Corolla 2008: fotos, detalhes, consumo, motor, preço, versões

Corolla 2008: fotos, detalhes, consumo, motor, preço, versões

O Corolla 2008 foi o último ano/modelo da geração E120 do best seller mundial, que é a nona geração do sedã japonês. Fabricado em Indaiatuba desde 1997, quando chegou na oitava geração, o modelo ainda não era o líder nacional.

Sendo esta a geração mais copiada do Toyota Corolla, na China naturalmente, aqui ela já tinha um status de qualidade, economia e conforto, que pavimentaram o caminho da marca nipônica por aqui.

Com produtos como Corolla e Toyota Hilux, a Toyota só não foi para o quarteto líder devido ao volume e período longo atuando em segmentos mais altos. Assim, quando virou popular com o Toyota Etios, acabou fazendo de forma errada.

Tendo três versões básicas, o Corolla 2008 era ofertado com XLi, XEi e SE-G. A primeira tinha uma versão para clientes PCD, mas antes de 2009, a regra era outra. Bastava ter menos de 127 cavalos para ter direito aos benefícios.

Por isso, a Toyota – ao trocar o motor 3ZZ-FE 1.6 pelo 1ZZ-FBE 1.8 – manteve o propulsor antigo na versão XLi destinada ao consumidor portador de deficiência física, entregando 110 cavalos e 15 kgfm.

Além de potência menor, o 1.6 16V vinha ainda com transmissão automática de 4 marchas, exatamente para beneficiar esses clientes. Depois de 2009, a regra mudou, passando a valer um limite de R$ 70.000.

A opção para PCD era acompanhada das versões XLi manual e XLi automática para o consumidor comum, mas já com o motor 1.8 16V de 136 cavalos e 17,5 kgfm, alimentando tanto com gasolina quanto com etanol.

Esse propulsor também servia nas opções semelhantes do Corolla XEi, assim como do SE-G, que mais tarde seria chamado de Altis. A topo de linha tinha apenas transmissão automática, que era de quatro marchas nessa geração.

Aliás, mesmo na geração seguinte, a Toyota manteve a caixa de quatro velocidades, já limitada em sua proposta e mesmo com motor 2.0 Flex de até 153 cavalos, sendo alvo de críticas.

O Corolla 2008, no entanto, parecia bem dimensionado para essa transmissão, assim como sua variante perua, a Fielder. Hoje, ela só existe no Corolla japonês, que é sucessor do Corolla Axio e essencialmente um sedã compacto.

Com 4,530 m de comprimento, 1,705 m de largura, 1,480 m de altura e 2,600 m de entre-eixos, o Corolla tinha 437 litros no porta-malas e espaço traseiro mediano. Suas dimensões atingiam um limite no Japão, gerando assim o Axio depois.

Equipado com itens básicos de conforto, como ar condicionado, direção hidráulica, trio elétrico, freios ABS, airbag duplo, sistema de áudio com CD player, bancos em couro, rodas de liga leve, entre outros.

Sem surpreender em tecnologia ou luxo, o sedã da Toyota tem foco no dia a dia, com suspensão macia e condução comportada. Simples tecnicamente, ele empregava suspensão traseira por eixo de torção.

Esse sistema permaneceu no Corolla até a geração 11, sendo que somente a atual adotou a suspensão multilink. Direção elétrica, ar condicionado automático, mais airbags e controle de estabilidade só nas gerações mais próximas.

Lançado originalmente em 1966, o Corolla lembrava vagamente um Ford Corcel, mas em apenas quatro anos ganhou sua segunda geração. A terceira era inspirada no mercado americano e tinha um visual mais robusto.

Na quarta geração, o Corolla era estranhamente parecido com o Monza na frente, mas a traseira da carroceria tinha colunas C e um esticamento notch, que era muito semelhante ao Ford Escort.

Já nas quinta e sexta gerações, o Toyota Corolla tinha um hatchback com duas portas, sendo este muito parecido com o Honda Civic da época, especialmente na geração seis. O sétimo Corolla também tinha hatch, mas este era com 4 portas.

Essa geração do sedã compacto surgiu em 1991 e foi importada para o Brasil. Seu sucesso levou a Toyota a lançar uma fábrica de automóveis em Indaiatuba, interior de São Paulo. Contudo, foi a oitava geração a surgir.

O Corolla 2008 viu seu sucessor da geração nove um sedã maior e mais confortável, porém, ainda com câmbio automático de quatro velocidades, mas com adição de motor 1.8 Flex.

Na décima geração, ele manteve a caixa automática de quatro marchas, mas adicionou motor 2.0 Flex de até 153 cavalos. Esse motor acabou chegando na geração 11, que tinha uma carroceria mais envolvente e luminosa.

Agora, o Corolla tem até versão híbrida flex, além de novo motor 2.0 Flex de dupla injeção e 177 cavalos. O câmbio já havia sido mudado para CVT ainda na 11, mas com engrenagem de saída, sendo chamada Direct Shift com 10 marchas na atual.

Corolla 2008 – detalhes

Corolla 2008: fotos, detalhes, consumo, motor, preço, versões

O Corolla 2008 não teve alterações estéticas em relação ao modelo anterior, por isso mantinha o layout já bem conhecido dos brasileiros, com faróis duplos amendoados e grade pequena com pintura na cor do carro, tendo o logo da marca.

Já o para-choque tinha grade rentagular inferior com duas molduras pretas nas laterais, onde a versão SE-G vinha com faróis de neblina. Essa versão também contava com grade cromada para se destacar da XEi.

O Corolla tinha repetidores de direção nos para-lamas e com a sigla VVT-i, bem como retrovisores na cor do carro, assim como suas maçanetas. Nas portas, havia ainda um friso protetor na cor da carroceria, que ajudava a evitar amassados.

Na versão XLi 1.6 para PCD, as rodas eram de aço aro 14 polegadas com calotas e pneus 185/70 R14, enqaunto as versões XLi e XEi apresentavam rodas de liga leve aro 15 polegadas com pneus 195/60 R15. Na SE-G, o design era exclusivo.

No teto, o sedã médio da Toyota vinha com antena pronunciada, enquanto a traseira apresentava lanternas grandes e com lentes circulares internas.

Elas eram cortadas pela tampa do porta-malas com suporte de placa e cobertura da mesma na cor do carro ou cromada (SE-G). O para-choque envolvente tinha um rebaixo para abertura da tampa.

Por dentro, o Corolla 2008 o ambiente inspirava luxo, mas não era totalmente luxuoso nos detalhes. O painel em tons de preto (superior) e cinza (inferior), trazia um cluster analógico com conta-giros e velocímetro grandes.

Nível de combustível e temperatura da água, além de displays digitais de hodômetros e computador de bordo. Havia ainda indicador de posição de marcha nos automáticos. O volante de quatro raios em couro na SE-G, trazia piloto automático.

Já o sistema de som em posição elevada tinha uma versão simples com CD player em formato 1din, tendo ainda porta-objetos abaixo. Na SE-G, o rádio era 2din e tinha um visual melhor. Aliás, nessa versão, o ar condicionado era automático.

Este dispositivo tinha dois displays digitais, tendo revestimento externo prata, que envolvia ainda o túnel com a alavanca de transmissão próxima do painel, mas com seletor de marchas em preto.

A alavanca era preta e alta, enquanto o console central ainda tinha uma porta para acesso a um porta-trecos. Com bancos em tecido ou couro, o Corolla tinha ajuste em altura para o assento do motorista, tendo ainda apoio de braço dianteiro.

O banco traseiro era bipartido e tinha três apoios de cabeça, além de Isofix. Assim como a parte superior do painel tinha revestimento soft, as portas também. O acabamento delas, na parte inferior, era cinza com maçanetas cromadas.

Os vidros elétricos tinham botões pretos e havia ajuste dos espelhos externos próximos ao motorista. A coluna de direção hidráulica era ajustável apenas em altura, enquanto o teto tinha alças e espelhos nos para-sois eram iluminados.

Havia ainda opção do retrovisor interno eletrocrômico, assim como sensor crepuscular. O porta-luvas exibia um bom tamanho e todo o assoalho era em carpete. Já o porta-malas tinha 437 litros, iluminação e forração em carpete.

Ele ainda vinha com estepe horizontal sob o assoalho do bagageiro. Os cintos de segurança eram de 3 pontos para todos, tendo pré-tensionadores nos dianteiros, uma vez que o Corolla 2008 passou a ter airbag duplo de série, assim com ABS.

Corolla 2008 – versões

Corolla 2008: fotos, detalhes, consumo, motor, preço, versões

  • Toyota Corolla XLi 1.6 AT (PCD)
  • Toyota Corolla XLi 1.8 MT
  • Toyota Corolla XLi 1.8 AT
  • Toyota Corolla XEi 1.8 MT
  • Toyota Corolla XEi 1.8 AT
  • Toyota Corolla SE-Gi 1.8 AT

Equipamentos

Corolla 2008: fotos, detalhes, consumo, motor, preço, versões

Toyota Corolla XLi 1.6 AT (PCD) – Motor 1.6 e transmissão automática de quatro marchas, ar condicionado, direção hidráulica, coluna de direção ajustável em altura, vidros elétricos nas quatro portas, travamento central elétrico, retrovisores com ajustes elétricos, faróis duplos, retrovisores externos e maçanetas na cor do carro, rodas de aço aro 14 polegadas com calotas, pneus 185/70 R14, antena no teto, sistema de rádio com CD player/MP3 e auxiliar, quator alto-falantes, acabamento interno em dois tons, bancos do motorista com ajuste em altura, airbag duplo, freios ABS com EDB, cintos dianteiros com pré-tensionadores, bancos em tecidos, para-brisa degradê, vidros verdes, desembaçador traseiro, banco traseiro bipartido, apoio de cabeça para todos, cintos de três pontos para todos, Isofix, retrovisor interno dia e noite, espelhos iluminados nos para-sois, alças no teto, luzes de leitura, luz temporizada, apoio de braço dianteiro, trava de segurança para crianças nas portas traseiras, entre outros.

Toyota Corolla XLi 1.8 MT – Itens acima, mais transmissão manual de cinco marchas, mais rodas de liga leve aro 15 polegadas com pneus 195/60 R15.

Toyota Corolla XLi 1.8 AT – Itens acima, mais transmissão automática de quatro velocidades com conversor de torque e overdrive off.

Toyota Corolla XEi 1.8 MT – Itens do XLi manual, mais piloto automático, bancos em couro, retrovisor interno eletrocrômico, sensor crepuscular, chave-canivete com telecomando e alarme.

Toyota Corolla XEi 1.8 AT – Itens acima, mais transmissão automática de quatro velocidades com conversor de torque e overdrive off.

Toyota Corolla SE-Gi 1.8 AT – Itens acima, mais ar condicionado automático e digital, sistema de áudio 2din com disqueteira para seis CD´s e display digital, computador de bordo, rodas de liga leve aro 15 polegadas exclusivas, faróis de neblina, grade cromada, moldura cromada sobre a placa e volante em couro.

Preços

Corolla 2008: fotos, detalhes, consumo, motor, preço, versões

  • Toyota Corolla XLi 1.6 AT (PCD) – R$ 58.526
  • Toyota Corolla XLi 1.8 MT – R$ 56.565
  • Toyota Corolla XLi 1.8 AT – R$ 61.101
  • Toyota Corolla XEi 1.8 MT – R$ 62.233
  • Toyota Corolla XEi 1.8 AT – R$ 66.880
  • Toyota Corolla SE-Gi 1.8 AT – R$ 79.676

Corolla 2008 – motor

Corolla 2008: fotos, detalhes, consumo, motor, preço, versões

O Corolla 2008 tinha dois motores em uso no Brasil, sendo o 3ZZ-FE na versão XLi para PCD e o 1ZZ-FBE 1.8 para as demais versões, sendo este com tecnologia flex, daí o “E” de etanol no final da sigla de identificação.

O 3ZZ-FE era o motor anterior do Corolla, tendo sua construção em alumínio com camisas de cilindros em ferro fundido, encamisadas por pressão. O cabeçote era em alumínio e tinha duplo comandos de válvulas.

Estes dois, acionados por corrente lubrificada e com o comando de variação na admissão, porém, assim como a Honda, a Toyotya usava tuchos mecânicos em vez de hidráulicos, com ajustes a cada 80.000 km com verificação aos 20.000 km.

Com quatro cilindros em linha, o 3ZZ-FE tinha injeção multiponto sequencial e bobinas individuais para as velas, recebendo ainda óelo lubrificante 5W30. Tendo 1.598 cm3 e taxa de compressão de 10:1, tinha boa potência.

O 1.6 VVT-i com quatro válvulas por cilindro entregava 110 cavalos a 6.000 rpm e 14,5 kgfm a 4.500 rpm. No Corolla 2008 em sua versão XLi vinha apenas com transmissão automática de quatro marchas e conversor de torque.

Já o 1ZZ-FBE era o 1.8 VVT-i, usado pela Toyota até a geração 11, tendo a mesma construção do 3ZZ-FE, inclusive com bielas deformáveis e com coletor de admissão fabricado em plástico moldado, mas sem variação de fluxo.

Com 1.794 cm3, esse motor lançado pela Toyota em 1997 tinha também duplo comando com variação VVT-i na admissão e acionamento por corrente, embora empregasse correia em V para ar condicionado, direção hidráulica e alternador.

Sua injeção de combustível era multiponto sequencial, mas com sistema flex por injeção de gasolina na partida a frio em dias de baixa temperatura com etanol no tanque, tendo seu reservatório instalado no cofre do motor.

Por conta da tecnologia, a Toyota substituiu o tanque de 55 litros por um de 56 litros, devido a posição do bomba de combustível, que passou a ser externa para não ficar exposto ao etanol dentro do reservatório.

Com esse conmjunto, a Toyota calibrou o motor para manter os 136 cavalos a 6.000 rpm e 17,5 kgfm a 4.200 rpm tanto com gasolina quanto com etanol, uma característica que não seria mantida na geração seguinte.

Quando se aposentou do Corolla nacional, o 1ZZ-FBE já ostentava 144 cavalos no etanol e 140 cavalos na gasolina. No Corolla 2008, ele tinha transmissão manual de cinco marchas com embreagem de acionamento hidráulico.

Já o câmbio automático tinha quatro velocidades e conversor de torque, tendo ainda posições de bloqueio das marchas 1, 2 e 3, além do drive, neutral, ré e parking. Foi usada na geração seguinte até a introdução do CVT  padrão.

Ela tinha ainda over drive off, que permitia manter uma marcha presa independente da velocidade e sem que se precisasse mudar de posição a alavanca, garantindo retomadas melhores em caso de necessidade.

A Toyota chegou a produzir esse motor em parceria com a General Motors, usando-o no Corolla americano e no hatch Matrix, que era feito pela CAMMI (joint-venture entre as duas) em Fremont, que hoje é a fábrica-sede da Tesla.

Desempenho

Corolla 2008: fotos, detalhes, consumo, motor, preço, versões

A Toyota não divulgou dados de desempenho do Corolla 2008, sendo que os referidos são os registrados em testes na internet, podendo não corresponder a realidade.

  • Toyota Corolla 1.6 AT – 13,3 segundos*
  • Toyota Corolla 1.8 MT – 10,8 segundos*
  • Toyota Corolla 1.8 AT – 12,4 segundos*

(*) A Toyota não declarou a velocidade máxima do Corolla 2008.

Consumo

Corolla 2008: fotos, detalhes, consumo, motor, preço, versões

Da mesma forma que no desempenho, a Toyotya nãao divulgou dados de consumo do Corolla 2008, embnora tenha dito apenas que o tanque de 56 litros com álcool garantia 400 km de autonomia ou 7,1 km/l de média.

Assim, os números embaixo são os divulgados por sites de internet focados em consumo de veículos.

  • Toyota Corolla 1.6 AT – 8,5/13,8 km/l
  • Toyota Corolla 1.8 MT – 7,5/9,5 km/l e 11,0/13,9 km/l
  • Toyota Corolla 1.8 AT – 7,1/9,1 km/l e 10,5/13,3 km/l

Corolla 2008 – manutenção e revisão

Corolla 2008: fotos, detalhes, consumo, motor, preço, versões

O pós-venda da Toyota é considerado muito bom e o Corolla 2008 tem revisões a cada 10.000 km ou 12 meses, conforme o programa da marca, mas não está mais listado no site do fabricante para revisões precificadas.

Assim, é necessário entrar em contato com a erede autorizada para cotar os valores de peças e serviços. O sedã médio da Toyota passa por inspeção na autorizada antes dos serviços, sendo verificados diversos itens para análise inicial.

Dessa forma, suspensão, direção, freios, elétrica, dispositivos de segurança e outros são verificados previamente. Na revisão, o serivço inclui troca de óleo do motor, filtro de óleo, filtro de ar do motor, filtro de ar da cabine e velas.

Também são trocados fluído de freio, correia em V, filtro de combustível e outros componentes essenciais para o veículo funcionar. A rede Toyota ainda faz alinhamento, balanceamento, rodízio de pneus e cambagem.

Nas oficinas autorizadas, a marca também atende funilaria, pintura, higienização oxi-sanitária, instalaçao de acessários e couro nos bancos/portas, bem como outros serviços relacionados com o carro.

Corolla 2008 – ficha técnica

Corolla 2008: fotos, detalhes, consumo, motor, preço, versões

Motor1.61.8
Tipo
Número de cilindros4 em linha4 em linha
Cilindrada em cm315981794
Válvulas1616
Taxa de compressão10:110:1
Injeção eletrônicaIndiretaIndireta Flex
Potência máxima110 cv a 6.000 rpm (gasolina)136 cv a 6.000 rpm (gasolina/etanol)
Torque máximo15,0 kgfm a 4.500 rpm (gasolina)17,5 kgfm a 4.200 rpm (gasolina/etanol)
Transmissão
TipoAutomática de 4 marchasManual de 5 marchas ou automática de 4 marchas
Tração
TipoDianteiraDianteira
Direção
TipoHidráulicaHidráulica
Freios
TipoDiscos dianteiros e traseirosDiscos dianteiros e traseiros
Suspensão
DianteiraMcPhersonMcPherson
TraseiraEixo de torçãoEixo de torção
Rodas e Pneus
RodasAço aro 14 polegadasLiga leve aro 15 polegadas
Pneus185/70 R14195/60 R15
Dimensões
Comprimento (mm)4.5304.530
Largura (mm)1.7051.705
Altura (mm)1.4801.480
Entre eixos (mm)2.6002.600
Capacidades
Porta-malas (L)437437
Tanque de combustível (L)5656
Carga (Kg)NDND
Peso em ordem de marcha (Kg)1.1301.145
Coeficiente aerodinâmico (cx)NDND

Corolla 2008 – fotos

https://www.youtube.com/watch?v=aqzUjwSC16c

Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 25 anos. Há 14 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações.