Mitsubishi Preços Sedãs Vídeos

Conforme adiantamos, Mitsubishi Lancer 2016 chega com novidades e versão HLE (vídeo)

lancer-2016-21-700x466 Conforme adiantamos, Mitsubishi Lancer 2016 chega com novidades e versão HLE (vídeo)

No dia 16 de maio, adiantamos com exclusividade a chegada da linha 2016 do Mitsubishi Lancer, sedã médio de origem nipônica que é fabricado pela MMC (Souza Ramos) em Catalão/GO. Agora, a marca japonesa confirma as novidades que já havíamos apresentado e também os preços, que começam em R$ 68.990.



Como você já sabe, é claro, a versão topo de linha GT AWD disse adeus à gama do Lancer 2016, que agora é oferecido somente com as opções 2.0 MT, 2.0 HL CVT e 2.0 GT CVT, trazendo também como novidade a versão 2.0 HLE CVT.

lancer-2016-41-700x466 Conforme adiantamos, Mitsubishi Lancer 2016 chega com novidades e versão HLE (vídeo)

Com foco no conforto e custo-benefício, a Mitsubishi lança essa versão HLE do Lancer com para-choque dianteiro revisado, tendo a parte central agora na cor do carro e frisos cromados em seu entorno, assim como falamos anteriormente. Esse visual, porém, não é novo e já foi visto em 2008 nos EUA.

Outra novidade do Lancer HLE 2016 é a maior altura livre do solo, que agora é de 170 mm. Por fim, as rodas de liga leve Soft Wishbone apresentam aro 16 polegadas e pneus 205/60 R16. Esta nova opção ainda vem com teto solar elétrico, sete airbags, bancos em couro, ar condicionado automático, sensores de chuva e crepuscular, piloto automático, volante multifuncional e computador de bordo.

lancer-2016-7-700x466 Conforme adiantamos, Mitsubishi Lancer 2016 chega com novidades e versão HLE (vídeo)

Com a nacionalização, a Mitsubishi fez ajustes na suspensão, tornando-a mais macia, adicionando também pneus de baixa resistência à rolagem. Outra novidade do Mitsubishi Lancer 2016 é a nova central multimídia Black Glass com tela plana de 7 polegadas e touchscreen, contendo navegador GPS, dual vídeo, Bluetooth, USB/SD/CD/DVD e o Dynamic Information System (DIS), que apresenta dados de bússola, altitude, acelerômetro, aceleração lateral e inclinação frontal e traseira.

Já a versão GT vem com rodas esportivas aro 18 e pneus 215/45 R18, bem como grade personalizada, faróis bi-Xênon adaptativos, ponteira de escape cromada, retrovisor eletrocrômico, saias laterais e defletor de ar na tampa do porta-malas.

lancer-2016-8-700x466 Conforme adiantamos, Mitsubishi Lancer 2016 chega com novidades e versão HLE (vídeo)

Em todas as versões, o Mitsubishi Lancer 2016 mantém o propulsor 2.0 16V com 160 cv e 20 kgfm, podendo ter transmissão manual de cinco marchas ou automática CVT com seis velocidades virtuais. Nesta última, o sedã japonês vem com paddle shifts no volante e modo Sport, além do INVECS-III, sistema que se adapta ao estilo de dirigir do condutor.

Com três anos de garantia sem limite de quilometragem, o Mitsubishi Lancer 2016 vem com oito opções de cores: Alpino White, Cool Silver, Rhodium Silver, Londrino Gray, Ônix Black, Mônaco Red, Barroco Brown, Floresta Green.

Confira novamente os preços do Mitsubishi Lancer 2016:

• Lancer 2.0 MT – R$ 68.990,00
• Lancer 2.0 HL – R$ 73.990,00
• Lancer 2.0 HLE – R$ 85.490,00
• Lancer 2.0 GT – R$ 89.490,00

Galeria de fotos do Mitsubishi Lancer 2016:

  • Jeferson206

    Esse design ta meio defasado não ta não ?

    • Gustavo73

      Ainda gosto muito da dianteira. Mas acho que o desenho é de 2008 se não me engano.

    • É praticamente o design do modelo 2008 nos EUA, apenas sete anos defasado.

    • Rômulo M.

      Só meio? Praticamente todos os concorrentes já tiveram uma ou duas reestilizações e uma nova geração nesse período do Lancer.

  • Gustavo73

    Esp, mais Airbags? Mudanças no câmbio cvt como a adoção do radiador de óleo? Fora não ter visto a nescessidade de mudança nas identificação das versões. Pouco Mit, muito pouco para o modelo chamar atenção do consumidor.

    • Fábio

      O problema do CVT já foi resolvido.

      • Gustavo73

        Não sabia. Não tinha lido nada sobre. Obrigado.

    • André

      Concordo com voce que as mudanças foram poucas, mas ao menos melhoraram alguns pontos irritantes do carro. Quem conhece sabe que toda vez raspava a frente em algum lugar e agora subiram a suspensão e tiraram as saias (fica só na versão top), o carro tinha suspensão bem durinha e colocaram rodas menores com pneus mais altos e o som antiquado foi trocado por uma CMM. Para mim, a unica coisa que realmente desagrada é o cambio CVT que tira toda a esportividade do carro. Um manual até consideraria se tivesse preço bom, pelo menos eu que moro em cidade pequena do interiorrrrr paulista.

      • Andre Studart

        Olha.. esse lancer com 160cv e 20kgf de torque em um cambio manual deve ser uma delícia

  • b.c

    Prefiro a grade preta mesmo, essa da cor do carro ficou estranha.

  • Hoff

    banco dianteiro com encosto de cabeça..

  • Louis

    Ah agora sim, vai vender menos ainda.

  • Fanjos

    Ficou Ohhhhh…..Uma Bost@!!!!
    Acabaram com a melhor parte do carro, já estava velho, mas ainda tinha algum charme, com isso…já era

    • Eduardo Brito

      O Lancer era o único que tinha um visual esportivo na sua categoria. Agora ele ficou “sem sal” igual os outros.

    • Jeferson206

      Agora ta lembrando um Vectra 2000 udehudedeuhd

  • iCardeX

    Enquanto isso…. no Brasil……

    • Gustavo73

      Suoer duper black mega flat.

  • Braddock

    Pows, mas a grade preta é justamente o que dá a personalidade do carro =/ Acho esse carro muito caro pra defasagem dele. É um carro bem chamativo, mas hj temos outros sedans muito mais modernos e melhor acabados. Perde muito em vendas por já ter um visual cansado, mas seria um pouco melhor se tivesse um CxB plausível.

  • CorsarioViajante

    A grade inteira preta era datada, com cara de esportivo japonês de video-game dos anos 90.
    A “nova” grade ficou datada com cara de carro japonês fazendo hora extra dos anos 90 nos anos 2000.
    Sério, para que mexer na cara dele por algo nitidamente pior? A única coisa que ainda agradava neste carro era a cara invocada (embora cansada), aí deixam o que tinha de cansado e tiram o que tinha de invocada. Não entendo.

    • DTF

      …ainda colocam rodas aro 16″ ao invés das de 18″ mesmo na versão básica anterior….

      • Junoba

        Aff, a Mit está pedindo pra falir. Já andei várias vezes no Lancer GT, e parece carro de outro mundo !…rsrs Pena que os preços pratiados são elevados, e as CSS sempre pedem ágio, quando não é pago a vista.

    • motstand01

      O carro inteiro é datado, nem mesmo se mudasse a grade por uma mais bonita, ou mesmo fizessem um facelift mais extenso, ainda assim continuaria antiquado, não tem mágica que salve fácil o visual de um carro lançado em 2007.

      Porém, confesso que não achei um desastre as mudanças, no balanço da coisa. Não acho essa frente “nova” feia, acho que ainda combina com o carro.

      As rodas aro 18 em toda a linha eram, NA MINHA OPINIÃO, uma completa porcaria, visto que além de não ter função prática nenhuma, tornavam o carro duro feito uma picape. Quem faz questão, agora, pode colocar como acessório, muito melhor.
      Obviamente as 18″ deixam o carro bem mais bonito, mas essas 16″ não ficaram ruins e atendem muito melhor na prática. A suspensão 1,5 cm mais alta corrige o problema crônico do carro, de raspar o fundo em quebra-molas e entradas de garagem.

      Quanto às versões, o MT continua como sempre: caro, pelado e vendendo pouco. E agora ainda perdeu apelo visual.
      O HL é uma evolução sobre a versão básica CVT antiga, trocou as rodas 18″ pela central sem GPS e outras coisinhas, troca válida, mas não ganha custo-benefício com isso, continua mal-equipado.
      O HLE é mais equipado que o GT 2015, custa a mesma coisa que ele e é mais barato que um Corolla XEi. Pra ser um carro “completamente completo”, só fica devendo ESP mesmo.
      Idem para o GT, que ganhou xenon, teto e GPS e cobrou um valor justo por isso. Mas sem ESP, fica difícil.
      Falta mais grave? Sem dúvida, o ESP, que deveria ser de série desde o básico, no top de 90 mil então nem se fala. Antes só vinha no GT AWD, ele morreu e levou o equipamento junto…

      No balanço, melhorou em várias coisas importantes e o preço não subiu. Mas continua pouco atrativo, especialmente as versões básicas. Vai continuar vendendo o de sempre: pouco.

      • CorsarioViajante

        Perfeito comentário!

  • Tosoobservando

    Esse carro esta natimorto. Pode colocar ouro cromado que nao vende bem. Precisa urgente de uma nova geração.

  • Dimitri Martinez

    Pois é… to pensando em trocar meu New Fiesta por um sedan médio, até vi o lancer porque acho legal o carro…. mas sabendo que o modelo é de 2008 e ja tem previsão para mudar… fica difícil…. Pensei no Focus 2.0 Se plus… mas o câmbio powershift me deixa com o pé atrás…. ta difícil…. Civic e Corolla não quero….(nada contra, apenas questão de gosto – antes que me crucifiquem).. Cruze já tem previsão de novo modelo…. e ja vi relatos que o carro faz um barulho ferrenho de plástico por dentro (coisa que me deixa maluco em carro)…. Um cara da Ford me disse que a grande zica é a combinação powershift + motor 1.6….. que o câmbio casa bem com o 2.0…. sei lá, papo de vendedor na minha opinião…

    • Jeferson206

      Aguenta até 2016 que tenho certeza que não vai se arrepender, o único problema vão ser os preços de lançamento que sabemos que não é nem um pouco convidativo por não oferecerem descontos e tudo mais…

      • Dimitri Martinez

        É, com essa crise vamos ver se estaremos vivos até lá!

    • alexandre

      Dimitri, passei por esse “dilema” mês passado, qdo busquei um sedan. Como gosto de dirijir, fiquei entre o Lancer MT (67 mil), Fluence MT (73 mil) e C4 THP (90 mil !!!!). Apesar de ser incomparável o pacote de equipamentos do C4, achei um absurdo esses 23 mil de diferença. Fui de Lancer MT e nem sabia que a Mit iria estragar dessa forma a versão de entrada na linha 2016…

      • Dimitri Martinez

        Realmente muito caro essa diferença de 23 mil que depois, por ser francês, vai despencar no valor de revenda….. Eu fiquei com o pé atrás qdo pesquisei o carro e vi que o projeto datava de 2008… sei lá…
        Vi um S60 (carro do meu sonho) 2011 completaçooo.. cabia no orçamento… mas depois que vi o preço do seguro (R$ 5000) achei um absurdo isso de seguro em um carro de 67 mil reais….. Talvez a opção viável seja um Fusion 2013 2.5…. vamos ver… preciso vender o meu… ta fóda vender…

        • alexandre

          Com certeza! Mercado tá muito ruim mesmo. No meu caso, por opção minha, só compro seminovos de conhecidos. Como não tinha nenhum à disposição, parti pros zero km mesmo. Não tenha pressa em escolher. Tá tudo encalhado nas ccs. Diante desse quadro, inclusive, elas estão se vendo obrigadas a dar descontos e supervalorizar seu usado na troca.

    • Se puder espere pelos novos modelos, se não ter, tenta barganhar o máximo possível nas versões 15/15 daqui um tempo, mas neste caso é bom comprar e ficar um bom tempo com o carro.

    • Bernardo Fernandes

      Vai de C4 Lounge. Peguei um THP com 1 ano de uso e 20k a menos de um zero, sem contar com custos com emplacamento e IPVA. Estou muito satisfeito, anda demais e é extremamente confortável. Único pecado é o sistema multimídia, que a tela não é touch. Mas isso fica ofuscado pela qualidade dos demais itens. Fazendo trocas de marchas manuais, faz uns 7,5km/l. Se deixar no automático direto, faz uns 6 a 6,5km/l. Espero ter contribuído.

      • Dimitri Martinez

        Receio pela desvalorização, mas sem dúvida é um belo carro.!

        • Bruno_O

          Vai de Civic e be happy! Forte, manutenção tranquila, econômico e tão dando belos descontos já q os carros da moda são Corolla e HR-V.

    • Leonardo Balieiro

      Espera o novo Focus.

  • Filipo

    Garbage, sem mais!

    • Bruno_O

      a matéria é sobre o Lancer e não Fiat

      • Filipo

        Sei que a Fiat é um lixo, mas a Mitsubishi está um lixo ultimamente também.

        • Bruno_O

          Sim, Mit parou no tempo (aqui e fora do Brasil). Tanto que nos EUA e Canada Subaru vende muito, mas muito mais que Mit. O que vejo de ASX top aqui em Ctba, dá até dó, pois pelo preço vc leva uma Forester que é superior em tudo, ou uma XV que tem os mesmos itens por 15k a menos…
          Mas, considerando tudo isso, ainda tá longe de ser lixo. E se eu fosse comprar um sedan (manual), e não existisse o Civic, era uma opção.

          • Filipo

            Para mim, antes de um Lancer MT há vários outros, inclusive o Fluence GT (vai voltar agora).

            • Bruno_O

              mas aí o preço é outro né… quem não queria um Fluence GT? hehe

  • _William

    Quem é o doido que vai comprar isso? Carro com cara de velho, geração de 2008, e ainda custa caro. Nem a cara e invocado tem mais.

  • Raphael Pereira

    Quanta novidade em…nao pera…para-choque de 2008?

  • No_Name

    “Downlift”. Caso raro no mundo kkkkkkkkk.

  • Gran RS 78

    Deixa eu ver se entendi: O Lancer perdeu as rodas 18, aquele parachoque muito mais bonito e esportivo na versão de entrada, e ainda por cima aumentou mil reais e subiu tbm nas demais versões? Sem chance Mitsubishi, continuará vendendo pouco e será mais uma vez coadjuvante no segmento dos sedans médios.

  • Everton Lourenço

    Bem ou mal, é um Mitsubishi.. Tecnologia em outro patamar!

    • Gran RS 78

      Vc está sendo ironico, certo?!

  • GPE

    Detonaram a frente do carro. Ficou feia! Se botar essa versão e a anterior lado a lado, certeza que qualquer pessoa iria dizer que a antiga seria o facelift

  • Vattt

    Com essa nova cara de antigo, e mantendo o mesmo preço. E o antigo com cara mais esportiva ficando apenas para as versões mais caras!!! Não colou.

  • Junoba

    Se chegar na CSS, vão te pedir uns 5k de ágio. Isso acontee com todos os veíulos da marca. Anota ae !

  • Airplane

    Regrediu!
    De volta para o passado.
    Agora que não venderá mesmo.

  • IRA

    É uma pena. O carro era mais bonito antes.

  • Léo Hung

    Mataram o carro. Ficou escroto. A gt ainda dá um caldo.

  • FocusMan

    Esse carro vai fabricar até não vender mais e depois sair de linha sem sucessor.

  • Alguém

    Feiosão.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend