Chrysler EUA Europa Fiat Mercado

Com Chrysler, Fiat vê o México com outros olhos!

com-chrysler-fiat-ve-o-mexico-com-outros-olhos Com Chrysler, Fiat vê o México com outros olhos!







A união com a Chrysler não beneficiará apenas a montadora americana, como aparentemente se objetiva tal acordo. Na verdade, a Fiat vai ganhar tanto ou mais com isso.

Apesar de ser a nossa líder de mercado, a Fiat não desfruta do acordo comercial entre Brasil e México, exatamente porque não tem nenhuma fábrica naquele país.

Dessa forma, a montadora italiana não aproveita os lucros obtidos pelas demais marcas, como Volkswagen, GM ou Ford, que importam produtos de lá sem pagar imposto de importação.

Aliás, essa operação é altamente lucrativa, devido ao baixo custo da mão-de-obra mexicana, que é mais barata que a nossa. Essa operação lucrativa é que a Fiat pode estar almejando no âmbito local.

A Chrysler por sua vez, tem fábricas no México e poderia fornecer a estrutura para que a Fiat monte seus carros lá e os importe para o Brasil.

Hoje em dia, 71% dos modelos vendidos pela Chrysler, tem sua origem no México. Lá a Chrysler também utiliza as fábricas da Nissan, através de acordo para vender compactos que a marca não tem.

O primeiro destes à chegar aqui, será o tal Trazo(Nissan Tiida/Versa) que será oferecido no Mercosul. Esse acordo é mais simples e não abrange o que a Chrysler deseja, tecnologia em motores compactos e economicos.

Isso a Fiat dará à Chrysler, ainda mais que aqui na região está o segundo maior parque fabril da marca italiana, com diversas fábricas de motores e centro de desenvolvimento de produtos.

Com a possibilidade de produzir no México, a Fiat poderá abrir seus horizontes na América Latina e aumentar grandemente seu desempenho financeiro com a ajuda da Chrysler.

Modelos de gestão financeira adotados pela Fiat, também poderão traçar uma nova estratégia financeira na reestruturação da Chrysler, fato que já salvou a Fiat no passado.

Fonte: Valor Economico.



  • Lo Chun Man

    salvar a Chrysler? Chame o Gianne Coda e joga em cima dele, afinal foi ele o cara q levou a Fiat a liderança

  • thia_aral

    liderança????

  • lndnfsu2

    na italia thia_aral… no brasil nao foi ele….

    axo q este acordo vai ser bom pras duas se a chyrsler nao falir antes….

    novos motores da fiat q serao fabricados aki e modelos importados do mexico = carros mais baratos

    sera q o bravo vai ser fabricado no mexico?

  • JBAFilho

    Olha! Acho que a FIAT está dando uma tacada de mestre.
    O CEO da FIAT disse que ela é nanica, mas me parece que quem está lá no conselho da FIAT pensa grande. Pensa grande e não tem cérebro nanico, não. Muito pelo contrário.

  • Fernando

    A Fiat só saiu do buraco a outra vez porque deu o golpe financeiro na GM

  • JBAFilho

    Vai começar de novo. A mesma ladainha.
    Façam suas apostas. Marque com u “x” quem é a pior?

    ( ) Volkswagen nazista
    ( ) FIAT mafiosa

    :hauhau: :teeth2: :hauhau: :teeth2:

  • Diguinho

    Gostei desse carrinho ai da foto :cool: :banana:

  • fr_amaral

    [Comentario #135652 sera citado aqui]

    :hauhau: :hauhau: :hauhau: :hauhau: :hauhau: :hauhau:

    [Comentario #135647 sera citado aqui]

    Acho que estou cada vez mais concordando com os seus comentários JBA!

  • LFSP2

    [Comentario #135652 sera citado aqui]

    Pode marcar x nas duas, JBA?
    :hauhau: :hauhau: :hauhau: :hauhau:
    JBA atirando para todo mundo, agora não é só a FIAT, tremam montadoras.
    A FIAT entra com os compactos para a Chrysler e a empresa-norte americana entra no mercado europeu com a ajuda da FIAT, bom negócio.

  • duhs2dany

    Parece uma pajero rebaixada ;X

  • Luis.J.R.

    Será que teremos agora linea com motores v8!Bom quem sabé essa parceria dar certo. :hauhau:

  • André Vilson Pereira

    a FIAT poderia fabricar o Bravo no Mexico até a crise baixar e depois fabrica-lo aqui, com isso também poderia vir outros que não tenham no Brasil, a FIAT tá feita

  • macarrone

    [Comentario #135646 sera citado aqui]

    [Comentario #135761 sera citado aqui]

    Acho que se tudo der certo na união, o Bravo vai para o México, ai ele pode chegar aqui ‘mais baratinho’, igual aos Boras,Fusions e outros mais….

  • macarrone

    [Comentario #135664 sera citado aqui]

    Caro Amaral, o JaBA tá mudando seus conceitos!!! Isso é bom!

  • Caio Nesello

    Concordo que a Fiat tá dando uma tacada de mestre, JBA, já faz um tempo que eu acho isso…
    Os caras pensam muito bem…

  • JBAFilho

    [Comentario #135829 sera citado aqui]

    E parece que a aliança com Peugeot continua de pé também, só precisa arranjar a grana, que se não me engano são 2 bilhões de Euros. A FIAT quer o melhor que cada (futuro) parceiro puder lhe oferecer. A FIAT Vai dar uma guinada. Não duvido nada que quando acabar a crise, ela já não seja a 3ª em vendas. Ou pelo menos a que tenha maior potencial de crescimento.

  • Rodrigo_BSB

    Referente ao título da matéria “a FIAT vê o México com outros olhos”, acredito que a frase não é novidade, pois FIAT oferece uma boa gama de produtos, por exemplo: FIAT 500, Punto 1.4 e Turbo (europeus), Panda, Panda 4×4, Stilo Shumacher (europeu, 2 portas).

    Quanto ao texto “a Fiat não desfruta do acordo comercial entre Brasil e México”, tenho uma dúvida: a FIAT exporta do Brasil o Idea Adventure, a Strada Adventure e o Siena. Esses veículos não são beneficiados pelo acordo? Acredito que sim.

  • GusMendonca

    [Comentario #135652 sera citado aqui]

    noom teve nenhuma graça :evil2:

  • peterson666

    a Chrysler sempre foi taxada como a montadora mais fraca bdo mercado norte americano agora q saiu essa uniãozita virou a oitava maravilha automobilistica na verdade acho q esse negocio tem tudo para dar errado será q uma vai assumir aqueles fundos de pensão da outra ou tbm os sindicatos nacionalistas americanosvão ver cada vez mais cucaratea a nossa gloriosa Chrysler

  • macarrone

    [Comentario #135844 sera citado aqui]

    ou no mínimo vender um pouco mais pelo mundo, além do BR, isso se realmente der certo.


Send this to a friend