Civic 2012: detalhes, motor, consumo, preços, versões, ficha

Civic 2012: detalhes, motor, consumo, preços, versões, ficha

O Civic 2012 chegou à nona geração, sendo uma releitura mais conservadora do icônico New Civic, trazendo um menos impactante em busca dos clientes mais tradicionais, que não se sentiram atraídos pelo estilo ousado do anterior.

Essa geração aumentou em tamanho, espaço interno e porta-malas, mas manteve algumas características do New Civic, como painel análogo-digital em dois níveis, para-brisa avançado e mecânica com motor 1.8 e suspensão multilink.

Oferecido nas versões LXS, LXL e EXS, o Civic de nova geração adicionou novas tecnologias, como foco em economia de combustível, conectividade, comodidade e segurança. Fora isso, manteve a confiabilidade e o conforto já conhecidos.

Entre as mudanças, destaque para o baixo coeficiente de arrasto aerodinâmico de 0,28 de cx, tendo ainda o VSA, sendo a integração entre direção elétrica e o controle de estabilidade, permitindo assim maior controle dinâmico de condução.

Ele tinha ainda o Shift Hold Control (controle de nível de inclinação e curvas), garantindo assim maior controle em curvas com atuação ou não do piloto automático, ampliando assim a segurança dinâmica.

Civic 2012 – detalhes

Civic 2012: detalhes, motor, consumo, preços, versões, ficha

Com 4,52 m de comprimento, 1,75 m de largura, 1,45 m de altura e 2,67 m de entre-eixos, o Civic 2012 teve um novo arranjo do interior sem perda de espaço, uma vez que o New Civic tinha 2,70 m de base.

Essa nova geração veio com um porta-malas mais generoso: 449 litros contra meros 340 litros do anterior. Visualmente, ganhou uma grade retangular mais tradicional e com a barra cromada, bem como um formato mais quadrado na frente.

Atrás, as lanternas adotaram um layout mais leve, enquanto a área envidraçada ainda mantinha os quebra-ventos falsos e as colunas A avançadas sobre o capô, porém, este ficou mais alto.

Na suspensão, o Honda Civic 2012 adotou amortecedores ligados diretamente à barra estabilizadora, melhorando a dinâmica de condução, além de introduzir um subchassi maior e mais leve, garantindo mais conforto e menos vibração.

Por dentro, o padrão Honda se manteve, com bancos em tecido ou couro, rádio integrado ou multimídia com tela de 5 polegadas. Entre as novidades, o i-MID, um computador de bordo interativo ao lado do painel digital superior.

Civic 2012: detalhes, motor, consumo, preços, versões, ficha

Nele, era possível adicionar até uma imagem de fundo e trazia diversas funções de mídia, telefonia, navegação e funcionalidades do veículo. Outro destaque era o ar-condicionado automático de série.

A multimídia com tela de 5 polegadas vinha ainda com câmera de ré de série, que elimina o sensor de estacionamento traseiro, algo bem mais prático. Na assistência ao condutor, o Civic 2012 adotava o modo Econ, priorizando o consumo.

Na mecânica, manteve o motor R18A1 com sistema i-VTEC FlexOne de 139 cavalos na gasolina e 140 cavalos no etanol, tendo ainda transmissão manual de cinco marchas ou automática de cinco velocidades.

Com conversor de torque, essa caixa teve este dispositivo ampliado e no manual, o sistema de embreagem ficou mais resistente. Além disso, as 4ª e 5ª marchas possuem função de Overdrive, tendo ainda modo Sport e paddle shifts.

Estes últimos não eram oferecidos na versão de entrada LXS, mas vinham num novo volante com comandos circulares e que até hoje ainda é usado pela Honda em seus compactos. O freio de estacionamento permaneceu manual.

Civic 2012: detalhes, motor, consumo, preços, versões, ficha

Tinha ainda teto solar elétrico, navegação nativa por GPS, airbags laterais e conexão Bluetooth, entre outras funcionalidades adicionais na versão topo de linha EXS.

Ainda com visual bem fluido, o Civic 2012 se converteu em uma opção muito boa no segmento de sedãs, onde era rival do Toyota Corolla e do Chevrolet Cruze. Usando sistema flex sem tanquinho e outras tecnologias, marcou seu tempo.

No mercado de usados, é um carro altamente procurado e valorizado, dado seu bom pacote e custo-benefício arrebatador, tal como a valorização atrelada à imagem da Honda e à confiabilidade do produto Honda Civic, com anos de mercado nacional.

É importante verificar as revisões feitas, assim como o estado da carroceria e eventuais batidas. Sendo conhecido por quebrar pouco, não titubeie e investigue as condições do carro. Estando bom, é um carro para uma vida inteira.

O Civic 2012 tinha frente com grade retangular, dotada de barra superior cromada com logo da Honda e grelha inferior com frisos horizontais. Os faróis duplos tinham piscas e lanternas integradas.

Civic 2012: detalhes, motor, consumo, preços, versões, ficha

Já o para-choque apresentava molduras laterais acentuadas com faróis de neblina ovais, bem como spoiler integrado na base e pintura na cor do carro. Nas laterais, retrovisores e maçanetas na cor do carro, mas estas eram cromadas na EXS.

Havia ainda repetidores de direção nos retrovisores das versões LXL e EXS, enquanto as rodas eram de liga leve com aro 16 polegadas e pneus 205/55 R16, sendo de desenho exclusivo e acabamento diamantado na topo de linha.

Na traseira, as lanternas eram dispostas nas extremidades e apresentavam pequena extensão sobre a tampa do bagageiro, que vinha com placa e a nomenclatura, além da câmera de ré. O para-choque era liso e pintado na cor do carro.

Já no teto, antena pronunciada e teto solar elétrico de tamanho padrão para o Civic EXS. Os vidros eram verdes e o para-brisa degradê, com limpadores flat blade. Por fim, o vidro traseiro tinha desembaçador.

No interior, o padrão era em dois tons de cinza, com bancos em tecido cinza ou couro da mesma cor, com estes revestimentos sendo empregados nas portas. O painel também tinha duas cores e o cluster era análogo-digital.

Civic 2012: detalhes, motor, consumo, preços, versões, ficha

Na parte superior, ficava um display digital com barras do Econ e velocímetro, além de nível de combustível e temperatura da água. Ao lado, ficava o display do I-MID. Abaixo, o conta-giros analógico com luzes-espia e indicador de marchas.

Ao centro, a multimídia tinha tela de 5 polegadas, trazendo entrada USB e auxiliar mais abaixo, Bluetooth e navegador GPS, já que a câmera de ré tinha imagem reproduzida no I-MID. Na EXS, havia quatro alto-falantes e dois tweeters.

No painel havia ainda o botão verde do Econ, bem chamativo, assim como o ar-condicionado automático com display diminuto. O volante do Civic 2012 era em couro e tinha comandos de mídia/telefonia/computador e cruise control.

Com assistência elétrica e sistemas VSA e SHC na EXS, tinha ainda coluna de direção ajustável em altura e profundidade. Nas portas, botões dos vidros elétricos e retrovisores, além de travas nas maçanetas.

Civic 2012: detalhes, motor, consumo, preços, versões, ficha

A alavanca de câmbio manual era pequena e esportiva, enquanto a automática tinha seletor reto, mas o volante tinha paddle shifts nas versões LXL e EXS. O freio de estacionamento em cor cinza ficava ao lado do câmbio.

No assoalho, perto do banco do motorista e soleira, havia as alavancas para abrir porta-malas e bocal do tanque. Ao centro, apoio de braço com porta-objetos. O porta-luvas era iluminado e os difusores de ar eram quadrados.

Atrás, o banco era bipartido e tinha apoios de cabeça, cintos de 3 pontos e sistemas Isofix e Top Tether para cadeiras infantis. O apoio de braço com porta-copos era muito bom em viagem.

O Civic 2012 tinha ainda um bom porta-malas com 449 litros, que podia ser ampliado e ainda tinha iluminação. O estepe ficava sob o assoalho. No teto do sedã, tinha alças e luzes de leitura.

Civic 2012 – versões

Civic 2012: detalhes, motor, consumo, preços, versões, ficha

  • Honda Civic LXS 1.8 MT Flex
  • Honda Civic LXS 1.8 AT Flex
  • Honda Civic LXL 1.8 MT Flex
  • Honda Civic LXL 1.8 AT Flex
  • Honda Civic EXS 1.8 AT Flex

Equipamentos

Civic 2012: detalhes, motor, consumo, preços, versões, ficha

Honda Civic LXS 1.8 MT Flex – Motor 1.8 flex e transmissão manual de cinco marchas, mais para-choques na cor do carro, grade cromada, faróis duplos, rodas de liga leve aro 16 polegadas, pneus 205/55 R16, vidros verdes, para-brisa degradê, limpadores flat blade, maçanetas e retrovisores na cor do carro, antena no teto, ar-condicionado automático, direção elétrica progressiva, freios a disco nas quatro rodas, freios com ABS e EDB, airbag duplo, cintos dianteiros com pré-tensionadores, bancos em tecido, banco do motorista com ajuste em altura, computador de bordo, cluster análogo-digital, sistema de som 2din com CD player/USB, Bluetooth, câmera de ré, abertura interna do bocal do tanque e porta-malas, banco traseiro bipartido, cintos de 3 pontos, apoios de cabeça, Isofix, Top Tether, vidros elétricos, travas elétricas, chave-canivete com telecomando, retrovisores elétricos, apoio de braço dianteiro, porta-luvas iluminado, fonte 12V, luzes de leitura, para-sois com espelhos iluminados, retrovisor interno dia e noite, alças de teto, sistema de som com quatro alto-falantes, porta-malas iluminado, alarme, botão com função Econ, desembaçador do vidro traseiro, limpadores de para-brisa ajustáveis, volante e alavanca em couro, i-MID, entre outros.

Honda Civic LXS 1.8 AT Flex – Itens acima, mais transmissão automática de cinco marchas e modo Sport, além de controle de cruzeiro.

Honda Civic LXL 1.8 MT Flex – Itens do LXS MT, mais faróis de neblina, retrovisores com repetidores de direção, apoio de braço traseiro com porta-copos, piloto automático e bancos em couro.

Honda Civic LXL 1.8 AT Flex – Itens acima, mais transmissão automática de cinco marchas e modo Sport, e volante com paddle shifts.

Honda Civic EXS 1.8 AT Flex – Itens acima, mais rodas de liga leve exclusivas, maçanetas cromadas, teto solar elétrico, sensor crepuscular, sensor de chuva, navegador GPS, controle de tração e estabilidade, assistente de partida em rampa e airbags laterais.

Preços

Civic 2012: detalhes, motor, consumo, preços, versões, ficha

  • Honda Civic LXS 1.8 MT Flex – R$ 69.700
  • Honda Civic LXS 1.8 AT Flex – R$ 72.900
  • Honda Civic LXL 1.8 MT Flex – R$ 72.700
  • Honda Civic LXL 1.8 AT Flex – R$ 75.900
  • Honda Civic EXS 1.8 AT Flex – R$ 85.900

Civic 2012 – motor

Civic 2012: detalhes, motor, consumo, preços, versões, ficha

O Civic 2012 tinha motor 1.8 i-VTEC FlexOne que era conhecido pelo código R18A1, pertencente a uma série de motores da Honda que ainda inclui o 2.0 i-VTEC, que apareceu posteriormente nessa geração do sedã médio.

Feito com bloco de alumínio, assim como seu cabeçote, o R18A1 tem comando único no cabeçote com sistema VTEC, que utiliza gerenciamento eletrônico e acionamento eletro-hidráulico para abertura e fechamento de válvulas.

Com o VTEC, é possível até manter metade das válvulas fechadas durante baixas rotações, de modo a aproveitar mais o torque nessa condição. Conforme a rotação se eleva, todas vão trabalhando gradualmente até a plena execução.

Acionado por corrente, o sistema VTEC garante o bom funcionamento do motor R18A1, que ainda está presente no Honda HR-V. Tendo sistema de refrigeração selado, o motor vem ainda com injeção eletrônica multiponto PGM-FI.

Nele, há pré-aquecimento do combustível para partida a frio com etanol, o que eliminou o tanquinho da geração anterior, assim como a portinhola de abastecimento frontal, algo que só existia nos Volkswagen a ar, exceto Kombi e Gol.

Com taxa de compressão de 11,7:1, os 1.799 cm³ ajudavam a produzir 139 cavalos na gasolina e 140 cavalos no etanol, ambos a 6.500 rpm. Já os torques eram de 17,5 kgfm no primeiro e 17,7 kgfm no segundos, ambos a 4.500 rpm.

A caixa manual de seis marchas tinha embreagem reforçada e acionamento hidráulico da mesma. No automático, o câmbio tinha conversor de torque maior e cinco velocidades, tendo ainda modo Sport e paddle shifts (LXL e EXS).

Desempenho

  • Honda Civic 1.8 MT Flex – 10,2 segundos e 190 km/h
  • Honda Civic 1.8 AT Flex – 11,1 segundos e 189 km/h

Consumo

  • Honda Civic 1.8 MT Flex – 7,4/9,5 km/l e 10,7/13,4 km/l
  • Honda Civic 1.8 AT Flex – 7,3/10,0 km/l e 10,5/13,4 km/l

Civic 2012 – manutenção e revisão

O pós-venda da Honda prevê revisões a cada 10.000 km ou 12 meses para o Civic 2012. O sedã médio da marca japonesa tem paradas com inspeção de diversos itens de motor, câmbio, eletrônica, suspensão, direção e freios, entre outros.

No serviço, troca-se óleo do motor, filtro de óleo, arruela do dreno, velas, filtro de combustível, filtro de ar, filtro de ar da cabine, fluido de freio, correia em V, lubrificante da transmissão automática, entre outros.

Além disso, serviços como troca de pastilhas de freio, discos de freio, batentes das torres, molas, amortecedores, bieletas, buchas de balanças, coxins de motor e câmbio, pneus, rolamentos e outros, são executados nas oficinas da Honda.

Alinhamento, balanceamento, cambagem, funilaria, pintura, recall, instalação de acessórios, lavagem geral, higiniezação do interior, limpeza oxi-sanitária, troca de palhetas de limpador, tratamento dos bancos em couro, são feitos também.

Civic 2012 – ficha técnica

Motor1.8
Tipo
Número de cilindros4 em linha
Cilindrada em cm31799
Válvulas16
Taxa de compressão11,7:1
Injeção eletrônicaIndireta
Potência máxima139/140 cv a 6.500 rpm (gasolina/etanol)
Torque máximo17,5/17,7 kgfm a 4.500 rpm (gasolina/etanol)
Transmissão
TipoManual de 5 marchas ou automático de 5 marchas
Tração
TipoDianteira
Direção
TipoElétrica
Freios
TipoDiscos dianteiros e traseiros
Suspensão
DianteiraMcPherson
TraseiraMultilink
Rodas e Pneus
RodasLiga leve aro 16 polegadas
Pneus205/55 R16
Dimensões
Comprimento (mm)4.525
Largura (mm)1.755
Altura (mm)1.450
Entre eixos (mm)2.668
Capacidades
Porta-malas (L)449
Tanque de combustível (L)57
Carga (Kg)460 (MT) 404 (AT)
Peso em ordem de marcha (Kg)1.230 (MT) 1.286 (AT)
Coeficiente aerodinâmico (cx)0,28

Civic 2012 – fotos

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 25 anos. Há 14 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações.