Comprando e Vendendo Finanças Mercado

Dicas para comprar um carro: confira quanto você pode gastar

comprando-um-carro Dicas para comprar um carro: confira quanto você pode gastar

Comprar um carro é uma tarefa bem complicada. E a princípio não parece. Mas é uma coisa na qual a pessoa tem que estar muito bem informada antes de fechar qualquer negócio. Muitos se deixam levar pela emoção, e então acabam gastando mais do que devia ou comprando o carro que no final das contas não será o melhor.

Nesses últimos anos as pessoas tem mais opções do que nunca. As marcas lançam cada vez mais carros, nos segmentos mais variados. Mesmo que seja mais fácil comprar um carro hoje do que era no passado, ainda é essencial analisar todas as opções que temos, antes de fazer a compra.

Esta primeira matéria de uma série que faremos sobre dicas para comprar um carro analisa o primeiro ponto, o quanto você pode ou está disposto a gastar. A maioria das pessoas compra carros financiados. Então, se você for uma delas, analise quanto por mês você pode pagar, já incluindo os juros.

Além de pensar na parcela do financiamento, você também terá que colocar no seu orçamento a quantia mensal para gastar com combustível. Se o carro for usado, tem de separar um valor mensal para gastar com manutenção, tanto a programada quanto a imprevista.

Um valor terá de ser separado todos os meses do ano, para poder pagar o IPVA logo em janeiro do ano seguinte. Para a maioria dos brasileiros, fazer seguro do carro também é indispensável. Mesmo que você more em uma cidade pequenina, que não tem registros de roubos, pode ser que você se envolva em um acidente. Aí, se não tiver seguro, terá de arcar com milhares de reais de despesa para pagar tanto seu carro quanto o da outra pessoa.

Na próxima matéria falaremos sobre o quão importante são informações detalhadas sobre o mercado e sobre os modelos de carros na faixa de preço escolhida.

  • Kaique L. Andrade

    Muitas pessoas na hora de comprar um carro acaba não fazendo as contas de quanto, no final das parcelas o seu carro terá saido… Muitas vezes não compensa dar uma entrada pequena e pagar em 72 parcelas, ou mesmo dar uma entrada muito grande e pagar em 24 vezes, (só se você tiver bala da agulha). O que é certo mesmo é a pessoas tiver uns 40% do salário livre, porque se alguma peça quebrar, a pessoas ter o dinheiro da parcela mais o dinheiro do concerto do carro sem ter que se enforca para pagar.

    Quando minha mãe comprou o primeiro carro dela, ela pegou a sorte (ou o azar) de ser a segunda dona do carro… até ai tudo bem. Só que por muito azar (agora não é sorte) o outro dono do carro era um porco, relaxado, nunca tinha feito uma misera revisão no veiculo. Ela teve que trocar amortecedor, eixo traseiro entre outras coisas!

  • FM

    Parabéns por mais uma iniciativa :drinkk:

  • RT

    ótima iniciativa! :clapp:

  • pablorocha

    O governo reduziu hoje o ipi para carros 1.0 para 0% tô olhando pro meu usado com vontade de entrar num zerado,com minha carta de crédito vai sair baratinho baratinho…valeu muito a pena esperar,só resta sabers se as concessionárias vão mesmo seguir!!! :clapp: :drinkk:

  • Pettrus Ludwig

    Parabéns NA por mais esse projeto de orientação.

    Vale lembrar que é MUITO importante fazer seguro de qualquer carro, principalmente financeado.

    Abraços :clapp: :cool:

  • Rafael FM

    IPI de automóveis

    Além disso, o governo também está autorizando a redução do Imposto Sobre Produtos Industrializados (IPI) na compra de automóveis. Para carros populares, de até mil cilindradas, o IPI cairá de 7% para zero. Para automóveis entre mil e duas mil cilindradas movidos à gasolina, será reduzida de 13% para 6,5%.

    Para carros flex (bicombustível) e movidos à álcool, a alíquota cai de 11% para 5,5%. Entretanto, não será alterada para veículos que tenham mais de duas mil cilindradas. A redução do IPI vale entre 12 de dezembro e 31 de março.

    Segundo o ministro do Desenvolvimento, Miguel Jorge, há um compromisso, por parte das montadoras, em repassar a redução da alíquota do IPI para os preços cobrados dos

    >>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>> :rayban:

  • Luis.J.R.

    Ainda sou mais pegar um semi-novo?Ficar pagando parcelas de 70x ou 24x num 1.0 pelado só para mostrar para os outros que tá de carro 0km tó fora! :assob:

  • EDBSB

    A melhor dica é: NÃO COMPRE CARRO AGORA, AS MONTADORAS PRECISAM SENTIR NA PELE QUE DINEIRO NÃO SE GANHA FÁCIL (pra alguns essa dica não vale de nada).

  • EduardoMello

    [Comentario #125675 sera citado aqui]

    Luis,
    A questão não é “mostrar”…acho que se mostra muito mais quem compra um Vectra usado, do que quem compra um gol zero…a questão, é que é impossível saber pelo que passou o carro usado, se foi trocado óleo, se bateu, se foi roubado, etc etc…. às vezes o zero incomoda, imagina o usado? :??:

  • Tteurafa

    [Comentario #125783 sera citado aqui]

    “A questão não eh “mostrar”…”

    Não deveria ser, mas todos sabemos q o brasileiro usa o carro como uma forma de status, dizer q eh rico, etc.
    O lance do usado eh bem diferente, tem realmente ver o que ouve antes com o carro, mas eu já vi casos (acho q vcs tbm, pq foi a jornais) de carros que deram perda total, sendo revendidos, ou seja acreditar no que se ouve não eh suficiente, aí vem de cada um.

  • fr_amaral

    Otima iniciativa!

  • Wyllys rodrigues de aguiar

    Esta matéria fala sobre Valor das parcelas do veículo, seguro , IPVA, Seguro OBrigatório. Porém se somar todo este gasto e fizer a média de gasto anual e mensal com o veículo novo. O futuro comprador desiste de contrair um divida deste tamanho!

Send this to a friend