Esportivos Ferrari Mercado

Com V12 em alta, Ferrari registra lucro recorde no primeiro trimestre

ferrari-f12-tdf Com V12 em alta, Ferrari registra lucro recorde no primeiro trimestre

A Ferrari divulgou nesta quinta-feira, 4, seus números de vendas no primeiro trimestre de 2017 no mercado global. No período, a fabricante de Maranello conseguiu registrar lucro recorde de 124 milhões de euros, ante 78 milhões de euros registrados nos três primeiros meses do ano passado. E este resultado foi obtido graças aos superesportivos equipados com motores V12.

A linha de bólidos da Ferrari com propulsores de doze cilindros conseguiu registrar um aumento de 50% nas vendas. Esta gama inclui a nova LaFerrari Aperta, que teve todos seus exemplares adquiridos antes mesmo da sua estreia pública, além da F12tdf e da GTC4 Lusso. Por outro lado, os superesportivos equipados com motores V8 tiveram queda de 3 por cento.

Com esses resultados, as receitas da Ferrari tiveram alta de 22%, chegando a 821 milhões de euros.

Na Europa, a Ferrari vendeu 9% mais no primeiro trimestre deste ano, devido às vendas de dois dígitos na Alemanha, França, Itália e Grã-Bretanha. Já nas Américas e na Ásia Pacífico, houve aumento de 4% nas vendas, sendo que na China o crescimento foi de 3%.

A intenção de Sergio Marchionne, CEO da Ferrari, é lucrar 950 milhões de euros neste ano. No entanto, esta previsão pode sofrer variação após o segundo ou terceiro trimestre, com possibilidade de atingir a marca de 1 milhão de euros.

Ainda de acordo com o executivo, os planos de crescimento da Ferrari se concentrarão na expansão do volume de carros em novos segmentos. Anteriormente, a empresa queria restringir suas vendas para não prejudicar a exclusividade dos automóveis. Em 2017, a expectativa é fechar com 8.400 carros vendidos.

Leia avaliações, notícias sobre carros e compare modelos em NoticiasAutomotivas.com.br.

Send this to a friend