*Destaque Fiat Sedãs Vídeos

Fiat confirma nome Cronos para o sedã baseado no Argo (vídeo)

fiat-cronos-nome-argo-oficial Fiat confirma nome Cronos para o sedã baseado no Argo (vídeo)

A Fiat confirmou nesta sexta-feira, 20, o nome “Cronos” para o novo sedã compacto baseado no Argo. De acordo com a marca, o nome representa “o mais jovem dos titãs, filho de Urano, o céu estrelado, com Gaia, a Terra” e ele é considerado “o deus do tempo, capaz de reger todos os destinos”. A revelação da identidade do carro foi feita com uma corrida de seis Mille com escada no teto.



No vídeo, os seis exemplares do Mille aparecem nas primeiras imagens, mas logo vão sendo substituídos a cada volta por um modelo lançado recentemente pela Fiat, o que inclui o subcompacto Mobi, o próprio Argo e a picape Toro. Cada carro, ao entrar na pista, ostenta uma letra na carroceria, formando ao final o nome Cronos. A Fiat lançou ainda um hotsite exclusivo, onde os interessados podem se cadastrar para receber novidades do modelo.

Entretanto, outros detalhes a respeito do inédito Fiat Cronos ainda não foram divulgados. Sabe-se que o novo sedã compacto será produzido na Argentina (o Argo sai da linha de produção de Betim, em Minas Gerais) e vai concorrer com modelos como Honda City, Chevrolet Cobalt e o futuro Volkswagen Virtus.

A estreia do novo Cronos no mercado brasileiro deve acontecer no início de 2018. A expectativa é que o carro seja ofertado por aqui nas versões Drive e Precision, a primeira com motor 1.3 litro Firefly de até 109 cavalos de potência e 14,2 kgfm, com câmbio manual ou automatizado GSR de cinco marchas, e a segunda com o 1.8 E.torQ de 139 cv e 19,3 kgfm, com transmissão manual de cinco velocidades ou automática de seis relações. Estes aparatos são os mesmos ofertados na linha do Argo, que dispõe ainda de uma configuração de entrada com o 1.0 Firefly flex de três cilindros, que rende potência máxima de 77 cv.

Ainda de acordo com o divulgado da fabricante italiana, o novo “Fiat Cronos vem para mostrar que a passagem do tempo para a Fiat se materializa numa jornada de renovação”.

  • João Cagnoni

    O Polo foi um balde de água fria para a Fiat, o “Cornos” já nasceu defasado.

    • Franco da Silva

      Vim pra fazer essa piada… cheguei atrasado! huahua
      Mas é sinal que muita gente vai pensar nisso tbm.
      Que bola fora, FIAT!

      • Saulo Gomes

        Tb cheguei atrasado, mas ainda posso complementar a piadinha, uma das vantagens do novo carro é quem com teto solar em todas as versões.

        • Lauro Agrizzi

          Putz. è muita bobagaem

          • Saulo Gomes

            Se acha que estamos falando bobagem, imagine o que os vendedores da Ford, GM, VW, etc vão falar? Foi um erro gigante da Fiat, se o trocadilho pegar, matou o carro.

      • Filipe Augustus

        Eu tinha uma Toro agora um Cornos, hahahahhahahaha

        • Pedro154

          Argo me diz que os chifres do Toro caiu na cabeça de Uno Cornos. Hahahahahahahaha, o universo de piadinhas é vasto com os nomes dos carros da Fiat!

      • Lauro Agrizzi

        quanta falta de criatividade

        • Mario

          A molecada aqui, come muito palhacitos!

    • Raimundo A.

      Foi lançado? Já está a venda? Não coloque a carroça na frente dos bois. Concordo que o Polo, nas versões com o TSI, e ainda dependendo de opcionais, pelo que cobram, ficou mais atrativo que o Argo. As de acesso, sinto muito. A depender do que é ofertado e posto de opcionais, o Argo está em equilíbrio.

      O Cronos nascer defasado é brincadeira. Até ele ser lançado, a Fiat já sabe a política da VW sobre o Polo e poderá seguir no Virtus, tem tempo para adequar o produto a concorrência nova, ainda que eu não veja solução a curto prazo quanto a mecânica intermediária, a 1.3, que no Cronos talvez nem tenha o GSR. A VW não se deu ao trabalho de por o AT6, embora o preço das versões permita, no motor MSI.

      Ainda, se for especular para pior, o Virtus pode vir com a intenção de matar versão de acesso do Jetta, preço muito próximo mesmo usando o TSI 200. A marca já diz que o porte é muito próximo do atual, pois a nova geração deve vir maior e, muito provável, mais cara. Pelo que se vê nos flagras do Cronos, ele não tem medidas o comprimento do Linea até porque o Tipo é minimamente maior e será ofertado na Argentina.

      Dizer que é ultrapassado é piada e dizer o que o Polo que não tem direção com ajustes nas versões básicas? Esqueci as preferências são por conveniência. Um veículo de saída de ar baixa, se for Fiat metem o pau. A VW lança o Polo com saídas baixas, mas isso não é problema porque o conjunto é superior, blá blá….

      Quer criticar, mostre argumentos. Tem gosto pra tudo. O ZerOnix tá mais vendendo sem problemas com a péssima avaliação. O povo até parece está preocupado com a segurança que o projeto do Polo garante.

      • Saulo Gomes

        Um remendo que só é vendido em países do terceiro mundo contra um carro projetado para a Europa, fala sério que o Aro e Cornos são do mesmo nível que o Polo.

        • Raimundo A.

          O sujo falando do mal lavado? Cite um país de primeiro mundo onde o Gol é vendido e quando o Fox foi bastante criticado.
          Citar produtos específicos é bom, mas cadê a marca com produtos exclusivos primeiro mundo?

          Estou comparando produtos com o tratamento que as montadoras deram. Se a VW fosse tão boa, teria ofertado o Polo com o TSI 1.4 e não teria deixado as versões de entrada parecendo um Gol pela simplicidade.

          • Saulo Gomes

            Tem razão, o Argo tinha de estar no preço do gol, ambos projetos de terceiro mundo.

      • João Cagnoni

        1- Nas versões mais caras o Polo é bem mais vantajoso, mas acho que o que você disse só faz sentido nas versões 1.0, pois o Polo 1.6 MSI já é bem superior ao Argo 1.3. 2- Não tenho nada contra o 1.8 da Fiat, mas o 1.0T da VW é melhor. 3- Independente de ter tempo ou não pra adequar à concorrência, estou deixando claro que HOJE o Polo é superior. 4- Quem vai atrás de um Polo automático nunca vai querer um Jetta manual. O Jetta automático custa 15k mais caro, não é pouco, além de que o Polo tem o painel digital que é um grande atrativo. 5- O Polo tem regulagem de altura do banco e 4 air bags desde a versão de entrada. 6- Sinceramente não faço questão do posicionamento das saídas de ar.

        • tiago

          Polo 1.6 bem superior não é totalmente verdade. vejo pontos positivos e negativos em ambos.
          O Polo terá mais fôlego, mas gasta mais combustível.
          fora que o preço do Polo com ESP custa quase o preço do Argo 1.3 gsr, este, mesmo automático, consome menos que o polo manual.
          O polo tem dois airbags a mais, mas não tem retrovisor elétrico nem volante com ajuste de altura.
          Enfim, a analise deve ser profunda, não é fácil cravar “x é melhor que y” depende do que se procura.

          • Saulo Gomes

            Quando o Argo for vendido em algum país de primeiro mundo você volta aqui, por enquanto é uma gambiarra feita para países pobres que aceitam qualquer porcaria.

            • Raimundo A.

              É igual a gambiarras Gol e Fox.
              A Fiat disse que o Argo não seria para certos mercados, então não há novidade. A VW trouxe o Polo para cá, mas teve que simplificar em certas coisas para ser ofertado.
              Formas de compensação sempre haverá. Se for mérito um produto ser de primeiro e outro não, sinto muito, mas no primeiro mundo também há produtos ditos ruins e se há, deve-se a consumidores que precisam como os daqui que preferem veículos com recursos de entretenimento. Se é ou não seguro não faz diferença. Logo, a VW poderia ter feito um produto pior que o Polo e ofertado os mesmo itens de tecnologia e iriam dizer que é superior a concorrência.

              • Saulo Gomes

                Ai é que está a questão, o Argo tinha de ter preço de Gol. são bem equivalentes, ultrapassados e inseguros. Já o Fox foi vendido na Europa, um dos poucos carros fabricados no Brasil a fazer isto, o erro neste caso é continuar produzindo no Brasil, já deu o que tinha de dar.

        • Raimundo A.

          O comentário está claro quanto quais versões são mais atrativas o não comparadas ao Fiat, e como você relatou, tem quem não se importe com certas coisas porque acham melhor outras.
          Você pode achar o Polo superior em tudo, o Cronos não, mas há quem dirá o contrário a depender da comparação.
          O que não pode e você fez é ter ciência que um pode ter virtudes sobre o outro, e questionei isso, mas ao mesmo tempo afirmar que um produto que nã o foi lançado já nasce perdendo. Se você reconhece no hatch certas coisas, o sedã, no mínimo, seria similar.
          Ou você é daqueles não pensam no que dizem? Basta dizer que um item bom no meio de ruins, nem todos são ruins. Se o Argo não é de todo mal, não é verdade que o Cronos será ruim.

        • Gabriel Medeiros

          1- Polo 1.6 é igual ao Polo 1.0, só muda o motor. E ambos perdem em equipamentos para o Argo 1.3, e Brasileiro gosta de itens de conforto e conveniência, não vão trocar isso por 9 cv a mais. Ônix tá aí como prova. 2- Concordo, o 1.0T deve ter uma condução mais gostosa. 3- Novamente, superior dependendo do que vc valorize no carro. O TSI tem tudo, mas os básicos pecam em muitos aspectos. 4- Quem precisa de um Sedan dificilmente escolhe um hatch, e vice versa. 5- Mas não tem retrovisor elétrico, ajuste de altura no volante, sensor de estacionamento, DRL ou mesmo um farol de neblina… E isso por 57,5 mil.

    • Mario

      kkkk…João Piadista!!! O VW Golo realmente está vendendo igual água fria em estrada congestionada!!!! E o VW Virtual então!!! Nem foi lançado, já é campeão em vendas!!! Coitado do Onix!!!
      Esses haters realmente, não tem vergonha.

      • João Cagnoni

        Hater? Não é o perfil de carro que eu compro, meu carro atual nem sequer é da Fiat ou VW. Com qual fundamento você fez tal definição?

    • Mario

      João Cagnoni, com este sobrenome, você deveria evitar essas brincadeirinhas…já pensou em tirar o n do Cag..oni….eita.

      • Saulo Gomes

        Sobrenome a gente não escolhe, mas nome de carro é escolhido.

      • João Cagnoni

        A piada atingiu você? Serviu a carapuça?

    • Mauro Moraes

      Rapaz eu achei “Cronos” mais interessante que “Virtus”, que se confundi com “Vírus”. É mais sonoro e tem significado mais rico. Quanto a “defasado” é esperar os dois serem lançados para analisarmos. Qual será o melhor? Não interessa. Os números que realmente valem são os de “venda”.

      • João Cagnoni

        Como assim o melhor não interessa? Você compra carro que vende muito ou aquele superior?

        • Gabriel Medeiros

          O carro que dá retorno pro fabricante, que dá lucro, é o carro que vende mais, não o melhor. Os acionistas não estão interessados no carro que os entusiastas dizem ser melhor, se ele não vender. E carro que não dá lucro vai pro limbo.
          O Fiesta tá aí como um modelo Europeu tb, seguro, completo e com motorização super eficiente. Carro mais vendido da Europa por anos a fio. Mas se não tem perfil altinho e não tem CMM, aqui não vende, e a Ford já disse que vai substituí-lo por um projeto “abrasileirado”.

        • Mauro Moraes

          Pode ser o “melhor carro do mundo”, mas se não vender é mico. E logo é descontinuado pelo fabricante. Todos por aqui falam mal do Onix. Mas o bicho vende bem, e é certeza de bom negócio na revenda.

          • Gabriel Medeiros

            Não só isso mas eu acredito que, e posso estar errado aqui, mas nos modelos que vendem bem as fabricantes conseguem investir mais no desenvolvimento (dado aquilo que o público pede mais). Veja o 208 e C3, só agora ganharam o AT6. Os VW, Fiat e Renault de entrada ainda estão no automatizado. Aí vc pega os mais vendidos Ônix e HB20, ambos de entrada, ambos oferecem AT6 faz tempo. O Ka é o ponto fora da curva.

      • SDS SP

        Volume de vendas só interessa ao fabricante e css.
        A não ser que de alguma forma você dependa disso para sobreviver.

        • Gabriel Medeiros

          O carro depende disso pra viver. Além do Fiesta, já já o 208 segue o mesmo caminho, e o GT daqui a pouco entrega as cartas, igual fez toda a linha DS. Cadê o Civic SI? Peugeot 3008 virou SUV pra vender mais, não foi?

          • SDS SP

            Mas os carros que você mencionou são de outros nicho, uma seara completamente diferente para os “meros mortais”.
            Sou completamente contra a esse pensamento de comprar um carro apenas porque ele é “líder”. Existem outros argumentos.

            Quem gosta de carro, preza por algo de qualidade e algum prazer em dirigir não enxerga esses aspectos. O que você disse pode ser válido para aqueles que querem apenas um meio de transporte.

            • Gabriel Medeiros

              Há, mas eu não escolho carro pelo volume de vendas, eu sou um feliz proprietário de um New Fiesta SEL 2017, que eu considero um excelente carro, com projeto Europeu e um foguete na rua. Fico até feliz que não vende muito, só assim tem poucos na rua e dá sensação de exclusividade.
              Maaaas, eu sei que no final oq importa pra sobrevivência do carro é o volume de vendas, e por conta disso o Fiesta deixará de ser um projeto internacional. Por melhor que seja o carro, se não vende ele se dá mal. Ou fica super caro, ou some.

    • Lauro Agrizzi

      ? que afirmação mais sem nexo e base

    • ALVIN_1982
  • Speed Racer

    A FIAT conseguiu o improvável, um nome pior do que Argo.

    • Saulo Gomes

      Improvável pq? Mobi, Toro, Argo, não acertam uma. A falta de cuidado em colocar o nome representa bem a empresa, parece que ninguém lá está nem ai para nada, fazem do jeito que deu e que se %$%$, qualidade, marketing, projeto são secundário para a Fiat, as vzs parece uma estatal.

      • Geraldo Xavier

        Toro é um excelente produto. Vende muito e quem compra caga e anda se acham graça do nome. Todos os nomes de carros são passíveis de piada. Ficha técnica e bom pra vender revista. Cada um compra o que gosta dentro do seu orçamento, se não fosse assim só veríamos mercedes nas ruas.

    • Mario

      O up! que é super legal!

  • Kadu

    Curti a propaganda, mas tirando o exagero, principalmente o da Toro: primeira vez na história da fiat que a logo vem pintada de preto, como se isso fizesse diferença! hahahah queria ver era a corrida dos unos com escada! hahaha

  • zekinha71

    Que fiasco essa corrida, uma bela palhaçada.
    Se o cornos não tiver um preço bem lá embaixo, só vai fazer figuração.

    • Raimundo A.

      Bem, a Polo poderia ter o preço bem lá em baixo, mas a VW disse que não dava. Está segurando o Fox pra quê? Para deixar o Polo caro nas versões de entrada com interior de Gol?

    • Saulo Gomes

      Tb fiquei decepcionado, odeio a Fiat, mas a corrida de Uno com escada eu queria ver ai substituem os carro, brochada geral.

  • R1 o comentário no1

    Eu achei show!

  • Ricardo

    Todos os novos carros da FIAT já saem defasados.

  • Guilherme Sanches Pastre

    Dahora foi a fechada que o Argo vermelho tomou da Toro e do Mobi no final do vídeo, auhauhau

    • Alessandro

      Velho eu dei replay umas 5 vezes, acho que chegou a encostar os retrovisores hauhuahau

  • Adriano Feroli

    Fiat cometendo erro de marketing ….. piada pronta.. Fiat Cornos.

  • Pedro154

    “Argo” me diz que as piadinhas com “cornos”, ops, Cronos, serão recorrentes, hehe! Apesar disso, “Cronos” é um nome legal, talvez ficasse ainda melhor se fosse com a letra K.

  • beto

    Bacana! Mas aqui o cara põe defeito até na mãe.

  • Eu achava que eu era um Toro, mas descobri Argo de errado, e agora sei que sou um CoRno.

    Nao resisti kkkkkkkkk

  • Jorge Castro

    Falaram a mesma coisa do do mobi q ja nascia morto por causa do up eo o mesmo nao vende nada c comparado as expectativas .Mercado brasileiro nem sempre o melhor produto e no mais vendido , onix ta ai lider absoluto ) vai depender de preço , equiopamentos de serie , promoçoes e forma de pagamento pois isso sim vende carro fora o marketing .

  • Jorge Castro

    Ne outro post perguntaram como alguem deixa de comprar um polo pra comprar um uno e so ver a lista de equipamento e equipar o polo com o q vem no uno q a pessoa ver o motivo , brsileiro ta cagando e andando opra seguranç ele quer e carro barato comn ar , central , direçao leve , e vidros eletricos nas portas rs

  • Jorge Castro

    esqueci de mencionar facilidade de pagamento

  • Zé Mundico

    Se for econômico, tem tudo para ser o queridinho dos taxistas.
    E como Cronos é o deus do Tempo, vai ser questão de tempo para se arrepender depois de ter comprado.

  • Jeff_ A_N

    no final da corrida, quase que a Toro tromba com aquele Argo Vermelho..huahauahha

  • No_Name

    No final do vídeo o Toro quase bateu no Argo, navalhada!

  • Adauto Vieira Dias Júnior

    Não sou fã boy da FIAT, sei q a marca possuem carros de projetos antigos e tal, mas a verdade tem q ser dita, eles fazem carros que não dão dor de cabeça e para um País como o Brasil, ela tem produtos adequado para o mercado.

    • No_Name

      Defina o que é dar dor de cabeça, porque os carros da FIAT são “bons” nisso sim.

      • Adauto Vieira Dias Júnior

        Na questão de ser barato a manutenção, cesta de peças, seguro, mal dá defeito, pelo menos os carros que eu tive da fiat foram assim, ja tive 3 e aguenta o rojão. pode colocar em entrada de pau e pedra. porem, como todo produto, tem seus lados ruins. como, interior frágil, algum modelos beberroes,entros outros defeitos.

    • Saulo Gomes

      Tive um Uno mille que realmente era muito bom, mas comprei um Palio que só me deu dor de cabeça, disparado o pior carro que já tive na vida, Fiat hj não quero nem graça pq sei que vai ser prejuízo.

  • adalberto ozelim

    E daí ! Onde está o Fiat Cronos ?

    • No_Name

      Só em janeiro junto com o Virtus.

  • Marcelo Martins Ferreira

    O brasileiro tem o dom de dar apelidos para carros e isso já custou o fim precoce de alguns modelos, no final de 1965 a VW lançou o fusca com teto solar no Brasil e logo o modelo ganhou o apelido de CORNOWAGEN,, com isso as vendas foram fracas e o modelo foi descontinuado no final de 1966.
    Outro modelo da VW que as vendas não emplacaram por causa do apelido foi o VW 1600 sedã, com linhas quadradas e quatro portas, cada uma com uma maçaneta, parecia um esquife e não demorou muito para ganhar o apelido de ZÉ DO CAIXÃO, uma referência ao macabro personagem de José Mojica Marins, que dormia em um caixão com alças, foi lançado no fim de 1968 e saiu de linha em 1971.
    Parece que a FIAT está querendo imitar a VW lançando um carro com um nome que mesmo antes de lançado já foi apelidado de CORNOS !!! será que a história vai se repetir ????

    • Adauto Vieira Dias Júnior

      Para mim, o nome de carro não influencia muito na venda! você tira pelos produtos da GM. Só tem nome de POKEMON! kkkk ONIX, COBALT. e sem falar o SONIC.

    • No_Name

      Acho besteira isso, não tem como associar uma coisa a outra só pelo anagrama. No caso dos VW eles ganharam seus apelidos porque um se parecia com caixão pela novidade das 4 portas e o outro o teto solar era algo desconhecido para os brasileiros, o que causou estranheza.

    • Saulo Gomes

      Pelo sim, pelo não, as montadoras descartam nomes que possam virar apelido muito fácil, costumam fazer um bom estudo antes, mas na Fiat deve ser o estagiário que decide.

  • Bruno Gomes

    Ônix/Prisma, Gol/Voyage, Ka/Ka+ e agora Argo/Cronos tem um visual muito comum e básico. Diferente dos concorrentes 208, Fiesta, C3 e HB20, que possuem visuais próprios e sent semelhança algum com os concorrentes. O interior da dupla da fiat pode até ser boa e a qualidade na construção também mas o visual não convence sendo mais do mesmo, semelhante aos concorrentes citados. Vamos esperar o número de vendas e o lançamento do Cronos e Virtus pra ver a reação do mercado.

  • Erick

    Preferia que a FIAT tivesse voltado com o nome TEMPRA e TIPO ou mantivesse GRAN SIENA. “Cronos”… nada a ver com carros!

  • EDU

    Independente dos comentarios hilarios aqui e independente do nome ecolhido prq gosto cada um tem o seu o comercial foi bem bolado como geralmente a Fiat faz e se aproveitando da sacada do meme do Uno com escada. O carro independente do nome e certo que ira vender. Quem ja entrou no Argo sabe que ele tem um acabamento bem bacana . Sobre o que e defasado ou nao como um rapazinho disse aqui olha meu jovem nao e todo mundo que pode comprar uma Maseratti Levante ou um carro de entrada premium como um A1 . Talvez o defasado Cornos como vc diz possa ser uma BMW pra muita gente. Gosto e Bolso nao e igual pra ninguem .

    • Marcos Pastori

      Falou tudo!

      Normalmente quem vem aqui criticar, não tem dinheiro para comprar nem um Kwid básico.

      Dentro da realidade Brasil, são carros ótimos, Polo ou Argo ou mesmo o HB20.

      Exigir carro de primeiro mundo é fácil. Se comportar como um cidadão de primeiro mundo, ninguém quer né.

      E o teclado aceita qualquer coisa, então é fácil vir aqui criticar qualquer lançamento (que não seja um superesportivo).

      • invalid_pilot

        Ser conformado com as porcarias que vendem a preço de ouro ta certo.

        • EDU

          Certo nao esta pero 99% nao tem tem muito o que fazer. Qual seria a soluçao ?

          • invalid_pilot

            Usados!

            Mas a massa tem medo de mecânico e prefere comprar uma porcaria 0km (na ilusão de não ter problemas – nem sempre é assim, ainda mais em carro de entrada)

            • Depois que eu vi remontagem artesanal de carro batido, extremamente bem feita no aspecto visual, onde o carro passaria fácil como um bom seminovo, passei a entender os motivos para não se comprar carros usados.

              • invalid_pilot

                Cada um tem sua convicção, obvio que não dá pra comprar um usado sem fazer uma inspeção ou pré-compra.

        • Marcos Pastori

          O nível da ”porcaria” é compatível com o nível sócio-econômico e cultural do país….ou vai falar que na Índia e na China vendem coisas diferentes à preços melhores ?

          Aliás, Índia e China já estão na nossa frente à muito tempo.

          • invalid_pilot

            Tenho minhas duvidas se o preço que se paga aqui é igual ao que se paga nesses lugares.

      • EDU

        Compraria tanto Argo como Polo se fosse o tipo de carro que me atendesse. Nao adianta ficar nesse mimimi . Se que algo melhor entao Europa. U.S.A e o jeito. Morei muito anos na Italia que a diferença e gritante oras logico que e! Mas o que ha de se fazr ? Povo critica pra kct mas ate agora nao vi aparecer nenhum genio ( no bom sentido ) pra ter uma ideia mirabolante pra mudar as coisas. E vamos viver nesse mimimi. Eu ja parei de dar murro em ponta de faca faz tempo.

  • Pedro Cunha

    A estratégia do vídeo foi excelente, demonstrou o mínimo de respeito e consideração com o uno/mille, que foi o modelo que “pagou as contas” da fiat por muitos anos.
    Só temo que a marca use a mesma estratégia que teve com o linea, tratando-o como “médio” quando na verdade era apenas um “sedã-pequeno”, minou um possível sucesso pois era um bom carro, com bons atributos, apenas tinha preço e proposta equivocadas.

    • EDU

      E verdade Pedro . Mas nao acho que a Fiat fara isso nao.

  • Hugo Leonardo Dos Santos

    Poxa, é muito difícil colocar o motor 1.0 Firefly no Grand Siena já que ele não sai de linha?

    • EDU

      Dificil nao e! mas creio que ele saia logo de cena

      • Hugo Leonardo Dos Santos

        Em outro site diz q a Fiat não vai tirar o Gran Siena de linha e manterá os motores 1.0 e 1.4 fire

  • SDS SP

    O nome está Okay. Não o porque de tanta discussão.

  • Ricardo Rangel Lirio

    Toro e Cornos…

    Homenagens?

  • Alexandre souza

    Lendo os comentários achei que estava no carblog. Só haters e fanboy.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email

Send this to a friend