Chrysler EUA Finanças Ford GM

Crise na GM: Ações mais baixas desde a Segunda Guerra Mundial!

crise-na-gm-acoes-mais-baixas-desde-a-segunda-guerra-mundial Crise na GM: Ações mais baixas desde a Segunda Guerra Mundial!







Desde 1942, ano em que os EUA entraram de vez na Segunda Guerra Mundial, que as ações da GM não caíam à um nível tão baixo de cotação.

No final do pregão de hoje, cada ação da marca valia US$2,79! E pode-se dizer que este valor ainda é lucro, pois durante o pregão, cada ação da GM chegou a ser negociada por US$2,63!

Desde ontem, as ações da GM caíram 9,71% e ainda podemos esperar por um índice menor amanhã. Caindo desse jeito, pode-se acreditar que até o fim de Dezembro, a marca possa estar valendo menos de US$1 bilhão!

Hoje calcula-se em um valor de mercado de US$1,8 bilhão. Esse valro chega perto dos 1 bilhão de euros que a Solarworld ofereceu pela Opel e que a GM recusou!

Republicanos Contra

O governo americano aprova à ajuda financeira de US$25 bilhões para as “Big Tree” americanas. A GM pediu uma parte de US$12 bilhões, as Ford e Chrysler ficando com US$7 bilhões cada uma.

A conta acima já passou do número que o congresso americano(republicanos) quer aprovar. Os democratas defendem uma maior ajuda, mas os republicanos nem querem pensar nessa hipótese.

Com vendas 25% inferiores ao ano passado, a GM está movendo todas as suas forças para que o congresso vote ainda esse mês o plano de ajuda.

Caso contrário, a marca terá de gastar até o último centavo de suas escassas reservas até 20 de Janeiro, pois será difícil convencer os congressistas a votar(ainda sem uma união bi-partidária) o plano em Dezembro.

O quadro é grave!

Sinceramente falando, a crise é mais grave do que muitos estão pensando aqui. Mesmo esse valor não conseguirá tirar do vermelho as montadoras americanas.

Estas sem uma reestruturação épica(como o Chevrolet), não poderão sonhar com lucros por muito tempo. Não se pode mudar o vinho para água da noite para o dia, de um ano para o outro!

O processo em que chegaram estas marcas já vem se arrastando por anos a fio e um dia teria que chegar onde chegou. O que se discute hoje no congresso não é o dinheiro em si, mas a filosofia automotiva americana.

Filosofia Americana

Entregar dinheiro à elas, simplesmente não resolverá essa questão, visto que logo que o sol nascer novamente, elas continuarão a manter sua filosofia arcaica e ineficiente.

Esse panorama é temido pelos congressistas e certamente abriria as portas americanas para uma nova tempestade do século no setor automotivo, sendo que possivelmente este não mais suportaria.

Fonte: Folha de São Paulo/O Tempo.



  • JBAFilho

    Você está lascada GM. É como tenho dito: deixa esses executivos porqueiras cabeças de bagre sucumbirem catacumba adentro. Quando não tiver mais profundidade no buraco para eles afundarem (e isto deve ser próximo ao inferno), decreta-se a falência, prende-se os incompetentes, e vende-se a massa falida a preço de banana podre para quem tiver competência para gerir uma empresa deste porte com seriedade. Alguém que vai administrá-la sem vaidades nem paixões burras e estúpidas.

    E tenho dito!

  • Claudio

    1- Um amigo meu disse que os executivos da duas dessas montadoras foram de jatinho até o congresso pedir dinheiro, gastaram 20 mil dólares de combustível e demais na viagem, o congresso reparou e disse, porque não vieram de primeira classe por uma empresa aérea qualquer, teriam vindo confortávelmente e economizado milhares de dólares! É assim que voces gastam o dinheiro que ganham? Por esse motivo não vamos emprestar o dinheiro,as empresas estão em crise,mas ninguém quer descer do pedestal!Bem feito!
    2- Se esse prédio imponente pertence a GM, tai a solução,é só vender essa maravilha que ja cobre o buraco!rs…
    3- Não acredito na falencia e digo que pode demorar um pouco, mas quem comprar ações da GM agora que esta bem em baixa pode ter certeza que vai ganhar muito, mais muito dinheiro quando ela voltar a seu patamar normal! Até eu que sou pobrinho, estou pensando se não daria pra arriscar uns mil realzinhos se é que é possivel, caso perdesse não seria grande coisa, mas caso tenha razão, vai dar pra rir de muita alegria dentro em breve!

  • LFSP2

    Quantos centavos de dólar estarão as ações da GM daqui a 15 dias, daqui a pouco vai valer o mesmo que uma balinha.
    [Comentario #119908 sera citado aqui]

    Pior que você está correto, eles querem cortar custos mais abusam no jatinho, reitero minha posição, não quero que quebre porque só de empregos nas próprias montadoras serão uns 250 mil empregos só nos EUA indo para o ralo, e ainda tem fornecedores de autopeças, essas indústrias hoje movem uma grande rede de produtos.
    Mas se quebrar, mereceu, quem mandou achar que os americanos comprariam para sempre banheiras beberronas?
    Resultado, hoje elas comem poeira das japonesas.

  • O Especialista

    Olá boa noite!
    Particularmente eu torço para que a crise passe logo, mas torço muito mais ainda para que o nosso governo acorde abaixe os impostos dos carros e motive a população á trocar de carro.
    Temos de alavancar a nossa produção interna á ponto de tornar o mercado interessante para que mais montadoras venham para cá e mais tecnologia seja empregado na construção dos nossos carros.
    Como vamos diminuir a poluição com essas chaleiras que andamos pelas ruas?

    O Especialista

    New Post no Blog Carroceiros de Plantão: Aços para construção de Carrocerias – Parte 2

  • The Mal voltou

    A NATURA vale mais que a GM!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    vai pro caixão GM!!!!

  • Rafael FM

    Virou escândalo jatinho de US$ 36 milhões da GM

    Como diz reportagem de hoje do Bom Dia Brasil, virou escândalo a imagem que correu os Estados Unidos mostrando o presidente a General Motors, Rick Wagoner, embarcando em Detroit no jato da empresa – que vale US$ 36 milhões. Ele ia a Washington pedir dinheiro para salvar a montadora.

    Para pagar o combustível e a tripulação, a empresa gastou US$20 mil – cinqüenta vezes o preço de uma passagem comum. O presidente da Ford viajou da mesma forma luxuosa. Isso tudo no momento em que as montadoras estão à beira da falência.

    A escolha de que meio de transporte usar para ir pedir dinheiro parece um fato menor, mas ilustra bem o que os analistas estão dizendo: são empresas que gastam demais, e nunca se preocuparam em ajustar os custos. E por isso estavam mal mesmo na época em que a economia americana estava bem.

    Mas o que se pergunta é o que vai acontecer com a GM no Brasil, caso a GM americana não seja socorrida. Primeiro, é preciso saber que quando os americanos falam em falência, na verdade é um mecanismo parecido com a nossa concordata: um período de chance para recuperação. Não significa o fim das atividades.

    Segundo, é que a GM brasileira é rentável. No Brasil, as maiores montadoras, em termos de fatias do mercado, são a Volkswagen e a Fiat, empresas alemã e italiana.

    Por fim: o governo eleito nos Estados Unidos está decidido a fazer uma operação de socorro para a indústria automobilística.

    O que assusta mais a economia americana agora é o risco de deflação. Os preços estão despencando e ameaçam criar aquele ambiente econômico em que se cria um círculo vicioso: as empresas têm prejuízo e por isso não investem, o consumidor não compra porque amanhã será mais barato e porque suas dívidas ficam cada vez maiores e mais pesadas. Não é uma simples redução de preços, é uma espiral que vai jogando a economia para baixo cada vez mais.>>
    :rayban:

  • Claudio

    1-Os caras ganham mais de quarenta paus num frasquinho com cinquenta centavos de perfume,que montadora ganha essa porcentagem em um carro? só tem que valer mais! O negócio é a GM mudar pro ramo de perfumes, até o Silvio Santos ja percebeu isso com seu perfume Jequiti, que logo logo vai estar valendo bem mais que o SBT!
    2- Se a GM quebrar, as outras agradecem, pois será uma oportunidade de salvação e crescimento com os consumidores que migrarão! Mas que abalaria o sistema , a balaria e muito até as coisas entrarem nos eixos!

  • Claudio

    Por conta desses capitalistas canibais, nós entramos a primeira quinzena desse mes, com 20% menos vendas de automóveis, ou seja, nossa genta esta assustada e vai acabar prejudicando o nosso desenvolvimento!
    O Brasil vai pagar também pela crise desses animais!
    Vamos rezar, para que o buraco não abra demais, e consigamos não cair nele, no máximo sujar os pés!

  • Luis.J.R.

    Mais é logico que o governo vai ajudar as montadoras?Até parece que as 3 vai mesmo falir. :assob:

  • Claudio

    Comprem ações delas agora que estão em baixa, e deem muita risada da qui a um tempo quando vendê-las em alta no seu patamar real de valor!
    Duvido que os próprios grandes homens dessas montadoras ja não tenham feito isso, vão ganhar duas vezes, com a ajuda do governo e com as ações quando forem la no alto!Expertinhos eles!

  • Guilherme Guimaraes

    Outra coisa também, as big tree cavaram suas próprias covas criando milhões de marcas para deixar debaixo de suas asas. Um bom exemplo é a Ford e suas (praticamente) fracassadas Mercury e Lincoln…

  • IGAUM

    EU QUERO É VER A GM IR PRO BURACO JUNTO COM O SADDAN HUSSAIN!!!

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    CADE O JASSA MURTAB?

    ah…deve ta na fila do seguro desemprego!!!

    kkkkkkkkkkkkk

    SENTA E CHORA!!!!

    :hauhau: :hauhau: :hauhau: :hauhau: :hauhau: :hauhau: :evil: :evil: :evil: :evil: :evil: :evil:

  • Johnwest

    O presidente da GM, Rick Wagoner, ganha $ 60 mil dolares por dia.

  • Giovanni

    [Comentario #119965 sera citado aqui]

    Não é bem assim que funciona, muitas vezes leva décadas pra recuperar o valor das ações. Nesse tempo seu dinheiro poderia estar investido em outra coisa, obtendo muito mais lucro. Nada indica que a GM vá se recuperar tão cedo desta crise, e para dizer bem a verdade até mesmo muito “tubarão” do mercado financeiro realizou forte prejuízo com estas ações, porque neste momento o prognóstico para a GM é o pior possível. Minha recomendação é fugir de GM, Delphi e companhia com todas as forças.

  • Carlos Medeiros

    O MAIS ENGRAÇADO AQUI SÃO OS POSTS.

    TEM GENTE FALANDO DE FIAT…. JESUS CRISTO….A FIAT SÓ NÃO QUEBROU POR CAUSA DA GM… É ISSO SEM RECESSÃO.

    EXISTE A CRISE, NÃO SÃO SÓ AS MONTADORAS AMERICANAS QUE ESTÃO PASSANDO POR CRISES. A CRISE COMEÇOU NOS EUA, LOGO SUAS EMPRESAS VÃO SENTIR PRIMEIRO DO QUE AS OUTRAS.

    A GM NÃO VAI FALIR E MUITO MENOS A FORD QUE DAS TRÊS É A QUE ESTÁ EM SITUAÇÃO MELHOR. A FORD AINDA CONSEGUE SE SAFAR COM AS PROPRIAS PERNAS, MESMOO PORQUE POSSUI BONS LUCROS NA EUROPA E AMÉRICA LATINA.

    ENFIM…. TORÇO PRA QUE SE RECUPEREM LOGO PORQUE SÃO EXCELENTES FÁBRICAS E FABRICAM E SEMPRE FABRICARAM EXCELENTES E HISTÓRICOS CARROS !!!

  • Thiago07

    A coisa tá feia ein :eyess:daqui a poco a tata compra a gm :hauhau:.Mas ele estão apenas colhendo oque plantaram né, como já foi citado eles tão na merda mas não querem perder a pose, continuam torrando dinheiro. Como que uma empresa desse porte consegue chega nesse ponto, um monte de pessoas super inteligentes, PHD, formado em Ravard e tals, conseguiram deixa chega á esse ponto. Se for análisa até que o Lula não é tão burrro assim :hauhau:

  • evandro17

    ÉÉÉÉ, amigo! A GM tá na m**** mesmo…

    Das três aí, eu acho que a única que não se salva de jeito nenhum é a Chrsyler. Só vendia nos EUA, agora nem lá!

    É nessas horas que você levanta a cabeça, respira fundo e diz: FODEU!

    Mas parece que o sr. Rick Wagoner não tá bem nessa. Acha que tá tudo na boa –‘ Vamos ver onde isso para, né?

  • Hodney Souza

    “pois a empresa tem bilhões e bilhões de dólares em obrigações financeiras, ou seja, tem de pagar funcionários e fornecedores, planos de saúde, pensões, etc.”

    Esta é a verdadeira situação das montadoras americanas. Excesso de funcionários, plantas de produção excessiva para determinados segmentos automotivos, até previdência as montadoras tem!
    As japonesas estão bem assim porque não sofrem desse peso administrativo e social.
    Até banco para financiar casa própria as montadoras americanas tem.
    Se não houver uma restruturação total das montadoras e abrir mão desse “paternalismo” as montadoras americanas não vão durar por muito tempo.

    Hoje em dia para se consolidar não é preciso apenas construir bons carros e sim rever a politicas de metas.
    Os carros atuais americanos são excelentes aceitemos ou não. Tão bons quantos os japoneses e europeus, o problema é que o sistema de produção é pesado demais e isso prejudica o retorno. :hauhau:

  • Rafael FM

    Não há plano para montadoras, diz líder democrata nos EUA

    O líder da maioria democrata no Senado dos EUA, Harry Reid, afirmou nesta quinta-feira (20) que não existe por enquanto nenhum plano para ajudar o setor automobilístico, pouco depois de senadores republicanos e democratas terem anunciado o esboço de um acordo sobre um plano de resgate.

    “Trabalhamos duro para chegar a um consenso, e ninguém se esforçou mais que os senadores do Michigan (estado onde ficam várias usinas de produção de carros). Eles prepararam um acordo suprapartidário, mas infelizmente a triste realidade é que nenhum plano ainda foi concebido para ser aprovado pela Câmara dos Representantes e pelo Senado, e enviado ao presidente em seguida”, declarou Harry Reid nesta quinta-feira durante uma entrevista coletiva no Capitólio.

    Nova análise
    Ele ressaltou que os presidentes das três grandes montadoras americanas (Ford, General Motors e Chrysler) terão outra oportunidade para apresentar propostas para o setor, e disse que o Congresso poderá estudar novamente a questão em dezembro.

    Reid explicou que os líderes democratas decidiram “dar às empresas do setor automobilístico outra oportunidade para apresentar suas propostas, tanto ao Congresso como aos americanos”.

    “Pedimos que eles apresentem um plano ao Congresso, ao mais tardar no dia 2 de dezembro”, acrescentou.

    Os democratas pretendem em seguida voltar ao plenário para “ajudar a indústria automobilística” na semana de 8 de dezembro. No entanto, as condições impostas pelos líderes democratas são a “viabilidade” e a “responsabilidade”.

    Segundo Reid, estas condições ainda não estão reunidas. “Não queremos organizar votações fadadas ao fracasso”, justificou.

    Contexto
    Para Barney Frank, o presidente da comissão dos serviços financeiros da Câmara dos deputados, “é muito importante que avancemos, mas devido ao contexto atual temos que fazê-lo de forma muito prudente”.

    Por sua vez, o líder da maioria democrata na Câmara dos Representantes, Steny Hoyer, disse que as duas semanas suplementares de negociações permitirão “construir um consenso”.

    Em paralelo, quatro parlamentares procedentes dos estados dependentes da indústria automobilística trataram de promover seu trabalho.

    “Chegamos a um acordo sobre uma posição que vai além dos conflitos partidários, baseada em empréstimos de até 25 bilhões de dólares para o setor automobilístico”, declarou um deles, o senador democrata Carl Levin, do Michigan (norte dos EUA).

    Entretanto, este plano parece estar fadado ao fracasso, como deram a entender os líderes democratas.

    XIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII >>
    :rayban:

  • fr_amaral

    [Comentario #119908 sera citado aqui]

    Isso é a verdade verdadeira!

  • Renato Mendes

    Morte a GM, FORD e CHRISLER :cavera:

  • Denis

    Vai acabar sendo 100% vendida para empresa Chinesa como a Chery ou Indiana como a Tata-Motors, e, quem comprar ações da GM hoje, irá multiplicar o $$ investido, por ex de investistir HOJE 6mil e se a GM voltar a ser o que era em 12/Set/08, seus 6 mil se transformarão em 100 mil !!! Bom ou não?????
    ** em 12/9/08 valia 12,50 e hoje vale 0,75, é só fazer conta…. e o Mr. Obama NAO VAI DEIXAR FALIR !!! FAVOR COMENTEM ESSA MENSAGEM !


Send this to a friend