Citroen Manutenção Matérias NA Sedãs

Citroen C4 Pallas – Defeitos e problemas

Citroen C4 Pallas - Defeitos e problemas

O Citroen C4 Pallas é um sedã médio que a marca francesa lançou no Brasil entre 2007 e 2013. Foi um modelo alongado e derivado do hatch médio C4.


O sedã era fabricado na Argentina e era derivado do modelo chinês C-Triomphe. Era equipado com motor 2.0 litros com 16 válvulas com 143 cavalos na gasolina, inicialmente.

Depois do C4 Pallas ganhou motor flex, o que fez a potência subir para 151 cavalos no etanol, tendo mais de 21 kgfm. Foi o único motor disponível aqui.

Também era equipado com transmissão automática de quatro marchas. Com 4,77 m de comprimento e 2,71 m de entre eixos, o Citroen C4 Pallas tinha um excelente espaço interno e porta-malas muito generoso.


O modelo chegou com missão de substituir o Citroen Xsara e foi trocado pelo Citroen C4 Lounge, um modelo menor. No entanto, o que os donos falam do C4 Pallas.

As reclamações são mais recorrentes em relação ao câmbio automático, suspensão com pouca durabilidade e superaquecimento do motor, entre outros.

Citroen C4 Pallas – Defeitos e problemas

Citroen C4 Pallas - Defeitos e problemas

O Citroen C4 Pallas tem diversas reclamações dos proprietários, que relatam entre defeitos e problemas, os casos relacionados com a transmissão automática AL4.

Alguns donos se queixam de problemas nos solenoides do câmbio, que apresentaram defeito ainda antes da primeira revisão em relatos.

Casos de travamento do câmbio, dificuldade para engates, redução antes da hora, trancos entre primeira e segunda marcha, são alguns dos defeitos que os proprietários se queixam.

Falam também de desengate da marcha e travamento em marchas específicas como segunda ou terceira.

Nunca houve um recall do câmbio automático AL4, tendo este virado até pauta de uma matéria do NA sobre o assunto.

O defeito no câmbio automático do C4 Pallas foi compartilhado com outros carros da PSA, sendo considerado um problema crônico.

Suspensão dura pouco

Citroen C4 Pallas - Defeitos e problemas

A suspensão do Citroen C4 Pallas é outro problema regularmente relatado por muitos donos, que reclamam da durabilidade de componentes do sistema.

Amortecedores trocados ainda aos 10.000 km, coxins do motor com menos de 60.000 km, bieletas com menos de 20.000 km e outros depoimentos que falam em mais de uma troca com quilometragem baixa.

Muito das peças e componentes da suspensão são relatados como trocados ainda no primeiro ano de uso. Tanto amortecedores como buchas de suspensão, coxins de motor e as bieletas.

Vários donos de Citroen C4 Pallas reclamam de barulhos internos, apesar de alguns elogiarem o acabamento. Falam de ruídos demais na suspensão, tida como muito macia para a realidade de nossas ruas.

Falam que o curso dos amortecedores é pequeno, especialmente os traseiros, o que favorecem bater no fim do curso e reduzir sua vida útil.

A suspensão é considerada baixa e o balanço dianteiro é tido como longo demais, facilitando raspar a frente do carro em depressões e lombadas, uma reclamação bastante comum dos donos de C4 Pallas.

Na garantia, teve suspensão com componentes trocados há somente 5.000 km.

Problemas no motor

Citroen C4 Pallas - Defeitos e problemas

O Citroen C4 Pallas teve muitos problemas logo de início no mercado nacional. Um dos defeitos e problemas mais graves foi da junta de cabeçote que queimava e permitia o superaquecimento do propulsor.

Vários donos relataram o problema em seus carros e, embora nunca tenha sido feito um recall, recomendações do mercado falam das séries 51 e 52 no final dos chassis, sendo o primeiro lote do sedã trazido da Argentina.

Além disso, outros relataram defeitos na válvula de retorno dos gases do tanque de combustível para o coletor de admissão. O C4 Pallas também tem reclamações relativas a falhas de funcionamento.

Também apontam falhas no ventilador do motor, o que favorece o superaquecimento, mas outros apontam a queima desse componente, vital para a refrigeração do propulsor. Só a troca ficaria em mais de R$ 1 mil.

Queixam-se ainda do enorme ruído provocado pelo propulsor e de seu alto consumo. Alguns alegam que ele falha com etanol e que revendedores teriam recomendado não usa-lo.

Outros defeitos e problemas

Citroen C4 Pallas - Defeitos e problemas

Outro defeito do Citroen C4 Pallas é a bateria, que em alguns casos, durou menos de um ano. Esse componente pode ser considerado “perigoso” se sua troca não for feita da forma certa.

Existe o risco de que, em poucos minutos, todos os parâmetros de funcionamento da eletrônica do C4 Pallas simplesmente travam e o carro fica inoperante.

Se isso acontecer, é necessário fazer um novo carregamento de software geral, desde a programação da chave eletrônica até o gerenciamento da ECU, pois, o C4 Pallas simplesmente “apaga”, segundo alguns.

No caso da bateria, teve proprietário que relatou o curto da mesma com apenas 15.000 km.

Outro item é a bomba de combustível, que também apresenta diversos problemas, especialmente no retorno de combustível ao tanque e queima do próprio componente.

Também se queixam de defeitos e problemas de vedação com entrada de água e borrachas se soltando, especialmente no porta-malas. Existem relatos até das janelas das portas e para-brisa (este sem entrada de água).

Igualmente falam mal do fechamento da tampa do porta-malas, que obriga a bater forte para ser fechado.

Muitas reclamações existem também sobre a qualidade do acabamento do volante, cujo revestimento descasca mesmo com pouco tempo de uso. Um dono relatou que em menos de um ano já apresentava tal problema.

Reclamam ainda dos freios, que geram ruídos nas pinças, mesmo com baixa quilometragem. De acordo com revendedores, as pastilhas soltas nas pinças é algo normal do carro.

Ar condicionado é outro item que não escapa de muitas reclamações, seja por defeito elétrico ou do compressor com vazamento de gás e mau funcionamento.

Mau negócio?

Citroen C4 Pallas - Defeitos e problemas

Muitos dos proprietários dizem que o Citroen C4 Pallas é um mau negócio e que foram surpreendidos por tantos problemas. Também reclamam do péssimo atendimento na marca francesa.

Na internet, existem inúmeros casos de clientes desse carro que estão totalmente insatisfeitos. Em sites de reclamação, o modelo tem relatos até de incêndio.

Em resumo, os maiores defeitos do sedã francês seriam câmbio automático e suspensão, com os demais reforçando a imagem ruim do produto.

A desvalorização acentuada é outro problema do C4 Pallas, que teve somente duas chamadas feitas para correção de problemas ao longo de seus sete anos de mercado.

Um deles foi para a correção da vedação do motor em carros feitos entre dezembro de 2006 e dezembro de 2011. Nesse caso, o contato da água com componentes eletrônicos do motor pode provocar pane e até princípio de incêndio.

Também de 2006 até 2012, os veículos feitos também tiveram que receber reforço na manta de isolamento acústico do motor. Existe o risco da manta se soltar e encostar no coletor de escape, iniciando um incêndio, conforme relatos na internet.

Ou seja, pelo menos o câmbio automático não entrou em uma chamada para ser reparado e nem mesmo de forma não oficial, como um “recall branco”.

Dessa forma, o problema gerou enorme prejuízo aos donos, que relatam custos entre R$ 4.000 e R$ 11.000 para correção dos defeitos da caixa AL4.

Citroen C4 Pallas – Defeitos e problemas
Nota média 3.7 de 6 votos

Ricardo de Oliveira

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 23 anos. Há 12 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações. Também trabalhou nas áreas de retificação de motores, comércio e energia.

  • Michel

    Aí vc associa uma marca que mecânicos não sabem reparar, uma marca que tbm nunca fez mta questão de instruir mecânicos Brasil adentro, grupo ruim que geria a marca no Brasil na época, com donos que compram um carro que não tem condições de cuidar e pronto a desgraça tá feita!

    • EDU

      Exatamente ! Conheço muitos casos de carros com muita eletronica embarcada e peças caras indo parar na mao de vileiro que nao tem como manter o carro depois sai falando que o carro nao presta.

      • fabio

        Mas esse mesmo vileiro como vc diz consegue fazer a manutençao de um Corolla como vc explica isso ????

        • Michel

          Corola não tem nada por isso não quebra! Rs o q dizer de uma empresa que fabricou carro sem airbag e abs até o último dia permitido!

        • Ivo Fonseca

          É bem simples, Toyota não costuma apresentar tantos defeitos em um curto espaço de tempo.

        • SDS SP

          Vileiro não faz manutenção adequada nem mesmo um popular ordinário e muito menos num Corolla da vida. Infelizmente grande parte não tem condições financeiras para fazer uma manutenção básica.

        • leomix leo

          Amigo, eu fui me informar direitinho, e o tanto de eletrônica que esse câmbio do C4 tem, o do Corolla não chega nem perto, por isso mais fácil dar problemas, estou com um 2011/12, e zero problemas, só reclamo de ter a frente muito comprida e baixa, raspa em tudo. Mais é um bom carro se vc tiver paciência e dinheiro pra manter, caso contrário, vá pra um uno peladinho.

        • Leonardo

          Não venha com mentiras, coleiro não consegue dar manutenção nem em Gol quadrado.

      • MarcosGojira

        Vc ta falando do Sonata, certeza…rs

        • delvane sousa

          Ou Azera kkkk

    • As fabricantes deveriam oferecer cursos gratuitos de mecânica para os profissionais, com certificado e tudo. A Shimano dá cursos de mecânica de bicicletas nessa modalidade.

      • Michel

        Concordo plenamente!

    • Mr. Pennybags

      “…uma marca que tbm nunca fez mta questão de instruir mecânicos”. Só uma correção, amigo. Citroen nunca fez questão NENHUMA de ao menos divulgar seu material impresso aos mecânicos, quanto mais treinamento. Foi essa estratégia de querer que os carros fossem reparados só na CSS que deu a fama de manutenção cara à marca. O mecânico honesto não pegava pq não ia se arriscar a fazer coisa mal feita e o picareta ia lá e fazia cagada, a receita perfeita pra pegar fama ruim.

      • Michel

        Mas foi exatamente o que eu disse, a marca nunca se preocupou em oferecer qualificação!

  • Tom Costa

    Tenho um 408 2.0 manual, sou o segundo dono. O carro vai fazer 90.000km e está com os amortecedores e molas originais. Na sexta foi que estourou um dos amortecedores dianteiros. O carro é durável como qualquer outro, mas você precisa dar manutenção e saber o limite do carro. Coxins realmente não são tão duráveis mas não é nada de outro mundo ou caro pra consertar.
    A única coisa frágil realmente no carro é mecânica da direção eletro-hidráulica, que cria folgas com os impactos nas crateras brasileiras.
    O único defeito que apresentou comigo foi o diafragma da tampa de válvulas, custou 450,00 uma tampa nova e troquei em casa.
    O carro custou 25.000 quando a fipe estava 33.000, pode ser difícil de vender, mas é muito menos dinheiro pra me levar do ponto a ao b com algum conforto. O custo de aquisição de um carro zero fazendo as revisões na CSS sai infinitamente mais caro que um usadinho com manutenção em dia.

    Carro geralmente é dono, mas tem uns que vem bichado de fábrica. Tive um punto 2013-14 que parecia um lego mal montado. O carro que mais tive prazer em ter foi um 500 sportair prima edizione.

    • Leo

      Poderia relatar seu consumo no 408 com etanol e gasolina?

      E depois poderia deixar um relato completo aqui no NA né.

      • Tom Costa

        Tenho usado só com gasolina, uso urbano apenas, trânsito travado. Minha região é o caos, 6km/l.

      • Gabriel Oliveira

        Meu faz 8.6, média de 24km/h gasolina

    • Gabriel Oliveira

      O meu troquei amortecedor e coxim com 110 mil. Tanque de guerra

    • Leonardo

      Tenho um 308 2.0 manual, um dos melhores carros que já tive. Só elogios, não estou preocupado com revenda, já paguei a desvalorização.

  • rodrigosr

    lançou o carro entre 2007 e 2013? Oi?

  • Um péssimo casamento!!!!!

  • Romualdo Vieira

    A parte elétrica dos carros de 2013 pra baixo da PSA é de dar medo! Ninguém quer por a mão. Tanto bug e pau que dá a impressão que até então não tinham feito projetos consistentes para um país tropical como o BR.

  • mjprio

    Pra mim um dos carros mais bonitos e, ao mesmo tempo,uma das maiores bombas do mercado. Um grande pecado foi manter o AL4,reconhecido pelo seu funcionamento problemático.
    Quando trabalhei em um gabinete militar, tínhamos Civic, Corolla, Megane e C4. De longe, os dois últimos eram os que mais davam problemas

  • Rafael Morozini

    Tive a felicidade de ter um exclusive manual 2009 ( a qual julgo ser a melhor versão ), carro excelente , nunca me deixou na mão !

  • TijucaBH

    Pessoal brinca que Marea é bomba, mas boa parte dos problemas do Marea são devidas à falta de manutençao e ao erro no inicio da Fiat em colocar intervalo de troca de oleo a cada 20 mil km. Quem tem um fiat desse e faz manutençao religiosamente em dia e troca oleo a cada 10 mil km ou 1 ano, o carro dura até bem. Já o C4 Pallas é ruim com força, tudo nele dá defeito, com ou sem manutenção preventiva.

    • leomix leo

      Estou com um C4 Hatch 2011/12 e zero de dor de cabeça, não sei se é pq tem 106k rodados, quando peguei tinha 82k, fiz toda suspensão, revisão de câmbio, e algumas coisas de acabamento. Carro muito confortável, só reclamo de ser baixo, sempre raspo a frente nas valetas.

    • Gabriel Oliveira

      Discordo, um C4 bem cuidado vai longe Tb, só trocar o óleo da caixa com 60 mil km e lembrar que o carro é pesado. Suspensão desse carro não é fraca como tá no post e a caixa pra arrumar geralmente é só solenidade e óleo que se troca é nunca que chega num orçamentoddesse de 11 mil.

  • 🅰🅽🅳🅴🆁🆂🅾🅽 – 🆂🅿® ✅

    Pelo relato dá a impressão que a pessoa não compra um carro e sim um problema, algo até que o estado islâmico refletiria a compra mesmo sendo chegado em umas bombas.

  • João Silva

    Tive um Pallas quase 5 anos e quase 100 mil km rodados. Tranquilo! Excelente carro, lembro dele com excelentes memórias.
    Precisei trocar as eletroválvulas da caixa uma vez, mas isso é tranquilo. Conserto de 1000 pila e 1 dia de serviço se bobear uma troca de embreagem se fosse manual sairia mais caro.
    No restante manutenção de desgaste normal, pastilhas, correia, filtros, óleos, etc….

  • Gilmar Bellotto

    Achei muito tendenciosa a matéria carro bom pra revista brasileira é VW, tenho um c4 2009 adiquirido de único dono, não tive problemas graves, somente o desgaste natural o meu é um pallas exclusive manual, fiz a embreagem com 89 mil km e era original, bateria troquei com 92 e também era original, suspensão nunca mexi em grandes partes troquei as bieletas 1 vez, e fiz a troca da correia dentada e bomba de água por km não por necessidade, digo uma coisa com proprietário de um c4, melhor carro que já tive, e olha que já tive muitos.
    Quer ter um carro desses use peças originais com eu fiz nas minhas manutenções e não terá problemas, se for cupim de ferro nem compre, não é carro pra vc mesmo.

    • Ernesto

      Tendenciosa? O NA tem feito matéria assim (defeitos e problemas) com vários carros, inclusive da VW. Deixa de chororô porque todos os carros tem problemas e defeitos.

  • Ueldes Damasceno

    Tive um C4 Pallas por 3 anos e não sofri com nenhum desses problemas, com exceção do “apagão” a bateria do carro foi troca de forma incorreta e ele realmente travou. Saiu de guincho para a concessionária para reconfigurar o software.

  • Anderson Trajano

    Esse foi um dos responsáveis por queimar a PSA aqui no Brasil. Eu até gosto dos carros da PSA, mas o Pallas a gente não tem como defender. Lembro que ao vê-lo pessoalmente me assustei um pouco. Ele tinha itens de conveniência que não existiam nos sedans médios da época, porém, falhava em coisas simples como as borrachas das portas.

    Lembro que na época as montadoras só ofereciam garantia por um ano, logo, a partir disso, toda essa infindável lista de problemas ficava a cargo do proprietário. Aqui em SP todas as lojas eram do grupo SHC (Sergio Habib) e não tinha negociação. Era o preço que ele queria ou ficar com o carro quebrado, já que muitos mecânicos não sabiam mexer no carro e não haviam pelas paralelas. Na mesma época Civic, Corola e Elantra custavam menos e começavam a ganhar o gosto do público.

    Foi questão de tempo para a fama cair na boca do povo e o preço do carro despencar no mercado de usados. Seu sucessor C4 Louge sofre com isso até hoje.

  • Comentarista

    Normalmente dá problema. Se der sorte, ainda vai dar. Kkkk

  • Saulo Bezerra

    Sempre achei esse carro magnífico, um professor meu do EM tinha um e era muito estiloso.

    Mas eu lembro dele por outro motivo, ele salvou a vida de diversos colegas meus em 2011, uma batida frontal num muro a 170, e faleceu apenas 1. Ainda que seja uma memória triste, fosse um clássic ou polo sedan a 120 não teria sobrado ninguém.

    Enfim, um carro que limpa as cagadas humanas.

  • Tallysson

    Engraçado a forma de falar do carro…. Só pontos negativos tem enfase, meu amigo tenho o carro e como eu amo esse carro, pra mim o carro e perfeito, lindo, confortável , grande, seguro e barato. A questão da manutenção qualquer carro dá manutenção porém essas informações exageradas sobre o carro da até do de ler. Com todo respeito do Mundo quem tiver condições de comprar esse carro, compre pois é um baita carrão e fiquem tranquilos, não é nada disso que está descrito acima. Claro que se não houver uma manutenção em um bom mecânico vai dar problema.

    • Ernesto

      Mais um com esse chororô achando que só porque o seu carro não dá defeitos, outro também não dá.
      E essa matéria é exatamente isso, mostrar os defeitos e problemas de determinado carro. O NA já fez com tudo quanto é carro, iniciando nos mais vendidos. É só pesquisar que você acha de Onix, HB20, Ka, entre outros.

      • Roberto Souza

        Acrescenta mais um na sua contagem, o meu também não dá defeito, sabe o segredo??? Manutenção.

        • Ernesto

          Carro tão perfeito que a Citroen ainda vende ele! E a procura é enorme!Ops, perai. KKKK!

          • Elvis

            Você tem demência?

            • Ernesto

              Demência quem tem é quem acha que a matéria é uma perseguição ao carro que tanto é fã. Cada um que me aparece…

              • Elvis

                Não questão de ser fã, mas sim justo.
                Quem mais tem autonomia de falar do quem possui o carro? Um Zé ruela que anda Onix pé de fogo ou Gol pé de boi?

          • Roberto Souza

            A situação de vender ou não, de nada tem a vê com a qualidade do carro, então a BMW que não são mais produzidas são porcarias, presta atenção no que você diz. E em relação a procura, eu procurei e conheço muitos que procuram. Então ….

            • Ernesto

              Comparar o Pallas com BMW foi a coisa mais estúpida que eu vi hoje por aqui. Depois pede para eu prestar atenção no que escrevo…aff…

      • Elvis

        Ernesto, você já teve um C4? Se não teve, fecha o tóba e para de falar besteira!

        • Ernesto

          Machão de internet, mas cara a cara o fiofó fecha que não passa nada! KKKK!

          • Elvis

            Quer tentar a sorte?

            • Ernesto

              Ui! Kkkkk!

  • Roberto Souza

    Vou falar como dono de um C4 Pallas 2010 Automático.

    Meu carro está com 148.000 todo original e em perfeitas condições, como todo carro a manutenção tem que está em dia. O problema que essas reportagens desvaloriza um excelente carro e coloca outras marcas como altezas, como se essas outras marcas não-nunca-jamais apresentassem defeitos, com isso o valor de mercado vai, o cara que está acostumado a andar de 1.0 com GNV e bomba de combustível queimada, compra uma máquina de luxo e acha que pode apenas andar e andar, no primeiro defeito ou falha emitem notas sem nenhuma qualificação. Como todo o carro a peças barata e peças caras, isso é normal, seja no Fusca ou na BMW, para quem tem interesse e CONDIÇÕES de manter um carro 2.0 com extremo conforto super indico, o C4 foi projetado para executivos e chefes de família, ou seja, quem usa o carro para viajar e passear, não adianta quer colocar 180 km no carro em uma rua cheia de buracos e desníveis e reclamar depois da suspensão estourada, você compra um carro e não um tanque de guerra.

    Resumindo RECOMENDO COMPRA DO C4 PARA QUEM TEM CONDIÇÕES DE PELO MENOS TROCAR O ÓLEO DO MOTOR.

    • Ernesto

      Não fale besteiras. O NA fez esse tipo de matéria (defeitos e problemas) com vários carros, de diversas marcas. Esse tipo de matéria não é exclusivo do Pallas não. É só buscar que você acha matéria do Onix, HB20, KA, Corolla, entre outros.

      • Roberto Souza

        Então é melhor não comprar nenhum carro, andar de bike, até alguém fazer uma matéria dizendo que a uma marca É ruim kkkk

        Em tempo, essa é minha opinião, talvez você nunca teve o carro, então fica quieto, eu tenho e eu aprovo. PONTO FINAL.

        • Ernesto

          Falou besteira no momento que você diz que o NA denigre um excelente carro e elogia outros. Você deve ser novo aqui para não saber que o NA fez esse mesmo tipo de matéria com outros carros.
          Pode continuar a falar suas besteiras que o choro é livre! KKKK!

          • Roberto Souza

            Caro amigo você sabe o significado de contraditório e ampla defesa, então, a NA argumentou fatos que eu como dono de um modelo igual, diferente de você, discordou, apenas isso. Não irei denegrir seus comentários pois é a sua opinião e respeito, diferente de você que sequer deve ter o carro e tem o prazer de falar besteira, estou só perdendo meu tempo com você pois estou de férias, então, você se tornou meu passa tempo.

            • Ernesto

              Eu não falo besteira, apenas disse a realidade. Não é porque o seu Pallas não teve problemas que outros tantos não tiveram. Parece o mesmo quando se fala de powershift da Ford: os fãs ficam irados, mas o mercado sabe a realidade.

              • Roberto Souza

                Rapaz primeiramente eu sou fã do meu filho e da minha esposa, nunca de algo material, que hoje eu tenho e amanhã eu mesmo venderei por algo melhor, pois como ser humano, trabalhador, buscamos sempre o crescimento pessoal e profissional, mas diferente de você, eu compreendo e consigo interpretar suas palavras, realmente tem gente que idólatra seus bens matérias, todavia não é o meu caso, não questiono ou duvido que possa ter tido pessoas com problema no carro, como eu disse no comentário de primeira instância, eu falei como dono de um, diferente de você, e passo também ratificar que todos os amigos que conheço, nunca tiveram problema com o carro, e olha que conheço muito maluco relaxado, faço parte de um grupo com 260 pessoas no qual nenhum reclama com tanta Veemência do carro, problemas surge, é CLARO, como qualquer carro, suspensão é a primeira pois nossas estradas são horríveis, a minha nunca deu problema, mas também eu ando a 20 km em alguns lugares, ou seja, fica a critério de cada um, não vou colocar exemplos pois sua mentalidade é retórica e maléfica, então fica a mera mercê de vossa interpretação. Retornando ao contexto, é óbvio que há problemas, mas como disse, manutenção deve ser seguido a risca, o problema que o brasileiro mal e porcamente troca sequer o óleo de motor, acha que todo carro é padrão gol 1000 que anda até por meio de oração, esse carro é padrão de pessoas maduras e que tenham condição de manter a manutenção em dia, pode surgir problema mesmo assim, com certeza, mais como proprietario de um afirmo que será mais difícil, eu posso afirmar, VOCÊ NÃO.

                Em tempo, gostaria de narrar um pouco do câmbio, o fantasma do carro, pois bem, é um câmbio problemático, depende do dono, do uso, das manutenções, do cuidado ao dirigir, sai variava que devem ser levados em consideração, isso gera um custo maior de manutenção, notório saber, mas se não tem condições de manter o carro, compra um mais popular, simples assim.
                Falamos tanto de peça de motor, que já um item no carro que desgaste muito rápido, pneu, já vou o custo para renovar os pneus!!!! Algo que durou em média 30.000 km…. Então isso também deveria ser um problema do C4, ter que trocar pneu!!!! Fica o questionamento sarcástico para sua pequena mentalidade filosófica.

                ACHO QUE AS RETÓRICAS JÁ BASTAM, mas se quiser a gente continua até eu voltar a trabalhar, ainda tenho 30 dias para perder com você.

                Boa Noite! Caro leitor.

                • Ernesto

                  Muita coisa pra ler. Quando virar filme me avisa.

                  • Roberto Souza

                    Sem problemas, na próxima réplica eu coloco figurinhas, talvez você consiga entender, infelizmente achei que estava debatendo com alguém que entendia um pouco, o que caiu por terra, uma vez que se não consegue ler menos de 800 palavras, vai conseguir entender de carro.
                    Desculpe pela minha burrice pessoal, agora entendi porque você é favor da reportagem, apenas leu a manchete e viu a foto do carro (figurinha), mesmo assim, Parabéns, para a média intelectual até que você foi além.

                    Ratifico PARABÉNS.

                    Obs.: Ratifico significa confirmo.
                    É bom deixa bem traduzido.

                    • Ernesto

                      Seu papo dá sono e não muda o que a matéria diz. Vou dormir.

                    • Roberto Souza

                      Deve da sono mesmo, ainda mais para quem não tem argumento para debater, até porque como vai ter argumento alguém que tem preguiça de ler, Brasil, fazer o que né.

                      “Os verdadeiros analfabetos são os que aprenderam a ler e não leem” Mario Quintana

                      Fica a dica.

  • Elvis

    Tenho um C4 2.0 Exclusive automático 2009 com 200 mil km.
    Carro ótimo, cuidando direito, não tem dor de cabeça, só alegria!

  • Aroldo Carlos

    Bom discordo totalmente da reportagem ,o carro é bom , assim como as pessoas precisam entender que , o que faz bem para o seu carro é o zelo que vc tem por ele, e também ter um bom entendimento de que o carro quando precisar de manutenção levar em alguém que saiba mexer para não correr o risco de prejudicar outras partes do seu carro, o carro é top de linha por ser um carro de pouco mais de 10 anos ele ainda dá de 10 a 0 em muitos nacionais do ano e equivale aos carros de luxo de hoje.Porem se vc achar um carro em bom estado pode considerar sim uma boa opção de compra .

  • Elvis

    Engraçado, os comentários negativos só vieram de quem não tem e nunca teve um C4. Qual crédito merece então?
    Que coisa, não?

    • Ernesto

      Meia dúzia defendendo representa todos que já tiveram esse carro. KKKK!

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email