Chery China SUVs

Chery Tiggo 8 ganha facelift na China e motor 1.6 Turbo de 197 cv

Chery Tiggo 8 ganha facelift na China e motor 1.6 Turbo de 197 cv

O Chery Tiggo 8 é o próximo lançamento da Caoa Chery, segundo proposta da mesma, devendo chegar ao mercado nacional até o fim do ano. O SUV de sete lugares foi mostrado no Salão do Automóvel 2018, sendo um dos três utilitários esportivos baseados na plataforma T1X, que compartilham também outros componentes entre si.


Na frente, o Chery Tiggo 8 vem com novos faróis full LED com lentes azuladas, assim como elementos cromados na grade e novos faróis de neblina com quatro LEDs e moldura modificada nas laterais do para-choque. O utilitário esportivo também recebeu duas bocas de escape cromadas no para-choque traseiro, se manteve o desenho geral, assim como as lanternas em LED.

Chery Tiggo 8 ganha facelift na China e motor 1.6 Turbo de 197 cv

O Chery Tiggo 8 2020 também recebeu novas rodas de liga leve. O interior não teve detalhes diferenciados divulgados pela marca chinesa, mas a novidade mesmo é o novo motor 1.6 T-GDI, que tem turbocompressor e injeção direta de combustível (algo que faz falta no 1.5 Turbo Flex, usado no Brasil) com 197 cavalos e 29,5 kgfm.


O câmbio é o automatizado de dupla embreagem banhado a óleo e com sete marchas, mas com tração somente nas rodas dianteiras. O motor é o mesmo usado nos modelos Exeed TX e TXL, que tem chances de chegar ainda este ano ao Brasil, conforme promessa do empresário Carlos Alberto de Oliveira Andrade (CAOA).

Chery Tiggo 8 ganha facelift na China e motor 1.6 Turbo de 197 cv

Com a alteração, o Tiggo 8 terá um desempenho bem superior atual, divulgado pela Caoa Chery como com aceleração de 0 a 100 km/h em 10,5 segundos. Assim, o SUV de sete lugares poderá ter mais vantagens para brigar com JAC T80 (210 cavalos) e Lifan X80 (184 cavalos), bem como partir para cima de VW Tiguan e Chevrolet Equinox.

Por ora, os interessados em SUVs da Chery encontram os modelos Tiggo 5x e Tiggo 7, que atendem aos segmentos de SUVs compactos e médios, ambos com o mesmo motor 1.5 Turbo Flex de 147 cavalos na gasolina e 150 cavalos no etanol, equipados ainda com câmbio de dupla embreagem de seis marchas.

Chery Tiggo 8 ganha facelift na China e motor 1.6 Turbo de 197 cv
Nota média 4.5 de 8 votos

  • Rodrigo Pasini

    Bonito é, pelo menos nas fotos, mas o motor é fraco.

    • Paulo Eduardo Oliveira

      197 cv e quase 30 kgfm de torque para um 1.6 é pouco?

      • Rodrigo Pasini

        A potência do motor é baixa para o tamanho do veículo e o que ele suporta carregar. Se é 1.6 ou 4.1 é indiferente, o que importa é potência e torque.

        • Eric PB

          Chefe, joguei bem vagamente no goole ‘tiggo 8 weight’ e apareceu 1500kg e uns quebrados (posso estar errado). Se for este peso, ele é mais leve que pug 5008, compass, e muitos outros concorrentes… Então a potencia e torque dele estão de acordo com a proposta sim. No mais, o que vai fazer a diferença é o casamento cambio/motor. Um lifan x80 tem 28.6 de torque porem o cambio voltado ao conforto não faz valer este torque.

        • Emanuel Schott

          Ele é tão pesado quanto o Renegade e tem potência acima do 2.0 usado no Compass. Não é pouca coisa não.

        • Jr

          Você deveria pesquisar um pouquinho antes de vir aqui passar vergonha nos comentários

          • Rodrigo Pasini

            Continuo afirmando, motor fraco.

            • Jr

              E continua passando vergonha

              • Rodrigo Pasini

                Vergonha nenhuma.

      • leomix leo

        Vc deve andar em carro com 50/70kgfm de torque, só pode.
        Ande em um Golf 1.4T ou Cruze 1.4T e me fale que um Corolla 2.0 é melhor. Amigo esses motores turbo o torque está disponível em baixíssima rotação, vc se assusta com a força. Tenho um C4 2.0at e um C4L 1.6T, a diferença é absurda. O 1.6T é muito melhor em tudo, arrancada, ultrapassagens, retomada…

        • Edson Fernandes

          Economia….

    • Vitor Santos

      0-100 em 10s com um carro desse tamanho está até bom..

      • Rodrigo Pasini

        1 – 100 em 10s só com o motorista, mas quero ver com 5 pessoas dentro e cheio de malas.

        • Ivan Alves

          O carro em si já é bem pesado então o desempenho está muito bom para categoria.

    • andrei Pereira

      Dizer que o motor é fraco é algo relativo, ele poderia ter o dobro de CV e torque e ainda ser considerado fraco, a questão importante é “esta na média do seguimento? Sim”. Então acabou.

    • meneghelli1972

      O carro nem foi lançado e lá vem os especialistas de plantão dizer que o motor é fraco.
      É mole não…

  • Paulo César de Carvalho Júnior

    197 e quase 30 kgfm de torque, está começando a ficar legal! Merece uma versão mais forte TB, mas essa é um bom começo, e esse facelift ficou de muito bom gosto

  • Munn Rá : O de Vida Eterna

    Falando em SUVs chineses uma pena a HAVAL não estar no mercado

    Ela é bastante conhecida ( e elogiada ) pelos seu SUVs até no exterior

    • Jr

      Duas marcas chinesas que queria ver no Brasil e teria certeza de sucesso nas mãos das pessoas certas seriam a Haval, como você bem lembrou, e a outra seria a Borgward, ambas fazem carros que tenho certeza que o brasileiro iria gostar

      • Cosi fan Tutti

        Veja a linha da GAC também, está bem no nível da Borgward. Mas os novos BYD Tang 2019 e Geely Borui GE estão com visual matador, tecnologia embarcada, e são híbridos, uma pena estarem também fora aqui.

  • Tosca16

    CAOA saberá trazer não só este propulsor como também a marca Exeed; compartilhando do mesmo propulsor e sendo destaque numa possível entrada da marca nos segmentos premium de mercado.

    • Jr

      Você saberia dizer se ele vem na versão antiga ou nessa? O motor você já disse por ai que vem o 1.6

  • salvibr

    Uma coisa q acredito que seria bom fazer seria mudar os nomes da linha TIggo para os carros maiores, em portugues o nome da uma conotação de carro popular!! sobre o carro vamos ver c o trabalho da CAOA, acho que vem sendo bastante interessante, tenho vistos cada vez mais cherys na rua.

    • Romualdo Vieira

      Eu não sei se consertaram a questão de disponibilidade de peças e tempo de importação, mas era horrível. Muitos proprietários reclamando que seus carros ficavam meses parados por falta de peças básicas que deveria ser de balcão. Tomara que tenham trabalhado nesse ponto.

      • Eduardo

        Olha, de 2011 a 2013 fui proprietário de um Cielo hatch e em 2012 em uma das revisões foi verificado a necessidade da troca das bieletas da suspensão dianteira. Resumo: estou até agora(2019) aguardando o contato da Chery para efetuar a troca kkk. Da Chery só quero distância.

        • Gustavo Oliveira

          Meu avô teve um Chery Face, tu não acredita nas histórias, para brisas que trincavam só de mexer no retrovisor interno, problemas sinistros nos freios, panes elétricas…
          Porém, de lá para cá evoluíram para caramba. Ainda tenho medo, mas fico na torcida para quê finalmente estejam robustos.
          Já comprar deixo para os cobaias.

          • Eduardo

            “A maior jabiraca do mundo”, na voz do locutor da Hyundai.

  • Gustavo Oliveira

    Bonito, logotipo da Chery é bonito tb, tá certo que carregado o desempenho não será lá tão bom, mas está longe de ser péssimo. Tomara que seja robusto… mico ficará quem comprar o 1.5 agora.

  • Unknown

    A Chery é a nova Hyundai, na questão design. Estão exagerando um pouco nos vincos, não?

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email