Chery Tiggo 8: um ano depois, chinês já vendeu mais de 7 mil

Chery Tiggo 8: um ano depois, chinês já vendeu mais de 7 mil

Após um ano de mercado, o Chery Tiggo 8 mostra seu potencial no mercado nacional com mais de 7 mil unidades vendidas. Maior e mais caro dos SUVs da Caoa Chery, o modelo deixa o preconceito de lado para ser um player importante no segmento.


Com 250 mil unidades vendidas no mercado internacional, o Tiggo 8 foi uma tacada certa da Chery em muitos lugares e aqui, associada com a CAOA, encontrou um novo caminho com boas vendas.

Tendo a 15ª posição no ranking dos SUVs nacionais, o Tiggo 8 custa R$ 185.490, mas o preço elevado não o impede de emplacar bem, tendo sido vendidos 907 unidades em julho.

Chery Tiggo 8: um ano depois, chinês já vendeu mais de 7 mil

Marcio Alfonso, CEO da Caoa Chery, diz: “Lançarmos um produto com esse patamar de tecnologia, acabamento e desempenho, com tão pouco tempo de história, mostra toda a nossa capacidade de surpreender o mercado. Sem dúvidas, o Tiggo 8 foi um divisor de águas para a nossa empresa”.

De fato, equipado com motor 1.6 TGDI de 187 cavalos e câmbio de dupla embreagem com sete marchas, mais porte e preço, o Tiggo 8 se apoia em um bom conteúdo, mas não superior ao do segmento.

Chery Tiggo 8: um ano depois, chinês já vendeu mais de 7 mil

Nivelado com os players do mercado, o SUV da Caoa Chery encontrou seu espaço, mesmo em um ambiente concorrido e com marcas e produtos já bem estabelecidos por aqui.

Com sete lugares, o Tiggo 8 pode levar até 1.900 litros de bagagem com os bancos rebatidos, tendo ainda teto solar panorâmico, cluster digital, multimídia com tela de 10,25 polegadas, Android Auto e CarPlay, ar-condicionado dual zone, bancos em couro, entre outros.

Chery Tiggo 8: um ano depois, chinês já vendeu mais de 7 mil

Mesmo tendo somente um ano de mercado, a Caoa Chery já testa o Tiggo 8 Plus, sendo a atualização do modelo atual e com destaque para um conjunto cluster-infotainment integrado em duas telas (veja aqui Chery Tiggo 8 2021 a partir de R$ 156.900), além de estilo renovado.

Este, contudo, pode ter ainda o novo motor 2.0 TGDI de 254 cavalos, embora seja provável que a Caoa Chery o libere apenas na marca premium Exeed.

 

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 25 anos. Há 14 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações.