Automobilismo F1

F1: GP da Malásia 2009 tem Jenson Button na ponta, Barrichello larga em nono

david-coulthard-jenson-button F1: GP da Malásia 2009 tem Jenson Button na ponta, Barrichello larga em nono

(Button em momento romântico com Coulthard)

Jenson Button continua arrepiando na F1 em 2009. Acaba de conseguir a segunda pole consecutiva, e está perto de ser o vencedor de duas corridas, ficando bem longe dos outros pilotos na classificação do campeonato.

A Toyota também vai bem, conseguindo o segundo e terceiro lugares, com Jarno Trulli e Timo Glock. O brasileiro Rubens Barrichello ficou com o quarto tempo, mas como mudou de caixa de câmbio foi punido com cinco posições. Como o alemão Sebastien Vettel, terceiro no treino, também foi punido com a perda de 10 posições, o brasileiro largará em nono.

O grande destaque do treino desse sábado foi a trapalhada da Ferrari. Após dar apenas quatro voltas com pneus macios no Q1, tanto Felipe Massa quanto Kimi Raikkonen retornaram aos boxes, visto que a equipe acreditava já ter garantido seu lugar entre os 15 melhores.

Mas a tática estava errada, e Massa caiu para 16o. Kimi, 14º colocado, escapou por pouco e posteriormente garantiu a nona posição, e fica em sétimo, por causa de punições de Barrichello e Vettel.

Veja o grid:

Superpole

1: Jenson Button (ING/Brawn GP) – 1min35s181
2: Jarno Trulli (ITA/Toyota) – 1min35s273
3: Timo Glock (ALE/Toyota) – 1min35s690
4: Nico Rosberg (ALE/Williams) – 1min35s750
5: Mark Webber (AUS/Red Bull) – 1min35s797
6: Robert Kubica (POL/BMW Sauber) – 1min36s106
7: Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari) – 1min36s170
8: Fernando Alonso (ESP/Renault) – 1min37s659
9: Rubens Barrichello (BRA/Brawn GP) – 1min35s651*

Q2

10: Nick Heidfeld (ALE/BMW Sauber) – 1min34s769
11: Kazuki Nakajima (JAP/Williams) – 1min34s788
12: Lewis Hamilton (ING/McLaren) – 1min34s905
13: Sebastian Vettel (ALE/Red Bull) – 1min35s518**
14: Heikki Kovalainen (FIN/McLaren) – 1min34s924
15: Sébastien Bourdais (FRA/Toro Rosso) – 1min35s431

Q1

16: Felipe Massa (BRA/Ferrari) – 1min35s642
17: Nelsinho Piquet (BRA/Renault) – 1min35s708
18: Giancarlo Fisichella (ITA/Force India) – 1min35s908
19: Adrian Sutil (ALE/Force India) – 1min35s951
20: Sébastien Buemi (SUI/Toro Rosso) – 1min36s107

* perdeu cinco posições por troca da caixa de câmbio
** perdeu dez posições por manobra irregular no GP da Austrália

[Fonte: Terra]

  • Raul Amoretti

    Rubinho em Oitavo! Foi corrigido depois do fim do treino!

    Abs

    • Jr

      Rubinho com o 4o. tempo… Caindo 5 posicoes vai pra Nono.. Mas o 3o. tempo foi punido com 10 posiçoes. ai o rubens sobe pra OITAVO!

  • BigRider

    Mais uma vez o Rubinho prova ás suas competência, ou seria incompetência??? Acho que nem com um jato supersônico o Rubinho ganha alguma coisa!! E como sempre a culpa é da sorte, ou seria falta de sorte??

  • Luis.J.R.

    Caramba rubinho!Já vai começar, tenho certeza que ele vai falar que a culpa e do carro o prblema e o carro.Há vai! :humpf:

    • dudumarinheiro2008

      caramba velho, foi problema do cambio, ele chegou em 4!!! mas como manda o regulamento, por trocar o cambio perdeu 5 posiçoes!!

  • Felipe Andrade

    Conseguir o terceiro tempo é pessimo??? HAUaHuAHuAH Cara… pra mim a unica coisa q podem falar do Rubinho é que ele deixou Schumacher ultrapassa-lo, mas por ordens e ameaças da equipe… Mas só… Primeiro que n foi atoa q ele chegou a Ferrari, na temporada anterior a ele ir pra Ferrari, ele andava em 3º 5º numa equipe merda e o companheiro dele andava la pra 10º, na Stewart em 99′
    Rubinho foi vice-campeao 2x, e tem gente que admira o Montoya vai entender…
    Pra mim os 2 “problemas” foi ele ter tido um otimo carro na Ferrari mas na era Schumacher, e Ayrton Senna ter existido.

  • MaT

    Rubinho é um grande piloto.

    Mas muita tem gente tem preconceito dele e nem sabe o que argumentar… foda…

  • helmygalindo

    Podem anotar ai, o rubinho pode largar em 8nd mas com certeza vai chegar entre os 4 primeiros.

    • matias

      tb acho…

  • marcus medici

    to achando serio mesmoque a segunda posição de rubinho foi mais sorte do que habilidade e carro.
    mais veremos nas proximas corridas.

  • marcus medici

    to achando serio mesmoque a segunda posição de rubinho, na ultima corrida, foi mais sorte do que habilidade e carro.
    mais veremos nas proximas corridas.

  • Comanche

    Ja disse e volto a dizer. A Ferrari do Ruinzinho quebrou em um ano mais do que a Ferrari do Schumacher quebrou em todos os anos em que ele esteve na Ferrari, durante as corridas.
    E falta de sorte ou falta de competencia para perceber as adversidades e problemas do carro e corrigir antes do problema tornar-se cronico. Ate a Ferrari desmentiu o Ruinzinho quando ele disse uma vez que a suspensao quebrou sem motivo e depois precisou pedir desculpas, quando a ferrari declarou que quebrou por que ele agredia as zebras diferentemente do Schumacher e de maneira completamente agressiva o que provocou a fadiga e quebra da mesma.

    O Ruinzinho esta na verdade tirando a oportunidade de outro piloto nos trazer alegria. O Bruno Senna se estivesse no lugar dele, ja teria nos dado alegria, afinal mesmo sem experiencia ele ja provou vencer campeonatos e provas na sua estreia. Enquanto o Ruinzinho, com toda a experiencia, e so vexame.

    Cai fora Ruinzinho, passa a vez.

    • Ciro

      Você não sabe que o Rubinho não era o piloto preferencial na Ferrari, né? Lembra daquela vez que “esqueceram” de colocar o volante no carro dele? Foi culpa do Rubinho também, né? Por que você não apareceu pra falar do campeão Hamilton sendo punido por mentir?

      • Comanche

        O que isso tem a ver com os erros do Ruinzinho, erro na maneira de conduzir invadindo zebras, nada tem a ver com erro de nao colocar volante, se ele nao era preferencial atoa nao era, nem o Irvine foi tao preterido, como foi o ruinzinho. Bater na traseira do Kimi na Australia e acertando o bico do carro no pneu do mesmo, e barbeiragem, nada tem a ver com esquecer volante pela Ferrari. Pilotar a Brawn com seu excelente desempenho e largar em 2 e chegar em 4, ganhando duas posicoes pq outros dois a sua frente bateram e culpa do volante da Ferrari.
        O hamilton mesmo com as trapacas, largar em 18 em chegar em 4 atras do trulli, mesmo que ganhou a terceira posicao e mesmo que foi desclassificado por causa da manobra propositada em cima do trulli, nao tira o merito de sair em 18 e chegar em 4.
        Vc nao entende de redacao, de materia, fala ingles, mandarim? Nao entendeu que a materia nao e do Hamilton e sim do barrichello em nono, mesmo que seja oitavo. Como vou falar de lambreta se a materia de guarda chuva. A nao ser que vc. guarda sabonete na geladeira e a carne do guarda roupa.

        Para encerrar, vou lembrar que o Ruinzinho andou segundo declaracao dele proprio, um ano inteiro com o pe no freio na jordan. Isso tambem e culpa da equipe?

        Ele pode ate ganhar corridas, mas nao deixara de ser mediano, afinal o merito maior sera do carro ultra rapido que ele tem nas maos. Ou sera preciso provar que ele em 272 gp tem 9 vitoria e 13 pole, e o Hamilton que vc. citou tem 9vitoria e 13 poles tambem, so que em 36 gp.

        O pior cego e aquele que nao quer enxergar. Isso sim e que e falta de patriotismo. Nao dar oportunidade para outro piloto provar sua competencia e achar que e Deus quem nao passa de um simples mortal.

        Acho que vc. nao tinha nascido ou dormia enquanto a F1 teve Senna, Schumacher, J.Stewart, Piquet Pai, Prost…

        • Ciro

          Chegar em 4° não, como o Rubinho herda o 2° lugar e o Hamilton não herda o 4°? Ele ia chegar em sexto e herdou tanto quanto o Rubinho. Você pode ter certeza que o meu inglês é melhor que o seu, (eu não preciso recorrer a ataques pessoais quando sou contrariado) só achei estranho que você encheu o peito pra falar do Hamilton e nem apareceu no post que desclassificava ele por não falar a verdade. O Rubinho pode não ter resultados brilhantes na carreira dele, mas com a sua equipe trapaceando até com espionagem industrial qualquer um consegue ótimos resultados.

          Eles estão dando oportunidade pro Piquet desde o ano passado e até agora não deu em nada. Mas isso é culpa do carro, não do piloto, né?

          • Ciro

            Já passaram pela F1 o Pedro Paulo Diniz, Cristiano da Matta, Enrique Bernoldi, Luciano Burti, Tarso Marques, Antonio Pizzonia, Ricardo Zonta entre outros. Quem está na F1 está porque merece. Oportunidade muitos pilotos, não importa a nacionalidade, já tiveram.

  • Comanche

    Onde esta escrito, eu dizendo que ele nao merece estar na f1? Disse que ele e mediano, comete muitos erros, muito pouco arrojo, nada brilhante, mas isso nao quer dizer que ele nao mereca estar la por meritos. Somente deveria estar claro que ele erra muito, provavelmente nada produzira em termos de campeonato mundial e em virtude disso passar a vez, para quem tenha condicoes, maior arrojo, seja um piloto mais completo, consiga demonstrar melhores resultados dentro daquilo que esperamos por la estar o topo do automobilismo mundial. Agora, nao resta duvida que ele deixa a desejar sempre que passamos a acreditar e torcer por ele. Eu mesmo na semana anterior, disse para mim mesmo.
    Agora vai, com esses tempos da pre temporada e dos treinos antes da primeira pole do ano, vixe o rubinho vai arrebentar.
    Ai o que vejo e ele tomando pau do companheiro, largando em segundo e chegando em quarto, opa segundo e ao contrario do sentido que esperava e ele arrebentar, ele arrebentou foi a traseira do kimi.

    Portanto se vc. nao observa isso, e por que nao quer enxergar.

    Qto ao Hamilton esquece ele, nao fique com despeito do cara, ele e bom, e o campeao mais novo da historia, apenas dois anos de f1. Faca assim, concentre suas energias no ruinzinho, ele precisara muito. Pois agora que estou escrevendo, na 23volta o button, que nao e outro demais como piloto, esta la soberano, e o rubinho capengando nos intermediarios.

    • Roberto

      Você é do tipo que vê a corrida pelo resultado final, assiste aos “melhores” momentos no fantástico e depois vem falar merda….
      Na primeira prova, o Rubinho estava mais pesado mas ficou atrás do button por ter errado na ultima volta rápida…. teve problema na embreagem e a culpa foi dele neh??? tanto que trocaram a embreagem…. tomou porrada… quebraram o bico e o difusor… e ele ainda continuou lah… firme e forte… ele chegou em segundo porque foi competente para ultrapassar outros carros… a batida foi sim sorte, mas quando é pro Massa, a sorte é de campeão… pro Rubinho é cagada mesmo… esqueci disto…
      hoje ele largou bem pra caramba… estava em 3º mas começou a chover… a culpa foi dele também neh?? se a prova fosse interrompida 4 voltas antes, ele teria terminado em 2 largando em 8…. e o massa? bem…. com uma ferrari… está lá há 3 anos e conseguiu perder pro Alonso, Schumi e mais alguem… perder pro Raikkonen, Hamilton e Alonso, e agora pro Hamilton….
      E quando o carro dele quebra a culpa é da ferrari… mas quando era o Rubinho… a culpa era do Rubinho… quanta coerencia….
      e seu querido Massa deu um show já na F1… rodou 9 vezes na mesma corrida.
      Hamilton? um fila de uma pu.ta que só tá andando bem por ter um bom carro…. tomou nabo do alonso o ano todo… mesmo sendo favorecido….
      ahhh o rubinho é ruim pq não conseguiu confrontar com Schumi… nem o Alonso… que é mais piloto que o Shumi, conseguiu vencer o Hamilton devido ao apoio da equipe. Ou você acha que Shumi parou porque? por que sabe que ia ser humilhado pelo Alonso.

      • Comanche

        Roberto, vc. quer que eu responda tantas besteiras ditas mesmo?
        E tanta besteira que diz que eu defendo o Massa, se efetuar sequer 1 comentario sobre o Massa.
        Pedala colega.

    • Ciro

      Pelo visto você só vai ficar fugindo do que eu falei mesmo. Desisto. Só vou falar uma coisa.

      Somente deveria estar claro que ele erra muito, provavelmente nada produzira em termos de campeonato mundial e em virtude disso passar a vez, para quem tenha condicoes…

      Aqui você está dizendo que ele não merece estar na F1. E essa é só uma de suas contradições.

  • Comanche

    Quem foge e vc. que no post das 21.41, queria ver-nos falando mal do Hamilton, mas nada justificou o fato da materia claramente tratar do Ruinzinho.
    Quanto a este ultimo vou desenhar para vc. entender:
    Ele esta na F1 por merito, estar la nao significa ser excepcional e poder esperar o melhor dele, inclusive vencer e ganhar campeonatos. Afinal a F1 tambem se completa com medianos e ate alguns que nunca deveriam la ter estado, principalmente vagas comprada com milhoes de dolares, por milionarios, principes, etc, que nao tiveram a oportunidade de desenvolverem adequadamente suas capacidades de pilotagem.
    Porem, o Runzinho, como mediano ja deu o que tinha para dar. Pilotou o melhor carro por anos, como foi a Ferrari diversas vezes campea dos construtores e seu curriculo nao tem a dimensao da equipe que lhe abrigou. Agora com a Brawn, com um carro no minimo surpreendente em diversos aspectos, ja sao duas corridas e nada de grande pilotagem e resultados. Foi batida na traseira do kimi no primeiro gp, e diversas situacoes que vcs cheesleader do rubinho insistem em dizer ser ma sorte. Acredito que Deus deva ter dito, vc. nao sera o cara, nao porque nao tem competencia, pois competencia em velocidade e arrojo na pilotagem vc. e inigualavel, algo que Senna, Schumacher, Jim Clark, Fangio, JStewart, Prost… jamais serao como vc. O seu problema e a falta de sorte, que em nada vc. tem a ver com isso, e pura culpa do azar, e somente um pai de santo dara jeito, mas antes tera que tomar urina de vaca, misturada com baba de gamba, jurubeba e acafrao e tomar 3 x ao dia durante o intervalo de cada gp, ai sua sorte vira e vc. sera o maior de todos, nao tera para ninguem, por todos nos, inclusive eu Deus sei que vc. e o melhor, inclusive o Ciro na Terra, que nascera apos vc. e sera seu cheesleader 5.

    A verdade e: Rubinho Ferrari nada, Rubinho Brawn nada, Button que e mediano dos medianos esta papando todas e o Rubinho…

    Quer mais, Na F1 o monoposto, motor, pneus, enfim o conjunto inteiro do carro, é muita coisa, digo mais de 70%. Isso ë suficiente para fazer pilotos medianos ser vencedores, vide Irvine na Ferrari, Button na Brawn. Mas o Barrichello surpreende negativamente ao nao conseguir bons resultados mesmo pilotando uma Ferrari e a Brawn nas circunstancias em que ela se encontra. Ele faz o milagre inverso.

    E ainda tenho que ler respostas em meus comentarios, com sua opiniao recheada de idiotices.

    Francamente, com fanatico cego, nao se debate ideias, debate paixao.
    Assim to fora.

    • Ciro

      O post Nnão fala DO RUBINHO. Fala da classificação para a corrida. Que eu saiba a F1 não se trata só dele. Fanático aqui é você. Você que não quer admitir que seus comentários estão cheios de CONTRADIÇÕES, aí parte pro ataque pessoal. Patético.

      • Comanche

        O post não refere-se ao Rubinho? Então o que é o título dele “F1: GP da Malásia 2009 tem Jenson Button na ponta, Barrichello larga em nono”.

        Pois é em cima do Título da matéria, em cima de Button e Barrichello que deveria e foi efetuado o comentário, não ridicularmente em cima do Hamilton, que aliás, este último mentindo ou falando a verdade em cada GP, tem 9v e 13 pole em 36Gp aproximados, enquanto o Rubinho em o mesmo em 272 Gp aproximados. Cabendo aqui uma segunda razão para não falar da maneira de pilotagem do Hamilton.
        Se o post já não trata e nem menciona qualquer palavra sobre o Hamilton, o que dirá fugir para tratar do caráter do mesmo.

        A realidade, que vc. foge e não explica é:

        1- Um ano de Jordan pilotando com o pé no freio, “declaração dele próprio, reconhecendo o erro”;

        2- Pedido de desculpa por informar erroneamente a culpa ser da Ferrari, e se retratar por invadir a zebra e quebrar a suspensão da Ferrari e não o inverso;

        3- Total de 272 Gp com 9v e 13 pole e Hamilton com os mesmos números, mas com apenas 36 GP. (ns. gps aproximados dos 2 pilotos);

        4- Mais carros quebrados em uma temporada de Ferrari, do que Schumacher durante toda a História de Ferrari;

        5- Na F1 o monoposto, motor, pneus, enfim o conjunto inteiro do carro, é muita coisa, digo mais de 70%. Isso ë suficiente para fazer pilotos medianos ser vencedores, vide Irvine na Ferrari, Button na Brawn. Mas o Barrichello surpreende negativamente ao nao conseguir bons resultados mesmo pilotando uma Ferrari e a Brawn nas circunstancias em que ela se encontra. Ele faz o milagre inverso;

        6- Button na Brawn em 2009 (2 Corridas, 2 Vitórias e 2 Poles), Barrichello no pelotão atrás, com o mesmo equipamento;

        7- Barrichello, uma história de carros quebrados. Pergunto: É falta de sorte, ou braço duro? Carros de Senna no final das corridas segundo Jo Ramirez (McLaren) “Os componentes das suspensões, motor, embreagem, câmbio do Senna no final da corrida, sempre estão em perfeito estado de conservação e mínimo desgaste”, declaração Ferrari sobre a mesma situação com o Schumacher (peças no final da corrida em perfeitas condições), enquanto a declaração da Ferrari sobre o Barrichello????

        8- Schumacher, Alonso, Senna – Toda as equipes o queriam, já o Barrichello nem um telefonema sequer da Honda recebeu para explicações, ao contrário do Button que foi procurado para esclarecimento pela Honda e até a mesma agradeceu os trabalhos do Button e não do Barrichello.

        9- Button, um piloto reconhecidamente mediano, ganhou em Budapeste/Hungria, 6/ago/06 – pela (BAR-Honda), a 13ª prova do Campeonato Mundial de Fórmula 1 de 2006. Pergunto, cadê o Rubinho que na mesma equipe em 2006 e 2007 não obteve nenhuma vitória.

        …Se for para ficar citando fatos, será muitos exemplos que não calam, mas que vc. foge dos argumentos. Portanto argumentos eu possuo, sem falar diretamente da sua pessoa, ao contrário da suas afirmações e fulgas dos fatos.

        Mas por respeito a boa pessoa que o Rubinho é, já é muito vexatório expor tanto assim sua profissão.
        Assim encerro por aqui.

        Só lhe peço que analise livre de paixão para não desilulir no final do ano, mesmo que juntamente com vc. ainda torço por ele como pessoa, como ser humano, por ele ser uma pessoa agradável e de bom coração.

        • Ciro

          Vamos lá então:

          Só porque ele é campeão não há motivos para tratar do caráter dele? Vitória a qualquer custo, né? Como não fugir disso? Como não questionar a vitória dele se ela foi feita em cima de mentiras e espionagem?

          1 – Ele admitiu estar errado, e corrigiu o erro. Quer mais o quê?

          2 – É claro que ele ia falar que está errado. A Ferrari paga o salário dele e ele sabia que não era o piloto preferencial. Se eles admitirem que ele estava certo eles estariam provando que tinha favoritismo pelo Schumacher. Ah, só pra lembrar: na temporada de 2005 enquanto o Schumacher usava o chassi F2004M (M, como nos carros de rua da Ferrari de modificatta) o Rubinho testava o carro novo da Ferrari, o F2005. Quando o Schumacher começou a usar o carro ele quebrou 4 vezes. O Rubinho? Nenhuma. O Schumacher deve ser um péssimo piloto, afinal, os carros são iguais, né?

          3 – De novo. Quando a sua equipe está envolvida em escândalo de espionagem industrial e mentindo para ganhar pontos é tudo válido. Vitória a qualquer custo, afinal, não se fala do 2° lugar, só do campeão.

          4 – Mesma história do número 2. Quando o carro do Massa quebra a culpa é da Ferrari, quando o carro do Schumacher quebra a culpa é da Ferrari. Mas é o Rubinho que quebra o carro perfeito dele.

          5 – Se fosse assim o Alonso estaria arrasando agora. Bicampeão (olha, melhor que o Hamilton!). Porque ele não foi campeão em 2007? Porque a preferência era pelo Hamilton, ou você não lembra do Alonso reclamando disso a temporada inteira? Mas o Alonso pode, é bicampeão, o que impora são os resultados. O Rubinho que é um perdedor por achar que o carro dele não é igual ao do Schumacher.

          6- Você é mecânico da FIA, por isso pode afirmar que é o mesmo equipamento, né? Em 2008 o Rubinho terminou em 14° e o Button em 18°. Se o carro é igual e o Rubinho é um piloto ruim isso é estranho, né?

          7- Isso não significa nada.

          8-E? A Ferrari quis o Barrichello. Isso prova o quê? Nada.

          9- Essa ÚNICA vitória que você cita você não fala que ele só ganhou porque o Alonso teve um problema no carro e bateu. Ora, veja você: Ele HERDOU a vitória!

          Agora me diz de que argumento eu fugi. Sem falar diretamente da minha pessoa? Primeiro você falou que eu não entendo de interpretação. Depois que eu sou cheerleader do Rubinho. Você não falou até agora porque você não comentou no post do Hamilton, visto que VOCÊ que exaltou a vitória dele de 18° para 3° lugar quando foi falar mal do Rubinho. Quando ele foi desclassificado porque MENTIU, você não apareceu lá. Mas o que há de se falar do Hamilton. Ele é o mais jovem campeão!

          Eu estou analisando com paixão e você nem analisando está. Só está se esquivando.

          • Comanche

            Caro Ciro,

            O debate está ficando saboroso, vc. está começando “engatinhando” a discernir fatos e motivos para um debate real do tema, porém primeiramente é importante deixar claro ao início deste debate que agora de fato está inciando, com a seguinte menção:

            Você declarou com todas as letras no final do seu argumento “Eu estou analisando com paixão…”, assim é bom que fique claro a todos os demais colegas, que de anti-mão você já se alto declara SUSPEITO, PARCIAL, APAIXONADO “DE PAIXÃO”. Pois bem colega debatedor, só em ESTE FATO, JÁ É PROVA SUFICIENTE, PARA COLOCAR EM DESCRÉDITO TODA SUA ARGUMENTAÇÃO, TODA SUA CONTESTAÇÃO, TODA SUA OPINIÃO, já que onde há depoimentos e comentários apaixonados, sempre poderá existir um depoimento pouco ou nada pautado na opinião sincera, livre, responsável, imparcial, onde os olhos enxergam o que o coração não se envolvi.

            Mas afim de mostrar boa vontade, e desmascarando suas falsas afirmações onde diz “…você nem analisando está. Só está se esquivando”, quando exatamente o inverso é verdadeiro, inicio minhas alegações finais sob seus superficiais argumentos.

            1- Vc. respondeu: “1 – Ele admitiu estar errado, e corrigiu o erro. Quer mais o quê?”
            Vc. não foi ao cerne da questão, pois a mesma é sobre dirigir um ano com o pé no freio, onde fica claro a gravidade do erro do Barrichello, a navalhada na pilotagem, a falta de capacidade de um piloto com experiência em categorias inferiores do automobilismo, depois de milhões investidos pela Jordan no profissionalismo do piloto Barrichello. Verdadeiro absurdo tal condução de um carro, onde o objetivo maior é acelerar, e ele faz o inverso freando em plena reta de cada um dos GP.
            Vc. analisando com paixão, apenas vai de encontro com o que afirmei “mesmo que juntamente com vc. ainda torço por ele como pessoa, como ser humano, por ele ser uma pessoa agradável e de bom coração”, ou seja, você apenas diz o que é público e notório. “O Barrichello é um ser humano agradável, gente boa e tem a humildade de reconhecer os erros.
            Mas o fato em questão, não é o caráter do Rubinho, não está em jogo o ente pessoal Rubinho, mas sim o PROFISSIONAL Rubinho na condição de piloto de F1. Não é a possibilidade de reconhecer os erros que o exime da condição de bom o mal piloto. Reconhecer os erros demonstram somente o caráter bom que ele sempre teve e ponto final, nunca sua capacidade profissional.
            Esses tipos de análise, é que me faz mencionar seu despreparo para debater o tema. Até compreendo sua atitude, já que ela não vem de uma análise crítica e pautada de forma correta e responsável, mas sim apaixonada e bairrista.

            Questão 2.
            O favoritismo ao Schumacher é fato incontestável, é público, é declarado em diversos momentos pela Ferrari, seja em palavras, seja exigindo que o Rubinho dê passagem. Porém, o que lhe falta a observar é que sempre o piloto que inicia o campeonato em pontuação ou vitórias de vantagem para o seu companheiro, ocorre na maioria esmagadora de ser o predileto para todo o resto do ano. Isto não ocorre por que um é mais esbelto do que o outro, por que um tem olhos azuis e o outro castanho, por que um é mais musculoso e o outro mais gordinho. Tal escolha é baseada em rendimento nas pistas em testes de inverno, pré temporada, início de campeonato, disposição ao trabalho, capacidade de corresponder da melhor forma profissionalmente dizendo para o resultado de todo o grupo, seja de funcionários ou investidores.
            Portanto, não trata-se de gostar mais de A ou B, mas sim dos números que A demonstra melhor que B.
            Cabe ainda outra explicação pertinente: A Ferrari, nunca escondeu a diferença de equipamentos entre seus pilotos, assim como não ocorre na Brawn, os equipamentos da Ferrari sempre foram os mesmos para ambos os pilotos, e as vezes quando ocorriam dos equipamentos serem diferentes, eram informados a imprensa, que repassavam ao público, motivo pela qual vc. sabe e menciona “chassi F2004M”. Tal produto, depende de seu desenvolvimento, de qual estágio se encontra o projeto, para saber se facilitará a vitória ou o maior número de pontos para aquele que já está em vantagem. E se o projeto ainda não tem o desenvolvimento satisfatório, ele certamente irá para aquele que está em desvantagem no campeonato, independente de ser o Rubinho, o Schumacher ou não. Foi assim com o Schumacher quando quebrou a perna e retornou a F1 e o Irvine estava com pontuação que lhe permitia brigar pelo título.
            Também nem sempre uma tecnologia nova ou extra, é suficiente para demonstrar tamanha superioridade de um piloto sobre o outro, como foi Schumacher e Rubinho.
            O Senna em 93, ainda na McLaren, teve o fornecimento de motores da Ford, só que esta tinha contrato primário com a Benetton do Schumacher. A Benetton, não aceitou que a Ford fornecesse os mesmos motores que lhe era fornecido, para a McLaren, desta feita, a Ford foi obrigada a fornecer motores com cerca de 70 a 80cv a menos para o Senna (não digo precisamente, pois não apelo para o Google nas respostas). Enquanto o Schumacher ficava com os melhores motores e maiores cavalos, tal situação com tamanha desproporcionalidade de equipamento, não foi suficiente para o Schumacher derrotar o Senna em 93, pois o Senna obteve maiores e melhores resultados durante todo o ano. Isto é fato.

            A 3ª questão, está respondida nas 1ª e 2ª resposta, o resto é fantasia na sua resposta. Não cabe comparação entre Rubinho e Schumacher, a distância é galáctica. E pior, vc. se esquiva para comentar o tamanho da desproporcionalidade entre os números de gps e vitórias do Rubinho e Hamilton. Talvez vc. não saiba, mas o Rubinho é um dos pilotos que mais tempo na história da F1 demorou para ganhar a 1ª corrida, ao contrário do Hamilton, que não somente ganhou gps na sua temporada de estréia, como também quase ganhou um campeonato, mesmo sem qualquer experiência na F1 e sendo somente um estreante a fazer coisas que o Schumacher e Senna demoraram anos para o primeiro campeonato e o Hamilton bateu na trave no primeiro e levou o segundo ano. (Favor não comparar Hamilton com Senna e Schumacher, o assunto é Barrichello e somente o Hamilton entrou na história porque vc. mencionou-o).

            4º Questão, cabe uma repetida resposta, que já foi anteriormente esclarecida em outros posts. Todo carro quebra, isto é fato. Alguns quebram mais outros menos. A Ferrari no final da década de 80 quebrava muito. A Ferrari do final da década de 90 tinha quebras inexpressíveis. A Lambo da década de 90 mais quebrava do que andava.
            Porém o Rubinho, sempre quebra mais do que seus companheiros. Quando não quebra, bate na traseira do Kimi, ai vc. vai dizer “aaaa mais vc. não disse que o Schumacher bateu na traseira do Coulthard lhe dando uma tremenda cassetada”, só que o Schumacher tem vitórias e pontos para queimar, nada tem para provar, já provou. Agora o Rubinho, não tem vitórias e nem pontos para queimar, e francamente, no fundo vc. se recorda de sempre ver o Rubinho quebrando e estacionando seu carro e o seu companheiro passando por ele, seja na Jordan, seja na Stewart, seja na Ferrari, seja na Honda e agora lamentavelmente na Brawn com câmbio trocando na Malásia, carro saindo de traseira no gp da Austrália, spoiler trocado na Austrália, sistema em ponto morto na largada da Austrália, Stop and Go por passar da velocidade limite nos boxes, como ocorreu no ano passado, depois de anos de experiência.

            5ª Questão.
            Aqui vc. comete uma das maiores atrocidades nas suas palavras. Verdadeiro abuso das palavras, erro inequívoco, visão adultera e porque não tentativa maliciosa de induzir-me ao erro. Mas você se engana. Engana muito a meu respeito, tenho discernimento, capacidade real de análise.
            Vamos a resposta simples e direta: “O Alonso somente não ganhou o campeonato do ano passado -2007-, por pura incompetência e trapaça dele próprio”. Se ao invés dele parar o carro no box da McLaren, na busca pela última volta voadora pela pole no gp da Hungria (se não me engano), de maneira a impedir o Hamilton de trocar os pneus e também buscar o melhor tempo na última volta da qualificação da largada, ele tivesse apenas se preocupado com seu tempo e sua posição, mesmo até que o Hamilton largasse em primeiro, ELE ”ALONSO”, NÃO TERIA SIDO PUNIDO COM A DESCLASSIFICAÇÃO, e seus poucos pontos obtidos durante a corrida teriam sido suficientes para fazê-lo Tri-Campeão.
            Não acredita? Segue o roteiro de pontuação do início ao fim do campeonato do ano passado e observará, que na trapaça dele Alonso, ele próprio entregou o campeonato. Assim, a 5ª questão está completamente equivocada.

            6- A Questão e Resposta sua da 6ª pergunta, é típica de quem está apelando para a desculpa. Verdadeira atitude de apaixonado. Tenta desmoralizar o debatente na busca de diminuí-lo dizendo que não sou mecânica da Fia, dando clara demonstração de que a situação da Brawn, será igual a Ferrari, com diferença de carros entre pilotos, favorecimento. Pára com isso, senão não vou nem perder meu tempo na busca em melhor lhe instruir e tentar lhe ensinar a não ver as coisas como paixão.
            Com seu análise, fico até com dó do Rubinho, tadinho, verdadeira e eterna vítima da F1. Pára por favor, pára.

            7- Se nada significa os outros terminarem as provas com seus carros inteiros e o Rubinho não, talvez também então a ciência não deverá saber explicar o porque de fadigas e desgastes serem mais sujeitos a quebras, do que peças novas. (OUTRA RESPOSTA LAMENTÁVEL).

            8- A Ferrari quis o Barrichello sim, realmente. Mas é fato que hoje poucos o querem. Não pela pessoa que é, mas sim pelo sua falta de capacidade nas pistas. Por ser mediano em fim de carreira. Sem falar que o Rubinho não divulga o nome das empresas patricinadoras como outros. Afinal, quem se importa com o desempenho do Rubinho senão os brasileiros, mas mesmos estes, mais pela paixão e nacionalismo do que pela sua capacidade. É fato, o Rubinho não empolga, não ergue a torcida, não demonstra arrojo, e em resumo, recebe em troca o desinteresse do público que prefere depositar os olhos no arrojo de outro piloto.

            9- Independente do Button ter herdado a vitória, o fato permanece igual. Pois o Rubinho sempre é vítima da falta de sorte dele e da sorte alheia. Ao mais, você matreiramente utiliza dois pesos e duas medidas. “Quando o Rubinho herda duas posições no Gp da Austrália, pulando de 4º para 2º é competência dele, mas quando seu companheiro, herda a vitória, significa que não é competência do companheiro que estava na vice liderança. Como é duro a parcialidade.

            Assim, fica claro que vc. não somente foge dos argumentos, bem como os distorce aos laços de sua paixão.

            Lhe peço um favor, existem palavras que foram escritas rapidamente para não perder a linha de raciocínio, e devido ao fato de não gostar de ler meus comentários após escrito, com certeza vc. encontrará erros grosseiros e gritantes de grafia, peço que não se retenha a estes erros.

  • Marcio

    (Button em momento romântico com Coulthard) :craz: uhauauahuauh sera q esses dois são dois bichas?

  • Ciro

    Analisar com paixão não tem nada a ver com parcialidade. Pra começar, eu não AFIRMEI que estava analisando com paixão (no que você baseou o seu comentário inteiro). Eu só quis reforçar que você não está analisando. Você AINDA não respondeu o que eu perguntei enquanto eu respondi todas as suas perguntas.

    Primeiro você diz que os carros são iguais. Depois, admite que são diferentes. Mas não comentou o fato de que quando Schumacher e Barrichello estavam com o F2005 o Schumacher quebrou 4 vezes e o Rubinho nenhuma. Você só escolhe responder o que é pertinente. Eu respondi tudo.

    E foi VOCÊ quem mencionou o Hamilton, não eu. Por que você não admite isso? Você mencionou o Hamilton. Para você só importa os resultados. Um piloto, não estou falando do Rubinho, só é um bom piloto se ganhar. E daí que o Hamilton foi campeão com menos GPs? Isso não significa nada. Você que não entende. A McLaren e o Hamilton MENTIRAM e TRAPACEARAM. Como isso não pode entrar na conversa? Como ele pode ser considerado um bom piloto se as vitórias dele se basearam em trapaças?

    Melhor me instruir? Agora você já está se achando superior, coisa que nunca fiz em relação a você.

    Você que usou dois pesos. Eu não falei nada de o Rubinho herdar o 2° lugar. NEM FALEI NADA DO DESEMPENHO DELE NA CORRIDA. A única coisa que eu falei é a mesma coisa que eu estou tentando que você responda desde o começo: Porque o Rubinho herdou o 2° lugar por sorte e o Hamilton não?
    O Hamilton ia chegar em sexto. Com as mesmas saídas que fizeram o Rubinho chegar em segundo e mais a TRAPAÇA em cima do Trulli o Hamilton tinha chegado em terceiro. Analise o seu comentário daquele dia e você vai ver que você que usou dois pesos.

    Não neguei a competência do Button nem exaltei a competência do Rubinho. Só notei que você falou da vitória do Button em que ele ganhou porque o Alonso quebrou como competência e o Rubinho foi sorte. Você que está sendo incoerente.

    Que laços de minha paixão? Eu nem defendi o Rubinho, só expus as falhas na SUA lógica. Não me acho o dono da verdade.

    Perguntei de que argumento fugi e você não respondeu. E quem continua se esquivando da mesma pergunta é você.

    • Comanche

      Olha como vc. deturpa os fatos:

      Afirma que não é vc. quem primeiramente mencionou sobre o Hamilton. Com todo o respeito, é Mentira pura!!!

      Veja a prova inconteste:

      Você menciona e não eu sobre o Hamilton, não existe qualquer outro comentário meu anterior a seu post e nesta matéria afirmando ou comentando sobre o Hamilton, antes de vc. trazer a baila, de maneira sem propósito e contrário a matéria.

      Veja o que vc. disse primeiramente sobre o Hamilton, provocando minha resposta.

      Copiado do Post acima:
      “Ciro

      April 4th, 2009 at 18:51

      Você não sabe que o Rubinho não era o piloto preferencial na Ferrari, né? Lembra daquela vez que “esqueceram” de colocar o volante no carro dele? Foi culpa do Rubinho também, né? Por que você não apareceu pra falar do campeão Hamilton sendo punido por mentir?”

      Portanto Ciro, vc. muda os fatos, versões dentro da própria matéria, vou falar o quê?
      Não sei se é inesperiência sua, falta de personalidade… ou o que, mas a verdade é que sua afirmativa não é verdadeira sobre o Hamilton e quem primeiramente tocou no assunto.

      Na boa, isso foi sem querer ofendê-lo, é apenas a realidade da situação.

      ————–

      Outra: Não sou eu quem tenho que responder as suas perguntas, mas vc. quem tem que responder as minhas, sabe por quê? Porque o comentário primário sobre o Rubinho é meu, ai vc. entrou contestando. Só que ao tentar contestar, esquece caber ao contestador a real necessidade de descaracterizar a argumentação alheia. Isso é fato, é Metodologia Científica, vc. talvez nunca tenha estudado Metodologia Científica, mas deveria estudar, pois quem quer debater, contra-argumentar, descaracterizar comentários, é preciso se enquadrar na Metodologia, senão a Contestação fica descriterioza, perte o fundamento, fica apelativa, apaixonada, com difícil compreensão para os demais leitores…

      Organize-se e procure entar no cerne da questão e debater, e não ficar dizendo eu disse isso, vc. não disse algo…. aprofunde ao tema e debata sem apelação, seja para o lado pessoal do opositor no debate, seja para situações adversas que fogem ao tema do debate.

      E acima de tudo, jamais se perca esquecendo quem contestou e aquém cabe a responsabilidade em responder ao tema contestado, e não tentando se eximir do tema e perguntas com a finalidade de esmiuçar seu pensamento, para se enquadrar ao tema proposto, com perguntas utilizadas como resposta.

      Quanto aos argumentos fugidos, estão em cada uma das frases proposta por mim ao debate. Suas respostas são evasivas, inconsistentes e superficiais. Falta lhe não sei se talento ou senso de compreensão para contestar com fatos e argumentos concisos e não achometros.

      Se quiser continuar debatendo, estou aqui a sua disposição, com o maior prazer. Com isto tudo, espero chegar a uma congruência contigo, um termo comum, ou mesmo diferenças. Porém sem apelação e inimizade.

      Somos uma só coletividade no NA.

      Peço ao éber, que não exclua nossos comentários, peço a vc. que faça o mesmo.
      Não me sinto ofendido por vc., mesmo com algumas palavras fortes da sua parte, e espero que também não se sinta ofendido com minhas fortes palavras, pois costumo ser franco e direto. Caso tenha o desrespeitado, me desculpe.

      Mas o tema enfim, é “Rubinho – piloto fraco, mediano, que largou em nono/oitavo, enquanto seu companheiro Button é o Pac Man C.o.m.e.d.o de 2009, verdadeiro bicho papão, com a surpreendente Brawn, que o Rubinho em nada tira proveito até o momento.”
      Esqueça Hamilton.

  • Comanche

    Ciro, pelo menos vc. é valente e debatedor. Isto é bonito de se ver.
    Caso queira debater outro tema, entre no Forum do NA, e vamos conversar sobre a matéria postada lá no Fórum.
    “Preço Do Etanol Desaba Nas Usinas, Mas NÃo Cai Nos Postos. ”

    É uma matéria polêmica, com bastante novos posts, para enriquecer o debate e buscar saídas. Te espero lá.

    :cool:

    • Ciro

      Não me senti ofendido, não esquenta com isso. Mas olha: Eu só trouxe isso aqui porque o Éber fechou os comentários no post que eu ia postar. Você disse isso aqui, no post que agora está na página 8:

      Comanche March 30th, 2009 at 02:58

      Murilo e Lauro,

      Querem saber outra comparação entre o Hamilton e Barrichello durante a corrida, já que houve a comparação entre ambos pelo dificuldade no acerto do carro.

      O Ruinzinho, largou em 2º e chegou em 4º, mas ganhou de presente o 2º.

      O Hamilton, ia largar em 15º, precisou trocar o câmbio e largou em 18° e chegou em 3º. O Trulli até que tentou passá-lo de forma irregular e ganhou provisóriamente o 3º, mas ai a direção da prova, observou a irregularidade e puniu o Trulli.

      Veja a diferença:
      Um com o melhor carro sai em 2º e chega em 4º/2º.
      O outro sai em 18º e chega em 3º.

      Realmente vc. foi infeliz na sua comparação.

      Hamilton: 9v e 13 pole em 36gp
      Ruinzinho: 9v e 13 pole em 272gp (Acho que é 272, são tantos que até perdi as contas).

      Aqui que eu queria que você respondesse. Porque o Rubinho ganhou o 2° lugar e o Hamilton não ganhou o 3°? Depois ficou provado que ele tinha trapaceado, por isso que eu não acho que ele é um bom piloto. Está provado que não é a primeira vez que a McLaren faz essas falcatruas. Um bom piloto não se faz com vitórias somente. Eu por exemplo, acho o Massa um bom piloto, mas tive a oportunidade de conhecê-lo e ele é um arrogante que se acha o melhor piloto da atualidade.

      Eu não gosto de fóruns. Mas acho, no tópico que você falou, que enquanto o petróleo estourou com o barril a US$150 a gasolina não subiu nada por aqui. Não sei se alguém já falou isso lá, mas é um ponto bom pra começar. E acho que uma questão mais importante é o monopólio que a Petrobras está começando a conseguir. Pelo menos SEIS postos fecharam perto daqui e logo depois reabriram como BR. E com a nossa gasolina que é péssima por lei.

      • Comanche

        Prezado Ciro,

        Estávamos falando sobre o Hamilton em condições diferentes, não havia eu notado que vc. mencionava referente a outra matéria postada em data anterior. E vc. acho que não havia percebido que eu me referia somente a este post. Daí, uma busca por algo que estávamos em rumos diferentes quanto ao qual matéria nos tratávamos. Agora consegui lhe entender.
        Eu nunca vi pessoalmente o Massa, as vezes ele passa um ar de arrogância, as vezes de timidez, não consegui ainda ter uma definição a esse respeito.
        Mas o Rubinho, posso lhe dizer com convicção. Trata-se de uma pessoa completamente gente boa, passando sempre disposição em atender os fãs e jornalistas, me parece ser um grande ser humano, e é por gostar dele como pessoa, que torço por ele e sempre me decepciono e após a frustração vem o descaso. Descaso esse não contra a pessoa, mas contra seu profissionalismo.
        Mas confesso que no meu coração, existe um cara que é insubstituível, ele se chama Senna. E é com extremo orgulho que digo ter assistido ao ao primeiro Grande Prêmio, de número 1 da história do Senna na Fórmula 1, onde ele iniciou a carreira. Assisti sua primeira corrida no autódromo de Jacarépagua em 1984, quando iniciou pela Toleman. Tenho até hoje guardado o ingresso em formato de cartão magnético referene a esse grande prêmio, inclusive a revista que acompanhava o ingresso, onde consta Senna como estreante, as informações Vitórias: 0, Poles: 0, Melhores Voltas: 0, Grande Prêmios disputados: 0, além de uma reportagem sobre seu futuro promissor na F1. Esse momento e Este Piloto eu tenho orgulho.

        Quanto as orientações referentes a matéria no Fórum, agradeço pelas dicas e caso resolva comentar lá, será muito bem vindo.

        Abraços.

Send this to a friend