Usado da semana

Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Prisma LT 1.0 2014

Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Prisma LT 1.0 2014

Olá pessoal! Meu nome é Joel e em 2014 publiquei aqui no NA minha avaliação dos recém comprados Prisma LT 1.0 e Prisma LTZ 1.4 AT6, ambos 2014/15, que substituíram um Classic LS 2011/12 e Uno Way 1.0 2011/12, respectivamente.


Quatro anos se passaram e aqui estou para mostrar as minhas impressões finais do Prisma LT 1.0 preto, que vai dar adeus à nossa garagem e dar lugar a um … (depois eu conto).

Bom, ele foi comprado em 05.12.14 por R$ 39.290 e na avaliação anterior destaquei o bom atendimento da rede Chevrolet de vendas, os itens de série adequados, com destaque para o Siga-me e Leve-me, o rodar suave dos pneus 185/70 R14, a incógnita do consumo e a pequena reserva de combustível, (in)capacidades do SPE/4 de 80 cv, excelente sensação de conforto e estabilidade, bom câmbio, a desnecessidade do MyLink, baixo valor da troca óleo, etc.

Hoje ele tem pouco mais 53 mil km rodados com muito louvor e gratidão. Só para constar, é o segundo carro com mais tempo em minha família e também o segundo mais rodado (tivemos um inquebrável Mille EP 95/96 entre 1998 e 2004), o que é sinônimo de boas aventuras.


Os nossos carros se tornam membros da família e cada um deixou impressões marcantes (para o bem e para o mal). E com esse Prisma não foi diferente!

Vamos sempre lembrar do “Prisma Cross”, que ficou “preso” em uma ladeira de barro altíssima e cheia de valas em Itanagra-BA nas férias de 2016/17.

Mas vamos ao que interessa… a avaliação final!

Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Prisma LT 1.0 2014

VISUAL

Ao longo do tempo fiz modificações e melhorias pontuais, como a troca das rodas aro 14 por aro 15 e pneus assimétricos em dezembro passado, novas calotas na cor grafite, aplique escurecido nas lanternas, grade em preto brilhante, nas laterais, a barra cromada na canaleta dos vidros, e aplique preto nos símbolos Chevrolet.

No interior, apenas nova cor das molduras da saída de ar e as que envolvem o câmbio e o volante para grafite para diminuir os cromados da GM.

Acredito que o visual do modelo em si não envelheceu e ainda me impressiono com a beleza, principalmente em relação aos seus concorrentes contemporâneos, o Voyage, Ka Sedan e Grand Siena, por exemplo. (visão pessoal)

Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Prisma LT 1.0 2014

MOTOR, CÂMBIO, DESEMPENHO E CONSUMO

O Prisma tem pedal sensível, se esticar acima de 3.000 rpm o consumo sobe. E demoramos para aprender isso! Mas agora velocidades máximas não passam de 100km/h (120km/h em ultrapassagens) comigo e a ordem é não ter preguiça de passar marcha e manter rpm tranquila.

Sentimos nítida evolução de consumo nesses 04 anos, principalmente usando gasolina aditivada (13-14km/l na estrada) e com os novos pneus. No álcool, difícil ter boas medidas! Com o ar ligado, nenhuma diferença significativa de consumo e disposição, então usamos com frequência, inclusive, gela toda a cabine rapidinho.

Sobre sua valentia, retomadas realmente não são o ponto forte, como disse em 2014 [aliás, é claro que um 1.0 aspirado não foi feito para isso]. Noto falta de força em rotação baixa e subir ladeiras pode ser cansativo. Curiosamente, sai muito bem da inércia. A terceira marcha consegue chegar a 100-110km/h.

Caso queira se “divertir” com seus 80 cv (até pretensioso falar isso), confirmo que o SPE/4 passa de 145 km/h em pista (sabendo trocar a marcha) sem titubear ou deixar os passageiros inseguros.

É interessante como não balança e o volante não treme, mesmo sendo leve (direção hidráulica) e com rotação alta. O carro continua na mão. Mudanças de curso, por exemplo, para ultrapassar ou se livrar de algo na pista, podem ser feitas com boa segurança e curvas acentuadas podem ser fechadas a 95 km/h sem problema.

Notamos significativa melhoria nos ruídos – que já eram poucos – após a compra dos pneus assimétricos 185/65 R15 (72db e nota B de consumo). Viajar a 90-100km/h é tão tranquilo, tão silencioso. Recomendo!

Sobre o câmbio, continua sendo a coisa mais bonita desse carro: leve e preciso. Faça bom uso!!!!! Na pista, a 3ª marcha consegue se sobressair quando acionada em emergência, enquanto na cidade mantém o silêncio e o bom rodar do carro até 53 km/h.

A 4ª tem uma certa força na pista e dá para usar em ultrapassagens ou em velocidades até 80km/h se preferir baixa rotação.

Já a 5ª, por sua vez, só uso para estabilizar 3100 rpm e manter 100 km/h (sem ruídos), pois não gosto de usá-la em ultrapassagem, dada a falta de reserva de força suficiente. Sinto falta da 6ª marcha que usei em um Onix Joy 2018 este ano.

O marcador de combustível realmente tem programação para demorar de cair antes do nível de combustível chegar a meio tanque. Já a reserva passou a ser muito boa e é possível andar uns 40km mesmo com o sinal piscando no painel ao lado do nome “FUEL FILL ou COMB”.

Os freios são eficientes, só estranho que em paradas bruscas ouço som de ferro batendo. Isso acontece desde que comprei. Já olharam e não é nada.

Enfim, o Prisma LT 1.0 não é lento e nem proeza de desempenho, mas tem seu lugar. É um carro que mostrou boa desenvoltura ao longo dos 4 anos.

Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Prisma LT 1.0 2014

ACABAMENTO E OUTROS

Ressalva para os tecidos dos bancos. Apesar de resistentes [não rasgaram e nem soltaram costura], sujam com extrema facilidade e até se cair gotas d’ água mancham, isso fez usar muita espuma multiuso para mantê-los dignamente utilizáveis.

Destaque para os plásticos laterais e do painel, que não perderam a cor e continuam sem ruído e firmes. No volante, noto uma perda de material e cor nas bordas. Luzes internas continuam perfeitas e não queimaram.

O estepe é uma vergonha e só serve para desalinhar o carro quando utilizado. Pior que ele só o macaco que vem de fábrica. Péssimooooo! As maçanetas externas soltaram óleo na chaparia até o ano passado, salvo engano.

Entrega relativa boa vida a bordo, com o bom espaço interno (2,53m de entre eixos), a posição alta de dirigir (que gosto demais), a inclinação dos bancos traseiros e porta malas gentil. Uma pena o volante não ter regulagem de altura, em viagem longa isso cansa muito. Acho os bancos dianteiros estreitos.

Fica aqui o elogio para o “Leve-me e Siga-me”, que acendem os faróis para localizar o carro. Excelente serventia.

Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Prisma LT 1.0 2014

Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Prisma LT 1.0 2014

MANUTENÇÃO

Esse é o destaque. Em 4 anos de uso a única rotina foi troca de óleo com filtro (a cada 5.000 km nos dois primeiros anos e a cada 10 mil depois disso), filtro de ar (R$ 15,00), do ar condicionado (R$ 40,00), de combustível (R$ 18,00) e fluído de arrefecimento (R$ 10,00); alguns de ano em ano e outros a cada 6 meses.

A troca óleo para 10mil km realizada em setembro custou R$ 112,00, uma bagatela, com óleo Lubrax+. O AC Delco ficava R$ 170,00. Ah, fiz a troca do fluído do freio uma vez, mas não lembro o preço e também do óleo da direção hidráulica (baratinho). Troquei a bateria esse ano por R$ 320,00 (Moura).

O carro é extremamente barato de custear. As partes mecânica e elétrica permanecem originais e nunca apresentaram problemas, inclusive, vidros, faróis, travas e alarme.

Por desgaste (Alagoinhas-BA continua sendo uma parte da lua, com suas crateras), esse ano precisou de novos amortecedores dianteiros, ao custo de R$ 750,00 o par; pivôs (R$ 70,00 cada um) e bieletas (R$ 80,00).

E por incrível que pareça o serviço mais trabalhoso foi a troca de um parafuso da roda dianteira, que luiu e custou R$ 10,00 mais a troca, de R$ 70,00.

Acreditem, não queriam precisar fazer isso, pois precisa soltar o cubo da roda e praticamente deslocar toda a suspensão, já que o bendito parafuso fica preso no meio disso tudo, sendo necessário usar um maçarico para romper o parafuso ruim e fazê-lo cair – o que durou umas 2h para fazer.

De todo modo, é um carro inquebrável. Por fim, não faz vergonha alguma [nesse quesito] o fato de o SPE/4 derivar diretamente do antigo MPFI que equipou o Corsa 94 e toda a linha de compactos GM desde então.

Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Prisma LT 1.0 2014

MY LINK

O MyLink 1 não fez falta nesses 04 anos. Realmente valeu a pena não pagar os R$ 2.160,00 cobrados pela concessionária na época da compra.

SEGURO, EMPLACAMENTO E REVENDA

O seguro nunca passou de R$ 1.100,00 e o emplacamento se manteve assim também.

O seguro 2017/18 (cobertura total) saiu por R$ 990,17. Quanto à venda, a concessionária levou por R$ 35.000.

INDICARIA O PRISMA LT 1.0 ?

Indicaria sim. Não por ser proeza de economia de combustível, porque imagino que outros 1.0 sejam mais econômicos, mas por ser inquebrável, baratíssimo de custear, espaçoso, com bom conforto e desenvoltura condizente.

Além disso, desvalorização baixíssima. E o visual é bacana.

SOBRE O SUCESSOR DO PRISMA LT 1.0 2014/15

Logo logo irei apresenta-lo! Dica: é Chevrolet!

Carro da semana, opinião de dono: Chevrolet Prisma LT 1.0 2014
Nota média 5 de 5 votos

Eber do Carmo

Eber do Carmo

Formado em marketing, tem mais de 13 anos de experiência escrevendo sobre o mercado automotivo no Notícias Automotivas, desde que fundou o site em 2005. Anteriormente trabalhou em empresas automotivas, nos segmentos de personalização e áudio. Também teve por três anos uma empresa de criação de sites e catálogos eletrônicos.

  • Piston head

    Haha

  • Bruno Silva

    Andei em um Onix LT, o carro mesmo com pouca km fazia barulho nas portas e painéis, me incomodou muito. Tenho um Celta, e mesmo um carro indo pro 6° ano de uso, não bate nada.

    • Joel Oliveira

      Poxa. E temos outro PRISMA LTZ na família e tá todo “preso”, sem painéis de portas ou o próprio painel balançar ou ranger.
      O Celta é um carro bom!!!

  • Louis

    Achei beberrão pra ser 1.0. Esse consumo aí eu faço com meu 1.5, com etanol!

    • Danilo

      Também achei, já fiz uma média de 12.9 km/l no etanol na estrada andando a 90 km/h em um trecho de 110 km. Na gasolina a 105 km/h no mesmo trecho fiz 13.1 com um 1.6 Automático.

      • Geraldo Xavier

        Depende muito do motorista. Tenho 2 prismas em casa. Eu quando dirijo consigo mais de 11 km/l na cidade em ambos e 17 na estrada. Minha esposa dirigindo ambos não chegam a 9 na cidade. No início achei que era algo no carro gerando consumo alto. Trocamos o carro por 1 mês e o jeito dela dirigir que eleva o consumo

        • Danilo

          Sim, já reparei isso. Meu carro (1.6 AT) na minha mão faz 7,6 na cidade, as vezes 8 quando uso modo eco (sempre etanol), na mão da minha esposa cai pra 5 e pouco, visto que nem o modo eco ela usa (mulher dificilmente está atenta ao consumo). Mas na estrada a diferença de consumo é absurda, é muito mais econômico do que na cidade (apesar que minha cidade parece uma favela de tanto morro).

          • Geraldo Xavier

            Mulher tem pé pesado

        • Fabão Rocky

          Seu Prisma já é o de 6 marchas?

          • Geraldo Xavier

            Não
            13/13 lt e 13/14 ltz

            • Fabão Rocky

              Cara, tenho um Corsa 1.4 q é bastante beberrão, faz 8,5 km/l na cidade c/ gasolina, quero trocá-lo justamente por isso. Tinha vontade de pegar um Prisma 1.4, mas como se trata do mesmo motor, mesmo sabendo q a GM fez algumas melhorias, fikei receoso dele ser tão beberrão qto o Corsa. E olha q sou chato c/ manutenção e não acelero forte. Já o de 6 marchas c/ direção elétrica vejo mta gente dizer q é econômico.

              • Geraldo Xavier

                Tive 1 hatch e 1 sedan ambos 08. O hatch fazia o mesmo que o prisma faz com minha esposa. Ela que usava o hatch. O sedan fazia 7.5 com álcool na cidade comigo e logo depois o álcool subiu e eu coloquei gnv. Tinha trocado o hatch por um fit que foi roubado 3 dias depois da compra e acabei pegando o primeiro prisma quando recebi o seguro. Depois vendi o sedã e comprei outro prisma. Esse motor 1.4 da gm nunca deu nenhum tipo de defeito comigo. Só troca de óleo, correia e velas/cabo

                • Fabão Rocky

                  Aqui em casa já tivemos vários carros da GM e nunca tivemos dor de cabeça. Apenas manutenção como vc citou aí. Depois dizem q só os carros da Toyota q são inquebráveis.

                  • Geraldo Xavier

                    Todos os carros se tratados corretamente difícil dar dor de cabeça. O bom dos gm é que muita coisa você mesmo faz em casa evitando gastar com mecânico. Ainda tem fartura de peças com preço abaixo da concorrência

              • Matozao

                Tenho um corsa 07/08 1.4 faz 9.5 no álcool e 12 na gasolina hoje ele está com 276 mil km

        • FREDRED

          Já reparei em carros de amigos e parentes, se vc comprou um carro para sua esposa e vc faz todas as manutenção lavagens etc, e paga tudo isso, a mulher quer que se exploda o consumo ela quer o carro sempre pronto para usar, agora se ela comprou com seu dinheiro (dinheiro dela) e ela que faz as manutenções, ou paga pra vc levar no mecânico, a conversa muda e muito.
          É igual a adolescente, só dá valor às coisas quando perde.

          • Geraldo Xavier

            Aqui em casa não tem isso de meu e dela. Aqui tem o nosso. Realmente eu que cuido dos 2 carros porém o maior consumo é pelo jeito mesmo de dirigir. Ela quer se deslocar eu já dirijo olhando mais o horizonte, prestando mais atenção em conta giros, em manter faixa de giro econômico, em deixar o carro fluir e não em acelerar e freiar na traseira dos outros. Isso conta muito pro consumo

        • Joel Oliveira

          Sim, o motorista influencia muito. Aqui 3 motoristas usam e o carro muda de um pro outro. kkk
          E ainda criei o hábito de calibrar os pneus semanalmente ou no máximo de 15 em 15.

    • Augusto

      Carro da GM, primeira característica, beber mto!

      • Fábio A.

        Isso não vale para o Cruze Turbo. Consumo excelente.

        • Felipe Rocha de Assis

          Na cidade bebe um pouco, na estrada realmente, ótimo consumo.

          • Fábio A.

            É, se for transito muito ruim na cidade o consumo eleva um pouco. Mas mesmo aqui na cidade (trabalho fora do horário de pico) estou conseguindo médias que nunca consegui em veículo algum, mesmo 1.0 que já tive. É de longe o carro mais econômico que já tive.

        • Augusto

          Sim! Esse motor novo não posso falar! Mas os 1.0 antigos, 1.4 antigos, e 2.0 todos beberrões! Estou falando pq já possui todos eles!

      • MarcioMaster

        Acredito que voçe nunca teve um.

        • Augusto

          Vários! 2 astras, 2 celtas, 1 prisma! Todos com essa característica! Fora os monzas q nem estou contando! Lembrando q não estou falando mal, tanto q eu era apaixonado pelos astras! Estou apenas pontuando uma característica da GM!

    • SDS SP

      O consumo é elevado, principalmente na cidade por conta do torque vir em elevadas rotações, além do câmbio ter relações relativamente curtas. Não tem milagres.

    • Joel Oliveira

      Realmente nao é o forte desse SPE/4 (antes da modificação)

  • Jackson

    Esse é o Toyota da GM. Carro muito equilibrado. Usei um quando tive meu carro roubado e gostei muito. Única ressalva é a posição alta para conduzir, até gosto, mas achei muito alta.

    • Domenico Monteleone

      Eu trabalhei em css GM, de Toyota não tem nada. A lista de problemas é grande.

  • Hélio

    o importante é que o mesmo entregou o que foi proposto

    • Joel Oliveira

      Com certeza!!!

  • Domenico Monteleone

    Tenho que descordar da fama do termo inquebrável, eu trabalhei em css GM e linha Onix dá muitos problemas. Inúmeros recalls brancos, problemas no cabeçote, válvulas…

    • RPM

      Pensei o mesmo….teve que trocar pivôs e amortecedor com 50 mil Km….o carro é fraco,…

      • Lucas

        Eu tive que trocar os amortecedores e consertar um vazamento no setor da direção de uma Dakar com 35 mil km. Ela também é fraca? Isso é relativo demais, depende de tantos fatores…

        • Joel Oliveira

          com certeza!

      • Joel Oliveira

        Foi provocado. Tivemos um incidente com um buraco … e minha cidade é extremamente complicada!!!

    • Magnamox

      Se esse Prisma é inquebrável meu Vovorolla 2005 com 210.000km e amortecedores originais é Imortal….rsrs

    • Joel Oliveira

      Dei sorte! E o LTZ da mesmo forma, muito bom e inquebrável.

  • Fernando Oliveira

    Esse seu Prisma praticamente não desvalorizou em 4 anos. Adquirido por R$39.290,00 e repassado para css por R$35.000,00, nada mal.

    • Geraldo Xavier

      Na verdade o zero que disparou. Por isso essa falsa impressão de baixa desvalorização. Tenta comprar outro igual hj e verá a diferença entre o usado e o novo é enorme

    • Tommy

      Na verdade correu uma inflação ferrada nesses 4 anos, 35k hoje não são 35k de 4 anos atrás, se tivéssemos tido 0% de inflação no período seria como se ele entregasse o carro por 22/24 mil.

  • Geraldo Xavier

    Quanto tempo não tinha reportagem carro da semana.
    Quem bom que voltou

    • Unknown

      Verdade! Adoro esta seção.

  • Junin Souza

    a ccs levou por 35 kkkkk, conta outra boi + fácil ter sido por 25 ou menos é cada uma …

    • André Luis Versiani

      Também achei estranho demais!

    • Eng Turbo

      É possível, se ele comprou outro carro na casa de 100k, certamente eles “pagaram” 35k no dele

    • SDS SP

      Se foi na base da troca e por um carro bem mais caro, é bem possível.

    • As vezes a concessionária vende o carro 0 km a preço de tabela enquanto na prática teria desconto se fosse comprar a vista. Tipo pago 35 no teu carro e vc paga 50 no meu, ou se preferir pago 30 no teu e você paga 45 no meu.

      • MauroRF

        Famoso jogo de números.

    • Felipe Rocha de Assis

      Peguei um cruze 1.4T e dei um prisma 1.4 LT de entrada, na ccs eles me pagaram 33 mil.

  • Leonardo Carneiro

    Ajudei a minha mãe para adquirir um Onix 1.4 LTZ AT 2015, que em minha opinião é um carro com bom espaço interno, mas bem beberão. O câmbio já tá dando pequenos trancos, sendo que o carro não tem 15.000km rodados na manha. A Chevrolet acertou em ceio com o carro, mas pecou em aproveitar um motor arcaico e com alterações que, ao meu ver, trará baixa durabilidade.

  • Pablo Henrique

    A concessionária pagou 35 mil????? Sério?

    • Retrato do Papai

      também achei o valor estranho, mas fui ver os valores de tabela e realmente são elevadíssimos para o padrão do carro… para efeito de comparação, o prisma lt 1.0 2014 tem valor de tabela maior que o meu fox rock in rio também 2014, só que o meu é a versão de topo 1.6 muito mais recheada… simplesmente surreal

      • Pablo Henrique

        Pois é… mas como algumas pessoas falaram aí, a baixa desvalorização do usado somado ao gigantesco aumento do preço do 0km colaboram pra isso… Aqui em casa mesmo pegamos em Agosto/2017 um LT 1.4 automático por 58 mil, hoje o LT na mesma configuração está 68 mil… incríveis 10 mil em pouco mais de um ano. Logicamente ganhou alguns itens, mas quase nada, bem longe dos 10 mil de diferença.

  • Lucas

    Concessionária e “pagou 35 mil” não cabem na mesma frase. Chuto que ela ofereceu uns 20 e morreu nos 23 pra vender por 28..

  • nightwishjp

    Acho que a avaliação mais cuidadosa mesmo será do outro dono. 54MIL km em um carro de 4 anos é baixo, pelo menos ao meu ver.

    Tô com um FOX 18 que tirei há 7meses e to em 18mil km. Farei a avaliação quando fazer a terceira revisão

  • Ricardo Alexandre da Rocha Bri

    O Prisma é um carro muito bom mesmo dentro de sua categoria. Tenho um Prisma Joy 2016/2017 comprado 0 Km fez 2 anos agora em outubro, e assim como você tenho mais elogios do que queixa sobre o mesmo. Mais ao contrário do que você fez, pretendo troca-lo por um outro sedã, só que agora um bem maior e bem mais confortável e espaçoso do que o Prisma. Será por um lindo VW Virtus que achei o carro simplesmente magnífico em todos os detalhes.

  • Edson Fernandes

    Assustador esse consumo para um carro 1.0 em estrada. Para ter ideia, eu faço 14km/l num Fluence CVT.

    Mas… ainda bem que o carro se comportou como esperado por ti. Se vc continuou na Chevrolet e esta no mundo de sedans, certamente pode ter sido um Cruze (menos provavel) mas acredito que tenha sido um Cobalt automatico. Isso se 0km. Se for usado aí é só achismo da minha parte…rs

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email