Chevrolet Crossovers Mercado Montadoras/Fábricas

Chevrolet Captiva já tem data para sair de linha no México

Chevrolet-Captiva-2014-1-700x463 Chevrolet Captiva já tem data para sair de linha no México

OBS.: Alguns dias depois de publicada a informação no jornal O Globo, a Chevrolet do Brasil emitiu um comunicado dizendo que a Captiva não está para sair de linha por aqui.



Sem mudanças há tempos no mercado brasileiro, o Chevrolet Captiva não anda muito bem das pernas, sobretudo após a chegada do Tracker – que apesar de ser um modelo inferior, cativou parte do público por ser novidade. E lá fora o modelo também não está com boas vendas. Tanto é que a General Motors já definiu o fim de linha do crossover.

De acordo com a imprensa local, o Chevrolet Captiva deve sair de linha na fábrica de Ramos Arizpe, no estado mexicano de Coahuilla, em novembro, seis anos após seu lançamento. Por aqui, o Captiva foi lançado em duas versões, uma com motor 2.4 Ecotec de 185 cv e outra com um bloco 3.0 V6 de 268 cv, este último com opção de tração nas quatro rodas. Entretanto, desde 2013 o modelo é oferecido por aqui apenas com o propulsor menor.

No lugar do utilitário-esportivo a GM vai produzir a próxima geração do médio Equinox a partir de meados de 2016, com grandes chances de ser trazido ao Brasil. Até lá, a marca vai ocupar sua cota de importação do México para o Brasil com o Tracker, que deve ganhar versões mais baratas.

[Fonte: O Globo]

Galeria de fotos do Chevrolet Captiva

  • Airplane

    É uma pena mas chegou sua hora … Descanse em paz ! Rest in peace – RIP !

  • DINEIROO

    GM está mais perdida do que cego em tiroteio!

    • Myph13 .

      Acho mais que ela achou a mina de ouro da Fiat e esta mirando ali isso sim…
      Tirando a Captiva, a Tracker pode receber o 1.6 16V e ficar mais barato, e só nisso já deve ultrapassar em quantidade o que vende de Captiva…
      2015 é o Ultimo ano do Celta e Classic, em 2016 teremos os novos compactos do projeto Jade, onde tera a mudança da Montana também pra mesma identidade deles.
      Onix e Prisma devem receber uma versão mais top com 1.6 16V pra “suprir” o *edit*Sonic*…
      Tudo isso = Politica Fiat, mais carros baratos de mesmo segmento…
      Pra ajudar, ela já vende bem o Cruze então esse é lucro perto do Bravo/Linea (Por falta de outro pra comparar tem que ser ele)…

      • Daysan Medeiros

        Moral da história… Brasil gosta de M mesmo… Tracker carrinho sem graça e muito caro!

    • Antonio De Julio

      Perdida? Acertou em CHEIO trazendo um carro bem inferior e vendendo a mesmo preço da Captiva. Devem estar rachando o coco de lucratividade às nossas custas! Onix beirando os R$ 50K e no topo das vendas! Quem tá perdido é o brasileiro, que não dá amor ao seu dinheiro!

      • Junoba

        O Onix já ultrapassou os 50k ! ´´Completinho“ ele chega á os R$53.500.

        • Augusto Cesar

          O Onix já ultrapassou os 53.500k, O TOP ta quase 60K e o Prisma mais de 60 K dependendo do Estado

          • Chevrolet

            Acre não conta, fera.

      • ALEX_BHZ

        Pessoal compra Onix nessa fortuna, sendo que o Onix é um junta junta cabuloso entre Corsa D da Europa com motor VHCE que nasceu no Corsa Wind 1994 e veio sofrendo melhoras até chegar onde chegou, em seu limite, o motor é muito fraco pra um carro com aquele peso, o brasileiro é sim muito burro, pagar 40 a 50k num carro como Onix o mesmo ocorre na VW tirou o Polo de linha e o pessoal compra o Fox a preço de Polo e assim vamos seguindo

        • Fernando

          Mas aí pergunto: o q nos vamos fazer? Andar de carro velho e nunca mais comprar um novo? Eu concordo com vc e não sou o tipo de pessoa q troca carro zero km a casa dois anos, aliás , nunca tive um zero pois acho um roubo o q eh cobrado. Acho q a população deveria trocar seus usados por usados mais novos, com isso reduziria muito a venda do zero e o preço abusivo teria q baixar para uma realidade mais digna.

          Mas como brasileiro não faz isso a tendência eh o preço subir sempre. Nos q temos juízo devemos focar no semi novo.

          • ALEX_BHZ

            Eu tive um carro 0km pra nunca mais, paguei 26.900 num Classic LS em julho de 2010. o carro tinha acabado de chegar com a mudança. Me arrependi amargamente, hoje tenho um Polo que comprei usado, estou com ele quase 2 anos rodei mais de 70mil km e o carro acreditem nao apresentou nenhum defeito, já o Classic com 25km deu defeito e assim foi atá os 9mil km varios defeitos um deles foi que a água do radiador sumiu, tinha um defeito que a ventoinha armava e nao desarmava mais apenas quando desligava o carro k k k k k
            O que fazer, boicote olha o sonic… o povo tem que parar de ser burro comprar Onix? Agile? Sonic? Gol? tem casos de Onix completo Gol completo que voce leva um New Fiesta sai muito mais justo

          • Rômulo M.

            Concordo com vc que em muitos casos compensa bem mais comprar um usado do que um novo, mas existe um outro ponto. O das pessoas que compram carro financiado (que é a grande maioria da população), financiar um carro seminovo está cada vez mais difícil devido ao absurdo das taxas de juros, que chegam a ser o triplo da taxa de um 0km. No fim das contas um usado financiado pode ficar mais caro do que um modelo igual novo financiado no mesmo período.

            O cartel de financiamento está ai pra beneficiar as montadoras.

            • Fernando

              Mas existe uma coisa na vida que se chama Planejamento. Isso, para termos uma qualidade de vida digna, nao só para ter um carro, mas para tudo, é fundamental. Sem planejamento nao há sucesso.

              E porque digo isto? Essa pessoa que quer comprar um usado nao precisa financiar. Ela nao tem o recurso a vista. Ok, porque nao faz um consorcio?

              Veja, meu atual carro é um usado 2007 que tirei de um consorcio no Itau. Eu entrei no consorcio em 2011, na epoca tinha um Corsa Wind, comprado à vista. Entrei no consorcio com meta de tirar o carro dentro de 2 anos. Em 2013, ano passado, em maio, acredite, tive a sorte de dar R$ 1.900 e ser contemplado. A minha carta vale R$ 16 mil e a parcela de meu consorcio, media de R$ 250 por mes. Fiz um excelente negocio. Pago pouco e hoje tenho mais de 80% do carro pago, sem dificuldade, sem pagar juros e feliz.

              Falta menos de R$ 6 mil pra quitar, isso hoje. Ano q vem pretendo quitá-lo. E antes disto, entrar num novo consorcio, de R$ 20 mil, para tirar um carro na mesma categoria.

              Eu casei ha quase 1 ano, minha meta principal é antecipar as parcelas de meu apto e quita-lo o quanto antes. Andar com carro melhor nao é uma prioridade, mas sim, andar com um carro novo. Com esses R$ 20 mil eu consigo um outro Celta, 2013 mais ou menos, usado e completo. Nao é meu carro dos sonhos, mas é o q posso ter. E o meu carro atual? Vou vender, pegar o dinheiro e juntar mais um pouco para abater o financiamento de minha casa.

              Eu estou contando minha historia pq quero dizer que fazendo um planejamento é possível ter um novo carro e nao depender de um financiamento que te estupra. Eu me planejei. Porque os outros nao podem? Basta querer.

              Agora se for imediatista, querer um carro novo pra ontem, entao tome fumo e compre financiado..rs

              • Rômulo M.

                Pena que vc representa uma parcela ínfima do mercado, se as pessoas tivessem planejamento e bom senso a lista de modelos mais vendidos seria bem diferente. A grande maioria só se preocupa se as parcelas do financiamento vão caber dentro do orçamento e pronto. Negócio fechado!kkkkk

                • Fernando

                  Isso é verdade. O problema, que lá na frente, se essa pessoa somar todo os recursos perdidos com troca de carros, financiamentos e etc, ela poderia ter uma aposentadoria muito melhor, viajar muito mais, viver melhor.

                  Meu primeiro carro eu paguei 27 mil e vendi por 18 mil, com dor no coraçao. Fiquei sem carro por 2 anos, andava com o do meu pai, quando pudia, mas foi graças a este sacrificio q consegui comprar minha casa. E essa grana toda q perdi foi a prova mais cabal que mostra que carro é prejuizo.

                  Quem vive juntando dinheiro pra trocar de carro de 2 em 2 anos nao vive. E isso indifere o qto a pessoa ganha de dinheiro. Se ela ganhar 2 mil, vai comprar carros equivalentes ao seu poder aquisitivo. Se ela ganhar 10 mil, idem, ou seja, sempre irá dever.

        • Hamilton

          O Onix/Prisma 1.4 anda a mesma coisa que o Gol/Voyage 1.6. Pude comparar o Prisma 1.4 com o Voyage 1.6.
          Então seu desempenho não é assim fraco. A não ser que você esteja considerando que o Voyage 1.6 também seja fraco.
          O motor 1.6 VW ficou estagnado desde quando se tornou flex, em 2003; enquanto que o 1.4 GM evoluiu muito, a ponto de ter melhor rendimento que alguns 1.4 16 válvulas mais modernos.

          • ALEX_BHZ

            Amigo estou falando de motor VHCE (1.0) o motor 1.4 chama EconoFlex é outra historia, acredito que o 1.4 GM anda muito mais que o 1.6 da VW. Eu fiz um teste-drive no Onix 1.0 e 1.4 achei o 1.0 uma bela de porcaria. Já o 1.4 ficou mais do mesmo, mas estou falando do conjunto o Onix é um mexidão, plataforma da Opel Corsa D misturado com projeto brasileiro e motor do Corsa/Classic antigo (1.0)

          • Corvo

            Negativo. O motor 1.6 da vw é superior ao 1.4. Em todas as revistas ele teve desempenho superior, bebeu menos e tem mais torque. De fato no dinamômetro tem 109 cv. Dos antigos 1.6 o da vw é superior ao rocam e ao que Renault usa aualmente.
            O problema justamente do 1.4 da gm é que foi tantas vezes atualizados que grita muito e tem desempenho só em altas rotações. Palavras de especialistas…

            • Hamilton

              Se você só conhece o que lê nessas revistas ditas “especializadas”, está por fora.
              Procure experimentar os dois, como eu fiz. Hoje tenho um Prisma e pude ficar com um Voyage alugado por uma semana. O carro estava com 5.000 Km rodados (Localiza).
              Quando você testa os carros percebe que muitas características informadas por certas revistas não são verdadeiras.
              O Prisma anda até um pouco mais, principalmente quando abastecido com álcool, além de ser mais econômico.
              E o novo Prisma é bem mais silencioso que o Voyage. Aliás o motor é liso, não se notam vibrações ou ruídos muito acentuados até o seu limite, que vai por volta dos 6.600 rpm (antes do corte).
              Já o motor 1.6 da VW ficou congelado por muitos anos, sem qualquer melhoria.
              Por outro lado não dá para comparar os dois. O Prisma é bem mais espaçoso, silencioso e confortavel que o Voyage. Mesmo o Polo ficaria acanhado perto do Prisma.

              • Corvo

                Eu nao me baseio em achismos ou percepções. Prefiro confiar mesmo nos profissionais que sabem mais que eu ou qualquer pessoa que nao seja do proprio ramo.Todas as revistas falam isso dessas 2 motorizações. Não é que eu estou inventando.
                O fato de você ter essa percepção nao significa que seja traduzida em números. O isolamento acústico do Prisma é ligeramente superior ao Voyage. Dá uma sensação de ser um motor mais relaxado.
                Realmente concordo que o Prisma é mais silencioso e tem acabamento melhor que o Voyage. Considero até um carro melhor na geral (nao sei como se sairia em seguranca o vw mas pelo Onix ficariam parecidos) mas em questão de motorização o 1.4 da GM é inferior ao 1.6 8v.
                Outro fato que me chama a atenção ainda é que a GM nao quer emprestar seus carros para o Inmetro avaliar o consumo

                • Janduir

                  Também concordo, o 1.6 da vw tem muito mais torque em baixa…e anda mais que o 1.4 no geral…

                • Edson Fernandes

                  O curioso é que na verdade vários detalhes do Voyage denunciam um carro que tem mais itens de série (quando comparado lado-a-lado) e ainda consegue ter mais itens que o Prisma LTZ.

                  Acho que vale a comapração com o que se espera de um carro.

                  • Corvo

                    Então, o Voyage é muito criticado, mas não vejo ele uma opção tão ruim. Geralmente a vw costuma baixar muito o preço de tabela nas css e acho que acaba até saindo mais em conta que o Prisma LTZ e com uma motorização um pouco melhor. Acho que o acabamento do GM é um pouco mais caprichado e só…
                    Na realidade, eu me foquei no motor EA 111 da vw em comparação ao 1.4 da GM.
                    Olhando muitos testes me surpreendi com o desempenho desse motor, mesmo bem defasado (e acredito que saindo de linha em 2-3 anos), Voyage teve melhores retomadas que o próprio HB20 com 25 cv a menos, e que o Prisma, claro. Pessoal acha que cavalaria é tudo, mas cilindrada, peso-potencia, torque e retomada (o que realmente interessa em estrada é justamente retomada) são itens que realmente interessam na prática

                    • Edson Fernandes

                      Olha eu já achei que HB20 anda bem mais. Mas para isso precisa aumentar os giros. Para a cidade principalmente por ser 8v o VW tem um desempenho muito mais brilhante.

                      Eu por ter gostado de motores 16v, mesmo não modernos e com soluções de resposta de rotação em baixa, gosto pelo fato do motor respondem sem reclamar em alta, justamente um ponto que me agrada porque em situações de uso de alta rotação, gosto dessa reação de aumento de giros sem se tornar aspero ou ficar aquele desespero.

                      Claro que gosto de respostas imediatas, o melhor dos mundos seria o ideal, mas nosso mercado então infelizmente não revoluciona nesse aspecto.

                    • Corvo

                      O comportamento do K4m dos 16 válvulas é muito bom..não sofre muito em baixa e em alta é um foguetinho, e de quebra, não bebe muito e tem manutenção barata por ser bem antigo. Ainda não entendo como Renault tirou ele do Sandero. Se o novo tivesse esse motorzinho e um cambio automático de 5 marchas acho que voltava a ter um facilmente pelo mesmo preço…
                      O motor 1.6 vw além de ter um bom rendimento em cidade, tem um comportamento linear em estrada…não sofre de falta de potencia como outros 8v que já andei…
                      Agora, o K7M da Renault sofre muito em estrada. Primeiro que ele morre em 4ª marcha (5 não serve praticamente de nada), e segundo, você sente uma espécie de afogamento em estrada. Para fechar o quadro, ele é muito barulhento !
                      O da Hyundai falam muito bem mesmo, assim como o do Fiesta

                    • Edson Fernandes

                      Concordo contigo. O K4M (no qual equipa o Sandero Stepway do meu tio) é uma delicia! Tanto que mesmo no finado Megane ainda assim era um motor impressionante. Não arrancava suspiro mas era bem satisfatorio.

                      Eu também não entendo realmente o motivo que impulsionou a Renault a isso. Aumento ainda a consideração pelo simples fato de que na Argentina é usado o K4M.

                      O motor da VW eu particularmente acho bom de performance, grande parte do uso ele realmente atende mas não é dos mais economicos. Mesmo uma pegada mais esportiva vc pode ter, mas terá as limitações de qualquer motor 8v em alta rotação. Foi como eu disse…. por isso eu gosto muito de motores 16v. Me lembro do Siena 1.0 16v do meu pai… te juro de pé junto que aquele carro andava muito bem a ponto do meu pai me acompanhar com facilidade eu usando um C3 1.4. O atual Siena EL 1.0 8v dele,… SE MATA para conseguir me acompanhar no plano. E não estou de brincadeira… além do alto consumo que os atuais motores Fire conseguem ter.

                      O HB20 na minha opinião é um foguete. Eu já dirigi de uma amiga do trabalho (que é manual) mas pude testar por um tempo o automatico e te digo que em ambas as situações eu acho o desempenho interessante (bem surpreendente com cambio manual).

                      É o tipo de motor que gosta de subir de giros rapido e só coloca o ruido para dentro do carro em alta rotação (4500rpm aproximadamente) o que o torna uma opção e até compreensivel perante osmodelos de entrada do degrau acima. (é silencioso e tem um desempenho brilhante)

                      Acho que dos modelos que dirigi até o momento (pois o Ford eu só andei muito pouco e não posso tecer comentários a respeito) acredito que March e HB20 estão bem proximos em comportamento, mas o HB20 é muito mais silencioso e no meu caso, agradou mais, porque apesar de duro é mais estavel e curiosamente não é de copiar as buraqueiras, ainda que considere duro como disse. O March em que eu acreditava ser macio, não lida muito bem com as buraqueiras transpondo elas e passando para os ocupantes mesmo sendo mais macio que se comparado ao HB20.

                      Enfim… o outro ponto que cito do motor da VW seria o consumo ue não é dos melhores, mas não compromete. Acredito que esse motor novo 1.6 16v da VW seja bem interessante e digo mais: Ouso dizer que mesmo com menos potencia, deve ser um motor mais gostoso que muitos motores 16v e deve ser economico como é o 1.0 3 cilindros do up cujo um amigo dono de um, faz incriveis 16km/l de gasolina na cidade com transito pesado (sempre tira fotos disso inclusive).

                    • Corvo

                      Motores 16v em altas rotações são bem melhores que os 8v e de quebra bebem menos, mas não tem aquele agilidade nas 2 mil, 2500 rpm que na prática é nas rotações onde trocamos as marchas na cidade. Outro ponto positivo é que para subir ladeiras na própria cidade, por experiência própria, nem precisamos trocar d marcha (consigo subir ate em 4 ou 5 marcha a 1300/1500 rpm), coisa que nao poderia fazer em um 16v.
                      Mas sobre sua experiência eu acredito completamente !
                      No resumo da obra gosto mais tmb dos 16v..numa esticada tem rendimento bem linear e na estrada nem se fala.
                      Engraçado que meu fox bebe a mesma coisa que o sandero automático q tive, mas eu nao sou parâmetro pois tenho o pé pesado.
                      Sobre o Up, realmente é bem econômico mesmo..ele faz algo em torno a 14 km na cidade e 18 na estrada, que maravilha !!! Olhe, se nao tivesse um painel tem simples arriscava num imotion, mas como nao me convence o conjunto geral nao troco meu carro por ele…

                    • Edson Fernandes

                      Pois é…. de um amigo do trabalho, faz 16km/l na cidade! fantastico!

                      Sobre a questaõ de consumo… vc só faz eu ter certeza daquilo que eu disse…. bebe mesmo! rs

                      Se bebe igual a um automatico (e não tão eficiente assim) a coisa é complicada…rs

                      Para vc ter ideia, eu acabo por ignorar essa questão de “tamanho” de motor, mas é fato que eu prefiro ter um 2.0 automatico do que um 1.6. Simplesmente não dá, eu sempre vejo que o consumo é similar e o 2.0 ainda me daria mais conforto ou potencia para quando precisar. Eu fico numa luta constante para tentar achar o carro ideal…rs

                    • Corvo

                      Fluence dynamique cvt com teto, ano 2012, se acha por 45 mil…anda bem, bebe pouco, espaçoso e confortável. Outra dica d usado ? 308…mas a manutenção fica mais pesada. Estou quitando meu carro final de ano e estou até pensando em procurar algo em torno a 40 mil (a vista), mas nao tem nada automático por esses valores, ademais da dó vender ele (está com 18 mil km). Gosto dele..está zerado, a manutenção é barata e como trabalho de lado d casa, praticamente utilizo o carro só fds, ou seja, gastar mais grana para bancar um carro superior para usar pouco não sei se justifica..

                    • Edson Fernandes

                      Eu acho que não justifica.

                      Principalmente porque é novo. Então eu tenho visto Vectra, Fluence e Focus…. que ficam entre R$30000 ~ R$45000 (2011 em diante) mas confesso que está dificil achar algo muito bom (e pouco rodado).

                      Além disso, tem a questaõ de tudo que andei fazendo na residencia e hoje devido a querer realizar cursos para melhorar minha capacitação, ainda não posso dirigir meu dinheiro a troca de carro. Mas dessa vez eu preciso trocar mesmo.

                    • Corvo

                      Está certo. Prioridade profissional ou residencial no primeiro lugar. Eu ainda moro com os pais (beirando os 30 rs) e não irei sair tão cedo rs. Por enquanto não tenho esses gastos extras.
                      Mesmo assim, meu financiamento está acabando em 4 meses, e como te falei antes, tenho dó de vender o carro, está quase 0 km e tem tudo o que preciso, aliás, gostaria que fosse automático. Pelo menos acho q vou ficar 3 anos e vender antes que chegue a próxima geração em 2016/2017.
                      E realmente me embarcar em financiamento de novo agora não da…Se tudo ocorrer bem, a ideia é ir juntando aos poucos e comprar à vista o próximo.
                      Se falamos de carros manuais, porque não olhar um C3 novo ? Vi alguns Tendance por 38-39 mil ainda na garantia. O único problema que vejo é o cambio e embreagem, mas o motor anda bem e bebe pouco

                    • Edson Fernandes

                      Então… mas o que exatamente vc fala de cambio e embreagem? Pois o cambio é bem justinho do modelo novo (mesmo o meu eu não tenho reclamação acerca), claro que não é um VW mas em outros aspectos há um certo capricho.

                      Eu só não acho que vc vai ganhar muita coisa pq sua configuração de Fox não deixa a desejar perante um C3 em minha opinião. Talvez melhore em ruidos? Mas ainda assim o Fox atual (e o que vc possui) não é ruim… eu não trocaria se for considerar isso. Seja ele um Fiesta 1.5, C3 1.5, 208 1.5… a não ser que seja seu desejo de ter esses carros que vc sempre teve, porque caso contrário, não enxergo como uma troca “racional”.

                      Eu vejo que minha proxima troca será provavelmente com algo emocional, mas o racional está bem presente, pois o que quero é o mimo que creio que muita gente deseja em qualquer carro, portanto racional, mas o emocional por ser um carro que gostaria de ter há um bom tempo. Mas ainda é cedo para isso e terei algo mais concreto no final do ano (Dezembro) que será o momento certo onde terei dinheiro suficiente para realizar esse desejo e trocar um dos carros. Outro ponto de interrogação pois, o Xsara apesar de otimo carro, usar para daily é um pouco beberrão e o C3 ao contrário de muitos é um tanque de guerra mas me preocupa que de fato ele está entrando na fase das trocas de peças mais caras do modelo (correia dentada já foi, mas logo mais prevejo a suspensão que com 100000km nunca foi trocada nenhuma peça e meu mecanico ainda disse estar ok).

                      Mas eu estou bem prudente porque se trocar terá de ser algo superior mas que cosniga conciliar as minhas necessidades de uso.

                    • Corvo

                      Então, meu carrinho é completo e gosto muito dele..é 2013/2013, é a versão intermediária com i-system (excelente), sensor ré, volante multifuncional. Respeito à versão top só mudam detalhes estéticos (rodas de liga, aerofólio, ponteira, costura melhorada nos bancos) mas são exatamente iguais. O acabamento é muito bom, os plásticos e os arremates são até melhores que um Fiesta por exemplo. Acho que a raposa só peca mesmo respeito aos premium de entrada, no design e um pouco no isolamento acústico. Como são mais modernos, são mais caprichados, mas não muda muita coisa como para um médio.
                      A troca por outro compacto manual não seria lógica, mas tal vez sim por um carro automático. Mesmo trabalhando perto de casa e achando excelente o cambio, confesso que não consigo gostar de carro manual (mau acostumado), e aqui em SP mesmo não querendo, vai pegar um poco de transito sempre.
                      Você está pensando em trocar o C3 ou o Xsara ? Por um automático ou manual ?

                    • Edson Fernandes

                      A troca é prioritariamente por um automatico. Eu não sei ainda qual dos dois será, mas acredito que como as coisas estão caminhando, possivelmente o Xsara. Minha ideia seria mante-lo e ir melhorando ele aos poucos, mas pelo meu uso e da minha patroa, talvez seja ele para ter um carro de maior facilidade de manutenção.

                      Ainda que o Xsara seja facil de manutenção geral, ele pode pregar sustos em algumas peças que não são mais fabricadas e gerar uma dor de cabeça futura. O C3 é o carro economico da vez e isso ajuda a aumentar a questão de mante-lo comigo. Mas ele está com 100000km rodados e estão aparecendo alguns detalhes que presumo ser o momento das trocas de peças devido a idade. São 6 anos e o carro sequer trocou peças da suspensão e coxim de motor e cambio. É um tanque de guerra ao menos para mim, infelizmente maltratado por conta dos outros (que “encontrei” um raspão hoje por exemplo) mas que gosto muito.

                      Não vou me apegar ao emocional, mas o racionalm e diz que ainda o C3 é a escolha certa pela garantia de peças no mercado. Entretanto, estou espernado a oportunidade de troca aguardando um senhor vender seu Vectra GTX novinho com 30000km rodados…rs

                    • Corvo

                      Esqueci de responder a questão da embreagem o cambio: bem, o que noto nos Peugeot e Citroen é que a embreagem é bem pesada. Isso me surpreendeu negativamente no C3 novo. Para transito pesado é muito ruim. Os câmbios, embora um pouco longos, melhoraram muito pelo que vi

                    • Edson Fernandes

                      Isso mesmo!!! O C3 é pesadissimo de cambio! Fator que não citei antes e tem sido forte situação para pensar na troca dele também. Eu gostaria de trocar os dois de uma vez. Mas com a esposa desempregada, eu não posso dar um pulo desses… se ela tivesse empregada eu poderia, porque não comprometeria meu financeiro com a troca de 2 carros + cursos de especialização.

            • Guest

              Pelo jeito, vc ta bem fora. A curva de torque do novo SPE/4 é tao plana, qto a do FIRE 1.4.

            • V8

              0-100 Km/h e consumo (4R)

              VOYAGE 1.6: 12,3s – 8 e 10,8 Km/l
              PRISMA 1.4: 12,1s – 8,2 e 12,1 Km/l

              Pelo jeito, vc ta bem fora. A curva de torque do novo SPE/4 é tao plana, qto a do FIRE 1.4. E no SPE/4 foi reduzido muito o nível de ruído, 70% do motor é totalmente novo.

              Desculpe a sinceridade. Mas concorrencia mesmo para PRISMA é GRAND SIENA, KA+ e HB20S! Nem a imprensa lembra do voyage mais.

              • Corvo

                O que tem a ver o motor Fire ? Claro que o da gm é superior. Estou comparando o 1.6 8v da vw….o 1.4 tem menos torque e só aparece em alta. Desculpe, na prática o que interessa é o torque, a cilindrada e sobre tudo a retomada (justamente para ultrapassagem). O Voyage teve retomadas melhores que o Prisma e que o Hb20 com 130 cv. Como é um carro sedan e familiar tente colocar várias pessoas em um e outro e irá a ver como a cilindrada faz a diferença.
                Não sou consumidor de sedans, até pq sou solteiro, mas se tenho que escolher um deles disparadamente o Hb20 é o melhor no conjunto (e sobre tudo em seguranca, ao final o Onix até rasgou o assoalho, mesmo sendo um carro “moderno”)

                • V8

                  Já vi que vc não entende muita coisa. O motor FIRE é conhecido por boa resposta em baixa rotação (curva de torque plana). Deixa p lá! O que você afirmou, já foi demonstrado que não procede. E se for caçar defeitos, meu amigo… Seu voyage estaria enrolado nessa.

                  • Corvo

                    Ta ”serto” engenheiro automotivo. Só cavalaria que interessa.
                    Peso, potencia, cilindrada, torque, relação do cambio e retomadas não valem para nada.
                    Ahh, não tenho Voyage nem sou fanático por nenhum marca, aliás, na minha família temos uma Trailblazer.
                    Fique com sua verdade que eu fico com a minha.

                    • V8

                      Quem ta falando em cavalaria? Perdi alguma coisa?

          • V8

            0-100 Km/h e consumo (4R)

            VOYAGE 1.6: 12,3s – 8 e 10,8 Km/l
            PRISMA 1.4: 12,1s – 8,2 e 12,1 Km/l

        • Deivid

          Motor muito fraco?
          É o 1.4 aspirado mais potente do mercado.
          O 1.4 16v do 500 Cabrio tem 107cv mas tem 13,8kgf.
          O 1.4 16v do Fit tem 101cv e 13kgf.
          O 1.4 8v GM tem 106cv e 13,9kgf.

      • Daniel Freitas

        Perfeitas colocações……a Chevrolet foi muito esperta e o povo, como sempre, burro…Tracker a preço de Captiva e pior: sem ESP, sem disco traseiro, sem encosto traseiro para o passageiro do meio, sem airbags laterais e de cortina de serie e sem direção elétrica…..sendo que todos esses presentes no Captiva

        • V8

          Achei engraçado a “afirmação” do NA, talvez para justificar as boas vendas…

          “cativou parte do público por ser novidade.”

          Só fiquei imaginando… Coitado do UP então!

        • Gran RS 78

          Tenho uma Captiva V6 e concordo com vc. Os únicos pontos que vc está equivocado é que a Captiva tem direção hidraúlica, não elétrica e ela tbm não tem o quinto encosto no banco traseiro, uma falha muito grave ao meu ver. Do resto, a Captiva é superior em tudo ao Tracker.

    • Petrucci

      Perdida em que?

      Virá o novo Equinox no lugar…

    • Paulo Reis

      verdade, quem esta fazendo a lição de casa é a dona FORD: poucas plataformas, projetos globais de respeito, carros completos e acessíveis. neste cenário deve estar lucrando muito do que muitas marcar com portifólio de plataforma enorme e mais custo de projeto e produção – mesmo que as vendas sejam maiores. Detalhe, o Edge ta lá firme e forte e já é esperado para a proxima geração…

  • RicRB

    Um pena… vai um dos SUVs mais interessante em questão de custo x benefício!! Controle de tração e de estabilidade de série, já faz um diferencial e uma raridade no segmento que atua…
    Bom… diante disto, está mais do que claro, o aumento dos preços do Chevrolet Tracker!! Deixando de trazer o Chevrolet Captiva, ainda pode-se aumentar o número de Tracker do México!! ( creio que assim, deva ser lançada a versão LT do Tracker)

    • Junoba

      Acontece que a Captiva teve um grande aumento no preço uns tempos atrás. E por isso não compensa.

      • Gran RS 78

        Olha, uma Captiva Okm hj custa na concessionaria, 96 mil reais, e mesmo ela sendo mais defasada que a concorrência, oferece muito mais itens de segurança, conforto e motorização que os concorrentes. Para quem quer um Suv médio, ela nesse quesito é imbativel.

        • Junoba

          No site da Chevrolet, a Captiva está com o preço de R$104 mil.

          • Gran RS 78

            No site, mas nas concessionárias o preço é de 96 mil e ainda tem choro na negociação.

    • Rafael

      Um dos poucos com motor bem dimensionado para o peso. Mas muito Gastão.

      • Gran RS 78

        E qual Suv/Crossover que não é? E olhe que todos os outros possuem motor com cilindrada menor, portanto deveriam ser mais economicos que a Captiva.

        • Rafael

          Me refiro a Captiva 2.4, que não é um foguete, mas tem um desempenho adequado.
          Comparando o consumo:
          CRV não anda, mas tambem não gasta.
          RAV4 2.5 anda e não gasta.
          Santa Fé geração anterior, 2.4 era economica.

          A Chevrolet tem acertado muito em design, mas falta acertar a eficiência dos motores.

          • Gran RS 78

            Os motores da Captiva são mais modernos que a maioria dos concorrentes diretos, pois é um dos únicos, com excessão do Tiguan, que usa injeção direta de combustivel. Quanto ao consumo, continuo afirmando que pela capacidade cubica dela e peso, ela bebe o mesmo que os concorrentes, talvez a excessão seja a Crv que é a que bebe menos do grupo, só que tbm não anda nada.

  • Myph13 .

    Só de trazer uma versão da Tracker 1.6 16V LT com AT6 já deve passar fácil a quantidade de Captivas que é vendida. Fora que o lucro seria absurdamente maior.

  • Antonio De Julio

    Quero ver quem tem Captiva quando precisar de peças…

    • Corvo

      Acho pior ainda quem tem um Sonic, um carro que foi lançado há 2 anos saindo de linha. A Captiva mais tempo de mercado…
      Culpamos à GM ou aos consumidores ?

      • Antonio De Julio

        Quem faz o mercado é o consumidor… ..

        • Corvo

          Olhe..concordo que é assim em 99 % dos casos. Faço uma exceção com o Sonic. A GM atuou de forma errada. Veja bem, o Polo por exemplo, sempre foi pouco vendido. O consumidor enxergava ele como um Gol melhorado e mesmo assim a VW continuou segurando ele por muitos anos, mesmo com vendas muito fracas (tudo bem que foram outros momentos e outra concorrência).
          No caso do Sonic, colocar a venda um compacto premium e deixar só por 2 anos achei uma sacanagem para quem já tem o veículo. Qual confiabilidade pode me passar ? A revenda, as peças ? Complicado…

          • Antonio De Julio

            Eu tive um Polo Hatch e tive que vende-lo pois minha filha nasceu e precisei de um Sedan. Vendi com dor no coração…

          • ALEX_BHZ

            Polo Sedan com vendas fracas? Agora né em seus últimos tempos, Polo sedan ta ai desde 2003 será que foi mesmo ruim as vendas???? mais de 10 anos de mercado, o Sonic tem 2 e ninguém ver nas ruas. Ainda escuto pessoas falando quando passa um, “olha que carro estranho” kkkkk

            • Corvo

              Aqui em sp capital não é difícil d ver um Sonic, mas continuo achando mancada da gm pra quem comprou esse carrinho…virou um mico !

            • Gran RS 78

              O Polo nunca vendeu bem em nosso mercado, isso é fato. Vender mal não quer dizer que o carro é ruim, o Linea está aí para provar isso, pois o carro é bom, mas foi lançado caro demais. O mesmo vale para o Polo, que era um modelo muito caro, e acabava concorrendo com modelos de categoria superior.

          • Edson Fernandes

            Pior ainda é o preço de revenda. É um carro que está em franca descida de preços.

            É possível encontrar Onix do mesmo ano do Sonic usados, sendo o Onix mais caro! Isso é assustador.

            • Corvo

              Pois é, infelizmente é assim. Jamais pensei que o Sonic fosse sair de linha, mesmo com vendas bem fracas.
              É um carro que a mim sempre me agradou. Embora muitos critiquem o design, acho bacana. Pena que não era tão equipado como o Fiesta por exemplo. Pior ainda é saber que em mercados mais exigentes (até na Argentina) a versão LTZ vem com 6 airbags e teto solar, entre outros mimos (o Fiesta também).
              Ano passado, inclusive esse até, cogitei pegar um Sonic automático..ainda bem que não fiz isso !

              • Edson Fernandes

                Pior… ele era equipado com 10 air bags!

                • Corvo

                  Sim..nos Estados Unidos por exemplo tem 10 ! Mas se aqui colocassem 6 pelo menos, já estava de bom tamanho

                  • Edson Fernandes

                    Mas se fosse amis barato poderia até evitar a colocação.Mas a GM não foi burra: Assumiiu o Onix no lugar (eu nao concordo e acredito que no futuro isso trará problemas) e tem dado certo por enquanto que o produto ainda é novidade.

      • Zoran Borut

        No caso do Sonic, acho que claramente foi erro de estratégia da GM. Um carro menos equipado que os concorrentes vendido a um preço alto sem nenhum fator diferencial e ainda por cima enfrentando canibalização. Não dava mesmo.

        • FabioH

          E a Tracker vai pelo mesmo caminho… a diferença é que ela não enfrenta canibalização da marca, trazer versões mais baratas (LT/LS) talvez ajude, embora acredito que mesmo nessas versões, seu custo ainda será superior aos seus concorrentes.

        • ALEX_BHZ

          E fora que ele vinha da Corea a um preço bem salgado, e depois passou a ser importado do Mexico sem nenhuma alteração dos preços. Sonic foi um MICO…. se a GM estivesse mantido o Astra nos moldes do Europeu estaria bem melhor.

          • Rubem

            se a gm mantivesse toda a linha opel, estariamos muito bem servidos. astra no lugar do cruz credo; corsa no lugar do porco espinho ( sonic) e adam no lugar do familia adam ( prisma)

            • V8

              Nos EUA, cruze a astra convivem juntos. astra nem aparece nas top50 de vendas de lá. e o unico braço gm que vai mal das pernas, eh exatamente a opel.

              • Gran RS 78

                Porque o Astra lá é vendido com a bandeira Buick, uma marca mais conservadora e luxuosa que os carros da marca Chevrolet.

                • V8

                  EUA não é Brasil… Não possuem problemas com preços. Basta olhar quais são os carros mais vendidos por lá. Muito mais caros q estes

                  • Gran RS 78

                    Eu não falei nada de preços, pois sem bem que lá todos os carros são baratos, falei que o Astra lá é vendido com a bandeira Buick uma marca para consumidores mais velhos, inclusive todos os modelos da Buick são modelos com vendas mais discretas, pois os consumidores da Buick são pessoas que procuram carros mais confortáveis e com acabamento superior ao dos modelos da marca Chevrolet.

              • Rubem

                mas la a gm é a marca pé de boi e o astra esta sob a marca da buick, mais caro e obviamente, vende menos que o cruze.
                Buick Verano – comença em U$$ 23.300.
                chevrolet cruze – comença em U$$ 17.520.

                nos eua essa diferença de U$$ 6.000 soa psicologicamente como R$ 20.000 para nós brasileiros.

                Eu so tinha gm mas depois dessa “atualização” no brasil pedi as contas e parti para outra montadora. Só desenho mal resolvido.

    • Sidney Senhorini

      Muito fácil de achar peças pela Internet. Foi produzida para os EUA e as regras de peças são muito rígidas por lá. Pelo ebay sai mais barato que comprar no Brasil

      • Antonio De Julio

        Mas e o tempo de entrega?

        • Pacheco

          Qualquer auto-peças em SP tem todas as peças q vc precisar da Captiva. Desde 2008 no mercado e bons numeros de vendas… é um Chevrolet, tem muita peça dela por aqui. Esse não será um problema dela.

          • Antonio De Julio

            Bom, menos mal, pois se pintar uma usada com pouco uso…

            • Marcos Vinicius

              Em SP a Chevrolet vende muito bem, tanto os nacionais como os importados, acredito tembem que peças de reposição não seja um problema.

      • zeuslinux

        E acredito que ela deve compartilhar muitas das peças com o Chevrolet Equinox americano, sem contar que é vendida como Opel Antara na Europa.

        O problema de peças acontece com qualquer carro brasileiro que não seja popular.

    • Pacheco

      Captiva não tem problema com peças. Nenhum GM tem problemas com peças. É mais facil achar peças de uma Captiva do que do C4 Pallas amigo.

      • Edson Fernandes

        Isso é uma inverdade. Se eu encontro peças de um Xsara (no qual possuo) vai me desculpar… nunca que de um Pallas vc não encontra. Agora a grande questão é que a Captiva pode enfrentar aumento de preços nas peças pelo fato de deixar de ser comercializado, mas encontrará grande oferta nos EUA de peças.

      • Gran RS 78

        Disse tudo. Tenho uma Captiva 2011 V6 e na revisão precisei trocar as pastilhas de freio traseiro, e tinha na concessionária a pronta entrega, e olhe que foi em Amparo.Imagina nas grandes capitais do Brasil.

    • Gran RS 78

      Porque? Só porque irá sair de linha isso não é problema algum, vide muitos outros carros que já sairam de linha faz tempo e mesmo assim tem peças de reposição.

  • EuMeSmObYmYsElF

    Equinox? HAHA.. Chevrolet vai dar um jeito de cobrar mais caro que a Blazer com ele…

    • Allan Barcos

      Quando fui aos EUA, alugamos uma Equinox… O carro é muito bom, superior à Captiva na maioria dos aspectos (se não todos), ou seja, se vier mesmo ao Brasil ótimo pelo carro, mas o preço será exorbitante, sem dúvida!

      • Vitor Yohan Casaes

        mas até onde eu saiba a equinox é de categoria superior, ela fica entre a captiva e a traverse, concorre com a edge, já a captiva com a escape.

        • Vellored02

          A Equinox ta no catálogo da Chevrolet USA no lugar da Captiva, entre o Trax e o Traverse

          • Vitor Yohan Casaes

            Mas ela á concorre com edge, santa fé e etc, tanto que o preço é alto para categoria onde a captiva se encaixa.
            No méxico ela é acima da captiva por exemplo, captiva ( fica com ix35, sportage, freemont, asx ), Equinox ( sorento, santa Fé,, edge )
            É só ver os preços e os comparativos de revistas americanas.

  • Marcio Andriani

    bom carro está indo embora, porém não deu certo!!! Serio problema com o gasto de gasolina e a falta de beleza???

    • Matheus

      Não é tão gastão assim, é um motor v6 3.6 de 261 cv, que leva um carro de 2 toneladas de 0-100 em 8,6s. Carros v6 não fazem boa média nesse país que cada vez aumenta percentual de álcool na gasolina. Quer que faça média vai andar de 1.0-1.6. Por que até 2.0 flex não é nada bom em média. E a beleza, me desculpe, embora precisaria certamente de facelift, gosto muito da classe que ostenta a versão v6 com seus detalhes cromados.

      • Mazembe 2X0

        Lembro de um comparativo dele com o VW Touareg V6 e ele perdeu em consumo e desempenho, e olha que o GM é bem mais leve, tanto é que nem são da mesma categoria.Não lembro qual era a revista, sei que era da 4 rodas ou Auto Esporte.

        • Pacheco

          A 2.4 com cambio de 4 marchas bebe demais.

          • Mazembe 2X0

            E o acabamento desta versão não é la grande coisa, meu colega tem uma Ecotec e um Hyundai I30 G1 , o coreano é muito superior neste quesito.Na época o I30 custava uns 20 mil a menos.

            • Pacheco

              Realmente o acabamento da Captiva é ruim… e falta algumas coisas basicas.

              A minha é 2010. Não tem regulagem de distancia do volante, cambio de 4 marchas, ar analogico, cd player de pessima qualidade, ruidos…

              • Edson Fernandes

                O do meu cunhado que ele teve (era 2010 tbm) não tinha barulhos, mas ERA MANCA. Nunca teria uma 4 marchas.

                Qiuando vc pegava a V6 com um desempenho assustadoramente superior, vc nem queria pensar na 4 cilindros. Isso ficou estigmatizado mesmo com o cambio de 6 marchas do modelo atual (que inclusive deu outro desempenho para a Captiva com esse motor).

              • Gran RS 78

                A minha V6 2011 tem um bom acabamento, painel e portas emborrachado, volante com regulagem a distância, partida do motor no controle remoto, freio de estacionamento elétrico, bancos elétricos e aquecidos e ar automático. As Captivas até 2010 realmente são mais “básicas” nesse quesito, mas apartir de 2011, mesmo na versão 2.4, ela ganhou muitos itens a mais, inclusive cambio com seis marchas, injeção direta, freio de estacionamento elétrico etc.

      • ALEX_BHZ

        Concordo!
        Essa nossa gasolina que de gasolina mesmo só tem o nome, acho que nem nos 1.0 tem dado media que agrade, o que o governo ta fazendo é simplesmente fazer com que nós consumidores paguemos o rombo que eles fizeram na petrobras, aumenta o etanol mas mantem os preços mais lucro. Voce paga o mesmo pra andar menos. Sobre a beleza dela, que isso um dos mais bonitos que a GM teve aqui…

    • Gran RS 78

      Falta de beleza? Gosto é gosto, mas acho a Captiva muito bonita, e olhe que foi lançada em 2008 e mesmo assim o design continua atual.

  • Matheus

    É uma pena ver uma empresa que não soube aproveitar um SUV/Crossover tão bom desde o seu lançamento como a GM. A Captiva v6 chegou custando menos que um Tucson v6, sendo que seu rival era tranquilamente a Santafé da época. Repleto de equipamentos de série, boa construção, trazia 6 airbags, controle de tração e estabilidade, apoios de cabeça ativos, motor 3.6 de 261 cv, câmbio autoadaptativo de 6 velocidades, sensores de chuva e de luminosidade, motor com acionamento a distância, etc… tudo por menos de 100 mil reais. Equipamentos que hoje nem em alguns automóveis de 120 mil não oferecem.

    Sempre achei seu design interessante, aliando requinte e esportividade. Principalmente a v6, com rodas cromadas, detalhes cromados, saídas duplas de escape. Só não gostava muito da versão ecotec. É uma pena a GM não fazer uma geração de continuidade, por um preço decente como ela tinha. As outras marcas têm modelos moderninhos, mas escassos em equipamentos, motor fraco (para mim esse segmento de 100 mil acima não serve menos que 200 cv) e em segurança, e custando muito mais que isso.

    Mas que nada, ao invés disso traz a Tracker, que logo logo vai estar custando 90 mil – e tem louco que irá compra… lembrando que a Captiva ecotec 2.4, farta em equipamentos, chegou a custar 84 mil reais…

    …é uma pena mesmo.

  • Pedro Henrique

    é um bom carro, pena não ter uma continuação..
    ps: pneu firestone parece tão antigo ‘-‘

  • pedro rt

    e antigo mas e bom, a chevrolet deveria tirar de linha e os lixos celta, montana e classic nao a captiva

  • Danilo

    O SUV mais honesto na faixa de preço, não vai ter outro tão cedo.. Quem quiser, se contenta com rav4 a nível de etios msm…

  • Vitor Almeida

    “Até lá, a marca vai ocupar sua cota de importação do México para o Brasil com o Tracker, que deve ganhar versões mais baratas.”

    Vai tira as rodas então e vai cobra 70 mil! a LTZ é TÃOOO completa!!

  • GPE

    Uma pena nao ter continuidade. É o SUV mais completo que 100mil poder pagar

  • CharlesAle

    Importados da GM vão se confirmando como micos!!!

  • Louis

    Não está com boas vendas… Será que não é porque faz anos, desde que foi lançado, que não teve mudanças? Esse carro até que vendeu bem por ser importado e de preço elevado. O carro é bom e bonito, mas não vende porque a GM não quer, prefere focar no Tracker que tem produção mais barata e dá mais lucro. GM decadente.

  • Jonas Augusto

    Vai ser dureza engolir esse trambolho da Tracker goela abaixo, e particularmente falando eu acho a Tracker feia demais. A Captiva tem mais beleza, e pelo jeito vai ser o ultimo Opel que vai se despedir.

    • Marcos Vinicius

      Triste realidade amigo!!!

  • CarLoverRS

    O consumidor vai ter que se contentar com Tracker a preço de Captiva e levar para casa um “SUV” com acabamento de plastico duro, central “fake” midia e freios a tambor na traseira.

  • JCosta

    Pena que no nosso país, os consumidores aceitam tudo… A GM a substituiu pelo Tracker e ficou por isso mesmo. É um excelente veículo.

  • Noova

    essa branca muito feio mesmo…..

  • FaloNaCara ¯ _ (ツ) _ / ¯

    Era de se esperar. A Chevrolata depenou o Captiva, que vendia bem quando tinha a versão Ecotec 2.4 por menos de 90 mil e a Sport V6 por 100k, mas ano passado tiraram o motor V6 da Sport, deram uma depenada e passaram a vendê-la com motor 2.4 pelo mesmo preço.
    Até parece que foi um esforço para não vender o carro e assim ter uma justificativa para encerrar a produção.

    • Edson Fernandes

      Além do motor, qual foi a depenada?

      • FaloNaCara ¯ _ (ツ) _ / ¯

        Tirando a central multimídia ela ficou com os mesmos equipamentos da versão Sport 2.4…ganhou para-choques pintados, mas em compensação o preço ficou até maior que o da V6. Posso estar equivocado, se for me corrija.

        • Edson Fernandes

          Mas é isso mesmo. Não entendo a necessidade da GM fazer isso. Poderia manter os preços pois não teria canibalização da Captiva igualmente. A diferença é que com isso ela reduziu o numer ode vendas de um carro interessante no mercado.

  • Minerius Valioso

    Suponho que a GM aumente mais ainda os preços do Tracker.

  • Por mais que esteja há um bom tempo no mercado, tinha um desenho atual e a ótima versão (extinta) V6.

    A piada do mercado brasileiro, matou os crossover médios. Com 80 mil, acabou captiva, Sportage e Ix35.

    Tomara que a Ford se mexa e traga a Escape para o Brasil…

    • Gran RS 78

      Sim, mas o problema vai ser por quanto, pois se o Ecosport mais completo custa perto dos 80 mil reais, o Escape irá ser vendido perto dos 100 mil. Um absurdo total esses preços altos.

      • Por isso que eu disse… Fomos empurrados contra a vontade, para o setor de baixo…

        A pouco tempo atrás, podíamos comprar Captiva, Ix35, Sportage com esses valores próximos dos 80mil, hoje nem a Tracker mais…

  • Jonas Augusto

    Seria interessante se a GM do Brasil adquirisse o ferramental que é usado pra produzir a Captiva. E oferecer uma versão diesel seria interessante.

  • Careca

    Já teve carros bons a doentia GM, agora é:

    Agile saindo de linha
    Sonic saindo de linha
    Celta eterno
    Classic eterno
    Coblat

    Só lixo…

    • Jonas Augusto

      Tem mais lixo da GM tais como Onix e Prisma e o novo lançamento da Tracker que é outro lixo, e por fim a Captiva que já foi decretado seu fim, que por mais que o design esteja cansado é agradável ao olhar.

      • Careca

        É Jonas, a GM ainda vende porque existem saudosistas que tiveram os bons Omega / Monza / Opala , etc… e que acreditam que a GM de antes é a mesma que existe hoje, a verdade é que os carros GM eram desenhos alemães, mas depois do fim da parceria com a OPEL começaram a vir essas Mrdas.

        • Rubem

          sou um que pulou fora depois desse fim da “parceria” 3 chevettes 2 monzas e 2 zafiras anos 80, 90 e 2000

  • Gran RS 78

    Que noticia triste essa. Sou um feliz proprietário de uma V6 AWD, e pelo jeito será dificil encontrar um carro que ofereça tudo o que ela oferece pelo preço atual. Na semana passada vi um comboio de Trackers todas brancas e com placas verdes da montadora, e notei que das cinco unidades, 2 tinha rodas menores, possivelmente ela terá mais versões de entrada com preços mais baixos. Acho que isso já era previsto, pois a GM irá utilizar as cotas do México para a Tracker. A Captiva deixará saudades.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend