Asiáticos China Lançamentos Mercado Minivans

Effa M100 muda a partir de Outubro

ideal21 Effa M100 muda a partir de Outubro







A partir de Outubro, o Effa M100 mudará seu visual. Isto é devido a uma mudança na planta de produção desse modelo, que antes era feito pela Changhe e agora passará a ser feito pela Hafei. Não sabemos ainda se o pequeno Hafei Brio irá sumir com a chegada do Ideal, nome pelo qual é conhecido nosso M100 na China. Assim, em uma nova fábrica, o Ideal passará a ser feito somente na nova versão e a atual deixa de ser feita. Essa versão reestilizada do Ideal tem além dos novos grupos óticos dianteiro e traseiro, modificações na tampa traseira que tem um vidro de tamanho menor e que possui limpador/lavador, inexistente no modelo atualmente vendido aqui. Na frente, uma nova grade foi incorporada, além de novos perfis de capô, para-lamas e para-choques. Os para-choques traseiros, bem como os faróis e lanternas de neblina também são diferentes. Por dentro, embora o painel seja o mesmo, ele possui visual e acabamento melhores e novo grafismo do painel de instrumentos. O volante também é novo e pode incorporar uma bolsa inflável, além de que este item também pode ser integrado ao painel junto do lado do passageiro. Há também um novo e mais bonito console central com lugar para dois copos ao invés de um no atual.

ideal22 Effa M100 muda a partir de Outubro

Em termos de motorização, o “novo” Ideal tem opções a gasolina 1.1 e 1.3 litros, com 68 e 86cv respectivamente. O atual 1.0 litros de 47cv era utilizado na Changhe apenas na versão antiga, mas agora certamente estará presente na nova versão. O Hafei Brio, sem coincidência, utiliza o mesmo propulsor do nosso M100, então o fornecimento do motor mais fraco do mercado irá continuar. Lembrando que a Hafei agora é o único parceira da Effa Motors e com essa mudança, quem já comprou a versão antiga pode ter se dado mau…

ideal23 Effa M100 muda a partir de Outubro

Fonte: iCarros.



  • Guilherme Guimaraes

    Ficou, digamos, menos pior! =P

    E que lindo lugar para tirarem fotos heim! :teeth:

  • TonY_BSB

    [Comentario #92812 sera citado aqui]

    :hauhau: :hauhau: :hauhau:

  • Lucas Mendonca

    Se deram mau?!
    Se deram muito mal…
    :banana: :banana: :banana:

  • Andre Braga de Oliveira

    Pô se continuarem com um preço legal o carro vai fazer um certo sucesso e quem sabe incomodar as marcas nacionais que vendem carro de + de 30 mil reais e básico!
    Tiraram o estilo anos 80/90 que a versão anterior tinha, só gostaria de saber de um teste sobre esse carro, quesitos como estabilidade/segurança, ruido, aceleração etc…. Agora falta uma versão 1.6 e com rodas com um aro maior.

  • Leonardo Caiana

    Como Assim a Hafei é a única parceira da Effa ?

    E o projeto da pick-up e de outros veículos da effa ?

  • Guidson

    [Comentario #92815 sera citado aqui]

    Concordo plenamente com o André.

    Gostei da dianteira dele.
    E além de ter ficado um carro até simpático, houve uma melhora na motorização. Talvez não seja o IDEAL (duplo sentido :teeth:) mas o 1.3 de 86cv já é um bom começo. Talvez se as vendas dele forem boas as opções do modelo aumentam.
    Mas no geral gostei.

    Parabéns ao site Éber e Moriah!!!
    :clapp: :drinkk: :clapp:

    E Mille que se cuide… :assob:

  • Guidson

    E será que o farol foi inspirado no nosso Fiesta?
    :hauhau:

  • [Comentario #92818 sera citado aqui]

    No momento no Brasil, a única parceira da Effa é a Hafei. As ULC tb são da Hafei. No Uruguai, o pequeno caminhão e a picape CD são de outro parceiro chinês, pois que eu saiba a Hafei não os faz. Como existem pelo menos meia duzia de empresas que fazem um truck leve e a picape que eles vendem, então somente a Effa para revelar qual é o outro parceiro no Uruguai.

  • Vento

    “Simpatiquinho” ele ficou…. :green:
    Agora com esse nome “Ideal”, sei não!, se a Fiat não dá o ar da graça por causa do Idea… aliás; a traseira lembra um pouco o italiano… :!:

    Abs;

  • fl4v10r04l

    Sinceramente?

    Acabei de folear uma 4rodas datada de dezembro de 1999. Nela há um comparativo entre ASTRA, BRAVA e GOLF. Os preços de entrada partiam de R$24000. Com esse preço hoje.. Nem sei o que se compra..

    Não estou querendo comparar o preço de 2008 com os de 1999.. até porque, se bem me lembro o dolar ainda estava quase que em paridade nesse ano.. Mas é FATO que o aumento de mais de 100% nos preços não tem a ver somente com a economia.

    Ladroagem, esperteza e consumidor desinformado contribuem E MUITO para esse roubo!

    Sendo assim.. que venha a chinesada mais barata!
    Confiabilidade? Carro 0km no Brasil deixou de ser sinonimo de confiabilidade desde quando as tradicionais montadoras passaram a dar banana pros compradores nos serviços de pos-venda!

    Digo isso porque ralei por experiencia propria com um Vectra expression que tive.. O carro não chegou nem aos 35mil km, pra voces terem uma ideia! Morreu com 34950.

    Ao final das contas.. Brasileiro não tem do que reclamar de qualidade, acabamento e nem de respeito ao consumidor dos chineses!

  • JoaoV27

    Da série :”todos façam cara de: “Ú”!! :banana: :banana: :banana:

  • Luciano Silva

    A 4 Rodas desse mês traz um teste com a M100, que foi criticada pelo excesso de barulho (segundo o repórter a impressão era de que havia uma caixa de ferramentas solta debaixo do banco do motorista), desempenho (0 a 100 Km/h em 25,4 s e máxima de 117 Km/h) e frenagem (80 km/h a 0 em 37,6 m, contra 31,2 m do Mille). :down:

  • tiago brito

    [Comentario #92835 sera citado aqui]

    so que esse ai ja e o modelo novo se vc não percebeu, e com outro motor tbm mais potente, so vai faltar ser flex, so resta saber se ficou melhor,pq mais moderno e bonito ele ficou.

  • soulblighter

    [Comentario #92836 sera citado aqui]

    E se vc nao percebeu, o motor antigo continua no Brasil… Um automovel que freia tao mal assim é preocupante…

  • rlaranjo

    [Comentario #92824 sera citado aqui]

    A Fiat JA DEU O AR DA GRAÇA. Por isso mesmo aqui ele é vendido como M100. Isso já foi discutido e eles optaram por não criar problemas.

  • Giovanni

    Compraria este carrinho numa boa. A frenagem é ruim? O motor é fraco? O acabamento não inspira confiança? Realmente tudo isso pode ser verdade, mas pra quem vai de um bairro a outro todo dia – ou seja só precisa de um meio de transporte barato e com algum conforto – está bom demais. Lógico que não iria colocar o M100 na estrada, mas pensando bem nossos populares 1.0 também não são adequados a isto. E olhando bem pro interior deste carro, digo que isso aí é tranquilamente superior ao Novo Gol, que tanta gente aqui fica babando, mas que tem um acabamento horroroso.

  • AndreMartini

    Para acabar de uma vez por todas com as dúvidas sobre a qualidade do carro só se a Quatro Rodas comprar um para colocar no Teste de Longa Duração.

    Aí sim saberemos se o carro presta ou não!!!

  • De Nadai

    [Comentario #92837 sera citado aqui]

    E se por um acaso vocês não perceberam….vocês estão brigando por pouca coisa….para com isso.

    O carro ja era bom por ser mais barato e mais completo só faltava o design melhorar. E ai esta.
    Compro um desses mais não compro um Mille.

    Abraços.

  • [Comentario #92840 sera citado aqui]

    Cara, você tá dizendo que esse carro é melhor que o novo Gol por causa do painel dele? Que o novo Gol feito na PQ24 com motor VHT, ABS de 8ª geração, coluna de direção do Ibiza e do Novo polo que ainda nem foi lançado e com opcionais como o I-System é pior por que o plástico do painel é inferior? :banana:

  • Alexandre

    Esse carrinho sempre me agradou pelo custo/benefício, para pessoas que vão na facul e no trabalho todo dia, pelo menos ter o minimo de “conforto”.

    Em falar do novo GOL eu vi um e achei EXTREMAMETE HORROSO. O pior de tudo que ainda elogiava ele pelas fotos e nos Fóruns, mais ao vivo o carro conseguiu ficar mais feio que pálio. Me decepcionei muitooo!!!

  • soulblighter

    Sei la… o carro me pareceu bem simpatico, espaçoso, bonito… bem mais legal que o uno por exemplo. Mas deve ser um carro descartavel, alguns anos de uso e o carro vai estar acabado. Pra chegar nesse preço eles devem ter usado materiais de péssima qualidade, comprometendo seguranca, manutenção…

  • washington

    [Comentario #92826 sera citado aqui]

    Concordo plenamente!!!

  • Hodney Souza

    [Comentario #92852 sera citado aqui]

    Não só em questão de preço como em qualidade pois os carros fabricados no Brasil tem péssimo acabamento e problemas mecânicos diversos além de uma assistência técnica, independente da marca, serviços insatisfatórios. :asner: :hauhau:

  • fredkondo

    é tomara q faça sucesso pq os carros com motor 1.4 populares tem nada de popular com preços absurdos a concorrencia e preços honestos e a concorrencia tera de abaixar o preço e colocar mais itens de serie em seus auotmoveis q venham as marcas chinesas com seus carros mais equipados com preços melhores ,pra colocarem populares de verdade e de qualidade. :bate:

  • Luis.J.R.

    Caramba?Fico imaginando quem já comprou as versões
    antiga, devem ficar loucos de raiva, porque é bem
    provavel que no brasil esse novo ideal vai começar
    ser vendido aqui no lugar do antigo.Até que ficou
    interesante esse carrinho, agora tem ari-bag , motor de 68 e 86cv.Mais vai ver a qualidade se é boa, e outro problema é a rede de assistencia que ainda precaria.Mesmo assim espero que dá certo esse carro aqui. :cool:

  • Reinaldo

    Este carrinho é muito bonito. Já achava bonito e interessante no atual modelo que estão sendo vendidos aqui no Brasil… Este desenho ficou muito interessante… Achei muito legal este face-lift que o M100 recebeu. Logo, logo a Effa vai traze-lo para o Salão Internacional do Automóvel de São Paulo 2008…E que entrem os chineses ! :banana: :clapp: :drinkk: :craz: :)) :teeth: :batman: :cool: :lips: :upp:

  • JoaoV27

    Outro dia vi um em São Paulo, preto..É, se fosse mais seguro, e tivesse mais propaganda..
    Quem sabe… :assob: :assob: :assob:

  • Henrique

    Desde que o effa desembarcou no Brasil, fiquei interessado em comprá-lo, mas estava meio receoso.
    A revista 4 rodas comprou há uns 2 meses um effa m100 prata para rodar 60.000Km. Irei acompanhar com atenção este teste e se o resultado for satisfatório, eu compro um.


Send this to a friend