Etc

Cristalização? Vitrificação? Saiba tudo sobre estas melhorias na pintura

porsche-vermelho-1024x512

Cristalização, vitrificação, detailing, polimento, etc. Assim como ocorrem com produtos e serviços de todos os tipos, o mercado automotivo está repleto de ofertas chamativas (e muitas vezes milagrosas) para encantar o consumidor. Alguns termos são de encher os olhos: “vitrificação”, “cristalização” e “polimento cristalizado” estão entre os mais conhecidos, estampados em muitas concessionárias, lojas e empresas especializadas em embelezamento automotivo.


Infelizmente, ainda hoje, a mídia “do povo” não se aprofunda no assunto e acaba propagando informações errôneas, ao invés de elucidar seus leitores e espectadores. O resultado disso são pessoas que, por inocência, acabam pagando por um serviço como vitrificação ou cristalização que jamais levarão para casa.

Há até mesmo promessas de proteção por 1, 2 ou até 3 anos contra “ação da natureza, maresia e sujeira”. Para infelicidade dos amantes de carros, isso não existe. Por melhor que seja o polímero sintético, a cera natural, o “glaze” ou o composto polidor usado na vitrificação ou cristalização não é possível proteger uma pintura da poluição, pó de freio, detritos das ruas e agentes naturais por tanto tempo.

Veja tudo sobre o detalhamento automotivo (detailing)
Dicas de como limpar o carpete do carro com mais eficiência

Os cuidados com um carro novo são simples: basta lavá-lo da maneira correta e mantê-lo protegido (seja com cera, selante ou o seu produto favorito) para garantir brilho intenso e repelência a água. A duração disso depende simplesmente da limpeza correta e da qualidade do produto utilizado. Com o tempo, a proteção se esvai, e novamente é hora de aplicá-la.


Em um carro com defeitos na pintura (“swirls” ou “teias de aranha”, oxidação da pintura — não confundir com ferrugem, manchas, arranhões), é necessário fazer a correção. Ao contrário do que muitos “polidores” pregam, não basta usar uma boina de lã e uma “massa de polir #2”.

Esse processo deve ser executado sempre da maneira mais branda possível, para poupar o verniz do veículo, já que todo polimento é abrasivo. Para isso, existem boinas com diversos tamanhos e materais, politrizes roto-orbitais ou rotativas, massas de polir ou “polishes” mais ou menos cortantes e até mesmo com tecnologia micro-abrasiva, que pode ser não-redutiva ou redutiva.

Cera x selante: o que escolher para o seu carro

Há alguns lembretes importantes para os dois casos acima:

– Não existe polimento não-abrasivo. Polimento é, por definição, um método de correção, refinamento e acabamento da pintura.

– Cera serve para proteger, e não para polir. Se na embalagem mencionar a palavra “polimento”, tome cuidado: a cera provavelmente tem uma porcentagem de polish abrasivo misturada.

– Alguém já viu a cera de carnaúba em sua forma natural, pura? Pois bem, ela é dura como pedra e não serve para proteger a pintura do seu carro. Quanto mais mole ou líquida for a cera, mais solventes ela contém. Cuidado com rótulos que pregam “90% de carnaúba” ou “100% carnaúba”. Uma cera de boa qualidade é feita de diversos elementos, portanto não se iluda com promessas milagrosas.

Álcool de cozinha ou bebida alcoólica podem ser usados para abastecer um carro Flex ou a álcool?

O “cuidado automotivo” ou “detail” pode se tornar um interessante hobby para explorar: além de aprender a cuidar melhor do carro, é um exercício de paciência e, sem dúvida, uma maneira muito gratificante para usar o tempo livre.

Para quem se interessar sobre o assunto, vale estudar cada uma das etapas para manter o seu carro brilhando, conservado e com melhor valor de revenda. De forma bastante superficial, podemos resumir:

1) Lavagem do carro

É o processo de limpeza mais básico, normalmente executado com shampoos, luvas de pelo de ovelha, microfibra, esponjas especiais, entre outras. Também pode ser auxiliado por uma lavadora de pressão e até mesmo shampoo “neve”. Outro tipo de lavagem de carro é do tipo à seco. Esse processo já era conhecido há alguns anos atrás, mas ficou em evidência quando houve escassez de água em São Paulo capital, por exemplo. Até franquias do gênero surgiram pelo país.

Com apenas 1,2 litro de água e mais o produto, pode-se lavar até um carro grande, quando o mesmo necessita de até 600 litros para uma lavagem completa. Utilizando um pano de microfibra (para que a sujeira adere ao pano e não risque a pintura) e o líquido com cera em sua composição, basta passar o pano que não só retira a sujeira da carroceria, mas deixa a pintura como se tivesse sido lavada e encerada. Não se pode fazer isso no sol, mas somente na sombra e de preferência no frio. Sempre em partes, o processo de lavagem a seco utiliza um pano, mas um segundo pode-se realçar o brilho.

Processo semelhante pode ser feito no interior, mas com produtos específicos e com a necessidade de aspiração da água. A limpeza a seco de estofados dos bancos garante proteção contra mofo, ácaros, bactérias e fungos, preservando o material e o visual do acabamento. Com aplicação de pouca água, seu uso é consideração ambientalmente e sustentavelmente correto, além de ser recomendado para se evitar doenças de vários tipos, já que os carros passam a maior parte do tempo parados e fechados, sem circulação de ar internamente.

2) Descontaminação da carroceria

É o processo de remoção de sujeiras impregnadas que não se soltam com a lavagem comum. Para isso, podemos usar removedores de piche, “de-ironizers” (que eliminam contaminação por ferro, normalmente oriunda dos discos e pastilhas de freio) e, é claro, a “clay bar”, uma massa que aliada a um lubrificante (“quick detailer” ou até mesmo shampoo misturado com água) remove elementos que deixam a pintura mais opaca, áspera e sem vida.

3) Correção da pintura

É nesta etapa que ocorre muita confusão. Muitos “especialistas do polimento” simplesmente lavam o carro e “mandam ver” com a boina de lã, que é a mais agressiva. O resultado normalmente é brilho intenso, mas basta levar o carro ao sol para ver hologramas, marcas de polimento e até mesmo “swirls” causados pela rotação da politriz.

A etapa de correção deve poupar a pintura, portanto é importante sempre partir para a solução menos agressiva, estudar o problema a ser resolvido e usar as ferramentas corretas com paciência e ténica quase robótica. A pressa ou a falta de habilidade pode resultar até mesmo em uma pintura queimada!

4) Proteção da pintura

Existe uma infinidade de produtos para esse fim, como a vitrificação e a cristalização. Os mais comuns são derivados de ceras, e estes podem custar de R$ 10 a R$ 1.000 — sem exagero! Há marcas e grifes de diversos países, e inclusive no Brasil existem produtos de altíssima qualidade, mas que não são encontrados em supermercados.

De alguns anos para cá, surgiram também os sintéticos, criados em laboratório. Estes selantes tem acabamento semelhate às ceras, mas muitos deles tem mais capacidade hidrofóbica (repelência a água). Especialistas em cuidados automotivos muitas vezes fazem uma combinação de acordo com seu gosto pessoal, de camadas diferentes de cera e selante para ter um resultado ainda mais bonito.

Assim como muitos mecânicos pregam pela informação correta e livre no mundo da mecânica, acredito ser importante explicar alguns pontos sobre a aparência dos carros, evitando gastos desnecessários e falsas promessas que depois poderão culminar em arrependimento pelo dinheiro mal-investido.

Ultra-Ever Dry

A proteção de pintura vem recebendo ao longo dos anos muita atenção com os produtos já citados acima. Porém, certas tecnologias estão aprimorando o modo como se pode proteger muitos materiais da corrosão e da sujeira. Um dos produtos que anda chamando a atenção parece fazer milagre, mas se trata mesmo de um composto químico, que possui certas propriedades surpreendentes.

Há algum tempo atrás, o chamado Ultra-Ever Dry era anunciado como algo quase revolucionário, que rapidamente ganhou a atenção da mídia e mais tarde até de fabricante de veículos. Imagine sair de casa de terno e gravata para uma reunião importante e, de repente, ao sair do carro num dia de chuva, ver sua roupa bem passada e limpa ser alvejada sem dó e nem piedade por um roda mergulhando dentro de uma poça de lama.

Sim, isso dói só de imaginar! Agora, imagine mergulhar seu terno completo e mais a camisa de baixo, acrescentando ainda o sapato e meias num produto químico que promete resolver o problema. Depois, na mesma cena, toda aquela lama simplesmente foi por água abaixo! E mais, até a água da chuva simplesmente escorre como numa superfície de vidro ou metal. Mas como?

O tal produto Ultra-Ever Dry foi demonstrado várias vezes como no exemplo acima, inclusive com óleos de todos os tipos, molhos de alimentos e até cimento! Bateu, caiu. Trata-se de um produto químico que cria uma camada protetora hidrofóbica ou óleofóbica, segundo a empresa que o desenvolveu. Na descrição do produto, chega-se a mencionar metros abaixo d´água com um material revestido sem nenhum contato com a água.

Mas e nos carros? Se tecidos, pedras, revestimentos de acabamento residencial, metais, vidros, papéis e tudo o mais que pensarmos em isolar de umidade, água ou qualquer substância líquida, o que dirá da lataria de um carro? Algumas pessoas começaram a experimentar o Ultra Ever Dry também em carros, a fim de evitar a contaminação da pintura por qualquer tipo de líquido. Isso chamou a atenção de uma montadora, a Nissan.

A montadora japonesa se uniu com a fabricante do produto e para demonstrar sua eficácia, aplicou apenas em metade de um Nissan Note, embora tenha experimentado e até feito um vídeo animado com um Leaf igualmente protegido. Não só a água deixa de fixar na lataria, mas também óleo no asfalto, massa asfáltica solta e todo tipo de sujeira não adere à pintura do carro, que permanece sempre limpa, como se nada pudesse suja-la, nem mesmo um balde de tinta, como na campanha de marketing.

De aplicação simples, mas com preço elevado, o Ultra Ever Dry ainda está longe de ser oferecido como um item opcional dentro das concessionárias autorizadas. A Nissan testou a tecnologia, mas não deu continuidade devido ao alto custo. Além disso, o produto não fica para sempre, tendo que ser aplicado com alguma constância. Nos sites de comércio online, existem ofertas do produto ou similares para carros, cujos preços vão de R$ 85 a R$ 3.200.

Produtos similares prometem todo tipo de proteção, mas como dito acima, são pura enganação, pois prometem de um a três anos de proteção, o que não é verdade. Na Nissan, além do uso do Ever Dry, a montadora já utiliza um tipo de pintura flexível que preenche os espaços riscados por não estar totalmente sólida, mas não líquida o suficiente para cair da lataria ou molhar quem esconde no carro.

Ziebart

Para quem tem mais de 30 anos, esse nome é bastante conhecido. O fabricante Ziebart – americano, mas de origem alemão – se tornou o mais conhecido por seus produtos selantes, que protegiam a pintura dos automóveis de intempéries e outros agentes, numa época em que não havia pinturas mais resistentes e nem aços galvanizados para os carros mais populares. Assim, ela protegia até de corrosão.

Em 1977, a Ziebart lançou o Zee-Glaze, o primeiro polímero protetor de pintura automotiva. Três anos depois, a American Motors (AMC) foi a primeira montadora do mundo a utilizar um processo de proteção química da pintura desde fábrica, em parceria com a fabricante desse produto.

Um dos destaques da marca nem era tanto o produto, embora os fabricantes de automóveis, como a própria AMC, decidiram nos anos seguintes investir mais em aços galvanizados e peças em alumínio, a fim de que a pintura e a lataria ficassem mais protegidos ao longo do tempo. As campanhas publicitárias da Ziebart se tornaram famosas em todo o mundo, o que ajudou a popularizar o produto. Atualmente, o serviço é feito por oficinas franqueadas em todo o país.

Vai detalhar ou limpar o seu carro? Não deixe de ler estas dicas

Não tenha medo de duvidar, questionar e fazer valer o seu dinheiro. Muitas vezes, é mais seguro aprender e fazer em casa (ou mesmo pagar mais por um profissional qualificado e com treinamento), do que rasgar suas preciosas notas.

E se o assunto for do interesse dos leitores do NA, não hesitem em comentar e colocar as suas dúvidas! O que você deseja saber sobre cuidados automotivos?

Por Orlando Ortiz

  • Cristalização e vitrificação - nossa opinião
5.0

Resumo

Fazer cristalização ou vitrificação na pintura do seu carro é algo muito interessante, o carro fica com outra aparência, damos 5 estrelas. Apenas cuidado com o profissional que você vai escolher para não dar errado.

COMPARTILHAR:
  • zemarreta

    Sempre há um "serviço" indispensável desse tipo oferecido pelas concessionárias. Antes era limpeza de bicos, impermeabilização de bancos, etc. Quando ficam manjados eles sempre inventam outro serviço "indispensável" do gênero. Eu recusei tudo que me ofereceram quando comprei meu carro.

    • AventadorMan

      Quer ver se é mulher que vai deixar um carro numa lavação ou revisão eles semprem querem empurrar algo, minha mãe sempre voltava com umas idéias da NASA quando buscava o carro dela na revisão

    • TecoPadaratz

      Putz, toda vez que compra carro zero a CCS liga falando que é indispensável passar um produto para proteger a pintura nova. E os caras ainda cobram R$ 250,00 pelo serviço.

      Quando me ligaram eu indaguei a vendedora: "Então vocês estão me falando que a pintura do carro não aguenta chuva, poluição, sol, etc, etc ? É um serviço desses que vai me garantir uma pintura sempre nova ?"

      Oras, eu lavo meu carro quase toda semana e sempre fiz isso com meus outros carros que ficaram comigo pelo menos 3 anos e nunca tive problemas com a pintura. Sempre ficaram boas.

      Agora a empurroterapia é fod@…..E o pessoal da CCs ainda insiste falando que é extremamente necessário fazer o serviço deles. É chamar agente de trouxa mesmo…………..

      • Marcelo_Machado

        Realmente essas ccs que ficam empurrando serviços desnecessários enche. Eu já vou logo cortando o assunto no começo.

        Eu tb nunca tive problema com a pintura dos meus carros e lavo eles quase que de 3 em 3 meses…… Mas ficam sempre em garagens fechadas, em casa e no trabalho. Ficar exposto diariamente ao Sol é o que mais estraga a pintura.

        • tuago007

          Sobre ser pior ficar no sol, depende. Se for pra ficar a sombra de uma árvore e correr o risco de receber na pintura resina, urina e fezes de pássaros ou ainda arranhões por queda de pequenos galhos é melhor deixar no sol.

  • HenriqueBorges

    Quais são os melhores produtos nacionais para lavagem? Cera, shampoos, etc.. Aqueles arranhões superficiais, como fazer para retirá-los? Valeu..

    • Leosena

      Henrique, eu gosto de lavar e cuidar dos carros da minha família em casa mesmo. Já usei todo tipo de produto. Para a lavagem não é necessário nenhum produto milagroso, basta que você utilize um shampoo automotivo neutro. Já para o embelezamento da pintura, depois de muito experimentar, te indico uma cera líquida da marca americana Meguiars, modelo NXT Generation Tech Wax 2.0. Pesquise aí na internet que há várias lojas no Brasil que revendem essa marca. Para remoção da cera use uma flanela de microfibra da mesma marca que o resultado será mais que satisfatório, principalmente em carros de cores escuras. A pintura fica com um brilho intenso e livre daqueles malditos hologramas. Por fim, se seu carro tiver alguns arranhões talvez seja o caso de submetê-lo a um polimento, que deverá ser executado por um profissional capacitado.

      Abraço.

      • allysson13

        Comprei a roto orbital da Meguiars, e eu mesmo consegui retirar as marcas holográficas da pintura usando o corte, lustrador e cera da mesma marca.

      • andre

        Aplicando a Cera NXT da Meguiars,vc não ficara livre dos hologramas…vc irá apenas camuflar os hologramas…

  • RafaelPimenta

    eu jamais arriscaria meu porsche cayenne como o da foto pra fzr uma coisa dessas. msm sendo bem usado

    • xam72

      nem eu com meu polo 06!

      • Pedro_Rocha

        Tampouco eu com Gol 1.0 16v 98/99 do velho.

        • guibirow

          Muito menos eu com meu Chevete 87 Branco quase Pérola.

          • Nem em sonho eu com meu rolimã.

            • Rodriguera

              Eu então nem que a vaca tussa com meu Ford T (miniatura).

              • Robson Bueno

                E nem eu com meu cavalinho de madeira que ganhei na infância!!

                • Vinicius

                  Muito menos eu com meu Hot Wheels azul caramelo.

                  • Vinicius

                    Nem eu com meu carro feito de lata de leite ninho

                    • Eduardo

                      Nem eu … meu carro desenhado e recortado na folha de sulfite

                  • Gislaine Dittert

                    Nem eu com meu Golf 1.6 , jamé!!!

    • afonso200

      ainda mais o cara segurando a poletriz e fumando…notem o cigarro entre os dedos…. dá uma cambaleada pega a lateral do suporte da flanela e lá se vai um risco no porsche

      • Filipe_GTS

        É verdade, o malandro polindo o Porsche com o cigarro preso no meio dos dedos da mão esquerda. Que figura, deve tá se sentindo o Slash que sola com o cigarro entre o dedo médio e o anelar da mão direita, haha

    • dyegobelisario

      Meu C4 VTR esta ótimo!!

    • Jerry Lewis

      Nem eu, com meu carro feito com um pedaço de viga de madeira e rodas com lata de leite em pó.

    • driver

      Nem eu com meu velocípede prata 81.

    • Cristiano

      Nem eu com minha Caloi…

    • Robert Larz

      NEM EU COM A MINHA BIKE BARRAFORTE ANO 83.

  • Felipe Moreira

    Vocês recomendam a lavagem com "resina" ? Eu estou há 3 meses lavando meu carro dessa forma e estou gostando do resultado, teria algum problema de lavar 1 vez por semana utilizando resina?

    • xam72

      que tipo de resina é essa?
      como aplica?
      fiquei curioso

      • Felipe Moreira

        Eles aplicam apos a lavagem, borrifando um liquido, é aplicado durante a secagem do veiculo com um pano mesmo. Não sei te dizer que tipo de resina é, mas ela cria uma pelicula por cima da pintura e dá um bom brilho.

        • ubiratamuniz

          Eu tenho usado isso há um ano (de duas em duas semanas) e não tenho do que reclamar. Ah, meu carro é branco.

          • Mario Bergamo

            É água com removedor (aquele mesmo que se compra no supermercado). Pode reparar no cheiro da “resina”. Proporção 1 pra 10, salvo engano. Não exagere, o removedor é corrosivo. Lave assim apenas uma vez a cada dois meses.

  • Castle_Bravo

    Então a tal 'vitrificação" oferecida nas concessionários não dura 1 ano como anunciado? quando me ofereceram disseram ser até mesmo à prova d'água, achei até interessante a ideia, mas como era meio salgado o preço (por volta de R$400,00) acabei não fazendo.

    • HenriqueHJ

      1 ano?

      uma das melhores ceras utilizados para proteção que é a collinite, com o carro bem cuidado mal dura 6 meses.

      o ideal seria aplicar essa cera de 4 a 5 meses. e antes de encerar a cera passar um desengraxante para retirar a cera velha, e necessitando um claybar as vezes mas como é carro novo não precisa de claybar.

      o negocio é comprar essa cera, e passar voce mesmo caso voce tenha disposição. essa collinite deve esta beirando 120 reais. cada lata dura no minimo uns 20 vezes.

      • Castle_Bravo

        Me disseram que duraria um ano, como não conhecia o processo nem questionei… :|

        Mas enfim, de qualquer forma, valeu pela dica, vou eu mesmo comprar e passar a Collinite. ;)

        • HenriqueHJ

          opa, mas antes de compra a cera, eu recomendo vc ler o um topico sobre lavagem e enceramento no forum civic clube. lá tem explicações mais detalhadas.

          se for pra dar um brilho e proteção de 1 ou 2 meses. recomendo a Meguiars que é menos complicado pra quem não tem experiencia.

          essa cera collinite tem tempo de cura muito rapido, e não acertando no tempo fica muito ruim de tirar, ai vai faltar braço.

          • Edson Roberto

            Interessante Henrique! Essas coisa de limpeza eu sou totalmente sem noção. Sabe como lavo meu carro? com bucha e agua!

            Bem… meu ex carro… um Uno de 14 anos que ficou na familia (11 anos com meu pai desde zero e 3 anos comigo) e nunca deu problema. Mas praticamente lavava toda a semana com direito a secar o carro depois de uma chuva…rs

            Já com o atual, eu nao ligo de continuar molhado…rs

            • HenriqueHJ

              eu também era totalmente sem noção, comecei a me interessar depois que vi o meu porteiro lavando o meu carro com camisa velha de politico e um balde todo pra lavar o carro. dai eu parei com esse negocio de mandar porteiro lavar ou lavar em lava a jato (eu li que em lava jato utiliza muito um produto misturado chamado solupan, esse produto elimina aos poucos o verniz do carro). comecei a ler mais na net e vi que além de limpar o carro eu fazia praticamente uma terapia. coisa que me agradava e saia um pouco do ócio.
              hoje já estou com um pouco mais de noção, mas começa a faltar disposição hehehehhehehehe. principalmente para fazer o processo tanto na lataria quanto a parte interna.

          • Castle_Bravo

            De novo, obrigado, também vou me informar mais, sou completamente leigo no assunto, embora lave o carro com certa frequência, nunca fui de encerar decentemente.

  • gcaraujo

    Opa, me interessei, vamos as perguntas:

    1 – Tem que fazer mesmo essas proteção de pintura que a CSS sempre quer te empurrar ao comprar o carro novo? Há alguma coisa a ser feita para proteger a pintura?

    2 – Essas lojas que lavam a seco, esses produtos são recomendados??? pelo que li são produtos contendo a carnaúba.

    3 – Quais produtos eu poderia usar para retirar o pixe, asfalto que prega nas laterais do carro? Há algum produto especifico que posso passar na pintura para manter o brilho, pós passar esse produto que retira o pixe do carro?

    4 – Onde tem leituras onde podemos ler mais a respeito e não ser enganado???

    Grato…

    • Eugenissimo

      Para tirar piche, existem esses produtos (entre outros) que funcionam: Removedor Spray, da 3M; Top Clean Tira Piche, da Orba; M1 micro-óleo anticorrosivo, da Starret; e Removedor de piche, da Autobelle.

      • Edson Roberto

        Alias, a Starret tem investido muito no Brasil.

        Pelo menos para mim, para tirar o pixe, a Starret é a melhor. Rapida e pratica de tirar.

      • gbaraujo

        Sem mentira nenhuma… Para tirar piche do carro você não precisa de nenhum desses produtos caros. Basta aplicar óleo diesel na pintura, com a própria pistola que se aplica o shampoo automotivo do lava-a-jato, e deixar agir por uns 5 minutinhos aproximadamente. Tive um carro branco, fiz isso inúmeras vezes, nunca manchou, nunca agrediu a pintura nem nada! Parece mágica! Você olha o carro lavado, e pensa q ele está limpo. Quando se aplica o diesel e deixa ele agir, você olha e vê o piche escorrendo… Você nem sonha de onde aquela sujeira veio. Depois basta lavar novamente com água, retirar totalmente o diesel da pintura e partir para a cera, mas não cera comum, de 12 reais que se encontra em supermercado. Use de preferência uma cera Meguiars Yellow Wax ou NXT 2.0, ou então uma cera 3M Perfect it. Cuidado com a 3M! No supermercado vende uma cera 3M chamada AutoBrilho, barata, entre 10 e 15 reais. Não use esta. Use a PERFECT IT, que é vendida geralmente em lojas de tintas. Essa sim é de primeira, inclusive acho ela melhor do que a Meguiars, dura mais no veículo, é um pouco mais barata por ser mais vendida, e ainda por cima é cheirosa demais! o carro fica perfumado por fora! Para carro preto ela é sem dúvida a melhor opção! Cera comum em carro preto fica um nojo! Quando bate o sol, o carro tem um brilho amarelo, já com a PERFECT IT da 3M ele fica bem pretinho, com uma camada que parece que o carro está molhado de tanto que brilha!

  • Felipe Moreira

    Outra pergunta que tenho, como remover aquelas manchas brancas nas partes plasticas do carro?

    • 3ic

      depende..se for preta a peça, spray preto fosco nela e vc nem saberá a diferença.

    • Eugenissimo

      Para evitar que elas surjam, tenho duas dicas: aplicar silicone líquido ou gel todos os meses; e NUNCA deixar a cera ou o sabão da lavagem secar sobre essas peças…

      • Felipe Moreira

        Pois é, mas no meu caso foi causado por um polimento mal feito na CSS, peguei o carro 0km já com essas manchas, que no momento estavam disfarçadas pelo silicone.

    • MajorAutomotivo

      Eu uso nugget preto para sapatos.

      • Pedro_Rocha

        E nos coturnos, Major?

        • Marcelo_Machado

          Nos coturnos ele passa "pneu pretinho"……….

        • MajorAutomotivo

          KKKKKKKKKK
          Nugget líquido nas peças plásticas, borrachas e guarnições.
          No coturno, graxa de sapato, quando há tempo. Se for coisa rápida, vai nugget líquido mesmo.

  • radiobrasilcombr

    Auto brilho 3M substitui a cera?

    • Diego SEVENCAR

      Tenho 3 lojas de estetica automotiva aqui no Rio Grande do Sul e usamos auto brilho após a aplicação dos produtos 3M no processo do espelhamento de pintura que é realizado com a boina branca , boina amarela e boina preta lavado e após a secagem da lataria ultilizamos auto brilho pois o mesmo limpa a lata e realça a cor do automovel e logo após e ultilizado a cera de Carnauba da Meguiars marca que comprou a 3M e tanto é que ela esta sendo importada pela 3M pois aqui no Brasil a 3M ainda é mais conhecida do que nos outros lugares.

    • CRISTALCAR

      O Auto brilho 3M é usado somente em repintura recente(menos de 1 mês).Ela não contem silicone por isso é apropriada só para parte repintada.Ela não oferece absolutamente nenhuma proteção pois não tem silicone na sua formulação e nem deve pois a pintura precisa respirar e evaporar seus solventes recém aplicados.Use a Ultimate Past wax que dá proteção e é uma excelente cera,espero ter ajudado.

  • Danielhpe

    tenho carro branco e sempre tem pixe ou pingos na lataria eu usava querosene e logo em seguida shampoo agora uso jimo silicone com esponja macia da meguiars estou certo ou tem produto mais adequado.Obrigado.

    • radiobrasilcombr

      Eu removo com cera, facilita muito a remoção.

    • Edson Roberto

      Utilize o anti corrosivo da Starret é melhor. Utilizar o querosene com o tempo pode acabar tirando o verniz da pintura.

      Sem contar que outro lugar que costumam passar para deixar "brilhando" é no pneu. NUNCA passe querosene nele. A borracha começa a se ressecar e faz o pneu ficar retorcido.

  • Perceivve

    Merecia uma serie por partes bem explicadinho este tema.

    Interessante,informativo e educativo.

    Meu carro que peguei agora zero é preto, quero mante-lo ao menos com a pintura uniforme, pois carro preto é bonito, mas estraga só de olhar.

    • Castle_Bravo

      Suja só de olhar também, meu primeiro e último carro preto; =/

    • Filipe_GTS

      Carro preto é triste mesmo de manter limpo e com a pintura brilhando! Nisso o prata é imbatível

    • Leosena

      Para carro de cor preta, depois de lavá-lo use a cera líquida NXT Generation Tech Wax 2.0, da Meguiars. Para retirar a cera use uma flanela de microfibra da mesma marca que o resultado será perfeito. Quando não quiser encerar o carro, aplique após a lavagem o Ultimate Quik Detailer, também da Meguiars. Com esses produtos, carro preto fica parecendo um espelho e o principal, sem aqueles malditos hologramas e manchas que ceras comuns costumam deixar na pintura.

  • Boblop61

    Aqui no Rio vi, como meus próprios olhos, um trabalho em uma X5 zero, o "profissional" passou uma lixa 1800 no carro todo veio com uma produto, dizendo que daria dois anos de proteção na pintura. Sem sacanagem, arrepiei como gato e fiquei pensando naquilo por alguns dias…

    • HenriqueHJ

      PUTZ lixa 1800 na pintura zerada?

      os fabricantes nacionais vem com uma cera porca, será que a BMW não viria com uma cera melhor não?
      mas mesmo assim pra tirar cera velha um desengraxante limpa melhor e não agride o verniz.

  • sauloss

    esse lugar que essa porsche cayenne esta deve ser uma boca de porco, reparem que o rapaz esta sem nenhuma proteção (proteçãe de ouvido, oculos, etc) e ainda com um cigarro na mao ( reparem na mao esquerda dele) e provavelmente nao teve muito treinamento, só pelo fato que o fio da maquina deveria estar em cima dos ombros dele e nao no chao, sem contar que a matéria nao explicou realemente a diferença entre vitificação, espelhamento e polimento.

  • mottervictor

    Depois que eu comprei uma politriz , nunca mais mandei lavar . faço tudo em casa ! e fica show

  • Vateau

    Esclarecedora matéria, parabéns! Se tiver mais novidades sobre o assunto, que venha!!!

  • Marcelo K.

    Essas matérias de cuidados automotivos são muito boas, uma sugestão: postar ao final da matéria links, revistas, livros ou qualquer outras leituras para quem quiser se aprofundar mais sobre o assunto.

  • paranaiba

    Meu carro tem 3 anos e é prata, a pintura continua um brilho e quando passo a mão sempre está "escorregadia", lavo toda semana e encero uma vez por mês, sempre vario de cera, sempre nas melhores de CXB, que pra mim são na ordem 3M Auto Brilho, Grand Prix Tradicional e Carnu da J&J

  • isaacfederal

    Moro em BH e gostaria que alguem me indicasse um lugar, pode ser em Contagem, onde eu pudesse levar meu carro, no caso um CIVIC SI vermelho para tirar pequenos arranhoes e dar mais brilho a pintura. Obrigado. O processo seria entao de cristalizacao?

  • Marcelo_Machado

    Muito boa essa matéria, bem esclarecedora. Deixando claro o que é pura propaganda enganosa e o que é realmente útil e vale ser pago.

  • Antonio_Sergio

    Vocês já repararam que esse pessoal que faz esse tipo de serviço sempre falam em "um produto"?
    É sempre assim: "um produto" para isso, "um produto" para aquilo.
    Nunca "o produto tal", dizendo a marca ou o fabricante.

  • vitimsl

    Boa matéria.
    Dúvidas: Qual é a melhor maneira de limpar vidros? Qual é a melhor maneira de limpar o para-brisa por dentro, para reduzir embaçamentos? Já ouvi várias coisas sobre isso… Alcool, agua+detergente… Qual é o melhor?

    Estas ceras liquidas sao boas? Protegem a pintura? Quais marcas vcs indicam?

    Valeu!

  • HenriqueHJ

    ou esse cara da foto tem problemas nos dedos ou ele ta com cigarro na mão.

  • D7V5

    Muito bom tema.

  • LuisRenatoJoia

    Prefiro a cristalização!Bom eu recomendo.

  • DRJMM

    puro migué, aliás, migué não, dano mesmo…tenho um colega que comprou um celta zero km, a cada seis meses ele levava pra trocar óleo na css e eles "davam uma proteção de pintura" pra ele, a preço de custo..hehehe, avisei pra ele que aquilo era uma lixa, e gastava o verniz, etc etc, aí dizia "mas fica lisizinho, fica lindo"…. tudo bem, agora três anos depois ele tá invocado querendo processar a CSS, o carro dele ta com as quinas aparecendo o verniz..hehehehehehe, sifu….

    • dyegobelisario

      Pois é… isso é um processo altamente desaconselhavel.

      O certo seria o proprietário tomar cuidado e fazer uma manutenção "preventiva" da pintura.

      Como contra partida a tal "problema" de proprietários "preguiçosos" a Vitrificação de pintura vem se mostrando uma melhor solução, pois evita as famosas Re-aplicações.

      Vitrificação é de única aplicação.

  • dyegobelisario

    Opa. isso cai na minha "jurisdição". Me sinto cobiçado a comentar algumas coisas.

    A banalização da coisa se da pelos "profissionais" aproveitadores que aparecem, e isso aparece em qualquer mercado".

    Trabalho com Detalhe a muito tempo, tempo que quase ninguém conhecia sobre detalhe no Brasil e todo o conteúdo era formatado em inglês e vindo do principal celeiro de detail, o Reino Unido.

    Em conjunto com dois outros profissionais de detalhe, coisa difícil de se encontrar na época, foi fundado o primeiro fórum de detalhe do Brasil, com conteúdo totalmente em português e de forma simples para que todos pudessem apreciar a "arte"(se é que assim posso chamar) e dar suas "pinceladas".

    Nessa vida já trabalhei com muita coisa no ramo, já vi gente fazendo espelhamento, fazendo cristalização e no fundo não se passava do mesmo processo de polimento.

    Bom.. vamos as explicações dos nomes (ou pelo menos daqueles que se tem uma explicação):

    1. Espelhamento: Processo patente 3M de correção de pintura (polimento) que se seguido a risca gera um excelente resultado, mas por ser um processo "receita de bolo" acaba sendo muito rígido e gera maior desgaste em algumas peças, ou partes do carro. Esse processo não tem por natureza um processo de proteção de pintura, mas isso não quer dizer que se possa passar uma cera de carnaúba ou um selante sintético em tal.

    2. Cristalização de Pintura: Bom, esse acaba não tendo uma patente de marca registrada. É um processo de proteção de pintura normalmente de um produto composto por "Teflon®" e que sofre uma alteração (derivada de aquecimento, ressecamento ou outra influência) e então protege a pintura. Dependendo do produto aplicado, da forma que é aplicado e das condições de uso do carro esse processo de proteção de pintura pode durar 20, 30 ou até 50 lavagens. O que se facilita com a informação de 6 meses, 12 meses (dependendo do produto ultilizado). Muitas vezes se faz um processo de polimento prévio no carro, caso ele tenha defeitos, swirls, prévios hologramas, manchas, riscos e por ai se estende. Porém em um processo de Cristalização não tem nenhuma etapa de polimento, isso fico a cargo do polidor.

    3. Vitrificação: Esse é de todos os mais recentes, pelo que tenho conhecimento esse processo tem 10 anos de lançado no mundo (Japão) e uns 7 anos de Brasil, quase um bebê se tratando de tratamentos de proteção de pintura. Mas o que é Vitrificação? Vitrificação é tal como Cristalização um processo exclusivo de proteção de pintura (e como tal em caso de carros que apresentem defeitos deve-se fazer um processo de polimento prévio). Mas a diferença deste processo aos demais é que foi se delimitado o uso dele a substância Polissilazano, uma substância derivado do vidro que sofre um tratamento e se gera um produto BI-componente. Quando os 2 produtos se juntam (na superfície do carro e em contato com oxigênio) formam a sílica vítrea (que é o tal produto que da resistência do produto). O diferencial desse em relação ao processo de Cristalização é que a sílica vítrea não sofre com agressão de água e xampu neutro e por isso dura mais tempo na pintura do carro.

    Sou aplicador de Vitrificação, tenho produtos base Teflon® em meu inventário para se fazer o processo de Cristalização. Sigo procedimentos de Detail para alcançar melhor brilho e maximização das correções. Algumas vezes, com os clientes mais interessados, passo até 2h explicando ao cliente tudo que se pode fazer em seu carro, prós e contras (claro… todo processo pode ter um lado contra).

    Como comecei no texto, o grande problema na verdade são dos aproveitadores e oportunistas, que se usam da falta de informação do consumidor para vender ilusão, ou se aproveitam dos nomes (Espelhamento, Cristalização, Vitrificação…) para tentar se promover. Isso acaba gerando confusão, desconfiança e problemas ao consumidor, que infelizmente não tem como se livrar dos "larápios". Eu já estou esperando o dia de que o nome Detalhamento caia na mesma banalização… mas o que se pode fazer? quem tem boca fala o que quer.

    Escrevi esse texto como forma de complementar o assunto abordado no Post, colocando um pouco mais de embasamento e definição em algumas coisas que senti que ficaram em aberto, espero que não seja mal entendido e que o objetivo tenha sido alcançado.

    Abraços

    Dyego Belisário

    • DRJMM

      muuito boa a explicação. obrigado por contribuir.

      • dyegobelisario

        Obrigado. Fico feliz em ajudar.

    • Felipe Moreira

      Depois passe o contato da sua empresa, é em São Paulo??

      • dyegobelisario

        Não fico em São Paulo não. Sou de Recife.

        • Dhyogo Maia

          Oi dyego, eu sou o Dhyogo Maia, onde ficas em Recife? tenho um carro preto e preciso dá uma vida na pintura dele… abraço.

          • Dyego Belisário

            Em tempo, me coloco a disposição.

    • Falcaosport

      Dyegobelisario, também sou de Recife, gostaria de saber onde você trabalha pois desejo fazer uma proteção de pintura.

    • Luiz Felipe Miranda

      Dyego, bom dia.

      Estou indo para são paulo, na próxima semana, fazer cursos de manutenção automotiva, pois vou abrir uma loja em Araruama – região do lagos – RJ.

      Gostaria de saber, se você poderia me mandar seu contato, para posterior troca de idéias.

      Meu email é mirandfelipe@gmail.com.

      Abraços

    • Leandro – Goiania

      Boa Dyego, ótimo post.
      A transparência, embora não seja a melhor amiga do marketing, é a melhor amiga da honestidade. Quem é profissional se mostra nesses momentos, o Detailer necessita de profissionais para não ser banalizado. Parabéns!

      • Dyego Belisário

        Obrigado!!

    • romulo

      O cara comprei um carro zero e na Css tem esse serviço de vitrificação ,lá eles cobram 550 a aplicação e a vendedora me garantiu que é proteção contra dejetos de aves ,sol,nodeas de árvores etc… e nem precisa passar cera ,chorei um pouco e pedi pra baixar 450.inclusive até mandei fazer…lendo os poster ai a cima fiquei muito preocupado ,mas após sua explicação fiquei mais aliviado…vamos trabalhar com a hipótese que esse serviço será feito por um bom profissional…a pergunta é: fiz um bom negocio? Obrigado desde já.

    • Bruno Barszcz

      Seguinte Dyego, ve se pode me ajudar! Tenho um carro branco e ele está com umas manchas amareladas na lateria! O que posso fazer para remove-las? Tem algum produto?

      • Dyego Belisário

        Algumas vezes sim, na maioria dos casos, não!

    • Marco Cardoso

      Por favor, prezado amigo.
      Tenho um Jetta Variant 2011 azul com marcas de chuva, arranhões de lavagem mal feita pelo antigo proprietário como pequenas ondinhas e teto solar com os mesmos sintomas.

      Como moro em Petrópolis, RJ , GOSTARIA DE SABER SE conhece alguma empresa para cuidar da pintura do meu carro de maneira correta na questão de vitrificaçao.

      Posso também após a vitrificaçao o envelopamento transparente?
      Agradeço desde já.
      Aguardo o vosso contato

  • fenixdavi

    para quem esta criticando o serviço e dizendo q é besteira, procura um carro tratado e compara com o seu de 02 anos lavado na calçada com detergente e pedaço de colchão ou com um lavado so em lava jato!!!

    realmente as css cobram muito caro por um servço só de proteção da pintura, pois (pelo menos deveria) a pintura do carro zero nao precisa de correção!!!

    mas q o tratamento serio (cristalização, espelhamento e tantos outros é apenas nome comercial para o mesmo serviço) faz diferença, isso faz!!

  • 3dimensional

    Bom texto e boa informação também do Dyego Belisário!
    Parabéns!

    • dyegobelisario

      Obrigado.

  • jobarreto

    Em relação à vitrificação, qual a melhor:Ultra Glass Coating Neo ou Vitricar?

    • Dyego Belisário

      Julgo UGC NEO melhor.

  • Junior Santos

    Sou de Recife e to trocando meu carro… Ofereceram-me na CCS o serviço de DIAMANTAÇÃO … Meu carro será branco… É mesmo necessário fazer esse serviço em um carro zero KM?

    • MAURICIO

      desculpe amigo, sou do ramo á mais de 10 anos, estou sempre atualizado,
      nunca ouvi falar de DIAMANTAÇAO

    • Dyego Belisário

      É comum aqui em recife. Diamantaçao é uma criatizacao x3 digamos que ele venda um serviço e reaplique 2x mais.

  • Cássia

    Minha dúvida é mesma do Júnior: estou pegando um carro 0 Km, na cor prata e estão me oferecendo na concessionária espelhamento por R$300,00 com garantia de 6 meses e promessa de duração de 1 ano e vitrificação por R$500,00, com garantia de 1 ano e promessa de duração de 3 anos. E aí, compensa ou não, fazer um destes serviços neste momento?

    • mauricio

      Cássia, trabalho com isso, é o preço que eu cobro, o problema é os produtos que ultilizam
      se for 3M ou Meguiar's o preço é justo

  • Maurício Fekete

    Moro e trabalho em SP, trabalho com este segmento há 14 anos e conheço bem a gama de produtos que existe e que prometem para pintura do automóvel.
    Hoje faço esses serviços por hoby, cobro um preço justo pelos produtos que utilizo, mas tenho a confiança de garantir 200% de satisfação.
    Como dito na matéria, existem formas e formas de revitalização e proteção de pintura, para achar um profissional qualificado é muito difícil, não adianta, a pessoa precisa gostar do que faz e ter os produtos certos.
    Sempre trabalhei e até hoje uso os produtos da linha profissional da 3M e MEGUIAR'S, que são fabricados com tecnologia de ponta, e sem concorrencia no mercado nacional.
    qualquer dúvida: http://www.cristalizacaoemcasa.blogspot.com

  • Maurício Fekete

    Moro e trabalho em SP, trabalho com este segmento há 14 anos e conheço bem a gama de produtos que existe e que prometem para pintura do automóvel.
    Hoje faço esses serviços por hoby, cobro um preço justo pelos produtos que utilizo, mas tenho a confiança de garantir 200% de satisfação.
    Como dito na matéria, existem formas e formas de revitalização e proteção de pintura, para achar um profissional qualificado é muito difícil, não adianta, a pessoa precisa gostar do que faz e ter os produtos certos.
    Sempre trabalhei e até hoje uso os produtos da linha profissional da 3M e MEGUIAR'S, que são fabricados com tecnologia de ponta, e sem concorrencia no mercado nacional.
    qualquer dúvida: http://www.cristalizacaoemcasa.blogspot.com

  • Maurício Fekete

    Moro e trabalho em SP, trabalho com este segmento há 14 anos e conheço bem a gama de produtos que existe e que prometem para pintura do automóvel.
    Hoje faço esses serviços por hoby, cobro um preço justo pelos produtos que utilizo, mas tenho a confiança de garantir 200% de satisfação.
    Como dito na matéria, existem formas e formas de revitalização e proteção de pintura, para achar um profissional qualificado é muito difícil, não adianta, a pessoa precisa gostar do que faz e ter os produtos certos.
    Sempre trabalhei e até hoje uso os produtos da linha profissional da 3M e MEGUIAR'S, que são fabricados com tecnologia de ponta, e sem concorrencia no mercado nacional.
    qualquer dúvida: http://www.cristalizacaoemcasa.blogspot.com

  • Maurício Fekete

    Moro e trabalho em SP, trabalho com este segmento há 14 anos e conheço bem a gama de produtos que existe e que prometem para pintura do automóvel.
    Hoje faço esses serviços por hoby, cobro um preço justo pelos produtos que utilizo, mas tenho a confiança de garantir 200% de satisfação.
    Como dito na matéria, existem formas e formas de revitalização e proteção de pintura, para achar um profissional qualificado é muito difícil, não adianta, a pessoa precisa gostar do que faz e ter os produtos certos.
    Sempre trabalhei e até hoje uso os produtos da linha profissional da 3M e MEGUIAR'S, que são fabricados com tecnologia de ponta, e sem concorrencia no mercado nacional.
    qualquer dúvida: http://www.cristalizacaoemcasa.blogspot.com

  • Seliel Andrade

    Fiz a VITRIFICAÇÃO no meu Corsa Preto pague $620,00 na concessionária. Joguei o dinheiro na fogueira, isso é furada.

  • kaká

    A vitrificação é uma coisa boa sim, realmente não é uma blindagem contra lava jatos rsrs, aumenta sim a proteção até 30% lembrando q não simplimente lavar e aplicar, um bom profissional sabe como se deve fazer, existe muita coisa no preparo antes da vitrificação, só q tem profissional e profissionais , e encontrando um profissional bom vc ter sastisfação garantida nesse seguimento, fica a dica!

  • Ronald

    Melhor mesmo é o envelopamento transparente.

  • Junior
  • Telma

    Estou pensando em comprar um carro vermelho é mais dificil de manter a pintura, ou é igual a cor preta ou branca?
    aguardo
    OIbrigada Telma

  • ranieri

    moro em goiania,e tenho um carro do rio de janeiro.ele esta com maresia em algumas partes.vc.acha que compensa arrumar?ele é 2009.alguns dizem que sim outros que nao.qual o tempo de vida de um carro com maresia?

  • edu

    cara o que é melhor fazer cristalização ou proteção de pintura??
    ou é a mesma coisa ??

  • hilton

    cara tirei o carro da concessionaria a pouco tempo e só depois de um temopo percebi algumas manchas de cera no carro, bem pequenas, é possível remove-las?

  • Maira

    Em Brasília a vitrificação na Jorlan Chevrolet custa R$800,00 e o vendedor garantiu 3 anos contra desbotamento e danos por sol, sereno e cocô de passarinho!!!!!!!!! E aí? meu carro é branco 0Km.

  • Bruno Barszcz

    Seguinte, eu tenho um carro branco e ele está com algumas manchas amareladas na latera toda! Gostaria de saber como faço para removelas sem estragar a pintura! Tem algum produto especial?

    Obrigado!!

  • Autowäscher

    Fiz o curso de polimento automotivo e concordo com o Dyego Belisário, Cristalização e Espelhamento é recomendado para pinturas desgastadas com o tempo e sua ação (chuva ácida, pólem de árvores, etc.). O bom é cuidar de seu veículo quando novo com shampoo específico para automóveis e polimento com ceras não abrasivas a cada 3 meses, uso marcas bem conceituadas para o serviço como Turtle Wax (importada) e Proauto (nacional), que tem bons produtos como lava autos com cera e sua cera tradicional antiaderente, sem esquecer de outras marcas muito boas como Autoshine, 3M e Meguiar´s! Vitrificação para carro novo é excelente, fazendo sua manutenção com cera líquida, sua garantia pode estender sim para 3 anos. Abraço.

  • Roger Alves

    Belo post Orlando! Estava pesquisando sobre vitrificação e encontrei isso que passa várias dicas. Valeu

  • Keisson

    Senhor Orlando Ortiz, saudações ! li sua publicação e gostaria de saber quais os fatos técnicos que lhe permitiram chegar a tais conclusões, muitas informações bacanas , no entanto há uma fragilidade do tocante a proteção de pintura, estou no ramo de tintas & vernizes e atualmente proteção de pintura, caso queira completar suas publicações , será um prazer.

  • SOLON

    BOA TARDE,TIVE O SONHO REALIZADO DE TER O MEU PRIMEIRO CARRO,MAIS UMA COISA ESTAR NE ENTRISTECENDO, A ONDE ESTOU MORANDO A GORA NÃO TENHO COMO PROTEGER DO SOL DA CHOVA,EM FIM NAO TEM GARAGEM,NÃO TEM COMO POR TENDA OU CAPA POE QUE VÃO ROUBAR COBERTURA NÃO DAR,POIS JÁ ASSISTI MUITOS VIDEOS SOBRE REVITALIZAÇÃO CERA PROTETORA, MAIS AINDA ENCONTRO DUVIDAS COMO AMENIZAR O PROBLEMA CLIMÁTICO SOBRE MEU CARRO REVITALIZAÇÃO IA PROTEGER REALMENTE POR FAVOR ME AJUDEM??

  • Renata Lucia Valerio Vitor

    Olá! Gostei muito da reportagem!
    Estou com uma dúvida, acabei de comprar um Nissan Kikcs preto ( aliás nem me entregaram ainda) e a concessionária está me oferecendo uma vitrificação de pintura por 850,00 reais . Você acha que devo fazer este serviço? Realmente faz muita diferença?
    Desde já agradeço
    Renata

  • Milton Oliveira

    Eu li os comentários a galera achando ruim do povo q empurra serviço…concordo q até certo ponto é muito chato. Mas serviços estéticos são muito bem vindos qdo precisamos. Mas nós que não somos do ramo realmente sabemos se precisamos? Eu fui no Aquazero do Shopping Tucuruvi, o rapaz não me empurrou mas me mostrou o que eu podia melhorar q eu nem imaginava que podiam ser melhorados, me deu opção de fazer ou não. Meu carro ficou cheirando e aparentando zero qdo sai de la, eu amei, ganhei um mega pacotão. Até lavagem de motor q eu nao precisava ganhei. E de fato ele tinha razão, com o motor lavado é muito mais fácil ver uma vazamento de oleo e manter a manutenção em dia. E de quebra ainda tiraram um série de riscos de panos de lava rápido. E mesmo um carro zero pra quem curte cuidar vale 100% vitrificar. Volto a dizer quem gosta de cuidar. Que nao dure 1 ano como disseram acima. Mas sabendo tratar vai muito longe. A gente acha q nao precisa prq vemos nosso carro todo dia. Assim como nossa cara com a passagem de 1 ou 2 anos vc nao fala que mudou nada porem quem nao ve voce a esse período sempre vai dizer q algo esta diferente em vc. Tire um carro zero faça as esteticas necessária de tempos em tempos. Qdo achar q é hora de trocar leva ele na feira e coloque o seu la do lado de outro que sempre dispensou estética ou vou além coloca ele do lado de quem fez a estética só pra vender. Adivinha qual sera o primeiro notado e o que vai receber a melhor oferta.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 12 anos. Saiba mais.

Notícias por email