China Segredos-Flagras SUVs Volkswagen

China: novo utilitário esportivo da Volkswagen é flagrado em testes

vw-faw-suv-flagra-1 China: novo utilitário esportivo da Volkswagen é flagrado em testes

Volkswagen e FAW estão trabalhando em um novo utilitário esportivo na China. O modelo foi flagrado com muita camuflagem, mas deixou passar o interior. A preocupação em esconder o produto foi tanta que o cobriram com capas adesivadas, que realmente impedem até a percepção das formas básicas do veículo.



Porém, os vidros não foram cobertos com película e foi possível vislumbrar seu ambiente. O SUV em testes revelou um ambiente muito mais próximo do Polo do que o T-Roc, por exemplo. O mesmo em relação ao Tiguan e também ao Atlas. E a razão para ser tão diferente é simples: os difusores de ar centrais estão localizados abaixo da multimídia Discover Media.

vw-faw-suv-flagra-1 China: novo utilitário esportivo da Volkswagen é flagrado em testes

Ainda assim, entre estes, fica o botão de alerta, enquanto o painel possui um desenho mais sofisticado que envolve instrumentação e entretenimento. Tudo em preto brilhante com detalhes em cinza para contrastar. O painel possui moldura em material brilhante de mesma tonalidade, assim como difusores de ar laterais retangulares.

Chama atenção o console central com a alavanca de transmissão automática. O seletor de marchas é padrão, mas estranhamente apresenta um botão de controle próximo do porta-copos, podendo ser opção de tração nas quatro rodas com modos de terreno, exatamente igual ao do Novo Tiguan. Diferentemente do Polo 2018, o SUV misterioso apresenta porta-copos em transversal, além de um apoio de braço proeminente.

vw-faw-suv-flagra-1 China: novo utilitário esportivo da Volkswagen é flagrado em testes

No restante, o SUV da FAW-VW apresenta bancos com formato parecido com o do Polo 2018, assim como demais itens do acabamento. O volante, por exemplo, é o padrão da Volkswagen. Mas qual será este utilitário esportivo? Segundo os chineses, o veículo andou sendo testado inicialmente sob a carroceria da minivan Touran, porém, é certo que será feito sobre a plataforma modular MQB.

Eles também comentam que o modelo será de fato um SUV compacto e seu lançamento estaria programado para dezembro de 2018. Ele não é uma versão do T-Roc (foto acima) e nem mesmo é baseado no Tiguan (foto abaixo). Então, só existem duas hipóteses nesse caso. A primeira é a que se trata do T-Cross, um utilitário esportivo derivado diretamente do Polo e que compartilhará com este o entre-eixos. A segunda é este modelo ser o Tarek, um SUV derivado do Skoda Karoq e com porte menor que o Novo Tiguan.

vw-faw-suv-flagra-1 China: novo utilitário esportivo da Volkswagen é flagrado em testes

Como se sabe, o projeto Tharu envolve a produção de um SUV para os mercados emergentes, entre eles Brasil, Índia  e China. Além disso, por medir 4,38 m de comprimento, o utilitário esportivo da marca tcheca ficaria muito próximo do Tiguan e ainda longe do Tiguan Allspace, este último sendo feito na China pela SAIC. Para contrabalançar forças entre as duas sócias chinesas. Por fim, o estilo seria inspirado no conceito Cross Coupé GTE, que também será executado no país. Pelo que se pode ver, o mais provável é ele ser o Tarek.

COMPARTILHAR:
  • carroair30

    Aqui a VW lança um carro a preço estratosferico,dura ums 4 ou 5 anos ai muda a estrageia vide o UP

    • Mauro Moraes

      O up! foi um dos maiores fiascos da VW no Brasil. Com vendas sempre descendentes, deverá ser descontinuado em pouco tempo.

      • Marcos Drawer

        Pois é. Como produto, acho o Up (e seus irmãos Mii e Citigo) bastante coerentes dentro da ideia de subcompacto e com bom projeto. O que ferrou o modelo aqui foram detalhes como não ter forração das portas (o Up europeu também não tem, mas aqui, faz lembrar de Fusca e Brasília e parece “carro de pobre”, e o brasileiro é muito preocupado em “parecer rico” aos outros.) e principalmente o posicionamento de preços, pois deveria ser vendido hoje entre 27K a 40K no máximo, o que atacaria na certa Mobi e Kwid. A VW quer que o Up seja um carro de “imagem” a lá Mini Cooper e o colocou acima do Gol, quando na verdade ele deveria ser o mais barato da marca. Entendo que como o projeto é mais novo que o do Gol NF, a fábrica quer amortizar os custos cobrando mais caro. A chance de correção seria criar um Gol “Sandero”, de baixo custo, mas com bom espaço interno e fazer a escada Up > Gol “Sandero” > Polo > Golf.

        • João Martini

          Você realmente acha que o Up deveria ser mais barato que o Kwid? Tudo bem que ele está absurdamente caro, mas aí também já é demais.

          • Marcos Drawer

            O Up não precisava ser “uma pechincha”, mas também não devia ter preço tão acima dos concorrentes do segmento. (O Kwid começa em 29k, o Mobi em 34K e o Up em 38K, quase 10k a mais que o Kwid básico, o que faz as pessoas comprarem Ka, Onix, HB20 por enxergarem o Up como carro inferior pelo que se cobra nele.)
            O modelo tem qualidades e custar um pouco a mais (2K estaria bom) faria as vendas do Up melhorarem, pois entre Mobi e Kwid eu o considero um projeto melhor. Preços equivalentes acirram a concorrência e quem ganha é o consumidor. Mas, a VW quer assim, tudo bem, as outras marcas agradecem.

  • SAVEIRO CD

    Esse carro só pode ser o Tarek, o T-Cross já foi flagrado rodando por aqui, e ele tem as caixas de rodas redondas, diferente desse carro flagrado que tem as caixas de rodas quadradas, parecidas com as do Jeep Compass.

  • Jesse James

    Loco ein!!!!

  • No_Name

    O interior é um pouco largo para se tratar do futuro T-Cross. Provavelmente é aquele crossover que produzirão na Argentina, Tiguan de pobre.

  • Raimundo A.

    O Compass já não é grande com 4,42m de comprimento e estão sugerindo que esse Tarek será menor? Se é manter alguma distância do Tiguan novo, que tenha no máximo os 4,60m do old Tiguan.

    O console de marchas e tração se assemelha ao novo Tiguan que usa DSG 7 com modos de tração. Mas e aqui utilizariam esse tipo de caixa de marchas já que os modelos feitos aqui trocaram pelo AT6? O novo Jetta li que usará um AT8 conversor de torque. A Amarok também usa um AT8 com 4×4 permanente e modos de tração. Será que o nosso ao invés do DSG usaria um AT8 no 4WD?

    Acho uma oferta interessante para brigar com o líder dos médios que oferta AT9, mas considerando que esse VW não deve ter vocação off-road e se explorasse o AT8 seria útil por permitir uma marcha ser reduzida, mas não estranharia usar o AT6 com modos de tração por questão de custos.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email