Ford Matérias NA SUVs

Ecosport Storm: detalhes, equipamentos, motor e desempenho

Ecosport Storm: detalhes, equipamentos, motor e desempenho

No início de 2018, a Ford apresentou uma versão especial do seu famoso utilitário esportivo. Trata-se do Ecosport Storm, uma edição diferenciada feita especialmente para o mercado brasileiro.


Inicialmente, a Ford apresentou um conceito do Ecosport Storm durante o Salão do Automóvel de São Paulo em 2016. No evento, a montadora apresentou um utilitário esportivo com grade dianteira e outros itens inspirados na picape off-road F-150 Raptor, que é comercializada nos Estados Unidos.

O Ecosport Storm estreou com atributos exclusivos para a versão. Logo de cara, chama a atenção a identificação da versão na grade dianteira, nas laterais e na capa protetora do estepe. A cor batizada de Marrom Trancoso é exclusiva do modelo, mas o consumidor pode escolher por outras mais discretas, como preto, branco, prata ou cinza.

Quando apresentado há quase dois anos, o Ecosport com visual mais invocado e aventureiro estava com preço de lançamento de R$99.990. Após alguns ajustes, o modelo está disponível por R$ 106.940 (janeiro de 2020).

Ecosport Storm: detalhes, equipamentos, motor e desempenho

Atualmente, o Ford Ecosport Storm é o topo de linha da família de SUV. Ele “roubou” o lugar do Titanium 2.0 automático. Além da Storm, o SUV pode ser encontrado em cinco configurações: a de entrada SE 1.5 (por R$ 74.090), a SE 1.5 AT (por R$ 79.990), a FreeStyle 1.5 (por R$ 80.090), FreeStyle 1.5 AT (por R$ 86.090) e a Titanium Plus 1.5 AT (por R$ 95.990).

O Ecosport Storm ainda tem como destaque tração 4WD inteligente, câmbio automático de seis velocidades e outros diferenciais em conectividade e segurança.

Confira abaixo todos os principais detalhes do modelo:

Ford Ecosport Storm – detalhes

O Ford Ecosport Storm tem design ousado. Os adesivos na cor preta (que estão em várias partes do carro) podem gerar estranheza no primeiro olhar, mas reforçam sua personalidade.

O grande destaque da versão é a grade frontal com o nome “Storm” em relevo bem grande. O utilitário esportivo ainda traz faróis de xênon com máscara negra e rodas de 17 de polegadas para completar a diferenciação.

Ecosport Storm: detalhes, equipamentos, motor e desempenho

O Storm é um Ecosport mais “encorpado”. A Ford ampliou um pouco as medidas para deixá-lo “invocado”. O modelo tem 4.357 mm de comprimento, 1.785 mm de largura, 1693 mm de altura e 2521 de distância entre-eixos.

As rodas de 17 polegadas também foram modificadas para ampliar a musculatura do carro: elas receberam acabamento prata Magnetic e estão posicionadas para fora da carroceria.

Na parte traseira, mais especificamente na tampa do porta-malas, está o estepe, com a capa protetora na cor do veículo e relevo “Storm”. Lembrando que a localização do estepe gerou algumas polêmicas, dividindo opinião dos consumidores. O item onde está acaba ampliando o comprimento do veículo e, em algumas situações, pode ser prejudicial na hora de estacionar, por exemplo.

Por falar em porta-malas, a abertura dele é lateral, o que é interesse e acaba sendo outro diferencial se comparado com os concorrentes. Podemos dizer que a abertura lateral acaba se tornando mais prática no dia a dia. No entanto, ocupa muito espaço, gerando problema para abrir em espaços apertados.

Com relação à capacidade, o bagageiro do Ford Ecosport Storm é bem pequeno. Ao todo, são 356 litros.

Já no interior, o Storm agrada por ter bons materiais, detalhes exclusivos e conectividade. No geral, o acabamento interno é de qualidade; o painel é feito de plástico, porém o SUV traz alguns elementos semelhantes a couro, presentes na porta, por exemplo. Já os assentos e o volante são revestidos em couro.

Ecosport Storm: detalhes, equipamentos, motor e desempenho

A Ford trabalhou com apliques “alaranjados” que dão um toque final na cabine. Esse detalhe está presente nas portas, em volta do câmbio passando pelos botões do ar-condicionado e também na região da central multimídia. Além disso, bancos e tetos foram escurecidos.

Em conectividade, o Ford Ecosport Storm traz central multimídia Sync 3 de oito polegadas sensível ao toque. Além de ser a maior da categoria, esse sistema de informação e entretenimento possui boa resolução e é fácil de navegar.

Outro recurso muito interesse são as funções que ajudam o motorista do SUV, especialmente durante as viagens. Essa central tem funções de alimentação, viagem, finanças, compras, entretenimento, saúde, comunidade, recreação e esporte, serviços domésticos e automóvel.

Por exemplo, no menu “alimentação”, o motorista ou passageiro pode procurar uma lista de sorveterias pela região.

Ecosport Storm: detalhes, equipamentos, motor e desempenho

O utilitário esportivo ainda vem equipamento com câmera de ré, conectividade com os sistemas CarPlay (Apple) e Android Auto (Google), assistência de emergência, acendimento automático dos faróis, chave com sensor de presença e espelho retrovisor interno eletrocrômico.

Em segurança, o SUV é comercializado com luzes de rodagem diurnas em LED, sete airbags (frontais, laterais, cortina e joelho/motorista), sensor de estacionamento traseiro, sistema anti-capotamento, trava de segurança para crianças nas portas traseiras, aviso de utilização do cinto de segurança (disponível para o motorista e passageiro), além de acendimento automático das luzes de emergência após frenagem brusca e controle eletrônico de estabilidade e tração.

Para quem gosta de porta-objetos, vai se dar bem, pois o Ford Ecosport Storm conta com vários, inclusive para guardar a chave do carro. Espaço para colocar garrafas também não falta; são mais de dez.

Para quem vai atrás, todos os passageiros ganham encosto de cabeça e cinto de três pontos. No entanto, acaba não sobrando muito espaço, ainda mais para as pernas.

Ford Ecosport Storm – equipamentos

Ecosport Storm: detalhes, equipamentos, motor e desempenho

Confira abaixo todos os itens de segurança, conforto, visual e acabamento, e tecnologia que estão presentes no Ford Ecosport Storm:

Segurança: sete airbags (frontais, laterais, cortina e joelho/motorista), abertura e fechamento global das portas e vidros, acendimento automático das luzes de emergência após frenagem brusca, AdvanceTrac – Controle eletrônico de estabilidade (ESC) e tração (TCS), alarme anti furto, alerta de manutenção programada por tempo e/ou quilometragem, assistente de partida em rampa, aviso de utilização do cinto de segurança, cintos de segurança dianteiros com ajuste de altura, cintos de segurança traseiros laterais e central de três pontos, faróis com temporizador (Follow me Home), faróis de xênon, farol de neblina dianteiro, Freios ABS com EBD, sistema ISOFIX, luz elevada de freio (Brake-light), luzes de rodagem diurnas (LED), retrovisores externos com indicador de direção, retrovisores externos com ajuste elétrico e espelho de dupla curvatura, sensor de estacionamento traseiro, sensor de monitoramento de pressão dos pneus, trava de segurança para crianças nas portas traseiras, sistema anti-capotamento, trava de segurança para crianças nas portas traseiras, trava elétrica das portas e travamento automático das portas.

Conforto: ajuste de altura do banco do motorista, ajuste de altura e profundidade do volante, ar-condicionado automático e digital, assoalho inteligente do porta malas, aviso de portas abertas, bancos em revestimento premium, banco traseiro rebatível e bipartido, aviso dos faróis acesos, console central com porta objetos e descansa braço, bolso porta-revistas atrás do banco do passageiro, console de teto com porta óculos, desembaçador do vidro traseiro e dianteiro, luz de cortesia, para-sol com espelho de cortesia, painel soft touch (toque macio), porta luvas climatizado, porta-malas com abertura elétrica , tapetes em borracha, vidros elétricos e volante revestido em couro.

Visual e acabamento: faróis com projetor e acabamento escurecido, grade dianteira personalizada “Strom”, bagageiro de teto com barras transversais, capa de estepe rígida personalizada, gancho para reboque dianteiro e para reboque traseiro, lavador e limpador do vidro traseiro, maçanetas externas, retrovisores externos e teto solar elétrico.

Tecnologia: tela multifuncional de LCD touch screen de oito polegadas, tela LCD no painel de instrumentos colorida com 4.2″, conectividade com CarPlay e Android Auto, SYNC, duas entradas USB, acendimento automático dos faróis, nove alto falantes (Sony Premium Sound), Bluetooth, câmera de ré, comandos de voz, chave com sensor de presença: acesso inteligente e Partida sem chave – Ford Power, comandos de voz, computador de bordo, controle ativo da grade frontal, espelho retrovisor interno eletrocrômico, controles de áudio no volante, limpador do para-brisa com temporizador e velocidade variável, sensor de chuva, piloto automático e sistema de navegação com comando de voz em português e mapas do Brasil.

Ford Ecosport Storm – preço

Ecosport Storm: detalhes, equipamentos, motor e desempenho

O Ford Ecosport Storm 0 KM está à venda por R$ 106.940.

Esta versão aventureira do Ecosport tem como concorrente o Jeep Renegade, o Hyundai Creta e o Honda HR-V.

O HR-V está disponível em quatro versões: a Touring (por R$ 139.900), a EXL (por R$ 113.400), a EX (R$ 103 mil) e a LX (à venda por R$ 95.700).

No caso do Hyundai Creta, o utilitário esportivo está disponível em cinco versões: Creta Attitude 1.6 MT6 (à venda por R$ 80.990), Creta Smart 1.6 AT6 (por R$ 86.490), Creta Pulse Plus 1.6 AT6 (por R$ 94.990), Creta Launch Edition 1.6 AT6 (por R$ 99.990) e Creta Prestige 2.0 AT6 (por R$ 107.990).

Já o Jeep Renegade pode ser encontrado nas concessionárias em quatro versões. São elas: Renegade Sport AT (à venda por R$ 89.990), o Renegade Longitude (está disponível por R$ 104.990), o Renegade Limited (por R$ 109.990) e a topo de linha Renegade Trailhawk (por R$ 145.990).

Os valores aqui informações são da versão 2020 de cada modelo.

Ford Ecosport Storm – cores

Ecosport Storm: detalhes, equipamentos, motor e desempenho

A Ford comercializa o Ecosport Storm nas seguintes cores:

  • Preto Ebony (sólida) – grátis
  • Branco Ártico (sólida) – mais R$ 750
  • Prata Dublin (metálica) – mais R$ 1.550
  • Cinza Moscou (perolizada) – mais R$ 1.550
  • Marrom Trancoso (metálica) – mais R$ 1.550

Ford Ecosport Storm – motor

O motor usado no Ecosport Storm é 2.0 Direct Flex de 176 cavalos de potência, associado a uma transmissão automática de seis velocidade acompanhada de conversor de torque.

O Ecosport Storm tem velocidade máxima de 180 km. O utilitário esportivo faz de zero a 100 km/h em 11 segundos.

A tração é inteligente 4WD que dispensa a intervenção do condutor. Ela trabalha fazendo a distribuição do torque entre as rodas para assegurar uma rodagem mais eficaz, bem como mais segura sempre que for necessário, mesmo em pisos irregulares com areia, lama ou chuva.

Conforto e dirigibilidade são garantidas graças à direção elétrica e à suspensão que é reforçada.

Ford Ecosport Storm – consumo

Conforme os números divulgados pelo Inmetro no Programa Brasileiro de Etiquetagem (PBE), os números de consumo do Ford Ecosport Storm com motor 2.0 Direct Flex de 176 cavalos e câmbio automático de seis marchas são os seguintes:

  • Consumo de 6,0 km/l na cidade e 8,0 km/l na estrada com etanol;
  • Consumo de 8,5 km/l na cidade e 11,4 km/l na estrada com gasolina;
  • Nota “E” na comparação relativa na categoria e “C” na comparação absoluta geral do Inmetro.

Ford Ecosport Storm – desempenho

No quesito desempenho, a Ford divulga os seguintes números do Ecosport Storm:

  • Aceleração de zero a 100 km/h em 10,7 segundos com etanol;
  • Velocidade máxima de 180 km/h.

Ford Ecosport Storm – revisão e garantia

O Ford Ecosport Storm é vendido com três anos de garantia de fábrica, sem limite de quilometragem.

A respeito das revisões, a Ford trabalha com revisões a preço fixo. No pacote, estão inclusos: óleo do motor, filtro de combustível, filtro de óleo do motor, elemento filtro de polen da caixa de ventilação, entre outros de acordo com o período de revisão. Confira abaixo as informações:

  • Primeira revisão – 12 meses ou 10 mil Km: à vista R$ 569,00 ou R$ 142,25 em quatro parcelas
  • Segunda revisão – 24 meses ou 20 mil Km: à vista R$ 779,00 ou R$ 194,75 em quatro parcelas
  • Terceira revisão – 36 meses ou 30 mil Km: à vista R$ 569,00 ou R$ 142,25 em quatro parcelas
  • Quarta revisão – 48 meses ou 40 mil Km: à vista R$ 1.219,00 ou R$ 304,75 em quatro parcelas
  • Quinta revisão – 60 meses ou 50 mil Km: à vista R$ 699,00 ou R$ 174,75 em quatro parcelas
  • Sexta revisão – 72 meses ou 60 mil Km: à vista R$ 989,00 ou R$ 247,25 em quatro parcelas
  • Sétima revisão – 84 meses ou 70 mil Km: à vista R$ 699,00 ou R$ 174,75 em quatro parcelas
  • Oitava revisão – 96 meses ou 80 mil Km: à vista R$ 1.219,00 ou R$ 304,75 em quatro parcelas
  • Nona revisão – 108 meses ou 90 mil Km: à vista R$ 699,00 ou R$ 174,75 em quatro parcelas
  • Décima revisão – 120 meses ou 100 mil Km: à vista R$ 989,00 ou R$ 247,25 em quatro parcelas

Ford Ecosport Storm – ficha técnica

Motor

2.0 Direct Flex 176 cv
TipoInjeção Direta
Número de cilindros4 (quatro) em linha
Cilindrada em cm31.999
Válvulas4 válvulas
Taxa de compressão12:1
Injeção eletrônica de combustívelInjeção multiponto
Potência Máxima176 cavalos a 6500 rpm
Torque Máximo22,5 kgfm a 4.500 rpm

Transmissão

TipoSequencial automática de 6 marchas
Tração4×4 (integral sob demanda)

Freios Ecosport Storm

TipoDiscos ventilados (dianteiro) e tambor (traseiro)

Direção 

TipoElétrica

Suspensão 

DianteiraIndependente, McPherson
TraseiraEixo de torção

Rodas e Pneus Ecosport Storm

RodasLiga Leve de 17 polegadas
Pneus205/50 R17

Dimensões 

Comprimento total (mm)4357
Largura (mm)2057
Altura (mm)1693
Distância entre os eixos (mm)2521

Capacidades 

Capacidade de carga (kg)1.469
Tanque (litros)52 litros
Porta-malas (litros)356
Peso vazio em ordem de marcha (kg)1469

 

Darlan Helder

Darlan Helder

Natural de São Paulo, é jornalista e fotógrafo. Escreve na internet sobre o universo automotivo desde 2011

  • Felipe Junqueira Netto Branco

    Os preços de Renegade estão iguais nas versões Limited e Longitude

  • Willie Cicci

    Qualquer pessoa que seja minimamente exigente ou que entenda de carro sabe que o Ecosport e demais Fords Brasileiros são os carros mais mal montados e mal acabados do Brasil. Gaps de montagem pra todo lado.

    • zekinha71

      O problema da Eco nem é mal montagem, são os moldes que são tortos, só olhar a tampa traseira, se alinha de um lado vai desalinhar do outro, como que não viram isso na face de protótipos, ou viram mas deixaram pra lá, já que ia vender do mesmo jeito.

    • vicegag

      Tentei desmontar e montar novamente, algumas partes do meu Fiesta, mas o problema está nas peças que não deveriam ter passado no controle de qualidade, seja por deformação, seja por dimensão.
      Parece que para pagar pouco, a Ford aceita peças sem qualidade.

      • ocampi

        A Ford aceita ? Cada coisa que eu leio aqui…..

        • vicegag

          E nós também, mas como comprei de inventário com um bom desconto, valeu a pena.

      • th!nk.t4nk

        Pra ser franco, toda montadora de baixo custo no Brasil tem esse problema (embora na Ford seja mais evidente). Lembra dos gaps na lataria do Fox? Teve uma época que até a tampa de abastecimento vinha torta, e era assim em série, não era um ou outro. Idem na FIAT, com portas montadas com gaps bem diferentes. Na Renault me lembro que a tampa traseira do Clio era risível, tal o tamanho do gap na parte inferior (parecia estar com o porta-malas permanentemente aberto). Infelizmente esse é o mercado brasileiro, uma falta de cuidado generalizada na fabricação de veículos.

  • vicegag

    Topo de linha no Brasil, e não tem freios traseiros a disco, que a mais básica ( S ), tem de série nos EUA.

  • Caulazaro

    Ecosport, é um dos carros que mais sofre desvalorização hoje em dia. E um novo, não vale o preço que pedem.

    • ocampi

      Desculpe mas no mercado de usados é a que mais vende e mais procurada. Por um motivo tradição e confiança.

      • Caulazaro

        Isso até uns 4 ou 5 anos atrás, né? Porque parece que a coisa mudou.
        Busquei hoje, e não encontrei ele nem nos mais desvalorizados quanto nos menos desvalorizados. Deve estar na média.
        É tanta informação desencontrada na internet, que nos causa confusão também.
        Essa lista a seguir, foi publicada aqui no Notícias Automotivas em 2018, na matéria “Top 10: Carros com maior desvalorização”:

        1) Renault Master – 31,31%
        2) Volkswagen CrossFox 1.6 16V – 16,48%
        3) Ford Ecosport SE 1.5 AT – 15,42%
        4) Hyundai Tucson New GLS 1.6 Turbo – 14,89%
        5) Kia Cerato 1.6 AT – 14,74%
        6) Fiat Toro Freedom 2.0 Turbo 4×4 – 14,40%
        7) Lifan X60 Talent 1.8 – 14,37%
        8) Toyota Etios Sedan XS 1.5 AT – 13,39%
        9) Kia Bongo K2500 2.5 Turbo – 12,57%
        10) JAC T40 1.5 – 11,70%

        • ocampi

          Digo isso como dono de algumas agências.

        • ocampi

          Desinformação ok concordo.

  • Luiz Schuchter

    Bem ao gosto do brasileiro…parece um carro alegórico de uma escola de samba!

    • MauroRF

      Tenho uma Titanium 2.0 2017/2018 desde dezembro de 2017, 21 mil km neste momento e não bate nada, nenhum defeito, painel soft-touch e bem completa e recheada de opcionais.

      • Pedrob

        Mas o colega falou em carro alegórico, provavelmente falando do visual com uso extensivo de adesivos e apliques plásticos. Acredito que você entendeu bateria de escola de samba…

  • Rodrigo

    Bebe mais que Opala a álcool

    • ocampi

      O Renegade manco 1.8 certo ?

      • Rodrigo

        Acho que a notícia é sobre o EcoSport Storm. Só acho…

  • Hen_Par

    Vendo essa Eco, nem me pareceu tão absurdo o caro T-Cross Highline…

  • th!nk.t4nk

    Pensa num carro popular pretensioso. Esse bateu recordes.

    • ocampi

      Já entrou dentro da Storm ? Nunca acertei?

  • Valdek Waslan

    O consumo, na minha opinião, é assustador para um carro pequeno.

    • ocampi

      Para eu governo o consumo da Eco 2.0 é igual ao do Renegade 1.8…..

      • Valdek Waslan

        E não é assustador???
        Nota “E” na categoria dele…
        Isso não é assustador para você?
        Para o meu governo? É!

        • ocampi

          Assustador de fato. Mas prefiro um 2.0 rápido do que um 1.8 manco. Com o mesmo consumo.

  • ocampi

    Está aí um carro bom. Aluguei pela Localiza e ele tem tração nas 4 sob demanda….espetáculo. Motor 2.0 dispensa comentários. Anda muito mais que o Diesel de um Renegade.

  • Baetatrip

    Esse carro nem dura 1 ano….
    Montes plasticos que vao se quebrando…..!
    Quem tem Eco vende 6 meses por causa do barulho de samba que tem no carro!

    • Julio Viol

      Eu tenho uma 2018/2019 a quase 2 anos e ao contrário que do vc fala não bate absolutamente nada, nadinha, neca, nem se procurar, o painel é soft touch, ao contrário de todos os outros concorrentes, saia do comportamento de manada, onde um vai ou o que um fala, os outros repetem….

      • MauroRF

        Você tem a versão Storm, Júlio?

      • vicegag

        As primeiras tinham o apelido de Nhecosport, mas depois a Ford corrigiu boa parte dos barulhos.

    • Cristiano Prates

      Eu já tive uma, meu pai tem uma, ambas duram muito.
      A mineradora vale tirou as TORO da lida e colocou STORM. Está dando show.
      Ah sim, já tive TORO também, gostei muito do carro.

    • MauroRF

      Cara, eu tenho uma Titanium 2.0 2017/2018 desde dezembro de 2017, tá com 21 mil km e não bate nada dentro. O acabamento das 2018 em diante melhorou bem, o painel é soft-touch e a Titanium é muito completa. Zero problemas até agora (e que continue assim).

    • Tenho uma Ecosport Titanium 2.0 AT 2016/2017 com 44mil km rodados e o carro só tem dois defeitos: Consumo alto e porta-malas pequeno. Fora isso é um ótimo carro, com ótimo acabamento e itens de série, seguro, com bom desempenho na estrada e até hoje, nunca deu um defeito.

    • Robinho

      eu tenho, não estou pensando em vender não…meu sogro tem ja faz 7 anos, nem eu nem ele pensa em vender no momento…

      • Rodrigo Cherigatto

        Amei sua resposta!

  • konnyaro

    A Ford poderia alavancar as vendas da Storm… Era só lançar um modelo a diesel sem enfiar a faca como as outras.
    A diferença de custo de fabricação entre um motor a gasolina e um diesel não chega a 10 mil, mas as fábricas colocam no mínimo 30 mil a mais pela versão a diesel pois sabem que o pessoal paga…

  • Sino Weibo

    A existencia deste carro desta forma por tanto tempo mostra como a Ford esta defasada no Brasil.

  • Adriano

    No artigo, menciona suspensão traseira multilink. Na tabela, menciona eixo de torção. Afinal, a Storm possui qual suspensão traseira?

  • Opiniao Forte

    Senhores, Não possuo o veículo e acho muito válido apontarmos as deficiências do veículo em questão, porém hoje, que outro veículo 4wd com câmbio automático eu consigo comprar com R$95mil? Alguém? Alguém?

    Quem já pilotou um veículo com tração integral sabe que a diferença e gigante ao fazer uma curva no piso molhado… 120Km/h na Bandeiras o 4×4 faz o veículo grudar no chão, alinhado ao controle de estabilidade então… Não sei sobre essa Eco Storm, mas o conceito deve ser o mesmo… Pilote uma ASX 4wd e uma 4×2… Pilote uma subaru forester… 4×4 não é só para quem faz trilha não… Quem já teve sabe a diferença, quem NÃO teve, por ignorância/inexperiência vai falar que é tudo a mesma coisa… Procurem se informar com pessoas que já tiveram essa experiência.

    R$113mil – Nova Tracker Ecotec1.2 Turbo de 133 cavalos e 19,1 kgfm e TRAÇAO 4X2… KKKKKKKKKKK 4×2… Afffeeeeeee

    A Ford deve ter vários problemas, assim como a GM, Fiat, Volks, etc também tem.

    SUV 4×2 é foda de engolir… Cuidado, se chover hoje, seu “SUV” 4×2 pode ficar no caminho. kkkkkkkkkk

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros para mais de 450 milhões de pessoas, por mais de 13 anos. Saiba mais.

Notícias por email