Mercado Sedãs Volkswagen

EUA: Concessionários Volkswagen tentaram alavancar vendas do Jetta com leasing de R$ 124

volkswagen jetta 2015 13

O Volkswagen Jetta está sofrendo o peso da idade no mercado americano. Ainda derivado de uma plataforma mais antiga que a MQB e portador do motor 2.0 8V de projeto antigo, o sedã já registrou queda de 6% no primeiro quadrimestre do ano.

A Volkswagen como um todo caiu 7,54%, graças também ao Passat. O Novo Golf não foi suficiente para manter o apetite dos americanos pela marca alemã. Por isso, em maio, os concessionários estavam oferecendo planos de leasing de 36 meses do Jetta 2.0 8V 2015 por US$ 39 ou R$ 123,80.

O valor é correspondente à um plano de telefonia nos states e chamou a atenção para o desempenho do modelo no mercado. Oficialmente o leasing do Jetta fica na casa de US$ 139 com entrada de US$ 2.199. Segundo a Bloomberg, a versão 2.0 8V é a menos atraente para o consumidor.

A ideia era fidelizar clientes para que daqui a três anos, possam substituir com vantagens o Jetta por modelos mais sofisticados, tais como o Novo Tiguan ou algum outro carro de porte maior, por exemplo. Mas com essa versão 2.0, a VW corre o risco de ver o cliente mudando de marca.

Outro fator agravante nessa situação é que os incentivos cada vez maiores para o leasing, tornando as mensalidades muito baixas, estão influenciando negativamente no valor de revenda dos automóveis nos EUA.

[Fonte: Bloomberg]





  • Maycon Farias

    Vai ser difícil sair da colocação que está atualmente, se não me engano era 77º. De qualquer forma o EUA sempre da um tapa na cara do brasileiro com um valor tão insignificante de parcela e entrada para ter um carro bom como o Jetta.

    • PEDAORM

      Carro de entrada lá, principalmente esse de 2.0 8v. Acredito que seja o carro mais barato da marca nos eua.

      • Maycon Farias

        Mas ainda sim é um bom carro. hehe.

        • PEDAORM

          Para o padrão brasileiro.

          • Rômulo M.

            Para o padrão brasileiro é um carro “de rico”, pros EUA é um meio de transporte decente. Aqui no Brasil com esse valor correspondente vc não compra nem um Up.

            • PEDAORM

              Não diria carro que é carro de rico… nem no Brasil… Tem mt classe media desfilando de carro melhor. De resto, concordo.

        • Piupiupiu

          Não sei se realmente é esse carro “bom” que você está falando… Não é montado na plataforma MQB, e o acabamento do jetta americano é bem inferior ao jetta brasileiro.

          • PEDAORM

            São o mesmo carro, ambos importados do Mexico. O americano em sua versão de entrada, S, já vem o voltante multifuncional, bem diferente do nojento que usam no Jetta trendline aqui, no resto o padrão de acabamento é o mesmo. Jetta brasileiro só no segundo semestre, e esse sim pode ser que tenha qualidade de acabamento inferior.

        • FocusMan

          Não… ele é sempre o último colocado nos comparativos de pequenos Sedans nos EUA.

          • PEDAORM

            Verdade, mas apenas nos modelos de entrada. 1.8T é bastante elogiado, pelo menos pelos críticos americanos que assisto/leio.

    • João LP

      O Jetta é o 17o. automóvel mais vendido. Vende mais de 10.000 por mês nos EUA, sendo o VW que mais vende (o dobro do Golf, nos últimos meses).

      • Maycon Farias

        De onde vc tirou esse 17º?, no mês passado não tinha nenhum VW nos primeiros 30º. Me lembro de ver o 200C em 18º, Elantra em 17º, Jeep em 15º e outros , mas Jetta não. Só se eu estava chapadão kkkkkk

        • João LP

          bad car good car dot net

          A lista é dos carros, sem pick-ups.

          • Maycon Farias

            ata entendi. vlw

          • Rômulo M.

            Mas se tirar as pick-ups e os SUVs o mercado americano praticamente desapare.rss

    • Economy

      Ele lá custa o mesmo ou até mais barato do que um Honda Fit.

  • André Maia

    Manda pá cá. Manda pá cá!

    Nem precisava ser de 30×124,00. Eu pagava 30x 400,00
    Já paguei 30x 689,00 no Gol mesmo, e com 13k de entrada

    • Fabio Marquez

      Com condições assim eu poderia ter uns dois (ou talvez uns 4) carros assim. É nessas e outras que tenho certeza que Deus não dá asas a cobra…

  • Romulo Moreira

    Kkkkkk mesmo uma “das auto” da vida sofre com o “consumismo” americano…
    Joga pro Br que vende horrores….se fizer um banner bem grande então..vish vai ter gente entrando pelo consignado a rodo pra andar de jettão!

    • Rômulo M.

      Mas temos que admitir que pelo menos o consumismo americano é bem mais refinado que o brasileiro. Brasileiro engole qualquer merda q jogam à peso de ouro e ainda se acha o tal pq pagou caro.

  • Diogo Vasconcelos da Silva

    Lembrar que pros americanos um jetta não passa de um voyage 1.0 basico para a gente

    • Cesar Mora

      mas um Voyage 1.0 basico por R$ 127,00/mês venderia 10.000 carros ao mês…

      • ThiagoR

        Verdade.
        Por R$127/mês não ia ter fábrica suficiente de Voyage…

        • Diogo Vasconcelos da Silva

          Eh mas não é Financiamento, é Leasing…acredito que no fim do prazo voce seja obrigado a comprar o carro ou pagar um multa…se não seria mto bom andar de carro novo a R$127,00/mes e dps de 3 anos vc vai e devolve o carro

          • ThiagoR

            Não é o que penso.
            Leasing funciona da seguinte maneira.
            Você paga um valor fixo durante um determinado prazo. Ao final deste, caso queira adquirir o bem, você paga o chamado “valor residual”. Se não quiser adquirir o bem, o devolve.

            • Diogo Vasconcelos da Silva

              Você ta Certo…mas a VW teria que ter alguma vantagem nisso…já pensou voce andar num carro de 17 mil pagando 45 dolares por mes, e dps de três anos voce devolve o carro valendo 10 mil?

              • ThiagoR

                Não sei a estratégia comercial da VW, mas se ela está propondo, deve ser lucrativa. A idéia de fidelizar o cliente pelo leasing pode funcionar por lá, se o produto for bom, não é? Acho que devemos ter em mente que é um mercado muito mais aberto e competitivo que o brasileiro, com dezenas de marcas lutando pelo consumidor.

  • Pedro Henrique

    o leasing lá funciona, o leasing aqui rouba.

    • Arthur Santos

      Lá neguinho não considera carro símbolo de status(não neste nível), não atrasa a parcela, não dá o golpe no banco, não tem carros financiados em nome de laranja que nunca são pagos.. O banco nunca sai perdendo, e fico triste por dizer isto, mas cada país tem o que merece

      • FocusMan

        Olha, acredite, eles consideram bem mais do que nós…

        • Arthur Santos

          Até consideram. Mas no nível de carros de Audi, Lexus para cima. Toyotas, VWs, e Hondas são considerados “Work Horses” sem nenhuma pretensão de ostentar.

          • FocusMan

            Sim sim sim completamente correto, e totalmente errado.

            O americano adora carros, mesmo quando não pode pagar por um modelo mais caro. Eles tem linhas extensas de personalização para todos os modelos e marcas e existe uma infinidade de loja de peças até para determinados modelos.

            • Fanjos

              Mesmo tendo linhas de personalização para todos os carros ninguem fala para vc “Nooooossa que muito louco”, se vc equipou um mero Civic.
              Eu mesmo tinha um Mustang e quando o pessoal olhava e via que era o V6 já falavam: Ahh mehhh …..para o dia a dia esta bom né.
              Agora aparece com um Shelby GT 500 equipado que ai sim o pessoal vai se interessar no seu carro.

              • FocusMan

                Cara, então andei em lugares errados lá, pois um mero Camaro chamava atenção nas ruas.

              • FocusMan

                Não era o que eu via lá. Os americanos são bem educados quanto a isso e se você tem um mustang, sejaj ele qual for, já será um cara “mais legal” que o dono de um BMW série 5.

                • Fanjos

                  Não é falta de educação, entre o pessoal de onde eu trabalhava era um carro bem comum(até porque comprei usado com 2 anos de uso por 16k) , outros também tinham, até a versão V8…carro bacana era do dono da loja de óculos que tinha um GTR…
                  Acredite, um Mustang V6 basicão é praticamente um sei lá, um Fox aqui.
                  Ninguém ligava não e nem achava nada demais

                  • FocusMan

                    Eu sei, um Mustang na verdade em alguns locais é carro de hillbilly então, tem gente que nem gosta, quando o cara é mais tirado a chique.

                    Na região de Miami tem gente que só anda de BMW, Mercedes ou Audi. Qualquer coisa do tipo é carro ruim. Mas se você for ver, a maioria nem é americana na essencia…

          • Castle_Bravo

            Somos um povo pobre. Quem não pode ostentar com Audi, Lexus ou BMW precisa achar um HB20S um “carro de luxo”.

      • Castle_Bravo

        Mesmo que aqui houvesse a idoneidade de lá, nossos juros nominais ainda são muito mais altos que os de lá, o que por si só já deixa o leasing desvantajoso.

  • Putz!, e agente pagando caro as carroças daqui!

    UP! a 43 mil

    só no brazil.

    • Piupiupiu

      O carro nunca foi uma carroça. O carro é bom! O problema é o preço.

    • ÓQUEI

      Up! carroça?? Caro sim, mas carroça?!

  • SDS SP

    Deve ser muito frustrante para uma empresa do calibre da VW não conseguir emplacar no gigantesco mercado norte americano. Os executivos devem estar se remoendo rs

    • afonso200

      isso desde 1985

    • FocusMan

      Eles precisam aprender que americano compra carro com cara e jeito de americano.

  • Igor

    Olha.. A volks que me desculpe, mas não consigo entender o posicionamento de seus carros nos EUA. Um Jetta equipado de maneira decente beira o valor do Fusion, do Golf GTI beira o Focus ST e passa do Mustang de entrada. Alem de ser europeu (coisa que americano médio não se anima) e ser uma marca que ainda tem o stigma de “carros de mulher” eles precisam ou baixar os preços ou adequar melhor o produto ao mercado. Jetta nao deveria estar vendendo metade que o Cruze vende.. de jeito nenhum

    • Fábio

      VW não tem estigma de carro de mulher, vw tem estigma de carro pouco confiável e manutenção cara nos EUA. Tem um vídeo interessante do Corolla vs Golf falando sobre isso.
      E os americanos tem razão: vw é pouco confiável e tem manutenção cara e vale pro Brasil tb.

      • JP_SP

        Tenho um Jetta TSI e em casa já teve um Passat, além de um Civic 2011 e um Subaru Impreza. Pode ter certeza que os Volks são tão confiáveis quanto os japoneses, o problema é que eles tem uma mecânica mais refinada e por isso exigem mais atenção à manutenção enquanto os orientais podem ficar um tempão sem mexer que não quebram nada, o que faz a diferença para o consumidor “comum”. Se não tem cuidado com manutenção, nem adianta ter um volks porque ele vai estragar mesmo, agora, se tiver o mínimo de cuidado, pode ter certeza que ele vai durar bastante e o prazer de dirigir não se compara com nenhum japonês concorrente.

    • Efulefante

      Não é a primeira vez que vejo falarem dessa fama do Jetta lá (“carro de mulher”)

    • FocusMan

      Igor, você disse tudo. Carro europeu nos EUA tem fama de frágil, manutenção cara e complicada, fora que geralmente é carro de estrangeiro ou de mulher ou de viado que se preocupa com a natureza.

  • Hey Du!

    E fosse aqui, como seria o valor de leasing num Jetta?

    • tjbuenf

      Eu ia falar que era colocar mais um zero na parcela e na entrada, mas nem assim chega ao valor que seria aqui….o.O

    • SDS SP

      São Paulo iria parar de vez… Até motoboy deixaria a moto de lado para comprar um Jetta…

    • Braddock

      Não tem como o Brasil ter essas políticas de financiamento por um único motivo. O Brasileiro médio é um merda. Iam dar calotes tremendos na indústria. Hj com todas as restrições de crédito eles já dão calote, imagina com crédito facilitado.

      • Hey Du!

        Ah, pois é, esqueci do povo que não quer corrupção mas vive em confusão.

  • afonso200

    nossa, piada contra o mercado do BR

  • Chega_de_Ignorância

    O que eu acho mais intrigante…
    É que o peladex deles tem roda 15″ de aço c/ supercalotas e tudo quanto é tipo de airbags e controles eletrônicos de segurança
    (aqui só tem airbags frontais e laterais dianteiros, lá tem até de cortina no banco de trás…)
    Aqui se o Jetta tivesse calota pronto, ia ser mais criticado do que já é
    Queria entender o porquê desse apego excessivo à imagem que as pessoas têm…
    Phodas pras calotas, quem vê o carro de fora são os outros p#rra!!!!
    Pode ver em QUALQUER post do HR-V tem que ter um miserave pra falar das benditas calotas

    – outro exemplo: high up! com rodas de liga bonitonas, farol de neblina (que só serve pra usar na cidade com a luz de posição junto) e SEM AR/SEM RÁDIO
    Parece piada…
    Agora experimenta trocar as rodas e “os milhas” por a/c que o espertão vai dizer: “noooooofa, qualenta mil e cum calóóóta manu! hueheuheuehuhuebrhueheu”

    • XXRS

      É pra “humilhar” o vizinho que tem um Palio Fire com calotas arranhadas ou o colega de trabalho que tem um Gol G4 pelado. Igual a coisa da central multimídia sem GPS e sem câmera de ré, não serve para nada além de ser uma telinha acesa no painel para o dono se exibir mexendo no “tôchiscrin” pra trocar as músicas. Coisa de brasileiro que vive de aparências e se encanta com penduricalhos e bugigangas, como na época dos índios e dos portugueses.

    • Braddock

      É pq lá é obrigatório ter controle de tração e estabilidade e câmera de ré, além de outras coisas. Se aqui não é obrigatório, pq eles vão colocar podendo não colocar e manter a margem de lucro? Culpe o governo.

    • FocusMan

      Os Airbags estão lá porque são necessários para o mercado. Aqui logo terão também.

    • FocusMan

      Eu não compro carro com calotas. Acho horrível. Comprei um c arro com 2 air bags apenas podendo comprar um com 6 air bags. Sou idiota? Devo ser… mas que eu gosto de rodas, principalmente se forem grandes eu gosto. Sou errado por isso? Não sei…

  • Mr. Car

    Fala sério: eu pago quase o dobro disto no meu pacote da NET!

  • CharlesAle

    Nossa, om pior é que a própria marca desvaloriza o produto assim dando quase de graça!!VW nos EUA não se acerta mesmo…

  • Thomas

    Situação ridícula, para nós.

  • Lukoh

    Hora de lançar o Jetta MK7… já conhecido pelos chineses como VW Lamando.

    • Douglas Freitas

      Me veio a mente agora um chines vendendo esse carro: “Lamando ta qualenta, sem cholo!” Mas é um belo carro!!

      • Cesar Mora

        “Tem blanco, pleto, azul petololio, malon.. esse fica bom para você amigo, leva! pelicula é plesente!”
        “Por dentlu é Golf! mesma fablica!”

  • Braddock

    Antes de ler os comentários venho aqui prever que vou ler 835987235 comentários de gente dizendo que o Brasil é um lixo e que vai pros Estados Unidos limpar banheiro só pra comprar um carro no leasing.

    • GABRIELCSFLORIPA

      Boa ideia, vou pra lá limpar banheiros.

    • Carlos H. Ferreira

      O problema não é limpar banheiros e nem comprar um carro no leasing, é ter segurança para ter um carro sem se preocupar em tomar uma “revolvada” na orelha, poder encher o tanque de gasolina de verdade por um preço justo, ter educação de qualidade , estradas com qualidade para poder rodar com o carro, e já falei aqui algumas vezes, qual o demérito de limpar banheiro, lavar louça e executar trabalhos braçais ?

      • Braddock

        Não tem problema nenhum em executar trabalhos braçais, agora é demérito falar que o Brasil é um lixo, sem mover uma palha pra tentar mudar as coisas por aqui.
        E outra, “revolvada” na orelha você toma fácil nos States, quando o seu patrão manda vc pra rua e vc sequer tem seguro desemprego, férias, ou qualquer outro benefício a receber. Aliás, na grande maioria das vezes o imigrante brasileiro é ilegal, quando é demitido, tem que ficar é quietinho, senão é deportado. Agora me diga aí qual brasileiro que ganha 1100 dólares por mês e que consegue comprar um carro, pagar os impostos e colocar gasolina (que gasta na média uns 200 dólares por mês), além de comprar roupas, comprar comida, pagar moradia, água, luz, tv, etc. Pode ser beeeem melhor lá do que aqui. Mas entre ganhar salário mínimo lá e ganhar salário mínimo aqui, melhor não ganhar salário mínimo em lugar nenhum não é mesmo?
        Agora se o cara não tem perspectiva de vida alguma e quer executar trabalhos braçais, melhor ir pra lá mesmo. O Brasil é bem mais cruel com quem não tem perspectiva de vida que os States.

        • FocusMan

          isso que eu falo. Prefiro trabalhar na minha profissão aqui do que ser um qualquer por lá. Bastou eu estudar que venci na vida.

          • GABRIELCSFLORIPA

            Triste é vc estudar, se formar e quando sair da faculdade ter q aceitar salários ridículos. Conheço gente com pós-doutorado ganhando salário ridículo. Pelo menos nos EUA o salário do trabalhador “sem estudo” consegue lhe dar uma vida digna, algo que mesmo com estudo está cada vez mais difícil de se conseguir no Brasil.
            Quando aos “benefícios” que vc citou, eu abriria mão de seguro desemprego, décimo terceiro e outros, em troca de um salário melhor e menos impostos.

            • FocusMan

              Não é o meu caso graças a Deus e de muitas outras pessoas que eu conheço.

              O que eu conheço de gente com mestrado e doutorado sem emprego ou ganhando mal não está no gibi. Mas o problema é que decidiram começar a trabalhar com 30 anos de idade, e esqueceram que os maiores empregadores não ligam muito para esse tipo de título, mas sim para a experiência. O mercado criou essa moda de mestrado, mas quantos que fazem mestrado querem lecionar? Conhecimento não é para quem precisa, mas para quem quer ter conhecimento e quer gerar mais conhecimento distribuindo-o entre as pessoas.

              O que vejo no mundo hoje é uma corrida desenfreada para ser o melhor, sem saber em que ser melhor e por isso muitos não conseguem bons empregos, porque não tem foco no emprego em si, apenas nas qualificações.

        • GABRIELCSFLORIPA

          Mas por um acaso a única opção para entrar nos EUA é de maneira ilegal? Geralmente os brasileiros que vivem ilegal nos EUA são os que vc mesmo citou: “cara não tem perspectiva de vida alguma e quer executar trabalhos braçais”, afinal, aqui ele já não tinha muita expectativa mesmo.
          Mas é possível trabalhar legalmente nos EUA, por mais que seja em um serviço “inferior” ao q vc faria no Brasil, mas ter um qualidade de vida muito melhor.

        • Louis

          Pois eu digo, brasil é um lixo!
          E o que significa “não fazer a sua parte…”. Eu faço a minha trabalhando 10 horas por dia, pagando impostos, gerando empregos, educando meus filhos, e mesmo assim me sinto totalmente desanimado e sem perspectiva de melhora por aqui. E nem falo da parte financeira, porque tenho uma situação confortável. Falo de qualidade de vida.

        • João Paulo

          “quando o seu patrão manda vc pra rua e vc sequer tem seguro desemprego, férias, ou qualquer outro benefício a receber”

          HAHAHAHAHA, é você mesmo que está pagando pelos benefícios trabalhistas, por isso o salário no Brasil é uma porcaria. Lá o cidadão recebe mais e faz sua poupança, negocia dentro do possível as suas férias junto ao empregador, aqui nego é obrigado a pagar FGTS, que rendem maravilhosos 3% ao ano.

      • FocusMan

        Carlos, a depender do lugar que você vá, existe violencia nos EUA viu.. As estradas tem buracos também.

        O que eu acho errado é nego estudar aqui no Brasil e deixar de contribuir a sociedade local, para realizer trabalhos braçais nos EUA.

        • Junoba

          Contribuir com a sociedade !? Nunca ! Não vou ganhar nada com isso, até porque, o povo aqui do Brasil não mostrou até agora que merece alguma coisa…

          • FocusMan

            Continue pensando assim como um bom brasileiro.

            Se você passar um tempo nos EUA convivendo com eles perceberá que o maior motivo do sucesso da nação deles é o orgulho pelal bandeira americana.

            Mas a maioria dos brasileiros, você me envergonha com seu pensamento egoísta…

            • Marcio Cesar

              Assino embaixo, por este motivo o país está deste jeito, muitos olham apenas para o umbigo, olha a frase dele: “Contribuir com a sociedade !? Nunca ! Não vou ganhar nada com isso”, ou seja, só ajudo se levar alguma vantagem.

        • Carlos H. Ferreira

          Cara, conheço bem os EUA, sempre que posso vou para lá, a minha irmã mora na FL, com relação a ter violência por lá, é claro que eu tenho ciência disso, até nos países nórdicos também há, acontece que no BR os índices já ultrapassam países com guerra civil, ou até mesmo em guerra com outras nações, e de que adianta vir com esse argumento de que não quero contribuir com a melhora de vida do BR, fiz faculdade, pós graduação particulares , não foi nada pago pelo governo, contribuo com 27,5% de tudo que ganho e nos bens que compro sou “atochado” até o talo de imposto também, e o que eu ganho com isso? Quantas pessoas saem no noticiário que tiveram a sua vida ceifada precocemente por conta da violência urbana, pela falta de saúde de qualidade , por falta de leis que punam aqueles que colocam a vida de terceiros em risco. Quantos países foram destruídos na segunda guerra , e hoje são potencias , a citar como exemplo o Japão e a Alemanha, que alem de terem sidos destruídos , tiveram milhares de mortos (a maioria homem e força de trabalho produtiva) e isso aconteceu na década de 40, e que em termos históricos foi a 1/2 hora atrás. Sempre fui nacionalista e nunca tive vontade de deixar o pais que nasci, mas confesso que estou bem desanimado com o rumo do Brasil.

    • João Paulo
  • Gian

    ô loco! Pensei que o Santanatech era apenas no Brasil.

  • Joaquim Grillo

    E eles me lançam esse carro por mais de 70 mil aqui no Brasil em 2015 afff

    Tem tonto que vai comprar ainda

  • thi

    Pq a VW esta demorando anos pra lançar uma nova geração desse carro?

  • zekinha71

    Na burgerlandia a VW sofre pra vender.

  • GABRIELCSFLORIPA

    Então se eu morasse nos EUA, poderia rodar de Jetta dando $ 2.200,00 de entrada (menos de 2 salários mínimo nos EUA) e apenas $ 40 dólares por mês?
    Ao final de 36 meses eu entregaria o carro ou pegaria outro?

    • Floma08

      Isso mesmo. Agora chora brasileiro

  • FocusMan

    Não entendo porque a VW teima em oferecer esse motor 2.0 no mercado americano como a opção de entrada. O motor 1.4 TSI deve ser mesmo muito caro.

    • Arthur Santos

      A diferença de preço é pouca. O S, com o 2.0 8v, é $17,325, mas com $18,995 já dá pra pegar o SE, com o 1.8 TSI

  • GABRIELCSFLORIPA

    O Jetta “básico” vendido nos EUA tem suspensão independente nas quatro rodas, CD player com controles no volante, bluetooth e garantia total de 3 anos (motor e câmbio 5 anos).
    O único opcional é o câmbio automático.

  • Minerius Valioso

    Ora bolas, pra que diabos eles vão vender esse carro com o velho filho do AP também por lá?

    Vou analisar a concorrência:

    VW Jetta U$17,235
    Honda Civic U$18,490
    Hyundai Elantra U$17,250
    Toyota Corolla U$16,950
    Chevrolet Cruze U$16,170
    Ford Focus Sedan U$17,170

    Deve estar faltando alguns porque… haja concorrência! Nem se compara com o Brasil…

    Qual deles você escolheria? Pena que lá não exista o C4 Lounge THP…

    Curioso que fui tentar equipar o Civic, definitivamente não compensa, porque já esbarra no Honda Accord, bem superior… Acho que é por isso, que ele vende muito mais que o seu irmão menor.

    • FocusMan

      Isso acontece em qualquer carro. A Versão top vai esbarrar no preço da versão básica do carro superior.

    • GABRIELCSFLORIPA

      Por pouco mais de $ 18.000,00 eles tem o Jetta com motor 1.8T.

  • Economy

    Quanta diferença para o brasil! Nos EUA estão praticamente DANDO esse Jetta pelo o valor da mensalidade. Aqui, o Jetta é considerado “CARRO DE RICO”.

  • Anderson

    No Brasil devia ter um esquema destes de leasing ( Mesmo se tivesse duvido que ia ser vantajoso), $7203 dólares em 3 anos, equivalente a 2401 dólares por ano ( 2 salários mínimos americanos) para rodar com um carro 0, livre dos incômodos que temos no Brasil, suspensão estourada, grilos de acabamentos, consumo alto oriundos da má qualidade da gasolina e no final dos 3 anos, entrar com o carro como parte do pagamento para um outro melhor….

  • Castle_Bravo

    A VW teve um crescimento significativo com os modelos diesel de boa qualidade que aportaram da Europa, agora com o preço da gasolina lá em baixo, não vale mais a pena comprar veículos diesel nos EUA, as desvantagens não compensam, e os motores ciclo otto da VW, pelo que a própria matéria descreve, são muito ultrapassados.



Send this to friend