Chery Mercado Sedãs

Chery Arrizo 6 chega dia 24 ao mercado brasileiro

Chery Arrizo 6 chega dia 24 ao mercado brasileiro

A Caoa Chery apresentará o sedã Arrizo 6 no dia 24 de junho. Com apresentação virtual, a marca mostrará em primeira mão a versão brasileira do sedã chinês, que já está sendo produzido em Jacareí, interior de São Paulo.


A montadora controlada pela CAOA, está fazendo estoques do sedã médio para entregas em julho, sendo este o topo de linha da Chery no Brasil, trazendo um visual mais sofisticado e alguns itens que não estão presentes no Arrizo 5.

Compartilhando a plataforma com o irmão nacionalizado, o Arrizo 6 focará nos principais players do segmento médio, como Toyota Corolla, Honda Civic, Chevrolet Cruze e VW Jetta, entre outros.

Chery Arrizo 6 chega dia 24 ao mercado brasileiro

Com o recente crescimento da Chery nesse período de quarentena, o Arrizo 6 chegará num momento de retomada da economia e do mercado, o que pode lhe favorecer como novidade, ainda mais se tiver preço competitivo.

Já tendo sido mostrado em um vídeo promocional, o Chery Arrizo 6 ainda tem sua mecânica em segredo, sendo mais provável o uso do motor 1.5 Turbo Flex de até 150 cavalos e 19,4 kgfm.

Contudo, como se trata se uma proposta acima do atual sedã da marca, pode ser que a CAOA tenha modificado esse detalhe para dar mais vantagem ao produto que chega.

Chery Arrizo 6 chega dia 24 ao mercado brasileiro

Uma possibilidade é o uso do novo motor 1.5 Turbo de 155 cavalos e 23,5 kgfm usado na China, que aqui poderia se aproximar dos 160 cavalos. O ideal mesmo seria o 1.6 TGDI de 186 cavalos que será usado no Tiggo 8, como já sabemos.

Usando uma transmissão de dupla embreagem com sete marchas, como o SUV, ele poderia fazer uma dobradinha com o Tiggo 8 e sim, impor aos rivais um conjunto motriz e desempenho realmente interessantes, ainda mais se tiver preço bom.

Até agora, a Caoa Chery mostrou apenas detalhes visuais do carro, sem citar qualquer tecnologia que ele terá por aqui, diferente do Tiggo 8, que o mercado conhece até melhor, mesmo com chegada mais adiante. E você, o que aposta no Arrizo 6? 1.5 Turbo Flex atual, um novo ou o 1.6 TGDI igual ao SUV?

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • Claudio

    Para quem já teve um Fiesta Power Shit, como é o meu caso, ao ler “transmissão de dupla embreagem”, eu saio correndo….

    • Nelson Pacheco

      Kkkkkkkkkkkk junta dindin ou só fica olhando mesmo.

    • Sino Weibo

      Não terá esse câmbio, a Chery está substituindo todos os câmbios de seus modelos por um CVT próprio, feito pela WLY.

      • Claudio

        Aí sim.

  • T1000

    deve ser meio frustrante para o pessoal da classe alta de repente ter que se conformar em comprar um carro chinês, ao invés de um europeu premium.

    • MarcosGojira

      De onde vc tirou isso e pq aconteceria?

      • T1000

        Não percebeu que todos os carros estão se aproximando de valores de imóveis? Quem que tem dinheiro para torrar um imóvel num bem que deteriora em poucos anos?

    • Zé Mundico

      Amigo, o “pessoal da classe alta” que você falou não pisa nem na calçada de concessionária de carro chinês.

      • Eduardo 1981

        O pessoal da classe alta nem sabe que o T1000 existe…

      • Nelson Pacheco

        Zé Mundico, vc não tem conhecimento pra falar da classe alta. Comente somente da sua, valeu?

        • Zé Mundico

          Valeu, vá cuidar da sua BMW….rsrsrsrsrs

          • T1000

            e você do seu corolla de segunda mão srrsrs

    • Nelson Pacheco

      A internet pode edificar, mas TB pode produzir bostejos como esse seu. Vale tudo, né?

      • T1000

        bostejo onde?
        este corolla novo, quase não vejo na rua; está vendendo tão pouco como o new new civic; os mini, bmw, as c180 sumiram das ruas; as vejo amontoadas nas lojas de usados.
        Saia da frente do computador e vá andar na rua pra ver a REALIDADE.

  • omaisbanidodona

    Precisa NAO !!!Chega desses esgotos chineses

    • pcastilho2000

      O ano é 2020 e ainda tem IMBECIL com esse pensamento…

      • LL

        Escrevendo do celular feito na china kkkkkkk

      • Lucas Alves

        Esse é aquele típico cliente que compra carro pelo logotipo estampado na frente do carro, o resto não importa!

    • zekinha71

      Mas é feito aqui, igual o chinês Onix.

    • Guilherme Melo

      o Onix é chines e eh o carro mais vendido do Brasil

    • los hermanos

      É o Weintraub??

  • Alguém sabe quanto a CAOA investiu para fabricar esse carro aqui? Quero fazer umas continhas.

    • LL

      Fico me perguntando o mesmo, ele é só montado CKD?

    • Sino Weibo

      Pra comprar a fábrica foram $ 60 milhões. Mais modernização e investimento em produtos. A parte de Anápolis eles usam muito do ferramental que eles já tem da Hyundai. O gasto é infímo se considerar, tanto que eles pensavam em comprar a fabrica da Ford em SBC, e desistiram pq vão só mesmo aproveitar a fábrica de Jacareí, que tem potencial pra se triplicar a produção. Há especulações que pretendem trazer outra chinesa, a Changan, e fazer em conjunto nessa fábrica.

      • Digo somente em relação ao Arrizo 6. Quero estimar quanto tempo a CAOA levaria pra recuperar o que investiu.

        • Sino Weibo

          Pra mim ja recuperou há tempos.

          • Como! Se ela não vendeu nenhuma unidade ainda?

  • Guilherme Gimenes

    bonito eh…os chineses estao acertando a mao no design..agora basta saber manutencao, desvalorizaçao, pos venda, etc etc… e ser mais barato que os concorrentes.. se custar o mesmo..bye bye

  • Caoa Chery Arrizo 6.

  • Alexandre Falseth

    Se vier com o motor 1.6 TGDI, vai sacudir o mercado da mesma forma que o TIGGO 5x fez quando chegou! Muitos CIVIQUEIROS por exemplo, vão ficar meio chateados de levar pau de Arrizo 6! Se a CAOA CHERY vier com esse motor, vai dar o que falar!

  • Ricardo Blume

    Design ele tem e olha que ficou uma boniteza. Vamos ver o conjunto como um todo para tirar conclusões, pois se ele quer brigar com gente graúda, vai ter que ter bala na agulha.

  • LL

    OFF TOPIC: Obviamente o CAOA preferiu gourmetizar a marca, porém fico pensando, não teria valido a pena um QQ elétrico, o maquinário ja existia, a tecnologia tbm, seria bem mais acessivel do que os outros eletricos disponiveis.

    • zekinha71

      Quem compraria um QQ custando mais de 150K, tá bom, pode ser que conseguiriam baixar o preço pra uns 100K, quem compraria?

      • Sino Weibo

        O Chery EQ nunca custaria isso, o Arrizo 5e custa isso. O EQ custaria metade.

        • zekinha71

          Quanto custaria?

          • Sino Weibo

            Baseando nos preços de lá: Chery Arrizo 5e, preço na China: 109.800 – 129.800 yuans ($15.480 – $18.300), aqui 159.900 com o dólar atual. Chery EQ1, 59.800 – 75.800 yuans ($8.430 – $10.690). (ambos com incentivos). Poderiam posicionar por uns 70 mil ou menos, lembro de estimativas na época que assumiram a fábrica, falavam em um EQ elétrico aqui por 50 mil.

        • Ernesto

          Mas você está considerando valor pré-pandemia, não é?

          • Sino Weibo

            Sim, claro. E pré-dólar a 5 pila também. Então realmente nao da pra saber, mas por ae.

    • Sino Weibo

      Eu concordo. Claro que trazer estes modelos e os da marca Exeed é importantíssimo pra demonstrar o atual patamar das chinesas, e que eles podem fazer coisas top, mas eu manteria em linha com um facelift baseado no Onix tanto a linha Celer quanto o QQ, e traria o EQ pra testar, colocando esse motor elétrico em outros modelos da marca, como o Tiggo2.

  • Paulo Lustosa

    Até onde eu sei o conjunto mecânico é o mesmo do Arrizo 5.

    • radiobrasil

      Entao é isso:
      147/150 cv a 5.500 rpm; Torque: 21,4 kgfm a 1.750 rpm – câmbio automático CVT de 9 marchas, tração dianteira. Desempenho de um Toyota 2.0 aspirado

      • Paulo Lustosa

        Tem que ver como ficou o desempenho, no Arrizo 5 sei que ficou bom pra um conjunto com injeção indireta. Mas aí tem que ver se ficou agressivo a calibragem ou não. Achei o carro bem bonito, mas eu não teria por causa do meu tipo de uso que não dá certo com sedan.

  • Rick Wakeman

    Que carro bonito!!!!! Muito bonito mesmo! Pena que é chinês!

    • zekinha71

      Mas ele é brazuca, igual aos concorrentes, agora que a qualidade for ruim a culpa vai ser da CAOA.

      • Rick Wakeman

        Versão brasileira do sedan chinês…ou seja, Dna chinês.

      • Matafuego

        A matéria não diz qual o “nível de produção”. As peças são produzidas aqui ou o carro é só montado aqui? Meu benchmark para saber se um carro é relativamente decente é saber se ele é vendido na Europa Ocidental ou nos EUA. Não me parece ser o caso do Arrizo 6.

        • Sino Weibo

          Nossa, quantos carros brasileiros ou feitos aqui são vendidos nestes locais? 2? 3? kkk

          • Matafuego

            Eu disse que eram muitos? Aliás, meu comentário é sobre qualidade, não sobre quantidade. Mas temos algumas opções sim:
            – VW: Todos, com exceção da família Gol e Fox.
            – GM: Cruze (apesar de ter saído de linha nos EUA), Equinox, S10 (Colorado lá)
            – Ford: Ecosport, Ranger, Edge
            – Honda: Fit, Civic, HR-V, CR-V
            – Toyota: Corolla, RAV4, Prius
            – PSA: praticamente todos
            – Jeep: todos
            – Nissan: Sentra, Kicks, Leaf

            • Sino Weibo

              – Os modelos da VW não são os mesmos, Polo, Virtus, e até Golf (quando tinha) aqui são empobrecidos, ou em outra plataforma ou trocam equipamentos. Se te serve de consolo, o Fox chegou a ser vendido, sim, na Europa,custava 6.999 na França, lembro-me na época, ia completo daqui pra lá, sem o tal “corta dedos” (incrivelmente para os europeus esse problema era solucionado), mesmo assim, encalhou e não vendia nada, era motivo de chacota até em programas (lembra do Top Gear?).
              – Cruze, sim,saiu de linha em vários mercados. S10 e Colorado tem o que em comum?? Pq assim como a Ranger americana, não são o mesmo carro. Equinox é brasileiro? Pq pelo que me consta é importado, por isso é de lá.
              O EcoSport vendido na Europa não é mais o brasileiro, e sim o indiano. Ranger, mesmo caso da Colorado. Edge, outro importado (estamos falando de carros brasileiros ou feitos/montados aqui não?)
              Honda: único caso, mas cobra mais por isso, mas CR-V é importado.
              Toyota: mesmo caso da Honda, RAV4 e Prius são importados.
              Jeep só faz aqui Renegade e Compass, mas não é usado em todo lugar os motores Fiat, como aqui.

              Nissan só faz aqui o Kicks, e o motor de enceradeira dele é praticamente só usado aqui tb.

              • Matafuego

                Eu não disse que ser importado era critério de exclusão, minha preocupação é o carro ser vendido em mercados maduros. E nada do que vc me falou desabona os carros que citei. Jamais deixaria de comprar um Polo (como exemplo, sou indiferente à marca) para comprar um xing-ling.

                • Sino Weibo

                  Eu só demonstrei que o fato do modelo ter o mesmo nome de um vendido em mercados maduros, não quer dizer nada em relação a sua qualidade, um ex. é o Peugeot 207, embora com mesmo nome do europeu, o nosso era um remendo e inclusive nem tinha barras laterais, tirando 0 no crash-test. O Golf também por muito tempo no Brasil era defasado, mesmo se chamando Golf. O que vc tem de analisar é o carro em si, a meu ver, agora, claro, se seu critério é ser vendido em mercados maduros de forma idêntica a que é aqui, é melhor então vc comprar importados de lá.

                  • Matafuego

                    Eu também não disse sobre modelos de mesmo nome, mas sim de projetos que eram vendidos em mercados maduros. Eu sequer citei o 207, que era um 206 com facelift profundo!

                    O Golf inicialmente foi importando da Alemanha e não tinha diferença alguma na construção. Depois que começou a ser importado do México, veio com a mesma qualidade que era oferecida nos EUA. Quando começou a ser fabricado no Brasil perdeu um pouco da qualidade, mas era no acabamento e em alguns itens de coveniência. Mas ainda era um Golf, usava a mesma plataforma MQB.

                    Onde o Arrizo 6 é vendido mesmo? Em nenhum mercado maduro existe presença significativa de montadoras chinesas. A Chevrolet, mesmo não sendo chinesa, não quis inserir o novo Tracker (um projeto puramente chinês) no mercado americano, preferiu dar um tapa no visual do Tracker atual e mantê-lo no mercado. Se Onix e (novo) Tracker não são bons o suficiente para o mercado americano, por que eu os compraria?

                    • Sino Weibo

                      Eu estava falando do Golf anterior, que era feito aqui. Enquanto lá fora tiveram as versões do Golf 5 e 6, aqui eles fizeram um facelift no Golf 4, e mantiveram ele por um bom tempo, que chamavam aqui de Gofl 4,5, até a vinda deste que vc citou, importado em 2012.
                      Eu queria saber porque o Arrizo 6 ou outro modelo qualquer não ser vendido nos EUA, seja de marca chinesa, europeia ou japonesa, falaria contra ele. Por ex. não existe Fiat, Peugeot, Citroen e nem Renault nos Eua, e por isso é ruim? Não. Tem várias marcas japonesas fora da Europa, pois vendem pouco, é ruim por isso? Não. O critério de ser vendido no EUA e Europa exatamente IGUAL ao modelo vendido aqui serve sim pra algumas pessoas, mas tem de ser abonado, pois praticamente só carros acima de 100 mil aqui são assim. Se vc tem essa bala na agulha, parabéns!

                    • Matafuego

                      Carro chinês não se sustenta em mercado maduro pq não tem qualidade. Fiat já foi vendida nos EUA no passado e virou acrônimo de “Fix It Again, Tony” – e só voltou em 2009 com a aquisição da Chrysler, vendendo o 500 que é um carro de nicho. Convenhamos, Fiat não é referência, visto que só é forte na Itália e no Brasil.

                      Citroën já foi vendida nos EUA e saiu em 1974 pq o modelo SM não atendia os requisitos de altura mínima do solo (lombadas) da NHTSA – parece ridículo, mas é verdade. Desde então, não voltou mais.

                      Peugeot já foi vendida nos EUA, saiu na década de 90 e pretende voltar em 2023.

                      “O critério de ser vendido no EUA e Europa exatamente IGUAL ao modelo vendido aqui” -> eu não disse isso, é só voltar nas mensagens para confirmar. O Golf vendido nos EUA, na Europa e no Brasil não eram exatamente iguais, mas a origem do projeto era a mesma. O próximo 208 a ser vendido aqui não é exatamente o mesmo vendido na Europa, mas a origem do projeto é a mesma (eu não deixaria de comprar o 208 no Brasil só pq ele não tem freio de estacionamento elétrico).

                      O Arrizo 6 não é vendido nos EUA pq não tem qualidade para tal. O mercado dos EUA é aberto, é só a montadora ter interesse em ir para lá. O Arrizo 6 só é exportado para o Oriente Médio e para a América Latina – ou seja, mercados marginais.

                    • Sino Weibo

                      Aahha na verdade existem sim marcas chinesas vendendo nos EUA. Existem marcas em varias áreas, por ex a BYD vende nos EUA. Existem marcas de elétricos chinesas desembarcando ja nos EUA e europa. Não tem nada a ver com qualidade. Vc fala como se fosse fácil montar uma operação de venda, ainda mais em países complexos como os EUA. Pois não sei se sabe a Chery ja tem um plano e um parceiro pra vender nos EUA. Se chama HAAS, pode pesquisar ae, e a marca se chamará Vantas. Eles ja tinham acordo com 80 concessionários, antes da pandemia. A GAC e outra empresa que ja se apresentou em Detroit alumas vezes e pretende entrar nos EUA. Os chineses hoje lideram a tecnologia mundial de elétricos e 5g, é nesse nicho que estão atuando, tanto que a marca Aiways acabou de enviar modelos pra Europa. A GWM ja tem fabrica na Russia e vai vender também em alguns paises europeus modelos elétricos e terá ate fabrica na Alemanha. 3 empresas de baterias chinesas anunciaram fabrica na Europa, sendo uma delas a CATL, que fornece para varias empresas, inclusive a Tesla. A NIO é outra que prepara sua chegada nos EUA e na europa. Existe uma questão logística bem complexa nessa equação, que estão procurando resolver. Mas logo vc terá noticias sim, de marcas chinesas bem sucedidas nos paises de 1° mundo. O triste é que quando isso ocorrer, adeus custo beneficio aqui, vao ter de pagar o mesmo que nas “mainstream”. Mas ae é outra história pra outra conversa. Compra agora quem quer.

                    • Matafuego

                      Uma coisa é estar disponível para venda outra coisa é vender efetivamente. A Tesla, que vende apenas carros elétricos conseguiu pouco mais de 1% de market share nos EUA em 2019. Sugiro vc fazer uma pesquisa e ver se encontra alguma marca chinesa com market share significativo nos EUA. Já adianto que não vai achar.

                      Você falou bastante em “planos” e “no futuro”. No futuro eu tb tenho planos de ganhar na mega sena, se vou conseguir é outra história.

                    • Sino Weibo

                      Pois é e a Tesla com 1% de mkt share é mais valiosa que GM, VW e Ford juntas. Nem tudo é vender muito ou estar em todos os mercados ao mesmo tempo. A maioria das marcas que citei antes por ex., a despeito de ter bons produtos lá fora e vender em grandes mercados, só lança porcarias superfaturadas aqui, e o povo baba ovo pq é alemão, italiano, francês, americano e blah blah blah, agora se uma chinesa lançar algo moderno e bem acabado, como os novos Tiggo 8 e Arrizo 6, ae vem com esse papo, pq é chinês não quero, é xing ling, é porcaria, é cópia, não vende no 1º mundo hehe Por isso o brasileiro tem esse mercado que é um dos piores do mundo, por culpa dele próprio.

                    • Matafuego

                      Nem tudo é vender muito? As montadoras estão se fundindo para reduzir custo no desenvolvimento de produtos e vender mais a partir disso e vc diz que vender não é tudo? A Tesla até hoje não dá lucro! Até quando o Elon Musk vai continuar pegando dinheiro emprestado sem dar retorno? Uma hora a farra vai acabar: ou a Tesla dá lucro ou vai parar nas mãos dos credores.

                      O mercado brasileiro é ruim por causa do cartel das montadoras, que são protegidas há décadas pelo governo – isso já foi discutido a exaustão aqui no NA e não tem nada a ver com babação de ovo por nacionalidade da marca X ou Y.

                    • Sino Weibo

                      Primeiro que as marcas se fundirem é uma questão de redução de custos, para ter mais lucros! Tanto é que várias marcas agora estão usando de suas parceiras chinesas no desenvolvimento de plataformas e até em rebadges, exatamente pq os chineses oferecem isso. E principalmente no caso de desenvolvimento de elétricos e outras tecnologias, por isso mesmo que a VW assumiu a JAC. Segundo, vc está enganado, a Tesla já deu lucro. Pergunta para os credores pq injetam grana nas empresas do kra, será pq ele conseguiu colocar pessoas no espaço depois de anos de programa espacial americano? Ou será pq ele conseguiu popularizar o carro elétrico, em vários mercados, mesmo sendo uma marca nova e de nicho? Pq será que ele teve bilhões pra fábrica em Xangai, e agora na Alemanha, e já anunciou a do Texas que vai custar mais de 1 bi? Quer ensinar o beaba pra ele?

                    • Matafuego

                      Alguns segundos de pesquisa no Google é suficiente para saber que a Tesla não dá lucro. Continue defendendo suas marcas xing-ling. Já gastei tempo demais discutindo com fanático.

                    • Sino Weibo

                      Sim, eu pesquisei Tesla – lucro e a primeira matéria, do canaltech: Tesla surpreende e tem lucro líquido de US$ 143 milhões no terceiro trimestre. Vai brigar com eles.

                    • Matafuego

                      Terceiro trimestre de qual ano? Em 2020 só fechamos o primeiro trimestre. Um trimestre de lucro frente a 10 anos de prejuízos, US$ 12 bi em dívidas. Não adianta discutir com fanático.

                    • Sino Weibo

                      A fortuna do kra ultrapassa os US$40 bi. Se 12 bi fosse problema pra ele, já teria pago.

                    • Matafuego

                      A “fortuna” do Musk inclui ações da própria Tesla (34 milhões de ações), o que representa hoje US$ 33,9 bi – não é dinheiro vivo. Pagar credores com ações é parte de um processo de falência.

                      Vai descansar, fanático.

                    • Sino Weibo

                      Nossa ele está tão preocupado com o que um brasileiro que deve ter 0,0000000000000001% da fortuna dele pensa! Coitado, ele deve ta descabelando agora inaugurando suas fábricas pelo mundo e com seus credores, que peninha. Os chineses devem ta agora chorando também, pq alguns brazukas os odeiam e não gostam de seus projetos. Nossa, que tristeza deve ser lá!

                    • Sino Weibo

                      O cartel das montadoras existe pq o consumidor é conivente, óbvio. Se o consumidor fosse exigente, existiria? Não. Quando da criação do Inovar Auto, que atrapalhou a vinda de várias marcas chinesas que estavam pra desembarcar aqui, e também das coreanas Hyundai e Kia, e inclusive as importações nas marcas mainstream, vc viu uma palavra da imprensa contra? Vc ouviu de algum amigo seu ou conhecido algum protesto? A maioria foi até a favor pois a desculpa era “proteger empregos”. Protegeu? Não. Mas os preços aumentaram a partir de então. É óbvio que é babação de ovo. Vc acha que com as criticas construtitvas que vcs fazem aos chineses, alguma marca chinesa tem vontade de vir pra cá? Poucas se aventuram, sabem como é o ambiente hostil. A JAC se mantém por causa do grupo SHC e a Chery pq a CAOA comprou a operação. Depois falam que querem concorrência???

                    • Sino Weibo

                      Se a intenção fosse msm vender muito a VW iria entregar a Amarok pra Ford fazer na Africa do Sul, e praticamente invibializar a venda desta no Brasil, um dos maiores mercados mundiais da pick-up? kkkkk vc ta muto por fora kra, da realidade do mercado. O negócio deles é só lucrar, morrem de inveja da Tesla pq, a despeito das criticas, a empresa já começa a virar uma Apple automotiva.

    • Paulo Lustosa

      É nacional.

      • Rick Wakeman

        Versão brasileira do sedã chinês…ou seja, Dna chinês….

        • Paulo Lustosa

          O que não é demérito para o carro, já que o carro vai vir num bom pacote de equipamento e provavelmente preço de Virtus Highline/Onix Plus Premier/Cronos HGT pra encarar sedan médio e com mecânica que se provou competente no Arrizo 5.

          • Rick Wakeman

            Sim, mas ainda assim tem dna chines, desvalorização de chines, etc…to fora..existem concorrentes com mais confiança e valor de mercado.

            • Paulo Lustosa

              Se quer evitar desvalorização, vai de Corolla.

              • Rick Wakeman

                Com certeza. Mil vezes um Corolla. Confiável, bom de revenda, de assistência. Se eu fosse comprar um carro desse preço, não me aventuraria num modelo novo desses aí …

                • Sino Weibo

                  A questão é essa, no valor de um Arrizo 6, se conseguir um Corolla, vai ser o basicão com relógio kkk O Corolla há muito já ficou caro demais, como os outros que foram morrendo no caminho. É óbvio que o trunfo desse Arrizo 6, como outros modelos da Chery, é o custo-benefício. Assim como a CAOA fez com a Hyundai. Nem todas as pessoas querem um carro pelado apenas pq desvaloriza menos, e tem condições de pagar 20, 30 mil a mais por uma versão mais requintada do carro (no caso do Corolla a versão de 120 mil, mais vendida). Este tipo de consumidor que é o foco que produtos como esse procuram.

                  • Rick Wakeman

                    O cara que tem grana prefere pagar 120 num Corolla do que 100 num Cherry. Tanto é que esse arizo vende pouco e corola vende muito. Quem tem grana não joga fora. Custo benefício pode ser melhor na compra, mas vc fica com um produto menos líquido, pouca rede de assistência, pós vendas ainda duvidoso, etc …

                    • Sino Weibo

                      Vc falou bem, o “cara que tem grana..”, quantas pessoas estão com grana nessa época de pandemia. E depois, com a crise política e econômica que estamos? Na verdade até me admira a CAOA manter estes investimentos, pq normalmente iria postergar ou até suspender.

            • Sino Weibo

              Qual é essa desvalorização de chines?? Me fala um modelo chines novo destes hiper desvalorizado, que quero comprar.

              • Rick Wakeman

                JAC j2, j3, por ex, foram descontinuados. O dono de repente aceita uma bicicleta em troca.

                Claro que tô exagerando,mas imagina um carro chinês usado? Sem estar mais em linha? Tem peças? Difícil….

                Não sabemos se essas empresas continuarão no Brasil. Vw, GM, Fiat, Ford tem tradição, já estão no Brasil há muito tempo. Toyota, Honda, etc…essas novas não sabemos. Estão entrando no mercado. É um risco. Um investimento alto num produto que vc não sabe se vai ter continuidade.

                Vc pede pra eu citar um modelo chinês novo desvalorizado. Como está novo, recém lançado, não tem como dizer isso né. Mas daqui a uns 3 anos, pode ter sido uma fria compra uma carro desses. Se eu fosse comprar um carro dessa faixa de preço, não compraria um modelos desses. Iria num modelo de uma marca tradicional. Daqui a 3 anos quem sabe?

                • Sino Weibo

                  No caso da JAC até concordo, mas é o risco de se ter importado. Mas é exagero seu, os modelos podem não ter alta procura e valor de revenda, mas não são tão desvalorizados, eu sei pq já procurei pra comprar e não consegui negociar um J2. Mas estamos falando de modelos novos… Os que vc citou além de nem serem mais vendidos, não tem nada a ver com esse novo momento, e muito menos com a CAOA Chery, que é brasileira (tudo feito no Brasil). A Chery está no Brasil desde 2009. Não esta “entrando no mercado”. Apenas estava sendo reestruturada pelo grupo CAOA.

                  Eu digo citar modelo novo desta nova leva, tem gente aqui que diz que modelos chineses com 3 anos já vale 50% só. Eu já pesquisei vários de 2017 pra cá, como o Tiggo 2, e não vi isso. Talvez vcs saibam de algum pra indicar.

                  • Rick Wakeman

                    Cara, isso é mercado. É bom senso que isso acontece. Pra concluir essa discussão e deixa vc sem graça, seguem valores de dois modelos na tabela FIPE.:

                    Honda Fix Lx auto 0km: 72763
                    Honda Fix Lx auto 2019: 63033 -> desvalorização de 15%

                    Tiggo 2 act 1,5 auto 0km: 72332
                    Tiggo 2 act 1,5 auto 2019: 58300 -> desvalorização de 24%

                    Vai continuar teimando?

                    • Sino Weibo

                      Em nenhum momento eu disse que chineses não desvalorizam, e no caso do mercado brasileiro, mais que japoneses e outros. Isso é fato, até pq são newcomers. Vc comparou uma marca mainstream com alto prestígio no mercado, que faz inclusive as pessoas pagarem preços altíssimos em seus carros muitas vezes sem nada, com uma marca newcomer chinesa que tem 10 anos de mercado local e nem 30 mundial. É óbvio que o chinês perde mais, se vc comparasse esse Honda com qualquer outro modelo francês, ou da Fiat, GM, VW até, daria no mesmo. Japoneses no Brasil tem essa fama. Mas eu só sempre deixo claro que a desvalorização não é absurda assim como falam, a ponto de ser 50% do valor do carro em 3 anos. E olha que já ouvi isso várias vzs, da boca não de um, mas de várias pessoas, e sempre desafio a pessoa a me mostra um modelo, pois eu tenho interesse, e nunca conseguiram.

                    • Rick Wakeman

                      Podendomoarar com QQ outra marca que a diferença é grande. Fiat, VW, etc . E isso é fipe. Na real, a desvalorização é maior. A maioria ainda torce o nariz pra essa marca. Ela terá que trabalhar bem isso, oferecer recompra pela Fipe, ampliar a rede, ter um bom pos venda, não descontinuar modelos, e valorizar sua própria marca. Essas montadoras não valorizam nem suas marcas. Tá arriscado uma css de outra montadora pagar mais pelo usado do que ela própria. Um colega meu tentou vender o QQ na própria casa da marca e ela ofereceu menos que uma css Fiat. Assim , elas nunca vão conquistar clientes

                    • Sino Weibo

                      Manda um currículo pra CAOA, quem sabe eles te contratam pra chefe do departamento de MKT. Ae vc da sua opinião. Uma coisa que vcs não entendem é que nenhuma marca começa por cima. Eu entendo sua desconfiança, e também não é meu intuito aqui obrigar ninguém a comprar nada. O dinheiro é de cada um. O QQ foi no passado da marca, já está enterrado, e como outro fala aqui, que vendeu um na loja dele que segundo ele tava 32 novo na Fipe (deve ter sido a última versão, ano passado), o que ele tinha tava 14 e ele vendeu por 11 chorado, sendo que pegou por menos. Eu entendo isso, pq o QQ foi um modelo lançado inicialmente importado por 19.990, e depois teve produção nacional por pouco tempo e foi descontinuado. Eu também não concordei com isso, mas foi uma escolha da CAOA, focar em SUVs, sedans maiores e crossovers. Por mim deviam ter mantido a linha Celer, com facelift baseado no Onix, e o QQ como carrinho de entrada. Hoje acredito já colheriam os frutos. E na China existe a versão elétrica, EQ. Poderiam já ter trazido. Veja são várias coisas, mas estou gostando dos lançamentos, gostei dos novos Tiggos e também desse Arrizo 6 e do Tiggo 8. E são, sim, opções de compra pra mim, e serão pra algumas pessoas.

                    • Rick Wakeman

                      Do carro eu gostei TB, mas não vou arriscar meu dinheiro num produto desses. Existem várias opções pra que vou me arriscar? Quem comprou um celler ou QQ hoje nao conseguem trocar nem por uma bicicleta. Vou aguardar essas empresas fazerem a parte delas, dar uma boa rede de assistência, bons pós vendas, valorizar seus carros, etc. Aí sim , penso em comprar um daqui a uns 5 anos.

                    • Sino Weibo

                      Existem opções? Quais? kkk o segmento praticamente morreu. Cruze saiu de linha mundialmente, Jetta, Corolla e Civic carissimos, preço de sedan grande, Sentra não virá mais, Cerato? Ruim, C4? No mais, não tem. As opções que vc tem são Virtus, City, Cronos etc.. que não concorrem com ele.

                    • Rick Wakeman

                      De novo…veja na Fipe um argo hgt zero tá 69. Um 2019 tá 59. Desvalorização bem menor que o tigo 2 e similar ao Honda. Não é possível que insista nisso….

                    • Sino Weibo

                      Eu respeito sua opinião amigo, se vc quer ser eterno refém destas montadoras, se gosta do jeito que elas tratam os brasileiros, se não gosta de novidade, se tem preconceito com marcas novas, newcomers, se prefere um mercado fechado com poucos players atuando, é uma opinião tua. O mercado não pode se basear no que vc acha, e acredite, tem consumidor pra isso, senão ninguém investiria no Brasil, a CAOA não iria colocar grana e tempo e sua imagem pra se associar à chinesa à toa.

                    • Rick Wakeman

                      Não sou refém de nada ..tem várias montadoras já estabelecidas no país e com bons serviços. Mas não confio ainda nos chineses. Lançaram modelos mais populares, como QQ e celer, e o que aconteceu? Prejuízo para os compradores. Empresa que não se preocupa com o consumidor pra mim não tem valor. Eu ignoro. Até elas provarem que querem fidelizar o cliente, o que ainda não aconteceu.

                    • Sino Weibo

                      Na verdade QQ e Celer continuam em linha em vários países, normalmente. Quem escolheu tirá-los de linha no Brasil foi a CAOA, empresa brasileira que comprou a Chery do Brasil. Reclame com eles.

                    • Sino Weibo

                      Agora em relação a comparação entre um Fit e o Tiggo 2, o que leva uma pessoa a um e não ao outro vão ser várias razões, uma delas é a desvalorização, claro, muita gente leva isso em conta. Mas outras não, vão levar em conta o modelo, se agrada, se acha adequado, os itens de série e opcionais oferecidos no mesmo valor, se tiver. Ae que os chineses podem se destacar, se quiserem, pois os carros brasileiros há muito são defasados e geralmente pelados e ruins, custando absurdamente caro. Mas vamos ver como o mercado irá evoluir.

                    • Rick Wakeman

                      Eles oferecem mais pelo mesmo preço pra compensar a falta de confiança ainda do mercado, rede de assistência menor, etc. Se ampliar no futuro, tudo bem, mas ainda é um risco.

                    • Sino Weibo

                      Sim toda compra é um risco mas não foi assim com a Hyundai? Em quanto tempo ela se consolidou e hoje, a despeito de estar no Brasil há menos de 20 anos (tentou os anos 90, mas fracassou, sofria do mesmo dos chineses no início), emplacou seu modelo HB20 como 2º mais vendido. É tudo gradual. O investimento tem de ser sólido, e me parece que é o caso da CAOA Chery. Mas eu torço pra que mais chinesas venham, não entendo a mentalidade do brasileiro que só quer 3, 4 marcas dominando. Até aqui nos nossos vizinhos é cheio de montadoras, no Chile só de chinesas tem 22, deve ter mais de 100, é um país minúsculo com população do RJ, veja a diferença de opções. Porque o mercado deve ser fechado com poucos players? Só por questão de confiabilidade? Mas pra alguns carros é um mero bem de consumo igual celular e trocam a cada 2, 3 anos. Eu por ex .tenho celular chinês já, e estou muito satisfeito. E meu próximo será outro chinês. Em carros idem. Cada consumidor age de um jeito mas a gente deveria ter pelo menos opção de compra, e nem isso vcs deixam ter, malhando qualquer competidor que chega. Não dá pra entender o brasileiro. Depois reclamam dos preços altos. Ora, se tem pouca concorrência, óbvio que foram um cartel e controlam os preços, pra cima sempre.

                    • Rick Wakeman

                      Primeiro que Chile não tem montadoras. É tudo importado. Segundo, ninguém é contra ter mais opções. Já temos várias, e quanto mais melhor. A questão é que as chunesas tem que fazer como a Hyundai, que lançou o HB20 e está com ele até hoje, fez uma boa imagem, bons serviços, etc. Ainda não confio. E nem o mercado confia, basta ver a desvalorização dos chineses. Quem quiser se arriscar, o dinheiro é de cada um.

                    • Sino Weibo

                      Já temos várias? kkk não vejo isso, as poucas que tem aqui cobram preços abusivos. Sabe quantas montadoras vendem atualmente na China ou nos Eua? Vc iria se surpreender em descobrir.

                    • Sino Weibo

                      Hyundai lançou HB20 depois de se consolidar com SUVs grandes como Tucson, Santa Fé, o médio i30 e sedans Azera, Sonata e Elantra. Depois de fazer um nome com estes modelos é que veio HB20 e foi sucesso, a ponto de pessoas chamarem ele de hatch premium, pq a Hyundai adquiriu essa fama. Se uma montadora não mostra que consegue fazer carros luxuosos e top de linha, ninguém da moral pra ela, pode lançar o que for de barato. Ninguem liga. Lembra da época de Hyundai com Excel, Accent, Atos Prime? Vendia nada era chacota por aqui.

  • Piston head

    Que carro bonito e bem acertado. Faltou só as rodas pratas. Vou abrir uma petição para voltarem com as rodas prateadas, hoje em dia é só roda preta e diamantada, raras exceções.

  • Sino Weibo

    Ele vai usar o CVT da WLY transmission, a empresa chinesa que desenvolveu esse novo CVT usado no Arrizo 5 de 9 marchas simuladas. A Chery está trocando todo os câmbios de seus modelos, inclusive SUVs, por este.

  • PAULO ROBERTO DOS SANTOS

    Carros chineses sendo vendidos por valores estratosféricos , só mesmo no brasil

    • Henrique Gouveia

      Tá falando do Onix?

      • PAULO ROBERTO DOS SANTOS

        De todos os chineses, não importa a marca

        • Henrique Gouveia

          Volvo então não vale a pena também?

  • G. de F.

    “Arrizo 6 chegará num momento de retomada da economia e do mercado”,

    É sério essa afirmação, ou é da assessoria de imprensa da marca? Falar, hoje, em retomada da economia, com os números revelados a cada dia numa queda assombrosa, soa, no máximo, como um exercício de futurologia ou chutômetro mesmo!

    E indo mais além, comprar um carro chinês da Cherry, que anuncia lançamento “inédito” aqui, e depois de 6 meses, tem facelift anunciado lá no mercado chinês, e cuja representação pertence a CAOA, é preciso bastante coragem…

    • Sino Weibo

      Como se os brasileiros se importassem/pesquisassem o que é lançado no mercado chinês. A maioria dos modelos, inclusive feitos aqui nas marcas mainstream, lá na China são diferentes. O que uma coisa tem a ver com a outra?

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por 15 anos. Saiba mais.

Notícias por email