Etc Volkswagen

Carro “seminovo” nunca está livre de problemas – mesmo que tenha apenas 200 quilômetros rodados

01-Elevador-traseira-620x465 Carro "seminovo" nunca está livre de problemas - mesmo que tenha apenas 200 quilômetros rodados

Gostaria de compartilhar com os demais leitores do NA uma experiência ruim que tive ao comprar um carro no setor de semi novos de uma concessionária autorizada. Decidi escrever este texto para que outras pessoas não confiem demais para que também não sejam enganadas.



No dia 28/02 eu adquiri um VW Voyage 1.6 Comfortline iMotion 2012 completo em uma autorizada VW. Fiz questão de escrever o nome inteiro do modelo para que vocês entendam. O carro era a coisa mais linda. Novinho, impecável. Nenhum defeito de pintura ou interno. Cheiro de novo e somente 200 km no marcador. Resumindo, um carro novo mas com preço de usado. Tentador! Pensei uma semana e decidi comprar o carro.

O sonho durou pouco. Após a primeira abastecida a luz de advertência da injeção eletrônica acendeu e não apagou mais. Entrei em contato com a concessionária que vendeu o carro. Agendei o reparo na oficina. Não dei muita importância ao fato. Pensei que fosse alguma regulagem ou algum defeito de menor importância que pudesse estar relacionado ao fato do carro ter ficado parado.

03-Para-choque-dianteiro-por-baixo-620x465 Carro "seminovo" nunca está livre de problemas - mesmo que tenha apenas 200 quilômetros rodados

Fui em um sábado. Fiquei 3 horas esperando e quando recebi o carro, adivinhem? O problema não havia sido resolvido. Fiquei extremamente indignado pois esperei, ninguém me meu uma satisfação e só obtive alguma resposta quando comecei a perambular pela concessionária procurando alguém que pudesse me informar a respeito do carro. Retirei meu carro e fui pra casa.

Na outra semana eu resolvi levar o carro em outra autorizada VW. Agendei a revisão e levei no horário marcado. Fui trabalhar e após 1:30 recebo uma ligação com uma revelação bombástica. Disse o consultor: “Seu carro está dando o alerta da injeção porque a sonda lambda foi danificada por um severo impacto na parte inferior do carro. Várias partes e componentes foram danificados”.

08-Isolamento-620x465 Carro "seminovo" nunca está livre de problemas - mesmo que tenha apenas 200 quilômetros rodados

Meu mundo caiu. O carro perfeito era na verdade uma abóbora e eu caí no conto. Perguntei a mim mesmo. “Como uma concessionária autorizada, com um estoque de peças originais, com uma equipe de mecânicos treinada pode vender um carro neste estado?”. Confesso a vocês que senti um misto de raiva e frustração. Raiva de mim mesmo por ter sido tolo a ponto de confiar, raiva da concessionária que me empurrou esta bomba e frustrado por o carro perfeito ser uma enganação.

Uma vez sabendo que o carro estava bem danificado procurei minha irmã que por sorte é advogada e pedi que ela me acompanhasse a concessionária para resolvermos o problema. Eles se prontificaram a aceitar a devolução do carro. Foram vários telefonemas, e-mails, idas ao banco para quitar o financiamento e ausências no trabalho.

Foram 2 semanas bem complicadas para mim. Para mim ficou um prejuízo de cerca de 1.100 reais e 15 horas de ausência no trabalho. Para eles nada. O mesmo carro que eu devolvi com certeza eles empurrarão para outro que cairá no conto do vigário.

Este texto é o extremo resumo do que aconteceu. Não quis ser muito detalhista para o texto não ficar cansativo. Mas fica o aviso. Não confiem em vendedores. Mantenham a prudência ao fazer negócios mesmo com empresas que, a princípio, seriam conceituadas.

Por Edgard Bilharinho

  • Mak06

    Carro que caiu do caminhão cegonheira?

    • GuilhermeTucson

      ta com cara de ser isso mesmo

    • FenderBrasil

      Foi o que eu pensei também…

    • Pedro_Rocha

      Pelos danos em diversos pontos fiquei com a impressão de que o antigo dono ou motorista perdeu o controle do veículo e saiu da pista.

      • Daniel

        Com certeza. Provavelmente, esse carro já deve tá com o monobloco desalinhado. É um abacaxi.

      • Paulo_

        Matou a charada… provavelmente "atropelou" um obstáculo não muito alto, como um meio-fio e saiu arrebentando várias partes do carro.

        Detalhe que a pessoa não deveria entender nada de carro, levou num mexânico que apagou a luz da injeção e revendeu a bomba.

        Típica atitude de gente desonesta.

    • suguii

      Ou pode ter sido carro de test drive e algum animal abusou do carro… de qualquer forma, ainda bem que conseguiu se livrar desse pepino, ainda que a dor de cabeça seja grande…

    • alexhmoraes

      Ta com cara que foi rebaixado e rebocado

      • AugustoSeide

        tbém acho que é um "ex-rebaixado".

    • HERALDO LACERDA

      Senhoras e senhores, como já tive oportunidade de escrever em outros sites, existem duas Volkswagem, uma excelente de carros maravilhosos e que respeitam o consumidor, [ digo, europeu e norte americano ], por que lá, os orgãos de defesa do consumidor e a justiça, funcionam, não são como nosso desembargador Gaúcho que ganhou um belo toco e evitou que a outra VW a do Brasil, fizesse o recall de gol,fox e voyage 2009/2010 para não quebrar a mafiosa.

    • Dolggan

      Como alguém se desfaz de um carro com 200km??
      É lógico que era pra ter algo errado aí…

      • Sias

        Primeiro indício de coisa muito errada.

      • YoOdEx

        Semper penso isso.. carro usado com 2000, 3000km rodados eh porque o carro ta com algum problema que deixou maluco o proprietário antigo!

        • Edson Roberto

          Mas será que o cara chegou a testar o carro? Pois não é possível que isso ocorreu só depois de colocar gasolina sendo que alvez no test drive em que se testa pelo menos algumas coisas (como dar uma esticada) não tenha sido feito.

    • PONCIO PILATOS

      pra mim, na boa, isso é crime de estelionato, escapa e muito da mera relação de consumo no campo cível, e anda para o criminal, pena que no brasil, brigar contra banco e empresa grande é bode… pelas fotos, mostra que o carro é igual a zero mesmo, mas catou uma guia e em velocidade alta…
      mas não deveria deixar barato não… eu fico encucado toda vez que faço revisão em carro meu nas CSS, onde não vejo, será que realmente trocam o óleo e demais componentes que não estão visíveis pra nós???
      véio, na boa, eu duvido…
      sou advogado tb, se tu for de brasilia, e quiser me contactar, tou as ordens.
      é demais viu.

    • souzabsb

      Deve ter patrolado um meio-fio em alta velocidade;

    • ArthurCobain

      Será que um dia não somente as montadoras, mas como também muitas empresas e o governo, vão nos respeitar?

    • Lucas

      mas dizem que isso é mto mais comum que agente pensa! quem trabalha nessas empresas sabe de cada coisa q eles fazem!

  • filipecesar92

    Poxa, eu acho que tu deveria ter desconfiado. Um carro com 200km rodados? O primeiro dono tirou 0 e por causa dos problemas, resolveu vender e você acabou arcando com as consequências.

    • edbilharinho

      Na verdade eu até desconfiei, mas considerei que uma concessionária autorizada não venderia um carro assim. Todas elas se gabam que os seminovos são revisados e tal. Pura balela.

      • Leandro1978

        Cara, meu pai comprou uma Parati zero e, 1994 e soube, meses depois, que o carro havia sido batido. Tenho um tio que é funileiro e tem olho treinado para isso. Quando ele bateu o olho na lateral esquerda, falou que havia sido batido.

        • zemarreta

          Ou seja, nem carro zero esta livre de zica…

          • lucasfs87

            peguei um taxi ontem, grand siena com 1700km e um barulho insuportavel na roda dianteira direita. o taxista disse que desde que saiu com o carro da agencia ele estava assim, bieleta quebrada. CARRO ZERO!

      • KTA

        Mesmo comprando na CCS um carro semi-novo merece uma investigação prévia antes de se fechar o negócio. Assim como você aprendi na prática essa dura verdade. Em meados de 2007 comprei um Ecosport 4WD com dois anos e seis meses de uso e 19.000 kms rodados na CCS Ford de minha cidade. O carro ainda poderia ser considerado semi-novo. E a CCS ainda dava seis meses de garantia para motor e câmbio (somente). Era meu primeiro carro. Pensei: "comprando na mesma CCS da marca estou mais garantido" (ledo engano). O carro era na cor amarela, mesma cor das matérias das revistas automotivas na época do lançamento (ainda mandei pintar os para-choques da mesma cor do veículo). Perfeito demais para ser verdade, e foi. Veio com a barra de direção defeituosa, e como a garantia era somente para motor e câmbio a CCS lavou as mãos. Valor da peça R$ 2.500,00. Depois da informação pedi o histórico da manutenção do carro e….bingo! três meses antes o antigo dono foi aconselhado pela própria CCS a trocar a peça (mas recusou o serviço – estava escrito no prontuário do carro!), e como não estava mais disposto a gastar mais nenhum centavo com o mesmo a solução foi…trocar o carro. A CCS recebeu o carro com o defeito e passou-o a diante, sem me avisar é claro. Isso em direito do consumidor se chama vício oculto. Como sou Advogado, não deixei barato, entrei no Juizado do Consumidor com uma Ação pedindo para o Juiz determinar a troca gratuita da peça sob pena de multa diária, além de indenização por danos morais, o que foi acatado pelo mesmo. Mas tudo isso depois de muita dor de cabeça e outras peças quebradas. Vejo anúncios de um site famoso de vendas de automóveis de minha região com carros com pouquíssimos kms rodados, como Cruze com seis meses e 3.000 kms, e nem me animo….

        • AventadorMan

          Aquela velha historia né amigo, esmola demais… hehehe levei uma fumada com um Audi A3 tb com bx km, nao olhei o fundo, e uns 6 meses depois começou a fumar, fui saber o carro tinha saido em até revistas de rebaixados kkk, OTEMO né, mas eu tinha 21 anos na época né (Hj tenho 31), mas hj nao caio mais nessa hehehe, se for fechar msm prefiro até pagar uma inspeção deempresas credenciadas pelo inmetro, custa R$ 100, mas vale, pra teres idéia um amigo comprou um audi A3 na css da vw, aí agente estava olhando a NF do meu audi e do dele e no meu vinha a descrição do carro dizendo q tinha teto solar cambio automatico etc. e na NF dele não falava que tinha teto e o carro tinha, ai achamos estranho, resumindo o carro dele tinha sido dado pT, o teto foi recortado e colocacaram um teto com teto solar PENSAAAA eheheh, é mta gambiarra, tem que ficar mt ligado

      • rharruda

        Entendo a sua frustração, perda de tempo e dinheiro. Eu só não entendo porque você não processou eles, pois eles irão fazer o mesmo com outras pessoas. Eles como revendedor autorizado tem OBRIGAÇÃO de vender produtos de qualidade. Nesse ponto você pecou. Exigiria uma boa indenização, por danos morais e materiais, além exigir explicações da VW e um pedido público de desculpas pela enganação. Isso para que todos os consumidores fiquem cientes de que concessionários não passam de um bando de mentirosos, mortos de fome.

      • André

        Isso não existe .. o meu seminovo nem o oleo trocaram =s

    • Alex Johansson

      Ou o cara comprou novo, zoou o carro em algum acidente (saiu da pista, por exemplo) e em seguida vendeu, passando a "bomba" para o próximo comprador. Complicado isso, o cara vai lá e compra, fica feliz com o carro e em seguida sabe da bomba que é, deve ser muito frustrante.

      • filipecesar92

        Exatamente. Mesmo que a pessoa não goste do carro, você tirar 0 e vender depois de alguns dias, tá na cara que tem algo errado.

      • souzabsb

        Quem fez esse estrago deve ter sido o filho do dono da concessionária.

        • lucasfs87

          tem cara de alguem com dinheiro de sobra mesmo…
          mas levanto 2 perguntas pro cara que comprou: pq não pediu pra levantar o carro? 2. ele não andou com o carro p testar?

    • Luciana

      Não necessariamente, pode ser que a pessoa simplesmente não goste do carro, ou então que tenha feito um financiamento e não tenha tido condições de arcar (perda de emprego, por exemplo). O que eu acho é que a cautela para a compra do usado vale para qualquer usado, esteja ele com 200 ou 200.000 quilômetros no hodômetro.
      Pelo nível de dano mostrado nas fotos, qualquer mecânico teria visto o problema, se tivesse levantado o carro…

    • Leandro1978

      Também achei estranho, apenas 200 km e passado para frente? Tem algo aí. E nem chegaram a "apagar" as marcas, como, ao menos, retocar o pára-choque. Lembrei daquele 307 que caiu na Lagoa de Freitas, foi dado "pt" e a concessionária o lavou porcamente (havia lama sob o carpete) e o passou para frente.

      • HumbertoRR

        Foi na lagoa da pampulha em BH.

        • Leandro1978

          Sim, valeu pela correção.

    • joao

      carro de teste drive meu caro… por isso o veículo é tão completo… os carros de test drive são tão atrativos que normalmente ficam com os funcionários da revenda… esse ai foi vendido a um de fora deu pra ver o porque….

      • eduardogege

        Test drive com 200 km não faz sentido, ele teria andando isso em um dia. Acredito mais na hipótese de uma venda para pessoa física normal mas que o cara, por azar (?), acabou batendo o carro e já largou mão.

        • rafthehay

          Eduardo, talvez em um dos primeiros test drives já tenha subido em algum obstáculo ou coisa assim, e logo foi tirado da fila de TD.

    • SilenceBass

      É verdade… eu mesmo deixei de comprar um Ka , que tinha apenas 11 mil km, por justamente pensar isso "tão novo e pouco rodado, já passado p/ frente? Comigo não, José ! "

      • zemarreta

        Acho q depende do contexto. Eu comprei um fit com 7500 rodados em 2006, e esta com a gente ateh hj sem problemas. A razao para ser tao pouco rodado? Era o carro de test drive da concessionaria, e o modelo tinha recem mudado. Como o carro era automatico, imaginei q seria mais dificil ter sido abusado por barbeiros-clientes.

      • sabbathbh

        Há casos e casos… Vendi o Ford Ka 1.0 2009/2009 da minha esposa com 13.500km originais esse ano. O carro era usado só na cidade, casa/trabalho/casa. Temos carro melhor pra estrada. Eu sei que acaba se enquadrando em uso severo e tal mas não deixa de ser um carro bem zerado. A km podia ser comprovada pelas revisões a cada 6 meses na Ford. Resultado: vendi em menos de 1 semana por R$2.500 acima da tabela FIPE. É caso raro mas existe…

    • jcperes

      Além de ter desconfiado, ele deveria ter pedido para levar num mecânico de confiança para uma avaliação rápida antes de fechar negócio. Caso eles recusassem, estaria na cara que era cilada. Caso eles permitissem, na hora que o mecânico colocasse o carro no elevador, já seria possível ver de cara essa bomba! Nunca compraria um carro semi-novo se não me deixassem levá-lo numa oficina da minha confiança antes.. mesmo que estivesse com apenas 50km rodados!!!

  • AventadorMan

    Por mais que esteja zero (100 a 1000 km) tem que ser olhado tudo e posto num elevador, as vezes não precisa nem ter sido batido, mas sim pego uma enchente, o que é normal em SP e aqui em SC está havendo alagamentos direto.

    • dafomg

      "….Raiva de mim mesmo por ter sido tolo a ponto de confiar,….".Tirou as palavras da minha boca AventadorMan. Foi muita ingenuidade comprar um carro usado, por menos rodado que seja, sem sequer colocar no elevador. A inspeção da parte inferior é a mais importante antes de comprar qualquer carro, pois é a que fornece a melhor visão do seu estado geral. Nunca comprei carro zero, mas se algum dia comprar, a primeira coisa que faria seria pedir pra levantá-lo no elevador.

  • AniBALL1975

    Como já escrevi em outro post , vejam o carro em elevador , e perícia cautelar ! Mas CSS tem um monte por aí e picareta em todos os ramos, pergunto, pq uma pessoa vende um carro com 200 km? Desvaloriza muito….

  • Lexus GS300

    Há dois tipos de carros usados não confiáveis. Os excessivamente pouco rodados (o da foto com 200 km) e os altamente rodados (acima de 100 mil km) Para se comprar um usado com "apenas" 200 km é melhor levar logo um zero por um pouco mais.
    Num país fundado na corrupção como o brasil até carro novo é suspeito.

    • Gregori_Costa

      Verdade viu.
      O usuario que escreveu o texto provavelmente se encantou com o carro, e nesse momento é onde os vendedores desonestos se aproveitam.
      Bom que o prejuizo foi "pequeno", e a lição será para sempre, e com esse relato outros ficam alertados.

    • DougSampaNA

      Depende, minha mãe tem um Astra 2.0 06/07 com 24 mil kms; roda pouco, carro de ir no mercado, na igreja, na casa de parente, pegou estrada no máximo 3 vezes, uma delas comigo. Viagens só com o a barca do meu pai.
      Carrão, e pouco usado, mas faz muita diferença na hora de vender? Não faz..

    • Edson Roberto

      Então na sua opinião pegar um carro de 12 anos por exemplo com mais de 100000km rodados é não confiavel?

  • MILTON VITAL

    Fala-se muito em perder dinheiro comprando carro 0KM, mas carro usado em um país em que o povo adora passar a perna nos outros é muito complicado!!

    • Pedro_Rocha

      "Na vida é preciso levar vantagem em tudo" (Lei de Gérson)

      MAS…

      "Quem quer rir, tem que fazer rir". (Sgt. Rocha, in Tropa de Elite)

  • Maurício

    Deveria divulgar a placa, pra mais nenhum desavisado comprar essa bomba.

    • Felix_S

      Pensei a mesma coisa!

  • HumbertoRR

    Faltou divulgar o nome da concessionária.

    • edbilharinho

      Não sei se posso divulgar o nome pois não sei se fere alguma regra do NA. Algum moderador pode me responder ?

      • Pode falar se quiser… nós não falamos na matéria pois não queremos ter problemas legais com a concessionária em questão, mas se vc quiser falar no seu comentário, pode, aí fica sendo sua responsabilidade.

    • edbilharinho

      Eu ocultei porque não sabia se feria alguma regra do NA. Algum moderador pode me informar se eu posso citar?

      • danieldourado_2

        Eber autorizou, divulga aí!

      • CharlesAle

        Fala o Bairro que fica,que todos vão saber quem é,e eles não podem fazer nada………

        • 3dimensional

          Gente ajuda aí!
          É delito de opinião por um acaso falar um FATO que aconteceu com você???
          É um FATO ou é mentira que a CSS te vendeu um carro defeituoso?
          É direito seu, diga o nome!

    • Jorge_Armado

      Ainda bem que ele não divulgou, pois fiquei tão revoltado com essa estória que se eu soubesse onde fica esse antro, ops, concessionária, eu iria até lá para jogar um coquetel molotov na seção de usados…

  • Viníciusk

    É… é isso que eu sempre falo. O pessoal aqui só sabe falar em semi-novo, pra não comprar carro zero para forçar a baixa dos preços (como se o preço dos usados/semi-novos não iria para a estratosfera se todos parássemos de comprar 0km…).

    Enfim, o fato é que semi-novo as vezes é uma bomba. Ou o proprietário descobriu um furo e se desfez o quanto antes, ou ocorreu um acidente como o desta matéria e o proprietário tratou de se livrar logo também.

    Nesse caso específico, se o autor do texto tivesse levantado o carro para ser inspecionado por um mecânico teria visto a bomba. Mas isso nem sempre é visível. Se faz de tudo para esconder falhas e defeitos que só vão aparecer uns quilômetros a frente.

    Por isso eu não compro semi-novo. O vendedor pode me dizer que foi alguém que comprou e 100km depois quis trocar por outro porque não gostou e que o carro tá como zero, mas eu não acredito. Prefiro comprar 0km e ficar com meu carrinho uns 10 anos cuidando bem dele e vendo ele chegar nos 100, 200 ou 300 mil km sem problemas maiores.

    • thales_sr

      Perfeito… Muito fácil falar que vai "comprar um 'semi-novo' (termo correto: USADO) 'de procedência'", e depois levar em um "mecânico de confiança", e tá tudo certo, ele é o esperto, e quem pagou o preço do 0km é otário. Agora quero ver esse mundo cor-de-rosa acontecer de verdade. Na hora de vender, todo mundo mascara os problemas, dá uma embelezada no carro, e passa pra frente.

      Fazendo um paralelo com os textos dos vendedores de carros, postados essa semana, isso é reflexo do brasileiro querer sempre "tirar vantagem" em cima dos outros. Quando eu fui vender meu Celta, com 5 anos de uso (e manutenção muito bem cuidada), o pessoal só passou a olhar melhor pra ele depois que eu dei uma boa encerada, passei um produtinho nos para-choques (pretos), e já foi: do nada, o carro, que foi taxado de "velho" (por ter 5 anos), passou a ser "muito bem cuidado" (sem nem abrir o capô). Não acho que enganei o comprador do meu carro, pois a mecânica estava 100% mesmo, mas tenho certeza que o que mais impressionou ele foi a pintura brilhando e o interior limpinho. Se o carro fosse uma bomba-relógio, ele compraria do mesmo jeito.

      • Viníciusk

        Exato. Essa história de "semi-novo" é puro eufemismo. Ou é novo ou é usado e ponto final. É a mesma coisa que fizeram com a classificação dos países. Terceiro mundo passou a ser chamado de "país em desenvolvimento" para incentivar os investidores…

        • thales_sr

          O engraçado é que alguns defensores da compra de carro usado falam "ahhh mas carro novo anda dando problema", ok, e o usado nunca foi novo um dia? Os problemas desapareceram só porque o primeiro dono resolveu vender o carro? rs

      • Leandro

        Ninguém disse que comprar usado é fácil, também acho que quem não tem certeza do que vai fazer deve partir pra um novo, mas se vc realmente estiver disposto pode sim comprar um usado e ter a mesma chance de levar uma bomba que comprando um novo.
        Eu por exemplo, não tive vergonha nem nojinho de deitar no chão e olhar como estava por baixo quando comprei meu carro, olhei porta-mala, olhei estepe, olhei escape, olhei motor no geral, olhei interior, estofamento… e quando não tinha mais o que olhar pedi para um mecânico dar o parecer.
        No fim das contas comprei um carro que nestes 2 anos não me deu nenhum tipo de aborrecimento.

        O problema não é comprar usado, é comprar por impulso, sem procurar defeito, sem insistir em qualquer coisinha esquisita que possa ser problema, o para-choque desse voyage do post ta todo arranhado por baixo, isso já seria motivo pra desconfiar. Quem consegue arranhar o carro desse jeito em 200km é capaz de fazer bem pior

        • vfreire85

          perfeito. é possível comprar um usado bom, mas é preciso verificar tudo. se der, contrate uma empresa de vistorias pra dar uma olhada no carro antes de fechar o negócio.

      • Rafael_rec

        Exato. Semi-novo é igual à mulher semi-virgem, ou seja, não existe.

      • ubiratamuniz

        "Na hora de vender, todo mundo mascara os problemas".

        Não generaliza. Nunca fiz isso com nenhum carro que vendi.

        • Castle_Bravo

          Parabéns por ser exceção, mas a generalização é correta, qualquer pessoa que vende um carro "dá uma maquiada" nos problema antes de vender, e fica feliz por "ter se livrado de uma bomba". Não precisa ir muito além do teu círculo social para descobrir isso. É a regra e precisamos estar atentos.

          • thales_sr

            Com certeza. Mesmo os carros bem cuidados, na hora da venda a gente dá um "banho de loja": lava motor, dá um polimento, conserta aquele probleminha besta que a gente nunca se importou em consertar… Nesse caso, não há enganação propriamente dita, mas é fato que na hora de vender, o carro sempre tá mais bonito e arrumado do que o que costumava ser.

        • thales_sr

          Prefere o termo "a maioria das pessoas" ao invés de 'todo mundo'? Conto com seu bom-senso para saber que toda regra tem exceções.

          • ubiratamuniz

            Exatamente. Acho que "a maioria" fica mais correto. Quando se diz "todo mundo "está dizendo que não existem exceções. ;-) Na comunicação escrita é um pouco melhor ser mais preciso pra evitar mal-entendidos.

            (aliás, GERALMENTE as exceções estão nos particulares, como eu, o que não significa que elas não existam entre os lojistas, hehehe)

            a meu ver, o caminho mais seguro (ou menos perigoso) pra comprar usado é comprar direto do dono. A chance de um carro de particular ser "maquiado" é menor que em uma loja.

    • hericles

      Cara, vc disse tudo q penso. Todo mundo aqui diz q carro usado eh a melhor coisa do mundo, mas nao é assim, carro usado pra mim só se eu comprar da minha mãe ! Mês passado vi aqui em Recife ( na josé osório ) uma rua cheia de ag de carros um cara COMPLETANDO o oleo de um gol G5 na cara de pau. Infelizmente não se pode confiar. Prefiro 0km e ponto.

    • dafomg

      Respeito a opinião de vcs, mas posso dizer pela minha experiência com a compra exclusivamente de carros usados que, de longe, é o melhor negócio no Brasil e vou dizer porque:

      Nunca ultrapassei a quantia de 25mil na compra de um usado, e não estou falando de compactos pé-de-boi, estou falando de médios de fabricação mundial completos de verdade. E na hora de revender, sempre ganhei dinheiro na venda, ou seja, uso por alguns anos e sempre vendi por um preço maior do que comprei.

      Assim como existem donos de usados que cuidam de seus carros (como eu), existem também donos de novos que cuidam igualmente. Com muita paciência, sem pressa e bastante critério, vc encontra este tipo de carro nas css à venda. Aliás, nunca compro carro de particular, sempre de PJ.

      Enfim, não tem mistério.

    • DougSampaNA

      perícia cautelar ! Qualquer posto da porto seguro faz por 100 reais ou um pouco mais, e fica preservado de probelmas.

    • Castle_Bravo

      Belo post, na minha família temos uma teoria, se o carro é muito novo e o dono anterior pôs à venda, é porque algum problema tem, ninguém em sã consciência jogaria dinheiro no lixo vendendo um "semi-novo" inteiro a uma concessionária, a menos claro que esteja muito "apertado" financeiramente e com pressa, mas é mais fácil achar uma nota de um real do que um carro de uma pessoa assim.

    • Paulo Takushi

      Concordo amigo. Tenho um Voyage 09/10 com quase 80.000. Lavo quase todos os finais de semana. Fiz só as 2 primeiras revisões na CSS por causa da garantia. De la para cá só levo em meu mecânico e eletricista de confiança, pois com eles fico o tempo todo ao lado e vejo de fato que as peças são trocadas, pois sabemos bem como muitas CSS estão cobrando peças e serviços sem sequer serem feitos de fato. Agora, no final do mês vou fazer polimento e cristalização.
      Aconselho comprar no particular com indicação de alguém próximo, pois dificilmente vc será enganado como é feito nessas CSS. Não lembro de ter visto o nome da CSS aqui. O ideal é divulga-la, pois por pior que saibamos da picaretagem de váááááárias CSS existem pessoas honestas que não devem pagar pela PICARETAGEM de outros.

      abçs

  • KawasakiNinja

    Um amigo levou um gol pra fazer revisão na css e, ao sair da mesma, foi verificar o porta malas: Roubaram o estepe e o macaco!!! Isso mesmo, foi roubado dentro da css!!! Na hora ele foi falar com o gerente e o problema foi resolvido. Já ouvi muitas histórias sinistras de ex funcionários de concessionárias, muitas vezes o cara leva pra fazer revisão e não trocam nada, tiram peças do carro… Por isso q eu jamais levo carro em autorizada, prefiro muito mais um mecânico de confiança.

    • SilenceBass

      Depende, tem autorizada com oficina excelente e que até preferem que você acompanhe o serviço.

      • jcperes

        Isso é verdade. Na css GM onde levava meu Astra pra fazer revisão quando ainda estava na garantia, eles sempre ofereciam a possibilidade de eu poder acompanhar o serviço.

        • lsc_mclaren

          Ia dizer isso… na gm eu acompanhei o servico com o manual do lado ticando os itens … e o mecanico levou "numa" boa! e ainda perguntou se não tava faltando nada!.. kkkk

    • Carlinhuw

      Já tive problema de colocar o carro da minha esposa na revisão (um Kia Picanto), e o carro 2 dias depois ficar sem freio sendo que foi solicitado o check-up do sistema e também sem óleo! Quando minha esposa parou na oficina onde levo meu carro viram que o carro tinha coisa de 1L de óleo somente! Era questão de tempo pro motor ir pro saco. Depois disso nunca mais fiz revisão do carro dela em CSS, eu mesmo programo o que vai ser trocado e levo em oficina de confiança. A concessionária em questão foi a Kia Moderna, em Brasília.

    • LuisCarlosCosta

      Comigo trocaram o pneu reserva, colocando um usado com defeito e furado, como não verifiquei, só pude perceber na hora mais difícil, na estrada e sozinho.

    • marco

      cara, tenho um gol g4 2009/2010. revisei ele durante 2 anos somente na css e acompanhando o carro desde a entrada até a entrega. Ao entrar, eles fazem um check up, se o veículo tem estepe, macaco, triângulo, cd/player e outros objetos dentro do carro, bem como arranho~es existentes no carro…..perguntei para que? aquilo tudo?…o fiscal me respondeu: hoje em dia tem pessoas que agem de má fé ou foram vítimas de furto (estepe/macaco) e nem sabem…aí quando detectam poem a culpa na ccs….

      abraço

  • fse

    Pode ser carro test-drive, que usaram e estragaram depois vendem como semi-novo.

    • André Souza

      Ano passado fui em um feirão da Renault na fábrica em São José dos Pinhais, antes de fechar negócio na compra de um Sandero, o vendedor sugeriu fazer um test-drive… Durante o teste, percebi que o marcador de velocidade do carro não funcionava. Comentei com o funcionário da fábrica que acompanhava os testes e ele disse que estava desligado, que depois do feirão, eles colocariam as rodas originais e o veículo iria ser vendido como 0km.

      • riccorreasp

        Esse país não tem mais jeito.

        É simplesmente inaceitável que façam isso em pleno feirão de fábrica. Demonstra má-fé por parte da Renault.

  • Adriano

    Uma situação extremante complicada, mas acho que generalizar todos os vendedores de automóveis é um pouco demais, e como ele mesmo disse que demorou uma semana para comprar o carro, um carro de 200km demorar todo este tempo pra vender realmente é um pouco suspeito.

  • Spikus2

    É realmente, ao comprar um carro usado é sempre bom ficar de olho, de preferência comprar de algum conhecido algo assim. Mas realmente é revoltante, você confia numa concessionária que teoricamente vende carros bons e eles fazem isso, ridículo.
    Obs: Você pode divulgar o nome da concessionária que vendeu o carro?

  • Ricardo

    Amigo, uma pena que aconteceu isso. No exterior, sempre se recomenda que você adquira carros usados em lojas para evitar problemas como esse. Mas, no Brasil, não é assim. É geralmente onde vejo dar mais problemas. Prefiro adquirir direto com o proprietário.

    Tenho duas perguntas para você:
    1. A concessionária não é obrigada a te dar garantia do carro e resolver esses problemas?
    2. Você não deu nenhuma olhada embaixo do carro antes de comprar?

    • bilharinho

      1. O carro tinha de fato garantia. 6 meses. Mas como garantia se aplica a este caso? Não foi um defeito apresentado. Os caras venderam o carro destruído por baixo. Uma baita má fé.
      2. Não olhei. Como cito no texto eu confiei por estar comprando em uma autorizada. Não estava comprando o carro em qualquer garagem de beira de cidade. Confiei na empresa.

      • thales_sr

        A concessionária lhe permitiu um test drive antes de pagar pelo carro?

        • bilharinho

          Sim. Apesar dos danos o carro estava funcionando perfeitamente. O único aviso foi o alerta da injeção no painel devido ao dano na sonda lambda.

  • rodrigobertoldo

    Qual o nome da Loja? Tem que citar, para quem pensa num VW, evitar essa cambada de vagabundo.

  • Caparroz

    Que absurdo empurrar goela abaixo de alguém um carro desse. A que ponto chega a má fé das pessoas que fazem de tudo pra ganhar as custas dos outros..

  • shdn2010

    Duvido se esses porcos dessas concessionarias não sabiam desse problema… Esse povo acha que brasileiro é um povo otário, e me perdoem, eu 'as vezes acredito que somos, pq não é possivel, eles não terem um controle de qualidade. Esses malditos fazem pouco caso para dar um otimo atendimento, nao estamos comprando um doce de 1 real, estamos comprando bens materiais acima de 20 mil reais, e principalmente pagando o salario desses vendedores desgraçados. No meu ponto de vista o brasil é um país, onde falta muita cultura e principalmente pessoas q não fazem as coisas por impulso, como comprar carros recem lançados a preços exorbitantes e principalmente pessoas onde param e raciocinem para efetuar ótimas escolhas… Esse caso, é algo muito triste, somos enganados de todos os lados.

  • Chama o Luis. Porque na verdade, o problema é o consumidor.

    • Caparroz

      Verdade.. O consumidor é o pólo mais forte na relação de consumo, vamos rasgar o Código de Defesa do Consumidor e vamos pedir aos nossos fantásticos parlamentares que criem o Código do Vendedor pra protegê-los.

  • ChicoFCarvalho

    Não pode divulgar o nome da concessionária? É do interior mineiro?

  • Ivan_Correia

    Meu Deus… é um absurdo venderem um carro nesse estado! O antigo dono fez o que com esse carro? Como conseguiu ferrar toda a parte de baixo assim??

  • Neanderthal_Man

    Digo que sentiu raiva pelos motivos errados. Deveria ter sentido raiva por ter nascido brasileiro.

    • Viníciusk

      Mas que bobagem! Quem tem a nacionalidade da pessoa a ver com o assunto em questão? Vá para os EUA e vai ver que lá os vendedores são iguais ou até piores as vezes! Cada uma…

  • dudupruvinelli

    Quilometragem baixa não quer dizer que o carro é bom! E que bom que és inteligente e tinha uma advogada por perto! Provavelmente houve algum problema com a carreta e fizeram essa merda com o carro! Conheço um caso parecido aqui de PORTO ALEGRE, CITROEN, CONCESSIONÁRIA MÔNACO. [youtube 6xsw3vyxI0Q http://www.youtube.com/watch?v=6xsw3vyxI0Q youtube]

    • diogo_rs6

      Credo, um carro vendido como novo e mal retocado….

    • Daniel

      Isso daí é caso de polícia, pois existe risco muito grande das pessoas que andam neste carro. Imaginem um impacto lateral.

    • Ivan_Correia

      Meu Cruze LTZ também veio bixado. Quando fui tirar ele 0km da concessionária ROQUEVILLE de São Roque, estava com a tampa do porta luvas toda manchada de graxa e o tapete do motorista também todo sujo. Achei aquilo inadimissível! Reclamei na hora la e me entregaram o carro meia hora mais tarde todo lavado e cheiroso.

    • Giggio

      esse aí nao passou pela equipe de qualidade…. tem que voltar e ser revendido como refurbished. kkkkk

  • alexhmoraes

    Comprei um carro 0km (Chevrolet Classic LS VHCE) em Julho de 2010.
    Foram problemas desde o dia em que sai da CSS até o dia 18/03/2013 com 78.658km dia em que vendi com os mesmos problemas
    Quando se vai na CSS reclamar pra eles tudo é normal

    • luta4ever

      Sempre comprei Chevrolet, mas ultimamente o serviço está porco e infelizmente não é exclusividade da Chevrolet nem da VW. Hoje até carro 0km vem cheio de defeitos.

  • edbilharinho

    Muitos perguntaram. Eu acho justo que saibam. A concessionária que vendeu o carro foi a DISTRIVE de Uberaba – MG.

    • Anderson Lemos

      Ai garoto, você já salvou pelo menos 1. Sou de Uberlândia e sempre pesquiso carros na região. E bom saber quem são os pilantras da área.

    • fschulz84

      Pois é… Não existe uma forma de denunciar isto?

    • cepereira2006

      Tá explicado… mineiro fala pouco. Não perguntou se caiu da cegonheira, ele não falou. kkk

    • OPJ

      Agora sim.Parabéns pela denúncia e que sirva de exemplo para as outras postagens semelhantes.

    • Anderson Lemos

      cara olha se o seu carro não era esse: http://www.autoscar.com.br/anuncios/ver/318900-vo

  • 16vti

    O negócio é manter a calma e lembrar que existe o art. 147 do Código Civil.

  • Renan21

    Nem carro zero esta livre de problema, quanto mais usado.
    Mas esse problema dai, foi um caso isolado e descuido do dono.
    Antes de comprar um carro, independente da Km, tem que ver se tem algo errado. Ainda mais quando tem apenas 200 km, que tipo de pessoa compra um carro e roda 200km? com certeza é de desconfiar.

    Aqui em casa sempre compramos carros usados, e nunca tivemos problemas graves desse tipo. Apenas problemas simples, como palheta quebrada ou algum vidro elétrico sem funcionar. Coisas que resolve em qualquer "bodega" de esquina.
    Além disso sempre compramos sabendo dos pequenos problema, o bom é que reduzimos o preço srrsrsrs

  • Felipe

    Esse carro deve ter sofrido algum acidente durante o transporte ou armazenagem na css, isso acontece com muita frequencia e elas tentam empurrar para o consumidor, certa vez um conhecido foi buscar um gol 0 km que tinha comprado na css, só que o carro tinha vários defeitos na pintura e ele rejeitou a css disse que ia fasturar um novo carro para ele, depois de alguns dias ligaram para ele buscar o carro e era o mesmo carro com um banho de tinta!! Ele percebeu isso pq tinha anotado o número do chassi gravado no vidro!

  • faltou dar a placa e o nome da concessonaria,vai k alguem daki caia tb

  • Louis

    Pelo menos conseguiu devolver o carro. Tem gente que compra carro ZERO com tantos problemas, e não conseguem devolver… Vide o caso do Megane bixado do youtube.

  • Filipe_GTS

    Sinto muito, mas carro com 200km sendo vendido está NA CARA que é mutreta. Mais atenção do consumidor é essencial, porque se existe uma grande porcentagem de pilantra (da conta de 97,9%) é no ramo de venda de automóveis usados!
    Lembrando, a parte de seminovos da concessionária é a mesma coisa que uma "garagem" multimarcas de esquina, só que pouca coisa menos pior.
    Devemos agradecer muito ao leitor que enviou o relato, pois tais situações de fato é que nos mostram a realidade desses picaretas!!!!
    Carro usado: só de familiar, amigo… Infelizmente.

    • lexbh

      sou obrigado a concordar.
      200km num carro é muiiiiiiiita mutrteta.

  • Doccar

    Ja que sua irmã é advogada peça a ela pra entrar com uma ação de restituição combinada com perdas e danos, restituição dos valores gastos e perdas e danos pelo tempo que voce perdeu com todo o infortunio, esse tempo ha de ser reparado pois ele seria valioso exercendo sua profissão.
    Aqui também advogado.
    Ja basta relações de consumo que nos causam prejuízo.

  • alan.gregorio87

    Com todo respeito ao dono do veículo, um carro com 200km, é cristalino que há algo, no mínimo, estranho! Não se compra um carro pra rodar uma semana e vender… faltou um pouco de cuidado! Mas enfim, aconteceu, processo neles!

  • bbrasil2

    Hauauaua, esse caso é o resumo do que é o brasileiro, de um lado o consumidor procurando um "excelente" negócio, para dar aquela sensação de que ganhou nas costas de alguém e vai se mostrar para todo mundo que ele é o bom, o fodão ! E do outro o vendedor que tentou passar para frente uma bucha querendo enfiar no ânus do primeiro que aparecer, resumo: Stress

    E brasileirada, não aprendem mesmo, kkkk

    • Filipe_GTS

      Verdade cara, é o que mais tem no cotidiano esse tipo de situação que vc relatou.

  • MercedesSqn

    Carro seminovo com quilometragem baixa a preço bom sem defeitos de fabrição/acidentes NÃO existe. Quando a esmola é demais cego, surdo e mudo desconfiam…

  • Cezar

    Estes problemas infelizmente acontece, mas o zero também não está longe de acontecer não, em janeiro de 2012 comprei um classic zero km, e o carro com dois dias apareceu um barulho tipo batida de piston, e na verdade era o rolamento de uma das polias, a caixa evaporadora também estava com problema, onde passei quatro meses esperando uma nova, o carro não funcionava o ar quente.
    O carro usado, realmente quem vai vender caso seja um particular, não vai ter o cuidado de investir mais nada no carro, ou seja vai rodar com o carro sem fazer nada até que apareça o comprador, e se for de loja, existe a velha maquiagem que todos fazem.

  • JuniorPereira

    Muito bom o alerta para que novos pretendentes a um carro seminovo se resguardem e realmente analisem bem, de preferência com um mecânico de confiança.
    Trabalho no ramo de venda de automóveis, e me indigno a cada evento de má fé como esse!

  • MercedesSqn

    meu Deus, olha o preço! 46 mil dilmas todo arrebentado?! Só no Bananasil mesmo…

  • tenso

    Infelizmente, esse é o país da lei de Gerson. Por isso não dá pra confiar, se tivesse gastado R$ 150,00 ou que seja R$ 200,00 numa revisão ( colocado num elevador, avaliado na maquina), teria evitado o preju maior….
    Agora tire você "vantagem" disso e mande um processo neles por danos morais!!!

  • Cezar

    Estes problemas infelizmente acontece, mas o zero também não está longe de acontecer não, em janeiro de 2012 comprei um classic zero km, e o carro com dois dias apareceu um barulho tipo batida de piston, e na verdade era o rolamento de uma das polias, a caixa evaporadora também estava com problema, onde passei quatro meses esperando uma nova, o carro não funcionava o ar quente.

  • leonardoforbrig

    SEMPRE que for comprar carro usado ou semi novo,deve-se colocar no macaco pra ver por baixo.O estado das peças contam muito sobre o passado do carro.

  • Eduvinhas

    das auto rsss

  • fschulz84

    Infelizmente isso acontece muito… Eu me lembro de um caso de um PUG 307 de BH acho, que o carro caiu em um lago, deveria ter sido inserido como PT pela seguradora, não poderia mais rodar e mesmo assim, apareceu a venda em uma ccs…

    Meus dois últimos carros (contando o atual) foram comprados em lojas (um em CCS e outro em loja de Autoshopping mesmo), no primeiro deles, um Focus, também fui na confiança e o carro tinha mais de 35000kms… Para minha sorte, estava realmente da forma que deveria estar…

    Mas já no segundo, olhei tanta coisa mas tanta coisa que até o vendedor já deveria estar de saco cheio… Para minha sorte, até agora, não tive nenhum problema. Eu acho que a compra de usado tem que ser criteriosa… De preferência comprar de conhecidos de pessoas que você sabe que fazem o mínimo de manutenção preventiva do carro e que cuide de forma adequada…

    • Sias

      Eu fiz isto. Depois de dois 0km (que mesmo assim fiz um pente fino antes de pegar) resolvi pegar um usado. Fiquei por volta de 4 horas, sem exagera, examinando o carro. Me deitei embaixo, olhei cara fresta, manual de revisões…tudo. Resultado: um carro super conservado e que não me deu uma dor de cabeça sequer.

  • Mauricio Oliveira

    Cade aquele vendedor de usados que fez aquele post com jeito de coitado ?

  • Adriano_Silva

    Que sirva de aviso, um carro que aos 200 km já esta no patio de semi novos? DESCONFIE E MUITO.

  • bruno

    eu carro ta com cara que era "mula" de teste pois tem aquele tradicional adesivo zebrado no parachoque

    • tenso

      realmente! deve ser carro de testes que passaram pra frente, ou caiu da cegonheira, e que serviço porco heim nem poliram p/ tirar o adesivo…

  • rattrap587

    Coisa triste!!! Mas é bom pois previne que outros caiam nessa armadilha. Parabéns ao autor da matéria.

  • granrs78

    Realmente uma sanagem enorme o que fizeram com o nosso colega do NA, pois com toda certeza eles já sabiam dos defeitos do carro, e mesmo assim não se importaram em vender do mesmo jeito. O ideal na compra de qualquer modelo usado ou mesmo Okm, é dar uma boa olhada, mesmo na parte de baixo dos carros, pois como nesse caso uma olhada mais atenta poderia ter evitado esse tipo de aborrecimento.

  • Lord Krauser

    Eu também fui vítima da Fiat Sinal Morumbi…

    O vendedor me vendeu um Clio 2004 e o carro parado estava lindo, mas quando fui pega-lo na CSS, logo vi que o velocímetro não funcionava. Aí veio uma série de problemas:

    1 – O carro começou a fumar uma semana depois = 1 mês sem carro, porém motor "novo" (leia-se retificado).
    2 – O carro sai da CSS e exatamente 1 semana depois, começa a vazar óleo e água = 1 semana e meia sem carro (novamente).
    3 – Saio da CSS, e no mesmo dia a água vazou por completo e o óleo voltou a pingar = mais 1 semana sem carro e o saco beeeem cheio.
    4 – Um mês depois, o carro voltou a vazar óleo, mas a CSS se recusa a arrumar pq já expirou a garantia = decepção !!

    Resultado:

    1 – 22 horas perdidas entre chegar no trabalho mais tarde pra deixar o carro e sair mais cedo para busca-lo;
    2 – Nunca mais compro nada na CSS mencionada acima.
    3 – Aprendi que a maioria dos vendedores são picaretas.
    4 – Prejuízo de 80 dinheiros para arrumar o vazamento de óleo (particular).

    Abraços.

    • Filipe_GTS

      Eles ficaram só dando consertos meia boca até vencer a garantia… bando de FDP
      O problema é que pra contratar um advogado vc gasta mais uns 800, 1000 dinheiros… Só pra ele entrar com a ação
      Não é fácil!

    • RodWH

      Comprou um usado com quase 10 anos e nem ao menos fez um test drive! nunca nem tinha visto ocarro aposto. Mereceu mesmo

      • Lord Krauser

        Na hora do test o carro estava (ou aparentava) estar tudo em ordem, foi no DECORRER que aparece as merda toda…

        Tive garantia de 90 dias como qualquer loja oferece.

        Antes de dar uma resposta dessa, LEIA TUDO e depois PERGUNTE, e não saia escrevendo qualquer coisa do que você não sabe.

        =)

        • RodWH

          mas quando fui pega-lo na CSS, logo vi que o velocímetro não funcionava =)

          • Lord Krauser

            dos males, o menor…. nada impedia o funcionamento do carro…

          • Lord Krauser

            E outra coisa que não mencionei: Eu peguei o carro numa sexta-feira final da tarde, ou seja, passei sábado, domingo….

            E acredite, no test drive estava tudo funcionando e o motor não "fumava"…

            Quando foi na segunda tentei agendar o serviço e me falaram pra ir na CSS na outra segunda.

            =)

  • anderson_sp

    Caraca, isso foi uma "bucha" semi-nova.

  • VeioRanzinza

    Eu tenho duas máximas ao comprar carro (mesmo zero)……..

    1. Colocar o carro no elevador e olhar TUDO por baixo.
    2. Carro "usado" com menos de 3000km?? Só se o antigo dono morreu. Na maioria das vezes é batido ou danificado.

    • RLF

      Nem sempre… comprei um C30 em 2010 com 2.000km por 13 mil reais a menos que o 0km. Hoje já rodei 74.000km sem qualquer problema. Mas, sem dúvida, atenção redobrada nesses casos!

  • Prime_rafael

    Como se já não bastasse vender um carro estragado, por ser uma concessionária eles deveriam ter trocado todas as peças danificadas, mas a vontade de ter o maior lucro possível é maior e o cliente que se dane….. Melhor ter gasto 1100 e não ter ficado com essa bomba do que eles tivessem dado um tapinha na sonda e você tivesse descoberto a falcatrua 1 ano depois.

  • Rocha85

    Carros com baixa quilometragem podem ser encontrados em lotes de fabrica, comprei um polo 2012 que era utilizado pela VW do Brasil com 1.200 kms. Hoje já está com 25.000 e nada de dor de cabeça.

  • Lord Krauser

    Isso também está com cara que foi usado ao extremo pela CSS… ou era carro de uso interno da VWB.

    Ou o Ken Block usou esse carro pra pular rampas em uma dessas "gymkhanas"… rsrs

  • danieldourado_2

    Se fosse 200km, aí que eu desconfiaria mesom

  • carmanbhz

    Isso depende muito, hoje estou com uma BMW 320 2010, peguei com 22mil km, fiz um um rastreamento (paguei) no veículo e levei um mecânico para olhar tudo. Nada de dor de cabeça. SE perde uns 500 reais no rastreamento e na comissão do mecânico, mas compensa.

  • Rafael_rec

    Se carro usado já é bomba, imagina um que alguém tirou da loja andou 200 km e depois trocou. 200 km é menos que o que eu ando em 7 dias, estava na cara que esse carro tinha algum problema sério com ele.

    • Pablo

      "Se carro usado já é bomba"… e os que tem dezenas de problemas com carros zero? Cada uma.

  • Leandro

    Acho que o autor deu uma grande bobeira ao comprar esse carro. Mesmo que a pessoa odeie o carro, ninguém vende com 200 km, não da nem pra se acostumar com o carro nesse tempo, com certeza devia ser de test-drive ou caiu da carreta e o 1º dono se livrou da bicheira.
    Ao autor: Desconfie mais das coisas, eu ja trabalhei em empresa de grande porte e isso não garante nada. Você mora no Brasil, onde tudo pode acontecer, onde cada um quer garantir o seu mesmo que custe o do outro, onde vale a lei de Gerson. Só digo isso: Mais cuidado da próxima vez.

  • Fctenorio

    Comprei na semana passada um Hyundai Tucson 2011 com 42.250 Km na agência de um amigo. Ao chegar no trabalho peguei o manual para ler e verificar as revisões efetuadas por causa da garantia de 05 anos e, para meu espanto, a data da revisão dos 40.000 Km estava rasurada. Corri para a autorizada e lá me informaram que o maldito estava fora da garantia e a última vez que tinha entrado na concessionária estava com 74.000 Km. Resumindo, o mau caráter do dono anterior não fez as revisões de 50, 60 e 70.000, perdendo a garantia e reduziu o hodômetro digital para uma quilometragem próxima da última revisão e rasurou a data da mesma. Devolvi o carro no mesmo dia. Que isso sirva de alerta para todos, pois enganou até meu amigo que negocia com automóveis há quase 20 anos.

    • ubiratamuniz

      a agência é do seu amigo, será que foi ele mesmo quem foi enganado?

      já desfiz amizade antiga por causa desse negócio de negociar veículo. nem comprei nada, foi por causa de um veículo que deixei consignado na agência de um "amigo" (agora ex-amigo) e a venda só me deu dor de cabeça.

  • 3dimensional

    O assunto é deveras complexo.
    Como sempre aparece o pessoal que adora zuar nessas oportunidades quem defende a compra de usados. Pra esses, eu garanto que é muito menos traumático enfrentar problemas com um usado do que com um zero. Com o zero você espera ZERO de problemas, e quando eles ocorrem, muitas vezes você acaba passando mais raiva ainda com as CSS. Devolver um carro zero como foi feito com esse usado aí!? Cruzada épica!
    Mas…cada caso é um caso.

    Já tive problemas antes comprando de particular e hoje não recomendo essa compra, A NÃO SER que se faça um CONTRATO com o ex-dono com uma garantia básica pelo menos, pois a garantia habitual, como é com as lojas, não existe nesse caso. Problema é achar quem esteja disposto a fazer isso…tem que ser uma via de mão dupla de confiança.

    Hoje, recomendo a pessoa comprar carros do comércio em geral(agências, CSS, etc) por conta da garantia devida por LEI que é de 90 dias PARA TODAS AS PEÇAS E/OU PROBLEMAS que o veículo venha a enfrentar neste período; "90 dias só pra caixa e motor"? VOCÊ ESTÁ SENDO ENGANADO!
    O GRANDE problema de agências e principalmente concessionárias é que você tem que ter MUITA CONFIANÇA também, pois é PRAXE a adulteração de KM!
    Não seja inocente! 90% das agências de usados devem fazer isso. Comprou um carro com apenas 3000 km? Provavelmente ele tinha uns 15 mil quando chegou na loja. Comprou um carro com 50 mil km? Esse tinha uns 85 pra cima. 70 ou 80 mil? Esse carro já rodou mais de 100 mil km com 90% de certeza.
    Então, se existe uma vantagem em ser mais fácil o êxito num possível processo contra uma agência ou CSS existe essa desvantagem aí da KM adulterada.
    Agora, se você conhecer bem o dono do local e ele for de extrema confiança, melhora um pouco essa questão.

    No caso do autor do post, talvez o ex-dono alisou algum quebra-molas, ou o carro caiu da carreta como já disseram….só Deus sabe. Mas se ele quisesse, poderia sim ter reparado tudo até por conta própria e apresentado as notas fiscais na CSS para reembolso. Mas como nesses casos acabamos perdendo a confiança em geral no carro, foi melhor ter devolvido mesmo, pois problemas como um chassi desalinhado, não se nota facilmente no olho.

    Mas é isso…regra geral, por minha experiência e pela de amigos, NÃO CONFIO EM CONCESSIONÁRIAS! Elas passam uma imagem de zelo, de confiança, mas é pura arapuca na maioria dos casos infelizmente.
    O Brasil não é para amadores amigos! Mantenham os olhos abertos e ande com o Código de Defesa do Consumidor debaixo do braço.

    Abraços!

    • DougSampaNA

      Porisso que quando vou vender meu usado pra particular tiro um maço de NFs de serviço e mostro o historico do carro, e assim perco o menso possivel na venda. Tenho todas guardadas dos 2 carros..

    • MFranklin

      Uma dúvida: já ouvi dizer que somente as compras de carros feitas em concessionárias é que são cobertas pelo Código do Consumidor. Ou seja, as compras feitas em lojas multimarcas não teriam este amparo. É correta esta informação?

      • 3dimensional

        Errada. Qualquer relação de consumo entre uma pessoa e um ente comercial é coberta.
        Tanto CSS quanto agências(lojas) respondem.

  • opj

    Srs. A intenção de denunciar para que outros não caiam na mesma cilada é louvável.Porém, se não divulgarem o nome da CCS ou loja que está agindo de má fé,não adianta nada,pois certamente irá continuar agindo assim.Essa gente só teme uma coisa:PREJUÍZO NO BOLSO.O Eber já deu a dica,autoriza a informação se constante do comentário.Vamos usar essa ferramenta para denunciar os maus comerciantes.

  • Leo_Galo

    Em 2010 comprei meu primeiro carro, um Pálio Fire Economy 2009, com pouco mais de 10 mil km rodados. Só que, na primeira semana, o ar condicionado deu problema. Aí levei na revendedora aqui em BH. Analisaram o meu caso, e deram uma tapiada, de modo que o ar condicionado funcionava mal e de forma fraca. Eu não satisfeito, levei em um mecanico de confiança, e ele me falou que o gás que circulava no ar condicionado havia escapado parcialmente. Levei de novo na concessionária, e, na insistencia de que o ar condicionado estava normal feita pelo mecanico dessa empresa, dei um surto de revolta, rs, e deixei o carro lá, na concessionária junto com a chave e os documentos, e fiz eles assinarem uma declaração de que eu estava devolvendo o carro, essa declaração que meu pai advogado fez. Depois de uma semana, eu os ameaçando de processo, incluse danos morais por eu não estar tendo como usufluir do meu carro, queriam consertar o carro e me devolver em perfeitas condições. Eu com receio de que o problema não seria solucionado, não aceitei, aí, depois de outra semana, eles me devolveram o dinheiro. Mas é assim, tem que correr atrás, coisa que nem todos fazem, ou tem condição de fazer. Foi uma amolação e desgaste muito grande…. Além da decepção, com uma coisa que tinha custado tanto a comprar…

  • moises

    Isso é ridículo. Como um ser humano pode achar que está fazendo um bom negócio enganando outro? Muito triste estarmos cercados de gente assim. Nenhum carro usado é perfeito, mas tentar enganar alguém é dose. Eu sempre cuido bem dos meu usados e, em caso de batidas ou problemas, resolvo na autorizada e guardo todas as notas e inclusive tiro fotos. Muitos me chamam de otário, mas quando vou passar um carro meu pra frente, começo logo dizendo os problemas dele e se tiver batido, digo em que parte do carro foi e mostro as fotos da batida e as notas comprovantes do reparo na autorizada. Carro batido não é o fim da picada! As vezes é uma batida boba, que não prejudica nada… não custa ser honesto. Por fazer isso eu acabo até, paradoxalmente, valorizando meus carros, pois quem compra sente segurança e sabe exatamente aquilo que está levando. Lamentável todos não fazerem assim e se vangloriarem de ser um ser humano mediocre que ganha a vida enganando as pessoas.

  • cepereira2006

    É este tipo de situação que me afasta do mercado de usados. Procuro, procuro e não vejo vantagem. A possibilidade de vícios ocultos é enorme. Ainda se você tiver mecânico de confiança que ateste que o carro está 100%, ainda pode haver imbróglios jurídicos, penhoras, etc.
    Os valores dos usados deveriam ser muito menores no Brasil. A maioria dos "semi-novos" a gente põe mais um pouco e tira um novo. Para a gente vender, jogam lá em baixo e para comprar sai quase como um novo. Então usado eu só compro de parente.

    • rafthehay

      cepereira, concordo. Estou no meu 4º carro, 1º 0km, e mesmo ele tem lá seus pequenos vícios. Não condeno quem compra usados e nem condeno quem compra 0, mas acho que os usados são sim CARÍSSIMOS no Brasil. Paga-se caro por um carro bem rodado, simples assim. O preço do 0 não é dos mais justos, claro que não, mas os usados são igualmente ridículos.

      Nem entro no mérito dos carros "de coleção", como um Opala a 40 mil, mas os usados normais mesmo.

  • andre

    Senhores, que sirva de lição a vcs! Quer apostar quanto que a concessionaria vai alegar no processo que foi o cliente que ferrou o carro? E aí, como fica? AO RETIRAR UM CARRO, NOVO OU NÃO DE UMA LOJA OU O DIABO O QUE FOR, OLHE O CARRO DE CIMA ABAIXO! Confiou, melou.

  • trikolor

    aff…tinha que ser o lixo vw voyage……tá louco mano de comprar essas bombas da vw????

  • Absinthe666

    eu sempre desconfio de um carro praticamente 0km sendo vendido
    alguma coisa desagradou muito o antigo dono para ele ter que trocar
    outra coisa já que comprou um carro em CSS tu poderia pedir para erguer o carro em algum dos elevadores, fiz isso quando comprei o meu, e vi que tinha um pequeno vazamento na bomba de direção hidráulica, consegui negociar um bom desconto por isso e depois mandei arrumar por 250 reais e até hoje está perfeito ( 2 anos de uso)

    • carmanbhz

      Quase 0km eu desconfio mais que um com rodagem média, compro normalmente usados entre 20-30 mil km, tem muita gente rica demais que troca o carro com frequência frenética (2-2 anos). Não é por problema, mas o sujeito se entedia do veículo…..

  • bobmarley44

    O que me fez dar risada não foi pela situação do autor, e sim por esses vendedores de usados que ficam choramingando em post's. Fala sério. Não existe vendedor de usado muito menos novo honesto. Semana passada fui ver o i30 (ano 2010) com 40 mil, fiz o teste drive tudo direitinho. Achei até barato o preço (42 mil Manual, daí quando chamo meu amigo mecanico pra ver, o mesmo havia notado que os 4 pneus da frente estavam remendados e que o cambio apresentava defeitos. Essa raça mesmo que não presta.

  • Andre Dias

    Até carro zero pode dar problema. O que mais importa na compra de qualquer carro é a procedência. Infelizmente esse caso é uma catástrofe. A própria autorizada vende um carro que está operando mal, (e pior, provavelmente vendeu como certificado.)
    Mas é preciso pensar um pouco. Uma das perguntas mais importantes a se fazer ao se comprar um carro é: o que aconteceu com ele antes? Porque alguém se desfazeria de um carro com menos de 200km rodados?

  • Antonio Nunes

    Que absurdo, algum animal deve ter atropelado um dinossauro. Isso tá com cara de golpe em seguradora. O cara comprou, teve algum acidente e vendeu o carro acidentado pra CC que resolveu nao consertar.
    Lamentável, comprei um seminovo numa CC VW também, certo dia, e tenho problemas até hoje. Tomem cuidado com semi-novos. Levem a um mecanico de confiança e façam um exame geral no carro. Tem safado tentando passar abacaxi pra todo mundo hoje. Gente desiludida da vida, que quer se levantar passando por cima de qualquer um a qualquer custo porque acha que a vida não tem mais jeito e todas as pessoas não prestam. Gente que tá com um pé na merda e passando os outros pra tras nunca saem do lugar. Deus é grande.

  • Marciomaster

    Apesar de ser algo muito chato, a revenda VW se responsabilizaria pelo reparo e se o desconto foi bom na compra, valeria a pena ficar com o carro, ja que os danos foram pequenos, nada estrutural.

  • Vitão

    Por isso, não existe almoço grátis….. Qdo a esmola é demais, até o santo desconfia…..

    Mas q CCS sacana…..

  • RICARDO

    VOU RESUMIR UM ARTIGO DESTA SEMANA ONDE UM VENDEDOR RELATA QUE ELE NAO AGUENTA MAIS ,SEI QUE SEREI CRUCIFICADO AQUI ,MAS VOLTO A DIZER COMO SEMPRE DIGO ''CLIENTE GERSAO'' (FAMOSO CLIENTE QUE QUER LEVAR VANTAGEM SOBRE TUDO E TODOS) . COMO O PROPRIO DONO DO RELATO POSTOU AQUI : No dia 28/02 eu adquiri um VW Voyage 1.6 Comfortline iMotion 2012 completo em uma autorizada VW. Fiz questão de escrever o nome inteiro do modelo para que vocês entendam. O carro era a coisa mais linda. Novinho, impecável. Nenhum defeito de pintura ou interno. Cheiro de novo e somente 200 km no marcador. *******Resumindo, um carro novo mas com preço de usado. Tentador!********* DESCULPEM MAS O ESPERTO AQUI É O CLIENTE. TODO MUNDO TA CRESCIDINHO AQUI E SABE SE FOSSE USADO OKM TERIA PREÇO DE OKM

    • 3dimensional

      Errado meu caro.
      Esperto é o vendedor e a loja!
      Agora o consumidor querer pagar menos significa que ele tem que estar ciente das falcatruas praticadas e dane-se?
      Pro cliente ter sido o GERSON da história, teria que ter um folheto ou placa lá na loja explicando todos os defeitos do carro, sendo assim a justificativa clara pelo preço "baixo". Aí sim se o cara comprasse e viesse reclamar…
      O resto é balela de vendedor!

  • duhs2dany

    Trabalhei em uma volks e aconteceu algo parecido. Um cidadão da PF comprou um gol rallye c. spectrus 2011 zero na concessionária e com pouco mais de 2.000km o veículo apresentou problema no corpo borboleta. A garantia substituiu sem algum problema. O veículo saiu da concessionária e em menos de 500m apresentou o mesmo problema e simplismente apagou. Como o cidadão era da PF, simplismente abandonou o carro e foi a concessionária de camburão e entregou a chave do veículo na mão do gerente e disse que aquele carro não era mais dele.
    Logo o gerente mandou buscar e constatou o mesmo problema e a mesma solução. Pelo fato do cliente não querer mais o carro, foi subistituido por outro e assim foi resolvido o problema do CLIENTE.
    Já o carro com 2.432km retornou ao seminovos e pela infelicidade de outro cliente que comprou… resultado? O mesmo problema e sem solução.

  • RICARDO

    Como sempre digo , sei que vou ser ate crucificado aqui mas vou ate me baseando um outro relato desta semana onde um vendedor assume enganar clientes pois os clientes gostam de ser enganado. Mas esse é o famos cliente GERSÂO ( famoso cliente que sempre quer levar vantagem sobre os outros) vou lhe mostrar o porque. Como ele mesmo escreve (texto copiado aqui do post):No dia 28/02 eu adquiri um VW Voyage 1.6 Comfortline iMotion 2012 completo em uma autorizada VW. Fiz questão de escrever o nome inteiro do modelo para que vocês entendam. O carro era a coisa mais linda. Novinho, impecável. Nenhum defeito de pintura ou interno. Cheiro de novo e somente 200 km no marcador. "RESUMINDO ,UM CARRO NOVO MAS COM PREÇO DE USADO". Tentador! Pensei uma semana e decidi comprar o carro. Desculpem mas todos aqui estamos crescidinhos aqui e sabemos se fosse bom o negocio mesmo estaria com preço de OKM . Isso e a mesma coisa daquele anuncio que vcs vem por ai : Ganhe ate R$ 5000,00 reais sem sair de casa so trabalhando no computador nas horas extras . DESCULPEM MAS TB NAO EXISTE a proxima vez junta um pouco mais compra um OKM ou compra um usado condizente

  • ronaldodnt

    Quando comprei meu carro, com ele ainda em exposição, olhei todos os detalhes do veículo, chegando inclusive a deitar de baixo dele.
    Dá pra ver que a vítima não se preocupou nem em dar uma olhadinha básica antes de comprar a bomba.

  • jackson_sch

    Eu comprei em 2009 um Gol G5 zero na concessionária. Na primeira revisão na concessionária o mecânico levantou o carro e para minha surpresa havia um bom amassado na parte inferior do carro, próximo a roda traseira esquerda. Eu tenho certeza que não fiz aquele amassado, e agora? O Gol foi vendido em 2012.

  • Alvarenga1

    Na compra de carro novo o risco existe mas é muito baixo, ja na compra de usado os riscos são altíssimos. Tanto em espectos tecnicos como em aspectos legais.
    Tenho longa experiencia em engenharia automotiva e digo que é praticamente inviavel de se fazer uma analise segura e completa no carrro pretendido. Seria tão detalhado e complexo este processo que nenhum vendedor concordaria, alem do custo das horas de um profissional.
    Talvez a única oportunidade de compra segura de um usado seja comprar de um amigo, amigo de verdade.
    Tirando isso voce sempre estara na mão de alguma dose de sorte.

  • CharlesAle

    Muita cara de pau da CSS vender esse carro,como pode isso,por isso eu falo,não dá para confiar em lojas,seja CSS,seja logista,procure um particular que seja seu conhecido e vá por ai,esse carro deve ter subido em alguma guia ou tartaruga das grandes(não sei o nome daquilo)e ferrou toda a parte debaixo,até podem vender,mas o proprietário deveria estar ciente para não reclamar depois,mas eles não avisam nada….

  • Alexandre

    Fiat Tempo em Campinas e Renault Valec Campinas vendem carros 0km com repintura!

  • paulluis

    Comprar carro usado sem ver por baixo é muito arriscado, esse é um cuidado básico mesmo sendo de autorizada, se for algo muito evidente como vazamentos ou impactos vão aparecer, tem que mandar levantar, se enrolar é porque tem truta.

  • Brunobrasil

    A VW de São Bernardo (fábrica) vendeu ontem no Superbid Gols "G6" completos por 22 mil reais. Quase comprei um, mas pensei bem e esbarrei nessa questão do abacaxi, bomba, dinamite etc kkk. Tinha um que havia rodado só 600 km. Mas refleti melhor e cheguei a conclusão que no Brasil, lugar de gente desonesta, não seria um bom negócio comprar um carro destes.

    • CharlesAle

      Sou lembrando Bruno,sou do ABC e conheço gente da VW(parentes meu)que falam que a prioridade da frota é venda a funcionários,e o que sobra,ai sim vai para leilão,isso que sobra pode ser ou não uma bomba,o ideal é sim olhar as condições do carro,além de já ter frequentado e muito o Freitas leilões,de Santo André,e ter visto várias coisa boas,e muitas péssimas,mas na foto parecia estar tudo OK!!!!

      • Rocha85

        Eu moro em Santa Catarina, e comprei um Polo que era usado pela fábrica de São Bernardo. peguei o carro com 1.200km. Hoje já está com 25mil km e nunca me encomodou. É como vc disse, tem carros bons e péssimos. Pelo visto eu tive sorte.

  • andre

    hj em dia ate carro zero tem que olhar bem antes de tirar da cc.

    • 3dimensional

      SAD BUT TRUE!

  • Johny Hoffman

    Pelo preço q pagamos, deveriamos ser recebido com tapete vermelho e champagne.

    Mas como somos recebidos mesmo? com um coice na cara

    Parabens povo brasileiro

  • RodWH

    Só foi bomba porque o cara só entrou no carro, deu uma cheiradinha e feixou negócio. Bastava levar um mecânico pra dar uma olhada que com certeza ele identificaria o problema. Comprei meu carro com 100.000 km rodados, depois de levar 3 veiculos em um mecanico de confiança e nao fexar negócio, e hoje com 190.000 não deu uma dor de cabeça! Compram um bem de 30 mil reais sem nem ao menos olhar debaixo do capô e vem reclamar que foi mal negócio!

  • Renato_Dantas

    Já tive vários usados e sempre na mesma loja a Xcar no portal veículo em BH, o Julinho dono da loja sempre pautou pela honestidade, após três meses com um Siena 2004 os rolamentos dianteiro passou a roncar, bastou ligar para ele e o carro foi rebocado para a oficina que efetuou a troca dos rolamentos tudo por conta da Xcar, seu lema "conquistar o cliente e torná-lo feliz pois ele voltará e ainda fará propaganda gratuita a boca a boca.

  • AutoNacional

    Duas questões que vejo nesta situação. Se eu chegar em qualquer concessionária e querer comprar um carro zero na condição que aceitem o meu na troca praticamente todas as concessionárias vão aceitar, não importa em qual estado deplorável esteja meu carro. E alguém vai comprar meu carro, seja como repasse ou direto da concessionária onde comprei o carro 0 KM. ( Ps, alguém vai comprar este voyage citado na matéria, com os mesmos problemas e sem ser avisado). Uma outra questão, imagina se esse carro fosse comprado de particular, cobrar na justiça seria bem mais difícil.

  • TONY_SHARKS

    Que vergonha de ser brasileiro. Novamente essa marca dando o que falar…
    Mas convenhamos que não é apenas a única que comete abusos contra o consumidor. A indústria automobilística brasileira é uma vergonha nacional. Tratam-nos como otarios, só querem vender, vender, vender, brigar pela liderança e a qualidade sempre deixada para segundo plano, com profissionais desqualificados que ao invés de procurar satisfazer seus clientes, preferem satisfazerem seus lucros, vendendo os piores e mais caros veículos do mundo.
    Lamentável…

  • Anderson

    Na minha opinião existem 3 motivos que levam alguém vender a um carro com baixa Km:
    1) O consumista, que não consegue ficar nem um ano sem trocar
    2) O cara que não consegue pagar e é obrigado a vender por $$
    3) Carro que deu problema ou foi batido

    Ou seja, quem tem sorte compra dos 2 primeiros e quem tem azar compra do último. Simples assim!

  • Vadauco

    É por causa dessas coisas que eu sou cabreiro com carro usado. Já tive vários, mas enquanto minha condição financeira me permitir, só comprarei carro zero. Sei que ainda existe a possibilidade de dar problema, mas a probabilidade é muito menor.

  • hugogyn94

    Sera o dono do carro tem direitos processar ? acho todo mundo tem que olhar o carro se esta em estado pessimo ou nao,tem fazer teste drive e poder confiar na loja é isso se compra um carro,é raro alguem faça isso.

  • Roger

    Eu me pergunto como o cidadão não olhou o carro por baixo, a parte inferior dos parachoques está detonada, uma olhada rápida, e com o mínimo de atenção teria notado, teria ficado mais atento e assim verificado melhor. Mas a pintura tá bonita e o interior ok, o resto, é resto, afinal para o maioria do povo, o motor está " bom " o carro tá bom e esquece do resto.

  • Focus2013

    DAS FERRO

    • PONCIO PILATOS

      Das Fumo??

      • Focus2013

        DAS FUMO GOIANO!!!

  • Leo

    O carro é I-motion. Primeiro dono deve ter se atrapalhando um pouquinho com o automatizado…

  • DevXav

    Vou aproveitar o espaço para deixar registrado que a SAGA AUTOMINAS de UBERLÂNDIA possui a mesma índole DESONESTA E SACANA que a DISTRIVE de UBERABA.
    Fui enganado por um ex-mecânico de lá, demitido por justa causa, que inclusive fez sacanagem com mais pessoas além de mim.

    Sem falar que eles vendem os carros com bancos rasgados, borrachas cortadas, e quando você vai reclamar eles ficam de papo mole colocando a culpa na fábrica.

    UBERLÂNDIA E UBERABA, muito cuidado com as concessionárias do grupo Volkswagen (Audi e Citroen também são do grupo Saga aqui), pois o povo é PILANTRA DE CARTEIRINHA.

  • waltervac

    E a VISTORIA? Gente, hoje em dia tem um monte de empresas de vistoria, que te cobram uns R$ 400,00 contos apenas pra te darem um laudo completo sobre TUDO do carro! De cara na vistoria, na hora em que eles subissem o carro no elevador, já iriam ver as marcas embaixo do carro e já o reprovariam.
    Lembrem-se: o barato sai caro! Não economize nisto, pague um mecânico pra ir até a CCS ver o carro, ou vá junto com o vendedor levar o carro pra empresa particular que faz vistorias em sua cidade.
    Abraços.

  • Leonardo

    Minha esposa é advogada e te digo, hj eu não dou mole para nenhuma empresa que age de má fé comigo.. para vc ter uma ideia, por conta de um não cumprimento na promoção, eu coloquei o burgar king na justiça e por causa de um lanche de 18 reais, eles tiveram que me pagar 2500 reais de indenização..fico imaginando quanto eu não ganharia com essa concessionaria lixo aew…. pode levar 10 anos amigo, faço desse dinheiro uma poupança….

  • Castle_Bravo

    Sei de um caso aqui em Porto Alegre de uma concessionária Chevrolet (Sinoscar) que vendeu um carro sinistrado como "semi-novo".

    Um amigo e colega de trabalho comprou o carro, belezinha, Astra 2011 lindo, até com o "cheirinho" de novo, baixa quilometragem ( ~ 15 mil) só que deixou o seguro para fazer uns dias depois, por razões financeiras, e ao contratar o serviço, a seguradora se recusou a fazer, pois contava no cadastro deles que o carro já se envolvera em acidente e havia sido dado baixa do mesmo! de alguma forma "esquentaram" o carro! o.O

    Ao retornar à concessionária, depois de ser recebido com um belo: "não! mais isso é impossível!" do vendedor e falar com o gerente, e "bater o pé" para trocar, ele conseguiu trocar o carro por outro de mesmo valor, e aparentemente sem problemas, contudo alguns dias depois lá estava o mesmo Astra (reconhecido pela placa) à venda de novo, para ouro incauto qualquer comprar.

    E assim vai-se indo, concessionárias e seus semi-novos são apenas "picaretas com grife", e só pra constar, há um intercâmbio bem ativo entre as concessionárias "de marca" e revendas de usados independentes ou multi-marcas, ou seja, no fundo não faz diferença pagar a mais e comprar numa concessionária, as pilantragens são as mesmas, os veículos são os mesmos.

    • tenso

      Exato, muitas concessionárias, vendem esses carros p/ outras css ou ate mesmo garagens mais em conta p/ desova-los ou simplesmente trocam com outros carros… então jogam a bomba p/ outra cidade onde ninguem esta sabendo…

  • GALO

    Acho uma piada esse termo "semi-novo". Não existe isso. Ou é novo ou é usado E PONTO FINAL. Por acaso existe menina "semi-virgem"? Então não existe essa de "semi-novo". Sempre teimo em falar USADO bem alto e bom tom mesmo quando so vendedores ficam usando o termo "semi-novo". Alguns até se irritam kkk

    • Leo

      Verdade. Essa tentativa de valorizar o carro não cola com todo mundo… Já vi nego vendendo carro 2006 chamando de semi-novo. Vamo parar, né. O cara pode até dar boas referências de conservação, mas semi-novo é apelar até a quinta geração.

  • Marquinhos

    Tenho um Amigo que me disse que vendeu o carro dele com mais de 100 mil km e pegou um Cobalt. Passando tempo, descobriu que um amigo dele havia comprado o carro e perguntou a km, o amigo disse 40 mil km, aí ele disse esse carro era meu e vendi com mais de 100 mil km, resumindo , ele foi na concessionária , desceu o pau nos caras, falou tudo que precisava e que ia processar a concessionaria, B.O, estelionato, e a CCS deu um carro 0 Km para ele ficar quieto. A sorte foi que ele achou o antigo dono, uma dica é sempre olhar o papel de revisões que fica no manual, pelo menos você tem uma noção de quantos km e quando o carro fez revisão e vê a média de km que o antigo dono rodava.
    Pessoal, tomem cuidado com algumas CCS porque tem muita maracutaia.

  • Morpheus_RJ

    Uma coisa eu já aprendi: NUNCA, NUNCA MESMO compre carro usado em concessionária! Vá numa loja multimarca (de preferência com indicação, grande e reconhecida). O atendimento é melhor, a margem é menor, o cara vai tentar te fidelizar, o seu poder de barganha é maior e os vendedores são menos mal-caráter. Digo por experiência própria.

  • Alexqsm

    Mês passado comprei um Uno Way 1.4 com 7mil Km rodados a primeira coisa q fiz foi olhar embaixo do carro (mesmo conhecendo o gerente da CCS).

  • Anderson Lemos
  • dirceu

    Não to vendo bomba nenhuma nisso…se você compra o zero-quilômetro sem os defeitos provavelmente teria pago muito mais. A questão é: compensaria gastar para arrumá-lo? Exemplificando: se você pagasse 32 mil pelo carro e gastasse 5 mil no conserto, o preço ainda fica uns 8 mil abaixo do zero… Sem duvida você foi vítima de uma fraude, o único problema ai foi a omissão do vendedor.

  • PEDRO_HAWK

    Mellhor pegar um usado do que um semi-novo. Afinal, quem vende um carro que acabou de comprar (com 200km rodados) só porque se arrependeu? Isso já é bomba original de fábrica e que a concessionária (que só se deve ir enquanto o carro estiver na garantia) vai tratar de passar rapidinho, sempre reduzindo a quilometragem.

  • AMLAJD

    Tenho certeza que a concessionária pegou esse carro em alguma troca e nem olhou, afinal, quem iria imaginar que um carro com 200 km estaria destruído por baixo.
    Esse cuidado eu tenho, carro semi novo, com pouca quilometragem, tem algum problema, principalmente problemas insolúveis de fábrica, que o cara já levou diversas vezes na concessionária e não foi resolvido.

  • Zatara

    Três coisas que não existem:
    Semi-gay
    Semi-virgem e…
    Semi-novo

  • erickloren

    é por isso que prefiro comprar em loja grande do que particular. pois daí pode usar do direito do consumidor pra alegar o vício do carro. se compra de particular ta fodido. e se compra de loja pequena até tem direito mas a loja tbm não vai ter cacife pra bancar….

  • Raimundo José

    Aconteceu parecido comigo na compra de uma Kombi na Smaff Volkswagen de Fortaleza. Fiquei no prego de gasolina na porta da Smaff, o carro tinha buraco no piso, cambagem das 4 rodas errada, direção com mais giro pra esquerda do que pra direita, suspensão com muito ruído, portas mal reguladas, freio com barulho e entre um monte de outros defeitos que eles só solucionaram alguns no final da garantia. Entre esses defeitos houve a quebra do cambio aos 6200 km rodados que essa Kombi passou quase 2 meses parada por falta de peças. Para os que moram em Fortaleza, nunca comprem carro na Smaff Volkswagen nem que seja R$1.000,00 mais barato, porque pra eles qualquer problema que venha a aparecer no carro, ligue primeiro pro 0800 da fábrica pra depois eles resolverem. Volkswagen é isso mesmo, "agora visa lucros" e a qualidade só no momento pré-compra porque depois de ocmprado, o cliente que se ferre, comprando um carro sem qualidade caro e sem atendimento decente, diferente da Honda e da Toyota, que por maior status que tenham, basta comparar o Jetta com Civic e Corolla que o Jetta tem nada demais a oferecer e tem o custo de manutenção altissimo comparado com os concorrentes japoneses. Quem quiser comprar carro ruim, compre um Effa que é ruim e não é caro como os VW.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend