Chery Comparativos Matérias NA Mercado Preços Renault SUVs

Comparativo: Chinês Chery Tiggo enfrenta o romeno Renault Duster

tiggo-x-duster-620x336

Os dois SUVs apresentados neste comparativo tem algo em comum, foram feitos para mercados emergentes. Ambos de baixo custo, um tem origem em um projeto japonês, enquanto o outro nasceu de pais romenos e é vendido por uma francesa no país. Chery Tiggo e Renault Duster atuam em mercados diferentes ao redor do mundo, mas se encontram em alguns locais, entre eles o Brasil.


O Chery Tiggo é montado no Uruguai e tem preço em torno de R$ 52.990. Já o Renault Duster custa a partir de R$ 48.300, sendo fabricado no Brasil. Para este comparativo, elegemos a versão Dynamique 1.6 do romeno para equilibrarmos os preços. Assim, ele custa R$ 54.200.

tiggo-x-duster-1-620x343

Estilo

Em termos visuais, ambos não são atraentes. O Chery Tiggo herda a aparência do Toyota RAV4 da geração anterior, embora com frente alterada. Com estepe na tampa, o veículo parece maior e mais robusto do que realmente é. No geral, seu estilo está cansado e a renovação vai chegar em breve.


O Renault Duster tem formato volumoso e quase quadrado. Herdeiro do Logan, o modelo também aposta em visual parrudo e robusto, mas em detrimento da estética. Um facelift deverá ajudar, mas não muito.

tiggo-x-duster-2-620x420

Por dentro, o baixo custo se faz presente nos dois casos. No Chery Tiggo, o interior tem tons claros e plásticos duros com qualidade inferior, que não agradam.

O Renault Duster usa plásticos melhores, mas ainda assim duros. Tem tonalidade mais escura, deixando o visual mais sóbrio, embora não esconda a redução de despesas para baratear o produto (na linha de produção) e torná-lo mais rentável.

tiggo-x-duster-3-620x355

Equipamentos

O Chery Tiggo traz a proposta chinesa de sempre. Carros mais completos e com preços mais em conta. Ele já oferece ar condicionado, trio elétrico, direção hidráulica, rodas de liga leve, CD/MP3/USB, airbag duplo, ABS/EDB, faróis de neblina, regulagens comuns, entre outros.

O Renault Duster na versão Dynamique 1.6 apresenta airbag duplo, ABS, faróis de neblina, computador de bordo, ar condicionado, trio elétrico, direção hidráulica, CD/MP3/USB, Bluetooth, rodas de liga leve, volante em couro, controle de áudio na coluna de direção, entre outros.

tiggo-x-duster-4-620x433

A diferença em quantidade de itens pende para o lado do Renault Duster nesta comparação com o Chery Tiggo. No entanto, há de levar-se em consideração também a diferença de preços entre os dois.

O Chery Tiggo tem 4,28 m de comprimento e 2,51 m de entre eixos, com porta-malas de 520 litros até a altura das janelas e 827 litros até o teto. Com os bancos rebatidos, o volume sobe para 1.965 litros. Detalhe: os bancos traseiros são reclináveis.

No Renault Duster, o tamanho total é de 4,31 m e o entre eixos é de 2,63 m, portanto, muito maior que no rival. O modelo tem 475 litros no porta-malas até a altura dos vidros. Os demais dados não são fornecidos.

No espaço interno, os dois oferecem volumes semelhantes, apesar da grande diferença nos entre eixos. O Chery Tiggo tem melhor aproveitamento de espaço em relação ao Renault Duster. A posição de dirigir é boa nos dois casos, garantindo conforto em viagens.

tiggo-x-duster-5-620x343

Motor

Sob o capô, o Chery Tiggo está equipado com o moderno motor Acteco 2.0 16V, que entrega 135 cv e 18,2 kgfm, mas somente com gasolina. A transmissão manual tem cinco marchas e não há opção automática no Brasil.

O Renault Duster na versão Dynamique do comparativo, tem motor flex 1.6 16V com 110/115 cv e 15,1/15,5 kgfm, respectivamente com gasolina e etanol. A transmissão é manual de cinco marchas.

O Renault ainda oferece motor 2.0, câmbio automático e tração 4×4 em versões mais caras. O Chery também possui opção automática e tração 4×4, mas somente no Mercosul e outros mercados.

tiggo-x-duster-6-620x329

O Chery Tiggo pesa 1.375 kg, enquanto o Renault Duster tem 1.258 kg. Apesar de mais potente, o chinês é mais pesado e a relação peso potência tem ligeira vantagem para o romeno. São 10,18 kg/cv contra 10,93 kg/cv, respectivamente.

O desempenho dos dois SUVs é bastante semelhante, graças também à relação de marchas mais acertada do Duster. Ainda assim, na estrada, o Tiggo exige menos do motor, o que gera maior conforto e economia.

Mercado

A diferença entre os dois é brutal, quando falamos de mercado. Em Outubro, o Chery Tiggo vendeu 118 unidades com um total acumulado de 1.859 em 2012. Já o Renault Duster emplacou 4.781 no mês passado e é o líder do segmento de SUVs em 2012 com 35.687 vendidos.

Com garantia de 3 anos, Chery Tiggo e Renault Duster são opções consideráveis no segmento de SUVs compactos, que infelizmente tem poucos modelos no Brasil.

COMPARTILHAR:
  • Rafael_rec

    Duster ganha fácil essa.

  • Bacana o comparativo, mas no interior do Brasil, não tem como a Chery atender como a Renault atende, então supostamente o Duster seria a melhor escolha.
    Eu pessoalmente, não teria nenhum.

    • Cil

      Pois é. Não é comparativo. É briga de foice. Freddy x Jason. Predador x Alien.

  • RexL02

    O interior do tiggo parece até agradavel…agora oq acaba com essa impressão é o painel branquinho ;/

  • Guri_do_RS

    Visual do Chery já está cansado, sobre o Duster ainda tem o fator novidade, além de melhor resolvido esteticamente, e na minha opinião de acordo com a proposta e realidade do mercado brasileiro.

    • granrs78

      O Tiggo reestilizado estava no Salão do Automovel, que teve mudanças na frente e interior, que ficaram mais sofisticados, e estará disponivel com cambio automatico, então acho que o novo Tiggo será uma opção interessante no mercado.

  • jpmocellin

    Essa história de visual externo é muito subjetiva. Eu acho o Duster muito bonito, creio que o visual lhe confere imponência, que para mim é uma das principais características de um SUV. Não que o Duster seja um SUV propriamente dito, mas acho que é um carro bem resolvido em termos de estética.

    • flaviano22

      tambem acho muito bonito,o mais imponente da categoria,alem de muito estiloso…so mudaria a grade dianteira ue nao me agrada em um pouquinho…

  • loucoporcarro

    Tem nem comparação , apesar de o Duster não ser um ''carrão'' o duster ganha fácil desse carrinho feio ai da chery..

  • Juniorfillingam

    O chines no esto atual perdeu, quem SABE quando mudar em 2013 a situação vire.

  • MecanicoDigital

    Pra nenhum dos dois compensa. Um é chinês (=segurança zero) e espartano ao limite. O outro, além de espartano, é um remendo esticado de um carro menor.
    Só servem mesmo pra aumentar as margens de lucro das montadoras, às custas do consumidor desavisado.

    • robsonsc

      Vai dizer que novo ECO seria opção aos dois? Aquilo lá é só aparência, com um pouco de tecnologia pra tapear. Fui a uma css pra ver de perto e fiquei decepcionado. Simplicidade (Duster) não é defeito. A aparente "sofisticação" do modelo "americano" vai por água abaixo ao se encontrar peças mal encaixadas, falhas inclusive nas guarnições de porta e outros. Com um detalhe, a versão 1.6 que se "equipara" ao Duster deste comparativo custa o absurdo de 62mil (isso no site pq nas lojas tem ágio de até 5mil!!!!). Esse preço qeuivale à versão 2.0 do Duster com Câmbio Automático. Não estou defendendo ninguém, apenas fazendo uma análise racional!

      • Renato_Duarte

        sem contar que o proprio ecosport vem com a seguinte advertencia '' VEICULO COM RISCO DE CAPOTAMENTO'' dai ja podemos saber que o proprio consumidor é preconceituoso em relaçao aos chineses.

      • Edson Roberto

        MAs por acaso esse preço não é daquele com motor 1.6 que já vem até com 6 air bags e ESP? Porque se for, não que seja justo, mas ele tem um pacote muito maior de itens de serie.

        • robsonsc

          Não, não. Esse aí vai passar de 65mil. Fora o ágio que as css têm cobrado!

    • robsonsc

      É o mesmíssimo caso do ECO! Só que este custa muuuito mais caro!!!

    • granrs78

      O Sandero com quem compartilha a plataforma com o Duster tbm tirou somente uma estrela no crash test, então falta de segurança acho que não é somente item de série dos chineses.

  • RafaPinheiro

    Pra esse chines valer o risco de quem quiser compra-lo tinha que custar uns 10 mil à menos.

    • suguii

      Concordo, se custasse uns 10K a menos, até compraria…..

  • fkas

    Como o Duster é um Sandero e este só tirou 1 estrela, ele também não deve passar disso…

  • fkas

    Minha opinião sobre o desenho do Duster: se a Lada tivesse feito um redesenho do Niva nos anos 90, seria um Duster…

  • Landrutt

    Eu iria de Duster sem remorso. Que me desculpem os simpatizantes mas não confio – ainda – em carros chineses, pelo menos os de marcas genuinamente chinesas, como Chery, JAC e Lifan. Até me esforcei já, tentei ver os xing-lings com mais simpatia, mas no mercado nacional é uma cagada atrás da outra. Conheço dois donos de Chery, um Cielo e um Face, e os dois carros são duas verdadeiras porcarias, nenhum carro nacional, por pior que seja, consegue ser pior que eles. E não me venham com a velha conversa de que "os chineses estão evoluindo"…quem gosta de ser cobaia é rato de laboratório.

  • Vitão

    Depois do resultado do Latin NCAP, quero carro chines loooonnge…..

    • canino_preto

      Eu pensava que o Latin Ncap comprava s carros de teste nas revendas…dai a pergunta: consideradas as datas do teste, onde ela comprou o Etios, se o mesmo só começou a ser vendido em setembro?

    • DCesar

      Concordo com vc. Depois de ver que o carro desmancha na batida, sendo que o boneco quase bate no obstáculo, também mudei meu (pre)conceito com os chineses. Antes até daria uma chance pra esse J2 que lançaram recentemente, mas como o J3 já não aguenta o tranco, imagina o J2 que é menor ainda.

    • Pedro_Rocha

      Romeno idem.

    • zeuslinux

      E carro romeno da Dacia, como o Sandero, foram horríveis no Latin NCAP também.

      A briga aí é carro chinês x carro romeno.

  • robsonsc

    o COMPARATIVO é interessante, mas pode induzir o leitor a conclusões equivocadas sobre os modelos. Na minha opinião:
    1. Deveria, além do 1.6 mostrado, também comparar o Duster 2.0 (em todos os aspectos) por uma questão de parâmetro construtivo dos modelos, ao invés de parear por preço;
    2. Faltou uma análise dos preços das revisões e cotação de seguro para um perfil intermediário,nos dois modelos;
    3. Também faltou uma análise dos concessionários espalhados pelo país, como alguns já comentaram aqui;
    4. Finalmente, uma análise sobre preço de peças e disponibilidade de estoque tais como faróis e lanternas, pastilhas de freio.

  • Renato_Dantas

    Para mim dois lixos automotivo vendidos para os incautos brasileiros.

  • flaviano22

    Conheco de perto a afirmo com toda certeza,o interioro do tiggo r um lixo,tudo nele e de pessima qualidade…

  • ce_tavares

    Duas carroças com motor disputando pra ver quem é mais barulhenta e tem o pior acabamento.

  • oscar_fr

    Vocês estão de brincadeira comparar um Renault a um carro chinês!
    Não há comparação possível, o Duster leva por WO esta!

  • marciomvo

    O tiggo só leva vantagem no motor por não ser flex.kkk.

  • HumbertoRR

    Não fico com nenhum dos 2. Achei justa a comparação, mas fico com o Ecosport mesmo sendo mais caro.

  • dudupruvinelli

    Acho muito engraçado isso! "Mercado Emergente" A loja da Rolls-Royce que foi aberta mês passado foi aqui no país emergente né? Que coisa…

  • kkduu

    Depois do Latin Ncap ter mostrado o quao porco é o J3… danem-se os carros chineses pra mim.
    Eu n pegaria HJ nenhum suv no Brasil. Mas se fosse pra escolher eu pegaria a ECO mesmo sendo menor e mais cara.

  • Carlos

    Tenho um tiggo 10/11. Elé é delicioso de dirigir. É muito confortável. Já tive Zafira, Focus, peugeot 207 passio. O tiggo é o melhor disparado. Quem fala mal é porque não conhece. Pelo menos o meu é muito bom.

  • Cláudio

    Testei os dois e comprei um Tiggo para a esposa, achei o Duster muito inchado, parece uma viatura da policia, parece um sapo, talvez melhore nas próximas gerações e faça eu mudar de ideia, por agora o Tiggo já fez as melhorias que merecia e a versão 2014/2015 me encantou.

    • marcos lenzi

      Parece que tem gente que nunca comeu peixe chines e fica dando pitaco se é ruim ou bom. Tenho 70 anos, já tive mais de 50 carros de diversas marcas. Um dos piores foi uma Mercedes 160, sonho dos pobres, caiu tudo. Outro foi um Audi que esquentou, outro um Vectra que queimou etc etc. Que venha a nova linha Tiggo , agora com o maior investimento no Brasil, junto à CAOA. Aí vão dizer que o carro é de plástico. Delicioso de dirigir, motor forte e resolve ao que se propôs. Isto é o que importa, longe dos 120.000,00 de outras estrelas que perdem 20% ao ano.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email