*Destaque Fiat Hatches Linha 2018 Preços

Fiat Argo 2018: preço, versões, fotos, consumo, detalhes, desempenho

fiat-argo-2018-26 Fiat Argo 2018: preço, versões, fotos, consumo, detalhes, desempenho

O Fiat Argo 2018 já está sendo vendido no Brasil. O modelo, lançado em 2017, está chamando muito a atenção dos compradores de modelos como Onix e HB20, por ser um novo e atrativo modelo da Fiat, desenvolvido para substituir ao mesmo tempo os antigos Novo Palio, Punto e Bravo. Desenvolvido no Brasil, Veja nesta página todos os detalhes sobre o Fiat Argo 2018.



Fiat Argo 2018 – detalhes

O Fiat Argo 2018 tem 3,99 m  de comprimento, 1,72 m de largura, 1,50 m de altura e 2,52 m de entre eixos, adotando um estilo bem esportivo e jovial. O compacto tem faróis duplos bem delineados e dotados de LEDs diurnos nas versões Precision e HGT. A grade tem elementos que lembram escamas e o para-choque tem uma barra horizontal rebaixada. Falsas entradas de ar nas laterais dão um ar mais esportivo ao modelo. Já os faróis de neblina circulares ficam mais ao centro.

O capô tem vincos bem pronunciados e o para-choque ainda conta com spoilers integrados. Saias laterais e de rodas em preto dão uma impressão de maior proteção ao Fiat Argo 2018. As colunas possuem pintura e os retrovisores são dotados de repetidores de direção. Nas versões Precision e HGT, possuem rebatimento elétrico e luz de solo. Na traseira, spoiler integrado na tampa do bagageiro, que tem ainda lanternas com lentes imitando LED, num visual bastante interessante. A tampa tem abertura elétrica na chave.

O para-choque possui refletores em forma de bumerangue, enquanto o escape ocultado pelo protetor. O Fiat Argo 2018 vem ainda com logotipo específico em todas as versões, sendo elas Drive, Precison e HGT. Esta última adiciona cores vibrantes e contrastes fortíssimos para chamar a atenção, além de opção de belas rodas de liga leve aro 17 polegadas com pneus 205/50 R17. Normalmente as rodas são aro 16 polegadas com pneus 195/55 R16.

Nas versões Drive 1.0 e 1.3, as rodas são de aço aro 14 com pneus 175/70 R14 no 1.0, que não tem opção de roda de liga leve. Já o Drive 1.3 e o 1.3 GSR dispõem das mesmas rodas de aço aro 14 com pneus 175/70 R14 da versão 1.0, mas com opção para rodas de liga leve aro 15 polegadas com pneus 185/60 R15. Cada tamanho de roda possui um estilo diferente.

Por dentro, o Fiat Argo 2018 dispõe de painel com três revestimentos, sendo que a parte central possui texturas e tons diferentes nas versões Drive, Precision e HGT. O volante é o mesmo de outros modelos mais recentes da FCA, o que inclui dizer também que são exatamente iguais aos da Jeep. O conjunto é bem completo e ainda vem com comandos de computador de bordo, piloto automático com limitador e ajustes de mídia e áudio atrás do aro. Há paddle shifts nas versões automatizada GSR e automática.

A coluna de direção tem ajuste em altura (exceto Drive 1.0) e profundidade, bem como couro nas versões Precision e HGT. O ar-condicionado é manual no Drive, mas automático nos Precision e HGT. Os difusores de ar somam cinco unidades, sendo três centrais circulares. Os laterais são retangulares. O console central vem com entrada USB e auxiliar. A tela da multimídia tem 7 polegadas e é sensível ao toque, tendo sistema Uconnect.

Este, por sua vez, conta com os sistemas Android Auto do Google e Car Play da Apple. Com a atualização do Android Auto, o aplicativo Waze deverá estar disponível para o Fiat Argo 2018. O aplicativo garante melhores rotas e possui diversos avisos. A central de entretenimento possui diversas funcionalidade, incluindo imagens da câmera de ré (Precision e HGT), bem como informações sobre desempenho e economia, além de configurações do veículo.

O Fiat Argo 2018 conta ainda com ajuste de altura para o banco do motorista, bancos em tecido no Drive, bancos em couro opcionais no Precision e um pacote de bancos com revestimentos em couro/tecido na HGT, que tem visual personalizado. Todos os assentos tem cintos de três pontos e o traseiro é bipartido com Isofix e Top Tether. Luzes de leitura são de série, assim como espelhos nos para-sóis. Há pota-óculos na lateral e cintos dianteiros com ajustes de altura.

Entre os bancos, entrada USB adicional para os passageiros traseiros (Precision e HGT), bem como um porta-copos dianteiro e outro traseiro. Uma tomada 12V fica próxima da alavanca do freio de mão. Nas versões Precision e HGT, a chave é eletrônica e permite acesso tipo keyless, bem como partida por botão. No painel, existem teclas para o desligamento do Start&Stop e do ASR, que é o controle de tração e estabilidade (Precision e HGT), além de luz de alerta e aviso de cinto do passageiro.

O Fiat Argo 2018 tem ainda assistente de partida em rampa, dois airbags frontais e dois laterais (Precision e HGT), freios ABS com EBD, estrutura deformável, barras de proteção nas portas e sensor de pressão dos pneus, indicado no painel de instrumentos.

 

Fiat Argo 2018 – novidades

A Fiat já exibe o novo Argo em seu configurador online. O inédito hatch compacto da fabricante italiana chega ao mercado brasileiro com uma gama composta por sete configurações diferentes, com três opções de motorização e três de transmissão. Os preços variam de R$ 46.800 a R$ 70.600.

E como mostra o site, o novo Fiat Argo oferece uma série de kits opcionais, que incluem itens como airbags laterais, chave keyless e ar-condicionado digital na versão topo de linha HGT, por exemplo. Os preços dos pacotes do novo modelo variam de R$ 1.200 a R$ 3.500. Com todos os opcionais (inclusive pintura metálica ou perolizada por R$ 1.600), o Fiat Argo HGT 1.8 AT6 alcança os R$ 81,2 mil.

O Fiat Argo 2018 é um hatchback compacto que tem como importantes novidades no segmento, a introdução de série de sistemas modernos, tais como Start&Stop. Trata-se de um sistema de desliga o motor automaticamente, religando-o após o pedal de freio ou embreagem (nas versões manuais).

O compacto da Fiat também adicionou multimídia com Android Auto e Car Play, bem como rádio Connect. A direção elétrica agora não possui mais o sistema City, possuindo um sistema mais eficiente e progressivo. O compacto tem ainda quadro de instrumentos com display central TFT de 4,2 polegadas nas versões Precision e HGT.

Fiat Argo 2018 – versões

Essas são as versões do Fiat Argo 2018:

  • Fiat Argo Drive 1.0
  • Fiat Argo Drive 1.3
  • Fiat Argo Drive 1.3 GSR
  • Fiat Argo Precision 1.8
  • Fiat Argo Precision 1.8 AT6
  • Fiat Argo HGT 1.8
  • Fiat Argo HGT 1.8 AT6

fiat-argo-2018-22-1024x664 Fiat Argo 2018: preço, versões, fotos, consumo, detalhes, desempenho

Fiat Argo 2018 – equipamentos

Fiat Argo Drive 1.0
Oferece de série sistema start-stop, ar-condicionado, direção elétrica, vidros elétricos apenas na dianteira, travas elétricas e tela 3,5 polegadas no centro do quadro de instrumentos.

Opcionais: 

Kit Multimedia (R$ 1.990): central multimídia Uconnect com tela sensível ao toque de sete polegadas, Android Auto, Apple CarPlay, Bluetooth, reconhecimento de voz e entrada USB, volante multifuncional e segunda porta USB traseira;
Kit Convenience (R$ 1.200): retrovisores externos com luzes indicadoras de direção e Tilt Down;
Kit Parking (R$ 1.200): sensor de estacionamento traseiro com visualizador gráfico e câmera de ré;
Rádio Connect (R$ 1.300): rádio com AUX, USB, MP3 e AM/FM, viva-voz Bluetooth e volante multifuncional.

Fiat Argo Drive 1.3
Entrega todos os equipamentos da versão Drive 1.0 mais sensor de pressão dos pneus, central multimídia com tela de 7 polegadas e volante multifuncional.

Opcionais: 

Kit Convenience (R$ 1.200): retrovisores externos com luzes indicadoras de direção e Tilt Down;
Kit Parking (R$ 1.200): sensor de estacionamento traseiro com visualizador gráfico e câmera de ré;
Kit Style (R$ 1.900): faróis de neblina, rodas de liga-leve de 15 polegadas e pneus 185/60 R15.

Fiat Argo Drive 1.3 GSR
Entrega os itens da versão Drive 1.3 e adiciona controles de estabilidade (ESP) e de tração, paddle shifts e assistente de partida em rampas.

Opcionais: 

Kit Parking (R$ 1.200): sensor de estacionamento traseiro com visualizador gráfico e câmera de ré;
Kit Style (R$ 1.900): faróis de neblina, rodas de liga-leve de 15 polegadas e pneus 185/60 R15.

Fiat Argo Precision 1.8
Itens da versão Drive 1.3 GSR mais faróis de neblina, faróis com leds, rodas de liga leve de 15 polegadas e banco traseiro bipartido.

Opcionais: 

Kit Parking (R$ 1.200): sensor de estacionamento traseiro com visualizador gráfico e câmera de ré;
Kit Style (R$ 2.200): bancos em couro ecológico, rodas de liga-leve de 16 polegadas e pneus 195/55 R16;
Side bags dianteiros (R$ 2.500);
Kit Tech (R$ 3.500): keyless entry’n’go; retrovisores externos com rebatimento elétrico e luz de conforto, ar-condicionado digital, painel de instrumentos com tela TFT de sete polegadas, sensor de chuva, sensor crepuscular e retrovisor interno eletrocrômico.

Fiat Argo Precision 1.8 AT
Vem com os equipamentos da versão Precision 1.8 e adiciona piloto automático, paddle shifts e volante revestido em couro.

Opcionais: 

Kit Parking (R$ 1.200): sensor de estacionamento traseiro com visualizador gráfico e câmera de ré;
Kit Style (R$ 2.200): bancos em couro ecológico, rodas de liga-leve de 17 polegadas e pneus 205/50 R17;
Side bags dianteiros (R$ 2.500);
Kit Tech (R$ 3.500): keyless entry’n’go; retrovisores externos com rebatimento elétrico e luz de conforto, ar-condicionado digital, sensor de chuva, sensor crepuscular e retrovisor interno eletrocrômico.

Fiat Argo HGT 1.8
Vem com os itens da versão Precision 1.8 AT e ainda mais tela de TFT de 7 polegadas no painel, rodas de liga leve de 16 polegadas, ponteira de escapamento. Se equipado com o câmbio automático, acrescenta piloto automático e apoio de braço para motorista.

Opcionais: Os mesmos da versão manual.

Fiat Argo 2018 – preços

  • Argo Drive 1.0 R$ 46.800
  • Argo Drive 1.3 R$ 53.900
  • Argo Drive 1.3 GSR – R$ 58.900
  • Argo Precision 1.8 – R$ 61.800
  • Argo Precision 1.8 AT6 – R$ 67.800
  • Argo HGT 1.8 – R$ 64.600
  • Argo HGT 1.8 AT6 – R$ 70.600

fiat-argo-2018-5-1024x669 Fiat Argo 2018: preço, versões, fotos, consumo, detalhes, desempenho

Fiat Argo 2018 – motor

O Fiat Argo 2018 vem equipado com três motores de duas famílias, sendo o Firefly a principal novidade. O propulsor modular faz parte da geração GSE do grupo FCA, que tem três cilindros com 1.0 litro ou quatro cilindros com 1.3 litro, ambos feitos em alumínio, mas com apenas duas válvulas por cilindro. Assim, o 1.0 6V entrega 72 cv com gasolina e 77 cv com etanol, ambos a 6.250 rpm. Este tem 10,4 kgfm com gasolina e 10,9 kgfm com etanol, ambos a 3.250 rpm.

Já o 1.3 Firefly Flex tem quatro cilindros e 8 válvulas, entregando 101 cv com gasolina e 109 cv com etanol, ambos a 6.250 rpm. Este tem 13,7 kgfm com gasolina e 14,2 kgfm com etanol, ambos a 3.500 rpm. Estes propulsores utilizam o ciclo Miller para maior eficiência energética e possuem injeção eletrônica indireta.

No caso do Fiat Argo 2018 com motor 1.8, o propulsor é o velho conhecido E.torQ 1.8 Evo, que é derivado do antigo motor Tritec 1.6, que era produzido pela BMW em parceria com a Chrysler, no interior do Paraná. Já em sua segunda atualização sob a gestão da Fiat, o motor entrega 135 cv com gasolina e 139 cv com etanol, ambos a 5.750 rpm. Este tem 18,8 kgfm com gasolina e 19,3 kgfm com etanol, ambos a 3.750 rpm.

Trabalhando com estes motores Firefly e E.torQ, o Fiat Argo 2018 vem equipado também com transmissão manual de cinco marchas, além da automatizada GSR-Comfort e do automático Aisin, que tem seis marchas. O câmbio automatizado GSR-Comfort é derivado do antigo Dualogic e possui uma nova gestão eletrônica, que permite trocas mais rápidas e suaves. O sistema possui ainda função que permite manter o motor acelerado em depressões suaves, a fim de evitar que o veículo volte para trás.

Além disso, o GSR-Comfort dispõe de tecnologia que faz a leitura do pedal, podendo assim segurar uma marcha quando entender que o motorista quer faz uma ultrapassagem ou retomada. Esse sistema ainda permite o modo Sport, mas não só com alteração nas mudanças de marchas, mas também com um reajuste da programação do motor 1.3 Firefly, garantindo uma performance bem melhor. Há opção de mudanças manuais nos paddle shifts.

No caso da caixa automática Aisin, o dispositivo possui conversor de torque e relações de marcha adequadas para as características do Brasil e do propulsor E.torQ 1.8 Flex. Essa transmissão não possui modo Sport, mas garante mudanças manuais na alavanca ou nos paddle shifts.

Fiat Argo 2018 – desempenho

Aceleração de 0-100 km/h

  • Fiat Argo 1.0 – 13,4 segundos
  • Fiat Argo 1.3 – 10,8 segundos
  • Fiat Argo 1.3 GSR – 10,8 segundos
  • Fiat Argo 1.8 – 9,2 segundos
  • Fiat Argo 1.8 AT6 – 10,4 segundos

Velocidade máxima 

  • Fiat Argo 1.0 – 162 km/h
  • Fiat Argo 1.3 – 184 km/h
  • Fiat Argo 1.3 GSR – 184 km/h
  • Fiat Argo 1.8 – 192 km/h
  • Fiat Argo 1.8 AT6 – 191 km/h

Fiat Argo 2018 – consumo

O consumo do Fiat Argo Drive 1.0 2018 é de 14,2 km/litro na cidade e 15,1 km/litro na estrada, quando abastecido com gasolina, enquanto com etanol, o Fiat Argo 2018 obteve 9,9 km/litro na área urbana e 10,7 km/l na rodovia. Com motor 1.3 Firefly, o Fiat Argo 2018 faz 9,2/10,2 km/litro com etanol, respectivamente cidade/estrada.

Na gasolina, o 1.3 faz 12,9/14,3 km/litro, na mesma ordem. No Fiat Argo 2018 com motor 1.8 E.torQ Evo, os consumos são de 8,1/9,9 km/litro e 11,6/13,8 km/litro, igualmente cidade/estrada com etanol e gasolina. A série especial Opening Edition MOPAR do Fiat Argo terá 1.000 exemplares disponíveis a partir do fim de junho.

Fiat Argo 2018 – revisão e garantia

A Fiat oferece para os compradores do Fiat Argo 2018 uma garantia estendida de R$ 1.070 para um ano adicional ou R$ 1.770 para dois anos extras, além dos três de fábrica. Com isso o modelo pode ter um total de cinco anos de garantia se desejado.

Com relação ao custo de revisão, a Fiat fez uma comparação com o Onix 1.0 e obtém redução de custos de 14% e 19%, respectivamente. Nas três primeiras revisões, o Argo Drive 1.0 tem custo de R$ 1.044 contra R$ 1.284 do Onix e R$ 1.147 do HB20, todos os três com motor 1.0. Até 60.000 km, o Fiat Argo 1.0 2018 tem custo de revisão de R$ 2.784 no total. Na versão equipada com motor GSE Firefly 1.3 Flex, o custo se eleva para R$ 3.060. Por fim, o hatch compacto da marca italiana alcança R$ 3.504.

Em todas as revisões, a mão de obra é gratuita e o parcelamento pode ser feito em até 4 vezes. As revisões de 10.000/30.000/50.000 km incluem filtro de óleo, óleo lubrificante e filtro de ar. Na de 20.000 km, acrescenta-se filtro de combustível. Aos 40.000 km, a revisão adiciona a troca de fluído de freio. Já na de 60.000 km, troca de vela de ignição, correia em “V” e filtro de combustível são adicionados ao serviço.

Revisão

  

Quilometragem

Preços 1.0

Preços 1.3

Preços 1.8

10.000 km

R$ 220

R$ 260

R$ 300

20.000 km

R$ 436

R$ 476

R$ 528

30.000 km

R$ 388

R$ 424

R$ 464

40.000 km

R$ 728

R$ 820

R$ 704

50.000 km

R$ 400

R$ 436

R$ 480

60.000 km

R$ 612

R$ 644

R$ 1.028

Fiat Argo 2018 – ficha técnica

Motor

Firefly 1.0

Firefly 1.3

E.torQ 1.8

Tipo

Dianteiro transversal, Gasolina e Etanol

Dianteiro transversal, Gasolina e Etanol

Dianteiro transversal, Gasolina e Etanol

Número de cilindros

3 em linha

4 em linha

4 em linha

Cilindrada (cm3)

999

1332

1747

Válvulas

6

8

16

Taxa de compressão

13,2:1

13,2:1

12,5:1

Injeção eletrônica de combustível

Multiponto

Multiponto

Multiponto

Potência Máxima Líquida (ABNT NBR 5484)

Gasolina: 72 cv @ 6250 rpm / Etanol: 77 cv @ 6250 rpm

Gasolina: 101 cv @ 6250 rpm / Etanol: 109 cv @ 6250 rpm

Gasolina: 135 cv @ 5750 rpm / Etanol: 139 cv @ 5750 rpm

Torque Máximo Líquido (ABNT NBR 5484)

Gasolina: 10,4 kgfm @ 3250 rpm / Etanol: 10,9 kgfm @ 3250 rpm

Gasolina: 13,7 kgfm @ 3500 rpm / Etanol: 14,2 kgfm @ 3500 rpm

Gasolina: 18,8 kgfm @ 3750 rpm / Etanol: 19,3 kgfm @ 3750 rpm

Transmissão

Tipo

Manual 5 marchas

Manual 5 marchas ou Automatizado GSR 5 marchas

Manual 5 marchas ou automática 6 marchas

Freios

Tipo

Disco / tambor

Disco ventilado / tambor

Disco ventilado / tambor

Direção

Tipo

Elétrica

Elétrica

Elétrica

Suspensão

Dianteira

McPherson, independente com barra estabilizadora

McPherson, independente com barra estabilizadora

McPherson, independente com barra estabilizadora

Traseira

Eixo de torção

Eixo de torção

Eixo de torção

Rodas e Pneus

Rodas

Aço aro 14 polegadas

Aço aro 14 polegadas / Liga Leve aro 15 polegadas

Liga Leve aro 16 polegadas / Liga Leve aro 17 polegadas

Pneus

175/65 R14

175/65 R14 / 185/60 R15

195/55 R16 / 205/50 R 17

Dimensões (mm)

Comprimento total (mm)

3998

3998

3998

Largura sem retrovisores (mm)

1724

1724

1724

Altura (mm)

1503

1501

1505

Distância entre os eixos (mm)

2521

2521

2521

Capacidades

Porta-malas (litros)

300

300

300

Tanque (litros)

48

48

48

Carga útil, com 5 passageiros mais bagagem (kg)

400

400

400

Peso em ordem de marcha (kg)

1105

1140 (MT) 1148 (AMT)

1229 (MT) / 1264 (AT)

Coeficiente de penetração aerodinâmica (Cx)

ND

ND

ND

Fiat Argo 2018 – fotos

Leia avaliações, notícias sobre carros e compare modelos em NoticiasAutomotivas.com.br.

4.0

  • Diego

    huehuehue br

    • Rodrigo

      Tá caro demais, negociando sê consegue um Golf 1.6 Confortline AT por 76 mil ou até por menos, ou seja ele mata a PAULADAS o HGT, o Focus SE custa R$69.990. mata a PAULADAS tanto o HGT quanto o Precision AT. Quem vai comprar um compacto de entrada nesse preço?

      • Raul Pereira

        golfera é um puta carro, mas o seguro mata…

      • Evandro

        Cara, VW, é complicado, ainda mais esses Golf de agora, qdo vinha da Alemanha até concordo, e eu estou tão enjoado de carro da VW que vou te falar, é difícil de eu ser à favor de alguma coisa deles, acho que só crescem o carro e não mudam nada, é sempre o mesmo, sem sal e sem açúcar, o tanto faz como tanto fez, mas enfim, gosto é gosto, mas seguro de Golf é ridículo de caro, sempre foi e sempre vai ser, não vale a pena…. Focus eu já tive e gostei, mas o meu era um 2.0, mas cara, focus já é um carro tão sem sal como sem açucar como o Golf, acredito que já está na hr desses fabricantes realmente mudarem o carro, e não apenas parachoque e faróis, tinha um 2015, que demorou tanto tempo para chegar no Brasil, que qdo chegou a nova geração já estava saindo do forno, sem contar que o preço de tudo nele é caro, pelo menos na css da minha cidade era, cara, a Fiat sempre inovou nos carros, alguns prestam pra uns ou não prestam para outros, mas sempre gostei do que os carros da Fiat ofereciam, acho que o Argo oferece bastante coisa, e ao meu ver, tem um acabamento bem feito também, acho que vai vender, talvez não tanto por conta do preço e da situação que todos sabemos que anda a terra da banana, mas eu falo pra vc, se eu fosse comprar um hatch hoje, eu esperaria para ver o Argo de perto….

        • Edson Fernandes

          Caraca mas vc fala dos dois medios e diz que o Argo tem novidade?

          Vamos lá…

          Focus e Golf já começam mais completos e, são mais refinados. Não dá para definir só por uma casca nova ser uma oportunidade.

          E o ARgo é um compacto.

          • Evandro

            Viu, não comparei carros, até mesmo por serem categorias e preços diferentes, disse apenas que o Argo trouxe algo de fato novo em quesito visual, coisa que está faltando bastante pra Ford e em especial para a VW….

      • ViniciusVS

        HGT é só para ficar bonito no Showroom, o Brasileiro mesmo vai comprar as versões Drive e colocar alguns acessórios por fora como rodas, farol de neblina, etc…

        Fiat é mais forte em modelos de entrada.

        • Edson Fernandes

          E no maximo a Precision 1.8 que promete sair bem tbm. Só acho que depois de um tempo, esses preços precisam de desconto…

  • Tochio

    Falei que a Fiat estava com vergonha de divulgar os preços !!

    • Cléber_V

      Tá é sem vergonha mesmo. Pra ver como pode parecer um detalhe, mas mostra como as montadoras tratam o mercado nacional. Antes a Fiat oferecia teto-solar até no Palio e Grand Siena, no mobi e Argo oferece o teto plotado em preto…

  • danlaradd .

    Nessas horas eu me lembro quando comprei meu Punto 1.6 praticamente completo (sem dualogic) em 2014 por R$52.000 e achava caro, hoje em dia mal mal eu compraria um 1.0 com o mesmo dinheiro, quisá com os mesmos equipamentos: leia-se bancos em couro de série, acabamento superior, teto solar, rodas de liga 16 de série, sensor traseiro etc..

    • Matheus Conrado

      hj em dia a inflação está mais desenfreada ainda.. eu comprei o meu carro atual por 55.000 no fim de 2015, hj em dia praticamente o mesmo carro ja custa 68 mil… o maior culpado disso é o (des)governo que não controla a economia.

      • Rafael Mustafá

        É exatamente o contrário, a economia está como está justamente pq o governo interviu de mais e quis controlar. Quanto menos governo melhor a economia… Viva o livre mercado, seja liberal!

        • Matheus Conrado

          concordo… mas o povo só escolhe populistas.. o povo Brasileiro só sabe viver com um estado gigante,cheio de esmolas que só fazem prejudicar o povo que trabalha de verdade..

        • oscar.fr

          rsrsrsrsrsrsrsrsrsrs

        • Raul Pereira

          Quanto menos governo e menos interferência do cartel de empresas no mercado também. não podemos esquecer que o governo fez as burradas (a primeira leva lá em 2008-2010) pra proteger as empresas daqui e a pedido do oligopólio, aí olha no que deu a longo prazo

          • Evandro

            Nada cara, como dizia o 9 dedos, estávamos blindados, era apenas uma marolinha….

            • Raul Pereira

              Hahahahaha pode crer. Mas ainda acredito que o que enfrentamos hoje no mercado automotivo é consequência de nossas políticas internas zuadas ao extremo e feitas pra serem caras e não funcionar propositalmente do que reflexo da crise de 2008

              • Evandro

                é verdade, tem razão

        • Anderson Lemos

          Adam Smith tbm pensava que fosse assim, até 1929…

    • afonso200

      lembro que no inicio de 2015 eu comprei um Azera 2011 por 51,900.

      • Evandro

        eu comprei um jetta tsi 2011/2012 por 82k

    • pedro rt

      eu comprei um punto attractive em 2013 por 41mil e achava um bom preço… hj pelo msm valor vc compra um mobi drive…

    • Gustavo

      Punto?? Eu comprei um Focus com 50.800, zero km, no meio de 2013. Absurdo ver que hoje um carro desse porte pode alcançar absurdos 81 mil!!

      • Wellington Myph13

        Qual Focus era?
        Hoje seus 50800,00 “valem” 65.000,00… O que daria pra comprar esse Argo 1.8 AT6 (considerando um chorinho na hora da compra)…
        A coisa ta louca mesmo cara, mas não tem jeito. Eu paguei em 2013 31k em um Symbol completo com ar digital, sensores de estacionamento, airbag e abs (eram opcionais), alarme, etc, etc… Onde vc acha um sedan 1.6 nesse preço hoje? Mesmo usado tem que cair pra um carro de 2013/14 e bem rodado pra chegar nesse preço…

        • Bruno Albuquerque Borges

          Casou com esse Symbol em!

          • Wellington Myph13

            Vendi por 28k em 2014. FET 2192. Bom carro. O cambio me incomodou bastante no dia-a-dia (uso pra trabalho), por isso passei rápido… Além do consumo, claro. 6km/l Alcool ou 8km/l Gasolina na cidade… estrada não fazia mais que 11 na gasolina.

            • Evandro

              Cara, tinha um sandero em 2015 e ele fazia quase 10km/l, esses dias comprei para o dia a dia tbm uma toro 1.8, por ser automática tbm e ter um bom desconto para cnpj e eu tinha um carro na empresa que estava sem uso, ai resolvi pegar outro pra mim, a desgraçada tá fazendo 4,6 na cidade!!!!!

              • Wellington Myph13

                Colega do meu pai pegou uma Toro tb pro dia a dia, nunca perguntei quanto faz, mas deve fazer isso também porque ele é pé pesado e anda em trânsito de sp o dia todo…
                Meu melhor carro de consumo foi o up. Fazia 10km/l de etanol na cidade. Fiz 15,4km/l de etanol na estrada indo de Sorocaba até SP e voltando. Foi só avenida e rodovias mesmo, mas sempre a 120km/h…

                • Evandro

                  Sou de Sorocaba!!!!! rsssss, cara o meu sandero era economico tbm, o meu focus fazia 8,5 na cidade com motor 2.0 aut, no álcool, tbm achava bastante econômico, mas a toro é dose, deve ser por conta do peso tbm, que faz o motor sofrer….

                  • Wellington Myph13

                    Kkkk mundo pequeno.
                    Eu troco de carro demais…
                    Usando sempre etanol os carros que tive faziam na cidade:
                    Corsa 1.4 2012 – 7,5km/l
                    Celta 2013 – 8km/l
                    Symbol 2013 – 6,5km/l
                    Bravo 2014 Dualogic – 6,2km/l
                    Fit 2004 – 9km/l
                    Gol 2013 IMotion – 6,8km/l
                    Up Move 2015 – 10km/l
                    March 1.6 2016 – 8km/l
                    Sandero Easy’R 2015 – 7km/l

                    Rapaz, fazendo a lista assim eu fui muito louco (pra não dizer tonto msm)…

                    Esse 1.8 sempre foi gastão e mesmo evoluindo, não melhorou muito. Veja no Argo, o mais leve a usar ele, não faz mais de 7,1km/l de etanol na cidade msm com Start &Stop…

                    • Evandro

                      Pois é, mas se for te chamar de tonto, tem que me chamar de tonto ao quadrado, tbm sempre troquei de carro, perdi muita grana com isso, e detalhe, continuo perdendo, se eu tivesse poupado acho que hj já teria um tão sonhado Nissan GTR…rsssss, mas não me aquieto…rssss

                    • Wellington Myph13

                      Kkkkk é soda.
                      Eu faço do carro uma parcela de aluguel pra mim. Eu troco sem dar nada, só trocando e trocando msm, entrada pequena e financia o resto. Claro que como pode ver na lista, ultimamente fui caindo no valor. Esse Sandero mesmo vou ter que esperar bem pra trocar.
                      Estou aguardando o Polo com 1.0 TSI e AT6, que teria tudo que preciso, economia, desempenho e tamanho excelente pra tudo que uso.
                      Só tenho um por enquanto, e pelo visto vou continuar com um por um bom tempo, então tem que ser “meio” familiar e prefiro Hatch com bom porta-malas do que sedan…

                    • Evandro

                      rssss, cara, doido por carro é complicado mesmo…rssss, mas é isso ai, se te alegra tem que fazer mesmo, dinheiro a gente corre atrás, trabalha mais, se vira, mas dá um jeito, parabéns e sucesso.

                    • carroair30

                      Mas o SANDERO é o melhor custo beneficio na categoria:carro economico,facil manutençao,seguro relativamente barato,carro global e espaçoso e com um bom valor de revenda

                  • MauroRF

                    E olha que o trânsito não é infernal aí em Sorocaba (morei três anos em Itapetininga e visitava aí direto e ainda visitava a Real para comer aquelas famosas coxinhas deles, rs; hoje, quando vou a Itapetininga, passo sem falta por aí, afinal, com a Raposo duplicada, dá para fazer o trajeto Sorocaba-Itapetininga em 35-40 minutos no máximo). Quer dizer, no horário de pico, o trânsito de Sorocaba dá uma carregada no trânsito sim. Uma prima minha, daqui de Santo André, mora e trabalha aí agora e acha o trânsito bem melhor do que aqui no ABC. Ela tem um Focus GLX 1.6 2012, vou perguntar a ela quando faz rodando aí na cidade.

                    • Evandro

                      Cara, não tem tanto transito aqui, o complicado são os motoristas de Sorocaba, ouvi dizer que no transito tem que fugir de 3 tipos de motoristas que são tensos: 1º Aquele motorista de chapéu, 2º Motorista com varinha de pescar e 3º motorista com placas de Sorocaba…rsss

                  • MauroRF

                    Só para constar, eu e minha esposa adoramos Sorocaba. A gente só não morou aí por conta do calor excessivo. Cidade muito boa, industrializada, gente acolhedora, boa gastronomia, há vários bairros residenciais bons e tranquilos, principalmente entre o Campolim e o Centro. Tirando o Campolim, claro, minha região preferida é entre a avenida JK e a Washington Luis, além do Jardim Emília. Vila Augusta também, tem uns prédios bons lá. Mais pra norte, o Trujillo é muito bom também. Minha prima mora na Vila Angélica, Avenida Santos Dumont, perto do aeroporto.

                    • Evandro

                      A cidade é boa sim, gosto bastante, o problema aqui são os motoristas, que nunca usam seta, se usarem talvez sejam agredidos…rssss

                • Evandro

                  Hj peguei a Toro e fui de sorocaba à mogi guaçu e voltei, fez 10,2km/l na estada, achei que na estrada o consumo dela é bom….

          • Evandro

            rsss, triste verdade….

        • oscar.fr

          Mano, tu percebe que temos o mercado que merecemos lendo o comentário feito abaixo: “Casou com esse Symbol, hein!”. O importante é comprar para revender, não ter um carro bom a um preço adequado (ninguém oferecia isso melhor que o Symbol). Por isso que, por muito tempo, continuamos tendo coisas como Classic no nosso mercado.

          • Filipe Augustus

            Uma das maiores atrocidades que ouvi até hoje, veio da boca de um vendedor de carros da Volkswagen! “A Volkswagen deveria vender apenas Gol, Fox, Polo e a Kombi, os importados não deveriam nem existir, atrapalham demais a gente vender na concessionária, o governo deveria proibir a importação”! Ouvi isso por volta de 2010 e pensei! Um cara desses estraga o mercado, imagina quantos desses não existem por aí?

            • oscar.fr

              A VW é um belo local para se ouvir pérolas. FIz um TD em um CrossUp e a vendedora disse que trabalhava na Renault. Eu anunciei que tínhamos em casa um Renault e um Peugeot, e ela já engatou: “Manutenção muito cara, né? Não são carros bons.” e aí eu disse: “mas tu mentia para os teus clientes para vender Renault então”. Virei as costas e fui embora. Não iria comprar igual, mas não aguentaria uma vendedora falando mal do meu carro atual.

              • Filipe Augustus

                Por essas e outras, que vemos um Gol 95, custar o mesmo que um Peugeot 206 2005 entre outras coisas! Existem muitas coisas estranhas no mercado!

              • Nathan F.

                Nao se deve tentar castigar alguem por ter aprendido a dizer a verdade, prima-dona.

          • Evandro

            Não exagera, ninguém compra carro pra ganhar dinheiro, em lugar nenhum do mundo, mas temos que pensar o seguinte: meu dinheiro não é capim, ou seja, todo mundo que está aqui é apaixonado por carro, e quem é apaixonado por carro, e as condições são favoráveis, não fica mto tempo com o carro, sendo assim, logo se deduz que além de um carro que vc goste, o mesmo não pode “derreter” financeiramente na hora da troca, pensa quem pegou um J3, J5, C4, 408, 508, até mesmo o 308 quando foi trocar de carro a sensação que passou….

            • Luccas Villela

              Na minha família tivemos C4 Hatch, dois Symbols, 408 e não foi nenhum sacrifício vendê-los. Principalmente os Symbols, as perdas foram bem normais. Foi um excelente carro, tirando o câmbio, achava muito gostoso de dirigir e com um acabamento excelente. O meu fazia 7/8km/l com alcool e 10/11km/l com gasolina, acho bem econômico.

              • Evandro

                Deve ser um bom carro, não tenho dúvidas, mas meu, me perdoe a brincadeira, mas ooooo família pra gostar de carros curva de rio….rsssss, deve ser sorte cara, meus carros são sempre todos impecáveis, nada de detalhe e nunca consigo vender bem, sou um azarado eu acho….rssss

                • Luccas Villela

                  Que nada, ow. Eu só vendi em troca. Não foram vendas maravilhosas, claro que sempre perdi dinheiro, mas é o jeito, cara. Vender pra particular tem seus riscos e eu nunca quis corre-los.

                  • Evandro

                    é, vc tem razão, tbm nunca vendo pra particular por receio que depois o cara volte encher a paciência….

            • Ernesto

              Evandro, não fale mal dos franceses, Logo logo o oscar.fr tá escrevendo um monte para você!

              • Evandro

                rsssss, não duvido…rsss

              • oscar.fr

                Mas claro, sabendo que o preconceito vem da ignorância, nada melhor que combatê-lo com informação ;)

                • Ernesto

                  Preconceito vem da ignorância? Então quer dizer que todos que tiveram problemas com carros franceses são ignorantes? Ou são mentirosos? Pois parece que só você diz a verdade! Você acha isso?

            • oscar.fr

              Vc deveria ganhar até um prêmio por ser tão preocupado com o que as pessoas fazem do dinheiro delas.

              • Evandro

                Se eu estivesse preocupado, vc não compraria um carro francês….

          • Mr. Grecco

            Exatamente, e por esses que ainda tem Up sorvete seco e mobi a 38k a venda!

        • Evandro

          Um Focus 2013 não vale 65k hj, eu tinha um sedan se 2.0ps 2015/2015 com 21k km, troquei por um volvo e ele entrou por 52k no final de 2016…

          • Wellington Myph13

            Que o Focus dele não vale 65k eu sei, eu disse atualizando o valor que ele pagou de 2013 pra agora.

            • Evandro

              ah tá, entendi, me desculpe…

    • Davidsandro18

      Em março do ano passado, paguei 38k no meu atual carro, um cross up! TSI com desconto de frotista, hoje o modelo 2018, já tá em 48k e uns quebrados com o composition phone.

      • Evandro

        Pagou barato, tá ai um dos únicos carros da VW que me chama a atenção.

      • Ernesto

        Davidsandro18, no caso de frotista na VW, quantos carros precisa ter no nome da empresa para ser considerado frota? Ou tendo CNPJ é possível pegar somente 1?

        • Davidsandro18

          Eu peguei com desconto de funcionário VW, trabalho em uma montadora que também é do grupo aí temos os mesmos descontos, portanto a venda é direta também.

    • Evandro

      Cara, as coisas sobem, tudo sobe, pq com o carro deveria ser diferente? Achei a NF de um Mille q comprei em 2004 por 12.800,00 zero, hj msm sem ser fabricado, deveria custar uns 22.000,00 pelo menos, mas meu salário da época tbm era a metade do que hj pelo menos, não justifica, mas explica….

      • Wellington Myph13

        12800 em 2004 equivalem hoje a 30k de acordo com o atualizador de valores…

        • Gustavo73

          Bota aí 24mil em 1997.

          • Wellington Myph13

            Eita p… 108k
            kkkkk

            • Gustavo73

              Oo

          • Filipe Augustus

            Meu pai, pagou 25 mil reais em uma Suprema Diamond 3.0 em 1996! Pelos cálculos aí, hoje dava quase 115 mil reais! oO

        • Deadlock

          Então os carros não subiram tanto… E olha que hoje tem mais tecnologia embarcada, mesmo nos pelados.

          • Wellington Myph13

            Infelizmente, se levar em consideração o atualizador de valores, os carros até “baixaram” pois receberam muitos itens e custam o “mesmo” atualizado de alguns anos atrás.
            O problema disso é que o salario não acompanhou, então os carros foram ficando fora da realidade do povo…

            • Guilherme Batista

              Infelizmente é isso, os carros não estão mais caros, nós é que estamos ficando mais pobres e muito rápido

              • Evandro

                Sim, é verdade

            • Evandro

              Concordo com vc, mas se a gente pensar bem, será que essa realidade de antes estava mesmo no alcance de todos? Ou será que os financiamentos faziam parecer que sim? Hoje está mais difícil pois estão mais criteriosos ao ceder o crédito, então não deve estar tão fora da realidade, talvez agora seja mesmo realidade e antes fosse ilusão. O que eu acho, que subiu, e sempre sobe pra variar, é o qto pagamos de impostos, para sustentar tantos parasitas, acharia justo reduzir essa carga, ai sim teríamos carros com preços justos e mais gente poderia estar trocando seus carros por novos entende?

              • Wellington Myph13

                De fato, o que tínhamos era ilusão com a facilidade de financiamentos a torto e a direito. Assim como foi com minha casa minha vida que hoje resulta em vários e vários leilões de casas/aptos em dívida.
                Hoje é o mais real, mas poderíamos estar melhor se a carga tributária não fosse o absurdo que é e sem retorno… Se reduzir em 50% o imposto de um funcionário e subir o piso em 25%, teríamos mais funcionários e mais dinheiro rodando no mercado… Isso com uma “manutenção simples”… O resto dos impostos cascata em mercadorias e etc, podem continuar.

                • Evandro

                  Sim, porém ai fica mais difícil de roubarem né? E depois dizem que ajudaram o povo…rsss

            • Deadlock

              Salário depende de política econômica. O governo anterior foi desastroso nesse aspecto, pois antes os salários vinham em ascensão, acompanhando o nível do emprego. O salário é o preço da mão-de-obra, que depende a oferta-demanda e, como há muitos desempregados, quem está empregado não tem poder de barganha e o salário real tende a cair, não ser que o empregado seja muito produtivo e o patrão não queira perde-lo.

            • Mr. Grecco

              Justamente, o salário não acompanhou!

          • Evandro

            Não concordo em pagar mais, mas eu compartilho da sua idéia.

        • Evandro

          Não fiz essa atualização, levei em conta que um palio em 2016 estava a 26990, ai pensei, o mille era mais barato que o palio, então deve dar uns 22k, mas pra vc ver, como as coisas sobem mesmo e isso é natural…

    • Raul Pereira

      lembro que o t jet um pouco antes disso era 60k, acho. Povo só não comrpava porque gastava igual o demo

      • Evandro

        Cara, sei lá, eu acho que quem em 2013/2014 por ai comprava um carro de 60k não se importava tanto com o consumo, quem se importa com o consumo vai preferir hj comprar um mobi 3 cilindro ou um up tsi no máximo. Tenho um V40 Rdesing, ele faz 8.5km/l na cidade, o consumo pra mim tá bom, tem gente que torce o nariz, mas eu sinceramente não ligo. Comprei uma Toro 1.8 a um mês, a desgraçada tá fazendo 4.6 km/l no álcool, achei bastante, mas já tive triton v6 q fazia 3.5 km/l na gasolina, minha esposa pegou uma duster dynamic 2.0 com a porcaria do AT4, faz 6,5 na cidade no álcool, não sei se de fato os carros são gastões ou é nosso combustível que está vindo misturado com urina para cada vez mais termos que ir abastecer……

        • Ernesto

          Talvez seja por isso que eu vi que há tantos Toros à venda na Webmotors.
          Creio que a maioria trocou um sedam ou um hatch por uma Toro e nessa do consumo está se lascando.

          • Evandro

            Olha amigo, não duvido, pode ser por isso mesmo, o pessoal se espanta, sai de um carro que faz 7 ou 8 e cai em um que faz 4, complicado….

        • Raul Pereira

          Um pouco do primeiro, mas em grande parte é o segundo. A nossa gasolina nem gasolina é

          • Evandro

            Pois é….

  • Daniel

    Em outro site vi que a versão 1.0 pesa 1100kg… todo esse peso em um carro 1.0 vazio. Imaginem esse carro com 4 pessoas, nem precisa carregar o porta-malas. Na minha opinião deveriam existir somente as versões 1.3 e 1.8

    • Alexandre

      HUAhsuaHSUHAUS! Subir a serra de Ubatuba ele vai peida.

    • RCX05

      Fico pensando se ele consegue fazer 0-100 em menos de 15s.

      • Daniel

        Tenho um March 1.0 3 cilindros, que pesa 950kg e faz 0 a 100 em longos 15s… esse Argo, com sorte, fica na casa de uns 18s.

        • Wellington Myph13

          Deve ficar na casa dos 16s… Esse motor é bem mais forte que o da Nissan. A força extra e o peso extra devem deixar ele razoavelmente bom.

          • invalid_pilot

            Se for 16s vai ser mais rápido que o Renegade 1,8 kkk

          • Daniel

            O March tem 10kgfm de torque e o Firefly da Fiat tem 10,4kgfm, ambos são motores fortes para a cilindrada e de concepção bem moderna. Não vejo 0,4kgfm a mais de torque fazer milagre num carro 150kg mais pesado. Se o firefly tivesse uns 1,5kgfm a mais de torque, concordaria com 16s. Mas vamos esperar para ver os números nos testes, até pq não sou engenheiro e estou mais supondo números

            • Wellington Myph13

              Ele é mais girador e o cambio esta bem escalonado, o que ajuda bastante…
              O Uno fez em 13,8s (fabrica divulga 12,6, mas ninguém chegou nesse numero) e pesa 1010kg.
              A Fiat talvez já passe ele pelo Acelerados… vamos ver.

              • Daniel

                Sim bem lembrada a questão do escalonamento câmbio… o March tem um abismo entre a 2a. e a 3a. que obviamente prejudica a aceleração

              • Guilherme Batista

                Sem falar que esse motor Fiat com 6v apresenta o torque máximo mais cedo o que o deixa um pouco mais esperto

            • G.Alonso

              O motor da Fiat tem 10,9 de torque no etanol e 10,4 na gasolina.

    • pedro rt

      o peso dele e maior e o motor mais fraco se comparado ao punto 1.4… pra se ter ideia o punto anda igual um celta 1.0…

    • Austin&Katya

      Fiquei surpreendido com o desempenho e o consumo com todo esse peso!

    • Ducar Carros

      É o peso do Grand Siena 1.0, que é bem maior. Então, se existe Grand Siena 1.0, porque não Argo 1.0?

      Acho que a Fiat errou no câmbio do Argo 1.3, tinha de ser igual ao do 1.8, o GSR deveria ter ficado apenas para o 1.0, que ficou sem versão automática/automatizada.

  • Victor Hugo

    Imagina o Polo. Deve beirar 90, 100k

    • Wellington Myph13

      Fox ficou alinhado pra brigar com o Argo mesmo… Faltou oferecer ESP na Comfortline com o 1.6 8v…
      Polo vem só com 1.6 16V e 1.0 TSI, começando em 55-58k Trendline e Highline com AT6 na casa dos 80k com todos os opcionais. (85k se tiver teto solar)…

      • Evandro

        baratone….

    • vicegag

      Argo por 25k dólares, imagina o que se compra com esta grana na terra do tio Sam.

      • Pablo Henrique

        Fui olhar no site da Ford USA… o Mustang V6 custa exatamente isso

    • Matheus Amorim

      Acho que os preços do Polo devem ficar uns R$10.000 acima da versão inicial do Argo. Diferente da Fiat, creio que a VW não pretende torná-lo líder ou o colocar na brigar acirrada pelo pódio.
      Tendo em vista que as versões com motor mais forte dos Onix, HB20 e Argo ficam por volta dos R$57-60 mil, o Polo deve iniciar nessa faixa e chegar aos quase R$80 mil em uma versão topo de linha com o 1.0 TSI (o up! já custa quase R$60 mil quando completo).

      • oscar.fr

        Polo vai vender tanto quanto os atuais compactos premium: nada.

        • Evandro

          fato

      • Duh

        O Argo já chega a 80mil, olha o preço do Golf com todos os opcionais, tbm creio que o Polo vai começar 10mil a mais que o Argo mas sua versão top vai bater os 100mil.

        • cepereira2006

          Dez paus nesta faixa de preço é muito. Se fizer isso, caixão. Mas acho que vai ser bem isso, então, caixão.

      • Evandro

        exato, a vw só pensa alto no jurássico gol….

  • Fábio Carvalho

    Cada um sabe do próprio bolso, achei os preços altos, mas a exemplo, a versão Drive 1.3, pelo que ela custa é possível comprar um Ka+ 1.5, ou um New Fiesta SE 1.6, que ao meu ver, seriam uma melhores opções, pelo pelos preços, motores e mala (no Ka+).

    • Lucas086

      Montegem Ford ainda fica a desejar, sem falar acabamento, painel…

      • Fábio Carvalho

        Respeito sua opinião Lucas.Mas pela minha experiência não concordo.

        Eu tive 4 FIATs, família Pálio, e agora tenho um Ford Fiesta, que é de mesma categoria. Não voltaria a FIAT, pois o Fiesta é o melhor carro que já tive. A mecânica é bem mais durável, a dirigibilidade é melhor, o acabamento, visualmente é de mesmo nível, só que após alguns anos de uso o Fiesta continua silencioso e com tudo no lugar, os FIATs não eram assim. Detalhe, eu comprei todos os carros 0km.

        • Guilherme Batista

          Eu concordo, o Fiat é até mais bonito, mas na hora que faz o test drive em um Ka ou no Fiesta, a diferença é absurda, bem mais confortável, seguro e confiável

          • Evandro

            Mas vc já fez um test drive no Argo???? Só daria para comparar caso tivesse feito concorda?

            • Guilherme Batista

              Não fiz, mas isso é questão de marca e não exatamente do carro. O Argo veio com suspensão, câmbio, motor, pneu e várias outras coisas que da Fiat que já conhecemos. Esse tipo de coisa é característica da marca, suspensão mais mole, câmbio logo e sem engate preciso, torção maior de carroceria e etc, logo acho que isso não deve mudar tão cedo, pois ela não anunciou nada diferente nesse sentido

              • Evandro

                Amigo, não vejo problema nenhum em uma suspensão mais mole, se as nossas ruas fossem como a maioria das ruas da Europa eu concordo, agora nesse monte de precipícios q temos que colocar os nossos carros, esse é o tipo de suspensão ideal, ainda mais com um carro de baixa potência…..

                • Guilherme Batista

                  Bom se você gosta não tem problema algum, mas geralmente isso significa menos estabilidade e mais insegurança ao dirigir nas estradas, por isso eu não gosto.

                  • Evandro

                    Ah cara, depende mto, eu esses dias, fui para Mogi Guaçu com o meu V40, e tive a nítida impressão que andava de carrinho de rolemã……rssss, na vdd, acho que na vdd o problema não é o carro, e sim as nossas vias que são ruins demais…

        • Lucas086

          Mas o Fiesta é um dos melhores hatchs do segmento, sem sombra de dúvida, infelizmente foi esquecido pelo Ka… mas minha crítica foi baseado no que o amigo disse, que comprava um Ka+, a montagem do Ka e também do fiesta nacional, ainda deixa um pouco a desejar, apesar de ter melhorado muuuuuuito, em comparação ao Ka 14/15 e o fiesta 13/14, o fiesta mexicano nesse ponto é imbatível. Estou no meu segundo Fiat e segundo Uno, e no segundo Uno, gosto do acabamento, tecido nas portas, bancos bem costurados e não tem muitos ruidos, apesar dos pneus pirelli p1 serem duros.

        • Ediomar

          Nunca tive carros da Fiat,curioso adquirir um Stilo Sporting 1.8 2011 com 87mil km de único dono e estou adorando o veiculo,não faz um barulho sequer,zeradasso,até o teto skywindow(um show a parte)não faz um grilinho sequer,penso eu que a durabilidade de um veiculo esta muito ligada a forma que é tratado,na minha mão pelo menos esse carro irá durar muitos e muitos km ainda,e convenhamos muito mais carro que esse novo lançamento da Fiat e seus concorrentes mesmo sendo 2011.

          • Arthur Spíndola

            Esse skywindow da muito pau man. Tente sempre passar desigripante, mesmo que ele nao esteja fazendo barulhos. Wd40 é uma boa

          • Evandro

            Já tive 3 stilo, o ultimo era um schumacher com skywindow, nunca me deram problema, falavam um monte do teto, e nunca precisei fazer nada, a não ser que dê problema caso pegue muita rua de terra, até pode ser, mas pode ser, não significa que será, pelo menos comigo, nunca tive problema algum….

        • Matheus Amorim

          Creio que em questão de dirigibilidade o Fiesta é uma referência, porém tem uns pormenores nesta nova geração: o espaço interno é pequeno se comparado aos concorrentes, o carro é bem baixo (nessas ruas maravilhosas do Brasil e para entrar em estacionamento, raspa fácil se não tiver cuidado) e o acabamento deixa a desejar. Sem esses limitadores, seria uma das melhores compras mesmo (superior aos Onix, HB20 e companhia).

        • Evandro

          Seu Fiesta é mexicano ou brasileiro? Se for o mexicano eu concordo, se for o brasileiro acho que vc teve bastante sorte. Já tive Focus e o preço das peças era um absurdo….

          • Fábio Carvalho

            Já tive FIATs, 1 Uno, 2 Palios e 1 Siena, 2 destes em versões 1.6 tops,
            os quais conservei bem, mas não fiquei “alisando”, carro é para andar.
            Todos eles sempre deram os mesmos problemas básicos. Os FIAT sempre
            desalinhavam a direção facilmente, comendo os pneus dianteiros na parte
            interna rapidamente, sempre tinha que trocar a correia dentada antes do
            tempo pra não arrebentar, rolamentos do motor ruins antes do tempo, injeção desregulava no motor 1.6 16v, lâmpadas queimavam facilmente, infiltrações em
            caixas de ar, lanternas e faróis. Me enchi desses carros e mudei de marca. Não tenho mais esses problemas com
            meu Ford Fiesta Rocam 1.6, que nunca foi um carro
            badalado, mas quem tem ou já teve sabe a qualidade. Tenho há 6 anos e não quero trocar, pena que não fabrica mais.

            • Evandro

              Cara, já tive 2 mille (2003 e 2006), 3 stilo (2003/2004 e 2005), 1 palio week (2007), um palio fire (2015), uma fiorino (2016) e uma toro (2017), de todos, só estou hj com a fiorino para a empresa e a toro para o dia a dia, nunca tive esse problema com direção e alinhamento, muito menos com injeção, agora o palio 2015, era usado na minha loja para atender clientes, ele apresentou sim problema de queima de lampada de farol, mas no tempo que fiquei com ele, foram duas lampadas só que queimaram, não sei se pela baixa qualidade ou por conta de andar com os faróis acesos sempre, agora a lanterna traseira direita dele entrou agua mesmo, muita agua, a fiorino, queimou uma las lampadas laranjas do console, bem cedo diga-se de passagem, de resto não notei maiores problemas, mas acho que isso é meio que sorte de alguns e azar de outros, e ainda bem, o que seria do amarelo se todos gostassem do azul concorda?

              • Fábio Carvalho

                Concordo que cada um tem suas preferências, e elas se baseiam em suas experiências. Como é o seu caso e o meu. Você confia, ou prefere os FIATs, e eu desconfio deles, preferindo os Fords.

                • Evandro

                  Sim e isso é mto bom, aliás, não reclamo tanto de ford, os quais eu tive eu gostei, em especial do focus, o único problema q eu achei no focus era o preço das peças, mas nada além disso, muito pelo contrário, sempre se mostrou um carro confiável, potente e econômico…

                  • Fábio Carvalho

                    Concordo que o preço das peças do Focus são caras, alguns amigos reclamaram disso também. Mas no caso do Fiesta, não percebi isso, o preço é similar aos concorrentes, sendo que que as peças duram mais tempo no Fiesta que tenho, do que duravam nos FIATs que tive. Se as peças do Focus forem mais caras, mas forem mais duráveis, pode valer a pena, porque peças mais duráveis, significa menos tempo na oficina e menos possibilidade de enguiço, e isso é muito importante.

                    • Evandro

                      Sim concordo, cara, meu focus era um 2015 2.0ps, deu problema na bomba de combustível, porém estava na garantia, trocaram sem pestanejar, só esse problema que teve, mas eu vi na os o valor de quase 5k na bomba, por isso que achei caro entende? abs

    • Evandro

      Cara, vc já entrou em um KA ou Fiesta, é uma fresta a cada 10cm, tudo mal montado e até mesmo mal produzido, sem contar que deveria comparar com o KA e não KA+ que é óbvio que terá mais espaço por ser sedã….., se Fiesta fosse bom negócio não seria tão abandonado como é pelo próprio concessionário, sei lá, gosto é gosto, mas o Argo eu acho ser melhor opção tanto frente a KA quanto a Fiesta….

      • Fábio Carvalho

        Concordamos que gosto é gosto. Um Ford KA seria comparável com os FIAT Argo de motorização 1.0 e 1.3 e um New Fiesta seria comparável a outras versões. Meu termo de comparação foi o Argo 1.3, que pelo preço próximo você compra Fords bem melhores que esse FIAT. A versão de 80 mil do Argo é uma piada, nesse preço creio que se compra um Focus, um Corola ou um Civic.

        • Evandro

          Mas eu tbm não acho a versão de 80k uma boa escolha, tanto é que falei em um comentário que com 80k a gama de carros que esse dinheiro pode comprar é muito maior….

  • Fabiano/MG

    Palhaçada!!! Vi esse carro hoje e ele é do tamanho de um HB20. Pequeno e caro…. Aff….

    • Gustavo73

      Mas você achou que ele seria de qual tamanho?

      • Fabiano/MG

        Pelas fotos, principalmente aquele em que um modelo bateu de frente, eu achei quebraria do tamanho sim Bravo. Achei qum e seria médio, pra substituir o Linea/bravo.

  • 1945_DE

    O fato é, compra quem quer. Eu não vou comprar.

  • Ederson Lima

    O carro é simplesmente lindo, tanto por dentro quanto por fora, mas esse preço desanima qualquer um. Brasil está se tornando uma Venezuela aos poucos e se continuar assim, em breve ter carro zero vai ser coisa de rico (se já não é)!
    Não é atoa que ultimamente só se vê veículos Premium nas ruas (Renegade, Civic, Corolla e cia…). Acabou a era de Uno, Palio, GOL…

    • Guedes

      Só discordo do lindo!

    • Lucas

      Só discordo do seu conceito de veículo premium.

    • Austin&Katya

      Carro zero já é coisa de rico sim!

    • Evandro

      A era de uno, palio, gol ou qualquer outro carro pé de boa, se acabou a tempos, pra ser exato, desde quando se obrigou a ter air bag frontal e abs, dali pra cá, tudo ficou mais “premium” se assim pode-se dizer, na boa, deveriam ainda vender os carros básicos como antes, imagina o Onix 0 estrelas como se sairia, dá pra ficar devendo estrelas?

  • Diogo Augusto

    Vou limpar meus óculos porque o que eu vi não pode ser real

    • oscar.fr

      Passa o antivírus no PC kkkkkkkkkk

  • Mr. Car

    Para ter controles de estabilidade e tração em um Drive 1.3 eu tenho que ter também o câmbio automatizado? Troféu Joinha para você, Fiat!

    • oscar.fr

      Tinha uma época que para ter ABS vc precisava levar o câmbio automático, tipo no 207.

      • Evandro

        Mesma coisa a camera de ré, vc acha que não vai precisar adquirir junto a central multimídia?

  • No_Name

    Carrinho feito para competir com Ka, Sandero e demais pelotões low-cost chegar a custar R$ 80 mil. Estamos perdidos mesmo. Desse jeito o Polo vai iniciar em R$ 70 mil.

    • Evandro

      Cara, na boa, esperar o Polo? Não vejo lógica ainda na VW colocar o Polo no nosso mercado, pensa comigo, UP, Gol, Fox, Polo e Golf, é mto carro, um mto próximo do outro, tanto em preços como em visual propriamente dito, já que motor mesmo somente a versão GTI q tem algo de diferente mesmo…. Eu acredito que o Polo virá como o Golf veio, aquele “fuá” todo, nego penhorando até a cueca pra meter um calção no carro, revistas e “especialistas” falando o demônio do carro, pra depois de alguns meses não representar quase nada no quadro de vendas como foi com o Fusca e Golf….

  • Império Babaca

    Acabei de voltar da concessionária e já vi o carro. Em geral achei bem bonito, ele tem um porte similar a de um Sandero. Interior me impressionou positivamente, entretanto as portas poderiam ter um acabamento melhor. Mas o que mais me impressionou, foi o vendedor dizendo que não concorda com a política de opcionais da Fiat, falando que deveriam existir apenas versões fechadas, concordo plenamente.

  • Alexandre

    Ai você vê que o brasileiro é trouxa mesmo, porque pagar 2k numa central ou 1,3k num radio de pilha é de fud*.

    • Wellington Lopes

      2k na central até que vai, um pouco acima mas vem com usb traseira e volante multifuncional (sem contar que qualquer central com Android auto hj em dia já custa isto + instalação -usbs -controle volante)… O que dói é o 1,3 no rádio comum!

      • Junior_Gyn

        A partir do 1.3 já vem a UConnect de 7″

      • igomd

        Esse rádio comum tá custando um absurdo realmente, não vale cara. Melhor colocar o Pionner por fora enquanto o vendedor ameaça de perder a garantia

    • Arthur Spíndola

      Eu ri alto com esse coment hahaha

  • Anderson Menezes

    Esse carro tem Argo errado com os preços. Ehhh Brasil das pornografias no mercado!!!

  • igomd

    R$1200 um sensor de ré que hoje já custa menos de R$100, uns R$200 se camera de ré com visualização no retrovisor. Sem sentido esses valores de acessórios.
    Fato de não vir com o som de fábrica e ainda custar R$1300 .

  • afonso200

    ponteira de AZERA 11

    • Austin&Katya

      Ponteira de Azera e motor de Mobi kkk

  • pedro rt

    eu quase q desmaiei qdo vi o preço do 1.0 completo com pintura metalica… passando de 52mil… pelo visto o onix vai continuar fzendo a festa entre os 1.0, pois vc compra facilmente um por 45mil

    • Wellington Myph13

      Onix 1.0 LT do novo vc tira da CSS por 44k se for cor sólida até… A Fiat vai ter que bater de frente em descontos pra ganhar do Onix.
      Ele vai ter o fator novidade pra chamar atenção. Vão enfiar o dedo na ferida do Onix que são as 0 estrelas no novo padrão de teste… Vamos ver como vão fazer.
      Eu chuto que ainda assim vai fazer sucesso…

    • Evandro

      Cara, não dá para comprar um Onix 0, não digo 0KM e sim 0 estrelas com o Argo, mesmo custando 52k é mais negócio q um Onix com pintura metálica tbm a 46k, sem contar que na hr da venda e negociação essa diferença vai ser em torno de 4k com os descontos, pagaria 4k a mais e levaria meio Argo que um Onix inteiro…..

      • G.Alonso

        Pois é, ainda mais que o Argo é mais equipado para justificar.

        • Evandro

          sim

    • G.Alonso

      Sim, mas, o Argo 1.0 completo tem mais equipamentos que o Onix, tem retrovisores elétricos, vidros elétricos traseiros, start stop, câmera de ré, … A tabela do Onix também é alta, 47.900, se as concessionárias Fiat forem espertas e trabalharem com descontos já começam bem.

  • Davidsandro18

    Não desmerecendo o carro, que parece ser bem construído e de qualidade superior aos seus atuais concorrentes. Mas temos que admitir, se o Argo já tá custando toda essa bagatela, fico imaginando o preço do novo Polo com toda a qualidade alemã que a VW tá prometendo pra essa nova geração que está por vir. O céu será o limite! rs

  • Evandro

    Cadê as malditas portas do Palio que uns mocorongos disseram?

    • Austin&Katya

      Do Palio só tem o logotipo… O preço tbm podia ser o mesmo kkk

      • Evandro

        Logotipo dianteiro e do volante né? Pq o traseiro é outro..rsss, meu vô comprou um Palio 1.0 e pagou 44k esses tempos, não sei se pagou caro ou barato…..

  • Renan Max

    kkkkk não vai vender nada!!!! com esses preços há opções muito superiores no mercado.

    • Evandro

      Quais? E superior em qual quesito?

  • Evandro

    A versão precision 1.8 por 58.900 me parece ser a mais interessante, se for ver o fiesta está mais que isso, um onix ltz deve estar por essa faixa tbm, com motor 1.4

    • Wellington Myph13

      Precision vc diz.
      E é +/-… 208 1.6 16v custa isso e vem com teto solar, ar digital duas zonas, airbags laterais de série e sensores traseiros de série…
      Nesse 58900 tem que somar os 1200 pelo sensor pelo menos… E fica devendo teto solar…

      • oscar.fr

        E fica devendo muito mais pra chegar aos pés do 208. Sei não. Venderá por ser marca forte e por ser novidade. Do resto, não gostei.

        • Austin&Katya

          Ele venderia mais que o 208 pq a peugeot é queimada no mercado

          • oscar.fr

            Vc falou queimado e me lembrou de vários carros da fiat kkkkk

            • Evandro

              Meu, era em 1994, carro recém chegado da Itália e não tropicalizado, se fosse assim, não se venderiam mais pneus Bridgestone…. E é fato que estão fazendo qualquer negócio para colocar Peugeot nas ruas, se na época de vacas gordas não vendia, imagina agora como está…..

              • oscar.fr

                Ué, a FIAT que tem vários Tipo e Marea que pegam fogo não pode pagar o preço dos erros do passado, mas a Peugeot deve continuar até o fim dos tempos com a fama dos carros de 20 anos atrás? Não entendi.

                • Evandro

                  A diferença é que o que houve com a Fiat foi a 23 anos atrás e o desleixo da Peugeout com o consumidor perdura até hoje, simples assim…

            • Austin&Katya

              Tá falando do Marea? Eu disse queimado, não explosão kkkk

        • Evandro

          Não sei não, Peugeot é complicado demais, é igual vc ir comprar ferramentas, vc tem um kit x com 10 peças de boa qualidade, e ao lado tem o Kit com 105 peças ao mesmo preço, porém é uma caixinha de surpresas….

      • Evandro

        Ah cara, não dá pra comprar com Peugeot, 208 acho bacana, mas só por ser Peugeot eu nem entro na css…. Não que o carro seja ruim, mas a fabricante tem uma fama tão ruim de pós vendas, de preços absurdos de reposição/revisão, e depois ainda se vende com um ano de uso pela metade do preço do novo, é de matar, repito, o carro parece ser legal, se ao menos a Peugeout melhorasse no pós vendas e nos preços talvez fosse algo legal…

      • Evandro

        Sim, precision, havia colocado HGT, aí vi que errei e alterei…rss

    • Gustavo73

      53 mil o Fiesta SE, 58 é o SEL.

      • Evandro

        Esse carro vai sair por menos que 58k na hr da venda, sendo assim ainda acho mais negócio do que um fiesta 1.6 fim de linha, com rodas de ferro e ainda uma reestilização eminente e necessária…

        • Gustavo73

          Preço de tabela é preço de tabela. O Fiesta de 53 mil custa o mesmo que o Argo 1.3. e sai por 50 mil aqui no Rio (pelo menos foi o que eu vi em um outdoor). O de 58 mil reais tem ar-condicionado digital e a sopa de letrinhas completa.

          • Evandro

            não faço idéia de qto sai um fiesta….

    • Guto Tux

      Está errado esse preço… é a versão Drive 1.3 GSR que custa R$ 58.900. A versão Precision 1.8 custa R$ 61.800

      • Evandro

        não estou errado não, releia o texto: “Fiat Argo Precision 1.8: R$ 58.900”

        • Guto Tux

          o texto é que está errado…eles inverteram os preços da Drive 1.3 GSR e a Precision 1.8….eh só verificar no site da fiat

          • Evandro

            entendi, obrigado

  • Alexandre Maciel

    “versão top chega a R$ 81,2 mil”

    Nunca! Jamais, Fiat!

    • Evandro

      Essa versão é para acéfalos somente…..

      • Fanjos

        Por 70 nem sensor de estacionamento tem, AB lateral? Nops… Então se a pessoa quiser 1.8 At e algumas coisas que nem deveria ser considerado mimo vai ter que chegar perto dos 80 mil

        • Evandro

          Pois é, situação tensa…..

  • Breno Leite Brito

    Preço na média da concorrência, com um produto aparentemente muito bom. Possivelmente meu futuro carro.

    • Austin&Katya

      Tu é rico

      • Evandro

        Não precisa ser rico para comprar um carro de 60k, concordo com o comentário dele, acho o preço razoável perante a concorrência… Seria muito cômico se a Fiat lançasse um produto novo, com certa tecnologia, a um preço de 40k…

  • chinese

    Por que 8mil de diferença entre as versões 1.3 manual e automatizada?

    • afonso200

      e isso que esse cambio é pra custar no maximo 3mil

    • Fanjos

      Pq não ouviram meus conselhos eu disse que queria 16 mil de diferença… Mas fazer o que

  • Bruno Albuquerque Borges

    Minha esperança e a liberação dos importados mesmo, pq ai o preço vai ficar competitivo! ai eu quero ver a guerra!!

    • Evandro

      Não fica cara, pode ter certeza, vão taxar até o talo os importados….

    • Fanjos

      Esperança e Esgotozil na mesma frase são palavras incompatíveis, é como falar Maria do Rosário com sanidade mental… Simplesmente não combina

  • Guilherme Batista

    E vocês reclamando de pagar 70k em um Fiesta turbo hein…

    Brasil não é para amadores amigos

  • Rafael Mustafá

    Comprei meu Audi A3 Sport 1.8 TSFI 2014, paguei 68 mil a um mês… Só compra essas carroças quem quer muito um carro 0km, esses preços estão totalmente sem lógica. O pior é que não há concorrência, todos praticam os mesmos valores e o governo faz vista grossa para esse lobe

    • ahha faz vista grossa? O governo é socio das montadoras na enfiada de nabo nos brasileiros. hehe

    • Evandro

      A3 é show, mas seguro é complicadíssimo…… Desculpe a pergunta, mas qto paga de seguro por ano?

  • Marco Antônio

    Na moral, se eu fosse comprar um 0 km, compacto, era um RS só por soberba mesmo. Já que é pra torrar grana que seja em algo divertido.

    • Evandro

      rsssss, e não é que vc tem razão no seu comentário, ou um up tsi talvez….

      • Marco Antônio

        kkkkkk mas é uai. O TSI também, já aliava com baixo consumo. Mas o RS ainda é mais irracional, por pura emoção, tal como pagar 60 mil em um compacto. kkkkk

  • SDS SP

    Decepcionado com essa versão 1.3L. Para ter ESC preciso desembolsar quase 60k.

  • Jackson

    O preço do kit de opcionais parece preço de leilão. Kit parking grita o leiloeiro, um levanta a placa 500,00 o outro 800,00 e outro 950,00 e segue o leilão pelo melhor preço para a empresa. Nem parece que se precifica por custo de produção, impostos, lucro etc. Preços tão redondos que chega a ser cômico. Por que não custar kit parking 1.123,75 pareceria bem mais sério e justo ao olhos do consumidor.

    • Evandro

      E sabemos que só pareceria né, isso não deve sair mais que 117,82 para o fabricante…rssss

  • O top de 81,2 mil não estaciona sozinho? Passo..

  • HENRY ME

    Como argo assim foi acontecer.
    Peugeot 208 e 208 Gt parece ágora mais atraente.
    Cruze sport

    • Evandro

      Desde que não fosse o detalhe de ser da Peugeot…rssss

  • Samuel Almeida

    Deixe aqui sua risada para a Fiat.

  • Oberon de Megrez

    Fiat Argo Precision 1.8: R$ 58.900 ok… Sou mais uma Peugeot 206 SW Feline USADA que se equipara com a lista de equipamentos… Fiat Argo HGT 1.8 AT6: R$ 70.600 … Compro um Altima em ótimo estado, com direito a noivado, casamento e viver felizes para sempre

    • Guto Tux

      o texto é que está errado…eles inverteram os preços da Drive 1.3 GSR e a Precision 1.8

  • Victor Hugo

    Pena que a maior parte dos compradores não participam de blogs como o da NA. Ai saem comprando o carro, e acabam com o mercado. A culpa é de todos, do governo protecionista, das montadoras exploradoras, e do pior, dos consumidores que compram os carros com preço nas alturas.

  • About Carros

    ??

  • Sergio

    “Side bags dianteiros (R$ 2.500)” . Sem comentários

  • Leonel

    Capaz, que se eu tivesse R$ 81,2 mil, eu iria comprar esse Argo. Digno de PURA risada, isso sim…
    Morar no Brasil não é fácil…acho que somos chamados de trouxas, né possível…

  • Fanjos

    Até o HB20 que tem péssimo custo benefício e custa 67 mil já tem tudo que essa tranqueira tem, tirando a chave, sério mesmo Fiat?
    Pq já não colocou 100 mil no mais básico para ficar melhor?

  • Rafael Fernandes

    A que Punto chegamos…

  • Ivan Almeida

    80k kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk… Fiat…. tá bom!

  • About Carros

    Ta serto! O cidadão vai pagar mais de 70 mil em um Palio atualizado que não vem completo!
    Com isso a fiat nos mostra a sua ganância.

  • Esquilo Tranquilo

    Fico com meu Fluence 2011 com 6AB, Xenon, ESP e o baralho a quatro, sem noção esses preços.

  • Jeremias Flores

    vi a chamada da noticia e vim só pra ler a choradeira nos comentários. huahauhuhauha

    (sim, também acho um absurdo esses valores)

  • Joildo Dias

    Barato demais Fiat, qual o motivo te tanta bondade kkkkkkkk…..

  • fejunk

    oitenta barão num punto etork com face lift hauhuahuahahh

  • Gabriel

    Pelo amor pessoal, parem de comprar carro zero!!! Isso é mais do que uma vergonha, é uma piada feita pelas montadoras aos consumidores… Se você não gosta quando riem de você, então não comprem esses carros a preços exorbitantes…

  • Rafael Trindade

    A idéia deles é de fato ganhar o mercado o HB20? Não pode ser. O bravo era um carro bacana, o Punto nem tanto ( tirando aquela versão cheia de coisinhas bacaninhas ), mas novamente a Fiat lança um veículo morto em sua versão Topo de linha ( lembrando da sigla tJet )

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend