Comparativos Fiat Matérias NA Preços Sedãs

Comparativo: Grand Siena Essence 1.6 versus Fiat Linea Essence 1.8

grand-siena-x-linea-700x299 Comparativo: Grand Siena Essence 1.6 versus Fiat Linea Essence 1.8

Embora pareçam de categorias diferentes, na realidade Fiat Grand Siena Essence 1.6 e Fiat Linea Essence 1.8 acabam pertencendo a um grupo similar de sedãs, com o Linea sendo vendido como sedã médio, mas neste ponto muitos tem suas dúvidas, pois o Punto não chega a ser um hatch médio.



O Grand Siena tem 4,29 m de comprimento por 1,70 de largura, 1,50 de altura e 2,51 de entre-eixos. Já o Linea tem 4,56 x 1,73 x 1,50 x 2,60 m (CxLxAxEE). O menor tem 520 litros no porta-malas, enquanto o maior carrega 500 litros. Os tanques são bem diferentes com 48 e 60 litros, respectivamente.

grand-siena-x-linea-1-700x390 Comparativo: Grand Siena Essence 1.6 versus Fiat Linea Essence 1.8

Quando se configura o Grand Siena Essence 1.6, chega-se a um preço máximo de R$ 54.362 sem o pacote Sublime. Nesse caso, o sedã compacto da Fiat alcança R$ 54.708. Com esse valor dá para comprar um Fiat Linea Essence 1.8 com Kit Full 1, saindo assim por R$ 54.795. Vale a pena gastar todo esse dinheiro no sedã menor ou é preferível pegar um pacote mais simples e ter um carro maior e com motor 1.8? Vejamos.

grand-siena-x-linea-2-700x464 Comparativo: Grand Siena Essence 1.6 versus Fiat Linea Essence 1.8

O Fiat Grand Siena Essence 1.6 com pacote Sublime inclui airbag duplo, ABS, trio elétrico, ar condicionado, direção hidráulica, CD/MP3/USB, bluetooth, rodas de liga leve aro 16 com pneus 195/55 R16, volante multifuncional, apoio de braço central dianteiro, computador de bordo, estética personalizada Sublime, teto solar elétrico, faróis de neblina, sensor de estacionamento, parafusos de rodas antifurto, controle de cruzeiro, sensor de chuva/crepuscular, retrovisor eletrocrômico e transmissão automatizada Dualogic Plus.

grand-siena-x-linea-3-700x466 Comparativo: Grand Siena Essence 1.6 versus Fiat Linea Essence 1.8

Já o Fiat Linea Essence 1.8 inclui o Kit Full 1 com ar condicionado digital, retrovisor eletrocrômico e sensor de chuva/crepuscular. Ele também oferece de série computador de bordo, direção hidráulica, trio elétrico, rodas de liga leve aro 15 com pneus 195/65 R15, CD/MP3, controle de cruzeiro, USB, airbag duplo, ABS, faróis de neblina, disco nas quatro rodas, entre outros.

grand-siena-x-linea-4-700x466 Comparativo: Grand Siena Essence 1.6 versus Fiat Linea Essence 1.8

Nesse caso, o Grand Siena fica bem mais equipado e oferecendo inclusive transmissão automatizada, o que confere maior conforto no uso diário. Ele também oferece rodas maiores, teto solar elétrico e sensor de estacionamento. O Linea acrescenta pouca coisa de itens, mais relacionados ao acabamento e categoria em que está inserido. Disco nas quatro rodas é um item importante também oferecido.

grand-siena-x-linea-5-700x495 Comparativo: Grand Siena Essence 1.6 versus Fiat Linea Essence 1.8

Em termos de motor e desempenho, a dupla mantém o equilíbrio, tendo o Grand Siena 1.6 Dualogic o propulsor 1.6 de 115/117 cv e 16,2/16,8 kgfm, respectivamente com gasolina e etanol. De 0 a 100 km/h, o modelo precisa de 10,0/9,9 segundos (gasolina/etanol) e tem máxima de 194 km/h.

grand-siena-x-linea-6-700x466 Comparativo: Grand Siena Essence 1.6 versus Fiat Linea Essence 1.8

O Linea 1.8 manual tem bloco 1.8 com 130/132 cv e 18,4/18,9 kgfm, na mesma ordem. De 0 a 100 km/h necessita de 10,3/9,9 segundos e 190/192 km/h de máxima, na mesma ordem de combustíveis. Consumo? Nenhum dos dois foi aferido pelo Inmetro. Então, pesquisar entre os donos dos dois modelos seria interessante, pois retratam a realidade dia a dia.

Enfim, com o Grand Siena completo ganha-se em termos de equipamentos e melhor equilíbrio no desempenho, enquanto o Linea oferece mais espaço interno e conforto, além de um motor maior para situações em que se exige mais força.

COMPARTILHAR:
  • Revolucinário

    Aí vai depender do perfil do comprador.

    • experientdriver

      Os paineis da Fiat são muito pobres.

      Não adianta a Fiat querer "maquiar" um carro pequeno para se tornar compacto. Punto e Linea nunca serão, jamais serão.

      Fiat, a montadora dos populares para aqueles que não entendem de carro.

      • Landrutt

        "Não adianta a Fiat querer "maquiar" um carro PEQUENO para se tornar COMPACTO. Punto e Linea nunca serão, jamais serão."

        Se Punto e Linea não são compactos são o que, SUVs? Não entendi.
        Há de se frisar que o Linea, cuja Fiat queria vender como médio, hoje se encontra na mesmíssima faixa de preço de outros sedãs compactos concorrentes, como o New Fiesta Sedan, City, Sonic Sedan e o caríssimo Polo Sedan de 2002. Quanto aos painéis pobres, concordo, embora hoje o Punto (e seu painel macio, tão aclamado aqui) dê uma surra no painel de plásticos porcos que a Ford colocou no New Fiesta nacional.

        • experientdriver

          Correto, no lançamento a Fiat tentou emplacar o Punto como concorrente do Golf, Vectra Hatch, 307, etc, mas logo o mercado tratou de coloca-lo em seu devido lugar com Polo e cia.

          O mesmo desfecho deu-se com o Linea, conforme vc colocou.

          • TDRamos

            A Fiat nunca tentou vender o Punto como hatch médio, isso ae já é invenção da sua cabeça, diferente do Linea que realmente tentaram vender como médio

            O Punto sempre foi concorrente do polo tanto na Europa como aqui, não tinha nem como, nem porque colocar o Punto como concorrente dos hatchs médios

            • alfredo_araujo

              Sempre focaram no Polo, da VW…

          • Landrutt

            Mas experiendriver, o Punto sempre esteve no patamar de hoje. Um amigo meu comprou um ELX 1.4 pouco tempo após o lançamento em 2007 e pagou na época pouco mais de 40 mil. Ele sempre concorreu com Polo e C3.

      • Revolucinário

        Tenho um Palio ELX 2007, mas se fosse trocar de carro hj os carros da Fiat não seriam minha primeira opção.

      • experientdriver

        Desculpe caso exista uma relação emocional entre a sua pessoa e carros da Fiat. Meus sentimentos.

        Sinto muito que vc não conseguiu sequer expressar a sua opinião a respeito da matéria, sugiro respeitar a opinião dos colegas, afinal esta é uma premissa básica de qualquer blog.

        Quanto a sua notável falta de educação, relatei vosso comentário aos moderadores.

        Passar bem.

      • Edson Roberto

        Para que ofender? Poderia ter explicado sem necessidade de vir aqui e ofender de forma gratuita. Está advertido e na próxima que tomar esse tipo de atitude será banido.

  • bedotRJ

    A preços parecidos, é Linea sem pestanejar.

    • Edson Roberto

      Tudo depende do Pacote. Geralmente, ninguém irá pegar a versão com todos os itens de série do Siena, o que faz dele uma opção menos cara que o Linea. Eu voltaria no Cobalt… mas citando os dois citados… eu acredito que se não quisesse eliminar o pedal de embreagem eu ficaria com o Linea. Isso porque ele tem um interior melhor acabado, é mais silencioso e a suspensão tem a mesma bitola do Punto, o que transmite além de maior conforto, boa estabilidade.

      Sem contar que o motor 1.8 responde muito melhor, principalmente em baixa.

      • gabriel machado

        mas o linea tu acha com muito desconto…

        o siena vai pagar quase o preço da tabela

      • TDRamos

        O Gran Siena é muito estável tbm, a parte de tras da sua plataforma nao é do Palio e sim do Punto, o que conferiu maior estabilidade e espaço, mantendo um acerto confortável para a suspensão

        Da uma lida no artigo do Gran Siena no AutoEntusiastas que vc vai ver o que eu to falando

        • Edson Roberto

          Na verdade, a bitola usada na suspensão traseira foi a medida do Punto, isso deixou o carro mais equilibrado. Minha irmã possui um Grand siena Dualogic desse. O que me desagradou nele é justamente a posição do motorista que no meu caso, não sei por qual motivo, mas minha canela bate diretamente no acabamento acima dos pedais. Conclusão: Para dirigir, tenho de ficar sentado como em uma cadeira, para dirigi-lo.

          Foi um ponto ruim. E eu não gostei do Dualogic também do carro, ele muda no meio da subida para a marcha seguinte, em seguida, qdo não há força dá um tranco com a marcha menor novamente.

          • Richard

            Olá Edson analisando o blog vi que vc consegue ter uma boa visão sobre a matéria e neste momento me encontro nessa situação. Qual Escolher o Grand Siena ou o Linea 2015? Confesso que tenho preferência pelo Linea mas não estou com minha convicção formada pois ainda tenho muito receio quanto ao valor de revenda e o cambio dual logic. Gostaria que vc ajudasse a dirimir estas minhas dúvidas. o Linea realmente desvaloriza muito?

      • farleytito

        desculpe a minha ignorância, mas quem foi que disse que o motor 1.8 do linea responde melhor que o 1.6 do grand siena em baixa?

        • Edson Roberto

          Eu qdo dirigi os dois (minha irmã tem um siena desses) e o Linea de test drive. Como procurava as versões Dualogic, era nitida a diferença no comportamento, onde, mesmo em uma subida ingrime, além do cambio jogar melhor com o motor 1.8, ainda tinha torque de sobra em baixa para que mesmo tendo a troca de marcha no meio da subida, o motor respondia a contento.

          E considerando que esse motor 16v é de comando simples, ele tem ium força interessante.

  • Luiz Prestes

    Grand Siena pelo seguro e pelo preço médio de manutenção.

  • dpsf

    pagar mais de 50 mil em um grand siena? nem brincando. o linea eh mais carro, em que pese a menor liquidez, segurp mais caro, maior desvalorização e um possivel face lifting p 2014. Tb nao gostei muto do interior branco com marron da versao sublime. Se fosse todo caramelo ficaria bem mais bonito e harmonioso.

    • ARISTEU

      Se tivesse UNO com um espaço interno maior, um motor 2.0 de 150cv e muitos itens ia ter muita gente comprando exatamente com esse pensamento: é uno, é barato de manter, mesmo que custe 100mil reais, vai pagar feliz!

  • luis_ten

    Pelo mesmo preço não tem o que comparar, o Linea é bem superior, inclusive no design.

    • guilherme

      Sim, o Siena é bem mais novo mas tem cara de carro velho, cara de cansado. Sem charme nas linhas, apenas um grande volume.

    • Edison Volpe

      Também tem a questão do espaço da vaga na garagem para quem mora em apartamento.
      Quando troquei minha Palio Weekend por um Logan descobri o quanto o Logan é mais largo pela dificuldade que me criou para guardar o carro. Nesse caso escolheria o Siena por ter 3cm a menos na largura a outros no comprimento. Se morasse em casa térrea optaria pelo Linea (depois de avaliar o seguro, é claro)

  • Antonio Js

    Parece-me que o Siena seria um melhor produto pois a diferença de desempenho para o línea é minima e deve ser ligeiramente mais econômico.
    Mas se a Fiat quiser competir com os novos produtos dos concorrentes estes motores vão ter que render mais em torque e potência.

    • Stark

      Dispenso essa ideia de render mais pois mesmo sendo menos potentes são mais econômicos que os concorrentes com mais cavalos.

      Bem preferivel um 1.6 de 110cv econômico mas com torque do que um 1.6 com 140cv mas que bebe mais, e mantem o mesmo torque.

      • DougSampaNA

        O motor do Versa tem esta proposta, mas não existe Versa com cambio At, então passo longe!

      • Antonio JS

        Se seguir a proposta de todas montadoras do downsizing a tendência é diminuir a cilindrada e conseguir potências maiores do conjunto, graças a uma mistura mais densa nas câmaras de combustão aumentando a eficiência do motor. A economia virá junto,pois existem até outros ciclos de motor como o Atkinson empregado pelo Mazda 2 que é extremamente econômico. É uma questão de tempo sua economia não será esquecida!!

    • E quem disse que esse motor tem pouco torque e potencia?, acho que no mercado não tem um motor mais potente do que esse. Apesar dele ter menos cavalos que outros, ele tem um otimo desempenho.. o problema ai pode ter certeza não é a potencia!

  • Landrutt

    Sem dúvidas eu iria de Linea.

  • Samuca

    Preço das revisões, valor do seguro, disponibilidade e custo de peças de reposição também são itens que devem ser comparados. No quesito mercado acredito que o "Sienão" leva boa vantagem e na hora de trocar será melhor aceito.

  • predadordemarea

    Consigo gostar mais desse modelo de Siena do que do Línea.
    Linea é um sedan médio muito feio, talvez o mais feio do mercado.

  • was

    O Siena me atrai pelo motor e equipamentos mas a traseira não consigo digerir!!!! Na minha opinião estragou o carro.
    O Linea me pega pelo design mas equipamentos e motor…
    Essas montadoras fazem uma bagunça, inclusive no preço!
    Se eu fosse comprar um modelo desta categoria, muito provavelmente levaria um outro modelo, de outra marca pois pesquisaria muito!!!

  • Luciotz

    Não foi levado em consideração a qualidade do acabamento. O Linea parece melhor neste ponto.
    Também, o excesso de opcionais encarece muito o carro zero km e pouca diferença faz quando é usado.

  • William

    Eu iria de Siena, fala sério, ainda se o Linea fosse realmente um médio… ou se a construção fosse padrão Europa… mas a qualidade é Braçil então já que está na brincadeira vou com o mais bonito.

  • Capacete

    Em breve o Linea dará lugar ao Viaggio, um projeto bem mais fresco.

    • Anderson_sp

      Ui.

    • klpp

      que trocadilho maldoso hehe.

    • MajorAutomotivo

      KKKKKKKK
      Se for lançado aqui certamente o nome não poderá ser esse.

    • 4lex

      talvez seja o motivo de tanta cogitaçao sobre o nome do novo top line da fiat..

      acho que vai acabar sendo tempra mesmo..

  • zeuslinux

    Entre os dois o Linea é bem melhor, mas não compraria nenhum dos dois porque carro da Fiat só vale a pena se for como carro popular.

    E não é preconceito não, a marca parece mesmo que não quer emplacar carros mais caros no Brasil. Depois do Tipo e Marea, que foram carros bem vendidos, ela simplesmente desistiu de vender nesse segmento, talvez porque se queimou no mercado por causa de falhas nesses modelos.

    • radiobrasilcombr

      E o Freemont foi fogo de palha… vendeu até que bem no começo. E dos que compraram que conheço, TODOS ja venderam ou querem se desfazer do carro, motivo: pelo que bebe é muuuuito lerdo.

      • 4lex

        "Depois do Tipo e Marea, que foram carros bem vendidos, ela simplesmente desistiu de vender nesse segmento"

        acho que tipo e tempra, há vinte anos, sim foram bem vendidos; o primeiro pioneiro em airbag e abs nos medios hatches e o segundo o primeiro sedan top line nacional com bloco multivalvulas do país..

        projetos de excelencia com o que se produzia na europa; já o marea tambem um excelente carro;

        mas que usou tecnologia muito cara se nao for feita manutençao adequada e acabou marcando a imagem do carro..

        e acho que o nome do viaggio vai acabar sendo tempra mesmo..

  • LuccasVillela

    Gosto dos dois, são boas opções, mas acho que iria de Linea…

  • edsontak

    Preço do usado daqui a quatro anos:
    Siena, 34.000
    Linea, 24.000

    • Bruno Alves

      Acontece que não é todo mundo que compra carro para os outros. Eu compro carro pra mim. E por isso, o Linea seria minha escolha entre esses dois.

      • Claudio

        Exato, Bruno. Carro é um bem de consumo qquer outro. É como uma geladeira, só que com 4 rodas. Compra-se para obter conforto, estabilidade, segurança, desempenho, espaço interno, e não para ser mais um escravo do mercado. A realidade é que o brasileiro compra carro pensando em depreciação porque NÃO TEM CONDIÇÕES DE TER UM CARRO, mas compra de qualquer jeito só pra mostrar para o vizinho ou para o amigo, e por isso tenta "Lucrar" alguma coisa quando precisa "Jogar fora" a geladeira antiga e comprar uma nova. Lamentável. Por isso modelos porcos custam tão caro, e não há estímulo à inovação automotiva no País. Investir pra quê, se o idiota do brasileiro continua comprando os mesmo carros, em razão de sua mente fechada?

        • Ricardo

          Isso, isso, muito bem.

        • BigKelt

          Por isso que escolhi um Palio Essence.

          Ele é pequeno, mas cabe tudo o que eu e minha esposa precisamos colocar em um carro. Os filhos são grandes e não viajam mais conosco.

          Por ser pequeno é fácil de estacionar porque entra em qualquer vaga, e seu motor 1,6-l e 16 V é excelente nas ultrapassagens e também para subidas de serras.

          Este é meu primeiro Fiat e sinceramente estou muito satisfeito com ele.

          E para terminar, não "estou nem aí" para a desvalorização ou se alguém não gostar dele.

          É meu e felizmente está pago.

      • Luiz Prestes

        Concordo com você, porem isso só é realidade lá fora onde o carro é tido como um simples meio de locomoção. Infelizmente na nossa realidade Brasileira eu não culpo que compra carro prevendo a menor desvalorização porque aqui é complicado não dormir pensando no dia de amanha.
        Mas concordo que o carro deveria ser comprado para a pessoa e não com o pensamento de desvalorização.

      • fabioalisson

        Não é questão de comprar carro para os outros, penso que ao escolher um carro com menor desvalorização, estou dando valor ao meu dinheiro e buscando liquidez na hora da revenda.

    • gabriel machado

      o conforto, beleza, motor e o prazer em dirigir um carro mais bem montado pra mim valem essa diferença

      vou ficar 4 anos sofrendo dirigindo um carro pior, só pq vai desvalorizar menos ?

      se pensar assim melhor nem ter carro

  • Renan21

    Eu iria de siena. Acredito que seja tudo mais barato. Manutenção, seguro, consumo e principalmente revenda.
    No final o linea ficaria uns 10 mil mais caro auheuaehae

    • Edson Roberto

      Isso pode não ser realidade. Já que esse compartilha um grande numero de itens mecanicos com o Punto. Que querendo ou não, é o hatch que disputa boas vendagens.

      O problema é o fato de que a Fiat conseguiu queimar um produto que poderia emplacar o mercado. Alias, a Fiat poderia ficar mais tempo sem um médio de verdade e vendendo como é um Cobalt hoje, esse carro com essa nomenclatura cairia perfeitamente para o Linea que seria um player a se considerar.

      • Renan21

        Não sei é o caso do Punto e Linea. Mas há carros que tem itens aparentemente iguais mas são diferentes.
        Por exemplo o retrovisor do c4 hatch e c4 pallas, por fora são iguais, mas por dentro um tem dois pinos e o outro tem um pino, e a diferença de preço é considerável.

        Eu particularmente acho o linea muito bonito, mas não compraria.

  • Sias

    O Linea é bem melhor em acabamento. ..sem contar que esta versão do Siena está muito "chinesa" na minha opinião. Eu iria de Linea também.

    • DougSampaNA

      A ergonomia do Linea é melhor que a do Siena, quem tem mais de 1,85m sabe bem disso.

  • FelipeLange

    Prefiro o Linea.

  • José Márcio Santos

    Só falta a Fiat fazer igual a ford… ler comparativo e os comentarios e aumentar o preço do linea.. ai danou-se…

  • Adriano_Silva

    Se o futuro proprietário estiver disposto a pagar por um Siena top de linha, talvez o Linea ganhe no custo beneficio.

  • Thiago_NCO

    O interior do Grand Siena não passa do interior de um Palio.
    Do Linea, de um Punto.
    Mais uma razão pra ir de Linea sem pensar duas vezes.

    • malcolm19br

      O do Linea não passa de um Punto desatualizado, o que é pior.

  • Anderson_sp

    Dois exemplos aqui em SP:

    Fiat Grand Siena Attractive 1.4 8V (Flex) 2013 Preto – R$ 35.990,00
    http://www.icarros.com.br/ache/detalhes.jsp?id=50

    Fiat Linea 1.8 16V Essence 2012 Preto – R$ 36.490,00

    http://www.icarros.com.br/ache/detalhes.jsp?id=52

    Como não existe Gran Siena 12/12 e só 12/13 coloquei este aí, o Siena tem uma depreciação BEM menor que o Linea pois deve ser relacionado a aceitação do mercado, ambos tem preços parecidos, mas a vantagem do motor e porte do Linea se sobressai.

    *Não achei Gran Siena 1.6 16v com preço parecido para comparar.

    • Focusman

      O problema é que o Siena que vc encontra para vender usado, custou 37 mil zero. O de 54 mil vai valer o mesmo deste de 37 mil quando for ser vendido.

      • Edson Roberto

        O mais legal é o fato de comparar carros de anos diferentes…. isso deve fazer a diferença. E como qualquer sedan médio…. assim como a Fiat julga seu Linea, ele costuma ter depreciação maior. Não é dificil comparando compactos, encontrar um Punto a preço de Palio 1.4 ou 1.6 por exemplo. (Punto 1.4 ou 1.6 tbm)

        • W_Costa

          Taí outra boa matéria pro NA, mas se formos considerar usados, ainda iria de Linea e melhor ainda de T-Jet.

  • TecoPadaratz

    Já andei nos dois e quem já andou deve saber disso tb: O rodar do linea é infinitamente melhor do que o rodar do grand siena.

    Eu odiei o grand siena, achei um lixo total.

  • Manoel

    Mais de 50 mil e um Gran Siena? isso é um sedan popular maquiado, com plataforma de Uno e painel que parece projetado em 1999…foi feito pra enganar e muita gente cai na de que é um sedan superior…

  • saosao

    Não adianta, para mim, depois do Marea, Fiat é sinônimo de carro popular ou de imagem.
    Luxo, tecido marrom, bege, nada combina com ela… nem mesmo o volante conseguem deixá-lo bonito…

  • Paulo

    duas tranqueiras.

  • Focusman

    O problema todo será na hora da revenda. O Linea vai ter preço de Linea e o Siena preço de Siena. Logo todo o money
    investido nos acessórios do Sienão será perdido…

  • Antonio De Julio

    Eu confesso que to com medo do motor 1.8 da Fiat. Fechei um Siena Sublime com teto e câmbio manual, por R$ 48k. Gostei muito do kit Sublime, sugiro que antes de falar vão conhecê-lo e, podem rir, já perguntei a vários taxistas sobre o Siena e elogiaram o carro e o Etorq 1.6, e como eles rodam cerca de 200K ou mais com um carro, isso foi um fator decisivo, pois fico no mínimo 5 anos com um carro e uso "até gastar"

    • gabriel machado

      medo de que cara ?

      motor tem ótimo torque, e é relativamente economico comparado com o que temos por aqui…

      por causa de um motor que deu problema, agora todos sao ruins ?

      • Antonio De Julio

        Não quis dizer isso: meu medo maior é pelo histórico da Fiat em carros de maior porte. Infelizmente, o histórico não é muito bom. Não tenho nada contra a marca, tanto que tenho Fiat há mais de 15 anos e sou muito satisfeito.

  • Alexandre

    Meu irmão tem um Grand Siena, igual ao da matéria. Não adianta, acho esse carro horrível. Do design externo, ao painel. Tudo é feio!!!!!!!!!!! Iria de Linea, esse sim, acho elegante. Embora não esteja analisando a questão preço: deveria ser mais barato!

  • Fiat-r

    Faltou dizer que o linea tem 6AB como opcional !
    E o siena sem o sublime tem 4AB!

  • Enigm4BR

    Não compraria jamais nenhum dos dois.

  • CharlesAle

    Não compraria nenhum dos dois,Line é mico e não adianta negar esse fato,Grand Siena,infelizmente não gostei da estética da traseira e de seu consumo,além do preço na versão Top,não dá……..

    • Igor

      Mico? PQ?

      Só pq vende pouco é de difícil revenda… Cara sinceramente, desejo que vc um dia tenha condições de comprar uma Ferrari e jamais tenha que vende-la… deve ser o maior micasso pra vender!

  • felipe

    meu pai tinha o linea, agora ele compro o gran siena, eu achei o espaço interno do Siena maior… sei lá.. problema do linea é que a desvaloziração em 2 anos é 50% valor do veiculo, ou seja, uma vergonha..

  • Antonio_Brust

    A questão é que em nenhum modelo a versão top de linha é vantagem comprar… até porque é descabido esse tipo de comparação…

  • klpp

    Esqueceram de dizer que o Siena tem 1 ano de garantia e o Linea 3 anos. Isso conta muito na hora de comparar os dois carros.

  • Edu_SBC

    Por mais mico que pode ser no mercado de usados, eu ainda ficaria com o Linea. O Siena tem um bom mercado, mas essa versão top seria avaliada numa futura troca, por quase o mesmo preço da intermediária, não iam pagar muito mais por ela, ou seja, vc vai perder do mesmo jeito. Assim eu preferiria usufruir da vantagens de um carro maior.

  • santana

    ficaria com o linea ,acho que lel foi pouco explorado na comparaçao, na versao top ele vem com rodas 17" e som com subwoofer, tem motor de origem gm facil manutençao , nao pegaria o cambio robotizado,e sentiria falta do teto

    • Edson Roberto

      Esse motor do Linea é o Etorq da propria Fiat.

      • Antonio De Julio

        Edson, eu gostaria, se possível, de mais matérias a respeito desse motor 1.8 da Fiat. To namorando um Bravo mas to com medo desse papo dos pistões rachando. Abraço_

        • gabriel machado

          eu tenho um bravo e nada a reclamar

          • Antonio De Julio

            Gabriel, tá com quantos kms?

        • Wellington Myph13

          Tenho um Bravo Essence com Dualogic Plus. Peguei 2014 com Kit Wolverine e pintura metalica Azul Maserati. Paguei 58mil.
          Hoje vejo muitas propagandas de descontos no Sporting (Que já vem com Teto-Solar de Série) por 57mil, mas cambio Manual, sem sensor de chuva, crepuscular e retrovisor eletrocrômico e sem BlueMe (Bluetooth + Comando de Voz). AH, e são modelos 13/13…
          Como uso o carro pra trabalho, e uso muito o telefone, não dispensei o Bluetooth e o cambio AT.
          Por 58mil tinha o NF(55990 + Pintura = 57260), que quando fiz o Test-Drive nele eu tentei comprar, mas NENHUMA CSS tinha o Titanium Powershift, demorava 30~45 dias pra chegar. Então fui na FIAT e minha esposa Amou o Bravo. Ele perde em tecnologia e segurança de longe pro NF, mas é um carro bem maior, rodas 17" e o motor não é super, mas é mais forte que o 1.6 do NF.
          Hoje o carro tem 1200km, peguei 05/09.

          Eu vi também sobre os pistões rachando mas também não achei mais NADA alem daquele caso. Pode ser caso isolado como pode ser Lote. Acho que se fosse Lote já teria muito mais estrago do que só aquela noticia.
          Hoje também penso muito se não conseguiria um choro legal pra pegar um Sporting 13/13 com BlueMe e Dualogic (+Teto de série) por uns 60mil… Mas já foi. O desconto na hora me pareceu bom pelo 2014, e acho que no final me arrependeria de pegar 2013, afinal o Bravo é um dos que mais desvaloriza a médio prazo, que é o prazo os quais vendo meu carro(2~3anos).

          • Antonio De Julio

            Obrigado pelo depoimento, Wellington!

            • Landrutt

              Antonio, eu tenho um Idea Adventure com o motor 1.8 e-torq 12/13 comprado zero no fim do ano passado. Está com 27 mil rodados e até agora nada de problemas, nada de anormal. Pra falar a verdade eu acho o desempenho um pouco travado, tem que afundar o pé pra poder desenvolver, mas em alta o motor responde bem. Com o pé pesado ele é uma beleza mas isso eleva o consumo. Andando com parcimônia, sem trânsito pesado e com AC ligado fica na média dos 8,5/8,9 km/l na cidade…no para-para dos congestionamentos isso cai bastante. Não há muita diferença do consumo para o 1.6 e-torq. No mais, estou satisfeito com o motor e consequentemente com o carro, já que consegui uma unidade do jeito que eu queria para pronta entrega(cor cinza tellurium – um marrom metálico, na verdade – e os opcionais de som connect usb, vidros traseiros elétricos e os RARÍSSIMOS side bags dianteiros) por exatos 52k na época, menos que o valor de tabela do carro básico.

              • Antonio De Julio

                Obrigado, Landrutt

  • Wellington Myph13

    Grand Siena.
    Em 3 anos por exemplo, o Siena do jeito que esta ai configurado, vai valer mais do que o Linea, que vai sair de linha daqui 3 anos.
    Daqui 2 Anos, talvez os dois possam ser vendidos pelo mesmo valor.
    Mas pelo fato de no minimo daqui 2 anos, os dois valerem o mesmo pra vender, eu prefiro usar um carro com cambio AT (Mesmo o Dualogic Plus, que por sinal tenho um e é muito bom) e Teto-Solar.
    Espaço interno do Grand Siena não chega a ser ruim, mas poderia ser melhor…
    Painel podia ser melhorzinho também, mas não chega a desistir por causa dele.

  • leo

    esse novo interior da fiat matou os carros… tudo meio rendondo, feio de mais até o punto…

  • DougSampaNA

    Este carro precisavam urgente de comando inteligente para o torque aparecer pelo menos 1 mil rpms mais cedo, eu dirigi um Idea etorq dualogic algumas vezes por dias inteiros na cidade, o motor abaixo dos 2 mil rpms tem um deslanche MUIIIITO lerdo, quando chegava nos 3 mil rpms ele dava uma boa acordada, mas dentro de SP ninguem fica esticando marcha com tanto transito né?
    E pelo que tenho visto, o tal espetacular motor do New Fiesta 1.6 sofre do mesmo problema, demora pra acordar, depois vai bem, mas aí o consumo vai pra casa do chapéu!

  • atl77

    Eu não tenho minima vontade de ter algum carro da marca Fiat, sao todos carros sem sal, os únicos que escapa são o bravo e o freemont, pq o resto. Os painéis são horríveis, esse cambio da Fiat so vejo reclamações.

  • Fellipe

    Eu prefiro ver o filme do pele.

    Belo Review NA, brincadeiras a parte! :)

  • MuriloSoares

    Linea é mais carro, mas merecia uma atualizada em seu interior.

  • Fernando

    Linea!

  • Eu particularmente prefiro o grand siena, mesmo poque eu tenho um, dualogic, so nao tem teto e vidro eletrico traseiro. Ele tem de opcionais: evolution 2, side bags, crepuscular, sensor de estacionamento, controle de som no volante, borboletas no volante, retrovisor interno fotocromico e parafuso anti furto. Eu recomendo, o carro tem um ano que to com ele esta com 25mil km anda muito por ser 1.6, anda mais que a strada adventure que eu tinha, economico, com ar da 13,5 km/l andando acima de 110km/h e abaixo de 160km/h consumo na br, dentro da rua da por vouta de 9 a 10.

  • W_Costa

    Se a madame Fiat tivesse o Bom senso de atualizar o Linea, assim como o fez com o Punto, provavelmente o NA nem precisasse fazer essa matéria.

    Essa tendência atual de procura frenética por "ítens e acessórios" é ridícula. Escolher um carro não é como escolher uma Smart TV ou Smart Phone com maior número de widgets, carro é um veículo, a dinâmica e a segurança passiva deveriam ser o primeiro quesito a se observar, num sedan também entrariam de cara segurança ativa, espaço interno e motor como prioridades, depois então viriam ítens de conforto básicos, e por fim acessórios e itens tecnológicos, de entretenimento e de luxo.

    Eu iria sem pestanejar de Linea, mas investiria um pouco mais num belo jogo de rodas aro 17" originais ou cópias daquelas do "finado" T-Jet (muito lindas por sinal) pra expor o raro e belo disco de freio traseiro (pintaria as pinças de vermelho ainda), adicionaria também um elegante spoiler sobre a tampa do porta-malas, um escape esportivo, filtro esportivo pro saudável e robusto 1.8 E-Torq "respirar" melhor e pronto.

    Nenhum Sieninha cheio de apetrechos ia me fazer inveja não.
    Mas a verdade é que o Linea já está cansado no mercado e precisa urgente de uma reestilização e/ou substituto.

  • Anderson

    Já andei em ambos e na minha avaliação, o Linea é um carro bem superior ao Grand Siena.

    Muitos olham apenas para números, mas já foram andar em ambos para testar e tirar suas próprias conclusões?? O isolamento acústico do Linea é muito superior ao do Grand Siena. Andando nesse segundo, é a mesma coisa que andar num Celta, parace que o motor está ali dentro do carro, não lá na frente, além do grande ruído de vento e rodar em asfalto menos liso.

    O custo de manutenção de ambos é praticamente o mesmo, afinal o E-torq 1.6 e 1.8 são muito parecidos, mudando praticamente o diametro do pistão.

    Sem olhar a desvalorização, iria de Linea sem pensar duas vezes. E se for pra comprar um carro pensando na desvalorização, comprem um Gol.

  • João

    Podem falar o que for, o Linea é superior ao Gran Siena em tudo, ele é de categoria superior, o problema não é a Fiat querendo enganar o povo falando que ele é um médio pq ele é um sedan médio, e sim o povo tem preconceito com essa marca!!

    • Anderson

      Bem nessa. Se o Linea fosse VW Linea ou GM Linea, ou VW Gol ou GM Celta, o povo ia gostar do carro!

      • João

        Vdd, o único "problema" do Linea é ser Fiat, pq se fosse VW todos iam amar, idolatrar ele, considerariam até um sedan grande, a nível de Fusion e demais, como é Fiat o comparam a Classic, pq Voyage na cabeça dele é "superior"..

        • Paulo

          pára. né cara ?
          Línea é punto sedã.
          Alguns fanáticos pela marca querem muda-lo de categoria, mas não dá pra aceitar um carro desse naipe na casa dos 50 mil.

  • lietzsche

    o "grand" kkk siena é pequeno, menor que o cobalt e menor que o logan, mais estreito que o onix kkkk

  • alexhmoraes

    Vou de Fusca 1300 mesmo

  • fabioalisson

    Não compraria nenhum dos dois.

  • marciotb13

    Não gostei do design do siena, principalmente da dianteira. Enquanto que o design do linea sempre me agradou. Porém este motor 1.8 está sob suspeita por alguns casos de proprietários de veículos fiat equipados com este motor ter relatado quebras sucessivas ainda com baixas quilometragens.

  • mildred

    Não gosto da dirigibilidade dos Fiat, mas se fosse comprar algum carro da marca seria da linha Punto/Linea. E ainda bem que ainda não "chinesaram" o interior do Linea…

    • Igor

      Somos 2 tb nunca gostei… Td fiat passa menos segurança em curvas… carroceria rola demais… câmbio manual horrível… totalmente impreciso.

  • Douglas aguiar

    Eu tenho um Palio 1.0 ELX 2010, e o carro só me trouxe alegria, tenho certeza que qualquer um dos dois que eu pegasse me traria ainda mais conforto que o atual.
    Mas no quesito em questão eu iria de Grand Siena, porque se formos comprar um carro com todos os itens que acompanha o quite Sublime pagaremos mais de R$ 80.000,00.
    E o Grand siena com cambio dual logic plus é muito legal, e quem diz que não é bom é porque não conhece.
    As passadas de marcha são mais suaves do que as cabeçadas do cambio manual de muitos (95%) dos motoristas.
    E Tem que se levar em consideração que se o Grand Siena não fosse bom não teríamos esta discussão.
    Você não vai comprar um carro para já vender e sim para usá-lo pelo menos 3 anos, tem que ter uns mimo no car!!!!

  • Claudio Forte

    Bem, já que vi muitos comentários e possuo um dos veículos, posso comentar…
    Primeiro, pagar R$ 50.000,00 em um Gran Siena não é loucura…..Pessoas diferentes, tem necessidades diferentes…..Se você dispõe de teto solar, marchas no volante, vidros elétricos nas 4 portas, piloto automático, sensor de estacionamento, rádio com conexão Bleutooth…
    O carro é excelente dentro da categoria que se encontra, bom de curvas, anda muito ( depois dos 3.000 rpm ), o teto é lindo, o Dualogic Plus , é outro produto ( frente ao primeiro, e como possuía um Stilo Dualogic, posso afirmar, já que o câmbio sofria com soluços ).
    De negativo a comentar….o giro antes dos 3 mil rpm, os bancos um pouco duros ( economia besta ), e falta de controle de tração e estabilidade que tinha no Stilo, e só quem anda rápido ou passa por situações tipo chuva intensa na estrada; pode dizer, se, já teve um carro com esses recursos.
    O problema é que a maioria compram os carros que não gostam, porque ficam de olho na “valorização” (kkkkk ) do seu veiculo, quando o forem vender……ou compram de olho no bolso…
    E claro que um carro repleto de opcionais, é avaliado ( principalmente em concessionárias, já trabalhei em algumas, posso dizer ), é avaliado como versão padrão. No resto é conversa fiada…..Se seu carro for branco, vão falar que é taxi, se for automático, vão falar que se preferem os manuais…Se for turbo, vão falar que a manutenção é cara…por ai vai…..
    O principal ponto é que, se um carro é um item que desvaloriza, compre o que te faz se “sentir” a vontade, porque você irá conviver com ele, ao menos por 2,3 anos….E não porque “desvaloriza”…..Compre um pelo que se prioriza, bolso, conforto, beleza, comodidade….
    Abraços.

  • Claudio Forte

    Ah, esqueci de dizer….o Linea 1.8, também é capenga em baixos giros……Ocorre que o torque é um pouco maior em um motor ( meio maior, já que é na verdade, 1.75 litro )…..São motores da mesma família, 16 válvulas…..e características semelhantes……A possível diferença refere-se ao torque maior, o que não deve ser compensado pelo peso, maior do Linea, frente ao Gran Siena.
    E faz falta, o freio a disco nas quatro rodas no Gran Siena, também, tanto que quase no o comprei por isso.

  • Marcos Alves

    O Linea é um ótimo carro bem superior ao grand siena. O motor do grand siena é do pálio se acelerar não responde a altura e faz um barulhão. O Linea é super confortavel, tem ótima dirigibilidade, ótimo desempenho, 10 km na cidade e 13 na estrada, boa acústica, 03 anos garantia, valor baixo nas revisoes. Sem dúvida nehuma o Linea é o melhor carro da Fiat. Façam um test drive, antes de falar mal. É melhor que esses carros mil transformados com alguns acessórios a mais (versa, new fiesta, HB20 sedan, prisma, cobalt, city, dentre outros). Vários proprietários que já tiveram o Linea e passaram para o Corolla, acham o Linea muito mais confortável. Porém o Corolla custa 20 mil a mais que o Linea. Apesar da maior valorização do Linea o custo de desembolso e investimento é muito menor. Portanto compensa a sua compra. Recomendo. Tenho um 2013 e gosto muito como outros proprietários que também tem e pode ser checado em sites de avaliação.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email