*Destaque Chery Crossovers

Chery Tiggo 2 começa a ser produzido em pré-série em Jacareí, segundo site

chery-tiggo-2-chile-19 Chery Tiggo 2 começa a ser produzido em pré-série em Jacareí, segundo site

O Chery Tiggo 2 já está com lançamento bem atrasado no nosso mercado brasileiro. Apresentado no último Salão de São Paulo de 2016, o novo crossover compacto chinês ainda é produzido em pré-série na planta da marca em Jacareí (SP).



Ou seja, a chegada do Chery Tiggo 2 às concessionárias deve acontecer somente no segundo semestre, contrariando as previsões da marca para o primeiro semestre deste ano de 2017. Além da versão nacional do Chery Tiggo 2, a planta de Jacareí é responsável pela montagem do hatch subcompacto Chery New QQ, que é o carro mais barato do Brasil.

Fora esses dois, o compacto Chery Celer também é fabricado por lá, embora esteja fora da linha de produção por tempo indeterminado devido ao volume de estoque elevado que não está vendendo com muita facilidade.

O novo Chery Tiggo 2 para o mercado nacional deverá usar o mesmo motor do Chery Celer, um 1.5 flex que rende até 113 cavalos de potência e 15,3 kgfm de torque, com transmissão manual de cinco marchas.

Quanto às medidas, o carro tem 4,20 metros de comprimento, 1,76 metro de largura e 1,57 metro de altura; com entre-eixos de 2,55 metros. Pelo menos por enquanto, ainda não há detalhes a respeito da lista de equipamentos e preços do Chery Tiggo 2 para o Brasil.

chery-tiggo-2-chile-4 Chery Tiggo 2 começa a ser produzido em pré-série em Jacareí, segundo site

[Fonte: Automotive Business]

chery-tiggo-2-chile-10 Chery Tiggo 2 começa a ser produzido em pré-série em Jacareí, segundo site

  • Alexandre

    É impressão minha ou roubaram o farol traseiro do Ford Ka Sedan?!

    • Gabriel Loio

      Ford Ka? Parece a traseira do Renault Kwid kkkkk

      • Alexandre

        Farol amigo, farolll…

    • Triton

      Não. Nada mais é que a lanterna do Celer, com elementos internos redesenhados. Lembrando que o Celer (Fulwin II, na China) é bem anterior ao Ford Ka.

  • Junior PG2 Oceânico

    Merece um motor 1.8 e câmbio CVT. Aí eu compro.

    • Bryan Silva

      O 2.0 turbo de 195cv que rola na China.

    • Wellington Myph13

      O carro tem tamanho de Sandero, pra que 1.8? Até porque, estes 1.8 deles rendem tanto quanto os 1.6 novos do mercado e consomem muito mais… vide Lifan X60 com aquele 1.8 de 16kgfm de torque…

      • Edson Fernandes

        Porque esse 1.5 que equipa o Celer dizem ser beberrão e andar apenas razoavelmente.

        • Wellington Myph13

          Concordo, mas ai já acho que deviam é melhorar o 1.5 do que colocar 1.8… O 1.8 vai responder igual 1.6 e beber igual 2.0… Um crime não compensa o outro.
          O J3 com o 1.5 Flex é bom de desempenho e até que econômico na casa dos 1.6 8v mais antigos… Algo mais aceitável… Já o 1.5 do Celer é fraco e bebe mais ainda, é cruel mesmo…

          • Edson Fernandes

            Penso eu que falta autonomia para mudanças. Como o motor é cedido por alguem que produz e não é proprio da fabricante, eles simplesmente ajustam os parametros de relação de marchas e tal para o carro, mas deixam o motor intacto.É aí que vejo o problema.

            Pra mim, a Chery do Brasil deveria ter mais autonomia para mudanças

            ao gosto local. Só que Chines nesse aspecto é fogo, eles para isso não são flexiveis.

            • Os motores da Chery são produzidos no Brasil, na fábrica da Chery Acteco com peças brasileiras e podem ser modernizados, tal qual fizeram com o 1.0 3cc, adotando VVT e flexibilização, ambas melhorias inexistentes na China.
              A Chery e a JAC são proprietárias da fabricante austriaca AVL, que desenvolve os motores de ambas e dividiram a empresa em JAC AVL e Chery Acteco, com diferenças no desenvolvimento de tecnologia entre elas, mas compartilhamento de projetos base.

              • Edson Fernandes

                Puxa interessante, mas porque geralmente os carros tem uma relação de marchas longas que não propicia uma certa agilidade na cidade? E nesse caso o alongamento de marchas é ruim: A pessoa estica mais uma marcha (ou se mantém mais tempo nela em rotação alta) do que tocar a marcha seguinte e conseguir realizar a mesma intenção de aceleração com mais economia.

                • Parece que os engenheiros daqui não eram conhecedores do gosto brasileiro, onde a preferência se faz pelas relações de marcha mais curtas, com consequente menor rotação do motor. Câmbio alongado é preferência chinesa, pois eles não gostam de passar marchas. O Celer 1.5, se operado em maiores rotações, conforme a calibração, é mais econômico do que a operação em baixa, pois a injeção é configurada para distribuir menos combustível em alta, e mais na baixa (para gerar força para crescer a rotação).
                  Acredito que com o Tiggo 2, a engenharia local faça alguns ajustes, como fez com o 1.0 do QQ.

                  • Edson Fernandes

                    Curioso. Pois andar em alto giro pra mim é curioso que seja mais economico que em baixa. E olha que a reclamação de donos é que se precisa manter em alto giro e por isso tem alto consumo.

  • Eduardo

    Celer de tamancos.

    • rodrigosr

      fiquei com essa impressão… é uma versão Cross/WRV do Celer?
      Parece o mesmo carro com parachoques diferentes e pneus maiores.

      • Eduardo

        É isso mesmo, usa a base do Celer como o WR-V usa o Fit como base.
        Mais um para ficar no pátio e depois eles param de produzir pois não vende, como ocorreu com o Celer.

        • Lembrando que esse WR-V também é bizarro que você começa a ver o FIT, é assustador.

        • Gran RS 78

          Vou corrigir vc, o WRV é um Fit com visual aventureiro de péssimo gosto. O HRV é que deriva da mesma plataforma do Honda Fit.

      • Ubiratã Muniz Silva

        exatamente! é um CrossCeler. Nada mais.

        Mas o interior foi renovado, pelo menos. Fora alguns itens que os Chery deviam , como som com bluetooth e comandos no volante. Mecânica por enquanto deve continuar o mesmo motor ACTECO 1.5 e câmbio manual. O CVT deve vir num segundo momento.

  • Andre Maruska

    Bonito mas o que me deixa puto com a Chery é eles terem coisas muito melhores na China para trazer e comecar a produzir aqui e ficam com essas coisas de baixo custo aqui. Tras logo o Tiggo 7 entre outros otimos carros. Ai sim vao usar a fabrica para produzir 150k carro/ano.

    • Matuska

      Deve ser mais prático trazer o Tiggo 2 que usa a plataforma do Celer que já eh fabricado. O custo de adaptação da planta fica menor. Já não vende aqui, imagina tendo que renovar toda a planta para produzir um novo modelo que talvez nao venda aqui. Fica difícil.

  • Vinícius

    É o primeiro carro bonito que a Chery fará aqui no Brasil, mas está muito lenta! Pelo amor…

    • Louis

      Eu acho o atual Celer bem bonito.

  • Bryan Silva

    Poderia ter trazido o 2.0 Turbo que está na China, moderno, leve e eficiente.

    • No Tiggo 2 (tem 200 variações de Tiggo…) me parece muito, não? O 2 é um “W-RV” chinês em tamanho.

    • Zé Mundico

      2.0 numa coisinha dessa?

      • Bryan Silva

        Pois é. A Ford colocou o 2.0 de 178 pangarés na Ecosport, por que não pode colocar um 2.0T de 195cv no Tiggo?

        • Edson Fernandes

          Porque ela não colocou num Fiesta ou Ka de tamanco. Que seriam os carros citados.

          Além do que, com turbo, sem duvida seria um motor e tanto para um Celer alto.

  • Eu acho esse carro bem interessante. Se tiver um preço condizente (normalmente os Chery têm), e finalmente começar a fazer marketing do carro, tem boas chances de dar certo.
    Apesar das polêmicas, talvez teria sido uma boa pra Chery se associar à CAOA.

    • Gran RS 78

      Sem cambio automático nesse segmento não vai vender quase nada. Parece que a marca insiste nos erros.

      • Matuska

        O CVT deve chegar depois.

    • Foi a matriz coreana da Hyundai que inviabilizou que a Chery fosse para o controle da CAOA, com a renovação ampliada do contrato de importação e liberação para fabricar o New Tucson por aqui.

  • EDU

    Sera que o Arrizo 5 vem ? Show de bola aquele sedan

  • Lucas086

    Bonito viu, primeiro chinês que acho bonito, se tiver preço pode até vender algo, mas querer disputar com hb20x, ai vai dançar. Tinha que vim por uns 50 mil, desse jeitinho.

  • Acho legal que a Chery está começando a ter personalidade própria em seus veículos. Está mais “bem resolvida”. Quem sabe daqui um tempo acabe com essa má fama de que marca chinesa é ruim.
    É como Hyundai, no passado ninguém queria ter um carro coreano. Hoje em dia o povo compra pra fazer inveja no vizinho.

    • Sabe quando os chineses vão conseguir isso aqui no Brasil? Quando modelos chineses fizerem sucesso nos Eua ou Europa, ae o brasileiro vai passar a babar ovo de produto chinês.

    • Jeferson Neu

      E pensar que a fábrica da Hyundai era pra ser em Jacareí. Porém, Jacareí perdeu a fábrica do HB20 para Piracicaba aos 47 do segundo tempo, já que o prefeito na época (posteriormente teve mandato como deputado estadual), prometeu muitos benefícios para os coreanos, mas sem criar uma lei de incentivos fiscais para tal. Assim, não teria como cumprir com o que ofereceu, retirando muito do que prometeu. Aí o pessoal desistiu de Jacareí e optou por Piracicaba. Pra se ter ideia, a mesma área onde hoje fica a fábrica da Chery, foi oferecida para os coreanos.

  • Franco da Silva

    O carro parece ter qualidades. Mas, vai depender do preço (que provavelmente será bom) e da rede de lojas (que provavelmente continuará fraca).

  • ObservadorCWB

    Alguém conhece quem usa os carros ? Não conheço ninguém, mas na Internet não costumam reclamar. É curiosidade sincera de saber como é pós venda e comportamento do carro ao longo do tempo.

  • Ramon Villar

    A principio parece um carrinho interessante…mas sem CVT é retrocesso … que marketing ruim desa Chery… Não conhecem o mercado…

    • Louis

      Pior que, quando lançarem o CVT, o produto pode já ter se queimado no mercado…

  • Uranium

    Sem CVT, não acho que vá fazer o sucesso que a Chery espera. Estão demorando muito para analisar e entender o nosso mercado…

  • zekinha71

    O primeiro parágrafo está um lixo, se hj é 13/07, lógico que esse carro só será lançado no 2º semestre.
    E logo vai fazer um ano que eu vi esse carro e somente agora que vai começar a pré série.
    Enquanto isso o WR-V foi apresentado junto e já está vendendo faz tempo.

  • Esse carro é o Celer mais alto com frente e traseira remodeladas, que tranqueira. A frente ficou bonita, mas essa gambiarra queimou o carro, poderia fazer como as outras marcas, pelo menos o desenho deveria ser do zero.

    • Só as portas e a plataforma são do Celer. O carro é mais alto e mais largo e tem desenho mais quadrado que o do Celer. Foi inspirado na idéia do Duster, que usa as portas do antigo Sandero, apesar de maior.
      Ficou melhor que o HR-V, lembrando que o Celer já é um carro muito bonito.

  • Seria melhor chama-lo de CELER CROSS!!!! Funcionaria melhor.

  • Ubiratã Muniz Silva

    Na verdade não “pararam a produção” do Celer, apenas focaram na produção do Tiggo 2, que nada mais é que um Celer “adventure”.

    Bem que quando regressarem com o Celer (se isso acontecer) poderiam colocar esse interior renovado nele.

  • £ipe

    Começar sem o CVT? Captur Feelings…

  • Carros com preço justo

    Carro bonito, Se tiver um preço bom pode vender legal, mas acho que não vai ser assim um campeãooooo de vendas, Uma pena.

  • Gran RS 78

    A Chery parece que não quer vender seus produtos por aqui. Ela está demorando demais para lançar esse modelo e ainda pra ajudar, será lançado somente com cambio manual. A marca tem outros suvs/crossover bem mais interessantes na China, inclusive com motores turbinados com cambio cvt, que iriam vender muito no Brasil, mas parece que ela não está em sintonia com o que o mercado atual brasileiro está querendo.

  • Dreidecker

    Que mania de chinês de botar motor 1.5 em tudo…
    Cadê o Tiggo 5 ?

  • carnero

    cade o Tosca16 ?

    • Tosca16

      Tô só observando… estou mais ultimamente nos grupos do QQ, mais produtivo por lá kkk.

  • João R

    Interessante produto para o mercado nacional. É só colocar ele no mercado no preço estratégico de 49mil com 5 anos de garantia, 4 airbags, controle de estabilidade e aí vocês irão perceber o incremento nas vendas desse produto (e quem acompanhar esse tipo de iniciativa de bom custo-beneficio).

  • Laura

    Eu tenho um Celer e não tenho o que reclamar

  • Tosca16

    O pessoal complica demais, parece que não entendem as coisas… o Tiggo2 é a opção de entrada dos “SUV’s” da marca, todas chinesas tinham um modelo destes, menor e com mecânica 1.5L, só a Chery que não, hoje com esse modelo a marca alcançou patamares de vendas consideráveis, o mercado chileno é um bom exemplo. Agora a questão principal é que esse modelo sendo o de entrada não poderia substituir nem a Tiggo FL, pois temos outros modelos tais como a Tiggo3 e Tiggo5, e como esse modelo menor ficará na lacuna da irmã maior a Chery tá “elevando” o patamar do modelo, por isso essa de por 4 aibags e CVT, algo que nos outros mercados não existe. A Tiggo2 tem na china e demais mercado um AT convencional de apenas 4 velocidades, esse CVT tá demorando porque será exclusivo até então do nosso mercado, mas sei que os donos de Tiggo FL não se sentirão num SUV pelo porte menor da Tiggo2, poderiam ter trazido a Tiggo3 ou Tiggo5, mas por enquanto virá apenas esta. Ah, e em questão de raio “SUVizador” a Chery fez um trabalho melhor com o Celer que a Honda fez com o FIT transformando-o no WR-V.

  • Rafael Guerra

    Esse motor no Celler já sofre pra fazer o carro endar, nesse então…

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend