Chevrolet Blazer 2019: nova geração chega bem agressiva

Agressivo. Isso resume o novo SUV da General Motors, o Chevrolet Blazer 2019. Com um nome bem conhecido dos brasileiro, o modelo surge nos EUA em um nível acima do Equinox e bem distante da proposta do utilitário esportivo que antecedeu por aqui a Trailblazer. Igualmente longe da S10 ou Colorado, o produto impressiona pelo visual e já está sendo chamado de “Camaro dos SUVs”. Será?

Após 13 anos, desde quando a antiga Blazer saiu de cena – versão americana daquela que foi vendida aqui – o Chevrolet Blazer 2019 sim, veio para fazer parentesco com o famoso muscle car, que também é vendido aqui no Brasil. Feito em Ramos Arizpe, México, o SUV dividirá a linha de montagem com o Equinox, que é importado de lá para cá. Bom, parece que o novo carro tem muita coisa a ver com o nosso mercado ou não?


Chevrolet Blazer 2019: nova geração chega bem agressiva

Bom, até o momento a GM Mercosul não mencionou nada sobre o assunto, mas sem dúvidas, o Chevrolet Blazer 2019 seria uma opção interessante acima do Equinox e da Trailblazer em preço. E como ele é? Derivado da plataforma que sustenta o Cadillac XT5, o modelo não tem motor e câmbio em longitudinal, mas em transversal. Apesar de ser feito na mesma fábrica de Cruze e Equinox, o SUV tem base diferente.

Mas, compartilhará alguns componentes, entre eles a transmissão automática de nove marchas do Equinox, que equipará as duas opções de motor (segundo o site GM Authority, haverá um 2.0 Turbo), sendo estas o 2.5 Ecotec SIDI com 194 cavalos (é o mesmo motor da S10 nacional) e 25,9 kgfm nas versões de base e V6 3.6 SIDI com 309 cavalos e 37 kgfm. O propulsor é o mesmo da Trailblazer por aqui, mas com programação de maior força. Essa opção de quase 310 cavalos seria atraente aqui.

Chevrolet Blazer 2019: nova geração chega bem agressiva

O Chevrolet Blazer 2019, de acordo com a GM, terá ainda um sistema de tração AWD que pode desligar o eixo traseiro, assim como já visto na Equinox, disponível com dupla embreagem de acoplamento nas versões RS e Premier. A suspensão traseira é multilink e a capacidade de reboque é de 2.040 kg. O modelo ainda tem o Traction Select, que é um seletor de modos de condução que podem ser acionados com o carro em movimento, este disponível de série também no 2.5 FWD.

No visual, o Chevrolet Blazer 2019 não se inspira apenas no Camaro SS, mas também no LT. Ou seja, a frente segue os mesmos princípios de estética das versões do muscle car. Assim, aquela mais expressiva tem grade e logotipo em cor preta, assim como linhas mais agressivas, rodas de colunas em preto fosco, entre outros. Na outra, grade e detalhes na cor do carro, com colunas em preto brilhante, além de rodas diamantadas. O modelo tem tamanhos de 18 a 21 polegadas.

Chevrolet Blazer 2019: nova geração chega bem agressiva

O estilo geral é muscular e imponente. O Chevrolet Blazer 2019 segue a tendência de faróis rebaixados com repetidores de direção, junto ao para-choque, tendo LEDs diurnos na parte superior. O teto é reto e a linha de cintura sobe abruptamente em direção ao teto e unindo-se ao defletor de ar no alto da tampa do bagageiro, criando colunas D bem expressivas. As lanternas em LED são grandes e possuem iluminação em forma triangular.

A tampa do porta-malas tem um recorte bem acentuado, dando um cara de mau ao conjunto traseiro. O para-choque também tem um desenho bem interessante e integrado ao estilo superior. No Chevrolet Blazer Premier 2019, as rodas brilhantes são até conservadoras demais. Já no “SS”, a pegada visual tem mais a ver com o produto. Por dentro, o painel é “bem Camaro” e com direito aos grandes difusores de ar centrais circulares e multimídia MyLink 3 com Android Auto, Car Play e OnStar, cuja tela fica semi-embutida.

Chevrolet Blazer 2019: nova geração chega bem agressiva

O acabamento entre as duas versões, que em realidade são RS (visual SS) e Premier, difere nos detalhes, como costuras vermelhas e tonalidades mais escuras no primeiro e um ar mais sóbrio no segundo. O console central parece muito com o do Equinox e o volante de quatro raios e cromados é o mesmo nas duas versões de estilo do SUV de cinco lugares.

O Chevrolet Blazer 2019 vem ainda com sistema de monitoramento em 360 graus, controle de cruzeiro adaptativo, câmera de guiagem para engate do reboque, controle dinâmico de estabilidade de reboque, alerta de faixa com correção, frenagem automática de emergência, alerta de colisão, tela de multimídia de 8 polegadas, cluster digital, banco traseiro com ajuste de distância, entre outros. E então, teria chances por aqui na versão “SS”, ou melhor, RS?

Chevrolet Blazer 2019 – Galeria de fotos

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 25 anos. Há 14 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.