Do 147 à Strada, fábrica da Fiat completa 48 anos com 17,5 milhões produzidos

fiat 147
fiat 147

Em 1976, a Fiat finalmente chegou ao Brasil após décadas de rumores sobre a chegada de uma das marcas de carros mais populares da Europa do pós-guerra, cuja simples indicação de que viria ao país assustava até uma gigante do setor por aqui…

Com o Fiat 147, a italiana seguiu finalmente os passos de conterrâneas como a Alfa Romeo, chegando a um país que urgia por motorização e desenvolvimento, ainda que fosse uma desconhecida para a maioria.

fiat uno mille
fiat uno mille

Instalando-se na distante (da Detroit brasileira) Betim, a Fiat demorou a conquistar os brasileiros, ainda que seus planos fossem grandiosos, com uma enorme fábrica no centro das Gerais, onde fusionou o italiano com o sotaque local.

Passaram-se 48 anos desde o Fiat 147, o primeiro carro a álcool do mundo. Ele mandou chamar seu irmão mais novo, o Fiat Uno, um ícone de sua época, que assim como o mais velho, trouxe sua família de imigrantes.

Fiat Tempra Turbo 2 door BR spec 159 1994–96 designed by I.DE .A
Fiat Tempra Turbo 2 door BR spec 159 1994–96 designed by I.DE .A

Logo, nos anos 90, a enorme fábrica ganhava outro italiano, o Tempra, que finalmente mudou a imagem da Fiat por aqui, sempre associada aos carros baratos e a uma sigla que virou conotação pejorativa.

Com o Tempra Turbo, a Fiat – diante dos importados e do mercado nacional – dizia querer ser grande e fez o mesmo que as demais, trouxe o Tipo e depois o Marea, com sua fama ambígua. Teve outros italianos, mas o sucesso mesmo veio localmente.

palio 98 9
palio 98 9

O salto da italiana no Brasil foi o nascimento de seu primeiro filho brasileiro, o Palio. Ele cresceu e formou família, que logo se tornou numerosa, com milhões rodando por aí, até que viu os seus sucessores, como o Argo, despontando na gigantesca planta brasileira, a maior da montadora no mundo.

Hoje, com 17,5 milhões que saíram de lá, a fábrica da Fiat, agora da Stellantis, continua fazendo carros de sucesso, como a Strada, a primeira picape a ser o veículo mais vendido do país.

fiat betim 3 1
fiat betim 3 1

Com R$ 14 bilhões em investimento, a velha casa da “mamma” Fiat, que hoje faz até carros de outras marcas, se prepara para os híbridos flex, uma nova fase de sua longa história por aqui.

google news2Quer receber todas as nossas notícias em tempo real?
Acesse nossos exclusivos: Canal do Whatsapp e Canal do Telegram!

O que você achou disso?

Toque nas estrelas!

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.




unnamed
Autor: Ricardo de Oliveira

Com experiência de 27 anos, há 16 anos trabalha como jornalista no Notícias Automotivas, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz testes e avaliações. Suas redes sociais: Instagram, Facebook, X