_Destaque EUA Mercado

Existe o carro perfeito? Pesquisa de universidade americana propôs responder essa pergunta

carro-perfeito

Todo mundo procura um carro ideal para suas necessidades, seja para lazer ou trabalho. Nunca se consegue tudo em um carro, sempre falta aquele item ou detalhe que o deixaria perfeito. Mas, existe perfeição em um automóvel?

Para alguns entusiastas, a perfeição pode estar em um clássico do passado, mas mesmo os carros mais poderosos de hoje sempre terão algo que não é totalmente do desejado do consumidor.

Procurando saber se existe um carro perfeito, pesquisadores da Universidade da Califórnia decidiram combinar dados de projeto estético de automóveis e de seu sucesso comercial. Naturalmente, o cálculo de sucesso de cada modelo estava ligado diretamente às vendas do mesmo.

Porém, no caso da estética, o trabalho foi mais complicado. Para quantificar a aparência física dos carros avaliados, a equipe da universidade americana utilizou a imagem de diversos modelos de automóveis de variadas marcas, a fim de criar uma imagem única, através da técnica de morphing, para assim chegar ao modelo “médio” do mercado.

dodge-charger-srt8-392-1

Mais de 200 modelos

Foram mais de 200 modelos de 33 marcas de automóveis oferecidos nos EUA entre 2003 e 2010. Em cada carro, os pesquisadores calcularam a “prototipicalidade”, que significa o quão típico um carro é em comparação com outros produtos do mesmo segmento.

Outro aspecto avaliado pela UCLA foi a consistência com a marca, que representa o quanto um produto se parece com o modelo médio da marca. Por fim, a imitação entre segmentos, que é o quanto um carro imita um modelo de outro segmento.

O resultado foi que design tem um “efeito ponderado” na preferência dos consumidores. Ou seja, ele não precisa ser nem parecido com o carro médio e nem é radicalmente diferente. Em geral, de acordo com a pesquisa, os clientes não querem algo muito parecido com a média do mercado e nem distante demais disso.

No segmento de luxo, a ideia do consumidor é que o carro aparente uma consistência com a marca. Para esse consumidor, o carro de luxo não precisa se parecer com os demais existentes no mercado. Mas a imitação da estética de um carro de luxo é a melhor maneira de convencer um consumidor de carro econômico, segundo a pesquisa.

sonata

Imitando carro de luxo

De acordo com o professor Subramanian Balachander, que coordenou a pesquisa, “Em contraste com pesquisas anteriores, que mostraram que os consumidores preferem um carro mais prototípico, o nosso estudo destaca a vantagem de introduzir algum nível de frescor em um novo modelo, particularmente se esses elementos de design exclusivos imitarem os de um carro de luxo.”

A imagem no alto da matéria, é uma das muitas que foram utilizadas para mesclar elementos estéticos de carros de sucesso em seus respectivos segmentos. Você pode notar que a comparação foi feita entre um Dodge Charger, um Hyundai Sonata e um Scion tC, que não é exatamente do mesmo segmento dos outros dois.

Logo abaixo, a mesma imagem mostra a mescla de detalhes de cada um dos três carros acima unificados em um único modelo, que representa a média dos automóveis de maior sucesso do mercado no período de sete anos, já mencionado. E você? Concorda com essa pesquisa da UCLA?

[Fonte: Inovação Tecnológica]







Send this to friend