Chrysler Lancia Salões do Automóvel Sedãs

Chrysler 300C será vendido na Europa pela Lancia

Depois de ter fotos e detalhes divulgados, o novo Chrysler 300C já tem locais definidos para ser vendido. A nova geração do modelo receberá adaptações para ser vendida na Europa, e o 300C será comercializado naquele continente pela Lancia e terá nome de Thema – recuperando um dos nomes mais importantes da marca na década de 1980.

Segundo informações diretas da marca, o “Lancia Thema” será apresentado oficialmente no Salão de Genebra. As motorizações que serão utilizadas incluem um novo diesel três litros com 230 cv de potência, além dos outros motores utilizados no 300C.





  • JacquesNetto

    Depois que ele ganhou toques de Lancia, era só trocar o logo! rsrs…

    • tiards

      Estou começando a gostar dessa geração…mas o coração bate mais forte pelo antigo!

  • imagemdigitalcv

    Achei bonito! Ele transpira luxo……

    • TIRIRICA123

      x2

    • davi_auto

      quando eu vi seu comentário, eu tinha entendido "Ele transpira LIXO" o.0 mais depois eu olhei direito,rsrs

  • pablogarcia

    Quem sabe assim a Chrysler sai do buraco.

    • Romulo_Max

      É o q esperamos…
      Mas sinceramente ainda não entendi a estrategia da Fiat a nivel mundial… eu não sou especialista, longe disso, mas parece meio contraditoria em mtos aspectos, principalmente apos a aquisição do grupo Chrysler, ela leva modelos Fiat pros EUA com marca da Dodge, Chrysler… Chrysler pra Europa como Dacia… dá uma bela confusão na imagem de todas as marcas envolvidas, não sei se isso é positivo, creio q seria menos impactante uma abordagem mais simples do q simplesmente tirar o logo de um e botar em outro… Sem falar na aparente ausencia de estrategia para mercados importantes como o Brasil, mas como eu ja disse, não sou especialista e não consigo entender essa estrategia.

      Acho q as estrategias, oportunidades e planos para o futuro da FIAT, Chrysler e suas respectivas subsidiarias renderia varias e boas materias, pq até agora acho tudo mto obscuro

      • thezum

        pelo q vejo, sera mais barato e rápido fazer desse modo, sem precisar abrir lojas novas e revendas com simbolo da chrysler, assim como a fiat vai fazer nos estaaados unidos, vai pegar alguns lojas da chysler apra vender o fiat 500.

      • pablogarcia

        Concordo com você. Por exemplo, o uso da plafaforma do 300C para um novo Alfa Romeo é benéfico. Reduz custos de projeto e mantém a identidade da Alfa. Mas pegar o 300C e colocar o logo da Alfa acaba com a identidade desta. Acho que o 500 deveria ser vendido como Fiat nos EUA (até porque todos sabem que é um Fiat), mesmo que em lojas da Chrysler (o que é permitido ns EUA).

        Uma coisa que acho importante ser feita em um grupo e que não sei se está nos planos da Fiat é a redução de plataformas com várias marcas utilizando a mesma para carros diferentes.

        • eds2010

          O interessante é o Romulo se enganar e dizer da DACIA… sai pra la capeta!!! rsrs

          É LANCIA!!! rsrs

          • Romulo_Max

            Opa, lapso… kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
            Malditos nomes parecidos

  • GuidsonM

    Sem contar que esse carro é um "monstro", pessoalmente. Muito imponente.

  • Rafael_Carvalho

    Agora que falaram em lancia,realmente tem haver com o estilo dos carros que ela ta lançando nesses últimos anos,principalmente na parte traseira que lembra o delta.

  • Igor_Pires

    Ainda não acostumei com a frente em conjunto com o resto do carro, mas que ele chega a dar medo de tão f**ão isso chega

  • Lorenzo

    Taí um carro bom para o Putin.

  • Fla3D

    Isso que é globalização… plataforma alemã da época da fusão daimler-chrysler, conforto de americano e será vendido como um italiano.

  • Gustavo Miranda

    Que bom para a Lancia, aliás, a Lancia foi a escolha certa para ser a Chrysler da Europa, Thema, Dedra, Delta II, Kapa, Prisma e Zeta poderiam ter formado uma linha junto com os Daytona, Shadow, LeBaron, Town&Country I e New Yorker, lado a lado, parece que todos saíram da cabeça do mesmo designer. Além do que, finalmente a Lancia pode ter um papel mais vistoso, já que há muitos anos figurou como coadjuvante de fundo na empresa, nunca vi a Fiat dar muita atenção à marca nas últimas décadas.

  • AutomotiveEngg

    Grande Lancia Thema!

    Seu nome impõe respeito nos mercados europeus e, de quebra, dá sentido às estratégias de negócios e de sinergia de recursos do CEO Marchionne, que vêm sendo, pouco a pouco divulgcadas. Por outro lado, o público norte-americano terá a percepção de que um modelo Chrysler, disponível em seu mercado doméstico, tem qualificações que lhe credenciam a receber a "aura" de uma marca legendária, na Europa, turbinando seu prestígio.

    Tecnicamente, a tração traseira é o requinte que o situa na faixa de mercado e de preço em que pretende competir entre as grandes marcas européias!

  • eds2010

    Mas AutomotiveEngg, ao meu ver, se eu sou um americano… vou enxergar o 300C … como um 300C! E digo mais, um 300C reestilizado e só. Quando eu digo "só" não estou dizendo que foram poucas mudanças e que não vai deixar de agradar, por outro lado, fizeram para agradar o publico americano.

    Mas, não acho que ele ganhará algum status a mais por saber que será vendido em outro país. Só acho que o americano vai gostar do que vai ver, por ser ao gosto deles. Alias, para eles o 300C já merecia uma melhoria há um bom tempo.



Send this to friend