Comprando e Vendendo Ecologia EUA Finanças Governamental/Legal Mercado Volkswagen

Dieselgate virou um bom negócio para muitos americanos – Compra de TDI usado gera excelente lucro

volkswagen-recomprados-eua-1 Dieselgate virou um bom negócio para muitos americanos - Compra de TDI usado gera excelente lucro

O Dieselgate virou um bom negócio para muitos americanos. O processo de recompra dos cerca de 475 mil carros com motor 2.0 TDI, que a Volkswagen terá de tirar das ruas, já estão dando lucros enormes no mercado de usados.



Alguns mais espertos diante do processo começaram a comprar carros 2.0 TDI com preços bem abaixo do mercado para entregá-los à Volkswagen, que paga o valor de mercado de antes de 18 de setembro de 2015 – data que estourou o Dieselgate – com mais compensações entre US$ 5.100 e US$ 10.000.

Alguns usuários do Reddit alegaram ao site Jalopnik que estão obtendo lucros enormes na revenda desses carros, chegando mesmo em alguns casos com mais de 100% de retorno. Eles relataram que a média varia de US$ 5.000 a US$ 15.000 por carro. Com preços na faixa entre US$ 6.000 e US$ 7.000 para os mais antigos 2011/2012, os revendedores particulares estão conseguindo bem mais de 55% de lucro.

Um membro anônimo do Reddit diz ter ganho US$ 60.000 com a recompra da VW de 10 carros que ele havia comprado no mercado de usados. Mas se 10 carros parece muito, saiba que existem americanos acumulando bem mais Volkswagen e Audi 2.0 TDI. Outro membro consultado tinha 25 veículos, mas há relatos com bem mais que isso.

A busca por um lucro “fácil” fez com que alguns gastassem todos os seus dólares, vendessem bens e até contraíssem empréstimos para comprar vários TDI. Um deles disse que comprou um lote de um revendedor que queria se desfazer apenas para abrir espaço na loja. Falando em revenda, comenta-se que há concessionário com mais de 200 carros guardados esperando pela recompra da VW e pode haver pessoas ou empresas com até milhares de unidades.

Os revendedores de carros 2.0 TDI ficam ocultos por causa do Fisco americano, pois não se sabe como essas operações serão tributadas. Contadores e advogados divergem sobre o assunto, tornando o negócio bastante sigiloso para os envolvidos. Mas, em termos legais e dentro do processo judicial firmado entre o tribunal federal e a Volkswagen, esse tipo de negócio é totalmente legal.

Para a VW e o tribunal federal não importa quem está devolvendo o carro, desde que o mesmo esteja em nome do interessado na recompra e independente de ter um ou uma frota de veículos, seja pessoa física ou jurídica. A única questão que há na revenda de um carro TDI antes da recompra é o período entre 18 de setembro de 2015 e 28 de junho de 2016, quando a VW fechou o acordo com a justiça americana.

Nesse período, quem comprou um 2.0 TDI usado para depois devolvê-lo para a VW resgatará apenas a metade da compensação, visto que o proprietário anterior precisa ser indenizado. O tribunal ainda deu mais 45 dias para indenização dos proprietários antigos, o que expirou em 16 de setembro de 2016.

Ou seja, após essa data, quem compra um 2.0 TDI usado, recebe 100% da indenização da Volks. Mas por que vendem? Não se sabe ao certo, alguns querem espaço nas lojas e outros não querem se meter na burocracia do processo, mas sabe-se que a grande maioria não tem conhecimento da recompra.

Os revendedores anônimos de 2.0 TDI dizem que os preços eram bem camaradas após esse período, tanto em particulares, quanto em revendas de automóveis e até mesmo nos leilões, mas agora alguns comerciantes e leiloeiros já estão de olho nos compradores de volume e aumentam os preços, que em muitos casos gera uma margem de apenas US$ 1.000, o que não vale a pena para quem está no negócio, dizem.

Não se sabe quantos 2.0 TDI a Volkswagen já recomprou e quantos estão estocados por intermediários para obtenção de bons lucros. A empresa tem obrigação de recomprar 85% da frota. Agora, os negociantes de plantão já estão de olho nos V6 3.0 TDI, que ganham até US$ 15.000 de compensação fora o preço de mercado de antes do processo.

Já tem gente preparando-se para a compra de A6, A7, A8, Q7, Cayenne e Touareg. E quanto aos depenados? Após o juiz condenar a ação, os relatos caíram. No caso do V6, ninguém poderá depreciar seu veículo ou ficará inelegível para a recompra, o que deve garantir boa parte dos 85 mil veículos que provavelmente serão recomprados pela Volkswagen.

[Fonte: Jalopnik]

 

 

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend