Usado da semana

Carro da semana, opinião de dono: Ford Focus sedã GLX 2010

ford-focus-seda-glx-2010-1-620x348 Carro da semana, opinião de dono: Ford Focus sedã GLX 2010

Em setembro/10 buscava um sedan médio para minha mãe, que pudesse ocupar a vaga deixada pelo Polo Sedan 2007 que a habitava anteriormente. Foram alguns meses de busca e alguns candidatos. O objetivo era gastar no máximo 60 mil reais.



Começamos a procura por uma concessionária Fiat, em busca de maiores detalhes do Linea, que havia sido muito bem recomendado por um parente próximo. O Fiat havia acabado de receber o novo motor 1.8 16v Etorq e, o modelo escolhido era o HLX (não mais comercializado hoje) com câmbio Dualogic e alguns pacotes opcionais, que não recordo exatamente os nomes. Entretanto, o preço final era de salgados 64,8 mil reais, considerando a pintura metálica.

Na Chevrolet, o escolhido seria um Vectra Elegance com câmbio manual na cor prata. Achei o carro bastante espaçoso e com bom acabamento. Já trazia AC digital, e rádio com USB/SD e comandos no volante – itens que foram cotados como opcionais no Linea. O preço final era de 63 mil reais. E já havia fortes rumores da vinda do Cruze, sedan que substituiria o Vectra. Penso que até poderia ser uma ótima compra, se fosse oferecido bons descontos por ele. O que não estava acontecendo.

É importante salientar que tanto o Nissan Sentra quanto o Kia Cerato estavam nas listas de opções e tinham versões muito interessantes nos preços em que estávamos dispostos a pagar. Entretanto, por não haver concessionárias num raio de 90km da nossa residência, foram descartados pois poderiam trazer gastos extras na hora das manutenções programadas pela garantia e/ou necessidade de reparos emergenciais. Provavelmente por esta razão, estes dois carros são bem difíceis de serem vistos pelas ruas de minha cidade.

ford-focus-seda-glx-2010-2-620x348 Carro da semana, opinião de dono: Ford Focus sedã GLX 2010

Honda Civic e Toyota Corola também foram descartados por terem preços acima do que estávamos buscando na época. Eis que, em visita a autorizada da Ford, achamos o carro que seria o sucessor do nosso finado VW Polo Sedan. O escolhido foi um controverso Ford Focus Sedan GLX 2.0 Flex na cor Prata Madrid. Há quem diga que o design da traseira esteja muito aquém do que a dianteira prometia. Porém, é questão de gosto. Foi unanimidade na escolha, pelo preço de 61 mil reais.

A negociação foi tranquila e, da parte da concessionária, “ganhamos” o emplacamento, IPVA do resto do ano, sensor de estacionamento e insulfilm. Tratando do carro em si, já são 2 anos e meio e 30 mil km de muitas alegrias e algumas tristezas. Vamos aos fatos.

ACABAMENTO: O carro traz acabamento correto e bem montado. Apresenta material emborrachado preto em toda parte superior do painel, de toque e textura agradável. A parte inferior é num tom cinza, porém de plástico rígido. Mesmo assim, os arremates são corretos e não há presença de rebarbas. O grande revés do acabamento são os painéis das portas, que, apesar de combinarem tanto em cor quanto em textura com o resto do painel, são de materiais muito mais frágeis e fáceis de riscar. A maçaneta interna é de um plástico rígido preto, digno de carro popular (até meu Sandero tem a maçaneta mais elaborada que a do Focus). Os bancos tem visual aprimorado, porém com tecido bastante áspero nesta versão, mas com espuma de densidade correta e bem confortável.

ford-focus-seda-glx-2010-7-620x348 Carro da semana, opinião de dono: Ford Focus sedã GLX 2010

ERGONOMIA: Os comandos estão todos bem localizados e sempre a mão do motorista. As regulagens de altura e profundidade do volante, somadas as regulagens do banco do motorista, torna fácil a missão de encontrar uma boa posição para dirigir.

INTERATIVIDADE: Eis um outro ponto negativo do carro, ao meu ver. O rádio, apesar de ler arquivos MP3, não oferece nada alem de uma entrada auxiliar. O som, em si, é ótima qualidade, porém, a falta de outras fontes de captação de áudio é sentida. Entretanto, como o carro é de uso da minha mãe, e ela não vê problemas nisso, esse ponto não foi levado em consideração na hora da compra. Por outro lado, um outro ponto agradável do Focus são os 3 modos de condução pré-configurados na direção elétrica. O modo conforto alivia a força necessária para algumas manobras. Já o modo esportivo, enrijece a direção, trazendo mais segurança em rodovias, por exemplo. Já o modo normal, o mais utilizado aqui, é uma solução intermediária entre os dois extremos.

ESPAÇO INTERNO: O entre-eixos de 2,64m é traduzido em um espaço interno suficientemente confortável para 4 pessoas. O 5 passageiro, devido ao elevado túnel central, tem o conforto prejudicado. A observação negativa é que pessoas mais altas podem ficar com a cabeça raspando no teto, na parte de trás.

SEGURANÇA: O Focus traz de série o que daqui a alguns meses será obrigatório em todos os carros novos. Estão presentes o airbag duplo, freios ABS+EBD+CBC (CBC = Cornering brake control – funciona em conjunto com o ABS e oferece um auxílio para frenagens de emergência em curvas) e cintos de segurança de 3 pontos e apoios de cabeça para os 5 ocupantes.

ford-focus-seda-glx-2010-5-620x348 Carro da semana, opinião de dono: Ford Focus sedã GLX 2010

MECÂNICA: Eis aqui um quesito onde há muito a ser dito. Os números do Duratec HE 2.0 16v são muito animadores. Chegam a 148cv e 19kgf.m com etanol no tanque. Entretanto, é preciso deixar claro que este carro sofre com transtorno bipolar. Apesar dos números favoráveis, tanto torque quanto potência máxima são obtidos em regime elevado de rotação, na casa dos 5500-6000 rpm. E, talvez pela falta de um comando de válvulas com variação de fase, o desempenho em baixas rotações é pífio. Até as 2000 rpm o carro se arrasta. Para saídas mais rápidas, faz-se necessárias grande pressões no acelerador. Entre 2000 e 3000 rpm, as respostas melhoram substancialmente e as retomadas são boas. Entretanto, é só a partir dos 4000 rpm que o carro se transforma. Entre 4000 e 6200 rpm as respostas e retomadas são excelentes. Pesquisando internet afora, surgem alguns sintomas dos causadores de tal bipolaridade. Há quem diga que seja pelo lag do acelerador eletrônico, a anteriormente dita falta do variador de fase no motor e, até mesmo, a programação da central eletrônica do carro.

Para ajudar (ou não) no comportamento diferenciado do carro, o câmbio manual, que tem engates macios e precisos, apresenta um escalonamento diferente do usual aqui no Brasil. O Focus 2.0 traz um câmbio do tipo 4+E, ou seja, são 4 marchas normais e a 5ª marcha tem a função overdrive (ou economia). Em 5ª marcha e 100km/h, o motor trabalha na casa das 2800 rpm. A 120km/h, chega a 3200 rpm.
Contudo, não acho que o desempenho seja ruim, sequer na cidade. A diferença é que faz-se necessário trabalhar bem o câmbio para ter um desempenho satisfatório. Apenas como uma comparação pessoal que já fiz, eu uso menos o câmbio no meu Sandero 1.0 (devido as relações bem curtas) do que no Focus. Talvez este seja o motivo de muita gente dizer que o Focus tenha um desempenho inferior ao esperado.

O conjunto de suspensão McPherson na dianteira e Multilink na traseira conseguem um ótimo compromisso entre conforto e estabilidade. O carro, aliado aos pneus de 16” 205/55 parece andar sobre trilhos, mesmo em situações mais adversas.

CONSUMO: Nos primeiros meses com o carro, o consumo era apavorante. Não havia entendimento entre motorista/carro (quer fosse eu, ou minha mãe, a dona do carro, de fato) e a conta do desentendimento era paga a cada abastecimento. Após alguns meses e experimentações, consegui melhorar expressivamente o consumo tanto na cidade quanto na estrada. É possível fazer hoje, médias entre 8,5 e 10km/l na cidade e entre 13 e 14 km/l na estrada – houve apenas um tanque em que consegui a média de 15,6km/l em percurso rodoviário, que nunca mais consegui atingir, portanto, considero como um ponto fora da curva. Sejam os números que forem, também não são dignos de um prêmio de economia. Entretanto, analisando todas características do carro, do combustível e do conforto que ele oferece, considero que seja um número bem aceitável.

ford-focus-seda-glx-2010-6-620x1103 Carro da semana, opinião de dono: Ford Focus sedã GLX 2010

DEFEITOS APRESENTADOS: Eis agora o lado escuro do carro. Desde a retirada da concessionária, foram diversos defeitos e problemas apresentados. Antes dos 1000 km, o problema mais grave apareceu. O câmbio manual simplesmente não engatava nenhuma marcha em determinados momentos. Como o problema era intermitente, foi difícil o diagnóstico por parte da Ford. Somente na terceira visita à concessionária para tentar solucionar o problema é que eu pude ver o problema. Ao sair de casa com destino à concessionária, notei uma grande quantidade de óleo no chão da garagem. No elevador, foi constatado que um anel de vedação da caixa de câmbio veio com defeito de fabricação e permitia o vazamento do óleo e, com o aumento da temperatura e o consequente ‘afinamento’ do lubrificante, o vazamento tornava-se mais intenso, o que causava a dificuldade no engate das marchas. Foram necessários 15 dias de espera para que a troca, tanto do anel de vedação quanto do óleo da caixa de câmbio fossem realizados em garantia. Desde então, nenhum outro problema no câmbio foi notado.

Após a primeira revisão, de 6 meses, o painel da porta do motorista se desprendeu. Houve muita insistência por parte da assistência, de que tal defeito era devido ao ‘mal-uso do produto’ e alegaram até que a culpa era do instalador do insulfilm, que havia montado a porta incorretamente. Desculpa que foi prontamente refutada, visto que o insulfilm foi ‘cortesia’ da concessionária, portanto, a responsabilidade era deles também. Alguma argumentação foi necessária para que o conserto fosse realizado em garantia. Até então, continua bem preso.

Houve por parte da Ford, um comunicado interno que permitia a troca, em garantia, do par de amortecedor dianteiro, para aqueles veículos que apresentassem barulhos em demasia na suspensão dianteira. Meu carro era um deles. Logo que soube desta informação, marquei uma hora para vissem a possibilidade da troca. Depois de deixar o carro o dia inteiro lá, não constataram nenhum barulho. Somente na 4ª visita ao concessionário e munido de tal comunicado interno da Ford, que achei na internet, é que consegui a troca. Mas não antes de chamarem o gerente para me questionar a veracidade e a maneira que consegui aquele documento, que, segundo ele, é altamente sigiloso e não deveria estar em minhas mãos. Houve até desconfiança que algum funcionário da concessionária havia me repassado a informação. Depois de algum estresse, a encomenda e a troca foram feitas.

Vale ressaltar que, quer seja nas revisões ou nas visitas extras que fiz a concessionária para sanar os problemas, nunca houve por parte da concessionária qualquer contato, seja para avisar que o carro estava pronto ou para avisar que determinadas peças que foram encomendadas havia chego. Todo interesse surgia de minha parte. Era até chato ter que ficar ligando diversas vezes para ter uma posição a respeito dos serviços. Outro problema chato e que poderia vir a causar transtorno no futuro, eram as porcas das 4 rodas. Assim como outros carros Ford, as rodas são presas por porcas. No caso do Focus, elas são revestidas com capinhas cromadas, a fim de dar uma aparência legal.

ford-focus-seda-glx-2010-4-620x348 Carro da semana, opinião de dono: Ford Focus sedã GLX 2010

O problema é que quase todas as capas das porcas das rodas já se perderam pelo caminho. Na Ford, há a troca por porcas iguais, com as mesmas características. Ou seja, não demorão muito para se perderem também. O problema maior é que, sem as tais capinhas, a chave de roda não serve. Ou seja, se precisar fazer uma troca emergencial do pneu, e houver alguma porca sem a capa, não há como troca-la. Resolvi comprar no mercado paralelo, porcas específicas para o Focus, que também são cromadas, mas são maciças. Até então, não tive mais problemas também.

Para finalizar, alguns grilos resolveram se instalar no interior do carro. Mais precisamente, são 3. Um que vem do retrovisor externo do lado do motorista (há um tutorial na internet para resolve-lo, mas ainda não me arrisquei). Outro mora na coluna central, perto do cinto de segurança e o terceiro, vem das pastilhas de freio da roda dianteira esquerda. Por algum motivo, em ruas de pedra, há um barulho muito chato vindo de lá. Basta um leve toque no pedal de freio para que o barulho acabe. Tenho solucionado este problema a cada vez que faço o alinhamento, quando peço ao técnico que desmonte a roda e ‘prenda’ o conjunto. Entretanto, depois de algum tempo, acaba voltando. Ainda não tenho uma solução definitiva para o barulho.

CONCLUSÃO: Com relação ao Focus, felizmente já pude notar que muita coisa já melhorou (mesmo na atual geração). Tive a oportunidade de dirigir por cerca de 1000km um Focus Hatch, também 2.0, porém modelo 2013 e notei que alguns avanços foram feitos, apesar de, por exemplo, a mesma maçaneta interna simples e o mesmo acabamento da porta ainda estarem lá. No que diz respeito à interatividade, desde o Focus mais básico, hoje, o MyConnection, que traz comandos de som atrás do volante, entradas USB/AUX/BLUETOOTH e comandos por voz está presente como item de série. Assim como sensores crepuscular e de chuva e retrovisor interno eletrocrômico.

Há também chave presencial e partida do motor através de botão. Porém, a melhor mudança a meu ver, diz respeito ao desempenho. É notável a melhora da resposta do carro em baixas rotações. Entretanto, a custa disso, o desempenho em altas rotações foi piorado. A impressão que tive é que houve uma nova calibração do acelerador eletrônico e/ou alguma nova configuração que ‘planificou’ a curva de torque do motor, fazendo com que o carro seja mais previsível e constante.

Apesar de inadmissíveis em um carro deste valor e porte, todos os problemas apresentados, mesmo que sob algum estresse, já foram resolvidos ou estão nas vias de fato da solução. Contudo, continuo achando o Focus um excelente carro, porém, por vezes tive a sensação de que a Ford não explora bem o produto que tem em seu portifólio. Talvez um pouco mais de atenção aos detalhes do carro, bem como uma melhora expressiva no pós-vendas, poderiam fazer do Focus uma referência tanto em vendas quanto na categoria em que está inserido.

Assim como disse no relato do meu Sandero, hoje, provavelmente, o Focus não seria o escolhido. Primeiro porque as opções aumentaram. Novos players como o Fluence, 408, Cruze e Jetta, por exemplo, também entrariam na disputa. E, em seguida, minha mãe, atualmente, não mais compraria um sedan médio. Provavelmente algum hatch ou SUV pequeno estariam no top 3.

Por Silas Rana

4.0

  • dudupruvinelli

    Ano passado meu pai quase pegou um focus. Era esse mesmo, só que por 53k. Era de um cliente que havia desistido da compra e o carro havia ficado "sobrando" (tenho minhas dúvidas). Mas fizeste uma boa escolha!

    • silasrana

      Os preços hj estão bem mais “amigáveis”. Esse outro Focus que citei no relato 12/13, é de um amigo meu que pagou um valor semelhante ao seu. Outro “problema” é que em 2010 ou comprava esse GLX de 61 ou o Ghia, de 70. Era mta diferença e não tinha opcionais, como tem hj…

    • PONCIO PILATOS

      parabéns pelo relato véio.
      o carro é bom, um amigo meu tem um, é otimo mesmo.
      o bode é o pós venda.
      precisei trocar o forro da porta do meu corolla, pq começou a descolar um pedaço do courvin, invisivel, mas nao gostei, trocaram na hora, so falei que aquilo nao estava compativel com o padrao de acabamento do carro, nem questionaram, trocaram imediatamente… troquei tb o aerofolio, acessorio instalado lá, onde se fixam os parafusos, estavam cedendo, disse que tava feio, trocaram tambem…
      mas sobre os grilos, eu tb fico invocado com isso, mas tou pra encontrar um carro que nao tenha…até o ka, que tinha aqui, que nao tem nada tinha um grilo…

      • silasrana

        Obrigado!
        Realmente, era isso que eu esperava de um pós-venda de qualidade. Infelizmente, ainda não vi nada parecido com isso que você disse em nenhum dos carros que a familia já teve!
        Abraço

  • Rafael Schettino

    Tenho um Fiesta Rocam, também da Ford, e o pós-venda deles é péssimo.
    No meu carro, o forro da porta (que é da mesma qualidade de Focus) também soltou, mas não consegui solucionar até hoje….
    O Fiesta também tem transtorno bipolar e o acelerador drive by wire é horrível… o delay é muito grande… (e olha que ja mandei reprogramar 2x).
    A meu ver, os carros da Ford são bem confortáveis e de ótima dirigibilidade, mas o consumo e o pós-venda me fizeram decidir uma coisa: Ford, nunca mais!

    Meu Fiesta 1.0 faz 7 km/l na cidade com Etanol e 9-10km/l com gasolina: números horríveis para um carro 1.0.

    • Avetc

      Também tenho um Fiesta Rocam e o acelerador é por cabo de aço. A regulagem pode ser feita junto ao corpo de borboleta. O meu estava com uma folga que tive que ajustar a presilha da regulagem do cabo 3 "dentes" para ficar perfeito (com o motor quente pra não ficar com a marcha lenta acelarada) e a partir dai o delay que existia desapareceu e o carro ficou com um comportamento ótimo.

      • macaense

        Pois é, o meu também é por cabo de aço, acho que ele se equivocou

    • dudupruvinelli

      É verdade! O pós venda da Ford é um lixo! Vi isso quando o forro da porta do KA da minha irmã… OH WAIT, NÃO TEM FORRO

    • Hadowquen

      Os mais novos são sem cabo.

  • Vadauco

    Basicamente as mesmas impressões que eu tive quando fui trocar de carro, e considerei um Focus: confortável ao volante, som pobre e beberrão.

    • silasrana

      Cara, acredite se quiser, não acho que seja beberrão não. Tem mto 1.0 por ai que faz a mesma coisa…

      • Hadowquen

        Verdade.

    • Hadowquen

      Beberrão mesmo. Tenho um. Só que conversando com outros colegas que possuem carros 2.0 vejo que nos carros deles o consumo também não é melhor do que os 7km/L de etanol que consigo na cidade.

    • RafaelPimenta

      meu pai tem um eco 2.0 aut 2011(msm motor do focus 2.0) e ele faz medias de 14km/l na estrada. estranho o focus consumir tanto tendo melhor aerodinamica

  • Pedro_Rocha

    "Em 5ª marcha e 100km/h, o motor trabalha na casa das 2800 rpm. A 120km/h, chega a 3200 rpm." Achei essas rotações altas para um carro 2.0 com câmbio manual. Meu Corolla 1.8 AT4 fica em 2900 rpm a 120Km/h com ar ligado.

    • daviddiniz

      Motor 16v tem que ter rotação elevada mesmo para "encher" mais rápido.

      • Pedro_Rocha

        O motor do Focus não é um primor de tecnologia, mas os VVT dos Corollas são bons.

    • Stark

      Esse motor nao tem mmuito torque em baixa rotacao para rodar em 2500 rpm na rodovia a 120.

    • silasrana

      Essas rotações são é baixas. Cambio manual não tem as mesmas relações de um automático. A rotação precisa ser mais alta para evitar a troca frequente de marchas. No automático, esse quesito é irrelevante.

    • marciors01

      Carro automático tem isso, quando a velocidade estabiliza as rotações caem, mas no corolla ainda é alta, em outros automáticos chegam a baixar para 2400rpm.

      • Pedro_Rocha

        Concordo que ainda é alta, por conta do câmbio AT ter apenas 4 marchas. Parece-me que essa questão só vai ser resolvida em 2015 (AT6 do Camry).

      • vgdoche

        Correto, no Civic 2011 AT a 120 km/h, a rotação crava nos 2350 / 2400rpm.

    • thales_sr

      Pedro, carro manual normalmente tem o câmbio mais curto mesmo… É assim com o Civic, e com o próprio Corolla (não sei na versão 6 marchas agora).

      Porém, como já falei abaixo, esse câmbio do Focus não é 4+E. A máxima vem na quinta marcha.

    • wndjunior

      tb achei alto, o jurrásico 1.6 da VW fica nessa mesma faixa……Em 5ª marcha e 100km/h, o motor trabalha na casa das 2800 rpm. A 120km/h, chega a 3200 rpm."

    • Hadowquen

      Tenho carro idêntico e também acho um pouco altas essas rotações (que são essas mesmo). São baixas se comparadas com carros 1.0, mas para carros 2.0, os valores deveriam ser menores. No caso do cruze (que tem 6 marchas) as rotações a 100 ficam abaixo de 2500 rpm.

  • Prime_rafael

    Já tive um Focus Sedan GLX 1.6 ano 2005 e foi um dos melhores carros, confortável, espaçoso, pouquíssimos problemas.

    • vagnerclp

      Cara, Focus primeira geração (no seu caso é o MK1.5) é outra história. Não tem igual.

  • fredcdb

    Bela avaliação. Sem a famosa postura do "o carro que eu tenho é a última bolacha do pacote".

    Reitera o que todo mundo costuma dizer, o Focus é um belíssimo carro, infelizmente produzido por uma marca que deixou de prestigiar o seu consumidor.

    • wndjunior

      é…lembro bem desse caso…….

  • filipecesar92

    Focus foi o mais vendido do mundo de 2012, é um excelente carro.

  • Rafael_Phanton

    Aqui todo mundo tem medo de falar mau do focus.
    1º – só tem de bonito a dianteira, tanto hatch quanto sedan são feios na parte traseira (o sedan nem sei como alguém tem coragem de comprar aquilo, só se foi primeiro ver o versa, ai eu entendo kkkkkkkkk, aquilo é feio demais).
    2º – a ford vem perdendo mercado justamente por esse péssimo atendimento das concessionárias, são do tipo que acham que você depende deles e não o contrário.
    3º – o que eu mais gostava na ford era o acabamento dos carros, diferencial que perdeu por economizar e o que fazia seus carros ficarem muito agradáveis por dentro, hoje lá tudo é popular, exceto o fusion.

    Do mais, gostei do relato, sincero, objetivo e sem ficar bajulando o carro só porque é o dono.

    • mpsandri

      Rafael, eu tenho um sedan… veja só como gosto é subjetivo… eu ainda acho a traseira dela mais bonita do que a do corolla, com aquelas lanternas xuning… para mim, a traseira do focus lembra muito a de alguns volvos…enfim, gosto cada um tem o seu… que bom.

      • Rafael_Phanton

        Gostei da sua resposta, não gerou discussão e colocou sua opinião e gosto assim como eu fiz.
        Claro, donos de focus vão se sentir ofendidos e querer me atacar rsss, mas é isso ai meu caro, eu gosto da frente do focus, muito bonita mas não desce a traseira, principalmente do sedan, no mais, o importante é que quem compra um goste do carro.
        Se compra um fusca e está feliz, isso é o mais importante e não o que pensam os outros.
        Abraços

    • silasrana

      É questão de gosto. A gente nao acha o Focus feio. Quer seja o sedan ou o hatch.

      E, de fato, a Ford ta precisando melhorar muito para ficar boa…

    • rodrigorsr

      1º – só tem de bonito a dianteira, tanto hatch quanto sedan são feios na parte traseira (o sedan nem sei como alguém tem coragem de comprar aquilo, só se foi primeiro ver o versa, ai eu entendo kkkkkkkkk, aquilo é feio demais).

      típico consumidor que compra por design…

      • Rafael_Phanton

        Engano seu meu caro Rodrigo, o que me atrai são itens de conforto e segurança.
        Mas não entro em um versa ou fluence gastando o meu dinheiro, não gosto deles.
        Ford está com qualidade baixa, isso é fato.

        • Salvadeo

          Você não considera o Fluence confortável e seguro?

      • Rafael_Phanton

        Outra coisa Rodrigo, se eu comprasse por design apenas, eu teria um Hyundai então?
        Nem da Hyundai eu gosto, são bonitos mas enjoativos. E são carros que cobram muito e oferecem pouco.
        A questão principal na escolha dos meus carros: o uso que vou fazer e a inteligência que poucos tem na hora de comprar o seu.

        • rodrigorsr

          Não sei, não gosto do desgin Hyundai. Acho cansativo.

          Quando comrpo carro, penso exatamente como você. Por isso não me importa a traseira dele (que até gosto), já que dirijo do lado de dentro, não do lado de fora.

      • Hadowquen

        O que voçê acha do Corola? Traseira bonita? Eu não acho, mas o carro vende pacas…

    • marciors01

      Design é subjetivo, somente porque tu achas o carro feio não significa que todos irão achar feio.
      Sobre o péssimo atendimento, acredito que algumas css sejam ruins e outras não.
      Sobre o acabamento, é ruim nas portas e ponto final, o painel é muito bem acabado e o restante do carro também não faz feio.

      • Rafael_Phanton

        É acabamento básico, pelo preço dele deveria oferecer muito mais, é isso que critico.
        Quanto à beleza, cada um tem seu gosto e isso é muito bom.

        • marciors01

          Rafael, sobre o acabamento não considero básico, as portas são ruins e o problema acaba por ai, o painel por exemplo é melhor acabado e utiliza melhores materiais do que os dois lideres, corolla e civic, então o pecado está nas portas.

    • wndjunior

      pós venda horrivel….esqueceram que eles dependem do cliente!

    • PEDRO_HAWK

      A traseira é feia por conclusão ou é sua opinião? Eu não vejo problemas nela. Eu não acho bonito é lanterna que salta do carro, como a do Corolla atual e as do HB20.

  • rodrigorsr

    Tenho um Sedan 2010/11, só que automático e está atualmente com 35mil Km.

    Fiz todas as revisões e semana passada o carro me deixou na mão por causa da bateria arriada… Um absurdo um carro nessa quilometragem ter de trocar a bateria. Fora que a luz do aribag já se acendeu 3 vezes por "mal contato", segundo me disseram na concessionária…

    É um bom carro, ótimo de dirigir, silencioso e confortável, mas o acabamento e a qualidade de construção são dignas de carro chinês, na minha opinião… Meu carro possui vãos irregulares na tampa do porta-malas e nas portas dianteiras. O acabamento de teto tem forração mal encaixada e de tecido de péssima qualdiade. O ponteiro de marcador de combustível e autonomia estão sempre errados, indicando mais autonomia doque o carro realmente pode rodar.. Já perdi quase todas as capinhas que cobrem os parafusos e duas calotinhas centrais das rodas. E considero a manutenção cara e oconsumo alto…

    Também me incomoda a falta de sensor de estacionamento traseiro e o acabamento das maçanetas internas, como foi dito no texto. Um carro dessa categoria deveria ter esses cuidados. Além disso, o câmbio automático poderia ter pelo menos 5 marchas. O modo sequencial não é tão divertido, pois as respostas são lentas… mas tem grande utilidade em subidas.

    Hoje, não o compraria.

    • silasrana

      Cara, a bateria pode gastar ate em carro 0km. O que vale mais é o tempo de vida dela. Dos carros que já tivemos em casa, não me lembro de ter visto uma que tenha durado mais que 3 anos. Esse nosso Focus ai neste ano deve ter essa despesa extra…

      De vãos livres irregulares, tem o do farol. Na primeira foto vc vê ele como deveria ser. No outro lado, entre o farol e para choques há um espaço bem maior.

      • rodrigorsr

        Pois é Silas, esse foi meu primeiro carro (de 3) que tive que trocar a bateria… Rodei mais de 60mil km com um Polo e nunca tive esse problema…

        • silasrana

          Também tivemos um Polo antes do Focus. Era 2007 e foi vendido em 2010. Foram 78mil km rodados e a bateria já dava sinais de falha. Mas nunca deixou na mão…

      • Hadowquen

        O meu, idêntico ao seu, veio com vãos diferentes nas portas e para-choque traseiro. Tudo "característica do carro", coisa que um imbecil, piloto de testes da parque ford goiânia adora dizer.

    • DiogoCST

      "O ponteiro de marcador de combustível e autonomia estão sempre errados, indicando mais autonomia doque o carro realmente pode rodar" você que não sabe usar o medidor de autonomia, ele sempre te da uma ESTIMATIVA do máximo que você pode rodar considerando consumo ideal. Logicamente a autonomia sempre é menor do que a indicada… ainda não inventaram carro com visão do futuro para saber se vocÊ vai pegar transito ou andar esticando marchas…

      quanto as tampinhas das rodas, elas caem msm, culpe isso as ruas esburacadas da banânia somada a direção não cuidadosa. como o focus tem uma suspensão macia as pessoas tendem a abusar nos buracos. eu tenho um GLX 2.0 e todas as capinhas das rodas estão lá nunca perdi nenhuma. acho engraçado as pessoas reclamaram do acabamento depois que comprou o carro, afinal o acabamento estava lá quando você comprou, se você viu e achou zuado mas relevou e comprou nao adianta chorar o leite derramado. cambio poderia ter 5 marchas ? sim poderia mas não tem e vc sabia disso tbm quando comprou, alias é por isso que comprei o manual… enfim não é um carro perfeito mas os principais pontos fracos dele eu já conhecia quando comprei então não tem sentido eu reclamar deles.

      • rodrigorsr

        Se o seu ponteiro está na reserva e computador te mostra uma autonomia de 200 km, temos um problema, concorda?

        E sim, sei muito bem como usar este equipamento.

        Desculpe, mas não da pra culpar somente as ruas esburacadas. As tampinhas são super foruxas, saem com extrema facilidade. Será que é um problema só do meu carro? Acho difícil…

        O acabamento de um carro novo, na loja, é uma coisa. Já num carro de 3 anos é diferente, concorda? É com o tempo que vemos a qualidade ou a falta dela, independente da beleza de umapinel, bancos, etc..
        .
        Sobre o câmbio automático, quando comprei buscava conforto, pois sempre tive carro manual e perco tempo enrome no trânsito. Com o passar do tempo passei a achar que ele poderia ser melhor, somente…

        • Cesar

          O meu é 2009 e ainda bem q nao caiu nenhuma tampinha.

          • Hadowquen

            No meu caso, comprei um jogo de porcas cromadas, sem a tal capinha, numa loja de parafusos aqui em Goiânia, e nunca mais tive o problema. Ganhei da ford depois disso um jogo novo (com as tais capinhas e nunca usei). Se alguém quiser comprar, anote meu email: alessandro_170@hotmail.com

    • vitimsl

      O meu Focus é o contrário! A reserva da sinal de vida com aproximadamente 12, 13 litros ainda no tanque, com autonomia de 80 km!!!!

      • silasrana

        A reserva do Focus é variável de acordo com o consumo do médio do computador de bordo. Se seu consumo médio é bom, a reserva vai entrar mais tarde, com menos combustível no tanque.

        • vitimsl

          "silasrana", o meu não é assim! É impressionante, a reserva sempre da sinal de vida quando foram consumidos em torno de 40 litros de combustível. Te falo isso porque toda vez que eu abasteço eu encho o tanque, e paro para abastecer logo depois que a reserva entra. Sempre ando uns 20 km +/- na reserva e nunca coube mais do que 44, 45 litros de combustivel, é sempre assim! E olhando para o marcador, parece que não tem nem 5 litros lá e a autonomia tb fica baixa, em torno de 40 km, mas ainda restam no tanque uns 10 litros (a capacidade é 55). O computador de bordo no meu é muito preciso, nunca deu mais do que 0,4 de diferença em relação ao consumo calculado pela bomba. Só a autonomia que não bate muito bem, mas ele da um número pessimista, o que acho até bom, pois é mais seguro.

          • silasrana

            O nosso aqui em casa tem variação grande sim cara.
            Vi esse lance de reserva com 'nível variável' em algum lugar da internet. E, pelo que já notei do meu, achei que era isso mesmo. Por exemplo, naquele tanque que citei no relato que fiz 15,6km/l, situação de 100% estrada e sem AC, ao abastecer, entraram pouco mais de 49l (logo ao entrar na reserva), demonstrando que restavam apenas pouco mais de 5 no tanque.
            E, em situações normais, entra isso que você falou, cerca de 45 litros.
            Obrigado pelo comentário!

      • Hadowquen

        O meu também, sempre acusa uma quilometragem a menor do que realmente fará. Quando a campainha da reserva toca a primeira vez, se vou logo ao posto de combustível, cabem aproximadamente uns 37 litros (55-37=18 litros). Ou seja, a 7,2 km/L (etanol) dá para rodar mais de 120 km, enquanto o CB acusa 80. Assim, é melhor errar para menos, pois é mais seguro.

    • Marcelo_Machado

      Gostaria de resaltar uma parte de seu comentário. "Fiz todas as revisões…."

      Na Ford é bem isso aí: muitas revisões, pelo menos 2 X por ano tem que fazer revisão.

      Pelo ano do carro vc já deve ter feito 4 ou 5 revisões e o carro só tem 35 mil Km!!!!!!

      • rodrigorsr

        Exato; já fiz 5, uma a cada 6 meses. Tudo pela garantia…

      • silasrana

        No meu caso, apesar de tudo que disse no relato acima, resolvi chutar a garantia. Parei com 2 anos. Não achei que valia a pena. O serviço é porco aqui nas concessionárias da região (todas da mesma rede) e, ainda por cima, são muito caras. Agora fazemos com o mecânico de confiança da família e não mais fazemos de 6 em 6 meses. Fazemos pela Km ou por ano.

        • Hadowquen

          Também parei na 5º revisão. Cobraram caríssimo e não trocaram fluido de freio, velas e líquido de arrefecimento. Reclamei na Gerência da Parque Ford aqui em Goiânia 2 vezes, uma delas falei com o próprio gerente de pós venda, que ficou de me procurar depois e nunca procurou. Paguei R$900,00, mas colocaram outras coisas no lugar dos ítens da revisão no manual, como aditivos para óleo e outras coisas para o consultor ganhar comissão. Hoje eu compro o óleo e os filtros em outra css e levo a um mecânico conhecido para efetuar a troca.

    • MM_

      Essas baterias estão terríveis. Tive um Tiida que a bateria foi pro espaço com 2.000km. No C4 durou até os 20.000km. Ressalto ainda que nunca instalei nada nesses carros.

      • Hadowquen

        Meu focus tem 57000km e ainda não trocou bateria.

    • Carroceiro84

      Todo carro que tive a bateria durou uns 3 anos!

      Se o seu carro é 2010/2011, então já tá com os 3 anos. Não é tão "anormal" assim…

      Já o problema do ponteiro do marcador de combustivel e autonomia estar sempre errado, eu já vi isso! Meu irmão tem um Fiesta ELZA SOARES que tá sempre com esse problema, já "consertou" (fazem uma gambiarra) 3 vezes e não resolve.

  • Gregori_Costa

    Otimo relato.
    Tenho um focus hatch comprado no mesmo mês que esse da sua mãe, o que muda mais é que o meu é 1.6, e tenho de concordar com praticamente tudo que você escreveu, as qualidades e os problemas do carro são esses mesmos.
    As diferenças basicas entre os dois é que o meu é um pouco mais economico, por conta do motor, não tem a direção eletrica, e apresentou apenas um barulho interno no painel, q aparece apenas de vez enquando.

    No mais, não sei se teria um focus novamente, gostei do carro, mas não curti a FORD, tenho a impressão que estão no Brasil a passeio, apesar de alguns bons produtos.

    • silasrana

      Valeu Gregori.
      Realmente a Ford tá deixando a desejar demais no pós venda!

    • JonathanAbud

      Tenho também um 10/11, só que comprei um seminovo. É um carrão, gosto muito dele, muito econômico, fácil de manter, de você mesmo fazer várias trocas. A questão dos pequenos barulhos, você mesmo consegue contornar. Como comprei seminovo, acredito não ter dor de cabeça com a Ford pois vou cuidar do carro levando para um mecânico super confiável. Como é um carro que foi vendido mundo a fora, também tem peças que podem ser compradas no ebay. Resumindo, excelente carro pelo preço que paguei, não me arrependo da compra.

      • Gregori_Costa

        Opa Jonathan,

        concordo com vc, é uma otima compra, como carro eu recomendo muito, e no seu caso, como não irá sofrer na mão da ford é melhor ainda.
        eu mesmo estou de olho no focus que irá chegar, se o 1.6 ecoboost chegar num patamar de 75 mil ira entrar no meu radar fortemente, pois o carro focus eu curti muito, agora, mais caro que isso, não compraria pela FORD, que precisa muito mudar a mentalidade de Brasilzinho que ela tem.

        abraço.

  • Dirceu

    A 1ª geração do Focus é melhor que a 2ª. Sou um dos entusiastas do modelo; tive dois hatch GL 1.8 16V zetec e em 2006 parti para o 1.6 Rocam e era um abismo. O 1.6 era nitidamente piorado, não só no motor, a suspensão era dura e varios itens de serie sumiram (o famoso botao triangular de abertura do porta-malas, o Cd player integrado ao painel, os bancos de veludo foram as perdas mais sentidas). Andei em um SEDAN GLX automatico zero-quilometro no lançamento em 2008 e recentemente andei num GLX hatch 2012 manual. Me decepcionei, principalmente depois de compara-lo com um Ghia 2004 Zetec aut. com 116 mil km. Ah, esse isso é o Focus. Pode ser mais feio por fora, mas ali mora um conjunto mecanico para toyotista nenhum reclamar.

    • kikofar

      Rapaz, o tio da minha mulher tem um Focus Ghia 2005. Carro completão e para minha total surpresa (já que o tio dela é 'cupim de carro') ele roda silencioso, sem barulho algum! O motorzão 2.0 manda muito bem, fazendo lá seus 12km/L na média, pra mim, chega a ser fantástico, ainda mais sendo um carro não muito bem cuidado como o dele.

      O outro lado da moeda: minha cunhada tem um 2010. O motor 1.6 sigma é bonzinho, nada demais. Não dá pra comparar com os Zetecs anteriores de jeito algum. O acabamento chega a ser covardia comparar com o modelo anterior. Não tem quase nada emborrachado. O revestimento das portas é digno de Gol 1.0. É aquele cuidado a mais que a Ford deixou de lado em nome da economia. Uma pena. Meu pai teve 1 Corcel II, 4 Belinas e 1 Royale e lembro-me de todos os carros pelo ótimo acabamento, algo que não existe nos Ford Mercosul!

    • silasrana

      Cara, já escutei exatamente isso de antigos proprietários. Que tem decaído a cada geração (pelo menos no Brasil)! Espero que, com a nova geração, tenha uma virada neste quesito.
      Obrigado pelo comentário!

      • vagnerclp

        Silas, ótimo relato.
        É o que eu falei, a minha paixão é pelo antigo (especialmente pelo MK 1.5)….só quem teve ou dirigiu um sabe do que eu estou falando. Este modelo eu confesso, pra mim não passou nada de especial, um carro comum…Só espero que a nova geração mude isto (ando de olho no site da ford americana, ao menos o de lá passa uma boa impressão), se for bom mesmo quem sabe seja o meu próximo carro. O que me assusta é sim o pós venda da ford, pois todos falam mal e eu senti um pouco disto quando estava procurando um focus pra comprar, os vendedores pareciam que estavam fazendo um favor pra gente.

    • ohasi

      Concordo Plenamente Dirceu. Tenho um Ghia 2006 manual, e realmente o carro é fantástico. Tive oportunidade de rodar em um GLX AT 2011 de um amigo, e o que mais assusta é a queda no nível de acabamento. Não tem comparação. Ele está reclamando muito do consumo de 6 na cidade com gasolina. O meu é manual, 2.0 e a média é de 10,5 km/L na cidade (e olha que moro em BH, morro e ladeira). Na estrada dá 13,5 km/l andando até 110 por hora.

      Eu já estou pensando em trocar de carro, mas bate um desânimo… Tenho OJERIZA de motores flex, e apesar de achar o mk 2,5 bonito, sinceramente, não dá. O acabamento é pior, o consumo MUITO PIOR, trocar para que? O dilema de donos de ex-focus, é ficarmos extremamente acostumados a dirigibilidade inigualável do carro. Nâo dá pra comprar qualquer carro e ficar satisfeito. E não há dúvidas, tanto os MK 1 com os maravilhosos zetecs, quanto os MK 1,5 com o duratec 2.0 (o Rocam 1.6 é sofrível em suspensão e nesse motor que era bom monocombustível) foram melhores Focus que o atual. Espero que o Focus 3, mude esse cenário, trazendo acabamento descente e motores melhores (por favor dona FORD o ecoboost 1.6 MONOCOMBUSTÍVEL).
      Abraços,
      Ohasi

  • danieldourado_2

    Ganharam IPVA do resto do ano? Todo carro 0km não é isento de IPVA no ano da compra por lei?

    • wndjunior

      pelo que sei no estado de são paulo não

    • Focus2013

      NÃO, TEM QUE PAGAR!

      • Hadowquen

        Em Goiás, o primeiro ano é isento.

    • Acport

      Até onde sei, só no Estado de Goiás e Distrito Federal é que o IPVA do carro zero km não é pago no primeiro ano. Aqui em Minas, e em São Paulo, a alíquota é de 4% do valor da nota fiscal. Só isso dá uma diferença grande.

      • danieldourado_2

        Ta explicado. Sou do DF.

        • dougkmt

          Aqui em SP é um estupro, Daniel. Além de pagar o IPVA proporcional com base no valor da nota fiscal para o primeiro ano, a líquota é de exagerados 4%.

          Esta questão entra inclusive na hora de negociar, se vc vai comprar no final do mês, pode fechar a compra no primeiro dia do próximo mês, daí vc ganha um mês no pagamento do IPVA proporcional. Claro que este argumento é válido para valores mais altos, se vc vai comprar carro de R$ 25.000 a diferença não é grande.

    • silasrana

      Paga sim, Daniel!
      No caso, compramos o carro em Setembro, e temos que pagar o IPVA referente aos meses de Outubro, Novembro e Dezembro. Aqui no estado de SP é assim, infelizmente.
      Obrigado pelo comentário.

      • Hadowquen

        Deve ser por isso que comprei o meu na mesma época por R$58.000,00 , 3 mil a menos que o seu aí.

  • danieldourado_2

    Ando muito no Focus GLX de um colega meu e tenho alguns pontos a ressaltar dessa opnião do autor, na MINHA opnião.

    – Exite um defeito no acabamento do carro que é um vão entre a porta e o painel quando a porta está fechada! É o maior vão que eu já vi em um carro.
    – O som do Focus não é ruim, nem é bom, e está LONGE de ter uma ótima qualidade.

    • Focus2013

      O som tem muita qualidade!

      • vitimsl

        Tambem acho o som muito bom.

    • silasrana

      Eu, particularmente, acho o som muito bom sim. Digo a qualidade sonora. Pra mim, que sou leigo neste assunto, acho ótimo. Entretanto, como disse, onde o bixo pega é na conectividade! Essa sim é péssima!
      Com relação ao vão entre porta/painel, não é nenhum absurdo não. É um vão de menos de um dedo nesse carro aí do relato. Nada que chame a atenção.
      Obrigado pelo comentário.

  • thales_sr

    Com essa relação, num sedan de quase 150 cv, esse câmbio é 4+E? Nem no meu Polo 1.6 de 100 cv com relação similar o câmbio é 4+E… A máxima chega em quinta. O câmbio do Focus tem 5 marchas "normais".

    • silasrana

      E aí, Thales, blz?
      Bom, no manual do Focus, na página 2-186, na "Apresentação" da seção "Transmissão" diz o seguinte: "O veículo pode estar equipado com câmbio de 5 marchas sincronizadas, sendo a 5ª marcha 'overdrive' (sobre-marcha) ou com transmissão automática de 4 marchas à frente…"
      A relação da 5ª marcha é de 0,756:1 e a 4ª marcha, 0,951:1. Ou seja, a máxima chega em 4ª marcha sim e a 5ª marcha é sim Overdrive (ou economia). E são informações que constam no manual a respeito da caixa IB5 Plus, deste Focus do relato que escrevi.
      Obrigado pelo comentário!

      • thales_sr

        Entendo, mas mesmo assim discordo. Veja nesse vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=U3ll890Ch7E

        210 km/h a 5.500 rpm, quinta marcha. Na quarta marcha, essa velocidade seria atingida com 6.918 rpm, além do corte de rotação do motor. Sendo o teste feito em linha reta, ele consegue ainda mais velocidade na quinta marcha (apesar de ser abaixo da rotação de potência máxima) do que na quarta, então não é caracterizado como um 4+E "de verdade".

        • silasrana

          Bom, Thales, o que eu disse tanto no relato quanto no comentário eram baseados no manual do carro.
          Não tenho experiência suficiente para saber se o que o cara fez no vídeo é realmente realidade ou não, visto que o máximo que já cheguei nele foi 150km/h, e uma única vez.
          Enfim, de qualquer forma, obrigado pelo esclarecimento!

          • thales_sr

            Tranquilo, no mais seu relato está muito bom, sem floreios ou querer "endeusar" o carro. Parabéns pelo texto.

            • silasrana

              Valeu, Thales!
              abraço.

          • Hadowquen

            Acho que estou correndo sérios riscos de vida. Já andei várias vezes na casa dos 160 a 190 km/h. (E o carro parece que nem sente…B)

  • marciors01

    Dirceu, nos modelos mais caros não houve perda de equipamentos no old focus.
    No caso da suspensão, para economia a ford retirou a barra estabilizadora traseira e para compensar endureceu as molas, eu tive um 1.6 e instalei a barra estabilizadora traseira, o comportamento do carro melhorou muito, apenas não troquei as molas.

    • Dirceu

      Houve uma perda nos modelos Ghia: o controle de tração, que era de serie em 2001 a 2003,foi cortado no ano seguinte.

  • mauricar20

    Gosto muito do Focus. Comportamento realmente impecável e referencia no mercado. Para uso comum, não notei tanta diferença do 1.6 para o 2.0. Existe sim, mas quando se pisa no acelerador de verdade é que percebe-se a diferença de cilindrada de fato. Na estrada é bem melhor. Se fosse comprar um médio hoje, seria assim: Focus 2.0 > Bravo 1.8 > Focus 1.6 > Golf 1.6.

  • Felix_S

    Não foi exatamente uma opinião de dono…hehe…mas tá valendo. Brincadeiras à parte, muito das reclamações coincidem com as minhas, pois tive um Focus 2.0 GLX 10/11 (só que era hatch). No geral é um bom carro, mas passou da hora da Ford oferecer um motor melhor que o Duratech e de melhorar o atendimento de suas css! E aquelas capinhas das porcas são terríveis mesmo! Ô coisa chata!

    • silasrana

      Valeu pelo comentário, Felix.
      E, de fato não é bem uma opinião do dono! hahaha Mas, como boa parte destes 30 mil km foi eu quem dirigiu, me dei o direito de escrever! haha O meu carro, de fato, também já foi relatado a algum tempo. Um Sandero 1.0. Se interessar, procure na seção respectiva do site que você acha!
      abraço

      • Felix_S

        Eu li sobre seu Sandero. Só não me lembrava que era vc o dono do carro. Muito bacana também seu relato do Renault. Parabéns!

        • silasrana

          Valeu Felix!
          Agora, definitivamente, esgotaram-se as possibilidades sobre os carros que eu poderia escrever! Só daqui a alguns anos, quem sabe! haha
          Abraço

  • Rafael

    O Focus tem boa mecânica e tudo mais…mas os modelos nacionais estão com o visual muito defasado, principalmente esse Sedan é muito feio!

  • Allan

    Tenho um Focus Sedan GLX 1.6 8v Flex, 2007/2008 com 127096 km. Comprei ZERO, na época o carro custava R$ 46.990,00, dei R$ 30.000,00 de entrada e financiei o restante em 48 vezes de 498.80. O carro é excelente, tirando a revenda dele, claro! Pensei em trocar por outro Focus… Porém a triste realidade da revende me desanimou, avaliaram meu carro em R$ 12.000,00. Isso na mesma loja ao qual eu retirei ele ZERO Km da loja. É revoltante… Coloquei uma Aro 17" nele, pensem… Ficou muito show, porém… Quem vê acha lindo, valor da FIPE é 24MIL e olhe lá… Estou na Espera…

    • silasrana

      E ae Allan, blz?
      Cara, realmente os preços da geração anterior estão em queda livre.
      Eu já quase troquei meu Sandero por um sedan 1.6 GLX 2008 (ultimo modelo antes da mudança) e o preço era só de 27 mil reais.
      Infelizmente, a desvalorização desse modelo novo também é bem alta, ainda mais desse modelo sedan. Pelo que acompanhei, só não é maior que o do Linea (como disse no relato, o que cotamos custava a bagatela de 64,8 mil e hoje, se tivessemos comprados, o valor dele seria na casa dos 35 mil reais, o que é um absurdo). Até o Vectra, que saiu de linha, teve uma desvalorização menor.
      Obrigado pelo comentário!

  • Diggo

    Eu também tenho pensado em um sedã médio para substituir o meu hatch, o Focus corre por fora, depois de Corolla e Civic, nesta ordem. Se não surgir nada diferente até lá. Quem sabe o Dart.

  • Focus2013

    Primeiramente gostaria de dizer que este post sobre a opinião de proprietários foi o melhor que já li até hoje, foi imparcial e realista!!!!

    Possuo dois Focus um 2009 GHIA 2.0 com 36mil kms e 2004 GHIA não tive problemas com os meus, em semelhança aos apresentados somente o barulho na pastilha do 2009, que no meu carro acontecia na roda traseira direita e foi resolvido com um pouco de silicone(foi a solução), assim o barulho acabou definitivamente.

    Troquei meus amortecedores dianteiros e um suporte do motor(todos que conheço que possuem Focus trocam estas peças) em ambos, acho que a Ford deixou assim pra gerar manutenção ou então vacila muito em não resolver tal problema.

    A Ford realmente não conhece bem o produto que possui e concordo plenamente que a Ford não explora bem as qualidade do Focus, é o melhor carro que a Ford tem hoje em seu catálogo e é vitrine de tecnologia no mundo inteiro para a Ford!

    Todas as reclamações sobre pós-venda são comuns para a Ford, peca feio e sei de muita gente que deixa de comprar Ford por causa disto, já vi de tudo, até pintura em carro zero embaçada por má qualidade, a Ford na verdade não merecia ser dona do Focus rsrs!!!!

    Com relação ao motor vi em vários lugares e também de mecânicos que o Duratec tem sim comando variável de válvula e acho que exatamente isto faz com que ele seja muito mais esperto que o Zetec.

    A dirigibilidade nem se fala, conforto, menos ainda! O que falta pra mim é a evolução da Ford no quesito pós venda e na melhor exploração do produto em mãos. Lá fora dá chinelada em muito carro conhecido a tempos do mercado. Perto do Corolla, Civic e Golf que são estrelas mundiais, o Focus é só um bebê, tendo em vista que o Corolla e o Civic são dos anos 60 e o Golf(salvo engano) entre anos 70 e 80, e ainda assim o Focus é o que é, acredito que na próxima geração pode ser que a Ford supere todos os seus concorrentes, pois tem feito seu dever de carro no desenvolvimento do Focus.

    Opinião comum de todos os proprietário de Focus, baixa manutenção, confiabilidade, gostoso de dirigir, câmbio-motor-transmissão bem casados e do tamanho do carro e somente um ponto negativo, baixa revenda! É isso aí galera!

    • silasrana

      Muito obrigado pelo comentário!
      De fato, o problema do Focus é a Ford! O carro é ótimo! Entretanto, aqui em casa já decidimos que Ford, se vier, vai ser de alguma outra revenda que não alguma da rede que atende a nossa cidade. Por isso, um novo Ford tem sido desconsiderado aqui!
      Abraço

    • PEDRO_HAWK

      Também tenho um Focus Sedan Ghia 2009. Comprei ele em dezembro passado, com 45.000km. O único problema que ele apresentou até agora (já vou nos 52.000km) é que, a cada dez partidas, em sete o CB informa que o "assistente de direção (está) avariado" e as capinhas das porcas da roda, que perdi duas (logo após o serviço de alinhamento/balanceamento).

      Com relação ao primeiro problema, é só mesmo a mensagem que irrita, pois o assistente de direção funciona perfeitamente. Li que o problema é devido à bateria estar "arregando". Vou trocá-la na próxima revisão (que será a equivalente a de 70.000km).

      No mais acho um carro fantástico. Pelo preço que o comprei levava no máximo um Corolla Xei 2007.

      Comprá-lo zero não sei se é um bom negócio (carro nenhum é), mas comprá-lo de alguém que cuidou bem dele é um achado. Meus planos são de ficar com ele uns 10 anos. Como não vou conseguir vendê-lo sem praticamente doá-lo até lá, vou ficar com ele pro resto da vida.

      Vai ser algo como é hoje quando alguém vê na rua um Del Rey (Ghia, de preferência, eheheh) bem conservado. Mas é que, pra mim, o carro foi apaixonante. Quando decidi comprar um segundo carro (a esposa ficou com o Picanto), bati o pé e só compraria se fosse um Focus top (queria por que queria o teto solar). Puramente emocional. Me dei este direito uma vez. O que seria da vida se não fosse assim?

      Abraço!

      • Focus2013

        Isso ai meu irmao!!!

  • fabritch

    Este carro vende pouquíssimo! Considerando que o ht vende bem, a única explicação seria a traseira sem graça

    • Pedro_Rocha

      O mercado de sedãs médios é mais exigente e não tolera as falhas apontadas pelo autor do texto.

    • silasrana

      Vende poquíssimo porque não tem propaganda em lugar nenhum. Ninguém lembra dele.
      Os poucos que lembram, a maioria não gosta da traseira, como você. Por isso vende pouco. Mas não deixa de ser um ótimo carro.

  • pauloreis

    tenho um MK1, primeira geração, 1.6 roncam flex, faço média no tanque de entre 13.8 á 14.5, ja fiz 15.8. Ando 2/3 na estrada. Uso AR qdo acho conveniente e, quando a pista e as condições ajudam, eu corro (até 160km/h por questão de segurança, lógico, ja cheguei a 195 poucas vezes, veja que são marcas do painel, tirando uns 8% é a real), não sou pé leve e, nem pé de chumbo full time. Posso dizer que a primeira geração é show, entre conforto e estabilidade, o carro "abraça" o asfalto, aos 180 km/h, parece que estou a 100! Tive problemas com a FORD aos 30 mil KM, onde exigiram paciência e procom, mas foi resolvido. Com relação a manutenção, também é show, hoje esta com 130 mil KM e somente faço o necessário, a revisão mais cara que paguei foi de R$ 1500, devido a troca dos amortecedores, no mais, varia em R$ 300 a 600 conto. Acho que o problema da FORD é: Os produtos são referência no mundo (vide Europa e EUAs), menos nos países mais pobres. Aqui eles não priorizam a qualidade na fabricação do produto, com a intenção de lucrar mais, óbvio, reduz custos com processos e pós venda, consequentemente, o lucro é maior. É uma pena porque "queima" um carro que é bastante elogiado pelas imprensa especialisada destes países.

  • suguii

    É um bom carro, meu sogro tinha um e adorava quando ele pedia pra revezar o volante em viagens longas, achei um carro confortável e divertido de dirigir, obviamente não é um carro de corrida, portanto, não dá pra abusar, para uso urbano o motor dá e sobra, em estradas, velocidade de cruzeiro a 120 km/h achei o motor bem silencioso, comparado com o 307 que eu tinha, que era mais ruidoso… ele teve o carro por 3 anos e nunca foi pra oficina, somente as manutenções preventivas. Só não comprei o carro dele pois achei os custos de manutenção um pouco elevados e no momento não estou em condições de trabalhar pra manter um carro, mas o dedo coçou bastante na vontade de comprar…. rs

  • isaacfederal

    Belo REVIEW. Mas que por essas e outras que a FORD não ocupa um bom espaço de vendas no BRASIL. Em breve vai acabar perdendo o posto de quarta colocada

    • silasrana

      Muito obrigado, Isaac!

  • BlueGopher

    Com respeito ao consumo, o autor levantou um ponto muito interessante, que poucos percebem:
    Consumo excessivo muitas vezes não é culpa do carro, mas do motorista.
    É necessário respeitar a "personalidade" do carro, ou seja, o tamanho do motor, as rotações de torque e potência máximos, entre outros e até mesmo o uso para qual o carro foi projetado.
    É comum ver motoristas acelerando loucamente carrinhos 1.0 entre dois semáforos, ou, ao contrário, trocando marchas em baixíssimas rotações.
    E depois reclamam do consumo, dos defeitos surgidos, que o carro é uma droga, etc, etc.

    • Focus2013

      CONCORDO

    • silasrana

      Exatamente, BlueGopher.
      No começo, quando compramos o Focus, nosso consumo era na casa de 6km/l na GASOLINA. Uma coisa absurda. Tudo bem que o carro era bem novo e tal, mas mesmo assim, muito elevado. E demorou pra carro e máquina entrar num acordo. Depois que 'peguei' a manha do carro, o consumo chegou aos níveis que citei no relato! Embora minha mãe ainda tenha um pouco de dificuldade de conseguir uma média próxima aos 10km/l que consigo. Ela faz na casa dos 8,5km/l. O que também não é lá muito ruim. Mas, como o carro é dela e ela está satisfeita, nem comento mais.
      Tanto isso que você disse é verdade, que no meu carro de fato, um Sandero 1.0 (já fiz o relato dele aqui também, procura lá), consigo médias entre 13 e 16 km/l em percurso misto. Coisa que já ouvi muita gente dizendo ser impossível pelo motor ser pequeno e o carro grande. É só a gente se adaptar ao carro e não esperar o contrário!
      Obrigado pelo comentário!

  • shdn2010

    …………"documento, que, segundo ele, é altamente sigiloso e não deveria estar em minhas mãos"…… Como a ford pode querer esconder um problema em seus veiculos e não repassar para o consumidor final, isso é empresa que merece credibilidade de seus consumidores..? Não seria mais facil admitir tal problema e resolver sem estress nenhum, não entendo para q complicar as coisas se é algo que pode ser resolvido sem bate boca. Esses merdas gostam de estressar os consumidores.

    • Focus2013

      POIS É… CONCORDO!!

    • silasrana

      Cara, pois é. Fiquei até surpreso quando ele me disse isso… Tive vontade de rir, achei que era brincadeira! Mas ele tava sério… aí rolou um estresse justamente por isso que você citou. Eles deveriam é divulgar isso…
      Vai entender!
      Obrigado pelo comentário!

  • 16vti

    existe Focus Dual Blue Oval Edition?

    • silasrana

      Oi?

  • Igor

    Eu acho que o Focus foi uma otima opção mas com na AV perto da minha casa tem muitas ccs(Peugeot.Fiat.Gm.Toyota.Honda.VW) eu ficaria com um 408THP ou Cruze

  • vitimsl

    Bom, tenho um também (Hatch 2.0 GLX MEC. 11/12) e concordo com alguns pontos do autor. Acho que dei sorte com a concessionária da minha cidade, tem um atendimento muito bom. Tive que trocar várias peças em garantia e nunca questionaram nada, mas demoraram pra identificar alguns defeitos e o estoque de peças não existe. O meu fazia muito barulho na dianteira. Como sempre existiu o boletim com a troca dos amortecedores, foi a primeira coisa que eles trocaram. Não adiantou e partiram para o suporte do motor. Tambem não resolveu e então trocaram a caixa de direção e aí sim, problema resolvido. Em relação as porcas, o problema é que as capas ficam frouxas devido a retirada constante das mesmas para rodízio, balanceamento, etc. Com isso, elas geram ruido ao andar em pisos irregulares. Trocaram também sem problemas (continua)…

    • BRIVA

      Estes problemas de caixão de direção parece um problema crônico dos fords. Já vi também relatos dos new Fiestas também. Acho que este seu mecânico da Ford parece não ter sido muito competente, pois tive um Focus 2008 com grande ruído quando usava ruas de paralelepípedo (pedras ) e era um grande ruído. Achei que fosse bobagem e então levei no pós da Ford, aqui no Recife, que acho muito bom o atendimento. O mecânico deu uma volta, colocou o carro no elevador e de imediato identificou o defeito: caixão de direção. Já era um carro com dois de uso e pelo ano de fabricação a garantia expirou.
      Uma vez fiz um questionamento aqui, sobre esta revisão a cada seis, pois já faz algum tempo que uso esta marca e a resposta aqui no carplace, disseram-me que não só a Ford que utiliza este período para revisões

  • vitimsl

    Em relação a desempenho, só acho um pouco lento em rotações muito baixas. Acima de 2500 giros, acho o desempenho muito bom, principalmente em alta. Consumo: 6,8km/l na cidade e 8,2 km/l de alcool em circuito misto, com ar ligado direto. Acho muito bom pelo peso do carro e desempenho. O som é muito bom, o My Connection funciona bem. A grande crítica vai para as portas. Possuem um péssimo acabamento, uma péssima montagem. A manutanção também é cara, acima da média. As revisões a cada 6 meses também são foda. Mas no geral, adoro o carro. Anda bem, estável, silencioso, muito confortável, tem uma ótima direção. Eu recomendo.

    • silasrana

      Cara, se você achou uma concessionária boa, cultive-a! São raras!
      Apenas para você ter ideia, o problema do câmbio, quem descobriu, fui eu. Como era intermitente, ninguém descobria. Chegaram até a mexer no trambulador do câmbio e nada.
      Só na terceira vez que fui a concessionária e vi o óleo na garagem é que já matei a charada e constataram o problema!
      De fato, até as 2500 rotações o carro é BEM lento. Experimente trabalhar mais o câmbio. Não esquente se precisar passar em lombadas de primeira marcha. O câmbio tem relações longas e não dará trancos e, assim, subirá o giro mais rapidamente.
      As porcas vão alargando justamente por isso que você disse. Inclusive, se olhar na foto que mandei da roda, verá que há 'riscos' saindo do buraco dos parafusos. Isso aconteceu porque a concessionária, ao ver que estavam soltando resolveram COLAR as capinhas. Só serviu pra dar mais dor de cabeça. Alem da cola ter escorrido (não consegui retirar tudo), elas soltaram do mesmo jeito. Eles recusavam-se a troca-las em garantia. E eu nem queria também, pois só adiaria o problema. Estou satisfeito com o conjunto que comprei, de porcas maciças.
      Obrigado pelo comentário!

      • vitimsl

        É isso mesmo, eu não tenho preguiça de trabalhar com o cambio, até pq acho o cambio do Focus muito bom (com exceção da ré, que as vezes parece que foi engatada mas nao foi), por isso acho o desempenho muito bom. Sabe o que a consultora disse quando reclamei das porcas? "Olha, podemos troca-las agora, mas o problema provavelmente reaparecerá" (tem lógica isso??). Aí eu respondi: "ok, não tem problema, restam ainda dois anos de garantia, vamos trocando até ela acabar"! Ela ficou meio sem jeito, mas pediu as 20 porcas!!! Até hj elas estão lá, firmes… vamos ver até quando!

  • Adriano_Silva

    Os carros da Ford não são ruins, são confortáveis e "equipados" já o pós venda é uma lastima.

    • SRC

      O pós venda chega a ser Ridículo!

    • andre luiz

      Lembro de uma ranger que usava na empresa e que fui fazer a revisão de 15mil km, além do básico, pedi a troca da lanterna traseira que havia quebrado a presilha por dentro da carroceria, aí a atendente disse que a garantia não cobriria, aí perguntei a ela se ela achava se eu tinha tirado a laterna e quebrado a mesma pra pedir outra.Resultado, nunca mais Ford.

  • Filipe_GTS

    "Para saídas mais rápidas, faz-se necessárias grande pressões no acelerador."
    Não sou vendedor de porcaria nenhuma, mas quanto a isso existe o Sprint Booster, que é bem legal e funciona de verdade. Retira o delay do acelerador eletrônico e pode ser desligado quando quiser. O negocinho realmente funciona e é bem divertido, a teor dos mecanismos de carros bem superiores…
    Procure o Focus Clube, em que vários donos do carro são usuários desse produto. (custa caro, perto de R$ 1000 – nos EUA está US$ 270)

    • silasrana

      Valeu pelo comentário, Filipe.
      Eu já participo do Focus Clube e já quase comprei um SB. Mas no fim, não deu certo e, depois de pensar um pouco, não acho que seja justo comprar um carro deste valor e ainda ter que comprar outro aparelho paralelo para fazer o carro funcionar do jeito que era esperado de fábrica. Por isso, desisti da compra.
      E a essa altura, não pretendo mais comprar não. Uma porque o carro é da minha mãe e ela nunca reclamou disso e outra porque, pelo que conheço dela, em no máximo 2 anos ela deve trocar de carro…
      Abraço

    • PEDRO_HAWK

      Pode passar o link deste forum? Os que achei na net estão bem parados, com últimas postagens bem antigas…

  • ricardovsjr

    Eber, avise por favor ao autor da avaliação que ele pode levar o veículo dele a uma concessionária para que a programação do modulo de controle seja atualizada. Assim, as respostas do pedal do acelerador ficarão mais imediatas.

    • silasrana

      Tudo bem Ricardo?
      Cara, eu já fiz a atualização do módulo. Confesso que ao sair da concessionária, notei alguma diferença. Mas acho que era algum efeito placebo. Hoje, já não noto mais. Parece que nada mudou…
      Obrigado pelo comentário!

      • ricardovsjr

        Oi Silas, tudo beleza. Não era efeito placebo, realmente há diferença no mapa do pedal (maior entrega de torque na porção inicial do pedal). A tendencia é que com o tempo você se acostume e aprenda a dirigir o carro na nova condição, conforme você disse. Mas não há nenhuma diferença na capacidade do motor entregar torque (digo: a curva de torque não foi modificada).

        • silasrana

          Sim, eu sei que não haveria como mudar a curva de torque somente com uma reprogramação dos módulos eletronicos. Deveriam apenas melhorar a resposta do acelerador.
          Pode ser que realmente não tenha sido placebo, mas, sinceramente, eu ainda acho que poderia melhorar muito mais.
          Obrigado pela resposta!

          • GUGASP

            Também já fiz tudo o que você fez no seu Focus, o meu é um HT 2.0 flex mec 2011.
            Já troquei bomba de combustível, amortecedores dianteiros e as capinhas das porcas sumiram na estrada.
            A atualização da central eletrônica melhorou muito o desempenho do carro.
            Realmente, o Focus é um carro muito bem projetado, mas as peças não duram e o pós-venda da Ford é lento e despreparado.

  • SRC

    Que bom ler sobre o Ford Focus, pois foi a primeira e última vez que compro um! péssimo carro, lixo de pós venda, engenheiros incompetentes! O CARRO: Focus GLX 1.6 – 2011/2012 – Ferrugem, 4 juntas homocinéticas, 2 caixa de direção, 1 par de amortecedores, barulho infernal na suspensão, que nenhum mecânico da Ford sabe o que é, e o inteligente do engenheiro também da Ford disse que era do carro (nunca vi tamanha incompetência), vidros das portas rangindo sem parar, alto consumo de combustível, pre-detonação (mecânicos: "use etanol que melhora" quem entende de carro sabe que existe tal defeito em carros flex), falhas no motor… entre outros.
    O CONCESSIONÁRIO: Cavalcanti Primo, única de joão Pessoa… mais um motivo para ninguém daqui comprar um Ford na cidade… Nunca nunca nunca vi um descaso tão grande de uma empresa com os seus clientes… o carro é agendado para um mecânico que já esta com sua agenda cheia, na última vez que utilizei o serviço ele tinha que revisar 3 carros antes do meu no período da tarde, imagina o serviço! outra vez ligaram para mim, pois as peças tinham chegado para "resolver" o problema da junta homocinética e do barulho da suspensão, deixei o carro e tive de andar 4 kilometros no sol até o trabalho, pois a van que transporta os clientes estava ajeitando o sistema de ar condicionado e não tinha carro até um dos donos do concessionário chegar e liberar algum para esta função (Gerente de oficina? não tem… Chefe de oficina? tem, mais não tem liberdade de tomar decisões para beneficiar aos clientes) meu carro passou 2 dias parados e quando fui buscá-lo, SURPRESA… Quem veio entregar-me o carro foi a vendedora, pois o carro passou 2 dias lá e as peças não tinham chegado com afirmado e ninguém teve coragem de vir me explicar o ocorrido, pediram ajuda a vendedora…falando em vendedores, quando compramos o Focus um vendedor chegou perto de mim e disse: "não compre este carro ele é uma merda, cheio de defeito, você vai se arrepender", enfim comprei o carro e ainda escutei a piada do mesmo vendedor depois de tantos problemas… "eu avisei"… Apesar de ser anti-ético e grosseiro, eu deveria ter escutado o infeliz. A última do concessionário; envolvi-me em um acidente, cujo motoqueiro bateu nas portas do lado direito do carro danificando-as e quebrando o vidro da janela traseira, acionei o seguro e levei o carro para esse lixo de concessionária, deixaram meu carro na chuva com o vidro quebrado, infelizmente na bati foto, fiquei tão irado que esqueci. retirei carro minutos depois, sim, o concessionário Cavalcanti primo não entrega aos clientes as ordens de serviço, dai mostra a má fé desta empresa. A Ford no lugar de se envergonhar de ter um Concessionário deste tipo aqui em João Pessoa, vão abrir outro do mesmo grupinho ordinário! Tomem vergonha na cara Presidente da Ford do Brasil e faça antes uma pesquisa de satisfação com os clientes.
    O ENGENHEIRO: esse terminou o curso de engenharia colando dos colegas e deve ter comprado a monografia. Querido caso você não saiba o defeito do carro tenha a humildade de falar que não descobriu, mas vai estudar o assunto com outros colegas e chegar a uma solução, mas dizer que este barulho de carro velho faz parte do veículo é um desrespeito ao cliente, sorte sua que eu não estava na hora, pois o Sr. ia engolir cada palavra. seu incompetente.

    Sidney R. Coutinho

  • CharlesAle

    Pois é,já dirigi focus sedan de locação,e achei muito bom,sobre o duratec,ele é girador mesmo,e é assim que são motores modernos,ele lembra motores japoneses,tem muito mais elogios que criticas,que aliás muitas nem são do carro,mas da assistência técnica,que lógico reflete no coitado do carro,enfim,não é o mais vendido do mundo a toa,e não se engana um "mundaré"l de gente no mundo todo………

  • Sergio

    tenho um focus ghia automático, e sou o segundo dono. estou com ele há quatro deliciosos anos. foi um dos melhores carros que eu dirigi, muito confortável, economico, apesar de ser automático, e quanto ao motor ser um pouco apático em baixas rotações, ele é um 16V sem variador de abertura, com o cambio automático ele está sempre com o motor cheio, pronto pra briga. e vale lembrar que este mesmo motor equipa os importados da volvo (XC60), (land rover freelander 2), (Range Rover Evoque) e outras delícias por aí. afinal a ford foi dona destas marcas por um período grande. sem contar a jaguar que tinha o modelo XType que era nada mais nada menos que o MONDEO/FUSION V6 AWD… só para constar…abçs

    • MM_

      A Evoque usa DORATORQ(diesel) E ECOBOOST(gasolina), não DURATEC.

      • Focus2013

        Correto

  • victorcvs

    Nossa como o atendimento dessa concessionária é ruim, e olha que eu tenho um FIAT e acho que o atendimento que eu tenho na que eu frequento bem melhor (na BALI em Brasília). Toda vez que levo o carro é lavado, independente do serviço, toda vez que o carro está em atendimento, recebo um SMS avisando o status do ordem de serviço (Ex: se já está pronto). No dia seguinte ao atendimento sempre me ligam perguntando como foi, se está tudo bem e se o problema (se for o caso) foi resolvido. Os consultores no geral são bem educados e sinto boa vontade por parte deles (um dia por exemplo, eu precisei atrasar uns 20 minutos para buscar o meu carro e quando liguei para perguntar do horário de entrega o consultor se ofereceu prontamente para me esperar mesmo após o fim do seu horário de trabalho). Eles me ligam até no meu aniversário pra dar parabens! É esse tipo de comportamento que uma concessionária ganha o cliente. Já é o meu terceiro carro da FIAT e todos eu compro lá.

    • silasrana

      E aí, Victor, blz?
      Cara, mas são coisas assim que cativam o freguês. Se tem uma coisa que eu dou muito valor é ser bem atendido. Faço questão de indicar e retornar em lugarem em que eu me sinta bem. Certamente também compraria e indicaria a concessionária se fossem assim como esta que você citou. Infelizmente estão BEM longe disso!
      Obrigado pelo comentário!

  • Ronaldo

    E ainda falam mal do pôs venda da citroen, Peugeot etc

    • silasrana

      Pois é!
      Eu tenho um Renault Sandero, que é popular e custou a metade deste aí da minha mãe, e não tem nem como comparar o atendimento. Sempre fui muito bem atendido na Renault.
      Obrigado pelo comentário!

  • Roger

    Longe de comparar, mas eu não acho que a 5° marcha seja " over drive " pois meu voyage velho, 1.8 a 5° fica a 3400rpm, e há ainda um câmbio mais longo na versão GLS ( o meu é GL ) e até mesmo o corolla 1.6, quando ainda existia, a 5° ficava a 3500rpm, então para um carro 2.0 é até alta essa rotação.

    Penso em comprar um, mas com o fiesta nacional, acho que vou optar por um fiesta.

    • silasrana

      E aí, Roger, blz?
      Cara, não é porque o motor é 2.0 que a rotação tem que ser baixa. Carro manual, geralmente, tem que ter uma relação mais curta na 5ª marcha, para evitar que seja obrigado a reduções a todo instante em situações rodoviárias, por exemplo. Sem contar que o motor é 16v. Eu não tenho certeza da info, mas há quem diga que o 2.0 da Peugeot, por exemplo, rode a elevados 3500rpm em 5ª marcha na estrada.
      Com relação ao cambio desse Focus em questão, no manual, na página 2-186 na seção de 'Transmissão' diz que a 5ª marcha é sim OverDrive, com relação de 0,751. O que é bem baixa…
      Obrigado pelo comentário.

  • Thomás

    Parabens pela análise! Muito boa!

    Há tempos ouço falar deste pessimo pos-venda da Ford.

    Também considero inadmissível tamanha demora para o conserto do problema no cambio. Afinal, o Focus pertence a um das "quatro grandes marcas" do país, não é um importado qualquer.

    • silasrana

      Pois é, Thomás.
      Foram 15 dias para esperar apenas um anel de vedação que custava 5 reais e me causou este transtorno todo.
      Como a garantia cobriria apenas uma troca de óleo da caixa de câmbio, logo que foi identificado o problema, eles 'completaram' o nível, possibilitando, assim, que o carro não ficasse parado na concessionária. Quando chegou a peça, foi feita a troca de todo o óleo junto com a substituição.
      Mas, de fato, a demora foi inadmissível.
      Obrigado pelo comentário!

  • CanalhaRS

    Eu acredito que a qualidade de montagem do Focus melhoraria consideravelmente se a sua produção fosse transferida dos "hermanos" para cá…é de conhecimento geral que a qualidade lá não é "uma brastemp"…..e antes que alguém diga que isso é besteira, eu trabalhei 4 anos em um css VW e era visivel a diferença de qualidade do carros que vinham de lá.

    • Sergio

      sinto muito…vc trabalhou na volkswagen e gosta da marca…mas o acabamento dos volks aqui do brasil é muito, muito, muito, muito ruim. Compare um Golf alemão com similar brasileiro, o nacional é de doer. Compare um Polo alemão com o similar brasileiro…é uma vergonha! Aqui no Brasil infelizmente a volkswagen fez o nome por conta do fusca. pois o resto é lixo.

    • Sergio

      eu havia me esquecido. Qual foi o carro mais vendido do MUNDO?

  • GUGASP

    Tenho um Focus Hatch 2.0 flex Mec 2011.
    Os outros carros de casa, i30 AT, Corolla 1.8 AT e Saveiro Cross Mec, não chegam aos pés do Focus em dirigibilidade, estabilidade em curvas e freios.
    O Focus é um carro muito bem pensado e projetado, mas as peças não duram e o pós-venda da Ford é lento e despreparado.

    • SRC

      Parabéns pelo seu Focus, pois o meu é ridículo e a Ford nem ai para o meu caso!

      • Focus2013

        SRC acho que seu caso pode ser um isolado na situação apresentada, porque é normal de quase todo proprietário de Focus dizer sempre a mesma coisa, DIRIGIBILIDADE, BAIXA MANUTENÇÃO E REVENDA BAIXA, sem falar na suspensão. Tenho 2 Focus de modelos diferentes e nenhum deles tiverem tantos problemas assim, minha reclamação está em um defeito comum aos dois, a substituição pré-matura dos amortecedores dianteiros começando pelo direito que estraga mais rápido e também o suporte de motor, um grande que fica embaixo do reservatório de água.

        Já problemas assim em Corolla, Civic e outros carrões tradicionais, se você entrar no reclame aqui vai ver a quantidade de reclamação por exemplo do Corolla, o carro mais vendido em todo o mundo, referência de qualidade e muito bem aceito aqui no Brasil.

        No seu caso na verdade, acho que foi muita falta de sorte(e sinto muito por isto, não desejo isto pra ninguém), já ouvi de várias pessoas diferentes sobre marcas diferentes que sempre há um exemplar de algum modelo que parece que foi mal montado ou mesmo mal feito, acho que é seu caso…. O remédio é vender seu carro e partir pra outra. Valeu Amigo!!!

  • BRIVA

    Não sei porque razão o meu comentário não foi publicado.
    E você aí Sidney, sou de Recife, uma cidade próxima e particularmente acho o pós venda da Ford aqui bom. Não sei como há atendimentos diferenciados. Talvez ela deixa cada concessionária fazer o seu bom e ruim atendimento.

    • SRC

      Oi BRIVA, Aqui é terrível, só recebi até hoje um questionário de avaliação da Ford, depois que comecei a ter problemas com o carro e o concessionário não enviaram mais… o concessionário não entrega as ordens de serviços e se o cliente quiser tem que ser através do jurídico da empresa, enquanto eu estiver com o Focus vou fazer as revisões ai em Recife… Enquanto isso estou entrando com uma ação contra a Ford e o Concessionário!

      Abraço e fica na paz!

  • Focus2013

    Galera, aqueles que possuem alguma reclamação contra concessionários Ford, algum modelo Ford ou mesmo contra a próprio Ford, entrem no facebook (http://www.facebook.com/FordBrasil?fref=ts) e digam tudo que gostariam, somente assim a Ford vai criar um pós-venda de primeira como o da Toyota por exemplo.

  • Marco

    Eu possuo o mesmo carro e posso afirmar estou muito satisfeito, o carro é excelente, confortável, potente, estável e cheio de equipamentos que muitos concorrentes entregam por um preço R$10 mil a mais, pra viajar então, foi a viagem mais confortável que já realizei, talvez melhor seria com um fusion, mas isso é pro futuro hehe. Bom, até agora são 8 meses de plena satisfação, o serviço de pós venda da FORD é ruim? Não sei, apesar de não ter recebido nenhuma ligação após a compra, até agora das 2 vezes que precisei (revisão dos 10 mil km e o puxador da porta que se soltou) fui bem atendido (o da porta nem precisei agendar, arrumaram na hora!).

  • Bobyloco

    Bom, eu não sou Fan boy de carro, mas para um pais que teve o MonzaVectra e o Golf e agora o Jetta com motorzão!!!! AP, realmente o velho Zetec 16V do focus é MUITO MAIS moderno e economico e ja foi aposentado a 8 anos, é como ter um Focus CHT.. isso sim seria motivo para falar mau, agora falar do motor Duratec sinceramente, com o que temos, cansei de andar com Civic manco e beberrão com um motor moderno que nao chega aos pés do Duratec, concordo totalmente que a Ford BRASIL não merece o Focus, isso é fato, não tive coragem de trocar meu Focus MK1 pelo novo Focus exatamente por ele ser vendido pela Ford… odeio Fiat.. mas se a Fiat vendesse o Focus como mais com a Freemont com certeza seria um dos mais vendidos.. enfim.. nem todo mundo vai entender o que eu quero dizer.. mas ja usei varios carros.. sedans e hatchs medios.. fiquei com o Focus velho que nunca me encomoda.. e quando encomodar eu troco ele por outro.. se possivel MK1 usado.. mais novo.. carro zero no brasil nao vale a pena… e nao achei meu dinhero no lixo.. prefiro gastar com a minha familia..

  • Bobyloco

    Bom, eu não sou Fan boy de carro, mas para um pais que teve o MonzaVectra e o Golf e agora o Jetta com motorzão!!!! AP, realmente o velho Zetec 16V do focus é MUITO MAIS moderno e economico e ja foi aposentado a 8 anos, é como ter um Focus CHT.. isso sim seria motivo para falar mau, agora falar do motor Duratec sinceramente, com o que temos, cansei de andar com Civic manco e beberrão com um motor moderno que nao chega aos pés do Duratec, concordo totalmente que a Ford BRASIL não merece o Focus, isso é fato, não tive coragem de trocar meu Focus MK1 pelo novo Focus exatamente por ele ser vendido pela Ford… odeio Fiat.. mas se a Fiat vendesse o Focus como mais com a Freemont com certeza seria um dos mais vendidos.. enfim.. nem todo mundo vai entender o que eu quero dizer.. mas ja usei varios carros.. sedans e hatchs medios.. fiquei com o Focus velho que nunca me encomoda.. e quando encomodar eu troco ele por outro.. se possivel MK1 usado.. mais novo.. carro zero no brasil nao vale a pena… e nao achei meu dinhero no lixo.. prefiro gastar com a minha familia..

  • Bobyloco

    Bom, eu não sou Fan boy de carro, mas para um pais que teve o MonzaVectra e o Golf e agora o Jetta com motorzão!!!! AP, realmente o velho Zetec 16V do focus é MUITO MAIS moderno e economico e ja foi aposentado a 8 anos, é como ter um Focus CHT.. isso sim seria motivo para falar mau, agora falar do motor Duratec sinceramente, com o que temos, cansei de andar com Civic manco e beberrão com um motor moderno que nao chega aos pés do Duratec, concordo totalmente que a Ford BRASIL não merece o Focus, isso é fato, não tive coragem de trocar meu Focus MK1 pelo novo Focus exatamente por ele ser vendido pela Ford… odeio Fiat.. mas se a Fiat vendesse o Focus como mais com a Freemont com certeza seria um dos mais vendidos.. enfim.. nem todo mundo vai entender o que eu quero dizer.. mas ja usei varios carros.. sedans e hatchs medios.. fiquei com o Focus velho que nunca me encomoda.. e quando encomodar eu troco ele por outro.. se possivel MK1 usado.. mais novo.. carro zero no brasil nao vale a pena… e nao achei meu dinhero no lixo.. prefiro gastar com a minha familia..

  • Klaus

    eu tb troquei meu polo por um focus sedan. bah! outro mundo! baita carro!

  • erick

    Melhor um Focao 2010 a 2012 do que um HB 20, Fox, Gol, Voyage zero por 52 mil!

    To de olho num Focao desse em Anapolis – GO!!!!

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend