Hyundai Kia Segurança

Falta de cinto de três pontos no banco traseiro de lançamentos deixa leitor indignado

novo-cerato-banco-traseiro-620x465 Falta de cinto de três pontos no banco traseiro de lançamentos deixa leitor indignado

Quero uma explicação, Sr. Gandini e CAOA. Qual a intenção da Kia Motors e da Hyundai quando tiram o principal item de segurança de vários modelos de seus carros vendidos no Brasil: o cinto de três pontos? Ele é tão caro assim?



O que mais me deixa indignado é saber que estamos em 2013 e um lançamento como esse (Cerato), que era pra se tornar líder da categoria, vai virar um mico, uma aberração do mercado brasileiro. Claro que não por causa de um simplório cinto (que por muitos é ignorado), mas pelo conjunto em si: motor fraco, itens de série e preço altíssimo.

Gostaria de entender também o que há por trás do altíssimo preço do Veloster (que um mês atrás custava mais que uma BMW 116i) e do Elantra (que podia ser comparado ao preço ao VOLVO S60, que foi oferecido por R$99.000 semanas atrás). E o que falar da cor branca? R$5 mil? Ela vem com flocos de ouro junto?

Apesar disso, na minha opinião, o elantra é um dos SEDÃS-MÉDIOS mais bonitos (e só) vendidos no Brasil atualmente e deveria ser líder da categoria caso fosse vendido a preço de médio e recheado de equipamentos como acontece em outros países.

Outro carro que me chama a atenção: o Picanto, que é vendido por menos de 50 mil reais e vem com 6 (seis) airbags na versão top, apoio de cabeça e cinto de três pontos para todos os ocupantes (algo que no meu entendimento, pelo menos, é de extrema importância).

Já alguns carros mais carros, como Soul, Optima, Cerato (antigo e novo), Sonata, Sportage, Carens não contam com, pelo menos, um destes itens nas suas versões. Há também os utilitários esportivos ix35 e Sportage, que vem sem o importantíssimo ESP.

Por que não podemos ter estes itens tão simples se pagamos tão caro?

Por Eduardo Pruvinelli da Silva

OBS.: A Kia Motors do Brasil nos enviou uma resposta oficial a respeito do questionamento do leitor Eduardo. Ela esclarece que somente o assento central do banco traseiro não conta com cinto de três pontos, como ocorre na maioria dos automóveis comercializados no mercado brasileiro. E quanto ao “fraco” motor do novo Cerato, a empresa explica que, hoje, há uma tendência mundial de downsizing de propulsores, em atendimento às legislações ambientais. E, finalmente, os outros modelos que ele menciona têm airbags duplos e de cortina dependendo das versões. Já a CAOA não respondeu.

  • Felix_S

    O motor do Cerato acompanha a tendência de downsizing de propulsores…. só que não…

    • EuMeSmObYmYsElF

      se tivesse um turbo ali até entenderia mas, no caso, apenas foi colocado um motor menor (e mais fraco) no carro (mais pesado)

      • Pão

        Isso foi apenas a Kia tentando ser malandra. Só que essa não colou.

      • Mascarado

        Isso que eu iria falar, mas já valeu a resposta da marca pros "interessados", maioria iria agir igualmente a boa e velha CAOA de merda.

      • dougkmt

        Justamente o que eu ia dizer! Downsizing funcionaria neste caso se o Gamma 1.6 tivesse turbo no conjunto, fazendo com que o carro tivesse desempenho condizente com a categoria/preço que ele é situado.

        Agora as respostas da Kia foram lamentáveis, era melhor ter ficado calada. Pior ainda é citar que " […] como ocorre na maioria dos automóveis comercializados no mercado brasileiro."!! Ao invés de ofertarem um produto de qualidade e que apresente diferenciais reais (o único diferencial é o visual), querem se equiparar à safadeza e falta de segurança dos outros concorrentes! Simplesmente deplorável!

        • Azerbi

          Falou tudo … Ao inves de melhorar.. quer se manter no mesmo patamar.. grande M****

          Brasil não da.. nos States se paga 18 mil dólares num elantra.. e aqui 100 mil reais..
          O preço que eles pagam no novo corvette. =)

          • Absurdo

            elantra parece uma carroça de plástico.. quem compra elantra, compra sonata ou azera

        • AventadorMan

          Por isso que digo, no Brasil ando com carro que me supra necessidades e so isso, e guardo dinheiro para todo ano viajar e lá fora alugo uns brinquedos que eu queria ter fico 2 a 3 dias com cada brinquendo e por viagem ando com 3 a 4 carros diferentes e supro minha necessidade de conhecer os carroes, ou vo pra autodromos (las vegas tem mtas opçoes de alugar ferrari pra drift no caso vc do lado do piloto né, ou aluga nascar pra dirigir na pista) e digo amigo, o dinheiro é mt mais bem empregado do q pagar R$ 70 mil num cerato pra vir um motoboy te arrancar o retrovisor, sei q o papo nao tem mt haver, mas te digo no brasil nao gasto mais meu dinheiro nao, so o necessário msm pra viver bem de resto gasto td la fora

          • Edson Roberto

            O problema é…. eu quero carros seguros e voltados ao que temos o maximo de segurança. Eu não quero crer que só posso me dispor disso onde não moro.

            ou seja, se nos contentarmos em dirigir grandes carro sem termos possibilidade daqui, entenderei que iremos ter de aceitar ter menos segurança o que nao concordo…

            • Pedro Paulo

              Só que esta é nossa realidade…..infelizmente

        • Dinho

          KIA, eu não aceito cinto de dois pontos no banco do meio, porque eu só tenho um filho e ele só senta no banco do meio. Eu não vou ficar obrigando ele a sentar dos lados porque no meio é menos seguro, portanto comprei um cruze, que possui o equipamento é mais seguro que o seu Cerato.
          O cerato custa um pouco acima da média, por ser importado. Agora, imagina Sr. Gandini, se o consumidor tem que pagar mais pra levar seu produto, ele realmente vai aceitar levar menos, só porque o seu farol é de LED? Acho que não. Eu não compraria o seu produto, mesmo porque na comparação ainda falta muita coisa além do cinto.

          • dougkmt

            Não andei em nenhum dos dois, mas acredito que a diferença de desempenho não seja tão grande, com ligeira vantagem para o Cruze. Mas o principal são os itens de série que vc leva no pacote R7D, como: 4AB, ESP e TCS, coisa que no Cerato não aparece nem na versão topo de linha……

    • mike_br

      traduzindo: "o motor é esse fraco mesmo, e se não quiser levar, azar o seu… sempre tem um que compra"

      • dougkmt

        Pois é. Quem vai dizer se o motor é bom ou não é o proprio consumidor. Inclusive tenho amigos que tem i30 e já falaram que não irão nem cogitar a troca pelo novo i30 1.6.

        Enquanto não tiver a oferta de um motor condizente com o preço (R$ 70.000 – 75.000), i30 e Cerato ficarão patinando no mercado…

      • MuriloKarlos

        os brasileiros tem o q merece! povo burro q não sabe nem dar valor ao dinheiro q ganha suado, compra porcaria por preço de ouro e acha q esta bafando! quem compra carro novo aqui no brasil deveria ganhar um nariz de palhaço e uma carimbada com a palavra otário bem no meio da testa!

        • Edson Roberto

          Certo… e a pergunta que faço é…. o burro quem compra carro 0km… mas como vc faria então para comprar carros usados?

          Naturalmente que seriam de quem um dia comprou carro 0km, não?

          • Sr_Wilson

            UHAeuaHeaeh, Boa, os caras acham que existe fabrica de carros usados, só pode.

          • eder

            Acho que a solução não comprar novos ou usados, a solução é não ficar trocando de carro todo ano. Se todo mundo que comprasse um novo ou usado e ficasse pelo menos uns 5 anos com o carro, as montadoras iam ter que se virar para esvaziar os pátios!

            • Pedro Paulo

              Particularmente uso meus carros durante 3 anos (50.000 Km em média). Depois disso não vale a pena ficar gastando com oficina. Dinheiro que simplesmente não volta na hora da troca.

    • leobsb

      Downsizing não seria motor menor com potência e torque de motor maior?
      Motor menor com potência de motor menor?

    • aichan

      os representantes das coreanas descobriram q brasileiro compra carro pela aparencia e tiraram todo o resto!

    • subzero99

      Sabe o que é o pior de tudo isso ??
      É que não é apenas KIA e Hyundai que são corresponsáveis pelas mortes no trânsito brasileiro. TODAS as montadoras fazem o mesmo!
      Simplesmente não há desculpa de um carro atualmente vir sem encosto para o banco central e falta de cinto de 3 pontos para este infeliz passageiro.
      Não fazem pelo simples fato da GANÂNCIA e por não estarem nem um pouco preocupados com nós brasileiros.

      • Dinho

        Discordo. O meu Cruze é 4 estrelas no Latin NCAP e tem o cinco, ESP, ABS, etc… E nem custa tanto assim, comparando com esse Xings aí…

      • dougkmt

        Não discordo de vc, Subzero. Mas vc concorda que no preço praticado de R$ 70.000 apenas Kia e Hyundai insistem em oferecer menos segurança que os concorrentes? Por exemplo, Cruze é caro a partir da versão de entrada, mas oferece como itens de série 3 cintos de 3 pontos no banco traseiro e o 3º encosto de cabeça, ESP, TCS, 4AB. Fluence a mesma coisa, com destaque para 6AB, com ausências de ESP e TCS.

        Hoje, i30, Elantra e Cerato são abominações do mercado e nada justifica essa economia porca de itens básicos de segurança!

        • subzero99

          Sim, mas pelo jeito que as pessoas falam, é inconcebível a falta destes equipamentos em carros de "bacanas", mas em carros "populares", ninguém reclama.

    • PONCIO PILATOS

      motor manquitola… pra um carro desse porte, não importa o tamanho "cubicagem", mas sim o conjunto, inclusive torque. Aliás, é esta que vai garantir baixo consumo, retomadas seguras e arrancadas tranquilas… quanto ao cinto traseiro abdominal, só uma coisa a dizer: se tem troxa que compra, pra que mudar? o leitor tá corretíssimo, isso é inadmissível em um carro desse porte.

      • dudupruvinelli

        É tão ridículo isso. Imagina os amercianos e europeus assistindo a essa discussão. Lá eles reclamavam de um carro de 2002 que vinha só com airbag duplo, imagina o cinto…

    • CortaFÁBULAS

      Downsizing? Sr. Gandini e Kia Motors: os senhores acham que escrevem e trabalham para milhões de alienados? Ou os senhores realmente não sabem daquilo que falam? Em primeiro lugar, downsizing não significa substituição de otites de maiores cilindradas por outros menores e menos eficientes não, ao contrário, visa substituir motores de bloco grande, dotados de alto consumo e eficiência requisitada pelo seu grande trabalho dispensado, consequentemente necessitando de muita energia envolvida, por outros EQUIVALENTES, e MAIS EFICIENTES, porém utilizando novos blocos menores que, sobrealimentados gerarão mesma potência e mesmo torque, minimamente, utilizando menos atrito, materiais mais leves, e menos consumo por conseguinte. Exemplo prático: retirara um motor V6 e dispor um 1.6 turbo, ambos com 245 cv. 5km/L no primeiro e 15km/L no segundo, além de menor emissão de CO2.

      Por fim, não vou precisar comentar que o conjunto Elantra, Veloster, Sportage, Cerato e cia são ridículos pelo que exigem e pelo que cobram, porém, compra quem quer… Indignado eu não fico, apenas as deixo mofar pois nunca verão o meu dinheiro, ou seja, é simples. Façam o mesmo: peguem os 99.000 de um elantra e comprem um Mercedes Classe A. Peguem os 120.000 de um Sportage e comprm um BMW X1, e, assim, mandem a Hyundai falida de volta para a Coréia!

    • Dinho

      Eu só compro carro após ver o banco traseiro. E é incrível como é difícil encontrar fotos na Web mostrando o banco traseiro. Eu tenho um Cruze e não aceito mais carro sem alguns itens atrás: CINTO DE 3 PONTOS E ENCOSTO DE CABEÇA PARA TODOS OS OCUPANTES, ENCAIXE DOS CINTOS DE SEGURANÇA EMBUTIDO NOS BANCOS (Não aceito encaixes soltos em cima dos bancos), DESCANSO DE BRAÇO NO BANCO TRASEIRO e DESCANSO DE BRAÇO DIANTEIRO COM PORTA-OBJETOS (Não serve o do Peugeot 308/408, que são de ônibus). Como critério de desempate, vejo qual dos concorrentes tem saída do ar-condicionado para os ocupantes do banco de trás e piso plano (sem aquela canaleta alta que atrapalha o ocupante do meio.
      Nos médio não encontrei nenhum que tenha tudo isso, mas o Cruze é o que mais se aproximou: não tem piso plano nem saída de ar atrás, mas o resto impressiona.

    • raul_M

      A resposta da kia foi ma mais ridícula que eu já vi. Eu era um apaixonado pelos carros da mais nos últimos anos, eu fui traído, se é que vocês me entendem.

    • Thiagusss

      agora vamos ter que explicar pra esses caras o que é downsizing????? quer dizer que um palio 1.0 tá seguindo downsizing??e que outros carros com motores fracos são downsizing?!
      francamente viu, além de tudo eles ainda acham (ou tem certeza) que somo ignorantes?!??!
      vai chamar de burro quem não acompanha o mercado….aqui não meu querido!!!!

    • carlos

      Realmente,
      os idiotas podem até acreditar, mas para quem sabe, downsizing é diminuição da cilindrada mas com manutenção ou até aumento da potência, normalmente usando um turbo…

    • DougSampaNA

      down…realmente..down
      menor cilindrada sem turbo e' down mesmo. :p

  • KTA

    A solução é simples: não compre.

    • thales_sr

      Não: A solução é dar chilique no NA. :P

      • tiagomeyer

        deu "chilique" no NA e teve resposta, a internet é uma arma poderosa para se fazer ouvir, quantos leitores tem neste fórum? olha quanta gente já ficou sabendo da indignação de um leitor e provavelmente vai repassar para mais gente ainda.

        • Marco

          Grande resposta que foi dada. E quanto a repassar o "chilique"… convenhamos, isso não vai ser o motivo de uma queda extraordinária nas vendas desse carros (pelo segmento em que se inserem, vendem bem – caros e, por isso, com baixo custo/benefício)).

          • dudupruvinelli

            Acho que não vai cair mesmo. Se nem com os resultados do latin ncap cairam… é engraçado até.

        • artfukr

          Realmente o cara obteve resposta, mas tenho certeza de que nenhuma atitude efetiva das montadoras será tomada…

        • rpasini1

          Até parece que a maioria que frequenta sites como o NA são possíveis compradores desses carros. E mais, duvido que por causa de um chilique desses alguém deixe de comprar um carro que já estava decidido a comprar.

      • João

        hehehehe… Também não entendi a necessidade de dar um piti. É só comprar outro carro….

        • thales_sr

          Vai ver o cara é filho do meio… Não teve atenção dos pais…. Aí tenta compensar.

    • dudupruvinelli

      Com certeza, só compra quem for ignorante.

      Adjetivo ig.no.ran.te, comum aos dois gêneros
      – diz-se de pessoa de pouca cultura
      – diz-se de quem critica algo sem conhecer
      – diz-se daquele que desconhece o assunto

      • Carlos

        Compra em tem dinheiro. Quem não tem, chora no NA.

        • satai700

          Você está no FAN CLUBE errado.

        • zeuslinux

          Compra quem tem dinheiro para jogar no lixo, né ?

          Você deve ser vendedor da Hyundai/KIA ou deve ter comprado uma bomba dessas e pagando ágio satisfeito da vida.

        • ocduarte

          Parafraseando o Exmo. Deputado Romário, tem gente que calado é um poeta!

        • Vellored02

          Eu tenho dinheiro pra comprar um KIA desses, não compro pq eu não sou trouxa e deslumbrado com meu dinheiro, enquanto tu acha que tá abafando de KIA Cerato 1.6 de 122 pocotós aqui, meu Focus dá uma corsa nesse teu carrinho de poser

      • zemarreta

        Na verdade, pelo dicionario dilmês de portugues, é ignorante no masculino e ignoranta no feminino.

        • VeioRanzinza

          Boa!

        • MDBruder

          RSrsrsrsrsrsrs SENSACIONAL!!!!!!!!!!!!!!!!!

    • r_ovidio

      Bom, comprei meu corsa 2010 completo e com cinto de 3 PONTOS na parte central do banco traseiro….estou falando de um carro 2010 e porque não, popular?

      Agora falar que a maioria dos automoveis não tem é motivo pra não colocar em seus carros também????

      Cade a competitividade???? Onde está aquela velha história de ter diferencial no mercado???? Cade o oferecer mais que o concorrente????

      • Edson Roberto

        Aqui parece que é mais bonito falar de quem reclama do absurdo do cinto de 3 pontos e ainda se torna um "piti". Ou seja, quando reclamamos, brasileiro acha que "piti" é feio.

        Bonito mesmo é gastar o maximo possível proque assim se compra o carro que não é o mais completo do mercado mas é um "Hyundai" ou um "KIA".

    • andresluzala

      Eu já deixei de comprar um carro "da marca" por me sentir literalmente enganado, porem o pior é que tem muito idiota que compra…

  • mark_v10

    bem vindo ao clube meu camarada…isso só mostra o tamanho da safadagem que as montadoras aprontam por aqui…estava pensando em trocar de carro pois estou a 6 anos com meu querido audi rs6 avant e pelo jeito continuarei um belo tempo com ele.

    • Mascarado

      Faz uma boa revisão nele e que dura uns 12 anos fácil e te garanto que será mais feliz nele do que na bosta de um carro 1.6.

    • Ainda tem a cara de pau de dizer que estão acompanhando a tendencia de motor downsizing , kkkkkkkkkkkkkkkkkkk'

  • yagogabriell

    Que resposta mais tosca, como todas as montadoras. – Maria vai com as outras é? Que vergonha! Pior ainda é uma pessoa ter dinheiro pra pagar caríssimo por um carro que, no mínimo, sem segurança; e não tem dinheiro pra pagar um bom estudo e parar de ser burro comprando essas m*****.

    • Marco_ABP

      Pois é! Em outras palavras, a resposta da KIA é "não oferecemos porque os concorrentes também não oferecem…!" É a típica defesa "não somos piores que os concorrentes". Mas também não são melhores, seus #@$%&¨$%!!!!
      Aqui no Brasil, várias teorias econômicas e de concorrência foram subvertidas. Aqui ninguém mais se preocupa em ser melhor que o concorrente.

  • JanssenJ

    Concorrência responde e é a única arma q temos, Cerato e Elantra pobres? Leva o Fluence! Essa resposta da Kia me deu vontade de vomitar!

  • oliveirajc

    Se o carro tem itens que não lhe agrada ou faltam, o melhor é mudar a escolha.

    Infelizmente a compra de carros no Brasil não é nada racional, ainda estamos comprando carro-por-metro achando que isso significa maior espaço interno, por exemplo.

    • subzero99

      O pior é: mudar para qual ??? Por que isso ocorre com praticamente todos os carros brasileiros. Praticamente as exceções ficam por conta de carros alemães e Volvo na faixa dos R$ 100 mil pra cima !

      • zemarreta

        Exatamente! Quem precisa de 7 lugares praticamente nao tem opcao com cinto de 3 pontos ali no meio, pelo menos antes de 100 mil reais.

      • Renato_Duarte

        sua pergunta é dificil responder,,,, aqui no brasil não temos concorrencia,, em nenhuma categoria,,, temos somente algumas opções pra escolher….carro de luxo é pra poucos,, infellizmente é cartel bruto e sem choro

  • Diego105

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk downsizing XD
    Coloca logo um 1.4 8v, pra ficar na na supremacia do Downsizing mundial kkk
    Que desculpa mais esfarrapada. Se fosse um 1.4 16V Turbo com uns 140-150 Cv eu até entenderia, no lugar de um 2.0. Isso é downsizing!
    Outra vergonha é o cinto de três pontos no assento do meio. Será possível que é tão caro assim?
    Esse item é disponível no Punto europeu e aqui não.
    É disponível no Fiesta Europeu e no New New Fiesta nacional não.
    Disponível no Polo Europeu (o antigo mesmo) e aqui não.
    É disponível dos Ceratos, Cadenza (!!!!!), Optima, Elantra, Sonata etc no mundo todo, menos no Brasil e talvez no Quênia, Burundi e alguma ilha semi deserta no oceano pacífico.
    E eu poderia continuar umas horas….

    VERGONHA! :@

    • Ricardo

      Meu vectra de 1999 já tinha cinto de 3 pontos no banco traseiro na posição central, vectras de 1997 já tinham também, e outros carros ainda mais velhos.
      Isso é uma VERGONHA!!!
      Seu eu fosse dar essa resposta eu teria vergonha na cara de admitir que foi corte de custos, economia porca. Vá à mer… Kia e Ruimday, nunca verão um cent do meu suado dinheirinho.

    • Paullo_Oliveira

      Até o Corsa tem cinto de 3 pontos no meio na versão Premium. Porém os mais novos, Prisma e Onix não –'

  • Ivan_Correia

    Cara, pilantragem total mesmo. O pior é a KIA querendo que agente engula essa desculpinha de downsizing….

    • Renato_Duarte

      o grande problema da KIA é que ela não quer concorrer com as 4 grandes,, por esse motivo não teremos o custo beneficio dela e as 4 grandes poderão fazer o que quizer por muitos e muitos anos

    • Ferdnandao

      Diga ao senhor Gandini que downsizing é uma coisa totalmente diferente de downpower que eles andam praticando.

  • Tosca16

    Aqui é o país onde air-bag e ABS teve que ter lei pra ser colocado, qualquer coisa que vier a mais de segurança é lucro infelizmente.

    • dudupruvinelli

      Aqui é o país onde flanelinhas são apoiados por lei e onde se vende a kombi de mais de 50 anos…

    • Renato_Duarte

      fico ate com medo desse LOBBY das montadoras ,,, fico aqui pensando ,,, no dia em que GM, VW FIAT e FORD pedirem ao governo a limitação de empresas atuantes no mercado na forma de uma licitação ao governo.
      tudo pode acontecer num governo que muda as regras de mes em mes

    • Edson Roberto

      Olha, para ter colocado mais segurança, outros países exigiram para queda de acidentes fatais.

      Mas isso não quer dizer que deveriamos ter apenas agora Air bag duplo e ABS. Deveria ter sido uma lei mais branda para deixar em conformidade ao que ocorre lá fora nos modelos.

  • Renan21

    Isso sim que é um texto de uma pessoa indignada. Mas vou explicar o porque
    O principal vilão contra nós, e amigo da CAOA é o MARKETING.
    Através dele são feitas diversas pesquisas com pessoas para saber o que procura em um carro que seja completo.
    Não é preciso falar que 90% dos brasileiro falariam: AR/ DH/ VE/ TR/ alarme, air-bag, abs e teto solar. E o principal item: Ser bonito
    Então a CAOA tirou todos os outros itens e deixou esses reduzindo seus custos e aumentando o preço porque seus carros são bonitos.

    Qualquer um pode fazer essa pesquisa.
    Vá a alguma CSS e pergunte a algum cidadão que vai comprar um carro se ele sabe o que é:
    Controle de tração; controle de estabilidade; assistente de subida e descida; Park assist; entre outros…
    Depois veja quantas pessoas sabem o que é.
    A maioria que vai comprar um carro, quer ele completo. E completo para muitos é apenas AR, direção, vidro e trava

  • daniel.a.o.

    A resposta da Kia, ou de quem trabalha nela provou não saber o que é a tecnologia downsizing.

    • Cristiano_RJ

      Sabe sim. Saber ela sabe… só finge que não para poder nos dar uma resposta estapafúrdia dessas. Acham que estão lidando com o consumidor brasileiro "médio"; ou seja, aquele ignorante que engole qualquer chaveco de vendedor.

    • Marco_ABP

      Eu não me lembro de ter lido alguma notícia de montadora que praticou downsizing de motor que não tivesse ganho de potência. Os novos motores 1.0 se equiparam aos 1.6 "antigos". Os novos 1.6 aos "antigos" 1.8 e 2.0. E os novos 2.0 aos "antigos" 2.4 e 2.5. O downsizing foi de tamanho e não de performance!
      Os caras da KIA provavelmente sabem o que é downsizing. O que eles contam é com a ignorância predominante dos brasileiros sobre o tema. E de forma geral essa ignorância sustenta o mercado tal como está…

    • Ferdnandao

      Diga ao senhor Gandini que downsizing é uma coisa totalmente diferente do "downpowering" que eles andam praticando.

  • fabioalisson

    Concordo totalmente com o autor. Essas "Coreanas" e seus respectivos representantes estão SE ACHANDO.

    Pior é a desculpa da Kia: Downsizing? Se esse 1.6 fosse o GDI ou ao menos oferecesse mais de 140cv, seria um bom exemplo de downsizing. Mas o fato é que o 1.6 é fraco, até na geração anterior. Curioso é ver que o "mesmo" Cerato, vendido nos EUA com o nome de Kia Forte, vem equipado com um 2.0 ou um 2.4, porque o Cerato 1.6 no mercado dos EUA não teria a menor chance.

    Veloster, Elantra e Cerato são casos clássicos de carros que custam MUITO mais que seus concorrentes e até mesmo que carros bem superiores. São carros ridículos.

    Sinceramente, enquanto Kia e Hyundai estiverem com essa ganância e soberba, ao invés de se preocuparem com o pós-venda e concessionárias, meu desinteresse por essas 2 marcas só aumentará. E faço propaganda negativa à quem me perguntar sobre estes carros.

  • fabioalisson

    Concordo totalmente com o autor. Essas "Coreanas" e seus respectivos representantes estão SE ACHANDO.

    Pior é a desculpa da Kia: Downsizing? Se esse 1.6 fosse o GDI ou ao menos oferecesse mais de 140cv, seria um bom exemplo de downsizing. Mas o fato é que o 1.6 é fraco, até na geração anterior. Curioso é ver que o "mesmo" Cerato, vendido nos EUA com o nome de Kia Forte, vem equipado com um 2.0 ou um 2.4, porque o Cerato 1.6 no mercado dos EUA não teria a menor chance.

    Veloster, Elantra e Cerato são casos clássicos de carros que custam MUITO mais que seus concorrentes e até mesmo que carros bem superiores. São carros que tornam-se ridículos diante desta situação.

    Uma respostas destas como a dada pela Kia Motors do Brasil, me traz a impressão de que tratam seus consumidores como verdadeiros palhaços, sem respeito algum.

    Sinceramente, enquanto Kia e Hyundai estiverem com essa ganância e soberba, ao invés de se preocuparem com o pós-venda e concessionárias, meu desinteresse por essas 2 marcas só aumentará. E faço propaganda negativa à quem me perguntar sobre estes carros.

  • brunolr

    Infelizmente o Povo paga por para ter um carro da kia ou hyundai.. o que era otimo custo x benificio delas hoje já nao vale mais a pena comprar.. acho um absurdo pagar quase 90 num veloster.. o tem o que merece por isso os carros vao sempre ser assim basicos caros..

  • Pelo menos a Kia respondeu, mas que resposta fraca. Quer dizer que se o mercado começar a vender carro sem volante a Kia vai seguir a tendência de mercado e fazer o mesmo? Que bizarro! A marca ficou conhecida por oferecer mais por menos, agora resolveu que já é marca premium no Brasil. Lamento dizer, mas ainda não Kia. Nos Estados Unidos e Europa a marca continua a mesma Kia de antes, só que com produtos mais atrativos visual e tecnicamente, e com preços abaixo dos concorrentes tradicionais. Acho que o Brasil é o único país do mundo que um Kia ou Hyundai custa mais que um Ford ou Toyota. Lamentável.

  • Eduardo U.

    Para mim o problema continua sendo o governo q protege o mercado interno e tira a competitividade do mercado. Fazendo com q montadoras tenham q capar tudo pra continuar a ter um preço altíssimo.

  • VeioRanzinza

    Eu não vejo nenhuma necessidade de ter cinto de tres pontos no banco traseiro central, pois eu nunca utilizo a total capacidade de passageiros do meu carro, no máximo 4. Para mim, nao precisava ter o cinto central atrás.

    (My opinion only, muita gente usa o carro para transportar 5)

    • yagogabriell

      Tudo bem.
      Mas a questão é: Por que não ofertam o cinto de 3 pontos central aqui, já em outros países é "normal"?
      E se a montadora se vangloriza dizendo que o carro cabe 5 passageiros, cadê a segurança do 5º?
      Por que um carro tão caro não possui uma coisa tão simples?
      São essas as questões que mais intrigam quem conhece realmente o mundo automobilístico.

    • Ricardo

      compre um Versa!A respeito do cinto no meio é muito importante sim a cadeira do meu Bebê vai no meio do banco com o cinto de três pontos Muito mais seguro do que na lateral!

    • MajorAutomotivo

      E se o seu quarto ocupannte resolver ir sentado no meio do banco traseiro?

      • VeioRanzinza

        Ele nao vai.

    • Bran

      Entao vamos tirar os airbags tb, pois em 9 anos de CNH nunca precisei usa-los…

    • Marco

      Baita egocêntrico que só pensa nele mesmo. É questão de prevenção: pode sentar alguém naquele lugar? Pode. Então ele deve ser tratado da mesma forma que os outros: cinto de seguranção de três pontos. Deve pensar sobre o air-bag: os dos meus carros nunca abriram, por isso poderia nem estar ali. Nem fixações isosfix. É tua opinião ser desnecessário o cinto de três pontos central, mas que é pensar apenas no próprio umbigo, é.

      • adolfofrota

        sem falar que deve ser uma mixaria para as montadoras a colocação desse cinto. Contenção de despesas para um ítem tão barato? Isso é economia porca e sem vergonha!!

        • dougkmt

          Que existe economia porca em detrimento da segurança dos carros atuais, com certeza. Mas isso, pra montadora, é chamado de maximização de lucro, Adolfo. Supondo que o custo de produção do carro seja X com o cinto de 3 pontos para os 3 ocupantes. Se vc trocar pelo cinto de 2 pontos para o ocupante do meio vc economizará R$ 15,00.

          Se vc tem produção mensal de 20.000 carros, a economia será de:

          20000 * 15 = R$ 300.000

          Se a produção mensal for de 200.000 carros, a economia seria de R$ 3mi. Não é algo para se pensar?

          • adolfofrota

            Sei disso, dougkmt, o problema é que não vemos esse tipo de maximização de lucro em mercados mais evoluídos. O problema é que um item tão básico deveria ser obrigatório, além do fato de que os empresários poderiam ter um mínimo de preocupação em valorizar a segurança dos clientes e potenciais clientes.

            • dougkmt

              Eu não ia responder, mas vou deixar registrado senão fica parecendo que sou diretor/CEO de alguma marca por aqui, rs.

              Concordo totalmente com vc, mas nesta ânsia pelo lucro as montadores não dão valor pra segurança, tecnologia, eficiência energética, etc. Um item básico como o cinto de 3 pontos fica ausente na grande maioria dos compactos e alguns modelos médios. É lamentável!!

              • adolfofrota

                eu nem pensei nisso, seu comentário foi mt sensato e realista. Sei que o importante para qualquer empresa é o máximo de lucro com o mínimo de recursos, mas têm certas coisas que se tornam inaceitáveis, ou será que o europeu/americano vale mais do que o brasileiro?

                • Edson Roberto

                  Na verdade eles não valem mais, eles EXIGEM mais. E é por isso que possuem mais itens nos carros deles…

      • VeioRanzinza

        Amigo, não sou egocentrico………. muito pelo contrário…….. apesar de ter meu carro com especificação legal para 5 passageiros, homologado, só uso no máximo quatro(e tiro a maior eficiência da segurança do meu atual veículo, com 9 airbags). E disse que sim, reconheço, muitas pessoas utilizam os veículos realmente para cinco passageiros. Eu acho que as montadoras poderiam SEMPRE ofertar o cinto de segurança no assento traseiro central de 3 pontos como opcional, e não PODAR o consumidor de ter mais segurança com uma solução tão simples.
        Mas fique à vontade para discutir minha opinião, só não me julgue sem me conhecer.

    • Edson Roberto

      Veio,
      Eu acho que tem que ser pensado pelo valor pago. Se pagamos caro, no minimo é ter itens que estejam em conformidade com os demais mercados. O que pode não servir a vc, pode servir ao outro dono. O importante é ser um produto justo.

  • vini_B

    Só quero ver a resposta oficial da Hyundai-CAOA – isso se tiver.

    • Michel

      Resposta para o consumidor, "deixa pra lá".

  • Gustavo73

    Como fazer um downsizing de maneira correta, visando eficiência energética:
    Golf Hiighline Bluemotion1.4 TSI -1.288 Kg, injeção direta de combustível e turbo de geometria variável 140 cavalos e torque de 25 Kgfm disponível a partir de 1500 RPM, acoplado a uma caixa de transmissão automática DSG de 7 velocidades de dupla embreagem.de 0 a 100 Km/h em 8,4 segundos, para atingir uma velocidade máxima de 212 Km/h. Com sistema de desligamento de cilindros.
    Sim o carro é só um 1.4, mas tem desempenho melhor que qualquer 2.0 16v DOHC e é mais econômico

    • dudupruvinelli

      Temos como grande vilã a tecnologia flex… quem compra carro turbo hoje no Brasil, obrigatoriamente deve abastecer com V-Power, caso contrário terá problemas a longo prazo.

      • Gustavo73

        Dudu sei que vc não gosta. Mas não acho que o problema seja o carro ser flex. Na Europa a Bentley tem o Supersport com injeção direta e turbo que roda com E85, a Audi oferece em alguns países o A4 2.0 tsi de 180cv que tb roda com E85. Nos EUA o Focus usa uma atualização do Duratec, tb com injeção direta e que roda com E85. Veja que eles não rodam com E100 ( etanol"100%) pq lá não existe a venda nos postos. E duvido que estes carros tenham algum problema.
        O nosso problema é a péssima qualidade da nossa gasolina. Se investiu muito na prospecção e na "auto-suficiência" de petróleo, que só aconteceu por alguns meses. E nada em refinarias. Nossas refinarias são velhas e foram em sua maioria criadas para refinar petróleo"leve" vindo do Oriente Médio. O nosso petróleo é mais "pesado" e necessitaria de outras tecnologias para refiná-lo. Como isso não foi feito a gasolina têm baixa qualidade, lembro bem dos elogios que meu pai ainda faz da Gasolina Azul(que era produzida aqui). Infelizmente o nosso governo gosta de cobrar e jogar a responsabilidade para os outros. Então enquanto ninguém resolver isso poderemos ter os problemas por vc citados.

    • dudupruvinelli

      Será que é o bluemotion que vai vir pra cá? Quero muito esse carro… ainda mais se chegar com o cambio de 6 marchas manual.

  • Gabriel_Nint

    Não, o Cerato estaria fazendo parte do downsizing caso fosse um 1.6 turbinado, com potência de 2.0 e torque bem alto, como os 1.6 turbo da PSA/BMW.

    Esse 1.6 foi colocado lá só para ser mais barato pra importar e pagar menos imposto, o que não quer dizer preço mais baixo, muito pelo contrário.

  • klpp

    Que bela resposta hein Sra. Kia (ironic mode on)
    "somente o assento central do banco traseiro não conta com cinto de três pontos". Como assim SOMENTE? WTF?!?! tem a cara de pau de escrever isso
    "há uma tendência mundial de downsizing de propulsores". Desde quando só diminuir a capacidade cúbica do motor é fazer downsizing?
    "como ocorre na maioria dos automóveis comercializados no mercado brasileiro" Sem comentários………
    Dúvido que a CAOA se manifeste.

  • AF1979

    Só para verem como é o interior do veículo em questão nos EUA:

    <img width="700" src="http://sphotos-a.xx.fbcdn.net/hphotos-ash4/p480x480/426150_10151433931529771_149951595_n.jpg"&gt;

    Sim, lá tem cinto de três pontos no lugar central.

    • Anderson

      Isso para mim quer dizer uma coisa: para essas montadoras a vida de um americano ou de um europeu vale mais que a nossa!! pois então que vendam seus carros só lá…

      • zeuslinux

        E vale mesmo. Olha só o quanto o governo investe na educação e saúde de um brasileiro e compare com a de um americano ou europeu.

        Infelizmente a grande maioria dos brasileiros é pobre e o pensamento dos mais miseráveis aqui é o seguinte: "faço uns 14 filhos para vingar uns 7". É a estratégia de animais inferiores, que botam milhares de ovos para alguns poucos vingarem.

        Somos ainda uma colônia de exploração, e exploração do pior tipo. Agora as potências coloniais nem precisam colocar seus exércitos aqui ou usar a escravidão para nos forçar a trabalhar para eles. Fazemos isso espontaneamente, em troca de salários baixos, rendimentos pequenos e pagamos mais caro por tudo o que vem da "metrópole". O Brasil continua a ser um grande fazendão e área de mineração. As maiores empresas continuam sendo estrangeiras e continuamos sem saber fabricar carros, uma invenção do final do século 19.

    • 4lex

      país sério, mercado honesto (regras claras) é tratado assim: com produtos de qualidade superior..

      já que a bananalandia nao é um país sério..

    • KTA

      Linda foto! deve ser material de divulgação da própria montadora.

      Isso mostra que, mesmo sendo um produto importado, ainda existe a filosofia que considera o Brasil um país de segunda categoria de consumidores, então pode mandar para lá produtos de qualidade inferior que eles não vão se incomodar.

      A solução é boicotar, mesmo!

    • dudupruvinelli

      Dá pra notar também o símbolo do airbag de cortina na coluna do motorista e a etiqueta do airbag no banco do carona.

      • Edson Roberto

        E o simbolo do isofix nos bancos traseiros.

  • Landrutt

    Não sabia que o novo Cerato não possuía cinto de três pontos e apoio de cabeça para o passageiro do meio. Absurdo. O que intriga é o fato de o Picanto, mesmo em sua versão de entrada, possuir tais itens de série embora levar três pessoas "normais" no banco traseiro dele seja uma tarefa quase impossível…mas está lá.

    • dougkmt

      Não sei ao certo sobre as versões do Cerato, mas a foto mostra o cinto de 2 pontos para o ocupante do meio e os 3 encostos de cabeça. Então o que falta é "somente" o cinto de 3 pontos para todos os ocupantes, Landrutt.

    • dudupruvinelli

      Foi esse fato que me inspirou a escrever o "piti" como alguns disseram.

  • Viníciusk

    "A Kia Motors do Brasil…esclarece que somente o assento central do banco traseiro não conta com cinto de três pontos, como ocorre na maioria dos automóveis comercializados no mercado brasileiro."

    E isso lá é resposta que se dê? Sério, essa Kia e Hyundai tão começando a descer no meu conceito cada vez mais…

  • TacodeSinuca

    É só mais uma empresa no Brasil fazendo brasileirisse…. Normal…. Lixo sendo lixo

  • JPaulo10

    Os veículos da ford (new fiesta, ka, velho fiesta) e da GM (Sonic, Cobalt) possuem enconsto de cabeça e cinco de três pontos para o passageiro do meio? A VW equipa o Fox com o cinto detalhado acima?
    Eu procurei no site da ford se o nf tem esses equipamentos, mas não os encontrei discriminados, como também entre os fanáticos que repetem como papagaio a lista de itens noutros sites. E estranhamente, não vi em nenhuma publicação/site uma foto sequer do banco traseiro.
    A indignação não teria que ser endereçada também a essas montadoras, nesses mesmos termos?
    Eu achei o texto bem radical sem ter parâmetros imparciais. Cerato é uma aberração por causa do preço? Ele paga 35% de IPI, enquanto o ford fusion nos chega a R$ 103 mil (oficial, claro) com ZERO de imposto. Nesse sentido, não é ele mais aberração do que Veloster?
    Dudupruvineli, sem nenhuma ofensa ou agressão, seu texto ficou bastante parcial.

    • Vinícius

      Em partes sim. Mas, o que ele quer dizer é que esses carros (cerato e outros) são muitos caros pra não ter cinto de 3 pontos no meio do banco traseiro. È claro que esses carros que você citou, assim como todos os outros, mesmo os populares, deveriam vir com o encosto e o cinto no meio do banco traseiro, mas como são carros mais baratos, as pessoas engolem assim mesmo. Já a Kia com seus carros.

    • Gustavo73

      JPaulo desculpe, mas parcial é o seu texto.
      Para justificar ou defender o Cerato que custa a partir 70 mil reais, coloca no comparativo o Fox que custa a partir de 30 e o NF que chega no máximo, e muito mais equipado que o Cerato 54 mil reais. Sim o Cerato paga o imposto de importação e o Super IPI, mas o modelo anterior tb pagava e custava 10 mil reais a menos sem promoção. Em nenhum lugar do mundo o Novo Cerato aumentou tanto quanto aqui. Sim existe foto do banco traseiro do NF e várias pessoas inclusive o dudu criticaram a ausência do cinto e encosto central.O Veloster é uma aberração porque o nosso é muito mais simples que em qualquer lugar e custa os olhos da cara. O Fusion parte de 92990 e não de 103 mil. E seu preço é esse simplesmente pq seus concorrentes tb são tão caros quanto e oferecem menos. A Hyundai e Kia simplesmente jogaram o preço de seus carros nas alturas e não oferecem mais por isso. Muito pelo contrário. Mas na Europa estão sendo acusadas de Dumping. Isto é lá fora vendem por menos que a concorrência, e aqui vendem por mais.

    • dudupruvinelli

      Eai, JP? Tudo bem? Escolhi elas por que são as únicas que possuem um modelo de entrada (picanto) completo e os modelos mais tops (menos completos). O exemplo é o picanto, que vem com 6 airbags, cinto e encosto do meio, enquanto o cerato, muito mais caro, não. Abraços.

      • Cristiano_RJ

        Beleza dudupruvinelli. Gostei de sua mensagem indignada. Também acho um absurdo injustificável. Pior do que tudo foi a resposta fanfarrona da Kia… Mas gostaria de lembrar que esse absurdo também ocorre com o Lancer, mas a grande maioria ignora esse fato e baba o ovo do Lancer por ser um modelo "bonitão".

        • dudupruvinelli

          Valeu.. com certeza. O lancer não foge disso também… aliás, é raro um modelo "perfeito".

      • JPaulo10

        Gustavo, não sou parcial, porque critico as outras montadoras também não oferecerem os equipamentos de segurança citados no post. Não é questão de preço, mas de desleixo delas todas. Um Fox custa, sim, R$ 50 mil (equipado com os opcionais de costume) e não oferece cinto traseiro de três pontos. Esse é o assunto.
        Eu critico o fusion por causa da isenção que a ford tem, ao contrário da Kia. R$ 93 mil diante de US$ 22-25 mil nos EUA é um abuso da ford. Não é justificativa aceitável "custa caro porque os outros também custam", assim como não é justificativa roubar porque o vizinho roubou antes.

        O Cerato foi muito bom custo-benefício de 2008 a 2011, quando competia em preço com new fiesta e outros. Eu mesmo não pagaria R$ 71 mil num AT quando eu hoje acabei de ver um Peugeot 408 THP (turbo 1.6 BMW), zero km., branco ou vermelho, completo-completíssimo-nada a acrescentar, por R$ 73 mil. Muuuuuiiiiiiiittto mais carro que o Cerato.

        Acho mesmo que a Hyundai – nos seus importados Veloster e Elantra – diz assim: "se quiser comprar um carro diferente e bonito, pague o preço". Não existe qualquer custo-benefício neles (nem sei se ela QUER que eles tenham CxB).

        Talvez a Kia melhore quando vier para o Brasil.

      • JPaulo10

        Dudu, Faz tempo que não vejo o Picanto, nem mesmo o site da Kia. Seus veículos perderam o custo-benefício.
        Só achei que a crítica deveria ser extensível às outras montadoras.
        Tem equipamentos que não sei porque as montadoras não colocam, coisas simples, baratas. Acabei de ver um Peugeot 208, fazer um test-drive nele: não tem justificativa a Peugeot colocar vidro elétrico traseiro somente na versão top de R$ 56 mil.
        Abraços,
        PS: Entre um C3 e um 208, achei o Peugeot melhor.

        • zeuslinux

          O Picanto perdeu totalmente o custo-benefício, ainda mais depois que o HB20, com o mesmo motor, foi lançado.

          A KIA, se não abrir o olho e não produzir no Brasil em conjunto com a Hyundai, vai sair do Brasil de novo. Aliás, não vejo razão nessas marcas irmãs que compartilham quase tudo, como Hyundai-KIA e Peugeot-Citroen. Pelo menos a PSA tem fábrica no Brasil e compartilha a fábrica.

  • Felipe

    Acho estranho o fato da presença constante de críticas contra as outras marcas e a VW ficar sempre de fora. É o cinto de três pontos que falta, o motor fraco, a qualidade do acabamento, a ausência de um determinado equipamento no carro das montadoras rivais… Enquanto isso, a Amarok tá rompendo a correia dentada (!) com 5.000 km. Alguma notícia a respeito?

    • phaelrj

      cara….vc tah falando besteira…..aqui acredito que todas as marcas são criticadas….as duas unicas que apanham pouco são honda e toyota….que eu não acho issso td q falam……agora…do q vc criticou ae a vw só concordo com ausencia de alguns equipamentos em determinadas versões…eles cobram mt caro….

  • tmz

    A Kia falou, mas não disse nada!!!
    É um absurdo mesmo, um carro desse porte não vir com cinto de 3 pontos!!!!
    Se o povo se preocupasse com segurança, muitos carros não venderia nada!!!

  • Bittencourt

    Que revolta, caro Eduardo…
    Se você (como eu) acha um absurdo os lançamentos não terem o cinto central de três pontos + apoio de cabeça, NÃO COMPRE!!!
    Compre um que tenha e espalhe o motivo da compra pros amigos, familiares, blogs e revistas automotivas…é assim que mudamos as coisas!
    Um abraço.

  • Jrbh

    No hospital onde trabalho ja atendi dois pacientes que ficaram tetraplegicos ,so pela falta do encosto do meio . A empresa economizou alguns trocados.
    E os coitados ficaram tetra .e o povo ainda compra estes carrros e o nosso congresso permite esta lei monstruosa por obviamente interesses…este
    É o brasil

  • gcarlos

    Pelo visto o cara é chegado a uma Huyndai, mas,é simples o Hyundai encontrou no mercado (brasileiro) clientes deram um certo STATUS para a marca. q não visto assim em nenhum país. E ela sabiamente está se aproveitando pra lucrar um pouco mais ainda. A solução é simples NÃO COMPRA, mas com certeza outro comprarar e vai achar q está no veículo a altura de BMW. Mercedes…..

    • 3ic

      o pior que quem geralmente baba ovo das coreanas malha as francesas alegando que os veículos são frágeis…vai entender

      • Cristiano_RJ

        É mesmo? Nunca observei isso. Pelo contrário. Normalmente quem malha as francesas dizendo esse tipo de clichê são os mesmos que acreditam em outros paradigmas, como "carro é alemão", "carro japonês não quebra", etc. O que observo, é que aqueles que migraram de suas antigas marcas para as coreanas, são justamente aqueles abertos a novidades. Aqueles que aceitam arriscar experimentar o novo. Seja coreano, francês ou marciano.

        • 3ic

          pode até ser ( nunca reparei pelo menos), mas repara bem nos próximos posts…
          Vou passar a reparar tb no que vc citou.
          abraço

  • Felipe

    Todas as montadoras pouco se importam com a segurança dos seus carros, vide Classic, J3. Elas só querem mesmo é vender. O pior é essa desculpa de downsizing, eles nem têm conhecimento de tal tecnologia.

    Um absurdo todas as versões terem cinto subabdominal, muitos carros do segmento médio já tem esse item: Corolla, Civic, Fluence, Cruze, Focus, Vectra, entre outros.

  • paulluis

    Essa é aquela velha promoção ao contrário: pague mais e leve menos…

  • zeuslinux

    Ontem estava no dentista esperando a consulta e acabei lendo uma revista Veja de algumas semanas atrás (não muito antiga). A maioria das propagandas de página inteira eram de automóveis. Destas, a grande maioria eram de carros Hyundai e da KIA.

    Pois é, uma destas propagandas falada do novo Cerato e, pasmem, tinha a cara de pau de dizer que o Cerato tinha o motor MAIS POTENTE da categoria !!! Só se for da categoria de carros médios com motor 1.6 e acho que nem isso é verdade.

    Downsizing é colocar um motor de cilindrada menor mas tão potente ou mais potente do que o motor anterior de maior cilindrada. Reduzir torque e potência de motor numa nova versão é downsizing para otários.

    • Anderson

      Na propaganda do i30 idem; `o motor mais potente da categoria´!!! ??? aff

      • zeuslinux

        Você viu também essa propaganda, né ?

        Eu falei Cerato acima mas agora fiquei na dúvida se era o novo i30, já que o motor é o mesmo e nesse Veja havia várias páginas com propagandas dos modelos da KIA e Hyundai. Posso ter visto a do novo i30 mesmo.

    • 3ic

      mais potente da categoria que declara sua cavalaria pela norma SAE..kkkk ou seja, so as coreanas e chinesas….Kia, toma vergonha e faz como a concorrência e declara pela a ABNT como o restante faz. Há sim, esqueci que os pangares vão para 108 cv e não ira poder falar que é o mais potente 1.6 da categoria.

  • zeuslinux

    Mas infelizmente brasileiro só liga para design e status perante seus parentes e vizinhos e por isso vão continuar comprando Velosters, Ceratos e tantos outros pagando caro e/ou andando com carros submotorizados, mas BONITOS e que aparentam para o vizinho que custam caro.

    • eliaslh

      e eu vou continuar ultrapassando os velosters com meu fiesta 1.6 manco 2011 sedan =) que paguei 35k.

  • Neanderthal_Man

    Ao falar de downsizing, a KIA peca de um jeito ou de outro.
    Se não sabe o que é demonstra ignorância.
    Se sabe o que é demonstra pilantragem.
    Perderam uma bela oportunidade de permanecer em silêncio.

    • Cristiano_RJ

      Ignorância não. É pilantragem mesmo.

  • Neanderthal_Man

    Quanto ao encosto de cabeça e cinto de 3 pontos traseiro central (ou falta deles), deveriam oferecer um console central traseiro com porta-copos. Pois se não tem cinto de 3 pts. nem encosto de cabeça para mim é um 2+2. Não dá para levar 5 passageiros.

  • Fer P

    a solução é simples deixem de comprar essas bombas ambulantes e compre GM cruze e cruze sport6 e sonic hatch e sedan

    • Michel

      kkkkkkkkkkkkkkkkk, passo…

  • Rods

    Só discuto preços aqui… no site, com os "broders"…..

    Na rua, não dou um pio… Por que não adianta, e ainda passo como chato.

    Já deixei de frequentar inúmeros locais por conta disso… Preço alto e péssimo serviço.

    Acho que o leitor deveria fazer o mesmo. Procurar um carro, que ofereça o cinto no "meio" e pronto…. Se estressar poque a Caoa de !@#$%& não oferece, só o deixa nervoso e frustrado…. Isso gera uma coisa ruim… Um sentimento ruim dentro de si próprio… Pois é uma situação que o deixa impotente para realizar uma contra medida….

    Infelizmente…..

  • OPJ

    Pelo menos a Kia teve a boa educação de responder,enquanto a CAOA não tá nem aí.

  • Roger

    Acontece que as pessoas não ligam, meu vizinho é um cara rico, com muito estudo, com vários carros, comprou uma tucson para o dia a dia, para ele o carro tem tudo, é " completissímo " e chegou a dizer que tinha ESP, controle de tração, o que na verdade não tem, tem apenas 2 airbags e abs. Ele até sabe o que é, pois tem uma Santa fé, mas no mínimo o vendedor o enganou ou ele acreditou que teria, já que pagou 65 mil reais, o que convenhamos, nem é tão caro pelo veiculo, já que por esse valor apenas leva ecosport ou duster.

  • Eduardo U.

    A CAOA em nada toca no lucro da Hyundai excluindo o lucro das CCS HMB da CAOA. Então não faz sentido sua colocação.

  • guga10x

    quem deveria regular o mercado é o consumidor, ou seja, comprar apenas produtos com condiçoes minimas de segurança, carros menos poluentes, etc. O Grande problema é que – infelizmente – ainda temos um nivel cultural muito ruim onde impera a lei de Gerson e todos querem levar vantagem. Prefeituras e grandes empresarios que deveriam dar o exemplo, compram o que há de pior no mercado, muitas vezes com negociatas corruptas e duvidosas,
    Como nós, os consumidores somos corruptos e estúpidos, o governo tem que regular o mercado com leis e exigencias que deveriam ser minimas. E este fato, de o governo intervir tanto no "livre" mercado, afasta investimentos mais sérios e pesados no pais

  • Fabiano

    Primeiro vai se informar amigo. A Hyundai tirou da CAOA a venda do HB20, a CAOA só vende os importados e o HB20 é vendido por outras concessionárias licenciadas pela Hyundai que só vendem os nacionais (HB20 Hatch, HB20X e HB20 Sedan). Agora o que está acontecendo é que o senhor Carlos Alberto de Oilveira Andrade está comprando concessionárias que podem vender o HB20 por fora, mas por enquanto são poucas porque de bobo o cara só tem o jeito de andar além de ser um pilantra. A intenção da Hyundai é passar a ter vida independente da CAOA e já está começando por aí. Pelo que um vendedor da Hyundai nacional me passou, provavelmente o IX35 passará a ser nacional e será mais um a ser vendido por essas novas concessionárias.

    • Rafael_rec

      Não é isso que eu vejo. Todo dia vejo as cegonhas chegando de Piracicaba descarregando HB20 no pátio depósito das concessionárias CAOA em Recife. A CAOA está recebendo os carros da fábrica como qualquer outra concessionária Hyundai.

  • Cesar

    Um povo que não luta pelos seus mais básicos direitos, como saúde, educação e segurança e vocês querem que seja diferente com as montadoras. O brasileiro tem o que merece, produtos de má qualidade a um preço maior. Nunca seremos 1° mundo com um povo omisso e ignorante.

    (Complexo de vira-lata)

  • Gustavo

    Todos nós devemos mandar reclamações a Hyundai e Kia, pois ficar dizendo isso aqui não vai adianatar de muita coisa. Eu mandei a seguinte mensagem a Hyundai Motor Brasil, reclamando dos preços altos:
    "Oi, quero parabenizar vocês pelos produtos que estão oferecendo no mercado brasileiro. Só espero que quando a família hb20 for vendida na Argentina ele não seja mais barato do que aqui no Brasil! Por favor não façam essa desfeita! Até por que hb20 é um carro feito pro mercado brasileiro, certo?
    Eu realmente esperava que vocês fossem revolucionar o mercado, que o hb20 seria vendido a preços justos. Mas vocês também fazem como as outras, com margens de lucro abusivas. Eu espero ansiosamente o dia em que as pessoas lutarão pelos seus direitos, e não aceitarão ser exploradas.
    Desculpe se minha mensagem agrediu vocês, não foi minha intenção, mas é a verdade, ou vão negar?
    Me respondam uma pergunta, qual é o motivo que levam vocês a fazerem isso com a gente?
    Obrigado pela atenção!
    Gustavo Henrique"

    Obs.: Ela ainda não respondeu.

  • Anderson

    Certa vez estava negociando um 308 para minha esposa e o vendedor me fez a seguinte pergunta:
    o que o Sr mais valoriza, em especial, num um carro?
    Logicamente que, dependendo da minha resposta, ele iria alardear com as vantagens do carro em questão.
    A minha resposta foi: em especial, NADA. Mas no conjunto, TUDO; portanto, se quiser vender o teu peixe pode descrever o carro de cabo a rabo. É claro que eu já sabia muito mais sobre o carro que o próprio vendedor, mas é apontado os pontos fracos de um carro que gente consegue bons descontos.
    Após 3 semanas de negociação (sendo que eu nunca liguei, sempre esperei o vendedor ligar) consegui baixar o valor do carro em R$ 4mil, e valorizei o usado da patroa (fox) em R$ 2mil. E por fim, desisti da compra e optei por um fluence na pessoa jurídica, cujo preço se torna imbatível.

    Simplesmente não entendo como as pessoas se deixam enganar e perdem tanto dinheiro na compra de um automóvel. As vezes a mesma pessoa que reclama para comprar um remédio que não tem no SUS, ou reclama da escola pública!!

  • carloscout74

    vou é comprar um VW UP com motor 1.0 de 3 cilindros.

    tomara que samerda faça pelo menos 18 km/l.

  • jnasser

    Vergonhoso, o Corolla em 2000 já tinha cinto de segurança de três pontos para todos os passageiros……

    • dudupruvinelli

      E agora não tem mais na versão de entrada. Assim como o apoio de cabeça e freios abs. E custa mais de 60mil

      • Cristiano_RJ

        Pois é, companheiro. O relato desse jnasser só demonstra o quanto nós brasileiros de um modo geral somos ignorantes. Há muitas crenças e meias informações. Entendi e corroboro o objetivo do seu texto: quem sabe alguém o lê e sai da matrix. Só insisto que nessas ocasiões vale ser o mais geral possível, para evitar demonização de uns e congratulação dos não citados, como o próprio Corolla ou o Lancer que eu comentei acima.

      • jnasser

        Tonto quem comprar.

  • anderson_sp

    Não compra Hyundai, compra outra marca oras, tem tantas opções no mercado com custo benefício maior e fica dando "pití" como se os responsáveis da CAOA fossem ler e se sensibilizar com a situação.

    • dudupruvinelli

      Mas é claro que eu não vou comprar. Tantas opções? Eu não acho. Ainda não temos nem golf, nem focus, nem megane hatch. O texto não procura sensibilizar os responsáveis da CAOA, mas quem eventualmente procure informações sobre o carro e acabe caindo aqui nesse excelente blog e lendo esse texto.

      • anderson_sp

        Fico imaginando como é difícil pra pessoa ter que escolher entre um Fusion Duratec por R$ 92.990 e olhar para um concessionária Hyundai e ver que por pouco mais caro que isso ele leva um "Magnífico, extraordinário, magnânimo e supremo" Elantra por R$ 96.386, um carro do porte do Civic e Corolla que chega a custar absurdamente BEM mais caro que eles, a CAOA só está colhendo os frutos da época do i30 que veio com custo benefício e hoje goza de certo prestígio para enfiar a faca e extorquir compradores dos seus carros, vendendo com pseudo status e muitas vezes se botando no mesmo patamar das marcas de luxo alemãs, eu sinceramente não tenho pena nenhuma da situação, compra carro dela quem quer e se compra é totalmente conivente com a situação de exploração dela aqui no mercado.

        • dudupruvinelli

          Pois é… o meu medo é que essa moda pegue. E, de fato, está pegando. Acho que o fit twist (motor 1.5 ainda por cima) custar mais de 60 mil é tão absurdo quanto um elantra custar mais 90 mil. Os preços estão cada vez mais altos, eles colocam o que as pessoas estão dispostas a pagar.

  • 4lex

    se pegar uma revista de 2002/3 (qr, autoesporte, mtr show) é de surpreender o "downsizing" na qualidade dos carros brasileiros, em especial, dos compactos (clio com ab2, gol glll ,206 )..

  • carloscout74

    quem vende o HB20 é a própria Hyundai e não a CAOA, que eu saiba

    • Cristiano_RJ

      No afã de registrar seu mimimi (i.e. o dele), vale tudo…

    • Rafael_rec

      O que mais tem aqui é HB20 nas lojas da CAOA. Não importa quem venda, no fim o lucro vai todo mara o mesmo lugar, ou seja, Hyundai Motor do Brasil.

      • MercedesSqn

        Deixa a galera comprar HB20 achando que não está dando lucro para a CAOA… Ahan Cláudia senta lá!

      • Fabiano

        Aqui em Blumenau-SC a CAOA levou uma multa pesada por estar vendendo HB20 sem autorização, ela estava trazendo de uma concessionária de Florianópolis-SC que pode vender os HB20 e vendendo na CCS de Blumenau. Eu sou cliente da CAOA de Blumenau de um carro importado e consultei para comprar um HB20 e eles disseram que não podem vender e me passaram o telefone da nova concessionária que não é do grupo deles e sim do grupo Barigui que não tem nada a ver com a CAOA. A CAOA tem algumas concessionárias que podem vender HB20 pois são novas concessionárias que foram abertas pela Hyunday para a venda dos carros nacionais que por hora somente tem todos os modelos do HB20. Com certeza no final o lucro vai para a HMB.

  • Eric

    O Peugeot 208 Griffe tem encosto de cabeça e cinto de 3 pontos para o 5º passageiro, e o Active e Allure tem cinto de 3 pontos mas sem o encosto de cabeça.

    • Gustavo73

      Sim e neste caso ele é melhor que a maioria dos compactos. O NF não tem nem o encosto e nem o cinto de 3 pontos em nenhuma versão, o mesmo com o Punto…

      • dudupruvinelli

        Ridículo eles terem tirado isso. Mudaram também o formato dos apoios de cabeça (demorei para achar as fotos do banco de trás do fiesta).

        <img src="http://imageshack.us/a/img707/2095/cinto3.png"&gt;
        <img src="http://imageshack.us/a/img32/1158/cinto2.png"&gt;
        <img src="http://imageshack.us/a/img845/7199/cinto1.jpg"&gt;

        • Gustavo73

          Tb achei ridículo. Muito pior que a troca do plástico do painel. A mudança do desenho acho positiva, porque parece que o antigo atrapalhava e muito a visão à ré. Que já não é boa pelo desenho do carro, tanto que o novo tb ganhou sensores no para-choque, e outro ponto positivo ganhou controle de tração além do ESP. Mas retirar o encosto e o cinto cetral foi uma mancada. Mesmo que este novo tenha 2 posições do isofix…

        • Edson Roberto

          A dureza inclusive é ver que existe o mesmo formato no centro do banco traseiro. Ou seja, redução de custos.

  • zemarreta

    O cinto de 3 pontos ali no meio e extremamente importante para quem tem filhos pequenos. Sem o cinto no meio, as cadeirinhas ficam nas pontas do banco, dificultando a entrada de um terceiro pax ali no meio.

    O ideal e colocar as duas cadeirinhas juntas, uma delas no cinto de 3 pontos domeio, para permitir q o terceiro pax possa entrar e sair com facilidade.

  • Id_Moreira

    Sedãs médios mais antigos, e na iminência de mudarem, como o Sentra, têm o cinto de três pontos para o passageiro do meio e opções de até seis airbags; um lançamento sem esses itens é inadmissível nos dias de hoje, ainda mais pelo preço acachapante dos coreanos da dupla kia-hyundai.

  • roger

    Concordo com o leitor….eu mesmo seria um cliente em potencial pra o novo elantra…mas com este motor e neste preço…só bobo

  • Edu_SBC

    Eles nos vendem esses carros assim (caros e depenados) porque perceberam que no Brasil muitas pessoas não estão nem aí para determinados itens de segurança que deveriam vir.
    A maioria compra um carro desses para se firmar em uma determinada classe social (o famoso "mostrar pro vizinho") e que se dane se fez um bom negócio ou não, o importante é mostrar o que ele é capaz de comprar.

  • Daniel_Schmitz

    Só pq os outros não usam? Que desculpa mais fraca…. Podia ser um diferencial então… Cadê o marketing dessas empresas ? Poe o cinto e mais 200 reais na conta do carro…

    • MercedesSqn

      O marketing já esta ocupado criando o slogan "O melhor cinto de dois pontos, DO MUNDO!!!"

  • Nils

    Uma coisa é certa se praticassem o preço correto: não dariam conta da demanda. Sedã médio é carro popular em países como EUA, a solução é produzi-lo no Brasil

  • jeisonk

    É muita falta do que postar colocar uma matéria idiota destas no ar.

    • canino_preto

      Se a matéria é idiota vc deve ser a personificação do termo!

      • jeisonk

        Ui, ficou mordido? Vai achar o que fazer biba.

  • Gustavo73

    Desculpe mais uma vez JPaulo, mas veja oque vc escreveu:
    "Acho mesmo que a Hyundai – nos seus importados Veloster e Elantra – diz assim: "se quiser comprar um carro diferente e bonito, pague o preço"", mas se a Ford faz o mesmo ela está roubando. Sério!!!
    A GM cobra mais de 200 mil pelo Camaro, e nos EUA ele parte de 24 mil dólares.
    Como vc mesmo disse no caso da Hyundai as montadoras podem pedir oque quiserem, mas o consumidor só compra se quiser. Não há arma apontada e nem coação, logo não há roubo.
    Veja as vendas do Fluence, mais equipado e mais barato entre 60/70 mil e veja sua colocação nas vendas. O própria dupla 408/308 e agora com a chegada do câmbio de 6 marchas deveria vender muito se mantiver os preços. Mas continuo achando que Corolla com eixo de torção e câmbio de 4 marchas e Civic caro e sem mais airbags continuarão sendo lideres e vendendo muito mais que os outros. Então se o mercado não mudar seu comportamento não seão as empresas que mudarão sozinhas isso nunca acontece em lugar nenhum do mundo.

  • wilian

    Pelo nível da resposta da kia – e ausência de resposta da caoa – percebe-se a importância do consumidor brasileiro pra elas. Pra quem não entendeu ainda, montadora não é time de futebol, por quem se torce e se vibra. Nem religião, pra depositar esperanças. Elas não estão preocupadas com sua fé, xingamento e sentimento de vergonha. Querem VENDER e vender o mais caro que você quiser pagar. É simples. E se o objetivo é aumentar lucro, faz-se economia em escala – cinto traseiro e demais equipamentos essenciais são limados por isso. Então parem de perder tempo se indignando e tratem de refinar suas preferências, exigindo mais do que um rostinho bonito. Aprendam a dizer NÃO! Quando nosso mercado amadurecer, só então será tratado com merecido respeito.

  • Jose

    A explicação é fácil, camarada: enquanto houver otário que compra tem esperto que vende.

  • zzzepa

    compactos premiuns, downsizing( fake), motor velho melhorado, o modelo velho renovado, e por ai vai..neste país tudo pode…deveria um site central de reclamações e deixar o povo descer a lenha..em marcas de carros e montadoreas e eseus produtos..fazer um barulho lascado e chamar atenção da midia…centralizar as forças…tudo com cópia ( se puder) pra essas montadoras e importadoras…tipo uma revolução on line…queria ver quanto tempo eles iriam aguentar e dar essas respostinhas sem-vergonhas e mequetrefe..causar estrago no geral…

  • pumagtb

    A verdade é que estamos no tal de downsizing há anos, a situação só vai melhorar quando os brasileiros se der valor e ser exigente como os americanos e os europeus, a Kia explicou bem sobre o cinto de três pontos " Ocorre na maioria dos automoveis comercializados no mercado brasileiro", se os outros podem e a multidão gosta, por que que ela não pode?, como sempre os culpados são a maioria dos consumidores por aceitar esse tipo de situação e o governo por protegerem essas montadoras.

  • russo

    Que todos os brasileiros fiquem 1 mês sem comprar carros.
    E coloquem aquela câmera nos carros (igual os russos fazem) pra ver a situação das estradas e acidentes do Brasil.
    Aí sim quem sabe eles se sensibilizam

  • silva

    Poxa. É realmente no minimo revoltante!
    faz um esforço NÃO COMPRA mantem os carros usados na garagem!
    seria uma boa o Brasileiro ficar no minimo 1 mes sem comprar carro zero
    duvido que não faria diferença! apenas 30 dias!

  • willianpds

    A tendência Downsizing não é diminuir as cilindradas do motor e aumentar a potência (em cavalos)? Pelo menos é isso que a Ford fez com o Ecoboost 1.6! O Lentoster tem o mesmo motor que o popular HB20, mas ainda assim custa mais que DS3 e que o Fusca (esses sim estão obedecendo à tendencia downsizing). Agora carros de mais de R$80 mil não contar com itens de segurança essenciais já é um abuso com o consumidor BURRO BRASILEIRO. Eu não pagaria um absurdo de preço desse em um carro com motor de lixo e preço de luxo. Hoje, carro pra mim é só usado e só compro se tiver ABS/EDB e AIRBAG.

    • dudupruvinelli

      Até mesmo um celta?

      • Fake_of_Silva

        Pelo valor justo e com os equipamentos mínimos de segurança, que mal tem?

  • Mauricio

    Vamos organizar tudo isso…fica assim…… quem compra mais por menos é um PALHAÇO RICO…, já sabemos que algumas montadoras estão olhando o Brasil diferente…, quando comprarmos um carro não vamos mais abrir mão de tudo aquilo que achamos importante, deixemos para os menos avisados continuarem alimentando esses tubarões….

  • Rodrigo

    O vizinho nem vai notar que não tem cinto de 3 pontos no assento central do banco traseiro. Então pode comprar, meu povo.

  • JPaulo10

    Gustavo,
    1. Não sabia que a gasolina azul fosse feita aqui. Sobre a questão das diferenças entre gasolinas, você tem alguma fonte útil para pesquisa?
    2. Já que você fala em turbo, talvez possa responder: por que TODOS os motores turbo, mesmo com a ação da turbina entrando em baixas rotações, apresentam consumo alto na cidade?

    • Gustavo73

      Olha oque eu lembro da Azul, e meu pai conta . Era que ela era feita aqui. Como temos refinarias no Pais mesmo antes de perfurarmos o primeiro poço é bem provável. O Brasil sempre importou petróleo, muito mais que seus derivados. Mas o meu pai sempre falou que abastecia o carro com gasolina azul, pq o carro rendia mais, e dava menos manutenção. Na época limpeza e regulagem dos carburadores. E tb tinha a gasolina comum amarela. Então tínhamos 2 tipos de gasolina. Isso em uma época que os postos não abriam aos domingos, fechavam nos dias de semana as 22hs e aos sábdo as 18 se não me engano.Hj como o pais não dá conta da produção de gasolina é mais fácil produzir a mais barata e com um mínimo de "qualidade", tipo Antes a gasolina era o leite tipo "A" hj ela é o leite tipo"C". Mas não tenho nenhum lugar que posso te indicar para esta pesquisa.
      Quanto ao turbo eu acho, sem nenhum embasamento que deve ter haver com a maneira de dirigir. Aqui normalmente que compra um carro Turbo quer mais desempenho, não necessariamente sair correndo. Mas uma pegada diferente. E ai tudo pode acontecer. Eun e minha namorada dirigimos o mesmo carro. Um Punto Attractive 1.4 2011, Eu dirigindo na cidade faço 9/10km/l ela faz 12/13. Na estrada eu faço 12/13km/l ela faz 16/17.
      Mas isso é minha opinião não tenho conhecimento técnico para isso.

    • fysaad

      A turbina é mais exigida em acelerações e retomadas, aumentando a entrega de potência em baixas rotações, com o aumento da potência entregue o consumo aumenta(Energia = Potência x Tempo). Essa situação ocorre mais em ambientes urbanos, por isso o elevado consumo.

  • apneto

    Em outras palavras, a resposta é " chupa, tu não compra mas tem um monte de otário que paga…"

  • JPaulo10

    A Hyundai e Kia não tem isenção de IPI que a ford possui. É por essa diferença que eu considero abusivo o preço de um fusion.

    Corolla vende bem porque paga bem seu usado e facilita bem a compra. Além do famoso pós-venda. Certamente aí reside o diferencial em favor da Toyota e Honda, e contra a Peugeot e Renault.
    Meu irmão teve um Renaultt e partiu para um Toyota: sofreu na primeira e teve vantagens na segunda. O exemplo dele é bem válido.

    Mas você tem razão. Se o consumidor não mudar seu comportamento, por que as montadoras mudariam o seu?
    É questão de evolução na sociedade.

    • Gustavo73

      A KIa realmente foi a mais prejudicada pelo Super IPI, mas na minha opinião não justifica o aumento de 10mil no Cerato. O Picanto foi o mais prejudicado. Já a Hyundai/CAOA tem sim a redução e estão inscritas no Inovar-Auto. A CAOA pela fábrica do Tucson e H 100 e a Hyundai pela fábrica do HB 20/S, Inclusive isto já foi anunciado aqui.
      Quanto a Toyota, na minha opinião não adianta ela pagar bem pelo carro. Se oque ela vende é caro e pouco equipado(minha opinião) nunca tive um Renault ou Peugeot. Mas tenho vários amigos que tem ou tiveram Peugeot e nenhum deles tem reclamações. Mas tenho amigos com reclamações da Honda por exemplo. Já a Renault pelo que leio aqui tem seus problemas, mas são bem menores do que já foram. E leio muitos elogios tb. O caso do seu irmão prova que bom atendimento pode e deve ser cobrado. Mas pela diferença eu arriscaria o Fluence Privilège de 75 mil contra um Corolla Altis de 85 mil. Mas eu moro no Rio, então se uma CSS me atender mal eu tenho outras opções.

  • Cristiano_JVL

    "… somente o assento central do banco traseiro não conta com cinto de três pontos, como ocorre na maioria dos automóveis comercializados no mercado brasileiro."

    Ou seja, só porque os outros são ruins você tem que ser também? Era melhor nem ter respondido nada dona Kia.

    • dudupruvinelli

      Pois é… e agora o fiesta, passando a ser fabricado aqui, também perdeu os dois itens (cinto e apoio). Esse fato estragou o carro.

      • Fake_of_Silva

        Aqui não é obrigatório, então eles tiram, colocam o tapa-buraco e vendem pelo mesmo preço ou mais caro.

        • 4lex

          essa resposta é tipico de montadoras que tratam o consumidor como um otário esnobe que nao liga pra segurança na compra de um carro..

          o problema que o governo que deveria fiscalizar e normatizar por cima a qualidade dos carros vendidos, é da mesma laia, arrecada uma baba de dinheiro com ipva, licenciamento, iof, etc. e em troca oferece ruas e vias, mal-sinalizadas, esburacadas e de pessima manutençao com tapas-buracos com resto de betume..

  • junior

    O Novo C3 vem om cintos de 3 pontos para os 5 ocupantes…

  • ocduarte

    Já li aqui no NA gente dizendo que escolheu um carro mais caro ou menos seguro porque "tal carro tinha isso, aquilo e mais aquilo outro, 6 airbags, mas não tinha um simples rádio com bluetooth, e isso eu não admito num carro hoje em dia." A coisa vai muito além da ganância dos fabricantes. Ignorância consciente é para mim um dos maiores motivos.

  • Brunocarro1998

    Acho interessante e gosto muito, é que a nova leva de lançamentos da Hyundai, Veloster, i30 e Elantra, não vendem nada diante de seus rivais, estão praticamente encalhados. Na Kia acontece o mesmo, Picanto, Cerato, Soul não vendem mais nada. Uma coisa é certa, ou eles se mexem, ou se mandam do país, creio que a primeiro opção deverá ser o caminho.

    • Fernando

      O Picanto parece que vende bem aqui na cidade de São Paulo… pelo menos vejo bastante nas ruas. O carro não é nada ruim e tem itens de segurança (cinto de 3 pontos e encosto de cabeça centrais + airbags laterais e de cortina) que carros que custam o dobro ainda não têm.

      Os únicos problemas dele são ele ser caro, como todos os concorrentes, e infelizmente ter a "super tecnologia" flex aliada o nosso álcool disfarçado de gasolina, que acaba com a maior vantagem do motor dele: o baixo consumo. Mas, na minha opinião, ele ainda é a melhor opção pra quem procura um carro de pequeno porte (prefiro o topo de linha do Picanto ao invés da versão de entrada do 500, sendo que ambos custam a mesma coisa nas concessionárias com o câmbio manual – cerca de R$ 42.500).

      • dudupruvinelli

        O top do picanto aqui em Porto Alegre tá saindo por R$45.000 emplacado e com ipva pago!

  • dougkmt

    Engraçado o que vc disse, e penso igual. O problema é que vc realmente não consegue encontrar uma opção que seja 100% o que vc quer. Por exemplo:

    Encosto de braço: Não gosto do encosto utilizado no 308/408 e, neste quesito, prefiro o do Civic, com grande porta objetos pra colocar documentos, carteira, celular, etc.

    Saídas de AC pro banco de trás: Excelente recurso pra quem mora em lugares quentes e quer manter o conforto de todos os ocupantes e o 308 já agrega este item a partir da versão 1.6 Allure (R$ 53.990).

    Túnel central: No caso do 308 não é tão alto, mas ainda incomoda. Soluções como as aplicadas no Civic seriam bem vindas para outros carros.

    Espaço para cabeça no banco de trás: No meu 308 sem teto panorâmico não há problemas para mim (1,84m), mas já entrei no Fluence Privilege e GT com teto solar e o espaço para a cabeça fica prejudicado.

    Conclusão: Não conheço exemplos que ofereçam todos os requisitos explicados acima em um mesmo modelo, por um preço acessível. A solução é tentar se aproximar dos requisitos que vc mais priorize!

  • leandro sylvio

    Sem querer defender montadora A ou B, mas a dona Volkswagen tem um 2.0 eu disse 2.0 de 120 cv que "bebe" combustível pra caramba e um monte de consumidor brasileiro acha ótimo…não entendo isso gente, agora se é um 1.6 com 126 cv da kia a moçada diz que não presta, que deveria ter motor melhor….Eu tenho um "old" I30 e digo é melhor em tudo que o Focus.

    • Marco_ABP

      Você já teve um Focus?

      • leandro sylvio

        não possuo mas dirijo um quase todo dia, se nunca tivesse dirigido não faria tal afirmação amigo.Não estou dizendo que é um veículo ruim,mas o velho I30 é superior.

      • leandro sylvio

        Não, mas dirijo um quase todo dia, por isso eu afirmo que o I30 é superior, não que o Focus seja ruim.

    • Fake_of_Silva

      Gosto é gosto, a realidade é outra…

      • leandro sylvio

        alguém com perfil chamado fake falar de realidade é complicado né amigo ? dirija os dois e faça a análise, se basear em revistas não vale.

    • Edson Roberto

      Leandro, eu vou citar o periodo em que estive por uma semana com o Jetta 2.0 Flex e o TSI…

      E no que eu vi foi: Um carro economico (o flex) e ainda que eu tenha achado ruim o desempenho, o consumo não é ruim não. Te digo facilmente que fiz consumo bem melhor que o antigo Civic que minha irmã tinha. Além dele, fiz menor consumo que: Grand Siena 1.6, 320i, Xsara 2.0 (automatico e meu) e justamente um Cerato 1.6 (obviamente do modelo anterior).

      Todos esses de uso meu durante um periodo onde pude avaliar consumo.

      O consumo em si não é ruim, mas eu achei que falta desempenho. Eu particularmente gostei mais do que o Civic entregou (Considerando o motor 1.8) em desempenho do que o Jetta facilmente. Alguns dizem da falta de desempenho em baixa do Civic, eu já discordo e digo que ele entrega o suficiente para não ter nenhum tipo de aperto.

  • Maffi_GTI89

    Ele deve ser parente do Emílo do VRUM do SBT! rsrssrsrs. Mas não deixa de estar certo!

  • Thiagusss

    ahhh…já sei…a kia do brasil tá achando que o motor que tá vindo pro brasil é o turbo, por isso falaram downsizing…
    por isso tbm que o carro tá tão caro!!!eles acham que é o turbo!!!
    ei pessoal, avisem a sra. kia do brasil, o carro que esta no BRASIL NÃO É TUUUURBOOO, NÃO É, NÃO É! FICOU CLARO!?!?

  • FrankOff

    decepção. um lançamento aguardado que poderia ser a volta por cima da Kia e ele me vem com isso e com preço de BMW. ja era Kia, a ultima salvação agora só a fábrica mesmo

  • oleodecart

    Que respostinha mais infeliz esta da KIA,downsizing. Para quem entende o mínimo de carro,downsizing significa moteores menores,menos cilindrada mas com maior portência. Esse pessoal nos acha completos ignorantes.Pior para eles. Produzem carros com belo design mas o resto,bem, o resto deixa prá lá.Vamos de civic,corola,são mais confiáveis e mais completos,sem maquiagem.Downsizing prá Kia é carro péssimo e preço alto.

  • Doccar

    Caoa e uma farsa, voces lembram que ela alega que o Veloster da 140cv, quando na verdade, ou seja, no dinamometro aufere apenas 118cv, sem falar na injecao direta que ele nunca teve aqui no Brasil, ela e falsa, mentirosa….
    um absurdo o Estado deixar que isso ocorra com o consumidor..

  • Castle_Bravo

    HAHAHAHA! eu comentei noutras ocasiões e tinha certeza absoluta que o consumidor nacional seria enrabado com essa história de "downsizing" sendo convencido a pagar a mesma coisa por motores menores, piores e menos potentes! =D

  • Rogério

    Infelizmente as montadoras disponibilizam o que o consumidor brasileiro quer e valoriza. Quase ninguém valoriza segurança como parâmetro de decisão para compra… Design, sistema multimídia, teto solar, bancos de couro e outros, infelizmente, são mais valorizados pela grande maioria de consumidores.

  • Marco_Aurelio

    Meu dinheiro é que esses salafrários não vão ver. E quanto à literal DEPENADA que esses FDP's fazem nos carros, a culpa é de uma legislação PATÉTICA de um governo medíocre, que está literalmente se lixando para a segurança do consumidor brasileiro. Eles, lá no Planalto, tem motorista à disposição 24 h por dia, carro blindado e de alto luxo. Vão se importar com a ralé prá quê ??? Quem mandou votar em corruPTo??? :x

  • Pedro

    Como bem disse um certo Governante estrangeiro… Francês, precisamente. O BRASIL NÃO É UM PAÍS SÉRIO! Isso muito antes de existir mercado de automóvel aqui neste País. Infelizmente o que nós mais esclarecidos fazemos postando esses comentários é só estribuchar e chorar, NADA MAIS. Na esperança, é bem verdade, que as pessoas se informem melhor.

  • Jean

    Eu não sei onde ele está achando esse preços. Aqui em Belo Horizonte eu acho Veloster e Elantra completo com menos de R$ 80.000. Não que seja barato, mas não tá com preço de BMW ou Volvo S60.

  • WolfpackVF1

    Extremamente fraca a carta do leitor Eduardo, com obviedades claras sobre os modelos KIA e Hyundai. Estas duas nas mãos dos coronéis brasileiros, máfia, não merecem nem um artigo como o exposto acima. Agora seria interessante a mesma carta ser eneereçara a Renault, e seus Dacias, Fiat e suas carroças, GM e seus antiquadros gastadores de combustível, a VW e suas Jurássicos Golf, Polo, Kombi e Gol, toota e suas fraudes sobre rodas que são reprovadas no IIHS Norte Americano… Bater em bêbado é fácil, agora vá pra cima das que citei acima…

    • 3ic

      mas os preços cobrados por estas são menos onerosos que os das coreanas oferecendo até mais recursos que as mesmas.

  • lsguaranikaiowa

    Resposta da CAOA: "Continuem comprando nossos carros." "E fiquem quietos!" "Hum!"

    Como eu vi a resposta da Kia:

  • Juliano_Dias27

    Não se trata do valor dos itens ou acessórios, mas sim de respeito ao consumidor brasileiro.
    É exatamente isso, respeito que eles não tem para conosco.
    Isso é um ofensa a integridade moral e física do cliente, simples assim.
    Os itens não sao caros, tudo é mto barato, principalmente em escalas abundantes como desses materiais. O que não dá para acreditar é que eles "tiram " os itens de segurança e conforto…. eles "depenam" e deformam os projetos dos carros que foram feitos para serem assim(completos) para serem vendidos aqui de uma forma totalmente diferente.
    Cinto de segurança e encosto de cabeça para todos os ocupantes, retrovisores fotocrômicos, abs, airbags, controle de estabilidades e central multimidia são todos itens obrigatoriamente de série na maioria dos carros vendidos no Estados Unidos e Europa. E para se ter um ideia, os faróis com led de posição diurna, já estao aprovando um lei nos Estados Unidos para todos os carros virem com isso de série, pois já foi comprovado que melhora e mto a percepçao de carros e ajuda a evitar colisões. Enquanto isso, no BraZil isso tudo é itens de luxo e mimos que ficamos "abismados e felizes" quando nos é oferecidos à preços absurdos.
    Isso tudo em minha opinião, mesmo sendo o 5º maior mercado de vendas de carros, as montadoras não ligam em nada para nossa segurança e conforto, pois sempre "depenam" seus carros aqui, fazendo diversas "gambiarras" para nos empurrar à preço de ouro.
    E para piorar nosso governo omisso, vê tudo isso de camarote e não faz absolutamente nada… alias, faz sim… cria um sistema porco( leia-se inovar-auto) em que obrigam as montadoras a fazerem mtas das etapas de produção no pais (tipo fazer mais com menos) e reduzir o consumo( o que é otimo) na tese, pois com essa gasolina cada vez mais misturada, nao há motor que aguente. Ou seja, tudo que o inovar-auto fez foi espantar e prejudicar as montadoras que importavam os poucos carros com qualidade (igual ou quase à europa e outros paises) para nós, aumentando ainda mais o super IPI para importados, protejendo assim, as famosas "carroças nacionais"….
    Ninguém merece!

  • rattrap587

    Se cara-de-pau pagasse imposto, essas montadoras asiáticas que ganham zilhões (às custas dos trouxas que os compram – que fique bem claro) já teriam falido faz tempo.

  • claro

    Amigo se nao gostou de algo do carro, NAO COMPRE! Nao precisa dar piti na internet. Parece que vc e mais 1 daqueles que acharam que as montadoras coreanas quando vieram iam revolucionar o mercado com precos competitivos etc…Cai na real meu filho. Brasil e um pais colonial. O objetivo e extrair o maximo de recursos desse pais e lucrar o maximo que puder. TODAS essas montadoras sao farinha do mesmo saco, aposto que os CEO reunem todo fds pra dar risada dos comentarios numa partida de golf. Existem 2 tipos de otarios, esses que sonham que um dia o preco vai diminuir e os otarios que compram esses veloster altis fiesta etc.. Ha 9 anos nao compro mais carro no brasil, so por importacao propria. Menos dinheiro para as montadoras daqui e terceiros. Alias o unico risco que voce pode ter e o navio afundar.

  • Felipe

    Não tem nada de moderno nesse motor do Cerato, é só ver o o 1.6 16V do Civic EX em 1996 (127 cavalos com gasolina), já se passou mais de 16 anos…

  • Fake_of_Silva

    Parece a resposta da Hyundai "Todo mundo faz assim, então está bom do jeito que está…"

    Só aqui no Brazil mesmo…

  • Fabio D.

    Downsizing é minha… deixa quieto, vamos respeitar o nível da conversa. Na boa, pra falar isso era melhor a assessoria ter ficado quieta. O carro é manco e pronto,acabou! Chega a ser ridículo alguém abrir a boca pra falar algo assim…

  • magoo_rj

    Com disse o presidente da Honda com sorriso no rosto. "Quem dita preço é o próprio consumidor." Se tem saída e o povo paga, então eles fazem o que querem.

  • sandrojp

    Como a aliquota do IPI é maior ou menor em função da cilindrada e não de potência, acredito que as importadoras tem trazido os carros com motores de menor cilindrada, pagando menos IPI e certamente tendo mais margem de lucro mantendo (ou aumento o preço final, como temos vistos nos casos da Hyundai e Kia). Não é por acaso que o CR-V vendido no Brasil com 2.0 (para mim um dois piores custos benefícios do mercado e um dos veículos vendidos com a maior lucratividade vendido, já que ingressa no mercado sem 35% de II e o adicional de 30% de IPI, além do tradicional ágio cobrado (e pago pelos consumidores) pelos revendedores. A diferença que vejo em outras marcas sobretudo as alemãs, é que diferente das coreanas, os motores de baixa cilindrada trazem maior potencia e torque associado a um conjunto de motor/câmbio mais avançado, alguns com utilização de dupla embreagem além de outros itens.

  • atl77

    Eu queria entender o que essas aberrações brasileiras ver em novo Cerato, Veloster, novo Elantra, nesses marcas lixos coreanos, tem tantas opções melhor no mercado? Tem uns carros que e ate bom, mas são casos raríssimos.

  • Di_Zazzo

    Falando sobre ESP, o que me deixa mais indignado é o fato de um carro com ABS não tê-lo de série, já que 99% dos sensores e atuadores são compartilhados por ambos os sistemas, só pode ser falta de respeito, e a vida dos brasileiros valerem menos que a dos outros…

  • Edson Roberto

    Bem, se ele é otário ou não, isso é uma coisa que só ele deve saber. Entretanto voce está advertido por esse tipo de comentário que além de não acrescentar nada a noticia ainda parte para a ofensa. No próximo comentário com esse tom de ofensa você será banido.

  • Andrex2501

    Aff só lamento os micos que somos obrigados a passar. Esse downsizing indigesto vai micar as vendas, agora esses carros de categoria superior sem cinto de três pontos é de f**er.

    P.S.: "A CAOA nã respondeu". Que estranho, eles são sempre tão atenciosos! ¬¬'

  • fysaad

    Dinho, também tenho o Cruze e ,apesar de não possuir as saídas de ar traseiras no mesmo local do Fluence e 408, possui saídas de ar traseiras em baixo dos bancos dianteiros e gela tanto quanto na parte dianteira.

  • ieie

    Meu Deus, quanta revolta neste texto.

    A resposta é bem simples: tudo o que as montadoras fazem é porque nós aceitamos e compramos. Oferta e demanda. Se tem mais gente querendo comprar do que produto pra vender, aumenta preço, tira conteúdo pra aumentar lucro.

    Não adianta reclamar se não fazemos nossa parte.

  • Rafael Maia

    Muito blá blá blá, só não comprar, mas está cheio de _[_ que vai lá e compra, então pode nem reclamar…. resolver esse problema é muito fácil, NÃO COMPREM CARRO NOVO _[_

  • Pensador

    Deveríamos é falar (escrever) menos e fazer mais…. de verdade deveríamos é nos unir, sair às ruas e exigir nossos "direitos"… Exigir EDUCAÇÃO para todos…pois com a ignorância vigente, isso tudo continuará por muito tempo… carros vendidos aqui por no mínimo umas 3 vezes a mais do que nos EUA (por exemplo)… e pagamos! Deixemos de comprar, exijamos do mercado! Protestemos seriamente, sem parar, arregimentando novas cabeças ao "movimento". Mais ação e menos palavras!!!!

  • PeriJR

    A empresa explica que, hoje, há uma tendência mundial de downsizing de propulsores, em atendimento às legislações ambientais. Sim, consumidor brasileiro, é isso que eu penso sobre você.

  • Paulo

    Quanta exigência, não?

  • Paulo

    A Grande maioria dos carros possuem capacidade de 4+1 (4 adultos e uma criança no meio). Mas ainda há alguns (como Logan, Sandero, Cobalt) que levam 5 pessoas.

  • MatheusAndrade_

    Cinto de 3 pontos e Apoio de cabeça no meio deveria ser lei nos carros pois é segurança

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend