil é obtida toda de arrecadação de impostos, a mais alta do mundo, e com o dinheiro dos investimentos em bolsa. Coisa de idiota acreditar que um governo corrupto que enche a barriga dos puxasaco com cargos de confiança com intenção de permanecer no poder, seja através do trabalho e com aumento de produção. O brasil é o único no mundo que quer ficar rico com um sistema estatal em expansão e com emprego de bolsas-malandro para sustentar os parasitas que passam o dia em casa sem fazer nada.
    O brasil é um caso peculiar onde se enriquece com o dinheiro caído do céu, mesmo com a alta corrução que aflinge e com tentáculos comunista do estado que suga até a ultima gota de sangue do contribuinte.
    brasil é mesmo uma me…… :asner:

  • marcelo.faria

    [Comentario #105965 sera citado aqui]

    Vou fazer a mesma coisa, chega de palhaçada!!! :censor: :banana:

  • tvs0043

    O Dólar tá instável…. Vamos em pesos argentinos:
    Com R$ 23500 dá e sobra para comprar um Suzuki Fun (aqui GM Celta), com ar condicionado e rádio com CD Player. E 1.4!
    Já com 48 mil dá e sobra comprar um Vectra “elegance – lá eles falam GLS) com motor 2.4!
    Já com 29 mil dá e sobra comprar um Corsa 1.8 com ar, direção hidráulica, display com tripla informação e CD-MP3.

  • tvs0043

    [Comentario #106162 sera citado aqui]
    ISSO NA ARGENTINA!

  • Schio

    [Comentario #106016 sera citado aqui]

    Nojo? Decepção? Desgoverno? E durante os oito anos do reinado do príncipe FHC?

    Eu, ao contrário, tenho muito orgulho de ser brasileiro, amo esta nação e vou continuar aqui.

    Quanto a você…………..

    :zzz:

  • Thiago07

    [Comentario #106135 sera citado aqui]

    Mas isso deve ser bem no começo do plano real. Quantos custava uma f150 nos EUA e quanto esta custando hoje? no mesmo periodo que vocÊ falou do uno?

  • Thiago07

    [Comentario #106173 sera citado aqui]

    Quantos era 1 salario minimo com o DR FHC e quantos tá agora com o Mula?

  • cleyton

    Umas das maiores cargas tributárias do mundo é a Brasileira e pelo que todos nós pagamos de impostos este pais era para ser primeiro mundo,mas o que vemos é o contrário porque a saúde vai mal,educação ruim,transporte público precário,vias esburacadas e mal sinalizadas e ainda pessoas morrendo na fila do inss,gostaria de saber onde está indo todo o que pagamos de impostos. :asner: :censor:

  • dafo

    Precisamos fazer o que foi feito nos EUA em 74, quando os americanos, em sinal protesto aos preços dos veículos, não compraram um carro sequer durante todo o ano. Os pátios entulharam e as montadoras tiveram que baixar os preços, resultado que reflete até hoje no mercado americano.

  • Leopoldo Motta

    Impostômetro >>>> http://www.impostometro.com.br/

    Valor recolhido de país-superpotência. Povo vivendo como pessoas de segunda ou terceira classe. PQP.

  • Guilherme Guimaraes

    Não li tudo, é muito comentário… então não sei se já comentaram isso. Mas que tal se movimentarmos um BOICOTE?? Começar a divulgar tudo essa palhaçada e etc???

    Se o Éber apoiar um boicote aos carros zero KM aqui no blog, é um bom começo para divulgação! :evil:

  • Jassa Murtab

    [Comentario #106171 sera citado aqui]

    Todos gostam de jogar a culpa no finado FHC. Acorda kral…. A era FHC já passou há 6 anos. O brasil vive hoje do pelegismo, das bolsas demagógicas e um detalhe, dos investimentos dos nossos inimigos de sangue, os americanos na bolsa de bos…da bovespa. Produção??? hahahahahah! até parece piada. um pais de malandros quer crescer com impostos e corrupção?
    Mas é assim. a besta barbuda já tem 80% de preferencia. Mesmo com uma violência descampada e uma corrupção unica no mundo o brasileiro tem também seu lado diabólico. Levar vantagem em tudo. Já é um ato de corrupção. Agora quem diga! De que adianta chamar o outros de corrupto e ladrão se o próprio povo age igual? :clown:

  • Hodney Souza

    [Comentario #106173 sera citado aqui]

    Nos EUA a F150 em 2002 custava US$ 17.000. Hoje ela custa US$ 21500. Essas versões são a básica. Não houve duplicação de preços como no Brasil. Em todos os mercados mundiais, mesmos os de terceiro mundo, o automóvel ficou mais facil e barato ao contrário do Brasil que ficou mais caro. :eyess:

  • Thiago07

    [Comentario #106514 sera citado aqui]

    E sobre o salario? você não comentou.Pow tudo quanto é loco tem carro hoje, axo que facilitou muito. Mas poderia estar melhor.Essa reforma tributaria… tinha até me esquecido :hauhau:

  • Thiago07

    [Comentario #106224 sera citado aqui]

    Se o Eber apoiar esse boicote ele vai preso
    :hauhau:
    Também não é assim neh, se acham que o preço do carro não está justo, entam não compre carro novo e deu.


Send this to a friend