Fiat Matérias NA Mercado Peugeot Preços Renault Veículos Comerciais

Fiat Doblò, Peugeot Partner e Renault Kangoo: entregar pequenos volumes é com eles

doblo-partner-kangoo-620x337 Fiat Doblò, Peugeot Partner e Renault Kangoo: entregar pequenos volumes é com eles

Havia mais opções de multivans no mercado, mas atualmente apenas os modelos Fiat Doblò, Peugeot Partner e Renault Kangoo estão disponíveis.



Os comerciais de origem européia são aptos para entrega de pequenos volumes na cidade ou serviços que exijam transporte de máquinas e ferramentas em um espaço maior que o oferecido por hatches comerciais.

doblo-partner-kangoo-1-620x465 Fiat Doblò, Peugeot Partner e Renault Kangoo: entregar pequenos volumes é com eles

O Fiat Doblò Cargo é a versão do modelo específica para o transporte de volumes. Ele está disponível com motores 1.4 8V com 85/86 cv ou 1.8 16V de 130/132 cv, respectivamente com gasolina e etanol.

Já o Peugeot Partner é a opção da PSA no Brasil para esta função. O modelo francês está disponível apenas com motor 1.6 16V com até 113 cv. Por fim, outro francês fecha o grupo, o Renault Kangoo. O furgão compacto da marca francesa está equipado com motor 1.6 com 95/98 cv.

doblo-partner-kangoo-2-620x412 Fiat Doblò, Peugeot Partner e Renault Kangoo: entregar pequenos volumes é com eles

O Fiat Doblò Cargo tem baú com 3,2 m3 de volume interno e capacidade de carga de 620 kg. Com 4,52 m de comprimento e 2,56 m de entre eixos, o modelo pode dispor de ar condicionado, direção hidráulica, portas deslizantes dos dois lados, HSD (ABS+Airbags), vidros, trio elétrico, CD player, faróis de neblina, entre outros.

O Peugeot Partner tem 4,13 m de comprimento e capacidade para 800 kg de carga. A marca não informa o volume interno do baú. Ar condicionado e porta deslizante do lado do passageiro são os únicos opcionais, além de cor metálica. Direção hidráulica e regulagem interna da altura dos faróis são itens de série.

doblo-partner-kangoo-3-620x433 Fiat Doblò, Peugeot Partner e Renault Kangoo: entregar pequenos volumes é com eles

Por fim, o Renault Kangoo transporta 705 kg de carga no baú de 2.800 dm3. O modelo tem 2,60 m de entre eixos e 4,10 m de comprimento. Ele está disponível com ou sem porta lateral deslizante. Ar quente, ar condicionado e direção hidráulica podem ser adquiridos. O modelo também tem regulagem elétrica dos faróis.

No mercado, o Fiat Doblò Cargo tem preços sugeridos de R$ 40.460 para a versão 1.4 e R$ 45.300 para o 1.8. O Peugeot Partner custa a partir de R$ 39.950. E finalmente, o Renault Kangoo tem preços de R$ 37.390 e R$ 39.090, respectivamente sem e com porta lateral deslizante.

Vai entregar pequenos volumes ou realizar serviços diversos? Então estes três comerciais já podem constar em sua lista de opções.

COMPARTILHAR:
  • Juniorfillingam

    Primeiro a Fiat deve atualizar o Doblo pq está muito velho e carrega menos carga entre os três, velho de mais o Doblo. E depois não gostei de bloqueio dos comentários do JABA do Banco Itaú, as empresas sabe q o site bomba, mas deveria deixar o povo comentar.

    • PabloBahia

      O Dobló merece ser substituído mesmo, já deu o tempo. Agora, eu ando em um todo dia, e te digo o motivo de ele carregar menos bagagem atrás: O espaço na frente, tanto para as pernas quanto da cabeça para o teto ( inclusive tem um porta objetos grande lá em cima ). É um ótimo carro, mas os preços cobrados extrapolam a racionalidade. Se eu tivesse que escolher um para TRANSPORTAR CARGA, iria de Kangoo

      • mademg

        Acho que não me fiz enterder: nunca troquei pastilhas em nenhum carro meu, caso ficasse mais que os 60.000 Km com certeza mais para a frente necessitaria troca. O uso era particular, mas na maioria das vezes são utilizadas por motoristas ( cavalo alheio, espora e reio). Gosto muito da Doblò e compraria outra tranquilamente, não é para se comparar aos outros furgões, na minha opinião.

    • Landrutt

      O Doblò é mais novo que os dois concorrentes da Peugeot e Renault. O Fiat chegou ao Brasil em 2001/2002, já o Kangoo é de 1999 e o Partner, que nada mais é do que o finado Citroën Berlingo com outro símbolo, chegou, se eu não me engano, em 1998…pelo menos o Berlingo chegou nesse ano e acredito que o Partner não tenha demorado muito mais. Vale lembrar que nenhum dos três sofreu alterações profundas ou recebeu nova geração desde o início da comercialização deles no país, apenas face-lifts superficiais.

    • DiMais

      antes dele virá a Fiorino baseada no Uno, e além do mais, o Doblò é o mais vendido da categoria então a Fiat não se preocuparia muito em gastar tanto num carro que foi remodelado faz pouco tempo (em relação à concorrência) além do baixo volume de vendas da categoria.

  • erickluuh

    Kango Por favor, rs

  • carlosph

    E a Fiorino?

  • anderson_sp

    Faltou a gambiarra que os Correios estão usando que seria uma Montana + Baú:
    http://4.bp.blogspot.com/-cMNLj0tk2JM/Tv9-LV1xaZI

    Essa aí é das antigas, tem as mais novas rodando…

    • danieldourado_2

      Tinha uma notícia aí que os correios compraram uns 1000 Renault Kangoos…

    • PabloBahia

      Montana Combo!

      • anderson_sp

        Valeu pela info, nem sabia o nome.

  • giodoesitbetter

    Ainda não sei porque compram a Fiorino 1.3 a preço de Kangoo 1.6.

    • danieldourado_2

      PQ Fiat é bom, e Renault é francês, vagabundo.

      • tiago90j

        acho que eh a manutencao mais em conta.

        • Renan21

          Com certeza. Esses tipos de carro ficam na mão de funcionários que na sua grande maioria não quer nem saber de nada e arromba com o carro.
          Intão quanto mais barata a manutenção, melhor.

        • DiMais

          Não sei se mais em conta, mas a Fiat tem concessionárias em muito mais cidades que a dupla Renault/Peugeot e isso para empresas é essencial, pois em caso de problemas com os carros fora da cidade de origem é mais fácil encontrar uma concessionária Fiat.

          Na empresa que trabalho foram compradas 2 Doblòs para realizar assistência técnica de equipamentos, e esses carros não tem parada, estão na estrada todos os dias, é uma escolha racional não simplesmente fria por analisar apenas números.

      • Granma

        vagabundo !! kkkkkkkkkkkkkkkk Esses car.as sao f@@

    • Stark

      Questão de marca, facilidade de concessionárias, manutenção mais fácil, evita possíveis dores-de-cabeça, etc;

  • evaldoavelar

    O Doblò é o menos feio dessa turma, e ao que parece, o que tem mais equipamentos de segurança e conforto.

    • giodoesitbetter

      É o mais caro e de menor motor, carga e pontos de acesso.

      • PabloBahia

        Ele pode ser equipado com as portas laterais de ambos os lados, é só você ler o texto com atenção. O motor 1.8 também é o mais potente dos 3, e é o único que dá a opção de escolha de 2 trens de força para o cliente, concordo com o preço desleal.

  • MuriloSoares

    1° Doblo – Posição de dirigir, mais semelhante a um carro, muito mais estabilidade que Kangoo, só que a básica deveria ter o motor 1.6, não o 1.4.
    2° Kanggo, Preço, anda bem com o 1.6, só que de estabilidade, é melhor não abusar mesmo (Possuo uma na Empresa)
    3° Partner, desconheço, nunca andei em uma. Mas normalmente Peugeot a manutençãó é mais cara e mais frequente.

  • Daniel Ramos

    Eu acho que são carros com algumas caracteristicas interessantes, o doblo por exemplo eu acho que é um patamar acima que o kangoo e patner, mais não é muito diferente….o preço é paracidissimo…o patner eu ja dirigi um , é um carro bem confortavel e bom de de dirigir, anda até que bem com seu motor de 113cv…enfim, são carros diferentes e iguais ao mesmo tempo, vai depender da necessidade e condiçóes de cada um.

    • gcarlos

      Realmente, os preços são PARECIDÍSSIMOS, o q mostra q as outras (FORA AS 4) não vieram pra competir e sim pra ´´dividir o bolo´´. javascript:%20postComment(1);

  • Geanmatheus
    • giodoesitbetter

      E esse:

      <img src=http://images.theautonetwork.co.uk/res/images/articles/peugeot-partner-tepee_400x0.jpg>

      • Juniorfillingam

        era disso q eu falei no inicio do post, atualização geral… o Brasil merece em todos os níveis, não trouxeram o freemont caro mas top, merecemos sim carros atualizado e com preço justo e não com valores lá espaço.

  • mademg

    Vendi meu Doblò com 60.000 Km para não trocar correia, depois mais pra frente viria pastilhas, etc…detesto levar carro em oficina. Se fosse uma e-torq, ficaria um pouco mais com ela. Vi num site parceiro que estão testando Doblò 1.8 turbo…vamos ver a aplicação.

    • PabloBahia

      Rapaz, nem fale, taí um carro que GASTA MUITO os componentes do sistema de freio, o Dobló! Troca de pastilhas é bastante frequente, sei bem como é, o peso dele colabora muito, e quem trabalha com o carro, e passa o dia todo rodando nele, o desgaste é certo! Luzes também dão problema nos Fiat's. No que eu ando o escape foi posto para a lateral esquerda por causa do kit gás após o eixo traseiro, foi necessário instalar uma placa metálica para dificultar a passagem de calor do escapamento para o tanque de combustível.

      • mademg

        Acho que expliquei mal: eu nunca troquei pastilhas em nenhum carro meu, já troco os carros até os 60.000 Km para evitar manutenção. Se o Doblò que tive fosse e-torq, prolongaria mais o uso dela, que na minha opinião é um automóvel/utilitário muito bom, apesar da aerodinâmica sofrível característica, até para compensar a grande desvalorização. Pretendo comprar outra, apesar de não necessitar mais, a família já se espalhou.

        • PabloBahia

          Eu entendi, mas foi como eu disse, o carro que trabalha comigo roda todo dia, e longas distâncias, logo o desgaste dele ( principalmente nesse sistema de freios ) é muito maior.. .Além disso tudo, é um modelo 2006. Mas eu não tenho do que reclamar, virei fã do Dobló!

      • sergio

        FIAT (tadução)
        Fui iludido, agora é tarde!

  • MecanicoDigital

    Sou muito mais qualquer um desses do que uma Fiorino.

  • jkpops

    Trabalho com uma fiorino . é um carrinho bom somente no quesito manutenção confiável e barata mas conforto é zero a dirigibilidade não é das melhores pois alem do baú comprometer a visão os retrovisores tem muitos pontos cegos não é difícil ver fiorinos com batidas bem no meio da carroceria se eu tivesse grana optaria por um doblo ou um cangoo partner é muito complicado manutenção cara e muitas peças importadas ….

  • CALS1000

    O Peugeot Partner com A/C é mais barato que o Renault. O Doblo nem se fala… A FIAT deve vender tanto FIORINO e DOBLO que nem se interessa em dar desconto… Tenho um Partner, e é só alegria. Baixíssimo custo de manutenção. Frente é baixa e sempre bate. tem que ter cuidado. Carro bem leve para o motor…

  • Silbenster

    Boa tarde
    Sr. Usuários.

    Passando apenas para corrigir informação que o Kangoo carrega apenas 705kg, ele carrega 800kg de carga.

    Um abração!

  • Alessandro

    Estou pensando em comprar um Partner 2009; vale a pena?

  • Marcio

    Demorei a decidir para a minha empresa, mas acabei optando por uma Kangoo……….38.000,00 sem portas laterais, mas com ar e direção.

  • edmilson

    qual o comprimento real no compartimento de carga da doblo cargo? preciso saber se serve para carregar os itens que tenho necessidade.

Quem somos

O Notícias Automotivas é um dos maiores sites automotivos do Brasil, trazendo todas as novidades sobre carros por mais de 11 anos. Saiba mais.

Notícias por email